Brasil asfixiado e sem vacinas conta seus mortos, e Bolsonaro se diverte

Brasil asfixiado e sem vacinas conta seus mortos, e Bolsonaro se diverte

Ao lado das imagens dos pacientes sem oxigênio morrendo asfixiados em Manaus, o que mais me chocou esta semana, exatamente pelo contraste, foi o ambiente festivo da churrascada oferecida por Jair Bolsonaro a seus cupinchas em Brasília. Não sei se vocês repararam na cara de felicidade do nosso chanceler, Ernesto Araújo, quase em êxtase, puxando o coro de “Mito!” para o chefe e gargalhando quando ele começou a xingar os jornalistas, como se estivessem numa reunião do PCC nas quebradas…

Leia Mais Leia Mais

Enfim, uma boa notícia: entra no ar campanha pró-vacinas e contra fake news

Enfim, uma boa notícia: entra no ar campanha pró-vacinas e contra fake news

Até aqui, as redes sociais foram dominadas pela fábrica de desinformação e negacionismo dos robôs humanos bolsonaristas contra as vacinas, qualquer uma, principalmente a sino-brasileira CoronaVac, do Instituto Butantan/Sinovac, responsável pelo fornecimento de 80% de todas as doses já distribuídas no país. . São essas fake news que explicam por que um em cada quatro brasileiros ainda se recusa a ser vacinado, segundo o Datafolha. Colunistas do UOL Por isso, lancei aqui a ideia na coluna do dia 14 de…

Leia Mais Leia Mais

Jair Jim Jones volta a pregar o suicídio coletivo no discurso em Sergipe

Jair Jim Jones volta a pregar o suicídio coletivo no discurso em Sergipe

“Digo a vocês, não me importo de quantos gritos vocês tenham que ouvir, não importa quanto choro agonizante. A morte é um milhão de vezes melhor do que mais 10 dias desta vida. Se vocês soubessem o que está adiante de vocês… se soubessem do que está diante de vocês, ficariam felizes de estarem partindo este noite” (palavras do pregador americano Jim Jones, na noite de 18 de novembro de 1978, em que levou ao suicídio coletivo 909 fiéis (304…

Leia Mais Leia Mais

Está tudo dominado: Bolsonaro se prepara agora para controlar o Congresso

Está tudo dominado: Bolsonaro se prepara agora para controlar o Congresso

Sob o comando do general Luiz Eduardo Ramos, da secretaria de Governo, as tropas do Centrão avançam pelo Congresso e se preparam agora para assumir também o comando da Câmara, com o deputado Arthur Lira (PP-PI), a última instituição que ainda não estava sob o controle do governo. Para quem já tinha maioria no STF (Supremo Tribunal Federal), manda na PGR (Procuradoria-Geral da República), na PF (Polícia Federal), na PRF (Polícia Rodoviária Federal), na CGU (Controladoria-Geral da União), na Abin…

Leia Mais Leia Mais

Mordomias do governo, 45 anos depois do Estadão, já não causam escândalo

Mordomias do governo, 45 anos depois do Estadão, já não causam escândalo

Faz bastante tempo. Em 1976, o diretor de redação do velho Estadão (o jornal “O Estado de S. Paulo”), Fernando Pedreira, me passou um exemplar do “The New York Times” com uma extensa reportagem do correspondente do jornal em Moscou sobre a boa vida e os privilégios dos superfuncionários do governo comunista na hoje extinta União Soviética. “Aqui no Brasil está acontecendo a mesma coisa, os mesmos abusos, talvez até pior. Levanta isso pra mim, não tem pressa”, encarregou-me o…

Leia Mais Leia Mais

Pazuello envergonha militares, mas ele é só o bode expiatório de Bolsonaro

Pazuello envergonha militares, mas ele é só o bode expiatório de Bolsonaro

O ex-capitão Jair Bolsonaro, aposentado pelo Exército aos 33 anos, gosta de se apresentar como militar, quando lhe interessa, mas os militares não estão gostando nada disso. O fracasso da dupla Bolsonaro & Pazuello, um general da ativa, especialista em logística, no combate à pandemia da covid-19 está indo para a conta das Forças Armadas, que se mantém em obsequioso silêncio, mas a insatisfação da tropa está crescendo silenciosamente com as últimas lambanças, deixando envergonhados os militares profissionais, estudiosos, competentes…

Leia Mais Leia Mais