Sem Neymar, Tite já começa a inventar: quem conhece Talisca?

Sem Neymar, Tite já começa a inventar: quem conhece Talisca?

Com Neymar fora de combate, Tite surpreendeu a torcida ao anunciar novos nomes na sua lista de convocados, a última antes da Copa da Rússia.

Estranhei porque uma das características do técnico da seleção é a sua previsibilidade, que sempre prezei.

Ao contrário de muitos de seus colegas, Tite não é de inventar moda, nunca se meteu a professor Pardal.

Escala um time, define o esquema tático de acordo com as características dos jogadores, e bota a moçada para correr.

Desta vez, confesso que não me lembrava ou não conhecia alguns dos convocados.

Entre os 25 convocados, dois a mais do que o habitual, encontrei um nome que me chamou a atenção: Talisca.

Tive que ir ao Google para ver de quem se tratava.

Anderson Souza Conceição, o nome de batismo dele, tem 24 anos, começou a jogar no Bahia, disputou o Brasileirão de 2013 e muito jovem foi vendido para o Benfica.

Está atualmente emprestado ao Besiktas, da Turquia.

A mais recente notícia sobre o jogador dá conta de que ele está sendo cobiçado pelo futebol chinês, que oferece R$ 98 milhões por seu passe, o que não é pouca coisa.

Com a frenética exportação de pé-de-obra do futebol brasileiro, só mesmo Tite, que roda o mundo para ver de perto jogadores nativos que saíram daqui meninos, pode avaliar as qualidades de cada um.

O único problema que vejo é chamar quem nunca jogou pela seleção pouco tempo antes da Copa para fazer só dois amistosos, contra a Rússia e a Alemanha.

Dificilmente Talisca será utilizado nesses jogos e sabemos que treinos não bastam para definir quem irá à Copa.

Tite chamou também Taison, do Shakthar Donetsk, jogador revelado pelo Internacional, e William José, do Real Sociedad, que andou pelo São Paulo (mais um ex-tricolor na seleção…).

Mesmo que Neymar não se recupere a tempo, parece improvável que os dois sejam convocados para a Copa.

Para que então chamar 25 jogadores se estes dois são os últimos amistosos da seleção?

Até aqui, Tite teve um comportamento impecável à frente da seleção. Não era hora de inventar.

Vida que segue.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

8 comentários em “Sem Neymar, Tite já começa a inventar: quem conhece Talisca?

  1. Pô Kotscho, sempre estou aqui a lhe elogiar, mas acredito que Tite só tem fechado, 16 jogadores, portanto há de se fazer alguns testes ainda. E Talisca joga muito mais do que os Diegos, William José e Taison. Esse Rodrigo Caio mesmo, joga o que? E Fagner? E olha que sou catolico, apostolico, baiano e corintiano.

    1. Caro Raildo, você tem toda a razão sobre o Rodrigo Caio, mas eu não me lembro de ter visto o Talisca jogar.
      Só acho que o Tite poderia testar quem já jogou antes no time dele. A não ser que surja de repente um novo Pelé…
      Grato pela participação, abraços, Ricardo Kotscho

  2. Caro Kotscho!
    A seleção da CBF é um balcão de negócios, talvez esta seja, se vier a jogar um dos amistosos, a última oportunidade do São Paulo se livrar do R.Caio, jogador que dita o rítmo indolente do time.

  3. Este técnico está sendo elogiado até pelo Pelé, que pra mim é o rei do futebol. Tal igual numa partida de sinuca, eu acho que sempre vencerá uma partida é o time que sabe melhor se defender. Tem a hora certa para atacar. A Alemanha fez isso nos 7 á 1. Os bobos dos brasileiros já esqueceram. Mente curta dá nisso. Muitas das vezes, um bom jogador, lá do gol, sabe comandar todo o time. Já fui um bom goleiro. Sempre existe um líder em campo. Repito: sempre tem uma estrela, em campo, que comanda toda a manada. Jogador ter porte atlético de estatura musculosa e alta, que nem os argentinos de antigamente, nem sempre é o suficiente. O segredo está é na cabeça.O bom técnico descobre rapidinho a característica principal do conjunto do time que vai comandar. A seguir, só acrescentando o papel do jogador-atleta. Apesar de não controlar bem as jogadas de bola alta, por isso não ser o melhor do mundo, o Neymar sabe liderar em campo e em qualquer disputa está sempre procurando trabalhar em equipe participando o tempo todo de cada jogada que acontece. Merece estar onde está!

  4. Tite deu uma de Felipão. Inventou na décima hora. Espera-se que não invente outra vez, na undécima hora. Afinal, os jogos são meros amistosos. Porém isso me lembra, a não convocação de Robinho, e mesmo Kaká ainda que bichado, para 2014. Estava claro que o time era Neymardependente. E se o Neymar quebrasse, como aconteceu com Pelé em 1962. Quem seria o Amarildo? Estava claro que Robinho ou Kaká (ainda que bichado) deveriam estar no banco para a eventualidade de Neymar ser substituído. Deu no que deu. O maior vexame de uma seleção de toda a história do futebol mundial. O time já mostrou que não é esse balaio todo quando pega uma seleção de tradição pela frente. O jogo contra a Inglaterra deu prova cabal das nossas limitações. Não espero nada além das quartas de final. Mas o Brasil não aguenta mais um vexame mundial. Melhor convocar o Ralf para fechar a casinha com o Paulinho, como o Corinthians fez no mundial de clubes. E jogar por uma bola só. Já estaria de bom tamanho para esses cabeças de bagre. Basta uma pergunta para comprovar que temos uma seleção de mequetrefes. Algum desses titulares do Tite (basta citar um) teria lugar nas canarinhos de 58, 62, 70, 78, 82, 94, 98 e 2002? Não cogito das outras, porque estavam todas abaixo da crítica, além de marcadas para morrer desde o início. Aqui entre nós, Talisca!? Tem dó.

  5. Mestre, opino não ser problema ter-se: Neto, Fagner, Rodrigo Caio, Filipe Luís, Paulinho, Taison, Renato Augusto, Fred, Douglas Costa, William José, Roberto Firmino e Talisca.

    Também não ser problema não ter-se: Allison, Daniel Alves, Marquinho, Geromel, Marcelo, Casemiro, Fernandinho e William.

    O problema é não ter-se: Ederson, Thiago Silva, Miranda, Arthur, Philipe Coutinho, Luan, Gabriel Jesus e Neymar.

    * Talisca de Tite é o Grafite de Dunga.

  6. Tite precisa de Neymar para trazer o caneco; Tite precisa de Neymar para ter um bode expiatório no caso de vexame. Tite terá boa parte da imprensa ao seu lado, levantando ou, perdendo a taça. Casa Grande & Cia. invejosa de ex jogadores, liderarão a guerra contra um menino de 26 anos, machucado e que se apresentará 26 dias antes da Copa. Política e futebol no Brasil são casos pra polícia. Que pena, não temos mais polícia, sequer “eleições honestas” na Fifa e no país do golpe. Taliscaram tudo, que m… A quem interessar possa, não bebo. Vai, Neymar… Casa Grande é o mimado da Globolixo. Ainda bem que há este espaço democrático do Balaio do Kotscho, que talisca uma daqui, talisca outra dali, e dá guarida a todas as opiniões. Vai, Neymar, por todos nós, talisca a Copa do Mundo. E cora(verbo corar) o Casa Grande. Ele vai querer beijar tua boca. Corra dele. Talisquei. Taliscado está. Será que a moderação taliscar-me-á? Valeu, Kotscho. Eis um comentário taliscado. Afinal, jornalista Ricardo Kotscho, quem é mesmo Talisca? Minha vó disse que é apelido do Casa Grande. Minha vó… bebe pouco.

  7. Qual é a pior seleção brasileira de todos os tempos? Ninguém teria dúvidas de responder que seria a seleção que engoliu sete chocolates com cinco gols em menos de doze minutos de jogo. Olhando bem, é quase o mesmo time que Tite vai colocar em campo. Os dois laterais que não marcam ninguém e amarelam todas as vezes que a onça vai beber água. Os zagueiros, sobretudo o Thiago Silva, não deveria sequer envergar a camisa da seleção brasileira depois do papelão-chorão em 2014. Que capitão do time é esse que chora na hora “G”? Paulinho é o melhorzinho pelo meio. Fernandinho é o maior cabeça de bagre que eu já vi jogar; muito pior do que Mauro Silva e Dunga, que nunca foram lá essas coisas. Coutinho e Jesus dão algum caldo, mas não teriam lugar em nenhuma seleção brasileira digna do nome. Sobra Neymar, que está distante de poder calçar as chuteiras de Romário, do Fenômeno e do Ronaldinho Gaúcho. Se os peladeiros mequetrefes endinheirados do Tite, com seu papo de linhas de marcação altas e baixas, chegar às quartas de final, já terá ido longe demais! O time é fraquinho, fraquinho. Mais fraco do que a seleção do Lazarone, que ficou no meio do caminho aos pés de Maradona. Se bobear, e não fechar a casinha do pé de veludo Thiago Silva, a vaca vai outra vez para o brejo. Ninguém aguenta mais outra chocolatada….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *