Exército compra duas toneladas de caviar, camarões e bebidas: a festa continua

Exército compra duas toneladas de caviar, camarões e bebidas: a festa continua

Acabei de ler no UOL, em matéria de Leandro Prazeres, às 11h47:

“Em meio a restrições orçamentárias do governo federal, o Comando Militar do Leste, vinculado ao Comando do Exército, realiza uma licitação estimada inicialmente em R$ 6,5 milhões para a compra de mantimentos que incluem uma lista de produtos refinados e bebidas alcoólicas.

Entre os produtos licitados estão duas toneladas de camarão, 109 potes de caviar e milhares de garrafas de bebidas alcoólicas, como vinhos nacionais e importados, uísque, cachaça e espumante. Questionado pela reportagem, o Exército disse que esses artigos serão destinados ao abastecimento dos restaurantes e bares de dois hotéis da corporação no Rio e serão vendidos aos hóspedes”.

Há notícias que dispensam comentários.

Só acho que deve ganhar muito bem essa gente fina que frequenta os restaurantes e hotéis da corporação.

Não é coisa para qualquer bico.

Vida que segue.

 

 

37 comentários em “Exército compra duas toneladas de caviar, camarões e bebidas: a festa continua

  1. Matéria pela metade!
    Quem se diz jornalista precisa se aprofundar para informar.Tudo que é comercializado dentro das Organizações Militares,e nisso entra até os serviços médicos que são indenizados pelos militares nos hospitais da corporação,o aluguel das moradias funcionais que os militares ocupam nas vilas militares, as indenizações de perdas e danos de materiais da fazenda nacional ,entre muitos outros,compõem uma rubrica financeira chamada Fundo do Exército,que fazem o caminho inverso do dinheiro,é o recurso particular que se torna público e é controlado como qualquer recurso orçamentário,com ingerência do TCU e tudo mais.
    Para quem não conhece por exemplo o Hospital Militar de São Gabriel da Cachoeira -AM realiza 5% do atendimento para os militares e 95% para a população civil ,notadamente os índios e esse hospital foi equipado e é mantido,à exceção dos salários dos profissionais de saúde, com verbas do Fundo do Exército.
    Então Kotscho,a conta do camarão na moranga acompanhado do champanhe que eu irei degustar no meu aniversário de casamento lá em Itaipava no hotel do Exército vai certamente ajudar a custear o parto de uma adolescente índia no Amazonas.
    O Brasil está em crise,as Forças Armadas não!

      1. As Forças Armadas fizeram a lição de casa,os brasileiros não!

        Nem sei como me posicionar frente essa sua resposta.A reportagem original cita salmão,que é mais barato que alguns cortes de carne,vinho nacional,cachaça,cerveja e os outros itens que ¨assustam¨,109 potes de caviar,109 potes!Tudo para abastecer por 1 ano os restaurantes de 2 hotéis militares que recebem delegações estrangeiras e onde tudo que é consumido é indenizado,com lucro para o erário público.Impossível entender a motivação de tamanho espanto.E tudo feito dentro da lei.

        1. Ainda bem que tu está aqui pra nos explicar.
          Mas mais dúvidas ainda me assaltam, primeiro que é novidade para mim saber por ti que as for;as armadas são integradas por NÃO brasileiros !!!
          Outra: Se são exatos 109 potes de caviar (Por que não 100 ou 110 ???) fica evidente que já existe uma programação pré agendada e com lista prévia de comensais (comedores) da refinada iguaria, ou não ???
          E mais essa: De onde sai o dinheiro para pagamento dos soldos (salários para os mortais brasileiros) para que estes militares paguem suas despesas nessas festanças todas ??? Das tetas da nação ou da grama plantada nos quartéis ??? É dinheiro público ou não ???
          Como dizia um tal Raul, “Faça o que tu queres pois é tudo da lei, da lei…” (só que para alguns poucos, para a maioria não !!!)

          1. Já ia me esquecendo que segundo tua ressalva, na lista tem salmão também,
            e o povo comendo baiacú…

          2. Obrigado pela oportunidade ,mas o dinheiro dos salários do servidores públicos são pagos pela Estado brasileiro e não pela população,se existir algum depósito particular na conta de algum servidor é mutreta,é o mesmo Estado que remunera os aposentados por exemplo,sabia?Qualquer reclamação é com ele,tem inclusive um encontro marcado em outubro próximo .
            Mas esso não é o foco do assunto.

          3. “Mas mais dúvidas ainda me assaltam, primeiro que é novidade para mim saber por ti que as for;as armadas são integradas por NÃO brasileiros !!!”
            ———————-
            Como já disse anteriormente, moro em Resende-RJ, onde fica a AMAN (academia militar) e posso confirmar que tem estrangeiros que estudam junto aos brasileiros, a maioria é africano, sei q os salários e despesas são pagas pelo país de origem.

        2. Tá bom, Oromal, tá certíssimo: o Exército vai ser indenizado com lucro para o erário público, só tem gente honesta nas nossas forças armadas. Aliás, na ditadura militar não houve torturas, nem desaparecimentos, nem mortes ou corrupção, pois os desaparecidos foram abduzidos, os assassinados morreram de tédio, os torturados escorregaram na escada e corrupção nem existia, pois foi inaugurada pelo “Mensalão do PT”. Tá bom, Oromal, mas agora faça-nos o favor de ser abduzido pelo ET de Varginha e leve junto o Luis Carlos Velho, pois vocês dois juntos são demais pra nossos fígados.

          1. Everaldo outro dia já coloquei para vc a outra possibilidade que existia frente à ditadura,lembra?A Colômbia fez a opção pela normalidade institucional nos anos 60/70/80 ,só que o saldo já passa de 220 mil mortes causadas pela intransigência ideológica que ainda se arrasta por lá.Tem gente que não quis isso por aqui,é simples.
            Será que agora vc se posiciona levando em conta isso também?

      2. Ótima resposta, Koksho. Alguns setores, TEM GOSTADO muito do golpe. Continuam gostando. E alguns boçais ainda insistem em dizer que a coisa tá melhorando…..

  2. Caro Kotscho, algumas dúvidas me assaltam (além do Exército):
    Qualquer um sabe que camarão estraga em dois dias. Quem vai comer todas essas duas toneladas dos caros e apetitosos crustáceos ??? Quem vai encher a cara nos hotéis da corporação ??? Serão somente os ocupadíssimos oficiais ou os tais banquetes serão estendidos também aos campanhas que estão neste exato momento plantando grama e pintando o meio fio das calçadas internas dos quartéis ???
    Em tempo: Eu não sei o que é caviar, você sabe
    ???

    1. Nossa!Tamanha ig…,não tamanho desconhecimento é de espantar.Dá uma lidinha na lei 8666,de 21 de Junho de 1993,lei de licitações,a forma de compra é feita por empenho global,só é pago conforme o pedido vai sendo atendido,ou vc acha que quando uma escola compra pão para 1 mês,recebe tudo de uma vez?
      E mais espantoso é que já foi esclarecido que tudo isso é indenizado e retorna para os cofres público com lucro.
      Vão continuar tentando emplacar inverdades,mas as Forças Armadas do Brasil não são o Brasil vergonhoso que vocês conhecem e convivem.

      1. A filosofia dos mortadelas só resulta em Brigalhada. Quando raspam o fundo do tacho brigam porque um quer comer mais do que o outro. Quando partem a rapadura brigam, brigam de novo, pois um quer ficar com um pedaço maior do que o outro. Nós, o povão, ficamos no meio do furdunço. Teve uma presidenta, aí, que governou o país como se ela fosse a dona duma fazenda. Mas acabou isolada. Agora quer ressuscitar, politicamente, pelas bandas de Minas! Saravá masifiu!

    2. Enio, acredito q o fornecimento será anual e não tudo de uma x.
      Caviar é tipo um patê q se não tiver nada acompanhando na “torrada”, não tem gosto de nada. Colocam um cremezinho temperado na “torrada” e o caviar por cima, ai fica gostoso, mas graças ao cremezinho.
      Caí uma x no “golpe” da trufa, caro pra caramba com gosto de nada.
      Por ter rodado um pouco, te garanto q não tem NADA melhor q nosso amado alho.

      1. Tem razao Kotscho, o comentariro fugiu do assunto e nao ficou claro, “balta” e a alcunha daquele capitao do exercito a paisana infiltrado nas manifestacoes contra o impeachment da Dilma. Nosso “balta/ramorO” nem disfarca, vem fardado e juramentado, com a liberdade que tem no Balaio, joga em todas, ta mais contente que pinto no lixo.

      2. ¨Argumentum ad hominem (latim, argumento contra a pessoa) é quando alguém procura negar uma proposição com uma crítica ao seu autor e não ao seu conteúdo,é o desvio de atenção ao levar o foco da discussão para um elemento externo a ela, que são as considerações pessoais sobre o autor da proposição¨.

        Essa aula já foi dada aqui a dois ou três assuntos atrás e quanto ao everaldo ou o Enio se metem por esse meandro,nenhum problema,a novidade é o patrão também caindo nessa falácia,é preocupante por um lado, porém possibilita a que se possa inferir por outros caminhos .Percebe-se facilmente que o lado canhoto não foi só mais fraco fisicamente ao longo de nossa história,faltou também inteligência.

  3. Prezado Kotscho: O que será que o movimento dos bravinhos livres, aqueles da camisa e patinho amarelo que querem a intervenção militar, pensa disso?

    1. Pensando bem, que mundo ingrato não!
      Sou neto de uma analfabeta e viúva que não recebeu pensão do ex marido,filho de mãe semialfabetizada (4ª série) , pai funcionário público cujo último holerite estampou pouco mais de 2 salários mínimos e estou convidado para o regabofe da discórdia.

      Demorou mas consegui entender o conceito de casa grande/senzala . Foi preciso sentir na pele a discriminação,que coisa não!

  4. “Um grupo de extrema direita, apoiadores do pré-candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL), atacou a Vigília Lula Livre na noite da quarta-feira (13). A presença da Polícia Militar evitou confrontos. Mesmo assim, os “bolsominions” queimaram faixas e materiais da Vigília e picharam “Bolsonaro” no chão da praça Olga Benário.”
    https://www.esmaelmorais.com.br/2018/06/bolsominions-atacam-vigilia-lula-livre/
    ——————————————————
    Será necessário ter morte para a polícia agir? O PT não pode parar com as provocações e dar sossego aos moradores? Este acampamento não tem função alguma enquanto for feita por dezenas de pessoas, para ter resultado teria q colocar dezenas de milhares de pessoas.

  5. O Brasil é uma contradição em termos político administrativo.Determinados setores do governo gastando milhões e outros demitindo funcionários, supostamente para economizar verba e aplicar noutras áreas -É o caso do governador da Bahia -Rui Costa.Demitiu 2200 funcionários da Cesta do Povo-EBAL.Muitos dos quais CONCURSADOS e com mais de 20 anos na empresa.Em plena crise e DESEMPREGO!!!.Quando deveria distribuir esses funcionários noutros órgãos,onde há grande demanda por funcionários.

  6. Queria nossas forças armadas fossem para países em guerra para ajudar na paz, (SERÁ QUE OS VERDINHOS VÃO?????), ACREDITO QUE ELES PREFEREM TWITTAR EM HABEAS CORPUS.
    NÃO ESQUECENDO!!!!!! NO JULGAMENTO DOS GLOpistas (AÉCIO e TEMER) NÃO TEVE TWITTER, TALVEZ ESTAVAM OCUPADOS FAZENDO A LISTA DO MERCADO……quá quá quá

  7. Melhor seria utilizar os recursos com os pracinhas que lutaram na II Guerra Mundial. Muitos deles não estão sendo bem tratados e encontram-se mal remunerados. Independentemente de serem utilizados recursos próprios ou não, restituíveis ou não, ressarcíveis ou não, não há dúvida de que melhor seria para a imagem da verde-oliva seguirem o exemplo de Montgomery no comando do VII Exército do Deserto, que dispensava os almoços suntuosos para tomar uma limonada e um sanduíche sentado no seu jipe ao lado do seu ajudante de ordens. Caviar, definitivamente, não rima com Militar. Caviar rima com a turma do guardanapo do Cabral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *