Na Câmara, eles sempre ganham; perderemos nós

Na Câmara, eles sempre ganham; perderemos nós

Eduardo Cunha e Severino Cavalcanti

Caros leitores,

informo a todos que serão sumariamente deletados todos os comentários que tratarem de cor, raça ou religião.

Grato pela compreensão,

Ricardo Kotscho

***

O que diria o velho doutor Ulysses, ao observar, lá do alto, esta renhida disputa pelo comando da Câmara?

“Vocês ainda vão sentir saudades do Severino Cavalcanti…”, poderia comentar naquele seu jeitão cético de quem sabia das coisas, diante da ameaça real da vitória do deputado carioca Eduardo Cunha, na eleição deste domingo, para ocupar o terceiro cargo da República.

Se lesse esse texto, Ulysses me faria uma ressalva: “Velho, sim, mas não velhaco”. Pois agora, parafraseando Nelson Rodrigues, o capitão da resistência democrática poderia constatar que os velhacos perderam a modéstia e já dominam o picadeiro, viraram protagonistas.

Só para lembrar, Severino era um legítimo representante do chamado baixo clero, como Cunha também é, no papel de líder do sindicato dos deputados sem rosto, sempre em busca de mais vantagens. Só que, perto de Cunha, o folclórico deputado pernambucano, que surpreendeu o país ao ser eleito para a presidência da Câmara, em 2005, era um amador, podemos dizer, até um romântico.

No jogo de chantagens do Legislativo com o Executivo, Severino queria apenas uma diretoria da Petrobras, “aquela que fura poços”, e acabou se vendendo por um módico mensalinho de R$ 10 mil mensais ao concessionário do restaurante da Câmara. Eram outros tempos.

Eduardo Cunha é, acima de tudo, um profissional. Age, não como sindicalista, mas como empresário, como bem constatou o colega Luiz Fernando Vianna, desde que surgiu nas franjas do submundo da política fluminense, levado pelas mãos de PC Farias, no começo dos anos 1990, para ocupar um cargo na falecida Telerj.

Desde então, aliado ora a Collor, ora a Garotinho, ora a Cesar Maia, acumula em seu currículo um longo prontuário de processos na Justiça, que não o impediram de seguir na sua vitoriosa carreira, chegando aonde chegou, como franco favorito. Pode ganhar até no primeiro turno, derrotando o governo federal, que acabou de tomar posse, e do qual é desafeto assumido.

Suprapartidário, é líder do PMDB, o principal aliado do governo, mas ninguém na Câmara é mais oposicionista do que ele. Gabou-se nas últimas eleições de ter ajudado a eleger sua própria bancada e logo lançou-se em campanha pela presidência, com a retaguarda garantida por grandes grupos de variados interesses econômicos e midiáticos, que sempre o apoiaram.

Do outro lado, concorre para valer só o candidato oficial do governo, Arlindo Chinaglia, do PT paulista, que já foi um anódino presidente da Câmara. Chinaglia joga suas últimas fichas no trabalho de ministros do Palácio do Planalto, correndo atrás do prejuízo, com suas planilhas para cobrar fidelidade de parlamentares dos partidos aliados que ocupam cargos no governo.

Durante toda esta “campanha eleitoral” milionária na caça ao voto dos deputados, com jatinhos e comilanças à vontade, nenhum dos dois discutiu os graves problemas nacionais, muito menos projetos para o país. A disputa entre os dois se limita a saber quem oferece mais cargos e mordomias às insaciáveis excelências.

Como o voto é secreto, ninguém saberá quem trairá quem, mas de uma coisa podemos ter certeza: ganhe quem ganhar, diante deste cenário de vale tudo, perderemos nós.

 

 

 

 

 

 

 

 

35 comentários em “Na Câmara, eles sempre ganham; perderemos nós

  1. Lendo seu artigo,fica a sensação que a vaca foi para o brejo,bem antes do que imaginei.Que Deus tenha piedade de nós.Com ou sem interferência de Osmarina Marina Silva.

  2. Realmente na Câmara dos Deputados eles sempre ganham; ganham altos salários, mordomias, bajulação e o povo colhe os frutos de suas escolhas e muitas vezes frutos amargos. A imagem que o Congresso Nacional Brasileiro passa é a de despachante do Palácio do Planalto. Não há razão para o Legislativo ser mordomo do Executivo. Quanto tempo mais o Brasil precisará para ser um país decente? Será que existe algum lenitivo para curar a má chaga da corrupção e da passividade do Brasil? Socorrer-se de mentes incautas para dirigir uma Nação nunca gerou bons frutos. Que futuro espera o Brasil? Entre o medo e a esperança, entre o sonho e o desespero, sempre este país preferiu a letargia. “Nós precisamos de reformas acabadas que abalem profundamente o espírito público para tirá-lo de letargia em que se acha abismado. […]. Estadistas imprudentes, que mentis a própria consciência, e traís vossos deveres procurando encobrir com flores as chagas dilacerantes da Pátria, não vos leve de rojo a impetuosidade dos acontecimentos, e não tenha a história de registrar, um dia, a ruína de uma nacionalidade ainda jovem que podia ser salva se não fosse a vossa obstinada cegueira!” (Correio Nacional, Nº 02, 6 de Novembro de 1869). Será que algum dia conseguiremos reformar a consciência do Brasil? Isto é, se restarem indignação, coragem e altruísmo no coração de alguns patriotas. Será melhor darmos as mãos para embarcarmos juntos no barco da esperança, da espera expectante a fim de ouvir o doce som da liberdade. “O presente é tão grande, não nos afastemos. Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas.” (Carlos Drummond de Andrade, Poema Mãos Dadas)

    1. …( falando sòzinho ) …coitada da DAIANE, parece que quer escrever um livro de poemas sobre o “nobre” povo americano, e como o mercado para poemas em seu país ( EUA) não esta nada bom, procura fazer um prémarketing de seu nome aqui ( tanto é que o destaca com letras maiúsculas ), com estes comentários falso-românticos, sabendo que em última instância quem sempre esteve e esta por trás de nossas mazelas, são seus vizinhos de bairro.

  3. A Dilma precisa se “encontrar mais com o Michel Temer”. E’ hora de chama-lo na chincha e “””exigir””” atitude em relação ao Eduardo Cunha, esse deputado “que não é nada sequer dentro do PMDB”, mas que vive buscando os seus “””15 minutos de fama”””. A Dilma tem que chegar no Temer, e dizer “Que é hora de dizer ao Eduardo Cunha, que quem não está com o governo, do qual o PMDB é vice”, está contra, e portanto está fora. O PMDB por sua vez, precisa entender que todas as atitudes do Eduardo Cunha, “são muito mais favoraveis ao PSDB do que ao PMDB”, porque ele “sequer joga a favor do governador do Rio e do prefeito do Rio, que são do PMDB e do estado dele”; e portanto, se faz necessario urgentemente “dar um ultimato ao Eduardo Cunha”, pois uma coisa é não concordar com o partido dele PMDB, e outra coisa é jogar contra o partido; e se ele gosta tanto assim do PSDB, um partido que foi e é conivente com a corrupção, então o melhor caminho para o Eduardo Cunha, é ser “desligado” do PMDB, o velho MDB do Ulisses Guimarães, e se filiar ao PSDB do Aecio Neves, por quem ele fez campanha no Rio de Janeiro; e quem sabe assim o Eduardo Cunha conquiste “””45 minutos de fama”””, ja que o que não falta é minutos que a grande midia conservadora dipoem para o PSDB. O Eduardo Cunha, está de fato traindo o seu partido PMDB e a Dilma; porém, no entanto, quando a Dilma, fala em “traidores internos e externos”, ela certamente não está falando do Eduardo Cunha, porque ele não merece tanta importancia assim, mas sim fala da canalhice que mais uma vez “”””A grande midia conservadora está fazendo com o Brasil””””, pois no mais recente episódio do caso de corrupção na Petrobras, “””a grande midia, diante do balanço que a Petrobras apresentou segunda-feira, sem a inclusão do onus da corrupção; Se ‘apressou’ em dizer que ‘estimava-se’ que a corrupção causara prejuízo de 88 Bilhões a petrolifera”””; porém “””ontem, quinta-feira, o ministerio publico, ‘que investigou e ouviu varios depoimentos dos envolvidos’ na corrupção da Petrobras; disse que o prejuízo que a corrupção causou a petrobrás foi de 3 Bilhões””””. – Claro que o prejuízo da petrobras, pode ser maior que esses 3 Bilhões, 2,7 Bilhões pra ser mais exato, que o Ministerio Publico afirma que a Petrobras teve; mas o fato, é que é uma diferença Brutal o valor apresentado pelo ministerio publico, de 2,7 Bilhões, para os 88 Bilhões que a grande midia conservadora apresentou. E, é logico que “””um investidor estrangeiro, que se baseia na grande midia do Brasil, para fazer investimentos; não vai investir na Petrobras diante de uma noticia dessa. Sim, o inimigo externo da Petrobras é essa midia conservadora, conhecida por inventar boatos para auxiliar seus candidatos nas eleições, e que agora inventa terrorismo economico, que afasta investidores na maior empresa publica do país. Por que a grande midia, que também se apressou em ‘fazer pesquisa de aprovação do governo Dilma após a eleição’, não tem coragem de fazer uma pesquisa sobre a aprovação do governador Alckmin, que ela tanto ajudou a esconder a crise iminente da agua?

  4. …e este bando de irresponsáveis antipetistas, acham que o Brasil estará a salvo com o PT fora do poder. Com este legislativo e judiciário mafiosos e entreguistas estamos longe de ver um País organizado. A maior prova de que os governos petistas foram e são os mais honestos que tivemos até hoje, esta em terem dado liberdade à polícia federal e ao ministério público, mesmo que esta liberdade esteja sendo usada de forma discriminatório para apenas o prejudicar. Quando sair a lista oficial dos políticos envolvidos na lava jato, veremos que a maioria não é filiada ao PT.Este Cunha é uma prova cabal que os governos petistas são vítimas de uma cultura política que não é fácil mudar. Um governo que aprova uma lei anticorrupção, como aprovou a nossa presidenta, só é considerado corrupto por malfeitores ativos ou em potencial.

    1. “Senhor Carlos Eduardo – 30 / 01 / 2015 – 13:52,*não use essa frase republiqueta de banana,nem por força de expressão:o Senhor sabe quanto estão custando as bananas na nossa republiqueta?”rsrsrs….

  5. Orçamento da Câmara Federal para 2015: CINCO BILHÕES E DUZENTOS MILHÕES DE REAIS. É uma IMORALIDADE enquanto médicos, policias, professores, enfermeiros ganham pífios salários. O que e em que esses parlamentares TORRAM essa quantia do contribuinte? Em quê de ÚTIL? Esses parlamentares vivem viajando às custas do contribuinte. Férias, recessos… auxílio pra tudo… Se deixarem de existir não farão falta… Se os garis fizerem greve a sociedade é imediatamente prejudicada porque causa imensos transtornos e riscos à saúde das pessoas. Portanto, aquele âncora que disse que os garis estão na última e mais baixa escala social está enganado no quesito de utilidade, pois até os jornalistas podem fazer greve que não farão falta, inclusive tal âncora e aqueles que escrevem que a ditadura no Brasil foi branda. Essa tal de lava-jato está chata à guisa de novela que chega no meio da história fica embromando para manter audiência. Essas empreiteiras somente firmaram contratos com a Petrobras? E as construções dos estádios (12) para a copa? Estradas, portos, escolas, hospitais, ferrovias? Por que políticos com mandatos têm direito a foro privilegiados? Sabem que fez essa marmota de mal gosto? FHC, pra variar: o envergonhado que empregou o genro na Petrobras. Eu sou contribuinte e um dos milhões que bancam essas pessoas, então, eu tenho direito de saber quem está agindo fora da lei. Um pobre faminto que rouba um pacote de biscoito tem sua imagem filmada e estampada nos jornais televisivos e impressos. O político ou outro qualquer de gravata tem seu nome preservado. Onde está a justiça em que um ministro pede vista de processo quando a maioria do plenário já havia votado e decidido pelo veredito? O formalismo jurídico couraça a verdade. E o Alckmin? Crise hídrica uma ova, é falta de água porque não investiram no sistema. Há quatro anos não chove no Ceará e não falta água lá. P.S. Grave é o ministro da fazenda anunciar cortes em auxílios dos trabalhadores, aumento de impostos e ri como se estivessem cometendo um ato de prazer… é perigosíssimo. Tão grave quanto manifestações pela volta da ditadura.

  6. Vale lembrar que o folclórico Severino Cavalcante foi uma espécie de anteparo a um desastre iminente, pois não fosse ele quem seria o presidente da Câmara ,á época seria o Luiz Eduardo Grenhald ,ou seja, tudo poderia ser muito pior do que foi.
    No entanto ,entre Chinaglia e Cunha, fico com os dois, pois ambos garantem que não agendarão, em seus mandatos, nenhuma votação concernente ao tal ”controle social da mídia”. que é o sonho de 10 entre 10 aloprados do PT ,cujas intenções malévolas são indisfarçáveis — esconder malfeitorias—.Com a mídia nas mãos dos ”agentes” sociais ;militantes ,milicianos ,sindicalistas e outros que tais, haja Petrobras…
    Portanto Sr.Kotscho, tanto faz .Menos o Chico Alencar, claro, uma vez que o PSOL é o PT na oposição.

  7. Kotscho, não sei se vale muito o que vou lhe dizer agora: CONCORDO PLENAMENTE COM SUA OPINIÃO!
    Nada como um dia atrás do outro e um texto após o anterior sobre a PETROBRAS.
    Um respeitoso abraço!

  8. São estarrecedores os números apresentados pela pesquisa encomendada pelo Tribunal Superior Eleitoral [TSE], que mostrou o clima de ceticismo do eleitor em relação ao processo político. O levantamento feito pela empresa Checon, teve 1964 entrevistas feitas em dezembro e teve caráter tanto qualitativo quanto quantitativo. O TSE disponibilizou ontem os números na sua página na internet. 76% dos pesquisados se disseram contra o voto obrigatório e 55% se mostraram favoráveis às candidaturas avulsas, sem filiação partidária, o que evidencia a descrença na representatividade dos partidos. 38% avaliaram a confiabilidade das urnas eletrônicas com notas de zero a 4. Outros 27% afirmaram que a confiabilidade oscila entre 5 e 7. Apenas 35% afirmaram que a confiabilidade das urnas está acima de 8. Existem indícios de compra de votos e é expressivo. 28% afirmaram ter testemunhado ou tido notícias de compra de votos, enquanto outros 8% preferiram não responder a pergunta. Foi insistentemente reivindicado transparência na apuração do votos e aplicação da Ficha Limpa. O grau de lembrança das peças publicitárias foi alto, acima de 70%. Tais números, por melhores que possam servir para os senhores ministros do STE, devem ser analisados no conjunto da abstenção ocorrida na última eleição e anteriores, mesmo com a obrigatoriedade do voto ser constitucional. Esse negócio de “dormir em berço esplêndido”, é lorota pra boi dormir…Do jeito que está, o contribuinte continuando ser escorchado nos impostos a pagar, tendo de trabalhar mais de 4 meses por ano só para sustentar essa caterva que vivem nababescamente num mundo diferente daquele que o trabalhador vive, tais excrescências eleitas com menos de trinta anos de idade, adquirindo o direito de serem chamadas de excelências pode ser um perigo para a democracia alardeada aos quatro cantos como consolidada, “pero non mucho”.

  9. O segundo governo da Presidenta Dilma,nasceu velho,como bem anotou em seu blog o excelente Miguel Rosário.Vou adiante.Nasceu e morreu velho,ganhe quem ganhe a Presidência da Câmara dos Deputados.Os motivos são do conhecimento até do mundo mineral.A Presidenta demonstra não ter qualquer tino para politica.Um Presidente da República,antes de mais nada,é um ser eminentemente politico.Nao tenho conhecimento de políticos teimosos ou arrogantes,se se caracterizados por tais atributos,são fuzilados na primeira oportunidade.No primeiro mandato,assim ou assado,vinha no embalo do criador,deu malmente para o gasto.No Dilma II é o desastre que se avizinha.Montou um dos ministérios mais mediocre no pôs redemocratização,para provar, no primeiro mês de governo,não saiu das cordas,sangra de forma infantil.A manutenção de Aloísio Mercadante na Casa Civil,foi e será letal ao seu governo.Juntou-se a fome com a vontade de comer,ou melhor,a teimosia com a arrogância.Combinacao como anotei,suicida em politica.Eduardo Cunha é fruto da desorganização do governo.Uma das frases ou citações das mais ridículas que conheço,e vem a ser a cara desse governo,” o governo não se mete na eleição da Câmara dos Deputados”.A teimosa manutenção de Graça Foster na Presidência da Petrobras,tão grave quanto o desastre hídrico paulista,outra cereja do bolo.Prato cheio para o consórcio mafimidiatico.Nao teve o tino de estancar a sangria.No escândalo do tal Mensalão,Lula não tevê outra saída,senão entregar a cabeça do seu maior e mais fiel colaborador Ze Dirceu.Nao tinha outra saída.Ou entregava ou caia.Os dois perceberam a tempo.Na situação atual,Lula submergiu,ninguém sabe ninguém viu,principalmente quando Da.Dilma resolveu apostar suas fichas em Mercadante,confiada exatamente não sem em que.Os votos de ambos,se muito,cabem numa Kombi.Bem,o que vai acontecer,difícil prever.A essa altura nem Mercadante saberia dizer.Cronica de uma morte anunciada.

  10. É isto Ricardo, nos falta uma oposição séria, que fizesse um mea culpa, com lideranças respeitadas principalmente pelo governo, que resolvesse ser protagonista numa transformação profunda de nosso mundo político. Com esta mania de desrespeitar a democracia, buscando, aliados a esta mídia marginal, derrubar um governo legitimamente eleito, com lideranças do porte de um Serra, Aécio, Álvaro Dias, Alkmin e outras nulidades, indutores do caos, com o fim único de se apossarem do poder, não há solução, pois o outro lado os confrontará, para impedir este propósito. A hora é de cobrar da oposição, destes canalhas, que em 500 anos de poder nos legaram esta política. Sem uma autoridade oposicionista do porte de Ulisses Guimarães, vamos continuar nisto.

  11. Breve relato do desgoverno Dilma II.Sua excelência os fatos,como diria o saudoso Dr.Ulisses:Aloisio Mercadante,um arrogante mediocre,ou medíocre arrogante.Se muito,Ministro da Pesca; Miguel Roseto,um bom quadro,onde o colocaram,tornou-se macaco em loja de louças;Pepe Vargas,a mesmíssima coisa;Jacques Wagner,negociador por excelência,interlocutor previlegiado,foi empurrado para a Defesa.Bem provável,que tenha sido colocado lá,temendo-se um ataque nuclear do Haiti;Ricardo Berzoini,segundo informações de alcova, começa a “bernadizar-se”.Dilma Rousseff como não pode mais se candidatar à Presidência,prepara-se sua candidatura a Câmara de Vereadores de Xiquexique,no sertão da Bahia.Colhi informações,que suas chances de ser eleita,são remotíssimas.

  12. Esqueci importante detalhe.Ricardo,faça chegar ao Presidente Lula,por favor,toda nossa indignação pelo o que está acontecendo.Com Mercadante,não iremos nem se Osmarina Marina Silva pedir a Deus.

  13. Seja quem for o eleito, pode escrever: Continuarão discutindo os “Ps”, PSDB, PT, PSB, DEM, etc..e outros ”Ps” que se eu puser mais algumas letras…o comentário será ”impugnado”…sem a apresentação de qualquer projeto em benefício povo, muitos cabides de paletós, não entendem nem de água, tampouco das necessidades d população. E…ficam discutindo os ”Ps”, com um recheado contra-cheque.

  14. Leitores Edna, 2 e Carlos Eduardo: banana tem muito potássio. É ótima para evitar cãimbras. Eu recomendo. Como umas três ou quatro por dia.

    1. Senhor Celso Junqueira – 31 / 01 / 2015 – 14:31,*concordo em grau,gênero e número com o Senhor:banana realmente tem muito potássio e “até acredito que o Senhor Carlos Eduardo,também saiba disso”.
      “Agora o que *eu* realmente acho estranho é que mesmo o Senhor sabendo dessa propriedade que a banana possui,o Senhor *não* faça uso dela,pois caso o Senhor fizesse uso da fruta,não teria tanta cãimbra no seu cérebro,pois não consigo entender o grau de agressividade que o Senhor tem com os seus semelhantes.”
      “EU” respondi ao Senhor Carlos Eduardo,e não ao Senhor,o Senhor nunca teve,não tem e não vai ter nenhuma obrigação em ler o que *eu* escrevo no blog do Ricardo.
      “Um abraço e tenha um bom final de semana,para o Senhor e sua familia.”

  15. “O velho doutor Ulysses,diria…é lamentável,tudo continua igual,inclusive 99,9999% dos personagens que eu vi pela última vez , estão cada vez mais famintos e audaciosos para colocar as mãos nos bolsos dos pobres dos contribuintes.”
    “E como tu costumas de vez enquando escrever:vida que segue…capengando mas segue.”
    “Ai dos vencidos,e os vencidos somos nós…o povo.”

  16. Pois é, Kotscho, e uma diretoria na Petrobrás para Nestor Cerveró foi exigência de qual partido da base aliada ???!!! Eu escrevi aqui mesmo no Balaio (e por mais de uma vez) que o apoio desses sanguessugas para a aprovação dos Royalties do Pré-Sal para a Educação teria um custo altissimo para o PT e por esse motivo considerei deprimente, revoltante e equivocado seu post sobre Dilma, Graça Foster e a Petrobrás !!!! //// Amigos do Balaio, as idéias estapafúrdias defendidas pelo ressurreto Luiz Carlos Velho são as mesmas e manjadas idéias que levarão a distribuição de renda global ao final de 2016 à catrastrófica e perigosa proporção a seguir: 1 % da população mundial será mais rica que os restantes 99 %. Mas o Velho orgulha-se em desfilar sua revigorada imbecilidade de forma triunfal aqui no Balaio, sob os aplausos do Espósito, Fernando Peres, Julio, J Leite (e outros ainda menos intelectualmente aquinhoados) que julgaram tão sublime a asneira do Velho que se deram ao luxo de lançar um desafio aos “Petralhas” do Balaio !!!! Luiz Carlos Velho, não há nada mais deprimente que um incompetente em ação, mas voce é muito melhor que o falastrão Netho, que escafede-se quando a chapa esquenta para o Alckmim, mas bate cartão contra o governo Dilma, crente que nos engana !!! Bom fim de semana a todos !!!

  17. Sr .Ktscho.
    Como se viu e se vê aqui, os sectarismo de alguns não lhes permitem uma discussão ou um debate com alguma civilidade ,pois partem para o ataque pessoal para denegrirem os adversários e assim vencê-los no grito. Mas foi sempre assim mesmo, Marx e Engels também não debatiam, antes ofendiam e difamavam quem se atrevesse a questioná-los.
    A extrema estupidez manda que, a distribuição de rendas seja feita pela boa vontade dos governantes que expropriam de estado produtivo para transformar legiões de excluídos em partícipes do banquete do qual nada produziram .Isso é o cúmulo do estatismo esclerosado ou do bom mocismo de religiões intolerantes e fundamentalistas. Nenhuma nação na história da humanidade venceu a pobreza e a miséria por conta de governos ”bonzinhos” ,muito pelo contrário, os ”bonzinhos” produziram catástrofes ,mortes e desespero. Os ”bonzinhos” aliás, é bom se lembre, acham árvores frutíferas ,chacoalham-nas e derrubam os frutos ,mas não replantam. Fazem o que fizeram com a Petrobras; acham uma empresa rica e resolvem distribuir estas riquezas (não importa com quem) e se esquecem da produção de reposição. Pronto ,eis a receita do desastre.
    O Everaldo até hoje não acredita que o assessor foi flagrado com 100 mil dólares na cueca ,mesmo o próprio tendo assumido o fato.
    Imagina Sr.Kotscho que ,quem quebra uma Petrobras é capaz de quebrar o mundo.

    1. “Imagina Sr.Kotscho que ,quem quebra uma Petrobras é capaz de quebrar o mundo”. ///// Pronto !! O Velhinho já deu o primeiro passo pra culpar o PT pela crise neoliberal que assola o planeta, provocando recessão até no Japão !!! Velho, volte à casa de repouso onde voce passou os ultimos meses e exija seu dinheiro de volta, pois voce saiu pior e mais confuso. De onde tirou essa idéia estapafúrdia sobre Max e Engels ???!!! Voce realmente esqueceu que provamos, usando Geometria do ciclo básico, que os 300 mil reais, que voce descaradamente diminuiu pra 100 mil dolares, ocupariam volume equivalente a quatro sacos de arroz de 5 quilos e não poderiam caber nem em cueca de elefante africano ???!!! Velho, antes do tratamento voce usava argumentos mentirosos que psicografava da Veja, mas agora mente por conta própria, de forma descarada. Abração, Velho !!!

    2. Se Marx ou Engels falaram isso eu nao sei, mas que o PT quebrou a Petrobras e levou o Brasil à bancarrota moral e econômica…isso é um fato. Só vc que nao consegue (ou nao quer) ver isso. Abraco.

    3. E também capaz de construir uma aeroporto próprio (mas com recursos públicos) para que os helicópteros dos amigos possam pousar nele sem problemas e ainda se transformar em arauto da moralidade brasileira.

  18. Caro Ricardo, entendo sua esperança em defender Dilma e Lulla… votei nele em 89 contra o collor…sei que do outro lado não temos uma opção segura porque nesse regime de coalizão fica dificil de acreditar…apenas tenho a percepção que a alternância de poder é o maior pilar da democracia. forte abraço e vamos rumo ao tetra inédito da libertadores! Tricolor !

  19. Mestre, um esforço danado para aguardar a pós hora do encontro marcado, não aquele do saudoso Sabino, evidentemente, mas com o gambito da Rainha, para saber se a partir dai iniciará de fato o segundo mandato, para ver se vale, continuar a fazer a luta do contraditório para manter a rota ou renascer: “Primeiro tomamos o PT, então tomamos Brasília”. Porém os sinais dos ressuscitados, velhos saídos das criptas, velhaco em busca do comando da câmara, a nova cruzada contra a Petrobrás, a Justiçonaria imperial escancarando o tá tudo dominado, a “austeridade” na Fazenda, etc., força vir aqui, talvez apressado, indicar que a trilha que empreendemos pioneiramente em 2008 com sucesso, infelizmente parcialmente pois deixamos pusilanimemente de extinguir a Casa Grande, parece que começa a ser abandonada, justamente na hora em que na Europa, que optou então pela “austeridade”, Syriza e Podemos, com atraso de sete anos em relação a nós, sinalizam que começam a deixar a trilha sem saída da exclusão e da morte em vida dos povos, para entrar na nossa trilha pioneira, exatamente no momento em que parece que nossas lideranças bernardizadas auto abandonam-na, sem ater, por incrível que pareça, que não fomos substituídos pelo povo, não perdemos a eleição, pelo contrário, vencemos! Fala velho ressuscitado, ensina para novos coxinhas e desavisados do ritmo, a novíssima cantilena em ardor ao Deus Mercado: “Primeiro Crescerás o Bolo e Só Após Bem Crescido, Distribuirás”. Dá uma preguiça, né Everaldo? Mas, aguarde-se o gambito da Rainha, quem sabe?

  20. Neste inicio de novo século estamos vendo um equilibrio entre os costumeiros exploradores do trabalho que sempre foi escravo e os explorados e graças ao aumento do nivel intelectual destes. Não está mais fácil para os exploradores continuarem na sua façanha ganaciosa e já vemos que os 5 seculos de “escravidão”, de bolo dividido a mais da metade prá eles, está mais dificil de ser arrastado. Os explorados, cujo trabalho para os exploradores nada valem além dos parcos, irrisórios, pífios salários pagos reclamam igualdade e lutam por isso sem ceder e a nivel governamental onde já participam como governantes. Antes, não lhes davam sequer chances de chegar lá, seja pela ignorancia pela pobresa imposta, seja pelo dominio do poder economico. Hoje, já vejo o estreitamento do caminho, e a pobresa já não impede que a luta seja um pouco mais igual e já decidem pelos destinos do país e o que lhes mais convém. Enxergo ainda pequenas arestas que precisam ser regularizadas quanto ao entendimento das escolhas de governantes e deslumbramento do arcabouço armado há séculos pelos dominadores, mas os explorados podem ainda neste inicio de século, quebrar a resistencia dos poderosos. Aproxima-se a hora de que seja necessário o assento à mesa para discutirem o preço justo do trabalho, não com migalhas mas com a valorização que o trabalho tem que ter. Acredito que o governo terá dificuldades homéricas no que tange a impostos neste futuro onde as ações se equilibrarão mas não poderá deixar de existir porque sua influencia diminuirá sobre as classes devido ao equilibrio entre pobres e ricos, obrigando-o aperfeiçoar sobremaneira a sua administração e procurar incessantemente a perfeição. O próprio desenrrolar dos acontecimento forçará ao estudo de novas propostas para uma nova organização social e já não haverá mais pobres absolutos e nem ricos tambem e alcançaremos a tão sonhada igualdade social, a equalização das oportunidades e riquezas na humanidade, mas a pobresa não deve nem pode esmorecer porque ainda estamos nos extertores, no limiar de obter a tão sonhada igualdade, mas a luta é árdua é renhida é palmo a palmo e precisa-se muita união e compreenção. Bom domingo a todos.

  21. Toda essa guerra por míseros R$ 33.700,00 mensais, fora auxílio paletó, moradia, combustível e outras poucas migalhas sobre as quais não se pode comentar. Como sofrem esses nossos representantes… deveriam ser mais valorizados por tamanha dedicação ao seu povo! #afff

  22. Sr. Kotscho.
    E nem é preciso ter o ”dom” da profecia para profetizar o próximo escândalo do PT caso o ministro Berzoini resolva, de fato, dar ouvidos aos aloprados, qual seja, destinar as verbas da SECOM pelo critério da filiação partidária ,tirando dos veículos de maior audiência para agradar revistas e jornais chapas brancas de pouca ou nenhuma audiência. Os militantes do PT imaginam que a verba é do Partido, e não do Estado Brasileiro. Mas ,parece que este risco esta´sendo afastado ,uma vez que os parlamentares do PT jÁ estão dizendo que Berzoini se ”BERNARDIZOU”— uma referência ao ex- ministro Paulo bernardo— que não se entregou à sanha chapabranqueada.
    Berzoini ,inclusive, agora já sabe que o monopólio midiático brasileiro existe sim, mas nas mãos do governo que, só de emissoras de rádio têm quase 10 mil. Ele aprendeu também, depois da posse que as tais ”desregionalizações” das grandes empresas de TV só existem entre os Bolivarianos imprensofóbicos.

  23. Mestre balaieiro, nessa fase de ressureição de cornetas do descompromisso, da desinformação e do engodo, como forma de fazer política, para que não se acuse o Balaio de permitir desinformar que só em emissoras de rádio o Governo tem quase 10 mil, mesmo que através de manjada figura sem o menor compromisso com a verdade, o Ministério das Comunicações informa para quem queira se informar, que no Brasil em 2014, haviam 3.209 rádios FM, 2.021 AM e 4.641 comunitárias, totalizando 9.761 emissoras e que, segundo estudos da ABERT, as pequenas rádios são maioria no país. As rádios de potência de 1KW, por exemplo, representam mais de 50% do total de rádios AM, em populações com até 150 mil habitantes. A mesma tendência vale para as rádios FM. Somando rádios comerciais e comunitárias, as emissoras de potência menor ou igual a 10KW representam 96% do total das emissoras no país. Pior que a mentira pela ignorância é a divulgação da ignorância sabendo-a mentira. Coisas do terrorismo da desinformação.

    1. Todos os sindicatos e ONGs têm rádios e emissoras. E não há monopólio privado das comunicações no Brasil .O que há são repetidoras (filiais) das grandes empresas que geram programas de audiência nacional. A informação das rádios comunitárias não vem ao caso nesta discussão.
      E todas as emissoras com retransmissoras têm espaços grandes para programas culturais e da cultura regional. Do mais é o que chamo de ”impressofobia”

    2. TERGIVERSAR (segundo dicionários): v.i, (lat. tergiversare). Fugir do assunto principal; enrolar; utilizar vários pretextos, subterfúgios, desculpas, evasivas; fazer rodeios; inventar desculpas; ser ambíguo; evitar responder …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *