Brasil, últimos dias: como vivem as crianças no país dos horrores

Brasil, últimos dias: como vivem as crianças no país dos horrores

“É hora de dar um basta à imbecilização da sociedade. Me oponho à cafajestização do homem brasileiro”. (Caetano Veloso, no grande ato dos artistas pró-Haddad nos Arcos da Lapa, no Rio, na noite de terça feira).  

***

No Brasil de Temer, não só é difícil arrumar trabalho, mas também conseguir receber por serviços já prestados.

É assim hoje, mas sei que pode ficar muito pior.

Por isso, me atrasei para atualizar o blog.

Só agora, mais de seis da tarde, consegui um tempinho pra cuidar do Balaio e moderar comentários, o que também não é nada fácil nem agradável.

É inacreditável o que tenho recebido de mensagens com sandices, agressões, mentiras e boçalidades em geral, cada dia mais e pior.

Sem vontade de ficar dando murro em ponta de faca, e de falar para quem não quer ouvir nem consegue entender, pensei em não escrever nada, mas por sorte recebi um texto da minha filha mais velha, a também jornalista Mariana Kotscho.

Em poucas palavras, ela conseguiu resumir o que também sinto e penso sobre o momento que estamos vivendo, tão bem definido por mestre Caetano na epígrafe deste texto.

O acelerado processo de imbecilização e de cafajestização já está atingindo até as crianças, como Mariana retrata no texto que lhe pedi licença para reproduzir abaixo.

***

Tem criança chamando o amiguinho de comunista fdp.

Tem criança dizendo que vai aprender a atirar.

Tem menino de 5 anos dizendo que é macho.

Tem criança ameaçando o colega de morte.

Tem criança xingando professora.

Tem criança estragando a lição de casa da amiga que escreve sobre democracia.

Tem criança empurrando a outra na escada porque estava de blusa vermelha.

Tem criança com medo de ir para a escola.

Tem mãe de criança sendo expulsa do grupo de whatsapp.

Tem criança dizendo que gay tem que morrer.

Tem criança dizendo que homem é mais importante que mulher.

Tem criança dizendo que negro não trabalha.

Tem criança repetindo tudo o que os adultos dizem.

Tem criança chorando.

Tem crianças sofrendo.

São crianças.

É este o Brasil que você quer?

Qual Brasil você escolhe?

O das armas ou o dos livros?

O da bicicleta ou o do tanque de guerra?

O dos afetos ou o da intolerância?

O da transparência ou o do fake news?

O que conversa ou o que grita?

O que quer debater ou o que se esconde?

O do respeito ou o do ataque?

O da democracia ou o da ditadura?

O da sabedoria ou o da ignorância?

O que inclui ou o que exclui?

O da igualdade ou o do preconceito?

O do amor ou o da tortura?

O da luta ou o da guera?

O do diálogo ou o do monólogo?

O de um presidente ou o de um tirano?

Em frente à urna, a decisão é só sua.

***

Pense nas crianças do Brasil.

Faltam apenas 4 dias.

Vida que segue.

 

37 thoughts on “Brasil, últimos dias: como vivem as crianças no país dos horrores

  1. José Bonifácio de Andrade e Silva, um dos demiurgos do Brasil, talvez o mais importante e visionário deles, sobre as crianças: “Perguntas se as crianças estudarão? Respondes, primeiro, se as crianças já comeram”. E definiu melhor do que ninguém o ambiente cultural do Império que tanto a República Velha quanto a Nova herdou: ” Os brasileiros mostram altivez nas baixezas, amor-próprio nas bagatelas e obstinação em puerilidades”. Nada de novo no front. Exceto o passado, muito mal passado. As crianças da Mariana testemunharam vivamente o fracasso da nossa geração mencionado em uma das postagens mais recentes do dono do Balaio.

  2. É isso aí, Mariana, enfrentar e vencer o ódio até domingo, escancarando-os desumanos:
    Haddad é Razão, Bolsonaro Força
    Haddad é Luz, Bolsonaro Escuridão
    Haddad é Liberdade, Bolsonaro Prisão
    Haddad é Pomba, Bolsonaro Urubu
    Haddad é Paz, Bolsonaro Guerra
    Haddad é Amor, Bolsonaro ódio
    Haddad é Berço, Bolsonaro Caixão
    Haddad é Vida, Bolsonaro Morte

    Haddad é Massa, Bolsonaro Músculo
    Haddad é Cérebro, Bolsonaro Figado
    Haddad é Finta, Bolsonaro Dividida
    Haddad é Soma, Bolsonaro Divisão
    Haddad é Tolerância, Bolsonaro Prepotência
    Haddad é Diálogo, Bolsonaro Ordem
    Haddad é Solução, Bolsonaro Confusão
    Haddad é Fé, Bolsonaro Faca Amolada

    Haddad é Tênis, Bolsonaro Coturno
    Haddad é Rock, Bolsonaro Marcha
    Haddad é Livro, Bolsonaro Arma
    Haddad é Sonho, Bolsonaro Pesadelo
    Haddad é Cesta, Bolsonaro Aro
    Haddad é Gol, Bolsonaro Expulsão
    Haddad é Fato, Bolsonaro Fake News

    Haddad é Polícia, Bolsonaro Milícia
    Haddad é Política, Bolsonaro Polícia
    Haddad é Argumento, Bolsonaro Pau-de-Arara
    Haddad é Lei, Bolsonaro Tortura
    Haddad é Constituição, Bolsonaro Posto Ipiranga
    Haddad é Democracia, Bolsonaro Ditadura
    Haddad é Esperança, Bolsonaro ???

    1. Caro amigo estou contigo e no fundo tenho uma esperança que teremos o nosso país de volta.Digo o país que Haddad quer nós dar de volta. Vamos que vamos

    2. Haddad é esperança, Bolsonaro, abismo! Meu mano: de pé, aplaudo texto de Mariana Kotscho e comentário seu. Se Kotscho permitir, seja esse monumental texto do francês Victor Hugo uma justa homenagem a voce e Mariana:

      O Homem e a Mulher.
      O homem é a mais elevada das criaturas.
      A mulher, o mais sublime dos ideais.
      Deus fez para o homem um trono; para a mulher fez um altar.
      O trono exalta e o altar santifica.
      O homem é o cérebro; a mulher, o coração. O cérebro produz a luz; o coração produz amor. A luz fecunda; o amor ressuscita.
      O homem é o génio; a mulher é o anjo. O génio é imensurável; o anjo é indefenível;
      A aspiração do homem é a suprema glória; a aspiração da mulher é a virtude extrema; A glória promove a grandeza e a virtude, a divindade.
      O homem tem a supremacia; a mulher, a preferência. A supremacia significa a força; a preferência representa o direito.
      O homem é forte pela razão; a mulher, invencível pelas lágrimas.
      A razão convence e as lágrimas comovem.
      O homem é capaz de todos os heroísmos; a mulher, de todos os martírios. O heroísmo enobrece e o martírio purifica.
      O homem pensa e a mulher sonha. Pensar é ter uma larva no cérebro; sonhar é ter na fronte uma auréola.
      O homem é a águia que voa; a mulher, o rouxinol que canta. Voar é dominar o espaço e cantar é conquistar a alma.
      Enfim, o homem está colocado onde termina a terra; a mulher, onde começa o céu.

      Victor-Marie Hugo (26 de fevereiro de 1802, Besançon / 22 de maio de 1885, Paris). Romancista, poeta, dramaturgo, ensaísta, artista, estadista e ativista de grande atuação pelos direitos humanos.

  3. Era o que faltava. As crianças. Só agora que professor é agredido. Só agora que meninos batem em meninas. Só agora que as crianças repetem o que os adultos dizem. Só agora que se empurra na escada. Só agora que a esquerda tomou ciência que não comandam o coração e mente dos cidadãos. A retórica do medo não deu certo. Mais hoje e a única coisa que conseguem fazer.. Deixo a fala de Mano Brown: “A comunicação é a alma. Se não está conseguindo falar a língua do povo vai perder mesmo. Falar bem do PT para a torcida do PT é fácil. Tem uma multidão que não está aqui que deveria ser conquistada”. Infelizmente o fanatismo e alienação não deixam Mano como os textos daqui nos últimos meses servem apenas para a plateia dos petistas. Vida que segue

  4. Nesse mesmo ato,o Mano Brown abriu seu “coração” e teve a coragem de dizer umas verdades a respeito da política e do PT!.E na rádio CBN,o candidato disse:” ..o Mano Brown tem razão,temos que ir nas periferias das grandes cidades e falar a linguagem do povo…”!.

  5. Dias…Bolsonaro é presidente de todos,eleito de forma democrática pela maioria.Restou esta última opção entre lula -haddad,Haddad-Lula e o capitão.

  6. Tem criança obrigada a ver cenas de tortura às 10:00 da manhã.
    Tem criança obrigada a repetir frases que nem entende.
    Tem criança que cresce em corpo, mas não em mente e se autoflagela com uma suástica.

  7. O mundo adverte para o precipício brasileiro, pois a candidatura da extrema-direita utiliza uma arma poderosa e jamais vista, vale dizer, o experimento articulado da barbárie atual por excelência: o estado de exceção dentro do estado; a TV religiosa corrupta e multibilionário e a replicação autoproliferante, sob encomenda empresarial, de fake news destrutivas. Esperar que venha investimento para cá com esta constelação é de uma estupidez a toda prova.

  8. Boa Dia Kotscho! Pela demora da publicação do seu texto, acreditei que tinha desistido de escrever primeiro do que eu,mas não,pelo que vi voçê só estava buscando inspiração para escrever um dos textos mais triste e ao mesmo tempo brilhante que já li, parabéns!
    “Não basta que seja pura e justa a nossa causa, é necessário que a pureza e a justiça existam dentro de nós.” Agostinho Neto
    Não podemos jamais roubar a inocência e pureza de nossas crianças!!!
    Para alguém como voçê que está na luta desde 64,já deveria ter acrescentado ao seu sobrenome as palavras “Resistência “e “Esperança” que viraram sinônimo de Kotscho!
    Força amigo, estamos junto na resistência!!

  9. Kotscho, escrevi q o jogo sujo é dos 2 lados, ontem vimos a perícia da menina q se autoflagelou fazendo uma suástica, acusando apoiadores do Bolsonaro. Ônibus em Salvador BA rodando com adesivos do PT, empresários dizendo q foram coagidos a fazer. 5 pessoas detidas no Rio por espalhar cartazes mentirosos sobre o Bolsonaro.
    Mas o perigo é Bolsonaro, pq do outro lado está o honesto, a paz, a luz….
    Sou chato pq escrevo o q vai contra sua opinião.
    247, DCM….. todos me consideram chatos tbm, tanto q sou bloqueado, aliás, bloqueiam todos q não dizem amém ao lula, ao PT. E gritam por democracia!!!! Viva a democracia (vc não, vc não é petista)!!!! Democracia para todos…. os petistas!!!
    Eleição definida, Bolsonaro já fazendo transição, o jogo já veio definido, era fácil vencer. Mas vc tentou, eu acompanhei, 2022 tem mais.

  10. Kotscho, mesmo que involuntariamente esse seu texto acaba dando razão ao Mano Brown, porque você está pregando somente para os convertidos…Só falta você dizer que todos os fatos lamentáveis descritos por sua filha são culpa do Bolsonaro! Mano Brown foi muito lúcido em sua fala ao dizer que não acredita que pessoas que sempre o trataram bem se tornaram fascistas de uma hora para outra só porque votam no estúpido e tosco adversário do Haddad! Isso é de uma obviedade imensa e me espanta que grande parcela da esquerda pense desta forma, além de pensarem também que Bolsonaro só vencerá as eleições por causa das fake news, outra ingenuidade, para não dizer canalhice intelectual…Esta parcela da esquerda não quer encarar os fatos como eles de fato são, talvez porque os fatos sejam muito feios. A realidade brasileira está bem mais complexa do que tanto a esquerda quanto a direita querem nos fazer crer! Bolsonaro não criou nada, ele é apenas o triste e sombrio resultado de um contexto que está sendo moldado, para ficarmos apenas na história recente do Brasil, desde o início do mensalão petista…

  11. Ilustre jornalista,tenho uma ligeira impressão de que o Fernando Haddad está aos poucos desvinculando-se da figura do líder -Lula.Reconhecer erros(perfeito apenas Jesus Cristo) não é para todo mundo!.Desta forma,o Fernando Haddad age com humildade e coragem.Quem sabe,não tenhamos um novo LÍDER no PT()!.

  12. Nossos aplausos a Caetano veloso e Mano brown e a periodista Lucena. Nao esperava outra coisa deles.
    Em politica administratraçao publica é assim. Dizia Tancredo neves que nao se faz politica sem vitimas.
    Precisa trocar em miudos.
    Politica do ponto de vista do presidente e do legislativo é como dirigir um time de futebol.
    Tem os que serao escolhido (s) titular (es) e tem quem vai ficar no Banco. Os recur$o$ tecnicos no jogo e financeiros na adm publica são limitados. As vezes muito limitados.
    E a DIVERSIDADE dos jogadores é um dado da realidade, e preciso respeita-la. Mas o jogo precisa ser ganho por todos e vez em quando poderá ate haver bom empate.
    Quando nao o jogo, a competição TODA é que importante ser ganha.

  13. Queria me despedir deste blog magnífico. Foi uma honra ter participado com “pequenas” inserções; não tenho, por ora, as melhores condições de saúde para continuar, meu vizinho de longa data já vinha me ajudando no arremate das últimas intervenções.
    Pela primeira vez na vida não sei o que desejar para todos, com receio do que possa vir por aí. O Brasil é maior do que o seu retrocesso em curso acelerado, é só o que me ocorre.

      1. Serena é inspirador ter pessoas como voçê ao nosso lado,vou entender esta sua despedida como um até logo!
        Torço por sua breve recuperação e estaremos todos no aguardo do seu proximo comentário.
        Força amiga, estamos juntos na resistência!!!

  14. Apelar para as crianças é mais fácil que reconhecer os próprios erros. Vergonhoso demais esse tipo de apelo, perigoso até.

    Erros de todos nós adultos, que escolhemos os governantes errados. Projetos corruptos de todos partidos praticamente, lutando para se perpetuar no poder.

    Tem gente fazendo terra arrasada antes mesmo do maremoto chegar, vejo isso como atitude precipitada. Se o candidato do estabelecimento de fato for ungido pelas urnas, ou ele dança conforme a música ou vai trilhar caminhos semelhantes a Collor, Dilma e companhia limitada.

    Mano Brown está com toda razão, seu partido errou feio novamente e não está falando a língua do eleitor. Poderá pagar caro por esse erro, mais caro ainda por se recusar a ouvir o aquilo que a oposição está jogando na cara do PT.

    Todos dizendo as palavras de Brown para ouvidos surdos, precisou vir uma figura proeminente do próprio partido que é preto e pobre. Do capão redondo, fez a vida com muita luta. Sou fã incondicional dos extintos Racionais MCs desde seu primeiro disco.

    O voto popular tão sonhado da Democracia, está próximo e toda essa retórica vai ficar no passado. Que os derrotados reconheçam seus erros, voltem para suas bases e recomecem a reconstrução; ao invés de questionar a resposta da urna que só faz enfraquecer a nossa tão frágil Democracia.

    Só espero que não entremos em uma noite sem fim…

  15. Por lapso faltou dizer, ao comentópico acima,
    que a razao disso tudo tende a ser basicamente a escassez.
    Ha esca$$ez de recursos, tanto recursos tecnicos no jogo e no elenco, como na administraçao publica que vai sempre intermediar os conflitos…

  16. Caro Kotscho, Mariana que é xara de minha filha que TB admiro muito é que as crianças TB estão falando de corrupção que aniquila o seu futuro. Chega de defendermos legados de políticos e partidos políticos metidos em esquema de corrupção até o pescoço. PT PSDB PMDB PCdoB PDT e por aí vai. Quem está vencendo as eleições é o antipetismo dando uma surra eleitoral no maior político do Brasil que graças ao judiciário junto com a opinião pública está preso para o bem do nosso país, é melhor aceitar que doi menos

  17. Caro Kotscho ,
    A manipulação das massas de forma subliminar e inescrupulosa pelas redes sociais terá sérias consequências , pois a emoção supera a racionalidade , com milhares de fatos e fotos distorcidos e tudo isso gerará uma conta alta e danosa para toda a sociedade , fragilizando a democracia . Mas parece que é isso mesmo que o sistema ou o “mecanismo “ querem , uma eleição hackeada , campanhas infames , aberrantes apologias , retóricas alucinantes, diálo –
    gos inexistentes , e tantas barbaridades mais .

  18. Meu caro padrinho de formatura (já se vão 27 anos que me formei em Jornalismo, na UFG, e que vc comeu na minha casa uma muqueca das boas). Acho que Caetano resumiu muita coisa nesse termo “cafajestização”. Estamos vivendo a cafajestização da política, das lutas sociais, dos direitos humanos, das pessoas, das causas, do jornalismo e da comunicação. Temos de dizer um grande e sonoro NÃO a isso. Temos 4 dias para nos unirmos em torno da luta pela democracia. Grande abraço de esperança e de resistência.

  19. Kotscho amigo,
    uma alegria ver que Mariana também tem a mesma capacidade que o pai de transformar a realidade em palavras claras, diretas e belas (embora sim cruéis na coluna da direita). Leio sempre tua coluna, embora não tenha me animado a fazer comentários ultimamente. Mas, não é hora de indiferença ou isenção. O momento exige coragem e empenho. Obrigado a você e a Mariana que me provocaram a necessidade de expressar também hoje meu apoio à democracia e à justiça social.
    Se algum dia se sentir desanimado, peça a Mariana para preencher este espaço de liberdade com mais uma declamação. A você e a Mara nosso carinho e nossa amizade, sempre, POC

  20. Eu assistia vc no Jornal da Record News com o Heródoto Barbeiro, vc não esta em nenhuma TV no momento?, só vai de blog? è isso, bom ver suas matérias novamente, parabéns pelo seu trabalho, paz e bem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *