Browsed by
Mês: abril 2015

Civilidade é o novo desafio das redes sociais

Civilidade é o novo desafio das redes sociais

Metade da população brasileira, segundo o IBGE, já tem acesso às redes sociais em suas diferentes plataformas _ e esta é uma notícia muito boa. Estamos cada vez mais conectados ao mundo digital que provocou a maior revolução nas comunicações humanas deste a criação da imprensa, mais de 500 anos atrás. O grande desafio que se coloca agora é discutir de que forma utilizamos este fantástico instrumento de interação e democratização, em que todos nos tornamos ao mesmo tempo emissores e receptores…

Leia Mais Leia Mais

O drama de ficar sem trabalho por trás dos números

O drama de ficar sem trabalho por trás dos números

São poucas as coisas que efetivamente sabemos sobre os efeitos que produz um ajuste fiscal. A primeira é que eles sempre afetam o nível do PIB e distribuem os custos de forma desigual entre os trabalhadores, os empresários do setor real e os intermediários financeiros (Antonio Delfim Netto, na Folha).   Ainda bem que nunca passei por isso, graças a Deus. Nos meus 51 anos de carreira como jornalista, nunca fui demitido nem fiquei um dia sem trabalho. Sou um…

Leia Mais Leia Mais

Dilma nada tem de bom para anunciar neste 1º de Maio

Dilma nada tem de bom para anunciar neste 1º de Maio

Passaram-se apenas seis meses, lembram-se?, desde que Dilma Rousseff foi reeleita presidente da República, em 26 de outubro de 2015. De lá para cá, mudou tudo, e o país virou de cabeça para baixo. Maioria virou minoria, base aliada agora é oposição, o PMDB de Michel Temer assumiu o comando político e, Joaquim Levy, o da economia, fazendo tudo ao contrário do que a presidente prometeu na campanha. A popularidade da presidente caiu em parafuso. Dilma, que já foi chamada…

Leia Mais Leia Mais

CBF devia proibir TVs de mostrar futebol europeu

CBF devia proibir TVs de mostrar futebol europeu

Foi uma semana de muito futebol na televisão, esta que passou. Como meu time, o São Paulo, já foi eliminado do Paulistinha, pude acompanhar neste domingo vários jogos sem ficar nervoso nem me irritar, só pelo prazer de ver o esporte mais popular do mundo. Depois de assistir a algumas partidas da Liga dos Campeões da Europa durante a semana e os melhores momentos das finais dos campeonatos estaduais brasileiros, confesso que me deu vontade de chorar. É covardia. Parece até que…

Leia Mais Leia Mais

Até aonde vai poder paralelo de Cunha e Gilmar?

Até aonde vai poder paralelo de Cunha e Gilmar?

Cada vez que acompanho pela televisão entrevistas do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, e do ministro Gilmar Mendes, do STF, custo a acreditar no que vejo e ouço. As palavras simplesmente não combinam com a expressão dos rostos, como se eles próprios não acreditassem no que falam e pensem que do outro lado da tela só existam idiotas. O poder paralelo que os dois criaram e ampliam a cada dia _ diante do vazio político deixado pelo governo e pela oposição, pelo…

Leia Mais Leia Mais

Acredite: um dia de boas notícias e esperança

Acredite: um dia de boas notícias e esperança

Pode até parecer estranho, quase inacreditável o título desta coluna. Em meio a mais uma enxurrada de más notícias, que podem ser encontradas em todos os jornais e portais, e não vou repetir aqui, eu encontrei duas que me deixaram feliz e renovaram minhas esperanças. Nada como um dia após o outro, com uma noite no meio, claro. Para começar, depois de levar dois chocolates do velho adversário só este ano, na noite de quarta-feira o São Paulo quebrou uma invencibilidade…

Leia Mais Leia Mais