Governo e PT mais afastados; PSDB racha em SP

Governo e PT mais afastados; PSDB racha em SP

 

“Quem vai ganhar em 2018 é o Geraldo Alckmin. O povo não quer mais o PT. Lula está sitiado”.

O autor da declaração acima foi o pré-candidato João Doria, após votar na prévia do PSDB, dando o tom do que aconteceu neste final de semana na política, com todos já de olho em 2018.

Promotor de eventos e apresentador de TV, Doria acabou se tornando o pivô de um racha entre os caciques tucanos, que transformaram a disputa interna pela prefeitura de São Paulo numa queda de braço já com vistas à próxima eleição presidencial.

O governador Geraldo Alckmin resolveu bancar abertamente a candidatura do empresário, levando seu candidato a tiracolo no dia da votação, o que criou um clima de confronto com seguidores dos outros concorrentes, o vereador Andrea Matarazzo, apoiado pelo senador José Serra e pelo ex-presidente FHC, e o deputado federal Ricardo Tripoli.

Puxões de cabelo, pernadas, socos, calças arriadas, denúncias de compra de votos, urna quebrada, militantes na delegacia e um pedido de impugnação de Doria por abuso de poder econômico, valeu de tudo na prévia tucana. A apuração só acabou na madrugada desta segunda-feira. O candidato de Alckmin foi o vitorioso, com 43% dos votos, bem à frente de Matarazzo, que ficou com 32%. Os dois vão disputar o segundo turno no dia 20 de março.

Enquanto isso, o PT promovia seu encontro nacional no Rio, apagando velinhas no bolo de aniversário numa casa pegando fogo, em festa que se transformou num ato de desagravo a Lula e foi marcada pelo afastamento do partido do governo de Dilma Rousseff, que não apareceu no evento. Lula acabou sendo o único a defender a presidente.

Depois de fazer sua primeira defesa pública sobre as suspeitas de ter sido favorecido por empreiteiras em reformas de imóveis, com críticas à imprensa e ao Ministério Público, Lula admitiu sua candidatura em 2018: “Podem estar certos de que, se for necessário para a manutenção do projeto, estarei com 72 anos e tesão de 30 para ser novamente presidente da República”.

A nova pesquisa do Datafolha para 2018, a 32 meses das próximas eleições presidenciais, acabou servindo como um balde de água fria para todos os eventuais concorrentes e recomenda muita calma nesta hora.

Ninguém deveria sair cantando vitória, como fez João Doria, e nenhum dos nomes pode ser descartado. O jogo está aberto num cenário em que 19% dos eleitores não pretendem votar nos possíveis candidatos que apareceram até agora.

A rejeição de Lula chegou a 49%, mas o ex-presidente ainda se mantem na faixa de 20% de intenções de voto, apenas quatro abaixo de Aécio Neves, que caiu três pontos de dezembro para cá, e um na frente de Marina Silva. Diante dos outros tucanos, Lula leva vantagem: José Serra aparece com 15% e, Geraldo Alckmin, com 12% (caiu dois pontos em relação à pesquisa anterior). Quem subiu foi Jair Bolsonaro, do PP, que ficou entre 6 e 7%.

Os números do Datafolha e os eventos do final de semana mostram que PSDB e PT, os dois partidos que monopolizaram as eleições em São Paulo e no Brasil nos últimos 20 anos, estão numa encruzilhada, divididos e sem rumo, o que abre espaço para a aparição de aventureiros em 2018, como aconteceu com Fernando Collor em 1989.

E assim começamos mais uma semana agitada no mundo político, sem que ninguém possa prever como vai acabar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

29 thoughts on “Governo e PT mais afastados; PSDB racha em SP

  1. No segundo turno, Lula estaria em quaisquer circunstâncias. Isso sempre foi sabido e consabido. Lula seria invencível, se a cegueira total daqueles que insistiram em Dilma II, mesmo depois da tragédia grega ter ficado visível na tempestade de junho de 2013. Dilma revolveu bancar a si mesma e ao seu grupelho, encabeçado por Mercadante, para sua reeleição. Estava claro que Lula seria a única liderança politica capaz de enfrentar os tempos ruins que se configuravam no horizonte. Ademais, com Lula em 2014, a vitória petista dar-se-ia no primeiro turno. Não haveria rescaldo eleitoral e as crises entrariam no gabinete presidencial para saírem menores e melhor encaminhadas.
    Não dá para salvar Dilma e Lula e o PT juntos. Isso também sempre esteve nítido como a luz do meio dia. Parece que, embora tardiamente, a ficha despencou de uma vez.
    Não é com sua retórica carismática que Lula será capaz, desta vez, de sair do outro lado, inteiro, como fez na crise do mensalão. Não há mais um Dirceu para matar sozinho no peito, sem dar um pio, o maremoto das maracutaias com empreiteiros viciados em overdoses de obras superfaturadas. Nem será fácil Lula explicar o condomínio de ‘amigos’ tão generosos em dispor de presentes e mimos para o próprio Lula e seu entorno familiar.
    Dinheiro privado e público, combinados, nunca ficam bem na foto de qualquer homem público; sobretudo em quem escalou os degraus do poder desancando a política tradicional com a bandeira da ética na política.
    Há espaço, em 2018, para um franco-atirador, como também, de um vingador. Repete-se, de certo modo, o cenário pré-eleitoral de 1989. Os políticos tradicionais ficaram no meio do caminho e as ‘novidades’ (Collor e Lula), subiram feito rojão em noite de São João. E subiram batendo pesado na corrupção do governo Sarney, literalmente chamado de ladrão e safado, tanto por Collor (que caçava marajás do serviço público), quanto por Lula (que encarnava uma outra política, feita pela base social e longe das empreiteiras; creio que o próprio Kotscho deva se lembrar que, em 1989, o PT não aceitou um centavo da Odebrecht, porque sabia o que ela já representava na política nacional).
    O PT, contudo, não tem saída. Ou vai de Lula, ou vai à sepultura. Mas os tucanos não vão se dar bem, como alardeiam. São sócios no projeto que endividou o país até o pomo de Adão. São sócios na política fiscal que recicla impostos cada vez maiores no pagamento de juros absorvidos pelo Brasil das Coberturas.
    Faltou falar em um candidato que teria sido o presidente se, em vez de dizer que o papel da Patrícia Pillar seria o de muda inspiradora de um Brasil apaixonado pela cultura e pela proteção da mulher, resolveu atribuir à namoradinha do Brasil o papel horizontal tradicional das primeiras damas, exceção à Dona Ruth, cujo marido não sabia dar valor à extraordinária e discreta antropóloga com reconhecimento acadêmico internacional.
    Uma coisa é certa: 2018 está em aberto, exceto para Lula e os tucanos, sejam quais forem.

  2. O melhor que pode acontecer na politica é a alternância de poder. Os partidos hoje dominantes – PT e PSDB estão muito desgastados e já não oferece expectativas de bons governos. No caso especifico da cidade de São Paulo, o melhor que pode acontecer, é o surgimento de um candidato novo, sem a contaminação da velha politica, como é o caso do João Dória, empresário competente e não amarrado partidariamente. É isto que São Paulo está precisando, de alguem com espirito empresarial, capaz de fazer uma faxina de cima a baixo e administrar a cidade como se fosse uma empresa. Chega de Marta, Serra, Russomano, Hadadd… isto nada acrescenta, é a velha politica do toma lá da cá, comprometida até a alma com o diabo.
    Já o velho e carcomido LULA, está como aquele que mata o carteiro porque trouxe más noticias ou quebra o espelho, porque sua imagem está pessima. Agora pediu (e levou) a cabeça do Mi nistro da Justiça Jose Eduardo Cardoso, porque não consegue controlar a Policia Federal. Quem está errado é a Policia ou os gatunos que não param de aprontar. Quem sabe o Lula faz um pacto com o Diabo e ressuscita o Marcio Tomáz Bastos para voltar a controlar a PF como nos velhos e bons tempos do PT… Vida que segue meu caro RK

  3. O PMDB SEMPRE ESTEVE RACHADO E CONTINUA POR AI, O PSDB SEMPRE ESTEVE RACHADO E CONTINUA POR AÍ…..o caso “escraboso” do momento na cena política é o PT ou melhor o “Criador tentar sair da criatura ou melhor dizendo ,…………do “espirito da criatura.
    Tentar jogar no colo da Dilma, agora é covardia peteba.
    Agora o LULa, se o seu “amigo Bumlai’ resolver te entregar, 30 % de tesão nem viagra te elege novamente.
    Que generosidade não é mesmo? , 1 milhão custou a reforma, segundo a imprensa, vai ser amigo generoso assim no paquistão……..
    Quanto a oposição Tucana é isso que nós coxinhas temos para o momento, Aécio, Serra E Geraldo, tá osso para escolher viu, a Marina eu não acredito nela, ……….é uma “célula genética do PT, dá uma de boazinha e crítica do atual momento, mas não me inspira confiança, tenho certeza se eleita , montará vários ministérios com ex-companheiros petebas. Pronto falei !!

  4. Quem te viu, quem te vê………outrora, quando Lula ia as festinhas de aniversário petista, muitos militantes ficavam de fora, não havia espaço para todos. Sábado o que se viu foi um espaço com menos de 40% de ocupação………é a Lava Jato limpando as mentes petistas também?
    O Rei das Bravatas, usa seus últimos cartuxos ……ameaça a estabilidade da democracia em prol de sua sobrevivência (iremos as ruas !!!), brincadeira de um ex presidente?, NÃO, verdade de um irresponsável, mesmo !!!, chama as instituições de “levianas, dominadas pelo outro lado”, Bem que o Obama falou ….”esse é o cara”!!!, talvez já sabia melhor do que nós, o caráter da fera.

  5. Cardozo deixando o ministério pelo fato do PT não aceitar que ele não consegue controlar e interferir nas investigações é a pá de cau no já desmoralizado PT. PT tá achando que aqui é Cuba, Coreia do Norte, China, etc. Não adianta LULA, investigações continuarão querendo o PT ou não. E sobre o triplex e sobre o sitio, você terá que depor e pronto. O medo é grande , né ? Mas você terá que pagar por todo mal que fez a nossa sociedade e a nossa politicia.

  6. Prezado Kotscho: “Puxões de cabelo, pernadas, socos, calças arriadas, […]”, seria re-edição de “Os reis do ringue”, dos sábados à noite pela TV Record, sob a narração de Raul Tabajara?

  7. e pode ter certeza, como esta acontecendo nos Estados Unidos, Trump radicalizando, não será surpresa se o mesmo acontecer aqui com Jair Bolsonaro.

  8. “O PSDB trouxe pra dentro do partido, coisas das quais ele sempre foi acusado de fazer e nunca se EXPLICOU; pois “nessa baixaria de suas previas”: O promotor de eventos João Doria, “foi acusado de comprar votos de peessedebistas em troca de apoio a sua candidatura; “da mesma forma que o FHC foi acusado de comprar votos dos parlamentares para a aprovação da sua reeleição; e o João Doria, disse que os peessedebistas opositores e perdedores seus, estão querendo ganhar no tapetão, sem respeitar o resultado DEMOCRATICO das urnas; da mesma forma que o Aecio Neves, que perdeu a eleição pra Dilma, quer ganhar no grito sem respeitar a escolha democratica do povo. “”-Eu queria ver se algum, até mesmo destes jornalistas admiradores do PSDB, pedisse pra que esses pré candidatos do PSDB à prefeito de São Paulo, “Apresentassem um plano de governo”; pra ver o que aconteceria. Sobre as pesquisas do DATAFOLHA: Ainda bem que o Datafolha “Não teve a cara de pau”, de diante da informação fornecida por ele proprio, e pelo IBOPE e as policias militares; bem como “a constatação visual da população”, de que “”o numero de manifestantes contra a Dilma e o PT, caiu para 5% em 16 de dezembro, para o numero de manifestante que se tinha em março””; para dizer que “a aprovação da Dilma caiu ou ficou instavel em 2016”. De qualquer maneira, “Esses numeros do datafolha, ainda estão errados; pois se a Dilma ainda conseguiu fechar o ano de 2015, com numeros melhores do que os do governo FHC do PSDB; e sem sofrer nenhuma denuncia que ligasse seu nome a atos de corrupção”; isso “demonstra que os seus eleitores, ‘na sua maioria fiéis eleitores do PT’, que somam por volta de 30% tradicionalmente, não teriam motivos para mudarem radicalmente de opinião”; ao passo que, o Aecio Neves do PSDB, que “depois da eleição não apresentou nada de relevante”, e ainda pesa contra si “duas acusações de delatores da lava-jato, dando conta de que ele recebeu propina nas obras de FURNAS”; não poderia sequer “ter mantido os seus eleitores, que visivelmente pesquisaram, e se afastaram das manifestações contra a Dilma e o PT; cujo os mesmos, até nessas manifestações “já ha tempos não mais se diziam eleitores ou apoiadores do Aecio e do PSDB”. Portanto, hoje a aprovação da Dilma do PT, deve estar “no minimo igual aos 24%, que o Datafolha gentilmente atribui ao inerte e inconformado Aecio Neves do PSDB”.

  9. Vejam como se arruma encrenca apenas com o intuito de ”impedir” que se investiguem os corruptos. Os delegados da PF já enviaram um recado ao governo; não vão aceitar o Ministério da Justiça sendo comandado por um membro do MP.
    Caso o nome do procurador baiano ligado a Jaques Wagner, seja efetivado na pasta, haverá uma reunião entre os diretores nacionais e regionais da associação dos delegados no próximo dia 8, para discutir medidas a serem tomadas contra a indicação.
    Como se pode ver, o PT faz qualquer negócio para ”melar” investigações sérias. Deve-se lembrar que a PF ficou mais forte na gestão do ministro Thomaz Bastos, mas não porque o ministro assim o queria, mas por uma forte reação da Instituição às manobras de Bastos para enfraquecê-la.

    1. …vamos ver quem é mais forte, a máfia golpista da PF ou um governo que tem mando sobre ela com o aval do povo…vamos ver… a era “LULINIHA paz e amor acabou”,…ainda não sabia ???

    2. …Parece que finalmente a DILMA resolveu fazer o que eu lhe sugeria logo que foi eleita: que este mandato não lhe pertencia, e sim ao seu sucessor, que será LULA é claro, então que já o deixa-se governar. Parece que finalmente ouviu o meu apelo.

  10. Quem que seja eleito em 2018, certamente enfrentará duras reações do eleitorado e da sociedade como um todo. Se o eleito for Lula, com certeza, as reformas neoliberais exigidas pelo mercado financeiro serão realizadas e o PT vai rachar criando-se um novo partido de ressentidos, o PSOLÃO. Não sendo o Lula, este não perderá a importunidade de insuflar os tais movimentos sociais contra quem se eleger e tentar fazer as reformas. Sendo assim, e pela lógica eleitoral, francamente torço pelo LULA em 18, muito embora me recuse pessoalmente dar um voto para ele nas urnas ;isso jamais!

  11. O engraçado da festa petista é que tinha espaço pra 4 mil pessoas e não tinha 2 mil lá.Será que não tinha pão com salame para os carcaças de frango,ou os pixulecos diminuiram com as prisões da lava jato?Tinha acarajé?Os petistas são patéticos,viviam batendo no peito que as prisões de tubarões foram graças a liberdade que o PT deu a policia federal para investigar e agora que chegou no chefão Lula é um Deus nos acuda para frear o rolo compressor da lava jato do Moro.Uma perguntinha:O Delcidio não foi na festa do partido esse ano?Se escondeu como a Dilma?Bom foi ver as medidas que o PT apoia,nenhuma fala de reforma,só em aumento dos gastos publicos.

  12. …com a velha Máfia Midiática, MM ( o que me fez lembrar a Estância MM-Maria Machadão, uma casa de encontros que há aqui em Goiânia ) em plena decadência, em 2018 estará praticamente morta, tão cedo a velha elite retrógrada brasileira voltará ao poder.O LULA, será o próximo presidente, ninguém deixará de acreditar em quem já conhece, para se eventurar na paranóia de alguns boçais-naros.Na época do Collor não havia um LULA.

  13. De todas projeções, o que achei mais surpreendente, é quando apresenta um possível cenário com os três caciques do PSDB, no caso o Alkimim pelo PSB, Serra no PMDB e Aécio (PSDB). Ainda neste cenário o Aécio aparece na frente de todos, com 20%, seguido por Lula com 19%. Mas tudo isso é exercício de futurologia. Bom mesmo se o TSE cassasse logo a Dilma, quem sabe teríamos…
    Aécio (PSDB), Serra (PMDB?), Alkimim (PSB?), Cristóvão Buarque (PPS), Alvaro Dias (PV), Ciro Gomes (PDT), Luciana Genro (PSOL) , Marina (REDE), Bolsonaro (PP) e Lula(PT). Convenhamos, seria uma eleição “do arco da velha”!
    FALTAM 15 DIAS PARA O DIA 13 DE MARÇO!
    OuVcVaiPraRuaOuDilmaFica! (parece que teremos a companhai dos petistas, assim como no Impeachment do Collor)

  14. Enquanto isso na Argentina, o Messi…ops… O Macri vem revelando os motivos para fazer inveja aos brasileiros. Depois de viajar de avião de carreira e ser recebido com festa em Davos, onde a maioria dos Presidentes de outros Países fizeram fila para cumprimentá-lo, abrindo os caminho para reinserção da Argentina no comércio Internacional (enquanto a Dilma ficou aqui saudando a mandioca), eis que é anunciado o acordo do pagamento da dívida Argentina, com os chamados fundos perdidos ou abutres. E nós brasileiros ficamos discutindo se devemos ressuscitar um cadáver político ou se toma vergonha na cara, e não se deixar ser enganado outra por propaganda de marqueteiros picaretas, e dar a oportunidade perdida em 2014, ao novo!
    Neste caso, não tem como não sentir inveja dos argentinos!

  15. Alckmin da merenda sonha em ser presidente, Ze bolinha de papel sonha em ser presidente, Aecio do helicoptero suspeito sonha em ser presidente…..mesmo com essa lavagem celebral do PiG nos empadinhas, Lula continua na frente de TODOS. So um discursinho que fez no aniversario do PT o bando tremeu, imagina numa campanha pra valer.

  16. Caro Luiz, eles estão apavorados, ainda ,mais agora que a tchurma do chiclete, caiu nas “graças” do Dr Sergio Moro.
    O Rei da Bravatas, quase sem palanque, mandou “beijinhos” a Dilma, na verdade caro Luiz, se ele pudesse “esganaria” sua criatura………e hoje mais uma bomba declarada o ex Ministro José Eduardo não aguentava mais o o Rei das Bravatas. Entre tapas e beijos caminham os carcaças de frango.
    O bravateiro resolveu de vez peitar a Globo, Ministério Público, Supremo e a Policia Federal….sinceramente eu pensei que elle fosse inteligente. kkkkkkkkkkkkkkkk, vamos aguardar.

  17. “Governo e PT mais afastados” – A melhor Piada do Século XXI no Brasil. Dizem que o pior cego é aquele que não quer ver. O Brasil afundou graças à Dilma-Lula-PT e agora um quer afundar o outro pensando que nós eleitores somos desmemoriados. O mito Lula já foi desfeito; seu discurso não mais ilude os “menos favorecidos”. Dilma, quem é? Alguém sabe quem preside o Brasil? O PT colhe os efeitos de sua ideologia marxista e sem aprender a santa lição: “Os homens percebem que a liberdade é fundamental e que roubar a liberdade de um homem é tirar-lhe a essência de sua humanidade.” Martin Luther King (1929-1968). Nós brasileiros não suportamos mais o cinismo de certos desgovernantes.

  18. A baixaria de todos os lados: o PT e o Lula que se consideram acima da lei apelando para a auto vitimização cara de pau – notar, que o segundo foge da justiça como o diabo foge da cruz; o Geraldo Alckmin, uma verdadeira tragédia política, querendo emplacar um candidato que ninguém mais deve levar a sério; o ministro da justiça largando o cargo por pressão do PT e do Lula, que lutam para que a PF seja amordaçada em prol da impunidade do molusco; e os eleitores dos tucanos saindo na porrada.

    Em outras palavras: só um milagre vai salvar esse país.

  19. Caro jornalista. Não acho que estejamos afastados. Precisamos sempre lembrar que a Presidenta governa o país, ela é a governanta. O partido existe, dele é filiada, no entanto não é possivel estar em todos os lugares nas festividades. Lógico, que a elite quer levar no papa, no sopapo, nas baixarias como demonstraram na briga de irmãos, na convenção de domingo, e a mídia nada divulgou.Estava no interior mineiro, se não fosse os Blogs que a globo quer destruir, não ficaria sabendo, Na atualidade onde recorro para saber o que acontece. Nós, petistas, petralhas somos militantes, temos militância, isso apavora a elite, que procura sempre comprar os pobres que ascenderam um pouco e são beneficiados.Comentávamos no interior mineiro que até poderiamos deixar a direita assumir o poder para que eles sintam o que quer e deseja a elite, que é o fim das cotas para negros e pobres, a volta da escravização das domésticas, a gratuidade de medicamentos que beneficia todas as classes sociais, o fim da construção das moradias para os menos favorecidos, pois os imóveis estão encalhando, isso ocorre pois a maioria dos que compram os imóveis o fazem para alugar para os despossuídos e como alertava um dos candidatos que o salário mínimo precisava ser rebaixado, mas ele não ganhou, mas auxiliados por grandes veículos de comunicação é outros desestabilizou a economia, e falam como se representasse o povo, e o povo muitos sem consciência crítica, pois a grande falha do Presidente e Estadista Lula, foi preocupar com o social e econômico deixando de lado a politização. Ofereceu e favoreceu alfabetização e universidade, mas grande parte da população não pensa como a nossa geração, pensa apenas no seu bem estar, sem auxiliar o próximo, São as tais gerações X Y, meus Deus como é confuso. Por exemplo, o FIES, beneficia muitos que se julgam socialmente classe média, na verdade não o são, mas devido a etnia, acham superiores, e alguns negros também não se encontrando, Sou da velha geração, do pensamento sociológico da libertaçaõ, do auxílio fraterno desinteressado, e o Presidente, pensara que os favorecidos daraim continuidade a essa forma de pensar e agir, muitos e muitos não o fizeram, a como dizem os paulistanos ” se achando ” que tudo surgiu facilmente. Sociedade e ” vida que segue . “

  20. Hoje a verdadeira oposição ao Governo Dillma é feita pelo PT!

    O PT é contra o Ministério Público, é contra a Polícia Federal, é contra a Justiça Federal, é contra o Governo Dillma.

    O PT é a favor do Lulla, do Zé Dirceu, do Vaccari, do João Santana, da Odebrecht, da OAS, do Bumlai.

    O PT promove a amizade que reforma triplex de frente pra praia, sítio do tamanho de 24 campos de futebol, é a favor das cozinhas planejadas.

    O PT é o que há de melhor na ética em toda a Galáxia!

  21. Kotscho, o paladino da ética voltou ao Balaio. Com o discurso udenista de sempre e a indignação seletiva que lhe é peculiar, brandindo energicamente a espada Dâmocles – e nem um pio sobre a merenda roubada dos estudantes da rede estadual pela cupinchada tucana. Esses coxinhas são uma piada …#vergonhaalheia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *