Para onde vamos, Dilma: fundo do poço ou poço sem fundo?

Para onde vamos, Dilma: fundo do poço ou poço sem fundo?

Sábado, 28 de fevereiro de 2015.

Um clima de fim de feira varre o país de ponta a ponta apenas dois meses após a posse da presidente Dilma Rousseff para o seu segundo mandato. Feirantes e fregueses estão igualmente insatisfeitos e cabisbaixos, alternando sentimentos de revolta e desesperança.

Esta é a realidade. Não adianta desligar a televisão e deixar de ler jornais nem ficar blasfemando pelas redes sociais. Estamos todos no mesmo barco e temos que continuar remando para pagar nossas contas e botar comida na mesa.

Nunca antes na história da humanidade um governo se desmanchou tão rápido antes mesmo de ter começado. Para onde vamos, Dilma? Cada vez mais gente acha que já chegamos ao fundo do poço, mas tenho minhas dúvidas se este poço tem fundo.

“O que já está ruim sempre pode piorar”, escrevi aqui mesmo no dia 5 de fevereiro, uma quinta-feira, às 10 horas da manhã, na abertura do texto “Governo Dilma-2 caminha para a autodestruição”.

“Pelo ranger da carruagem desgovernada, a oposição nem precisa perder muito tempo com CPIs e pareceres para detonar o impeachment da presidente da República, que continua recolhida e calada em seus palácios, sem mostrar qualquer reação. O governo Dilma-2 está se acabando sozinho num inimaginável processo de autodestruição”.

Pelas bobagens que tem falado nas suas raras aparições públicas, completamente sem noção do que se passa no país, melhor faria a presidente se continuasse em silêncio, já que não tem mais nada para dizer.

Três semanas somente se passaram e os fatos, infelizmente, confirmaram minhas piores previsões. Profetas de boteco ou sabichões acadêmicos, qualquer um poderia prever que a tendência era tudo só piorar ainda mais.

Basta ver algumas manchetes deste último dia de fevereiro para constatar o descalabro econômico em que nos metemos. Cada uma delas já seria preocupante, mas o conjunto da obra chega a ser assustador:

“Dilma sobe tributo em 150% e empresas preveem demissões”.

“País elimina 82 mil empregos em janeiro, pior resultado desde 2009”.

“Conta da Eletropaulo sobe 40% em março”.

“Bloqueio de caminheiros deixa animais sem ração _ Na região sul, aves são sacrificadas em granjas, porcos ficam sem alimento e preço do leite deve subir”.

“Indicadores do ano apontam todos para a recessão”.

“Estudo da indústria calcula impacto de racionamento no PIB _ Queda de 10% no abastecimento de gás, energia e água levaria a perda de R$ 28,8 bi”.

As imagens mostram estradas que continuam bloqueadas por caminheiros, depois de mais de uma semana de protestos, agentes da Força Nacional armados até os dentes avançando sobre os manifestantes, produtores despejando nas ruas toneladas de latões de leite que ficaram sem transporte. O que ainda falta?

Enquanto isso, parece que as principais lideranças políticas do país ainda não se deram conta da gravidade do momento que vivemos, com a ameaça de uma ruptura institucional.

De um lado, o ex-presidente Lula, convoca o “exército do Stédile” e é atacado pelo Clube Militar por “incitar o confronto”; de outro, os principais caciques tucanos, FHC à frente, fazem gracinhas e se divertem no Facebook. Estão todos brincando com fogo sentados sobre um barril de pólvora. É difícil saber o que é pior: o governo ou a oposição. Não temos para onde correr.

A esta altura, só os mais celerados oposicionistas defendem o impeachment de Dilma e pregam abertamente o golpe paraguaio, ainda defendido por alguns dos seus aliados na mídia, que teria um final imprevisível.

O governo Dilma-2 está cavando a sua própria cova desde que resolveu esnobar o PMDB, e não adianta Lula ficar pensando em 2018 porque, do jeito que vamos, o país não aguenta até 2018.

Nem Dilma, em seus piores pesadelos, poderia imaginar este cenário de terra arrasada _ ou não teria se candidatado à reeleição, da qual já deve estar profundamente arrependida.

Vida que segue.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

107 thoughts on “Para onde vamos, Dilma: fundo do poço ou poço sem fundo?

  1. Kotscho o que dizer de uma pessoa no comando maior do País e que não tem uma estratégia de comunicação? aliás faz questão de não ter, nem Porta Voz esta pessoa tem, desafiando qualquer lógica (Homenagem ao Dr. Spock), essa pessoa, despeja centenas de milhões nas empresas dos que estão no Comando do Golpe, golpe este que inclusive pode custar a própria vida da pessoa? O que dizer de uma pessoa que é RIDICULARIZADA PUBLICAMENTE pelo seu ministro da fazenda(tudo em minuscula mesmo) e não o põe no olho da rua imediatamente( poderia por no lugar por ex. Henrique Meireles e já teria trocado 0 6 pelo meia duzia)? O que dizer de uma mulher que mantém no Ministério da Justiça, uma pessoa que até agora não disse a que veio? O que dizer de uma pessoa que no meio de uma tormenta só comparável ao período que antecede 1º de abril de 1964, não nomeia imediatamente um Juiz para o o Supremo? Podemos, caro Ricardo Kotcho chamar esta pessoa que está cavando a própria ruína e a ruína do Brasil, de Presidenta da Republica?

    1. Muito simples, ‘Brasileira’, a casa caiu!
      Você já assistiu o filme “Assalto ao Banco Central”? É a mesma coisa…. A quadrilha era grande… Mas qdo eram surpreendido pela PF não tinham o que fazer. Vocês resistem em aceitar a verdade. Agora vou parafrasear vocês mesmos quando da “vitória” nas eleições de outubro. “Relaxem que dói menos”! O PT implantou a República do Crime no nosso País, e agora que a Policia Federal chegou aos calcanhares estão perdidos, sem rumo. Nem o mais pessimista petista imaginava que seus líderes ficariam tão sem rumo se fossem pegos. Pior mesmo é para o Brasil todo, que pagaremos a enorme conta por muitos anos.
      Depois da casa arrombada, tentam agora “fazer ajustes”. Faz-se ajustes, prevenção antes da casa está em chamas. O ministro Levy é uma espécie de Bombeiro, que já chegou dizendo… para salvar o que resta, a força da água vai fazer um estrago danado. Alguém já viu paredes caindo enquanto o bombeiro tenta apagar um incêndio? Pois é, o PT, Dilma, Lula e seus comparsas simplesmente delapidaram as estruturas, e agora chamaram pelos Bombeiros, sendo que as paredes já estão estremecidas! Engulam caladinhos o Levy falar para todos ouvirem, que o que fizeram nos últimos 04 anos foi uma “brincadeira”. Aliás, ele usou de eufemismo. Na verdade eu quis dizer: palhaçada mesmo!
      FALTAM 15 DIAS!!

    2. Mestre, está escancarado em comentário abaixo a leitura que os coxinhas fazem desse texto bissexto. Atira para ver se o mocinho reage a ação do bandido e acaba acertando à mocinha. Não é por falta de aviso.

  2. Ricardo,sinceramente me surpreendi com agressividade de seu comentário.Alguma coisa está acontecendo.Nunca li um comentário com tamanha ferocidade.Nem os cães de guarda da Veja,fariam melhor.Nunca assisti isso.Tem alguma coisa nos céus,além dos aviões de carreira.Suprimiu um comentário meu,para dar vazão a sua agressividade.Sua idade e sabedoria,não comporta textos desse tipo.Um pouco mais de calma e reflexão.Com a publicação desse texto,você ultrapassou e muito,as fronteiras da razoabilidade,apesar de você ter o alienável direito de se manifestar.Seu texto não é a favor do impechement ou golpe.Me desculpe,mas ele é proprio golpe.Estou estarrecido e envergonhado.Com ele,salvo melhor juízo,você iguala ao que há de mais retrógrado,reacionário e fascista em nossa sociedade.Seu texto foi feito,está me parecendo,nas dependências do Clube Militar.

  3. Dilma foi jogada na fogueira pelo Lula que viu os possíveis candidatos a sua sucessão penando na Papuda, ela não tem nenhuma capacidade política, já era sabido, capacidade administrativa? Nenhuma. Ainda tem gente que pede estratégia de comunicação… Comunicar o que? Quero ver o marqueteiro que dizem ter recebido 70 milhões pela campanha “vitoriosa” da Madama Presidenta tirar algum coelho da cartola. Ricardo, quer certificar-se da incapacidade da Presidenta? Faça uma visita a Sertãozinho e veja o que ela fez com o setor sucroalcooleiro, uma judiação! Ela conseguiu acabar com um setor, um dos mais atrasados da nossa economia, que com a onda da energia renovável vislumbrava a modernização já muito atrasada. Ela matou no ninho.

    1. “Senhor José Eduardo,28 / 02 / 2015 – 13:39 – “eu” vou mais ou menos pela linha do seu pensamento,só que “eu” vou um pouquinho alem.”
      O Senhor Lula nos vendeu a Senhora Dilma como *uma gerentona super competente*,só que ele mesmo já sabia que a Senhora Dilma está longe,mas muito longe de ser uma brastemp.
      “O que *ele* queria mesmo era exercer o seu terceiro mandato *através da Senhora Dilma*,mas ele esqueceu que a Senhora Dilma já foi ou ainda é guerrilheira,terrorista(aí já é uma questão de semântica) e consequentemente tem um temperamento muito forte,um gênio do cão.”
      No meio do *caminho* ela resolveu caminhar sozinha,e não servir de marionete para ninguém.
      Resultado:é essa paralisia,essa turbulência política,enfim esse caos que vivemos no presente momento.
      “Quanto ao *Senhor dizer que os possíveis candidatos do Senhor Lula,estarem penando na Papuda:ledo engano do Senhor,quem está penando na Papuda até o presente momento:são os presos comuns e não os mensaleiros.
      “Esses estão muito bem obrigado,pelo menos o núcleo político do Senhor Lula.”

  4. Qual o seu problema Kotscho? O que que te dói?

    Não estou. aliás, eu e muita gente, entendendo sua postura e postagens. As vezes acho que não é vc que está escrevendo, porque seria uma das últimas pessoas que faria uma oposição tão dura e injusta ao Governo Dilma. Esperava isso de jornalistas de direita e golpistas, mas de vc nunca imaginei. O Brasil e o povo brasileiro não precisa de mais um torcendo contra e Dilma não precisa de mais um lhe atirando pedras. Isso que vc está fazendo vai ajudar em que o país e o povo? Que decepção sr. Kotscho. Espero que sua consciência esteja tranquila.A direita, o PIG, a oposição maligna, os fascistas e os reaças te agradecem.

    1. “A direita, o PIG, a oposição maligna, os fascistas e os reaças te agradecem.”…

      realmente com pessoas tao obtusas como vc esse país nunca vai sair do buraco….
      eu me pergunto o que seria a “oposicao maligna”….qual é a sua definicao de “oposicao benigna”?…aquela que concorda com você? bom, aí nao seria mais oposicao e sim situacao…

    2. Caso João, não tivesse idade para saber das “coisas do Brasil” e compreende-las, antes de 2003, sempre é tempo de deixar de ignorar e informar-se para não escrever abobrinhas, caso tivesse, só resta lamentar pela abobral ignorância que não permite-lhe discernir quem de fato, comprovadamente, é maléfico ao Brasil.

  5. Seu texto está ajudando a oposição maligna e dando força a campanha para o impedimento de Dilma. Se é isso que vc queria, ajudar a direita fascista, está conseguindo. Parabéns!

  6. Engraçado que eu que sou uma leiga, uma ninguém, não estou me surpreendendo com nada disso! Será que teve gente que de fato achou que viria coisa melhor dessa senhora?

  7. É Kotsho um dia é da caça o outro do caçador,hoje o FHC faz gracinha mais até semana passada no facebook da Dilma tinha uma foto da atriz Meryl Streep convocando todos ao se matricular para o fies e o site nem funciona,outro dia Dilma tinha uma capinha desenhada com os dizeres “super Dilma vence o desemprego”.Os petistas ainda vão chorar muito,e todos nós 48,5% do eleitorado que já sabiamos disso estamos chorando por tabela,a mentira da reeleição está tendo um preço e justo os eleitores mais pobres que votaram no PT é que sentirão mais.Na Venezuela o povão já tá sentindo o que é ser governado por um governo populista.Tô bem ansioso pra ver a pesquisa dos 100 dias de governo,Dilma será a presidente mais impopular da história brasileira.

  8. Paro o fundo do poço está indo o Balaio, ao atribir ao governo atual o aumento das contas da Eletropaulo em 40%, quando Dilma foi a unica presidente que reduziu nossas contas de energia elétrica, redução que Alckmin e demais governadores tucanos boicotaram. Ora, ora, esse post estapafúrdio, pra não falar insano, inconsequente e irresponsável, descartou totalmente o bom senso, pois segundo Carlos Cavalcanti, diretor do Departamento de Infraestrutura da FIESP (Deinfra), pagamos, graças a FHC e Alckmin, R$ 96,00 pela energia que deveria custar-nos R$ 6,80. Vou acrescentar ao final trechos da entrevista do diretor da Fiesp ao Jornal do Terra e deixo aos Balaieiros que, como eu devem estar estupefatos com esse post de Ricardo Kotscho, tirem suas conclusões. E se essa aventura golpista (impeachment de Dilma) não terminar bem, que cada um de nós assuma sua parte nessa irresponsabilidade. ////// Entrevista de Carlos Cavlcanti ao Jornal do Terra: //// JT: A proposta de redução da conta de luz lançada pelo governo Dilma veio a se somar à campanha Energia a Preço Justo, lançada há dois anos pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo. Ao apoiar a MP 579, a FIESP passou a ser criticada pelo secretário de Energia de São Paulo, José Aníbal, contrário à medida provisória. E em entrevista ao Terra ele declarou que o presidente da Federação, Paulo Skaf, não entende nada de energia e aproveitou a oportunidade para fazer campanha política. Vamos conversar sobre o assunto com Carlos Cavalcanti, Diretor de Infraestrutura da FIESP. /// JT: Senhor Cavalcanti, muito obrigada pela vinda ao Terra. É um prazer receber o senhor aqui. / Carlos Cavalcanti: Prazer é todo meu Maria. /
    JT: Senhor Cavalcanti, a energia pode ser mais barata mesmo no Brasil? A CESP de São Paulo, a CEMIG de Minas e a COPEL do Paraná, estados administrados pelo PSDB, dizem que o governo Dilma faz populismo com o chapéu alheio e a FIESP aqui em São Paulo recebe duras críticas do secretário Aníbal por apoiar a medida. / Carlos Cavalcanti: É, secretário Aníbal… vamos deixar prá lá, ele é um político, não é um secretário de energia. Ele transformou a secretaria num comitê partidário, ficou lá preocupado em viabilizar a eleição, a candidatura dele a prefeito de São Paulo. Vamos deixar ele de lado. A secretaria está paralisada, não está fazendo nada pela população de São Paulo, e tristemente agora vem se opor a esta situação. Não é chapéu alheio, e isto o secretário está mentindo para a população. A regra é muito clara. A regra é a seguinte: a Constituição brasileira de 88, mas até antes disso, ela não permite a propriedade privada dos ativos de infraestrutura no Brasil. Ela não permite propriedade privada de estrada, não permite propriedade privada de porto, não permite propriedade privada de aeroporto, isto é sempre, pode e deve ser administrado pela inciativa [privada], mas isso é uma concessão. É assim que está definido na Constituição. Isso é um contrato entre a União e uma empresa pública ou privada, para fazer a gestão e o aproveitamento, exploração econômica, por um determinado período de tempo. O que que acontece agora nos setores elétricos? Esses contratos, que são da década de 70 e já estiveram em vigor por 30 anos — no governo do Fernando Henrique eles foram prorrogados por mais 20 anos, em 95… / JT: Eles estão vencendo em 2015… / C Cavalcanti: Vence em 2015, os contratos acabam, não é? Que que a FIESP fez há dois anos atrás? Por quê? Porque as mesmas, CESP, CEMIG, Eletrobras, a COPEL estão há cinco anos pedindo prorrogação desses contratos no mesmo patamar de preço. E aí a população precisa entender, porque isto é fundamental. Veja, construir uma usina hidrelétrica custa muito caro e o investidor tem que ser ressarcido. Mas isto é dividido, custo da obra que representa 80% do preço da energia, ele é dividido num crediário de 30 anos, tá, que eu, você, você, pagamos na conta de luz. Então, produzir 1 megawatt de energia no Brasil custa R$ 6,80, em média, seis e oitenta. Sabe por quanto estas empresas estão vendendo para o sistema este megawatt, que custa seis e oitenta? A noventa e seis reais. Muito bem… / JT: Quer dizer que continua a amortizar um investimento que já teria sido pago em trinta anos e que depois teve mais 20 anos para ser amortizado, ainda. / C Cavalcanti: Isto. É justo você pagar esse preço de energia para a [hidrelétrica] de Belo Monte, que ainda tá em construção, quando ela começar a despachar o primeiro megawatt, ela vai cobrar esse preço de energia que é o preço de energia de leilão. Todas as novas hidrelétricas e as velhas que ainda não estão amortizadas. Estas, estas elas estão amortizadas, tão pagas, pagas, o tempo médio de exploração dessas usinas e que vencem os contratos em 2015 é de 56 anos. Tem algumas, como a presidente Dilma falou, velhas senhoras, operando há mais de 70 anos. Quer dizer, e nós estamos pagando esta conta. / É como se a gente comprasse uma televisão numa loja, em 36 parcelas, chegasse no triségimo sétimo mês — você pagou todas as 36 — no triségimo sétimo mês o dono da loja liga para você e diz, continue pagando o crediário. Você diz não, péra, eu já paguei, a televisão é minha. [O dono da loja] Não senhor, continua, porque eu não posso perder receita. Isso é o que ele está dizendo [o secretário Anibal], da CESP. Eu não posso perder receita, eu não posso vender energia mais barata. E é mentira, ele pode e deve. Primeiro, porque a usina não é dele, é da União, e agora o que aconteceu foi trazer esses preços para remunerar outras bobagens… Que falam, “ah, não vai cobrir os custos”. Veja, no preço proposto pelo governo, você cobre operação e manutenção. Operação é toda despesa operacional, manutenção significa você fazer reforços constantes na estrutura da barragem, que é aquela grande estrutura de concreto, e trocar, do zero, jogar fora, e trocar todas as turbinas, todas as turbinas da usina a cada 25 anos. Isto está incluso neste preço de sete reais. Aquela quantidade de energia, que é brutal, o tempo de concessão que é longo, e as empresas estão completamente bem remuneradas. Porque, senão, nós sempre vamos ter, se agente não pegar os ativos que estão maduros, e baixar o preço deles… Por exemplo, ele aqui [o secretário Anibal] ontem defendeu que o pedágio deve ser caro, que é isso que garante obras, estradas boas em São Paulo. Outra bobagem. É politicagem. O estado de São Paulo fez a concessão de rodovias prontas, os investidores não puseram um centavo nessas rodovias e tão sendo remunerados por um pedágio altíssimo, tá, simplesmente para fazer operação e manutenção, que é cobrir o asfalto, um buraquinho, esse tipo de coisa. E para isso eles estão sendo remunerados. Se bem que os padrões de pedágio em São Paulo são os maiores do mundo e são políticas erradas, que um dia vai ter que mudar. Então veja, não é chapéu alheio, a CESP nem a CEMIG, nem a COPEL, que foram as empresas que não aderiram, elas não são donas dessas hidrelétricas e o investimento que elas já fizeram ao longo de 40, 50 anos, nós pagamos, por 40, 50 anos, a construção dessas usinas. Agora, o crediário acabou. A festa acabou. A mamata acabou. Por isso nós lançamos a campanha, fomos ouvidos pela presidente da República, que comprou uma briga. / JT: E dá para baixar aí a 16% mais ou menos para o consumidor doméstico e até 28% para as indústrias? / C cavalcanti: Olha, o negócio é tão sério, que é o seguinte: você baixa o preço destas, destas usinas, que é um lote de 20% de toda energia consumida no Brasil, você baixa 80% o preço de geração, preço de energia dessas usinas, baixa 66% o custo de transmissão, que é a tarifa que agente paga lá na conta no final do mês, e isto tem um impacto, isto tem um impacto grande que vai baratear a tarifa de todos os brasileiros, a partir de primeiro de janeiro, que é a conta que a gente começa a pagar no dia 5 de fevereiro, nosso consumo de janeiro você começa a pagar a partir de fevereiro, e em média em 20,2%,; de residência é 16,7%, indústrias, grandes consumidores têm descontos que chegam até 28%.
    98% das indústrias são consumidoras de baixa tensão, que vão ter o desconto de 16,7%, tá certo; a média do Brasil vai ser 20% por causa dos grandes consumidores, que estão sendo bastante beneficiados no mercado regular / JT: Agora a FIESP conversou alguma vez com o governo Alckimin sobre essa redução na conta de luz? Esse impasse agora gerado pelo secretário José Aníbal, que fala na federação e faz ataques ao presidente Paulo Skaf, não estremeceu demais a relação entre governo do estado e a Federação das Indústrias para chegar a um bom termo e caminhar aí para reduzir a luz? / Carlos Cavalcanti: Vamos deixar o secretário de lado e chamar a responsabilidade do governador. O governador de São Paulo é… está assumindo uma posição complicada perante a população aqui do estado. Eu te pergunto, qual é o estado mais populoso do Brasil? É o Amazonas? Não, é São Paulo. Qual é a maior fatia de brasileiros que vai se beneficiar de uma redução da conta de luz? São os paulistas. Qual é o estado do Brasil que tem a indústria mais forte, o comércio mais forte, os bancos mais fortes, a farmácia, a padaria, qual é o estado que tem a maior atividade econômica? Então, é o estado de São Paulo. Que é que está acontecendo? Eles estão pensando, o governador está com uma visão estreita, com o cérebro desse tamanho, porque tá pensando na condição dele, de acionista, dono da CESP, tá. Mas como a gente não pode lidar só com papagaida, importante dizer que a CESP é 40% do Estado de São Paulo; 60% da CESP sabe de quem que é? Do HSBC, Bank of London, do UBS, União de Bancos Suíços da agência de Londres, do Crèdit Suisse, que é um conglomerado de bancos suíços; e 51% das ações preferenciais da CESP tão na jogatina da Bolsa de Valores. Quer dizer, quando vem aqui dizer que a população de São Paulo vai ter que pagar a conta, o governador tá mal informado. Ou ele não entende desse assunto, ou ele tá mal informado pelo secretário. O governador tá jogando contra a população São Paulo, que é a grande beneficiada pela redução do preço da energia, a casa de cada um vai baixar a conta de luz em 16% e a conta de luz no Brasil vai baixar 20% a partir de fevereiro, quer dizer, e isso o estado que mais ganha é o estado de São Paulo. Eles estão lá pensando na empresinha que eles controlam, que o governador controla, que ele emprega gente, parente e partidário do grupo político dele e tá prejudicando o estado [de São Paulo]. O governador tem uma responsabilidade, para chegar para a população e não colocar o secretário falando, ele tem que colocar — como o presidente da FIESP está fazendo — colocando a cara na televisão para defender essa causa justa, o governador precisa falar, o governador não pode se esconder atrás do secretário, o governador tem uma responsabilidade com a população de São Paulo./ Jornal Terra: Durante essa queda de braço entre o governo Dilma e os governos do PSDB, no caso de Minas, São Paulo e Paraná e também o governo do PSD em Santa Catarina, a CELESC que também é um das que estão contrárias a essa medida provisória para baixar o preço na conta de luz, as ações das energéticas caíram muito na Bolsa de Valores do Brasil. Isto foi um efeito colateral esperado ou isto faz parte do processo de acomodação de preços mesmo? C Cavalcanti: Maria, impressionante porque assim, a regra está estabelecida desde 1995, no governo Fernando Henrique. Lá eles prorrogaram concessões para elas durarem 20 anos mais. 2015 todo mundo sabe que acabou. Que ia acabar. Muito bem, o que é que, então as empresas estão fazendo nos últimos cinco anos? Eles achavam que eles iam ganhar essa parada, as empresas e o mercado de ações achavam que iam ganhar essa parada, que a população não ia ser informada, que não ia ter uma entidade como a FIESP, com seu presidente Paulo Skaf, na televisão.Nós investimos isso por autorização da diretoria da FIESP, votada por unanimidade, milhões de reais para fazer campanha em televisão para dizer para a população que ela tinha um direito que estavam querendo sequestrar na boca da noite, na calada da noite. / JT: E não tratar como concessão e sim como um direito adquirido para sempre, algo assim. / CC – Claro, claro, veja, a população tem esse direito e nós, eles estavam querendo subtrair… isso aqui [pensavam as concessionárias] é uma coisa que a gente resolve entre nós com o ministério e tal. O Ministério de Minas e Energia não tinha intenção de fazer o que a presidenta Dilma Roussef teve coragem para fazer. O ministério não tinha sacrificado as empresas, tinha prorrogado e a população que fosse enganada nessa história. Nisso a presidenta foi muito corajosa e ela foi estimulada por uma conversa importante que a FIESP teve com o governo federal, com várias áreas, área técnica, e a área que decidiu e ajudou a presidenta decidir dentro do governo, e nós tivemos uma interlocução muito forte. Mas respondendo sua pergunta, sim, com o governador Alckmin isso foi colocado e ele pensa como acionista da CESP ele não tá pensando na população do estado de São Paulo, repito, o governador tem que vir a público justificar para a população porque ele tá prejudicando 44 milhões. Eu digo isso, eu fica lá pensando como é que tá o cidadão do Rio de Janeiro, o cidadão do Rio Grande do Sul, como tá o cidadão da Bahia, como tá o cidadão de Sergipe dizendo, “eu, o meu governo e a minha população aqui no meu estado tão dando uma contribuição que é baixar o preço das companhias geradoras daqui do meu estado, para que os paulistas não façam nada, porque como a CESP não entra no jogo, os paulistas não estão contribuindo para queda”. A gente fica com vergonha do governo que tem, a gente fica com vergonha. E fora que o governo do estado de São Paulo, ao não renovar essas concessões, elas vão acabar e vão a leilão em 2015 e destruiu a empresa, eles estão destruindo a CESP, que poderia durar mais 30 anos. Estão sendo de uma irresponsabilidade com o estado e com essa população que é uma coisa jamais vista. Governador Alckimin, responda à população, o que você vai fazer com a CESP a partir de 2015? O senhor não pretende ser governador depois de 2015? Não pretende depois de 2015? Você vai ter esse problema em 2015. O senhor vai ter problema de abastecimento de energia no estado de São Paulo, você vai ter problema com os empregos dos eletricitários da CESP, você tá pondo em jogo porque entrou num joguinho político.

  9. Vou lamentar pelo resto de minha vida ter votado e conseguido votos na minha família para Dilma. Acreditei nas mentiras de campanha da Dilma como milhões acreditara. O governo Dilma é uma farsa. A cara de pau dela não tem limites. Em dois meses meu padrão de vida despencou, assim como de muitas pessoas que conheço.

  10. Pois é, RK, lendo o seu post fiquei estupefata com o seu pessimismo. Andas muito afinado com o JN e com a Veja. Eu ainda sou como o Carlos Lessa, ex-presidente do BNDES falou, prefiro mil vezes Dilma do que o Aécio no governo, pois a Dilma fará o possível e o impossível para manter o emprego e renda do trabalhador enquanto que o playboy do Aécio iria promover o desemprego cruel deixando o trabalhador ao Deus dará, além do arrocho salarial. O que está acontecendo no Paraná é um mini retrato do que iria acontecer no Brasil se Aécio tivesse ganho as eleições. E li no site tijolaco.com.br que o PSDB desistiu de participar das manifestações pró-impeachment da Dilma no dia 15/03. Reuniram-se os tucanos de alta plumagem num jantar ontem e decidiram que não irão às manifestações. Apenas o rebelde do Sr. Aloysio e outros tucanos de menor importância disseram que irão participar dos “convescotes” programados. Pelo visto o que Lula disse na ABI no último dia 24 deixou os tucanos meio temerosos de serem acusados de provocarem uma “guerra” contra Lula e o governo. Apesar desse recuo do PSDB, concordo com o que disse o blogueiro Miguel do Rosário: “Entretanto, me parece óbvio que o partido, junto com a mídia, vai tentar ao máximo insuflá-las com dinheiro e imprensa”. Eu não duvido nada que eles e a mídia vão tentar maximizar ao máximo (que redundância?) as manifestações transformando-as no maior evento jamais visto no Brasil só pra mostrar ao mundo a força que eles ainda acham que tem. Mas eles tem perfeita consciência de que não possuem força nenhuma junto ao povo, tanto é que desistiram de participar do evento.

  11. Há análises preocupantes, e que não são aquelas típicas da oposição conservadora ou reacionária, as quais são compreensíveis, e nem poderiam ser condescendentes com o estado da situação em que se encontra Dilma, na sua versão 2.0.
    O estranhamento é com as análises econômicas, em boletins de conjuntura, a exemplo dos produzidos pela excelente Fundação Perseu Abramo, atualmente dirigida por um dos melhores quadros acadêmicos e técnicos do PT, dando conta de que as expectativas de consumidores e empresários despencaram.
    O ataque de Levi às desonerações promovidas por Guido Mantega – adequadamente para sustentar o nível de renda e emprego nos setores com cadeias produtivas significativas -, não mereceram até agora o necessário e devido reparo, da base petista ou da presidenta.
    As declarações de Levi – até certo ponto levianas -, não vieram sustentadas em quaisquer estudos acadêmicos devidamente apoiados e comparados. Ao contrário do que declarou Levi, sem as desonerações promovidas tempestivamente por Guido Mantega, o nível do emprego e da renda já teriam ido para as cucuias, há muito tempo.
    Os campos de força estão em dispersão, porque o “egrégio ajuste” levítico ou leviano ateou fogo nas bases sindicais e de servidores públicos, onde Lula sempre encontrou forças para se recuperar nas horas mais difíceis.
    O movimento em pinça de Levi, de cortar gastos de natureza social e aumentar impostos e contribuições que incidem muito mais sobre o andar de baixo, além de poupar o andar de cima, simplesmente tem o condão de fragmentar a base popular e trabalhista que, supostamente, dão sustentação e legitimidade à presidenta.
    A margem de manobra de Dilma estreita-se, a cada dia, com a presença de Levi; cujo papel, por incrível que pareça, vinha sendo louvado como sendo o de “fiador da confiança”, que a presidenta teria perdido perante “o mercado”.
    A mídia nativa, para usar a expressão dileta de Mino Carta, há muito tempo fez a sua opção preferencial. Esta nunca foi o PT ou Lula. Dilma só vinha sendo tolerada no papel de faxineira do Estado, quando demitia ministros no dia seguinte às denúncias havidas nos jornalões; como os de Transportes, Turismo e Cidades. Após as nuvens carregadas de junho de 2013, nada foi como antes e nem será depois de amanhã.
    O que fazer? Se o que Levi faz não é, nem acertado do ponto de vista fiscal e econômico, e muito menos do ponto de vista social. Politicamente, a presidenta está quase completamente isolada e à mercê de uma confluência de vetores negativos em todas as frentes, cuja resultante é impossível prever. Exceto a popularidade, cuja queda continuada é inevitável diante dos acontecimentos.
    Isto não é bom para o país e nem para a oposição. Se os tucanos forem menos insensatos – porque o tom raivoso é mau conselheiro -, não darão apoio partidário às manifestações favoráveis ao impeachment da presidenta.
    Diferentemente de Lula em 2005, Dilma vivencia uma situação econômica-política infinitamente mais complicada e arriscada.
    Bem ou mal, Dilma tem 3 anos e oito meses pela frente para mostrar o que ainda é capaz de fazer, com suas promessas de campanha e com a Petrobrás.
    Assim deve ser e espera-se que assim o será.

  12. Mestre, por ter canais outros mais efetivos para ser ouvido naquilo que todos nós concordamos, não ser possível um governo não ter reação e sequer um esquema de comunicação para falar com os brasileiros, em contraposição a mídia monopolista e confessa líder da oposição, que o golpeia diuturnamente, mesmo sabendo-o no direito e respeitando-o, não posso deixar de manifestar que não só não concordo que faça esse comentário, através desse canal não recomendado para tanto, nesse momento, como também lamento deixar-se levar por esse terrorismo de manchetes, pois a situação efetiva do país real, não a do midiático com a impressão causada pela mídia falando sozinha, não corresponde ao tamanho do incêndio que fabricam através da ampliação dos fatos e da desinformação, sem que o governo reaja, sabe-se lá por qual razão, isso sim o grande mistério, que você tem condições, com outros tantos de mesma situação, de ajudar não só a desvendar, como iniciar a pressão mais direta à reação. Insisto, não dá para governar o Brasil permitindo a presidente teimar com Mercadante de absoluto conselheiro, controle remoto para combater o monopólio da mídia e sem esquema de comunicação com a sociedade brasileira, é fria. Isso tem que chegar a ela de forma direta, rápido, pelos canais competentes e inertes, em forma de extrema pressão, lembrando-lhe que não é a dona do cargo, mas sim a nossa líder e representante, da maioria dos eleitores brasileiros que a elegeram e querem-na governando o Brasil para todos e não à Casa Grande, sem medo e com a coragem que a vida quer. Portanto, é passado da hora de abrir a boca, pois o Brasil não está de regime e o trombone é democrático, não tem lado, como a justiça e a mídia. Que rompa-se essa INAÇÃO E SILÊNCIO, IMBECIS.

    1. Concordo com você, alguém precisa lembrar a Dilma que ela não é dona do cargo e que precisa se comunicar com o povo brasileiro, cada vez que for falar já deve estar devidamente ensaiada, como fazia Sir Winston Churchill que era tido como excelente orador, mas ele esclareceu, só tinha boa memória : escrevia o discurso, deixava três dias na gaveta, depois polia cortando os excessos e dando a forma final , depois decorava e finalmente discursava com “espontaneidade” sendo considerado excelente orador!!!!

  13. Sinceramente vejo esse momento semelhante ao que os franceses viviam no século XVIII , vemos pessoas sendo injustiçadas e uma governante preocupada em dar o que comer a muitos vagabundos e o trabalhador perdendo seu emprego ,mas vejo que o pior e que as pessoas no momento que o país mais precisa elas brincam e o resultado veja o que dá políticos preocupados em satisfazer apenas os seus desejos; hoje temos nesse país uma nova profissão a politica os vemos os quase 200 milhões de brasileiros simplesmente trabalhando para mantê-los e em troca o que recebemos NADA ,eu tenho vergonha desse parlamento , não me sinto representado por eles de maneira alguma .

    1. Se os mensaleiros tivessem sidos punidos exemplarmente, se o Lula não tivesse sido poupado no mensalão, se a corrupção não tivesse infiltrada no judiciário, se a Presidenta tivesse dito que condenava com viemência os mensaleiros do PT, Se ela já tivesse colocado para votação a conversão de crime ediondo pra a corrupção, talvez a situação hoje não tivesse tão caótica.

    2. Deixa de ser hipócrita, Correa, qualquer levantamento que se faça de “fichas sujas” pelo Brasil, apontará justamente o PT como sendo um dos partidos menos corruptos e o PSDB, PMDB e DEM liderando. Vai acordar um dia ou morrer cego, olhando como verdade o que os “olhos da mídia monopólio” lhe mostram? Ou acredita no que lhe dizem ser a corrupção culpa do PT, para voltarem ao poder, aumentarem-na escondendo e desempregarem você, como faziam antes de 2003, e se não for seu caso, pela idade, é caso de pais, irmãos, amigos e parentes, com certeza. Experimente pelo menos uma vez, desconfiar e tentar enxergar com os próprios olhos. O Brasil democrático agradecera-o.

  14. Caro jornalista,

    Concordando com parte de sua crítica, defendo que não podemos ficar passivos assistindo tanta manipulação e inverdades. O governo federal que tome atitudes firmes, sem precisar deslizar de seu papel legal, republicano, mas que use de sua força presidencialista.

    Porém, entendo que sua trincheira que está sem fundo. Suas palavras serão usadas como munição de uma direita golpista.

    Faltou você dizer que Dilma deve enquadrar esses vermes, começando pela mídia, antes que seja tarde. Nunca vi tanta ilegalidade, tanta parcialidade, no trato com a notícia. E ainda uma parceria tão perfeita com os semideuses togados, de onde a judicialização da política causa crise institucional. O juiz Sergio Moro, por exemplo, é um adepto do barbosianismo, militante da sociopatia midiática, de onde se exibe espetáculo do cuspe dilatório.

    Faltou dizer que no Brasil, o golpe civil está em rumo. Agora, por exemplo, poderosos que nunca estiveram ao lado do caminhoneiro e do povo trabalhador,fazem-se passar por amiguinhos solidários. E a mídia só divulga o caos. Ora, temos o menor índice de desemprego da história; um salário mínimo que subiu 75% acima da inflação nos 12 anos do governo do PT; milhões de pessoas saíram da pobreza.

    Faltou dizer que a alteração no valor dos combustíveis não foi um aumento, e sim uma recomposição da Cide (Contribuições de Intervenção no Domínio Econômico). E de que mesmo durante o pico da alta do petróleo, entre 2013 e 2014, o governo federal não repassou o aumento.

    Faltou dizer que a criatividade de alguns núcleos do poder do capital, referenciados pelo pensamento mais retrógrado de brasileiros e brasileiras, merecem o Oscar dos canastrões.

    Enfim, o que faltou em sua lavra, caro jornalista premiado, foi o despertar de consciências atrofiadas diante de todo este campo imagético do caos. Sua caneta, infelizmente, serviu de pá para os coveiros atucanados e ansiosos que aguardam na frente dos abutres o seu grande sonho.

    1. parabéns Murilo, parabéns irmão…as palavras que saem do blogueiro não são do coração, recentemente fez uma cirurgia e deve ter feito uma promessa que se tudo desse certo, por uns dias levaria alegria a estes desvalidos coxas.

  15. Onde está a surpresa? Deu para disfarçar enquanto a situação internacional estava boa e bastava trocar o nome de Bolsa Escola para Família e seguir a receita deixada FHC, colhendo os frutos do Real & cia. Mas, enquanto colhia o que o antecessor plantara, o PT plantou corrupção e incompetência. E, passados 12 anos, tornou-se herdeiro de sua própria herança maldita. É duro voltar ao passado e ter de reconstruir o que o PT destruiu. O caminho, no entanto, é óbvio: botar os corruptos do Petrolão na cadeia (inclusive o líder-mor) e fazer um governo de transição com o Temer de presidente.

    1. Arnesto (esse, com certeza, não mora no Brás), não sabia definir se o texto mente ou ignora, na dúvida resolvi adotar o neologismo, “mentirante”, pois se mostra ignorante sobre o bolsa escola e o bolsa família, sobre corrupção descarada mente, ao dizer que “o PT plantou a corrupção”, quando todos sabem, comprovadamente, quem de fato comprou votos à reeleição, inventou o mensalão e criou as condições e o esquema de corrupção na Petrobrás e no Metrô de São Paulo, só “não sabem e não entendem”, por que a justiça nunca os pune e a mídia nunca os condena. As demais “mentirantes” do texto, sobretudo, incompetência e herança maldita, nem é preciso esclarecer, basta ler o comentário anterior, o do Murilo, refletir, sair de mansinho e retornar quando estiver melhor preparado para fazer um comentário menos “mentirante”.

  16. “Os campos de força estão em dispersão, porque o “egrégio ajuste” levítico ou leviano ateou fogo nas bases sindicais e de servidores públicos”. ///// Que disparate, Netho 15:37 !!!! Em qual base sindical ou de servidores publicos há fogo ? Só no Paraná, mas o incêndio é no boné do Beto Richa. Nethu(cano), o Sindicato dos Caminhoneiros, se existe, é tão forte e influente quanto a Associação dos Coxinhas do Balaio (da qual voce seria o natural presidente), pois até o presente momento não conseguiu organizar um unico e tímido protesto contra os pedágios extorsivos do Alckmin. Nethu: qual dos 12 mandamentos enumerados e listados por mim voce renega ???? Cite apenas um, thucanão !!!!

  17. Bem, caro senhor, lendo seu texto imaginei uma pessoa de muita idade, desesperada da vida querendo cair fora do Brasil o mais rápido possível. Pareceu-me, pelas criticas constantes, estar lendo um Jabor, ou um Magnoli ou até mesmo um Merval Pereira mas jamais um Kotscho. Poderia até compara-lo com Cristiane Lobo com vários pitacos de Eliane Cantanhede, todos seus amigos, como sempre costuma dizer quando cita radicais da direita.
    Eu sou , talvez, mais velha que o sr. Tenho 72 anos mas jamais entreguei minha alma a sentimentos pessimistas..Eu acredito em Dilma. Sei que tudo que acontece vem da podridão da mídia familiar. Sei também que o Lava Jato mexe com a cabeça de todos e talvez com a própria Dilma. Vou esperar o que sairá da boca do sr Janot. Tenho a impressão que muita coisa vai mudar. Pena me dá que um conhecido esquerdista pudesse mudar tão radicalmente. Só falta sair do R7 para ser analista da Globo News.

    1. Bia…que alívio…que alivio, se o Véim liberou este teu comentário, é porque ainda tem cura. Esta apenas vivendo momentos de surtos psicóticos de origem medicamentosa…né não Vítor Hugo ???

  18. FORA DE PAUTA: Quanto tempo durará Joaquim Levy em seu posto? Será que é de barata o sangue que corre em suas veias? Lembrando que Levy não deve nenhum sacrifício ao PT, como supunha dever o Mantega. Pelo que dizem, Levy não do tipo que aguenta calado pito pela imprensa.

    1. O Levy não tem que achar nada, ele é empregado como todos os outros ministfos e se não estiver indo do jeito que ela deseja, vai dançar, logo, , logo e não dará nem pracesquentar a cadeira e já vai levar um pé no trazeiro. Outro que ddve estar na proximo da linha de fundo é o Zé tucano Cardoso e é bom que comece a correr atraz do prejuizo e ficar exprrto, senão……O Kotscho pelos seus posts está é abrindo os olhos da Dilma que parece que dorme ou não lê os blogs que a oposição chama de sujos. Ele só falta dizer; Quem avisa,,,,, amigo é. Eu estou como ele, muito preocupado e manda a turma ficar esperta e começar a trabalhar prá valer e se possivel fazer como a dona jacaré-fêmea quando choca ovos, nem vá ao banheiro prá fazer xixi que o cachimbo pode cair.

  19. A verdade é uma só. A presidente Dilma não tem mais nenhuma condição de governar o País. Para ser prudente ela deveria vir a publico e pedir desculpa ao povo brasileiro e apresentar a sua carta renuncia. É muito mais elegante ela reconhecer que fracassou do que vir a publico tentar vender um país de fantasia onde tudo está funcionando maravilhosamente bem quando todos sabem que a situação já chegou ao fundo do poço. Ela já falou tanta mentira que ninguém mais acredita no que ela fala.

  20. “Acalmai-vos”, Cardeal Dias e demais participantes. O Kotscho está apenas recrutando os melhores comentaristas do Balaio pra atuar como assessores de comunicação do governo Dilma e postou, a guisa de vestibular, esse texto estapafurdio, absurdo e provocativo pra aferir nossa capacidade de responder aos ataques da mídia golpista com a calma, polidez e competência necessárias para o desempenho da função. Não é isso, Kotscho ? Então, está perdoado e vida que segue. Só não apronte mais nenhuma presepada desse quilate, ou internamos voce na mesma “casa de repouso” de onde fugiu o Velho, com o quadro mais agravado, mais biruta e destrambelhado. Abração, Balaieiros !!!

  21. Eu ainda tenho cá comigo que se a Dilma despachar este Levy e o Zé Cardoso e pegar no pé da rurma que entrou, poderá malhorar tudo. A minha preocupação é como eu já disse, os meus 10 SM. Sempre atualizados e recebendo a reposição ocasionada pela inflação. Como eu disse outro dia, não estou aqui defendendo o governo da Dilma pelos miseros trocados que os tucanos recebem do patrão ou do PIG, estou aqui é defendendo o meu salário de aposentado. Se ela cair e a turma da oposição tomar o governo, sou eu que estarei perdendo as conquistas que eu tive com este governo. Não só eu que perderei, o Brasil vai perder bem mais que eu, o Pré-Sal, os estudantes vão perder seus estudos, o bolsa familia vai pro espaço d muitos vão morar embaixo de viadutos. Este povo tem que reagir, ir prá ruas defender seu pãozinho, suas escolas, seus ENEMS, e seu futuro melhor. A sorte está lançada, ou morrem de fome ou vão prácrua prá sobtreviver, eled que escolham.

  22. Caro jornalista, nao sei qual mosquito morde vez ou outra. Estás a favor do pig colocando em seu texto palavras a ele caras e necessárias. Por que.? pergunto . O governo da presidenta está sendo atacado constantemente e açoes diversas sao feitas e planejadas contra o mesmo, apenas pessoas que nao querem ver,nao enxergam,isso é muito triste, sem precisar ser como dizes profeta de buteco ou intelectual. Eu sigo meus princípios e aquilo que sei e posso entender, apenas queria saber do seu radicalismo quanto ao governo. Saiba que a mesma é a dona das determinaçoes, do Uruguai, corrigiu o Levy que disse asneiras favorecendo o pig. Sabe o senhor que a greve dos caminhoneiros foi feita e programada por empresários e pelo psdb, sim pelo menos ontem a polícia federal confirmou. Sabe também o senhor que desestabilizar o governo é tudo que eles querem, . Na verdade nao estou percebendo todas as altas que o senhor relata. Engraçado que o senhor quando do aumento dos pedágios paulistas fica calado, caladinho, sem comentários sem opinar Por que?. Os pedágios tiveram mais aumento que a gasolina e o óleo, mas nada dizes. Nos oito anos de fhc, a gasolina teve aumento de mais de 300%, agora em doze anos menos de 50%. por que todo esse choro? Precisas explicar. Realmente o senhor parece equivocado. Sabes que opino quando acho que passastes da medida, sinceramente , nao sei onde o senhor quer chegar. No entanto apenas uma vez o senhor deixou de publicar meu comentátio, espero que este seja publicado, pois certa vez outro blogueiro que admiro, como o senhor, estava muito pessimistas, como estás, fiz várias críticas, deixou de publicar o meus comentário, mas mudou de posiçao, voltando a ser o de quase antes. Sei que seu pessimismo vais passar, a mosca deixará de morde_lo, e o senhor voltará a ser aquele jornalista sério de idéias reais sem interferencia piguistas

  23. Vamos sair desta, o remédio pode ser um pouco amargo, mas vamos sair desta. Se eu e tantos outros verdadeiros brasileiros não tivesse acreditado não teriamos votado Nela. Pior era antes que nem o mau se descobria, portanto o tratamento era só paliativo. Sou brasileiro, não sou um “maria vai com as outras” que deixam-se levar na cantiga desafinada da imprensa e dos golpistas que nunca dessem do palanque da campanha. É triste ver pessoas na trincheira torcendo quanto pior melhor.

  24. Pessoal, vamos pegar leve com Kotscho. Eu entendo um pouco de jornalistas, e sei que eles não resistem a uma boa dosagem de açodamento. Pra eles, não existe meio termo (equilíbrio). Se é para elogiar, vai com tudo. Não mede o valor de certas palavras, e metem bomba. Se é para derrotar, até esculhambar, idem

  25. …( falando sòzinho )…meu deus do céu, o que esta acontecendo com o velho Kotscho, o velho guerreiro, será que esta lendo demais comentários trolados e esta se deixando influenciar por eles ??? Um jornalista do seu quilate, ciente da cunjutura que vivemos, das posições e intenções da mídia conservadora, cita as manchetes desta mídia para se apoiar ao escrever um texto??? Alguém precisa lhe avisar que fazendo isto corre um sério risco de jogar por terra tudo que tenha escrito, tudo que tenha feito, e cair em descrédito. ( falando alto )…Ricardo!!! o Brasil esta colhendo a maior safra agrícola de sua história, esta mantendo, diante de um mundo em pedaços, uma taxa de desemprego como a que estamos tendo, ontem a nossa presidenta inaugurou o maior parque eólico do hemisfério sul, os nossos estudantes universitários continuam contando com o FIES, tirando estes problemas com a Petrobrás, tudo continua como vinha acontecendo, mais 2000 mil médicos estão a disposição de nossa gente pelo Mais Médicos, e a grande maioria é brasleira…vamos devagar, a nossa presidenta tem suas limitações mas antes de a criticarmos negativamente, façamos um levantamento desapaixonado de seu governo. PIB ??? O que é PIB ??? O que eu sei é que o Brasil esta fazendo entre as dez, quatro das maiores obras de engenharia do planeta. Vamos devagar…vamos fazer críticas sem fazer o jogo dos adversários do Brasil, críticas sugestívas. Tá ruim a comunicação ??? O que ela pode fazer para melhorar ??? Tá ruim o ministério ??? Como poderia estar melhor ??? Eu, por exemplo, crítico o Mercadante, e apresento o Jaques Wagner para ser o seu “primeiro ministro”. É por aí. Um abraço e um beijo no cotovêlo. E…vamú qui vamú. PS. Tu leu direito as bulas dos remédios que esta tomando ??? Cuidado com este negócio de feiras livres, eu nunca vi ninguém estar feliz numa feira.

  26. UM BREVE AU REVOIR AO MEU AMIGO RICARDO KOTSCHO.”Embora seja a última dor que ela me causa,esses os últimos versos que eu lhe escrevo.”Pablo Neruda. Na primeira eleição da PresidentaDilma,Ricardo foi até Recife conversar com Marina Silva,para saber se efetivamente,ela era candidataria à Presidência.Voltou, fez seu comentário,ao final anotou” ao meu ver,ela já foi picada pela mosca azul”.A vida imita a arte.Ao meu ver,Ricardo foi picado pela mosca do golpe.Estranhei e anotei a mudança dos ventos do Balaio,já a algum tempo.Afora os comentários que Ricardo ceifou,muitos estão aí nos registros do Blog,que confirmam o que falo.Aqui se aportou o que há de mais retrógrado,fascista e golpistas do mundo das chamadas redes sociais,ao ponto do próprio editor,em comentário,ter admitido que entre 10 comentários enviados ao Balaio,8 eram contra a Presidenta.Nao era verdade.Eram e foram comentários,em coro,pelo impechemat e pelo golpe,puro e simples..Nao entendi o que estava acontecendo,visto que,em nenhum outro Blog,dos chamados sujos,acontecia qualquer coisa sequer parecida com o que ocorria aqui.Cobrei de Kotscho explicações para o fato.As explicações que ele daria se quisesse,não vieram.Pelo contrário,de 6 comentários que fazia nessa direção,4 eram mandados a lata do lixo.Sempre acreditei e acredito,que nada acontece sem um motivo.Nem Fernando Henrique quando vendeu o Brasil a preço de banana,no auge da impopularidade,mereceu um comentário com tamanha agressividade.Nem José Serra,quando Governador de São Paulo,a pior administração que o Estado já teve,mereceu qualquer deferência a se comparar com a ferocidade do artigo.Geraldo Alkimin,mediocre,fascista e despreparado,quando colocou a população paulista para beber lama,foi brindado por Ricardo,com algum artigo que de longe parecesse com este.Ate Lula,que acreditava seu amigo,entrou na roda.O que teria acontecido,para um jornalista,sóbrio e correto,escrever uma barbaridade dessa,não saberia dizer.Que algum ponto fora da curva se deu,não tenho a menor dúvida.Nao seria e não sou leviano, para levantar suspeição,sem provas,contra quem quer que seja.Nao tenho Ricardo nessa conta,longe disso.Existe um velho bordão popular,que diz: “Os incomodados que se retirem”Não tenho alternativa,e é o que estou fazendo.Profundamente entristecido e decepcionado,me despeço de Ricardo e do Balaio,até que os ânimos se acalmarem,e o bom senso volte a predominar.Ate uma outra oportunidade,se Deus quiser.Dermeval Júnior.

  27. Eu ainda tenho cá comigo que se a Dilma despachar este Levy e o Zé Cardoso e pegar no pé da turma de ministros que entrou, poderá malhorar tudo. A minha preocupação é como eu já disse, os meus 10 SM. sempre atualizados e recebendo a reposição ocasionada pela inflação. Como eu disse outro dia, não estou aqui defendendo o governo da Dilma pelos miseros trocados que os tucanos recebem do patrão ou do PIG para defende-los, estou aqui é defendendo o meu salário de aposentado porque não quero que perca o seu poder aquisitivo. Se ela cair e a turma da oposição tomar o governo, sou eu que estarei perdendo as conquistas que eu tive com este governo. Não só eu que perderei, o Brasil vai perder bem mais que eu, o Pré-Sal, os estudantes vão perder seus estudos, se já iniciaram, o bolsa familia vai pro espaço e muitos vão morar
    embaixo de viadutos. Este povo tem que reagir, ir prá ruas defender seu pãozinho, suas escolas,
    seus ENEMs, e seu futuro melhor. A turma dos coxinhas querem é que se exploda e que os pobres morram de uma vez. A sorte está lançada, ou morrem de fome ou vão prá rua prá sobreviver, eles que escolham. Eles tem que por dentro das suas cabeças frescas que se ela foz pro espaço, eles tambem vão.

  28. “Vou lamentar pelo resto de minha vida ter votado e conseguido votos na minha família para Dilma” A cara de pau dela não tem limites e blá blá blá (Paulo Vergara – 28 de fevereiro de 2015 – 15:24)”. Paulo, voce levou 12 anos, 8 de governo Lula do qual Dilma participou ativamente, mais 4 anos de governo da propria, pra perceber que Dilma é cara de pau, falsa, mentirosa, incompetente, etc… ? Voce devia arrepender-se de enviar um comentário tão ridículo como esse ao Balaio, pois com essa lerdeza, querer influir no votos dos familiares é demais, não acha ????

  29. Era de se esperar que os esquerdistas apoiadores da “República do Crime” não concordassem, e sempre partam para a desqualificação daqueles que não engolem o discurso chulo, que a culpa é do FHC, do PIG, da oposição golpista (eles não foram golpistas quando do impeachment do Collor, que hoje é mais um aliado, o que é natural)” Confesso que depois do resultado da Venezuela, com o seu discurso igual de “anti-PIG”.. “anti-oposição golpista”, etc, como se nota, o mesmo discuso chulo, achei que ninguém em sã consciência não apoiaria mais o retrocesso da esquerda. Eis, que até um esquerdista, após ver a realidade ser esfregada nos olhos, e por muitos admirado e respeitado, chama sua turma e diz claramente… “A DILMA LEVOU O BRASIL AO FUNDO DO POÇO”.
    Não é que, assim como o músicos do Titanic, continuam agindo como se nada tivesse acontecendo? Será que alienação tem cura?
    Quando agora eles metem a bronca no ministro que a Dilma escolheu, chamando-o de leviano, faz-nos recordar dos debates onde o Aécio não resistiu diante da leviandade da Dilma e a chamou de Leviana. A carapuça serviu tanto que ela convidou um “Levi” para Ministro da Fazenda! Tudo a ver… Na certa ela já previa a bancarrota e planejara uma dupla sertaneja… Levi e Leviana.
    FALTAM 15 DIAS!

    1. Se o Brasil está nessa situação, imagine se os tucanos tivessem vencido o pleito? É só constatar que os grandes meios de comunicações – todos antipetistas raivosos – comparam os dados da economia com o período de Lula ou da própria Dilma. Nunca com o período anterior a 2003. Por quê? Quem tiver curiosidade é só uma simples pesquisa no Google.

    2. Sim, 15 dias para vermos a palhaçada…De serem os palhaços o sr Gilvan não diz nada não é?
      Palhaçada pois vai levar a nada pois até a oposição é contrara ao impeachment e com grande possibilidades de transformar o Brasil num inferno quando os militantes petistas também saírem em defesa do governo. Os coxinhas formam um bando de imprestáveis gado de imprensa que quer ver o pais pegando fogo. Raça maldita.

  30. Quem dispuser de algum tempo para navegar um pouco pelas Centrais Sindicais, especialmente a CUT, vai notar que a “Central Única dos Trabalhadores conclama as trabalhadoras e os trabalhadores, militantes e dirigentes de todo o País para realizar um ato nacional contra a retirada de direitos, em defesa dos direitos da classe trabalhadora, da Petrobrás e da Reforma Política. O ato será no dia 13 de março, em todo o Brasil. Em São Paulo, o ato será em frente ao prédio da Petrobrás, às 15h, na Avenida Paulista”. Não há uma palavra a respeito de Dilma; claramente, nenhuma. Quando algo assim seria imaginável em se tratando de um governo cujo presidente seja do PT? Isso somente pode ser compreendido, a partir do pressuposto da CUT não considerar Dilma representativa, quer do PT, quer dos interesses dos trabalhadores assentados em sua ampla fronteira sindical. O portal da entidade, disponível a quem deseje examinar as linhas e entrelinhas, faz a angulação da chamada para o 13 de março: “A CUT não deixará que os trabalhadores sofram o ônus de medidas fiscais pensadas para a economia. Também não permitirá que a Petrobrás, patrimônio do povo brasileiro, seja desconstruída por vontade de especuladores internacionais. Para defender os direitos de todos os brasileiros vamos às ruas!”, afirma Vagner Freitas, presidente nacional da CUT. Freitas tem a pauta dos trabalhadores, que não é a da dupla Cunha/Levi. Senão vejamos:
    “Fim das Medidas Provisórias (MP´s) 664 e 665, que alteram direitos da classe trabalhadora, é uma das questões centrais. Os movimentos do Brasil estão em alerta desde que foram editadas pelo governo federal, em 30 de dezembro de 2014.Outra das bandeiras é a defesa da Petrobrás, empresa que corresponde a 13% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional. O coordenador da Federação Única dos Petroleiros (FUP), José Maria Rangel, afirma que a defesa da soberania nacional e do emprego dos petroleiros é urgente. Da mesma forma, o controle das reservas. Segundo ele, a empresa reúne mais de 86 mil trabalhadores diretos e milhares de indiretos que fazem a estatal ser reconhecida mundialmente por sua excelência. “A Petrobrás investe, por dia, R$300 milhões na economia brasileira e sabemos que o Petróleo por muitos anos ainda será a matriz energética do mundo. Nesse contexto, quem tem petróleo tem poder”. A terceira bandeira é pelo Plebiscito sobre a Constituinte Exclusiva e Soberana para reforma do sistema político. A representante da Secretaria Operativa Nacional do Plebiscito Popular, Paola Estrada, explica que existe uma manobra no Congresso para que se aprove a reforma política pela Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 352/2013, considerada pelos movimentos como a “PEC da Corrupção” porque defende temas polêmicos, como o financiamento privado de campanha eleitoral. “Setores conservadores e parlamentares, como Eduardo Cunha, querem constitucionalizar a corrupção, com a lógica de que pessoas jurídicas [empresas] votam neste país e tomam decisões acima de nós eleitores. Ou seja, querem constitucionalizar o poder econômico nas eleições brasileiras”, orienta a Paola, corretamente. Segundo a CUT, a proposta que “dialoga com a classe trabalhadora é a da Constituinte pela Reforma do Sistema Político. A consulta popular está prevista no Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 1508/14, da deputada Luiza Erundina (PSB-SP”, nos termos da página do Portal da CUT.
    Dia 13 de março tem uma importância crucial para a legitimidade de Dilma perante as bases trabalhista e popular. Não há dúvida de que a mobilização será comparada ao que virá no dia 15. Talvez o saldo das manifestações dos dias 13/15, que se desejam pacíficas sem bate-estacas ou quebra-quebras, nos diga um pouco mais sobre o que virá. Se o experimentado e insuspeito Kotscho, com seus mais de meio século de estrada, e que acompanhou o PT e Lula desde “o golpe ao Planalto”, foi preciso no diagnóstico e no descortínio do cenário ou suas antenas de repórter à antiga falharam na percepção dos elementos essenciais que acabam por ditar realidade concreta e objetiva do estado de ânimo da população, especialmente de quem vai ter de arcar com o grosso da fatura “levítica ou leviana”.

    Atividades da CUT previstas para março:

    02/3 – Dia de Mobilização Nacional das Centrais Sindicais nas Superintendências Regionais do Trabalho (“DRTs”) – atos conjuntos em todas as capitais

    03/3 – Lançamento pela CUT do Dossiê sobre Terceirização – Congresso Nacional – Brasília/DF

    04/3 – Abertura Política do 12º CONCUT – 19h -Auditório Petrônio Portela – Brasília

    das 9h às 17h: Seminário sobre Economia e Política; às 19h: Solenidade de Abertura Política do 12º CONCUT

    08/3 – Dia Internacional da Mulher – atos em todo o país

    09 a 11/3 – Jornada de Lutas da Agricultura Familiar e Camponesa

    13/3 – Ato Nacional em defesa da Petrobrás, dos Direitos e da Reforma Política – atos da CUT, com a FUP e Movimentos Sociais em todo o país (em especial nas capitais)

    18/3 – Mobilização no Congresso Nacional

  31. Estimado Mestre:
    Com relação ao seu post na parte da greve dos caminhoneiros, o senhor critica a intervenção da Força Nacional contra os grevistas. Por um lado existe o direito dos grevistas de protestar,mas o exercício desse direito não pode proibir os direitos dos demais motoristas e caminhoneiros que não querem aderir a greve: me refiro ao direito constitucional de ir e vir, de circular livremente..Ninguém na mídia se refere a isso. Seria muito bom se o senhor de vez em quando desse “uma lida” na Constituição Federal…aí descobriria que se existe uma ordem judicial, a mesma deve ser cumprida pela força pública se necessário, como lamentavelmente é o caso. Não adianta falar de Democracia se ao mesmo tempo não respeitamos o que está na Carta Magna Brasileira…

  32. Estou afora do pais por necesidade e cada dia entra para ver/ler os acontecimentos…. Pelo amor de Deus… tan triste tudo esto…. um pais tao maravilhosa com gente tb maravilhosa pegamos numa scenario comunista… do que sempre vai para o ralo. Gente… acordam.. rua… despedir os comunistas… impeachment mas que precisamos um limpeza total…. Tal vez o militar podem entrar como uma solucao intermediario enquanto solucionamos esta bagunca total.

  33. A culpa é do povo!!! Só sabem reeleger os mesmos caras pálidas para representar os interesses da nação no melindroso congresso de bananas, sim, porque aonde num país sério, obrigado a aguentar tanta cobrança de impostos pra cobrir rombos fraudulentos, assistiria de camarote com cerveja na mão, os senhores deputados aprovarem passagens aérea gratuitas para seus cônjuges? Somente aqui, nesta republiqueta de 5ª categoria!!!!

  34. E mais uma vez, (eu que sempre me oponho a seus textos, por achar que são parciais..) tenho que parabeniza-lo! Nem a VEJA, opositora ferrenha do governo, conseguiu descrever com tamanha clareza a situação do país, pois o mesmo não diz respeito a ataques a nenhum dos dois lados, mas somente a realidade nua e crua!

  35. Aqueles que achavam que o Levy era quem mandava no governo, a DILMA já mandou o recado. Acho que o dito cujo tem pouco tempo no ministério, se dentro de seis meses não apresentar resultado vai levar um belo pé na bunda.
    Outra coisa interessante, é que como estão vendo que este negócio de impitimam é meuzovo, estão como o J. Leite implorando que ela renuncie…são dignos de dó.

  36. “Ela já falou tanta mentira que ninguém mais acredita no que ela fala” (J. Leite – 28 de fevereiro de 2015 – 18:22). J Leite, desafio voce a citar uma mentira que Dilma tenho dito e repetido tantas vezes quanto Alckmin (que voce confessadamente admira) insiste repetir sobre não haver racionamento de água em São Paulo ou sobre a lisura dos contratos das obras de seu Metrô privatizado, cujas denuncias de superfaturamento partiram da própria parceira do governo Alckmin, a multinacional Alemã Siemmens. Demolir seus argumentos infantis, Bobalhão, é mais fácil que tirar pirulito da boca do Gilvanildo ou desmascarar o Netho. Não tem nem graça. Boa noite, J Leite.

  37. Tenho curiosidade em saber o que dizem os meios de comunicação NÃO GOLPISTAS sobre a atual situação do Brasil! Algo diferente do que o RK escreveu? Por favor, me falem para que eu possa ter mais esperança.

  38. FHC tão sorridente nesta foto, me faz lembrar aqueles meliantes que tem certeza da impunidade…Ri por que sabe que por mais que o seu partido esteja envolvido em denuncias de corrupção, sabe que nunca serão punidos.

    1. Boa definicao para as inúmeras fotos do Lula…quando acabei de ler o seu texto, a primeira imagem que me veio à cabeca foi a do Lula sorridente.

  39. Amigos Balaieiros, há muito tempo deixei de apontar o comentario mais extraordinário do post, mas vou abrir uma excessão: Murilo Silva – 28 de fevereiro de 2015 – 16:52. Monumental, Murilo, aplaudo de pé. Se mestre Kotscho pretendia, com esse post, selecionar assessores pra área de comunicação de Dilma, como desconfio, seu nome é o primeiro da lista. Parabéns. /// O Nethu Cano, J Leite, L C Velho, Gilvanildo Costa, Vera, Thereza Martins, etc… tambem foram selecionados …….. para o Instituto Millenium. Ate amanha, Balaieiros !!!

  40. Por que Aécio durante a sua campanha presidencial, não colocou essa foto de FHC? Fernando Henrique só dá as caras quando o momento é propício…esse comportamento é típico de gente fraca…

  41. Dermeval Jr, tenha dó, meu fíii, voce parece só se importar com seus próprios comentários !!! Seja mais humilde. Não leu os comentários do Murilo, Everaldo, meu e da Bia, por exemplo, em que descascamos o Kotscho, sem dó nem piedade, sem sermos censurados ? Precisa de mais pra continuar participando, admirando e respeitando o Balaio do Kotscho ? Agradeçamos aos Deuses por dispormos desse espaço democrático, tão generosamente cedido por Kotscho pra postarmos aqui nossas sandices e desvarios. Dermeval, continue participando do Balaio. Incumba-se dos irmãos Gilvanildo e Márcio da Costa e do Rodrigo Espósito. Cuidarei do dois ossos mais duros de roer do Balaio, Nethu Cano e Luiz Carlos Velho. Everaldo fica com J Leite, Thereza Martins, Vera e Daiane Firmino. E assim por diante, sempre nessa proporção: um Petralha para um mínimo de três tucanalhas. E vamu qui vamu, Dermeval. Abração e ótimo domingo a todos.

  42. OI grande problema do PT é o fogo amigo, diga-se de passagem “Amigo da Onça” … Mais um artigo para contribuir para o golpe contra Dilma. Realmente, o senhor chegou ao fundo do poço.

  43. Everaldo, seu texto de 19:32 é digno de dividir o prêmio de melhor comentário do post com o monumentral comentário do Murilo Silva. Parabéns, meu mano !!!! Acho que o Kotscho resolveu dar uma levantada de animo nos Petralhas do Balaio e os tucanalhas cairam feitos patos. Foi só pena que voou. Arumaram até apelido pro falastrão Netho (Nethu Cano). E vamu qui vamu…..

  44. Eu acho que essa é a hora de oposição e governo de se aproximar um do outro e reunir para conversar e procurar ver onde eles erram. E não ficarem culpando um ao outro e jogando conversa fora.
    ate porque vivemos numa democracia e em tempo paz não pode haver provocações e terrorismo e guerras, é hora do ex-presidente fernando henrique cardozo e o ex-presidente lula e Dilma sentarem para conversar e fazer isso com humildade e mostrar esse patriotismo como bom estadista ao povo e procurar esquecer as diferenças de que quais governaram melhor.

  45. Lula fez o que tinha de fazer, Kotscho. Se vc não percebeu isso, acho que sua capacidade de análise está deixando a desejar. É pra gente ficar de cabeça baixa, se lamentando, e deixar os golpistas à vontade? Com todo o respeito que vc merece, cansei do seu derrotismo quase obsceno. A vida segue e eu me vou. Seja feliz. [Rodrigo Vianna, no blog Escrevinhador, está fazendo a análise adequada para o momento, na minha modesta opinião. Choramingos não!]

  46. Com o Levy declarando que a desoneração da folha salarial, foi um erro grosseiro, e que essa “brincadeira” custou 25 Bilhões de perdas ao governo, ficou uma dúvida danada nos brasileiros… Com quem estaria a razão… Seria com o Levy ou com a Leviana?

  47. Parabéns Sr Ricardo por reconhecer essa balburdia toda. Podemos ver que ainda existem petistas coerentes que enxergam a realidade e não somente Alices que vêm um país maravilhoso no meio do caos.

  48. Nenhuma novidade nesse fracasso de gestão da DILMA, ela caiu de paraquedas para governar o PAÍS graças ao populismo de Lula que está indo por água abaixo. O PT soube trabalhar/manipular a classe mais simples do País e com isso ganhou votos para se manter a frente de demais candidatos sem muito esforço. Algumas visitas nessa base eleitoral uma vez ou outra é garantia de votos ou “injeção de ânimo” para se manter no poder. Em recente viagem a região do Nordeste vi de perto essa realidade. Um povo maravilhoso – mas, que não parece ter consciência (em grande parte) que são manipulados por interesses eleitoreiros. Mas, a culpa são daqueles que usam de má fé. E o governar um País gigante como o Brasil não é como cuidar da “casa de mãe Joana” – que me desculpe as mães Joanas pela comparação. O Brasil está como está por incompetência! Isso, é via de fatos! E quando falta incompetência entra todo tipo de imundícias nojentas… e causa repugnância vê a degradação pelo qual passa a nossa Nação. E o pior é ver tudo isso, sem ter motivos para reações ao saber que tudo continuará do mesmo jeito. NO FINAL, VIRA SE COMEMORA COM SUCULENTAS E SABOROSAS PIZZAS – ISSO ENTRE ELES, É CLARO!

  49. todos eles dão risada, os unicos que choram são os trabalhadores, que sofrem por saberem que não temos politicos serios que governam para o bem do Brasil.

  50. Graça a deus o aecio nao ganhou, pq senao iriam culpar ele pelo burraco que o pt fez. Cambada de ladrao, acabaram com o pais, e ainda tem gente que tem corragem de tentar defender. Ta vendo o estouro, ja era, lugar de ladrao eh na cadeia, entao pra quem votou na dilma, sinta-se culpado tmb pelo o que ta acontecendo com o pais, parabens para essa cambada de irresponsaveis e sem vergonha na cara.

    1. Daria para o senhor coxinha explicar e esclarecer aos “desavisados e pouco informados” frequentadores do Balaio, com informações concretas e substantivas, “o buraco que o PT fez”, “o estouro”, “o que está acontecendo com o país” e “como acabaram com o país”, que já não tenha ocorrido e muito pior, e bota muito pior nisso, em outros governos, anteriores a 2003?

  51. Caro Kotscho, concordo com você, quando diz que não temos para onde correr. Realmente, não temos, A oposição alinhada ao PSDB está visivelmente sem propostas para o país, uma vez que Joaquim Levy pôs em prática parte do programa econômico do partido para tirar o país do caos em que Dilma 1 o colocou. A liderança tucana, embora reafirme ser contra a bandeira do impeachment, incentiva a participação de simpatizantes nas manifestações de 15 de março convocadas, exatamente, para clamar pelo impeachment. Como se colocar em marcha com palavras de ordem diferentes se o objetivo da manifestação é claro? Por sua vez, a outra oposição a Dilma, alinhada a Lula, está pronta a “defender” a democracia colocando o exército do MST nas ruas, como se fosse o salvador da pátria. Enquanto isso, em Brasília, temos uma presidente omissa e um Congresso em festa. A farra dos parlamentares, com verbas generosas e benefícios mil, corre solta. E no meio desse embate estamos nós, a imensa maioria da população, que não quer saber nem de impeachment, nem do exército de Stédile, mas apenas de estabilidade política e econômica para seguir em frente.

  52. Caro Kotscho, bom dia.
    Sugiro vivamente ler uma entrevista recente do professor Bresser Pereira. Ele faz uma análise equilibrada da atual conjuntura macropolítica do país, sem entrar nos emocionalismos que têm prejudicados os debates. Posição de um cidadão que quer contribuir para a melhoria do país. Vale a pena ler. Segue o link:
    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2015/03/1596370-ricos-nutrem-odio-ao-pt-diz-ex-ministro.shtml

  53. A luz esta aumentando todo mês e o meu salário não em vez de ligar termo elétrica invista na energia solar pro povo o lema não é luz para t
    odos

    1. me desculpe Luiz mas o jornalista não esta escolhendo lado e apenas expressando sua preocupação como cidadão no pais em que vive e sobrevive, ele, sua familia e amigos (pessoais e profissionais) e manifesto aqui mais uma vez sua coragem, concordando ou não com suas opiniões. Agora estou entendendo um pouco o refrão “vida que segue”. Um abraço.

  54. Pois é, a minha consciência não está assim pesada sr. Kotscho. Eu não votei nela. Ressalto que também não votei especificamente no senhor Aécio. Votei para que não ocorresse o que o senhor tão bem demonstra neste seu artigo. Isso era palavra cantada desde a indicação dela para a presidência por Lula. Ou ela mudou da água para o vinho num passe de mágica? Nada disso, nessa idade ninguém muda, só deixa a máscara cair. E pelo jeito, muitas ainda cairão. Abraços.

  55. Comecei a acompanhar o blog do Nirlando Beirão e fica bem clara a diferença dentre os textos progressistas dele,que levanta ao problemas pelos quais o governo tem passado e quais os responsáveis face aos seus, Ricardo, que estão quase e falta pouco, de serem copias do PIG, culpando Dilma de todo o mal que acontece no Brasil. Continuarei com o Nirlando..

  56. Dias virão em que muitos dos manipulados pela propaganda petista se envergonharão do que disseram. Se o Dias quiser ser um desses, é fácil. Basta procurar na internet e encontrará o vídeo onde um Lula oposicionista diz que as bolsas criadas pelo FHC são uma esmola que deixam o cabra vagabundo e sem querer trabalhar. Já no governo, ele tentou durante quase um ano fazer o Fome Zero sem conseguir criar sequer um cadastro. Então, muitos dias mentirosos depois, em 22/10/2003 (o dia exato é para você conferir, viu Dias) ele decretou que o Bolsa Escola se uniria ao Vale Gás e passaria a se chamar Família. Quanto aos factóides criados pela ala petista da imprensa, a justiça “nunca os pune” porque são falsos, coisas que os aloprados jogam ao vento para tentar transmitir a impressão de que todos são iguais. Mesmo que um deles fosse verdadeiro, na linha “ninguém é santo”, veja os valores alegados e diga se é possível comparar com os números bilionários do Mensalão, do Petrolão e do restante da corrupção petista. E fiquei satisfeito porque eu disse que o PT plantou “corrupção e incompetência” e você nem falou desta última. Nem poderia. Pois o Lula surfou na onda anterior e ainda conseguiu disfarçar, mas a Dilma já é a pior presidente da história, junto com o neopetista Collor e o Floriano Peixoto. E vai piorar. É por isso, pelo bem do Brasil, que o PT deve sair de lá o quanto antes.

    1. “Dias virão em que muitos dos manipulados pela propaganda petista se envergonharão do que disseram.” Arnesto (que não mora no Brás), “não vem de garfo no Balaio, que hoje é dia de sopa”, senão termina faminto, nu e envergonhado, mais rápido que imaginas, em meio a tanta desinformação sobre o Bolsa Família, que podem sobejamente serem devidamente esclarecidas e pulverizadas, indo-se ao link abaixo, para ler a carta encaminhada ao derrotado candidato Aécio Neves, por profissional que “vive o assunto”, desde o governo FHHC, e caso não sejas ainda um coxinha completo, sem vergonha, acabara não apenas dando razão a Lula, dada a clarividência no contexto em que se trata, como nunca mais replicará essas desinformações rolabostas, além de certamente retornar para pedir desculpas, por tentar enganar balaieiros desavisados e, o pior, como se essa espécie pudesse existir no Balaio, né, Everaldo? Sobre a incompetência, basta retornar ao comentário relativo, reler o que foi dito, seguir o recomendado e aprender afinal quem detém, com séculos de vantagem, a incompetência, de fato e de direito. “Isso não se faz, Arnesto, / nós não se importa /
      Mas você devia ter ponhado / um recado na porta”. PS: Carta aberta a Aécio Neves e ao PSDB – acesse: http://jornalggn.com.br/noticia/diferencas-entre-bolsa-escola-e-bolsa-familia-inviabilizam-paternidade-tucana

  57. na minha opinião,todo o dinheiro gasto com a copa,e o dinheiro que foi mandado para 14 paízes,deveriam ser gasto com nossa saúde,educação e segurança.porque quando os políticos,sem exceção,quando doentes,não internam no SUS,e ficam jogados pelo chão dos corredores?um comentário muito sem graça,foi de um tal de ronaldinho,dizendo que leitos de hospitais não fazem copa do mundo.queria vê-lo com algum parente dele consultar no SUS.adorei que o brasil na copa perdeu só de 7 x1,deveria ter perdido por uns 20 goals a zero.grato.

  58. Dividir riqueza, aquilo que se tem na prateleira é mais fácil. quando a prateleira está abarrotada, mas quando a prateleira esvazia e não se produziu nada para repor a riqueza tem que se dividir a pobreza e nem pobre gosta de dividir pobreza.
    Ainda mais nessa nossa cultura em que pobre pensa que é rico mesmo estando morando e vivendo em lugares insalubres.

  59. Espero, sinceramente, que Lula e dona Dilma, ao lerem seu artigo, caiam na real. O Brasil precisa de paz e bom senso para sair do enguiço em que está. Vamos sofrer um bocado, mas que seja com dignidade.

    Para você, Ricardo Kotscho, um abraço com os agradecimentos de uma leitora que admira sua postura tão sincera. MH

  60. Muito bom o artigo, para onde vamos? Dilma, Lula e o Partido dos trabalhadores não tem a menor ideia do que fazer, estão completamente perdidos em um rio de águas fétidas que está jogando o Brasil no maior caso de corrupção em toda a história da humanidade.

  61. Kotscho está jogando a toalha,e mesmo assim, atraindo um nível de direitista caolho, que só enxerga o que gostaria que estivesse acontecendo. Essa gentalha não entra em pânico apenas pela distribuição de renda. Ela odeia dividir espaços com pessoas vindas das classes E,D e C. É a surrada, mais atual do que nunca,a divisão de classes

  62. ela nao assite o r7,nao le os blogs sujos,é desinformada de tudo pois tem um marqueteiro falho,uns ministros ; tipo mercadante,cardoso ,que deveriam estar na rua ,obs. NÃO SOU PETISTA E NEM GOLPISTA

  63. A Dilma segue “firme”, porque “não está envolvida” e “””””””””””””””principalmente””””””””””” não é conivente com a corrupção, como é o Alckmin; e ao contrario do Alckmin que se “”esconde””, a Dilma vem a publico e explica, fazendo com que “”a midia conservadora que, faz sua previsões tenebrosas contra a economia brasileira, ‘se cale’, pois diante da presidente Dilma disposta a debater, fica sem argumento para continuar pulverizando o seu achismo nefasto””. Por isso e por mais uma dezena de coisas é que: “ha muito mais motivos pra se pedir o impeachment do Alckmin do que da Dilma”. Essa fotinho do FHC segurando uma nota de Real, no melhor estilo “foi Maluf que fez”, se fosse pra se colocar um legenda de verdade, “””””baseada inclusive nas manchetes da Globo, da Band, da Veja e da folha de São Paulo””””, que o elegeram, sempre passando a imagem de bom administrador de empresa e principalmente de “””otimo pai de familia”””; poderia ser a seguinte: “O governo Itamar Franco criou o plano URV/Real, o FHC do PSDB acabou com o plano real e o Lula do PT ressuscitou o plano Real”; pois “””até nas manchetes da Globo,da Band, da Veja e da Folha de São Paulo”””, isso facilmente comprovado, e facil de verificar que: O governo Itamar Franco, dentro do “pacto Itamar” que ele propôs, e conseguiu a adesão de varias personalidades da sociedade brasileira, e assim instituiu o plano Real/URV, conseguindo baixar a inflação para 1,5% e o dollar para 1%; passando assim o governo federal com estes indices ao FHC do PSDB; o FHC por sua vez, “destriu o plano real” e passou o governo federal ao Lula do PT com a inflação valendo 12% e o dollar valendo 4 REAIS; e o Lula do PT trouxe a inflação para 6,5% e o dollar a 2,80. Digo o Dollar a 2,80 porque é o valor que está atualmente no governo Dilma, que também é do PT. O que o FHC do PSDB fez a vida inteira, foi “”exatamente isso””: “”””””””Brincar”””””””, afinal “””passando a vida inteira recebendo da previdencia social, pensões gordas do seu pai e do seu avô, e a sua aposentadoria mal explicada como professor da USP”””, não deve ter tido muito com o que se preocupar na vida.

  64. E a única coisa q não entendo de jeito nenhum é pq o governo continua inativo.

    Ficamos esperando q apareçam com uma medida revolucionária, do fundo da cartola q ponham ordem nessa bagunça toda, mas como dizia uma relembrando minha professora de física fã do Chacrinha: quem não se comunica…

  65. E brasileiro está preocupado com o rumo do Brasil? A maioria dos brasileiros está preocupado se tal time vai subir ou descer na tabela, se fulana vai bater ou trair ciclano na novela, se a noite vai rolar um pancadão e etc. enquanto isso… PMDB (o líder) aumenta os próprios salários, a situação atolada em corrupção e a oposição bola (planeja) meios para ficar 20, 30 anos sem largar do poder.
    Talvez agora o brasileiro toma vergonha na cara diante do mundo que politica é muito mais importante, novela, futebol, balada e carnaval.

    1. Errata:
      Talvez agora os brasileiros toma vergonha na cara diante do mundo que politica é muito mais importante do que novela, futebol, balada e carnaval.

  66. O artigo de Amir Khair publicado no Estadão no dia 01/03, às 02:15h, intitulado Barreiras ao Crescimento, de certo modo dimensiona a resposta à indagação feito por Kotscho, do ponto de vista estritamente econômico. Segundo o economista, não chegamos ao fundo do poço, ainda; porque vai piorar. O artigo foi reproduzido por José Dirceu em seu blog (Um espaço para a discussão do Brasil). Khair foi secretário da fazenda na gestão petista de Erundina em São Paulo e é considerado um especialista em finanças públicas.

  67. Não é possível que minguem se tocou que o buraco é tão fundo que só dando um calote na divida interna que aumentou monstruosamente graças o Sr. Lula.
    Matemática simples pagamento da divida externa foi feito com empréstimo a bancos nacionais 100% ao ano de juros.
    Sendo que com os bancos internacionais era 10% ao ano.
    É mais claro do que nunca que estamos sofrendo um golpe Gramscista vejam este videos qualquer semelhança não é mera coincidência.

    https://www.youtube.com/watch?v=RFvHLVdY_S8

    Falar que no país a uma oposição ao Governo é quase que uma grande anedota, de muito mal gosto FHC foi exilado politico é era amigão do Molúsculo Lula.

  68. A projeção de crescimento “Leviana” para os próximos 3 anos é de 1,7% ao ano, na média, com base no orçamento apresentado ao Parlamento. A projeção do Boletim Focus do BC não confirma a hipótese “Leviana”. A considerar o último diagnóstico do BC a previsão mais otimista seria de uma forte recessão que levaria o PIB a sofrer retração de meio ponto percentual neste ano. Nos próximos dias o IBGE divulga a sua prévia do PIB corrigido para 2014. Há quem preveja, também, um número negativo, mas os esforços de Mantega para não fazer o crescimento passar a linha vermelha, talvez, façam 2014 ainda pintar com a cor azul acima do zero. O fato é que as previsões de crescimento dos “emergentes” para 2015 são maiores que 3% e nossos vizinhos do Mercosul ficariam em torno de 2%. O Brasil, infelizmente, ficaria em último lugar nesse campeonato mundial do PIB em 2015. Não é o fundo do poço, mas não se poderia dizer que seja confortável. Afinal, nenhum dos outros países, exceto a Venezuela, encontram-se sob tamanho fogo cruzado das oposições e incomodados com manifestações de rua.

  69. todos nós sabíamos que isto iria ocorrer, faltou trabalho de nossa parte para ensinar os menos letreados das intenções expúrias do PT; eu não me sinto culpado, pois trabalhei incessantemente e incansavelmente par abrir os olhos de todos os que me rodeiam de que se não votassem no Aécio eles iriam ser culpados pelo que poderia acontecer….e ai está a situação sem solução a curto prazo…o sapo barbudo está pregando até uma guerra civil dos sem terra; que são a minoria contra todos os outros que tem razão???

  70. sabias palavras belo texto jornalista Ricardo Kotcho.sabe,o senhor qUe eu estou cansado de defender a classe menos favorecida no meu humilde blog sem patrocinio nenhum da petrobras.a SECOM comunicação dos governos Lula e Dilma é uma tristeza.só querem encher a pança da mídia golpista globo.band até a revisteca de pornochanchadas a Veja recebe patrõcinio publico.antes deles(governo petista) levarem uma facada pelas costas na vespera das eleições de 2014.os blogs pequenos que defedemos eles (o governo petista)lutamos como indios com machadinhas(pequenos blogs) e os adversários é deles e não nosso.os golpistas yanques tucanos vem com seus potentes revolveres schmidth versus(globo)..mas a nossa presidenta Dilma esta mesmo deixando a desejar com este silencio profundo e sombrio..cadê aquela Dilma gerentona de outróra? sabemos.que ela é ruim de papo.mas era decisiva implacável e competente no dois governos do nosso etérno presidente Luis Inacio Lula Da Silva.estamos no mato sem cachorro.o ministro mantega achincalhado morálmente aos berros por uns(umas) covardes cochinhas tucanos(as) no hospital das elites o Eistem que o diga!.

    Att-João Batista Da Silva
    e do SulPampa.blogspot.com

    1. Acho que voce leu e não entendeu nada do que foi escrito. Ler o seu comentário me deixa preocupado, em especial, nas palavras “eterno Presidente Lula”. Meu causa arrepio ver um Brasileiro falando uma besteira dessa, pois se estamos nessa situação é porque o desmando, a incompetencia foi gerada não necesssariamente pela DILMA, mas, por todo um sistema desorganizado e corrupto do PT e PMDB. Chamar a população que é contra esse sistema de “coxinhas” é endossar a cultura hipócrita e leviana desse Governo Bolivariano. Estamos em uma situação que beira uma crise de proporções ainda nao conhecidas, mas que sem dúvida levará tempos para se consertar.

  71. Bem, se formos medir a profundidade do poço, com o metro dos acontecimentos das últimas 24 horas, a conclusão é a de que a situação da presidenta caiu um poço sem fundo. Sinceramente, a presidenta está nocauteada politicamente; grogue e falta muito pouco para a sua situação chegar à abertura de contagem, com o fim do seu governo, de uma forma melancólica que nem o mais realista dos seus apoiadores – a maioria do povo brasileiro -, jamais poderia imaginar.
    O que se houve e observa em todos os lugares, especialmente entre os apoiadores de Dilma, Lula e do PT, já ultrapassou o patamar da preocupação, chegou ao nível da perplexidade e aproxima-se do pânico, entre os mais atônitos. Por quê? Basicamente, porque o governo não consegue retomar a iniciativa e gira em falso sempre no mesmo lugar. E quando faz um movimento mais arriscado, a resposta tem sido negativa, quer em relação às duras medidas fiscais que desagradaram os mundos do capital e do trabalho, quer em relação às concessões à base alugada, quer em relação ao sócio-majoritário da coalizão, o PMDB. Os petistas mais realistas procuram uma só medida adotada por Dilma que pudesse dar voz e razão ao partido para subir o tom de voz e erguer o topete, coerentemente, em sintonia com o seu ideário. Dilma pelo menos teria enviado o pacotaço fiscal com medidas compensatórias à ninguenzada? Isto é, um corte de direitos e garantias socias e trabalhistas objeto das MP, mas um acréscimo compensatório no Bolsa Família, Bolsa Escola, Pronatec, ProUne, para não deixar dúvida do seu comprometimento orçamentário com as “políticas sociais”. Não, isto não há; tanto não há que nenhum senador, ou deputado, do PT, até agora subiu na tribuna do Parlamento com um demonstrativo nas mãos capaz de tapar a boca dos seus detratores. O que fazer? Bem, até hoje, desde 2003, Lula tem obrado milagres. Só um milagre salva Dilma de um destino inglório e humilhante: terminar o seu mandato, quer como Collor, quer como Sarney, quer como FHC; respectivamente, debaixo do opróbio, do achincalhe, da vaia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *