Dilma perdeu a chance de dar uma virada no jogo

Dilma perdeu a chance de dar uma virada no jogo

Dilma em reunião do Conselhão (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/28.01.2016/Agência Brasil)

Meu sentimento foi de frustração. Esperava bem mais desta primeira reunião do novo Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social reunido no Palácio do Planalto pela presidente Dilma Rousseff nesta quinta-feira. Pelo menos uma mudança de atitude do governo para sair do seu isolamento político, mostrando-se mais disposto a ouvir o que os outros têm a dizer e propor, mas não foi o que aconteceu.

A presidente e seus ministros falaram por 80% do tempo, deixando pouco espaço para que apenas meia dúzia de conselheiros se manifestassem rapidamente. E estavam lá representantes de boa parte do PIB brasileiro, vindos de diferentes pontos do país, ao lado das principais lideranças do movimento social.

Não que alguém pudesse imaginar que, ao final deste encontro com 92 representantes da sociedade civil, estaríamos com nossos problemas resolvidos ou algumas soluções encaminhadas. Para mim, a reunião do CDES poderia representar, como escrevi aqui, pelo menos um divisor de águas no clima de baixo astral e falta de perspectivas em que vivemos já faz tempo, ponto de partida para um grande diálogo nacional.

Política não se faz só de números, decretos e discursos, mas com gestos claros, compromissos e mudanças de postura que possam nos devolver a esperança em melhores dias. Neste sentido, o governo perdeu uma grande oportunidade para resgatar a confiança dos agentes econômicos e a credibilidade junto à população. Todos perderam seu tempo.

Estão previstas mais três reuniões do Conselhão para este ano e, diante desta primeira experiência, temo que menos gente atenda ao convite do governo para ir a Brasília das próximas vezes. É o que deduzi da conversa com alguns amigos que assistiram ao encontro em Brasília. O resultado pode ser resumido na frase de um executivo ouvido pela Folha:” Gastei uma nota de jatinho para nada. Nós, os homens mais produtivos da nação, paramos tudo para vir aqui e ainda não sabemos se o governo é capaz de nos tirar da recessão”.

De prático, coube ao ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, anunciar sete medidas para destravar R$ 83 bilhões em créditos numa tentativa de fazer a roda da economia voltar a girar (ver mais no meu comentário no Jornal da Record News ao final deste texto).

Os demais ministros apresentaram apenas uma prestação de contas do que andam fazendo. O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, repetiu o que consta da ata da última reunião em que foram mantidas as taxas de juros e todos poderiam consultar na internet. Criou-se um anticlímax e, quando a presidente Dilma começou a sua fala no final da reunião, alguns já haviam saído _ entre eles, o presidente do Banco Itau, Roberto Setúbal.

A presidente voltou a falar na necessidade da reforma da previdência e da recriação da CPMF, dois temas indigestos e impopulares, além de pedir a ajuda de todos no combate ao mosquito da dengue. Deu-me a impressão de que Dilma se limitou a ler um texto burocrático, sem alma, sem trazer novas propostas, apenas para cumprir o ritual, sem condições de dar uma virada no jogo para reanimar a distinta platéia.

Em tempo: para não ser injusto, um dos meus amigos presentes me garantiu não ser verdade que só serviram durante a reunião água e potinhos de jujuba, como informaram alguns portais e eu comentei no JRN. Tinha também refrigerantes, café, salgadinhos variados e sanduíches fatiados.

44 thoughts on “Dilma perdeu a chance de dar uma virada no jogo

  1. RK, Setúbal ficaria até o fim da reunião se o Tombini tivesse dito que os juros subiriam na próxima reunião do Copom!
    Todos os empresários sairiam de lá satisfeitos se o governo tivesse dito que não mais haveria CPMF!
    RK, não se iluda, governo popular não tem vez neste capitalismo selvagem!
    A mídia, esta quem você serve por necessidade de sobreviver, é braço deste capitalismo, por isto ela só vê desastre no que este governo faz!
    Amigo, não é milagre o PT ter ganho quatro eleições, é trabalho em prol do povo, e olhe que só fizemos “cosquinha” no capital!
    Dentro do possível, eu fiquei satisfeito com a reunião!

    1. Concordo. Fiquei satisfeito com os resultados da reunião. Com o Conselhão, Dillma retoma o controle da situação e finaliza os oposicionistas de maneira espetacular. Hoje o Brasil já amanheceu melhor e daqui pra frente é só notícia boa. É inegável a capacidade de produzir prosperidade da nossa presidente. O povo sente isso. Recessão, desemprego, alto endividamento das famílias brasileiras, inflação alta, estagnação é tudo invenção da imprensa golpista e das elites. O PT foi a melhor coisa que poderia ter acontecido, não só ao Brasil, como a todo o planeta Terra, quiçá a toda a Galáxia.

    2. Conselhão???Tá mais pra Teatrão,pura bobagens que não levarão a nada nem Dilma acredita que injeção de credito funcionará,só os loucos pegarão grana emprestada nessa crise.Dilma e seu séquito de imbecís tal como ela não inspiram confiança de ninguém.Quem está feliz é o Trabuco do Bradesco(um dos banqueiros que os petistas demonizam)ele faturou só 17 bi em 2015.Tá aí a propaganda que o João Santana atribuia a Marina Silva,parece que os banqueiros roubando comida dos pobres é do governo Dilma.Eu acho pouco e bom,Dilma,PT,e quem votou nessa corja tem que sangrar a conta gotas e aguentar até 2018 quando o PT será extinto,depois que o Moro condenar a facção a devolver tudo que roubou da Petrobras,Bancoop,Fundos de pensão,etc.Tô super ansioso prara ver o desempenho do PT nas eleições munipais desse ano.

  2. Sr. Kotscho, com todo respeito que a sua idade impõe, você está parecendo a velinha de Taubaté. Deixa eu modestamente explicar uma coisinha que você não quer acreditar ou enxergar: o governo Dilma MORREU. A rainha da Inglaterra manda mais que a Dilma. A Dilma será lembrada como um Sarney de saias. Até a velinha de Taubaté sabe que para sair da crise é preciso recuperar a confiança na economia e para isso o primeiro passo seria reduzir o gigantesco déficit fiscal do governo. E para reduzir o déficit fiscal do governo não adiante apenas a volta da CPMF, será preciso mexer em vespeiros como a previdência e o sistema tributário. Você acredita que reunindo a “escolinha da professora Dilma” isso será possível? Se nem o PT apoia a Dilma, como os outros partido vão fazê-lo no Congresso. Por uma questão de legalidade e respeito à democracia sou contra o impeachment mas o preço disso será ter uma pata manca na Presidência até 2018. Desculpe acabar com suas ilusões.

  3. Pra que a Globo, o PIG, a oposição, se temos a Dilma para acabar com as pretensões do Lula e do PT……………rsrsrsrsrss…..Fica Dilma ….Fica.
    Se não fosse a Lava Jato o Lula já era oposição declarada rsrsrsrs

  4. Literalmente, sem comentários! (ia falar que ninguém gostaria de ouvir as sugestões, de como recuperar sua casa, exatamente de quem a saqueou… mas deixa pra lá)

  5. estou achando tudo ótimo, questionar para que?, não obteremos nenhum resultado, eles fazem o que querem com o povo…. e o povo gosta( acreditam em todas as mentiras… ja começou as propostas politicas na TV, eles não tem vergonha de enganar… ja estou vacinada contra politico), então vou ficar assistindo de camarote vendo o resultado deste governo incompetente. Nem estou comentando, somente lendo os textos e comentários, mas hoje não resisti e resolvi comentar o quanto e triste ver o nosso Brasil chegar a este ponto. E vamos ao CARNAVAL, porque o brasileiro gosta mesmo e de carnaval, a crise que crise…vamos botar o bloco na rua e esquecer, rsrsrsrsrs POLITICA.

  6. O “cardápio” do governo nunca vai saciar o “voraz apetite” dos banqueiros! – Não ha soluções magicas para a crise do mundo, mas a Dilma, “ja tomou uma grande atitude,quando trouxe o Jaques Wagner, o plano B do PT para substitui-la em 2018, caso o Lula não queira ser novamente o presidente da Republica”, e isso fez com que o governo tivesse além de um grande estrategista e experiente administrador Publico, tivesse também um grande porta-voz; bem como o povo, que saiu as ruas em apoio a Dilma e a democracia, fez com que “os manifestantes contrarios à ela”, pesquisassem sobre politica, o que resultou “no esvaziamento de 95% na manifestações prol impeachment em dezembro (2.000.000 em março, menos de 100.000 em dezembro).” E com esses dois movimentos favoraveis no lado do tabuleiro do governo, e principalmente a perda de “consumidores de noticias desafavoraveis ao governo”, que também fez com que a grande midia “parasse de omitir que a crise é uma crise mundial” e diminuir o espaço destinado a repetir noticias contra o governo; o governo Dilma, ganhou mais espaço para expor a sua verdade e mais pessoas dispostas a ouvi-lo. Então agora, a ÚNICA coisa que o governo Dilma precisa fazer é: “mostrar aos investidores e empresarios brasileiros, o quanto eles foram ingênuos ao acreditar nos boatos plantados pelos adversarios do governo e chancelados pela grande midia; pois os investidores internacionais continuaram acreditando e investindo no Brasil e obtendo otimos lucros; de maneira que eles podem também acreditar no Brasil, pois essa é uma otima hora para as empresas brasileiras crescerem, visto que os produtos brasileiros têm uma otima aceitação no mundo e estão mais competitivos nesse momento; e ainda, o governo brasileiro está disposto a apoiar as empresas brasileiras, disponibilizando creditos nos bancos do governo, para financiar com juros mais baixos, o crescimento da produção nacional”. – O Governo ja se mobilizou para achar solução. Falta agora o governo se expressar melhor para se fazer entender pelos investidores.

  7. Repito, é mais adequado, compreensível e explicável, no momento, deixar para eles fazerem isso, pois além de motivos para não deixarem de faze-lo, o fazem com maior propriedade e competência, justamente por saberem muito bem por que fazem e a que será que se destina, que com certeza não é a de Mestre, a intacta retina ou a cajuína cristalina. Tenho dúvidas se vale a pena…, mas segue retrato mais que preciso, adequado, para mostrar o momento que vivemos, obtido de seu colega jornalista Paulo Nogueira: “É um país doente aquele que protege Eduardo Cunha e investe selvagemente contra um homem que cometeu o pecado de colocar os excluídos na agenda nacional como nenhum outro desde Getúlio Vargas. Estamos enfermos – e Moro e sua Lava Jato são sintomas eloquentes dessa nossa deformação moral.” Enquanto se vai de água & jujubas, Setúbal à francesa e Mestre balaieiro pensando-se à Alemanha, o Brasil da Zikaglobo e Tocucunhas, segue sendo mal informado e muito bem desinformado, para que internamente possam retomar absolutamente o poder “à paraguaio” e externamente outros possam permanecer mais tempo, dificultando à chegada do “trem BRICS” à estação Realidade.

  8. Kotscho
    quem pagou a estadia e alimentação dessas 90 pessoas? o povo brasileiro ? ou cada um pagou o seu? pergunto isso pois o brasil tem 81 senadores, 513 deputados federais eleitos pelo povo para tomar decisões, e mais 40 ministros escolhidos a dedo pela presidente. já é bastante gente sustentada com dinheiro publico para cumprir o papel de tomar as decisões de interesse do país. Se o povo tiver que pagar as diárias e alimentação desse conselhão eleitoreiro da Dilma aí já piada !

  9. O máximo que podemos esperar de uma reunião dessas;UMA MÁGICA!.Daí não pode sair nada de bom!.Continuo dizendo;o maior presente para a nação brasileira é a saída da presidente Dilma com urgência!.VIVA O BRASIL!!!!.

  10. Dilma continua especialista em tiros no pé. Falar em reforma da previdência diante de centrais sindicais é discursar sobre corda em casa de enforcados. Vai colher tempestade, na certa; sobretudo após ter patrocinado uma anistia fiscal (repatriação levyana), aos capitais em paraísos fiscais, vinculados à evasão de divisas, lavagem de dinheiro e sonegação fiscal, semelhante àquela que Belisário Betancourt na Colômbia dos anos 90 ofereceu a Pablo Emília Escobar Gavíria, o chefe do mais poderoso cartel do narcotráfico, o de Medellin. Não por acaso, a relatoria da repatriação levyana estava a cargo de Delcídio Amaral, que contava com a ‘consultoria”, nessa matéria em particular, de André Esteves, o banqueiro que virou prisioneiro em Curitiba e teve de deixar o BTG.
    Curioso que Trabuco tenha dito que na recessão todos perdem, mas o Bradesco tenha sido o mais beneficiado do setor financeiro, como se vê pelos lucros auferidos no período em que o seu ex-funcionário Joaquim Levy foi guindado por indicação dele à condição de ministro da fazenda e, com sua política econômica levyana empurrou o país para um atoleiro recessivo do qual não tem condições de sair, de acordo com 9 entre dez especialistas.
    Para piorar, Dilma resolveu ouvir Delfim. Se podia piorar, piorou.
    O próprio BC, responsável pela loucura de hospício da política monetária que levou à explosão da dívida pública, já informa que os resultados apurados nas primeiras semanas de 2016 são piores do que o estimado.

    1. Entendi… A culpa dessa crise toda é do Levy, que ficou apenas um ano como ministro, e não das gestões do ex-presidente Lula e da presidenta Dilma (que provavelmente nem sabia que o Levy é o ministro da Fazenda, já que não é ela quem escolhe os ministros). E do Banco Central também, cujo presidente também chegou lá sem o conhecimento da digníssima governante do país. Todos são culpados, exceto o sr. Lula e a Sra. Dilma, que governam o país há 13 anos, mas não têm a menor ideia de nada do que acontece por aqui…

  11. Com este desgoverno do pt ,que não soube aproveitar quando a economia deixada por FHC(plano real),mais ajeitada,com a economia mundial bombamdo,preços de comodites altissmos,nunca vistos,sobrando dinheiro no mundo todo, a turma do pt não fizeram lição de casa,preocuparam como nos sindicatos manter o poder,quando economia mundial refreio,os preços das comodites caíram ,é o que o Brasil (mais exporta) ,e o dólar ainda não chegou no teto,esperem para maiop e veras,nossa presidente depois da campanha eleitoral,por tudo que ela falou e prometeu ,perdeu toda sua credibilidade,pessoas que mentem sempre, engana uma ,duas ,tres vezes,chega uma hora que ninguem mais acredita,mesmo falando averdade.

  12. Dilma é um fracasso como administradora, sim. Mas, quem, hoje, poderia se apresentar como salvador da pátria? Aécio? Cunha? Temer? Marina? Serra? Lula? Além das suas próprias fraquezas, Dilma tem contra si uma crise internacional, uma oposição que, desde o anúncio da derrota (deles), tudo tem feito para afundar o país. Pior que tudo tem dado certo em seu desiderato (da oposição). E a velha imprensa, tem ou não tem ajudado a acabar com a economia do país? Todos estão dando um “tiro no pé”.

  13. Inútil aumentar a oferta de financiamentos enquanto não houver uma drástica mudança na expectativa e na confiança da classe empresarial no governo lulopetista da Sra. Dilma. Ainda nos bancos da faculdade de economia, aprendi que ciclos econômicos são resultado da expectativa da classe empresarial com relação ao futuro. Se a crença generalizada for de recessão. como agora, a recessão virá. No caso do Brasil a recessão foi provocada pela gestão irresponsável das finanças públicas e no excesso de corrupção, gentilmente chamada de malfeitos pela presidenta que não parece gostar do termo corrupção e nem da ação da justiça. Como não há perspectiva de melhora nessas três fontes de desgraça, a recessão tende a se aprofundar. Especialmente quando os milhões de desempregados tiverem esgotados suas economisa, fundo de garantia e auxílio desemprego, o que deve ocorrer em meados deste ano de 2016. É o Brasil nota 10 do Goldman Sachs

  14. Uma das razões pela qual esse é o único blog que frequento diariamente é esse otimismo do seu titular com relação a esse governo. Kotscho eu sei que você realmente ainda acredita que exista salvação para esse governo. Mais uma vez você se decepcionou. Eu nunca esperei absolutamente nada desse Conselhão, nem dessas idiotices econômicas promovidas por esse governo que ainda insiste em querer fazer a roda da economia girar com base em aumento de consumo. Pior, respaldar esse crédito nos recursos do FGTS que só poderia respaldar a compra da casa própria. Isso não passa de medida de natureza política tentando minimizar toda impopularidade do governo, do PT e de sua base aliada prevendo uma derrota histórica nas eleições municipais desse fim de ano. Não tem jeito Kotscho, a dona Dilma não governa. Só está sentada na cadeira delirando, cercada de idiotas por todos os lados, inclusive o Sr. Jacques Wagner que se preocupa muito mais em defender seus pares partidários do que em exercer sua função ministerial. Pura perda de tempo.

  15. Havia mencionado o equívoco de se ouvir o Delfim, antes mesmo de me deparar com a tijolada da minha ex-professora Maria da Conceição Tavares endereçada ao ex-czar das finanças da ditadura (de tenebrosa e porca memória), com sua política econômica de arrocho salarial permanente que fermentou o ‘milagre econômico’ entre 1968/1973, inteiramente calcado no ‘endividamento externo’ e nas ‘minidesvalorizações cambias’ continuadas. O ‘milagre’ foi para o ‘vinagre’ com o primeiro choque do petróleo, quando o barril do ‘brent’ saltou de 3 dólares para 12 dólares no mercado ‘spot’.
    Delfim faz coro com o capital e mercado financeiros que, desde o PROER de FHC/Malan, reforçado pela ‘Carta aos Banqueiros’ inspirada por Palloci, tutelam o rumo e o ritmo do andamento da economia brasileira.
    Já em 2005, em seminário no Congresso Nacional, a professora Conceição já proclamava, conforme vídeo disponível nos anais do Parlamento: “Agora chega, chega, chega!”. Referia-se à política monetária de ‘loucos de hospício’ do BC.
    Deu no que deu….

  16. Acho que foi tudo dentro do esperado. A presidente é inepta, pouco inteligente e é claramente despreparada. Enfim, não há com dar certo. De onde menos se espera é que não sai nada mesmo, já diria o Barão de Itararé. O PT foi o maior engodo político da história brasileira. Enquanto Dilma for presidente, o país vai ficar estagnado.

  17. Enquanto Dilma “perde a oportunidade” de demonstrar algo útil no Conselhão (como se isso fosse possível), eis que seu capitão-mor, autointitulado, como “a mais pura e límpida alma do Brasil”, passa por apuros. O problema é aguardar até o Brasil virá uma Venezuela, para daí então os nossos “Maduros” admitirem o “estado de emergência” em que vivemos. O certo é que quando o PT sair do comando, o estrago já estará feito. Resta apenas torcer que dure menos possível, para o estado de emergência não mude para “estado de ruína” !
    Uma boa matéria, pode-se ler hoje no Blog do Josiel, no Uol: “No Titanic do PT, Lula é o maestro da orquestra”, cuja coluna eu dedico a gesiel, Joel Miranda e CesarT, representando os demais da “bandinha do Titanic do Balaio”, cujo capitão (do Balaio) não me parece tão otimista que o governo petista seja capaz de superar todos icebergues que tem pelo caminho!

  18. RK, Game Over!
    Eu (como a maioria dos brasileiros) não tenho esperança nenhuma com esta senhora.
    Não transpira credibilidade, se capacidade tivesse já tinha resolvido, passaram-se 5 anos de seu governo, e só enfiou os pés e mão na jaca. Não tem condições políticas, de gestão, etc.
    Enquanto ela estiver no poder, mais ficamos pobres.
    Se eu pudesse dar um conselho, e Ela me ouvisse, ouviria o conselheiro do conselhão – Wagner Moura (Capitão Nascimento – Tropa de Elite) e pede pra sair.

  19. Se esse “conselhão” tiver coragem, dará um conselhão a ela…………..”SAIA Dilma antes que você quebre de vez o país”.
    __________________________________________________________________________
    Fizeram um “pacotaço”, não para salvar a economia, e sim pensando nas eleições de 2016, e claro para esfriar um pouco a lava jato.
    TUDO o que fizeram de errado no passado, estão fazendo de novo….piada?, infelizmente não.
    “O PT continua a estuprar o país, na esperança que a vitima venha dizer que foi por amor”.

  20. Vocês estão todos enganados. O país tem saída sim, mas ninguém quer fazer sua parte. A Dilma mesmo sendo incompetente teria condições de levar adiante uma quinada positiva mas, repito, ninguém quer não. Cada qual quer seu lado salvo. Coisas de (neo)capitalistas….Deviam aproveitar a presença destes para fazer que nem foi na reunião da cúpula no Poderoso Chefão III ….

  21. Virada seria a garantia que a cada reunião do Banco Central os juros irão baixar.Comater a inflação é o motivo de sempre em elevar juros.Porque não se tenta pela vez primeira seguir a linha internacional de juros baixos? Sabe por que: os banqueiros,o capital internacional,os rentistas,enfim, os sugadores do sangue do s brasileiros não permitem.Quando estavamos na escalada de juros baixos ( 7;25 % ), bancos privados foram forçados a entrar a politica dos bancos publicos e o Brasil iniciava uma nova era,Infelizmente a presidente Dilma esqueceu seu passado de lutas e se aliou aos banqueiros.Bastou não aumentar os juros nesta ultima reunião e os algozes da nação se posicionaram contra. Ate´quando ?

  22. Virada seria a garantia que a cada reunião do Banco Central os juros irão baixar.Comater a inflação é o motivo de sempre em elevar juros.Porque não se tenta pela vez primeira seguir a linha internacional de juros baixos? Sabe por que: os banqueiros,o capital internacional,os rentistas,enfim, os sugadores do sangue do s brasileiros não permitem.Quando estavamos na escalada de juros baixos ( 7;25 % ), bancos privados foram forçados a entrar a politica dos bancos publicos e o Brasil iniciava uma nova era,Infelizmente a presidente Dilma esqueceu seu passado de lutas e se aliou aos banqueiros.Bastou não aumentar os juros nesta ultima reunião e os algozes da nação se posicionaram contra. Ate´quando ?

  23. É muito difícil promover mudanças quando se acredita ser o(a) dono(a) da verdade. Por tudo o que faz e diz, Dilma tem certeza de que está certa e quem a critica é que erra. Concordo com quem afirma que o único objetivo da reunião desse Conselhão foi buscar respaldo para a CPMF e a nova reforma da Previdência. Para usar uma expressão da militância do século passado, a função daquelas 92 pessoas convocadas com tanta pompa era ser massa de manobra para legitimar propostas impopulares. O que elas tinham a dizer nos seis minutos que lhes cabiam pouco importava. Eu, por exemplo, gostaria muito de saber se a nova reforma da Previdência irá, finalmente, chegar ao funcionalismo público, aos privilégios de políticos em geral, às filhas solteiras de militares e magistrados e ao buraco negro em que se transformou a previdência rural. Ou se, mais uma vez, os únicos penalizados serão os trabalhadores da iniciativa privada. Antes de buscar apoio irrestrito do Conselhão seria útil discutir questões como essas de forma transparente e abrir espaço, de verdade, para opiniões divergentes da dominante.

  24. “ao final, alguns ja haviam saido, entre eles Roberto Setubal do Banco Itau”, notório anti-PTista, com certeza foi ele quem declarou a FSP , gastei uma nota de jatinho para nada.
    Sobre o discurso otimista de Luiz Carlos Trabuco Cappi do Bradesco, nem uma palavra.
    Decididamente, nossa querida Sen.Marta Suplyci saiu do mar de lama em que se tornou o PT para entrar num mar de rosas que é o PMDB tem razão, São Paulo é anti-PT. mas o Brasil é muito maior que SP.

    1. Cesar …. engano o seu o Setúbal alguns meses atras, o mesmo super elogiou o governo Dilma, isso eu falo porque trabalhei no Itau, e foi durante o governo do PT que o banco mais ganhou dinheiro, o problema e que ate para os bancos a coisa ficou feia, atualmente não se empresta nada para os clientes, ninguem quer comprar nada, bateu o desespero, a coisa esta pegando ricos e pobres, o pobre esta ferrado e o rico pode ficar falido, rsrsrsrs.

    2. O Trabuco Cappi, com o banco Bradesco lucrando mais de 17 Bilhões no ano, você queria ouvir críticas dele? Ele foi muito comedido. Deveria declarar em alto e bom: “O paraíso é aqui… e com governo do PT, pois ninguém faz melhor para Brasil do que o governo do PT”. Depois que falasse, o Setubal do Itaú, para claro, fazer ainda mais elogios. Pena não estarem lá os maiores empreiteiros do Brasil. Certamente, “nunca na história deste País, banqueiros e empreiteiros ganharam tanto dinheiro!

  25. RK consigo entender sua frustração. Você foi (e talvez ainda é) um grande participante e colaborador dos ideais PTistas, que hoje você ve se desmanchar sob o comando de Dilma. Mas convença-se: Dilma é Dilma e não tem concerto. O Tico e o Teco dela trabalham em descompasso. Veja só o que essa criatura disse la no Equador:

    “Eu fico muito feliz também de estar aqui na América
    Latina, pelo… na América Latina… interessante eu ter
    falado isso, não é? Porque o Equador, de fato, tem a
    metade, a metade do mundo. E por isso tem uma
    singularidade na América Latina, quando nós escolhemos
    aqui para ser a sede da Secretaria-Geral da Unasul”.

    Dilma Rousseff, nesta quarta-feira, em Quito, no encontro com o
    presidente Rafael Correa, explicando que o Equador é sede da
    Unasul porque seu território ocupa metade do planeta

    Precisa deizer mais? Então vamos lá
    Se ela tivesse competência, nessa reunião do “Conselhão” ele teria vindo com propostas e projetos prontos para ser debatidos. Mas o único projeto dela e ressucitar a CPMF.
    Precisa reformar a Previdência? sim claro que precisa.. Mas cade o projeto do governo?
    Precisa da CPMF? Qual a contrapartida que oferece? Diminuição de Ministérioso? Diminuição dos cargos em Comissão? Controle EFETIVO de despesas do governo.^
    Precisa de reforma trabalhista? Sim, claro que precisa. Mas qual é o projeto do Governo? Esperar que as Centrais Sindicais vão fazer o projeto?
    Neste forum de discussão o governo deveria mais ouvir do que falar,mas gastou 80% do tempo falando.
    Por tudo isso é que propomos como unica saìda para recuperação do Brasil, é a saida imediata de Dilma, não por toda a corrupção de seu governo.mas por ABSOLUTA INCOMPETÊNCIA DE GOVERNAR ESTRE PAIS.
    Quer um exemplo? essa Senhora administra o setor elétrico e de energia desde 2003 e deu no que deu: Tudo esculhambado. Chega, não dá mais

  26. a proposta deles e circular dinheiro no mercado financeiro…. que dinheiro e esse?, naturalmente e mais uma vez o trabalhador e o grande salvador da patria…endividado o trabalhador obtém um consignado atrelado ao FGTS( so um burro para fazer isso), estão tentando fazer com o trabalhador o mesmo que fizeram com os aposentados consignado atrelado com o INSS, no final do mes o aposentado não tem nada para receber, como pode um ministro da fazenda ser tão criativo(rsrsrsrs) essa e a solução, e os bancos estão aplaudindo porque, atualmente não estão emprestando mais nada, por isso a “saida à francesa” do Setúbal, o pais parou e ate para os bancos a crise chegou.

  27. A virada do jogo se dará ao natural, o consorcio Moro/PiG/banda podre da PF começou a caçada na Petrobrax, passou pela friboi, Havan, triplex, barco de aluminio na casa do amigo, só falta investigar quem doou o isopor que o Lula carregou na cabeça. Decididamente, esse é o cara.

  28. Olha meu caro Kotscho, é importante que se estabeleça aqui a verdade. Quando se fala da Dillma, há uma tentativa inegável de associá-la ao Lulla. Mas que fique claro aqui a verdade: o Lulla não tem nada, nada que ver com a Dillma. A Dillma foi lançada pelo Partido dos Trabalhadores à sucessão do Lulla. O Lulla é apenas membro do PT. Elle não escolheu a Dillma para sucedê-lo. Elle não tem nada que ver com isso. Se alguém tem responsabilidade aqui, é o Diretório Nacional do PT que escolheu a Dillma em 2010 e em 2014, conforme as atas do processo de escolha registradas nos autos da sede do partido em São Paulo. Sabe, eu acho um absurdo tentarem fazer isso com o Lulla, de associá-lo a um governo fracassado, como se elle fosse o responsável por fazer a Dillma candidata e depois presidente do Brasil. E eu desafio qualquer um que frequente este blog a contradizer esta verdade e provar o contrário.

  29. Caro jornalista. Havias levantado o astral. Pelos seu comentarios e opiniões no ano passado a presidenta sairia vergonhosamente pela s portas dos fundos. Sempre protestei nesse espaço. Dei uma parada. percebeu que a corda está ruindo. Caro jornalista. A Presidenta passou no sul, a maior parte da vida, mas é mineira. No jornal de terça feira, fiquei decepcionado com o seu comentário, dizendo que esperava mais, que ela fosse mais corajosa e desse um bote maior. Simplesmente ela é prudente. Sabe abertamente que eles querem e procuram com velas acesas é o seu amigo, nosso maior presidente e Estadista. Vai acabar de ruir a corda, o corajoso e inteligente estadista provocou e eles responderam nesse ultimo desvario, arrolando para depor como investigados um casal, sempre humilde, mesmo tendo ocupado o marido o maior cargo executivo, Admirado em todo o mundo, mas criticado por uma parcela da elite brasileira que passa para os mais pobres essa idéia tentando destruir as obras estruturante realizadas em benefício dos menos favorecido e dos negros principalmente, no entanto uma peque na minoria cospem no prato que comeram. Tem a idéia fixa de aprisioná-lo e destruir a sua moral.. Não conseguirão. Ele reagiu. Muitos dos que foram ajudados e somos testemunhas do processo, vários intelectuais estamos como o Estadista, não conseguirão o intento precisam bater em retirada, posteriormente compreenderá que a Presidenta mineira de nascimento, tem fortes raizes e determinação. ” Vida que segue “. Vamos aguardar.

  30. Aparentemente, não apenas Dilma, mas o próprio PT como um todo e Dilma. A professora Maria da Conceição Tavares antecipa a necessidade de uma ‘frente ampla’ para tentar retirar a economia do brejo. Todavia, com Dilma e suas notórias e cada vez mais explícitas limitações, porque faltam-lhe os recursos elementares à liderança política, seja pelo carisma ou retórica, as coisas tendem a não sair do lugar, quando não piorarem. Os dados prestes a serem divulgados a respeito do consumo de energia elétrica pelo setor industrial e do primeiro janeiro após o desmonte da rede trabalhista do seguro-desemprego vão apresentar um panorama pior do que o esperado por 9 entre 10 consultorias especializadas. Os dados oficiais ainda precisam de ajustes, mas os números antecipam um agravamento do quadro econômico-fiscal, para não tocar no ‘político’ (que vai esquentar com as eleições municipais). Na Espanha a esperança fica no colo do ‘Podemos’. Já no Brasil, o clima está mais para um “Perdemos” ou “Vacilamos”. Bem, o carnaval e Momo estão já nas ruas, mas se trata daquela alegria que termina com gosto de cabo de guarda-chuva na quarta cinzenta.

  31. O Lula disse uma coisa muito verdadeira: a Dilma está no volume morto, o PT está abaixo do volume morto, e ele está no volume morto. Parabéns, se derem a volta por cima, porque já perderam 2015 inteiro, os prognósticos para 2016 não parecem muito diferente disso, e 2017 e 2018 será o entardecer dessa gestão.

  32. Sr. Henrique assuntos velhos e desgastados. Previsão futura muito negativa. Leituras e visão social com os mais pobres e benéfica para tentar prever o futuro. Bom domingo.

  33. fazer a mesma politica economica quje afundou o pais e que é igual da venezuela que está parecendo cuba não vai nos desgraças mais? não seria bom alguem que tenha estudado economia e obedeça o que funciona?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *