IBGE: quase uma S. Paulo inteira sem trabalho

IBGE: quase uma S. Paulo inteira sem trabalho

Você pode imaginar uma cidade do tamanho de São Paulo quase inteira sem trabalho, com todo mundo acordando de manhã sem ter para onde ir e sem receber salário no final do mês?

Esta foi a imagem que me veio quando li os novos números do desemprego divulgados pelo IBGE nesta terça-feira, que voltaram a bater recordes.

Segundo o mesmo IBGE, a maior cidade do país tinha 11,9 milhões de habitantes em 2014.

Pois os novos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad) revelam que a população desocupada no Brasil já chegou a exatos 8 milhões e 979 mil trabalhadores no terceiro trimestre deste ano.

Outro número que me chamou a atenção foi o aumento da taxa de desemprego registrado entre os jovens de 18 a 24 anos, que atingiu 19,7%, bem acima da média nacional (8,9%).

“A taxa de desocupação apresentou alta tanto em relação ao segundo trimestre quanto em relação ao mesmo trimestre do ano passado. Em um ano, houve um aumento de quase dois milhões de desocupados”, explicou Cimar Azeredo, gerente de Coordenação de Trabalho e Rendimento do IBGE.

E em Brasília só se discute o destino de Eduardo Cunha no Conselho de Ética e a prisão do empresário José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Lula, na Operação Lava Jato.

Vida que segue.

 

 

 

 

37 thoughts on “IBGE: quase uma S. Paulo inteira sem trabalho

  1. RK, como já disse aqui, no meu ramo de atividade convivo com o drama do desemprego diariamente. Trafego entre patrões e peões. Empresas fechando, empresários vendendo máquinas para pagar indenizações trabalhistas, vidrinho de calmante na mesa. A situação é desesperadora. Não há uma empresa que visito, 4 ou 5 por dia (ramo metalúrgico de todos os segmentos) que esteja demitindo menos de 30% do quadro. Como vão fazer quando a economia reaquecer, se venderam a máquina para indenizar o peão? Não terão a máquina e nem crédito para comprar outra, e dai? Já que você citou o Bunlai, o amigo do Lula que recebeu do BNDES 1,3 bi, sendo que 115 mi depois de já estar falido. Façamos uma conta: Uma máquina custa na faixa de 100 mil, máquina básica que toda metalúrgica tem de ter. Daria para atender 13 mil pequenas empresas. Se fosse a fundo perdido ainda seria melhor para o País.

    1. …mas, sou capaz de apostar que a maioria destes seus “patrões” melhoraram, e muito, os seus patrimônios pessoais, conheço um aqui que esta sem dormir com esta “crise”, mas não vende a Hilux que guarda na garagem para ir para o sítio, e o HB20 que comprou para a filha, para aplicar em atividades geradoras de trabalho, tudo adquirido nestes nos deste governo.Outro, triplicou a sua empresa, comprou uma casa num condomínio fechado, e está quase maluco com medo de uma crise que ainda não bateu nas portas dele.

    2. Everaldo, de alguém que compara Lula a Jesus, não se pode esperar sensatez (é fanatismo tipo membro do ISIS). Falo da maioria, o pequeno e médio empresário que, acreditando nas conversas do Lula, resolveu empreender e abrir um pequeno negócio ou ampliar o que tinha. O exemplo que você apresenta, está mais próximo dos Bunlai e cia que a Lava Jato vêm enjaulando diariamente, esses tem costas quentes, como o Barba ou Brahma, dependendo a roda de conversa. Os índios do PT ainda consideram os patrões inimigos da pátria, os caciques do partido foram mais pragmáticos, se associaram com alguns, os maiores e mais corruptos, e com eles enriqueceram.

    3. …ôh Zé!… o Jesus bíblico perdoará a tua cegueira, o que usei e que comparei a LULA, na minha figuração, foi menor do que êle, pois este tirou a cegueira não de um, mas de milhões como você, que não viam corrupção no Brasil, e agora se colocam como arautos da moral e dos bons costumes, a popular hipocrisia.Os “índios do PT”, não vêm os empresários como inimigos do Brasil, apenas a maioria, que não sabe o que é ser empresário em uma economia de mercado, e são tão corruptos quanto os políticos que combatem.Poucos setores da nossa economia tiveram aumento nos custos que justifiquem o aumento que têm repassado aos produtos, isto não seria corrupção, disfarçada de inflação ???

  2. O melhor que poderia acontecer neste momento, ao PT, seria o impeachment da presidenta. Pensem bem, o partido poderia se fazer de vítima dizendo ter sofrido um golpe das “elites”, largaria a conta de todos os erros cometidos na condução da economia ao longo dos últimos anos no colo de quem assumisse o governo e o Lula poderia assumir de vez o papel de oposição e fazer o que mais sabe: criticar. O oposição deveria esquecer de vez esse assunto do impeachment, pois, como diz o ditado, devemos tomar cuidado com nossos desejos, porque eles podem se realizar…

  3. Caro Kotscho, como você avalia a venda do grupo empresarial ABC, que engloba as empresas do Nizan Guanaes? Sei que sua seara é a política, mas você o usou de exemplo de empresário otimisma e perseverante, em um artigo há pouco tempo atrás. Ressalto que, como em noventa e nove por cento das aquisições empresariais, virão cortes e mais uma horda de desempregados se juntarão às estatísticas…

  4. Vixi,ainda vai piorar daqui alguns dias depois que as agências de classificação de risco rebaixar a nota do Brasil novamente,anteontem em Niterói tinha fila de 6 quarteirões com 35 mil pessoas que passaram por lá ao longo do dia,grande parte formada e aceitando o que aparecesse,igualzinho a propaganda do João Santana dizendo o que aconteceria se o Aécio fosse eleito.Mas eu sou otimista e tento enxergar sempre o lado bom das coisas,já no ano que vem o PT sairá bem menor do que entrará nas eleições municipais e em 2018 diminuirá ainda mais com a derrota do Lula(isso se até lá o Sergio Moro não prender ele,o Bumlai seu amigão do “passe livre” no planalto,já está no Spa da PF em Curitiba),e para o bem do país o PT depois de tanto tempo voltará ser o que nunca devia ter deixado de ser,apenas um PSTU da vida,se Deus quiser,os argentinos já se livraram do cancer do esquerdismo barato,logo será a Venezuela e depois seremos nós,não há mal que dure para sempre.

  5. É assustador! Mas a maior discrepância que vejo nisso tudo são os políticos fluminenses enriquecendo no meio de tantos absurdos como este. Crise!? Infelizmente só para alguns, a maioria, melhor dizendo.

  6. Infelizmente ainda estamos longe do fundo do poço. Dizem que em 2016 sentiremos saudades de 2015, ou seja, vai piorar mais. Simplesmente o governo não consegue sair do enrosco das contas públicas porque não possui embasamento no Congresso. Não vai passar a CPMF, a Dilma não corta gastos de custeio e isso nos leva ao descrédito que nos leva a não atrairmos investimentos não especulativos. Ou conseguimos um “choque” de credibilidade ou vai ficar muito pior a recessão, o desemprego, a inflação. Se considerarmos os beneficiários do bolsa família o desemprego é muito maior, com muito mais gente sem trabalhar, sem produzir. Dias negros avizinham-se.

  7. O grande problema, Kotscho, é que não há a menor possibilidade de melhora nesse quadro. O governo não inspira confiança, Dilma é fraca. Qual empresário em sã consciência investiria em um país com nossa carga tributária, burocracia extrema e economia em frangalhos? Se a crise é mesmo política, como alguns Ptistas aqui insistem, o melhor para o Brasil é que Dilma caia.

  8. Duas questões de desordem, Mestre balaieiro: O que é pior, 12,5% ou 8,9%, como taxa de desemprego, e melhor, US$ 19 bilhões emprestados em divisas ou US$ 369 bilhões próprios, para não quebrar o país? Pode resolver-se crise econômica, perfeitamente administrável, sem resolver-se antes imensa crise política concomitante, com Eduardo Cunha no congresso e Moro / Bumlai-da-fase-da-hora na justiça, que o Mestre considera ou não, que na realidade, seletivamente, faça política, inadmissível em se tratando de, justiça, república e democracia? De lama, sugere-se que não se veja apenas as que se fazem e as que fazem, visíveis, quer no mar do Espírito Santo, quer nos palácios de Brasília, temos também a ver as piores, as que fazem invisíveis, as que não deixam à vista, sempre, em volumes mortos de lama trensalõesportadas para os escuros porões, dos Bandeirantes, das Geraes e outros, nunca dantes vistos, com auxílio escancarado da mídia e da justiça, para poderem passar desapercebidas. De inocentes, sabe-se, o chão do Bataclan ficou forrado de corpos trespassados por balas, as vítimas de sempre, enquanto François Hollande dava milho pra bode, no balaio mundial.

    1. Dias,quanto era a divida publica quando o PT assumiu o governo federal e quanto é agora vc sabe?E a divida da Petrobras quanto era e quanto é agora?vc sabe nos informar amigo?kkkk

    2. Tá Dias, o FHC mandou avisar que no tempo de Sarney o desemprego era maior..Este por sua vez anda dizendo que o Militares quebraram a economia…
      Em tempo, o velho Deodoro da Fonseca, já mandou avisar através de um Medium, que D Pedro I era um mulherengo, gastador e mentiroso!
      E nem sabia que a “gesiefalia” era tão contagiosa! (Espera, ele está escrevendo a revista dele, até o final da tarde ele termina, e o Kotscho postará aqui no Balaio… mas certamente não deixará passar mais que duas páginas de no máximo 50 linhas)!

    3. O Brasil é divertido, pois até complexos assuntos como a divida pública brasileira e a da Petrobrás, essa em pleno desenvolvimento do Pré-Sal e tudo que isso implica, sem contar a queda no preço do petróleo atingindo todas as petroleiras do mundo e a operação Vaza-Jato, inédita mundialmente na prática desnecessária de cercear economicamente a companhia em função de operação de investigação da justiça, onde ela é a vitima, sem levar-se em conta o porte e a importância estratégica desse setor, economicamente para o país, virou especialidade geral. Mas vamos lá, simplificando, a divida pública brasileira em relação ao PIB em 2002 e novembro de 2005 são praticamente a mesma, em torno de 60% e 65% e a liquida, que desconta os ativos das três esferas governamentais (onde se inclui as nossas substanciais reservas internacionais) em 2002 era de 60,4% e hoje é de 33% do PIB. Quanto a Petrobrás, é sacanagem qualquer comparação, simplesmente porque estavam desmontando-a para entrega na bacia da almas da privataria e o endividamento atual, embora preocupante e não recomendável, é perfeitamente gerenciável olhando-se para os ativos, sem falar em possíveis aportes do governo, que se justificam. Então kkkk, o que andaram contando para você? Que o Brasil faliu? Esquece cara, de uma conferida nos investimentos externos, continuam chegando. Que a Petrobrás está falida? Esquece, estão doidinho para toma-la de assalto, de fato e não vaza-jato. E aí vai permitir?

    4. …graaande Cardeal Dias, os seus comentários, serão classificados nos cânones da Igreja do Santíssimo Balaio, como demolidores de coxas. Todo coxa que se regenere e resolva se candidatar a santo, para ser beatificado, tem que os recitar de cor, sob os açoites do cardealíssimo Vítor Hugo, antes de serem apresentados à papisa Helena/Santo André.

  9. Além do desemprego, existe a dificuldade de recolocação, principalmente para os profissionais que num passado breve participavam das grandes construções desse país, incluindo a construção das refinarias para a Petrobras, obras que hoje estão praticamente paralisadas.
    Aliado a isso, muitos desses profissionais foram demitidos ao longo do ano sem que seus direitos trabalhistas e vários salários atrasados tenham sido quitados.

  10. Jesus Cristo quando transformou água em vinho e salvou do apedrejamento uma prostituta, queria nos dizer que os prazeres da carne não são tão maus assim. Os coxas que festejam esta “crise” sabem que o único pecado deste governo foi ter patrocinado uma onda de crescimento, nunca vista em nossa história, e que por um momento, esta em “maré baixa” para se recuperar na “maré cheia” que a sucederá. Os desempregados de hoje, estão em um ambiente econômico bem diferente dos que vivemos no passado.A economia informal, não avaliada no desempenho dos índices oficiais, logo estará mostrando o seu valor.Jesus Cristo, ao devolver a visão a um cego, quis dizer que, a cegueira é apenas a falta de um Cristo ( um LULA ) por perto.

  11. Previsão para este ano retração de 3,10 do PIB……….o que mais me assusta é o próprio governo prever para 2016 uma retração de 1,90 do PIB, como sempre erraram, não será dificil em 2016 ser acima de 2%………….Confirmando esses prognósticos, 2017, na melhor hipótese, o PIB deve ainda ser negativo próximo de 1%, e 2018 com um pequeno crescimento.
    Resumo da ópera……bye bye Lula.
    Dias, atrás Dias a frente……”a culpa de tudo isso é do PIG, da Justiça, dos empresários….”, só rindo !!!
    O que não me conformo é a oposição não aproveitar esse “capotamento econômico” provocado pelo governo, esta mais do que na hora de apresentar um projeto de governo.
    Impeachment..AGORA………..só interessa ao PT (sairiam como vítimas desse desastre causado por eles) para oposição é um tiro no pé.

  12. A taxa de desemprego ficou em 8,9% no terceiro trimestre de 2015, segundo dados divulgados hoje,24-11-2015 pelo IBGE .Essa foi ,Sr.Ktcho, a maior taxa da série -histórica, iniciada em 2012. No Brasil 39% das pessoas em idade de trabalhar foram classificadas como fora da força de trabalho, ou seja, não estavam ocupadas nem desocupadas. O Nordeste teve a maior taxam de 42,5% e a Centro-Oeste, a menor 35,3% . Olha p o drama; Jovens de 18 a 24 anos eram 33,1% e os adultos de 25 a 39 anos de idade, de 37%.
    No geral, a população desocupada chegou a 9 milhões de pessoas. De acordo com o IBGE, esse foi o maior crescimento da população desocupada na comparação anual.
    A população ocupada só não está caindo porque as pessoas que estão perdendo a carteira de trabalho, estão se inserindo no mercado como conta própria ou abrindo pequenos negócios.
    IBGE. Viu? Para o IBGE, um engenheiro vendendo salgadinho não é desempregado e nem desocupado. Estes números dramáticos e desesperadores ainda são ”lapidados” e ”otimizados” pelo IBGE, ou seja, a realidade sem maquiagem estatística é pior ainda.

  13. E segundo a data popular, 67% dos brasileiros atribuem a crise econômica à corrupção. E tem razão. Vejam a última: a Usina São Fernando, do Bunlai, embolsou R$ 500 milhões do BNDES e depois quebrou. Funcionava no mesmo endereço da LLCS Participações, dos filhos do Lula. Aos meus amigos petistas: vocês acham isso ético, decente? Não vale a resposta “os outros também fazem”, isso é conversa do Maluf.

  14. Kotscho, 8,9% de desemprego, é “mais um índice” que mostra a superioridade da administração da Dilma do PT frente a administração do FHC do PSDB, quando o desemprego era de 17%. E esse numero do governo Dilma, ainda poderia ser melhor, se o governo Alckmin do PSDB, tivesse uma media melhor de desemprego, pois São Paulo é o estado que puxa este índice de desemprego pra cima, pois a taxa de desemprego em São Paulo é de 13%, muito acima da media Nacional que é de 8,9%. E esse índice de 8,9% de desemprego no governo Dilma, que é também “menor do que em vários países de primeiro mundo, cujo a media é de 12% por lá”; que somado a outros índices como: Taxa de juros de 14% e inflação de 6,5%; é o que mostra que a administração Dilma, é boa, longe de ser catastrófica como a do FHC do PSDB, com taxa de juros de 42% e inflação de 12%; o que prova que “Não ha improbidade administrativa, que motivaria um pedido de impeachment, como havia na época do FHC do PSDB”. -Esse ano de 2015, segundo “”Os especialistas do mercado financeiro a inflação deverá ficar entre 8 e 10%””; e a “inflação do ano que vem deverá recuar para 6,9%”. -E para o desespero do PSDB e do Padrão Globo de jornalismo, naturalmente as pessoa vão perguntar: “”Então a Dilma fez uma ótima administração em 2015, diante dessa terrível crise que a grande mídia e o PSDB sempre afirmaram que o Brasil vive, de maneira que a inflação baixará em 2016?”” -Então Kotscho, poderíamos deixar tudo como está, para que a Dilma colhesse os louros da economia. “”Mas isso não é correto””. – O correto é dizer a verdade. De que a Dilma “não fez nada para que a inflação baixasse em 2016”, pois os ajustes que ela e o Levy fizeram na economia “não refletem na inflação”. – Então qual o milagre? – O milagre, é que não ha milagre. – O Fato é que “nunca o Brasil esteve numa crise gravíssima como o Padrão Globo de jornalismo inventou”. – E essa inflação de 10% que deve fechar 2015, se deve “ao fato dos investidores Brasileiros” e consumidores terem acreditado nos boatos plantados pelo Padrão Globo de jornalismo, e assim parado de investir e de consumir, o que gerou desemprego e recuou na produção do país. -E como agora o PSDB e o Padrão Globo caíram no descredito, o povo em 2016 voltará ao normal: Investindo e consumindo; num país que as agencias internacionais, sempre disseram que não estava em crise gravíssima.

    1. Os petistas acham que inventaram o Brasil, que antes dos governos Lula/Dilma nada existia, quando na verdade é o contrário. Pegaram uma economia organizada e o cofre cheio, ainda chamaram de herança maldita, acabou a “herança maldita” acabou o governo do PT. Como bem disse o FHC: “O Lula não sabe fazer onda, só sabe surfar nas ondas dos outros”. Força soldados do PT, está cada dia mais difícil defender o indefensável.

    2. Ninguém merece, ainda mais o preciso Gesiel, a frase, “Pegaram uma economia organizada e o cofre cheio …” É dose pra mamute listrado dopado, sair em disparada. Definitivamente o plantel de pândegos ‘bandalarga’ no Balaio, além de espaçoso, está pra lá de imbatível. Corre-se o risco de fadiga múltiplas de mandíbulas, de tanto rir-se. Assim não dá! Assim não pode! Diria até o “Cínico Pé-de-página”, da Rio de Janeiro, aqui no Balaio, caso não tivéssemos acatado esquecer o que escreve.

    1. sou coxinha do balaio, peguei uma passagem só de ida pra europa há 10 anos e ganho 8000 euros por mês….he,he.(PS: paguei a passagem do meu bolso, sem “bolsa passagem aérea classe executiva para políticos corruptos e simpatizantes do PT”).

  15. Fosse no governo do PSDB,isto seria ruím!.No caso é desgoverno do PT,é uma maravilha!.A presidente Jânio Quadros Dilma Roussef.É UMA MARAVILHA SEM PAR!.Gostaria de ver postada esta mensagem verdadeira.

  16. E a classe empresarial vai dando a sua ajudazinha demitindo. É lógico tambem que não vão ficar com empregados ociosos pagando salario. Em vista disso quem sai no prejuizo é o governo federal. Eis aí a razão porque o governo nunca, jamais pode errar e tem e deve ser prevenidos não deixando os fatos se encaminharem para isto. Governar é como ficar na corda bamba, tem que ser futurologo, tem que previr que tal coisa não pode acontecer porque será um álibi para a oposição e os oportunistas tirar proveito e por aí vai. Acho que o governo teria que ter uma equipe de analistas politicos bem afiada analisando o tempo todo os movimentos da Câmara do Supremo Tribunal e da oposição para não deixar a coisa ir para inde foi. Depois que o tal de Lava Jato começou a sua caça aos “corruptos” do PT, que aliás foi magistralmente usada pela a oposição que a economia caiu no vácuo. O governo, no meu ponto de vista, tinha que analisar de maneira bem profunda a sua postura quanto ao caso das denuncias dos corruptos do partido e anunciar medidas mais protetoras politicamente que sair dizendo que punirá seja lá quem for. Isto foi uma porta escancarada aos oportunistas que trataram de jogar sobre o partido as culpas da corrupção que nunca mais conseguiram reverter. Pior é que o povo acolheu como culpados os politicos do PT. Depois disto as coisas complicaram e muito pro PT e a propaganda alastrou-se de tal modo que hoje até charges são usadas como piadas contra o partido. Aqui no Brasil, quando a coisa vai pro escarnio,, prá gozação, a seriedade vai pro ralo e daí à perda da credibilidade que nunca mais se recupera. Hoje o apoio ao partido, que resiste graças a ação redentora do PMDB e cujos politicos estão mais à espera do pedido de renuncia da Presidenta para assumir de graça o poder, que o governo resiste. Assim gente, acabamos de votar no PMDB, votando na presidenta Dilma. Aí está a esperteza dos politicos profissionais do PMDB, que arranjando o vice, acabaram tomando o poder. Será que os estrategistss do PT previram isto? Aí, neste ínterim que achei onde estava a ingenuidade do partido.

    1. divaldo – 24 de novembro de 2015 – 23:32
      ”E a classe empresarial vai dando a sua ajudinha demitindo.”
      Faça sua parte ,pois então, ó caridoso! Monte uma pequena Indústria ,pague todos os tributos legais e contrate alguns funcionários ociosos ,mantendo-os com rodos os direitos da CLT. Não é lindo e maravilhoso a UTOPIA infantilizada?
      A Mercedes Benz, de S.B.do Campo e muitas outras empresas da região e do ramo da metalurgia fazem isso com ajuda do governo ,através do programa de proteção ao emprego (PPE) ,mas isso é com recursos do PAT. A Mercedes mantém cerca de de 3 mil ociosos recebendo, em média, 5000 reais/mês. ”três mil pessoas batendo papo dentro da fábrica sem ter o que fazer e levando 5 mil para casa, é muito bom”. Só falta eles fazerem greve por melhorias salariais, né não, ó caridoso?

    2. …pois é Divaldo, a propósito ontem ia perguntar aqui por onde andava você, …pois é, minimizar o lucro, mesmo zerar o lucro, durante um período, e manter os empregados em condições de aquecer o mercado, em que eles mesmos seriam os maiores beneficiados, exigirem dos bancos que diminuam suas taxas abusivas, eles não fazem, não fazem caridade nem pra eles mesmos. Não são empresários, são uns crápulas.

    3. Olá colegas, me ausentei por uns tempos porque estou tambem brigando lá dentro do face, lá eu estou tentando reeducar uns coxinhas da família que estão postando piadinhas de mau gosto do partido emestou soltando os cachorros sobre eles. Descobri que preciso tambem sanear as cebecinhas incautas. Arrange algumas briguinhas com familiares mas eles reconhecem que quando comento, tenho razão apesar de ser com eles meio ditador e sabem muito bem que sou assim desde criança, meu apelido era dr. Infezolino, o homem que não ri, mrssssss…Mas deu um descanso prá eles e volto aqui na minha labuta mas eu ando meio chateado com a turma do partido porque estão dando muita moleza prá oposição e o PIG, mas não desisto porque sei que a oposição não pode tomar o poder central, eles terão que ficar na periferia dos assuntos do governo federal. Um abração a todos.

  17. Nos votamos(e somos obrigados a votar no Brasil), a desgraça dos gregos ,não é nossa!.Até mesmo porquê,o Brasil é uma imensidão continental em todos os sentidos se comparada á Grécia.Nem mesmo o PT e o PMDB e outros aliados conseguem destruir o Brasil.

  18. E isso é só o começo. 2016 vem aí pra comprovar a destruição em massa produzida pelo desGoverno do PT. Se hoje está ficando ruim, tenham a certeza que vai piorar e muito. O Brasil não só vai regredir o que conquistou a duras penas desde 1994, como vai despencar para os anos dourados de Collor (estagflação + recessão + desemprego + miséria + falência total do setor público). Parabéns ao PT. Parabéns a Dillma e Lulla.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *