A tortura do telemarketing, cada dia pior

A tortura do telemarketing, cada dia pior

Toca o telefone na cozinha, corro para atender.

Toca o telefone no meu escritório, volto correndo.

Vou tomar banho, toca algum telefone.

Começo a escrever, toca o celular que não sei aonde deixei.

É o dia todo assim, correndo de um lado para outro, desde que minha família viajou e me deixou sozinho em casa.

Do outro lado da linha, quase invariavelmente, tem algum “consultor” de operadora de telefonia, emissora de televisão a cabo ou vendedor de assinaturas de jornais e revistas, querendo me fazer ofertas de produtos e serviços que não pedi e não quero.

Pedem sempre para falar com minha mulher, em nome de quem, coitada, estão os telefones e as assinaturas.

No começo do mês, ainda explicava educadamente que minha mulher estava viajando, mas aquilo foi chegando a um ponto de tortura que acabei perdendo a paciência e implorando: “Não me liguem mais, pelo amor de Deus!”

Tenho até pena destes jovens “consultores-torturadores”, obrigados a fazer o serviço insano dos telemarketing da vida, que devem ser xingados o tempo todo e ouvir barbaridades as mais atrozes.

Que diabo estará acontecendo neste enlouquecido janeiro de 2015?

Será que os poderosos departamentos de marketing destas empresas não conseguem encontrar algum meio mais criativo e menos invasivo, ter uma única ideia original, para promover suas vendas sem encher o nosso saco?

Que tal, por exemplo, patrocinar este blog? Garanto que sairia bem mais barato e aborreceria menos os eventuais futuros clientes. Poderiam aproveitar que a internet ainda é um meio barato para anunciar, com a vantagem de só ser acessada por quem quer, não incomoda ninguém.

Pois esta tortura de telemarketing se trata disso mesmo: uma invasão de privacidade, um desrespeito ao consumidor, uma ameaça ao sossego a que todos têm direito no recesso do seu lar.

É como se os vendedores das lojas aqui do bairro viessem o dia inteiro tocar a campainha do meu apartamento para me oferecer algum produto novo.

Com tanta gente hoje em dia trabalhando a maior parte do tempo em casa, é um desaforo ser interrompido a todo momento por desconhecidos sem noção, que te ligam na maior intimidade, com seu papo de camelôs eletrônicos, para te oferecer o que você não precisa.

Será que ninguém ainda pensou como isso pode prejudicar a imagem de uma empresa, ao invés de aumentar seu faturamento?

Quem, afinal, ganha com isso? Quem compra ou quem vende estes malditos serviços de telemarketing, muitas vezes operando até a partir de outros países?

O cidadão-consumidor-contribuinte, com certeza, só perde tempo e paciência.

Cadê os institutos de defesa do consumidor, os procons da vida, os nossos caros legisladores? Será que não tem ninguém para coibir estes abusos idiotas, que a cada dia ficam mais ousados?

Telefone não foi feito para torturar ninguém.

36 comentários em “A tortura do telemarketing, cada dia pior

  1. A única solução, por enquanto, mas que funciona muito bem (funcionou para mim) é cadastrar o número no site do Procon (cadastrei no site do Procon/RS, http://www.procon.rs.gov.br, cada Estado deve ter o seu) para não receber mais ligações de telemarketing. Era um inferno aqui também, todo dia gente telefonando para vender porcarias, mas depois do cadastramento, a partir de 30 dias, nunca mais recebi nenhum telefonema de telemarketing. Beleza, funciona mesmo. Recomendo a você, Kotscho, como jornalista, que divulgue essa opção, porque funciona e é uma maravilha.

  2. A coisa tá tão difícil para os jornalistas da esquerda simpáticos ao governo, como o Ricardo, que depois de futebol e telemarketing, já estou esperando a próxima coluna sobre o BBB. kkkkkk

  3. E os SACs das empresas? Alias ontem um justiceiro da TV, ao se ver, desta vez recebendo dos seus telespectadores, mais uma aula de “governos e atribuições de cada um deles”, promoveu uma cena hilária no seu policialesco. O apresentador em questão, depois do constrangimento que vinha passando a cada ligação que atendia dos seus telespectadores, ligou para a Sabesp para buscar uma explicação sobre, “a falta de agua” que vitimou ontem 1 milhão de pessoas na capital paulista, por um periodo de 12 horas. Depois de 1/3 de hora tentando falar com um atendente (o SAC) da Sabesp, o apresentador foi finalmente atendido, mas não conseguiu explicação plausível para o problema da falta d’agua; que era na verdade, devido “a incompetencia da EletroPaulo, que “não tinha funcionario disponivel” para desligar a energia naquela região, de forma que a prefeitura pudesse retirar uma arvore que caiu nos fios, e a Sabesp também pudesse consertar o encanamento que também se rompeu devido a queda dessa arvore; no que ocasionou a falta de luz e de agua para mais de 1 milhão de pessoas, por um periodo de 12 horas. -Curioso é: Por que a midia não falou sobre isso, e pior, por que o apresentador justiceiro da TV em questão, que fez comercial pra SABESP a poucos dias, agora não conseguia falar com a empresa? – O fato é que”o mundialmente premiado marketing do Brasil”, está em crise, desde que filhinhos de papai, que não têm competencia para administrar as empresas de suas familiares, resolveram se aventurar pelo mundo dos filmes e do marketing. No entanto, não a nada de mais preocupante, do que o telemarketing que as quadrilhas instalaram nos presidios estaduais, não só em São Paulo mas por todo o Brasil, onde de lá de dentro, fazem ligações e conseguem aplicar golpes aqui fora. Por isso é que sempre se defende a “transferencia imediata, para presidios federais, de chefes de facções criminosas que fazem o que querem dentro dos presidios estaduais. “”””””””””””””””””Mas Kotscho, peço licença para fugir do assunto do post””””””””””””””””””””, para falar do São Paulo futebol Clube. Se me permite, é que no post dessa semana, aqui no seu balaio, sobre o futebol, falamos de alguns boatos que haviam no São Paulo, em que muitos deles vieram a tona, e que não tiveram explicações ou desmentido por parte do tricolor. -Volto ao assunto porque, “””novamente o Muricy Ramalho foi internado””” em estado preocupante, numa situação comentada ha muito tempo, onde os médicos de uma famoso e renomado nacionalmente hospital situado no Morumbi, reiterou que o Muricy deveria se afastar por algum tempo da sua função de tecnico do São Paulo, porque “”””não pode passar nervoso””””. – E o que se comenta dentro e fora do São Paulo, é que esse nervoso pelo qual o Muricy passa, seria devido a falta de coragem dele em se impor diante do Rogerio Ceni, pra fazer prevalecer a sua vontade. No mesmo comentario do post dessa semana sobre o futebol, também falamos sobre “””um dos boatos recentes de que os patrocinadores não estariam querendo patrocinar o São Paulo, porque não estariam querendo terem a imagem das suas empresas associadas ao Rogerio Ceni”””. -Ocorre que ontem o São Paulo “”perdeu para o Palmeiras a disputa de um grande patrocinador””, que é de uma financiadora ou banco de credito, como queiram; e quando perguntado sobre o porque preferiu patrocinar o Palmeiras e não o São Paulo, o proprietario da empresa disse que “””É muito fã do ex.goleiro Marcos do Palmeiras, e que ações de marketing com ele seriam bem aceitas, porque ele tem um grande carisma junto aos torcedores de todos os times”””. – Mas então: Será que não está na hora de procurar maiores explicações sobre um outro boato, que fala de um tal Rogérioduto? -O que tem a falar o departamento de marketing do São Paulo, sobre tudo o hoje vice presidente do tricolor, que ja foi o direitor de marketing do time, sobre mais essa dificuldade que o São Paulo está tendo para arrumar patrocinadores?

  4. Telemarketing movimenta R$ 10 bilhões de reais por ano na economia, empregando praticamente 500 mil pessoas, além de ser um ramo regulamentado.

    Caso não queira receber ligações, basta cadastrar seu telefone no Procon de seu estado.

    Aconselho ao blogueiro a conhecer um pouco do mercado, como funcionam as vendas e o que elas representam no faturamento de cada empresa para emitir uma opinião mais apropriada sobre o assunto, ao invés de um desabafo vazio.

  5. E sem mencionar os correspondentes dos bancos, tentando lhe empurrar cartões e / ou empréstimos que vc diz gentilmente que não quer, não precisa, não aceita e é obrigado a dar uma explicação “convincente” da recusa. E ainda depois de toda a importunação é tachado de grosso. Faça me o favor….. Estou quase cancelando as linhas telefônicas lá de casa…..

  6. Acabou o Brasil? Falta energia, água, vergonha de alguns que recebem auxilio moradia mesmo recebendo salários acima de duas dezenas de mil reais do controbuinte, 2,5 bilhões de reais pagos em diárias a servidores federais, jatinho para ministros, até para senador implantar cabelo em Recife, outro para Henrique ir com a namorada ao jogo da copa. P.S. Aqueles senhores presos na sede da Policia Federal em Curitiba/PR só negociaram empreitadas com a Petrobras? Será que as obras de portos, aeroportos, ferrovias, merendas escolares, quentinhas nos presídios, construções de escolas, etc foram feitas na ponta do lapis? Os políticos são servidores públicos bancados por nós contribuintes, então, por que não temos o direito de saber quem são os envolvidos na lava jato? Será que a presidente Dilma Rousseff perguntou a Evo Moraes como ele desbancou o elitista congresso parlamentar boliviano e decidiu governar com os movimentos sociais dando resultados eficazes para a sociedade boliviana?

  7. Acho de muito mau gosto e infeliz o comentário sobre os operadores de Telemarketing. Eles não são torturadores e muito menos estão invadindo a privacidade, já que conseguem seu contato através de form lícita. Os operadores estão apenas fazendo um trabalho (digino e honesto) que é levar ao consumidor oportunidades, e cabe ao cliente aceitar ou não a ligação e a oferta. Talvez estes atendentes sejam insistentes sim, mas é por que querem garantir de forma honesta o sustento dele e de sua própria família. Acha que abrir o site e ver seu “blog” também não enche o saco? Garanto que como eles e vc até postou que o que vc quer é a garantia do seu salário e alguém pra bancar seu “blog”. Respeite os teleoperadores pois são cidadãos como qualquer outro.

  8. Deus nos ouça e faça Evo Morales dizer a presidenta brasileira que nada adianta se submeter às chantagens de parlamentares desprovidos de senso republicano e alheios à sociedade. Tem que governar com os movimentos sociais como ele, Morales, fez e deu certo na Bolívia, país que alguns brasileiros consideram república de bananas, mas lá foram oferecidas escolas e universidades muito antes desta república que tem governo ingrato com eleitores como os de Bel’água no MA onde crianças sofrem sem escola e saneamento básico, mas mesmo assim seus eleitores votaram em uma senhora mãe e avó que sequer agradeceu seus votos. Evo peitou parlamentares ingratos e insensíveis com os problemas sociais bolivianos e se aliou aos movimentos sociais dando uma guinada substanciosa na qualidade de vida dos bolivianos pobres. Lá não se vendem mais matéria-prima (commodities), vendem produtos agregados de valores, Acabaram as explorações de multinacionais. Por que será que a imprensa brasileira não aborda essas melhorias na sociedade boliviana e as estratégias usadas por Evo? Pra não dar mal exemplo à presidente brasileira?

    1. Dalvo – 23 de janeiro de 2015 – 17:32-” Lá não se vendem mais matéria-prima (commodities), vendem produtos agregados de valores”.É Dalvo,produtos como a cocaína que os brasileiros adoram e formam o 2º maior mercado do mundo,atrás dos Estados Unidos.Temos tb que agradecer ao grande Evo por regularizar na Bolivia os nossos carros roubados aqui.Valeu Evo!

  9. È graças as empresas de telemarketing que me deram uma oportunidae de emprego que estou trabalhando nessa area a mais de quatro anos ,atraves desse trabalho sustento meus filhos faço faculdade. entendo tb e respeito asoutras opinioes,entendo que ligar para os outros invade a privacidade,mais quando vcs se interessam pelos serviços oferecidos ficam todos felizes,quando precisam do serviço de telemarketing ra resolver algum problema os relis torturadores de telemarketing servem.Achei a matéria preconceituosa mal colocada e peço que o r7 tenha mais criterio ao editar suas materias.Pois sou mae de familia sustento meus filhos como operadora de telemarketing sou honesta trabalho dignamente, e sou orgulhosa da minha profissão pq sei que nao adianta nada ser jornalista de um site para usar as minhas palavras para ofender e desmerecer uma das categorias que mais empregam no Brasil.
    Desde ja agradeço a atençao a mim dispensada.

    1. Peço licença Ricardo. Me permita esclarecer Ana Paula. Entenda bem! As profissões de coveiro e agente funerário, também empregam e sustentam muita gente no Brasil. Mas nem por isso eu simpatizo com eles, e desejo seus serviços antes da hora(toc toc). Sinto muito, com todo respeito.

    2. Ofendeu coisa alguma. Ele foi até educado porque eu já xinguei e muito quem liga para minha casa sem minha licença para oferecer seja lá o que for. E vou continuar xingando.
      Se a sua honrada profissão consiste em perturbar pessoas no descanso do lar então esteja preparada para ser xingada. Se não quer basta não ligar mais, uma vez que deixo claro que não quero produto ou serviço algum.
      E me perdoe mas se você liga a qualquer hora sem ser solicitada para vender isso ou aquilo você está desrespeitando pessoas. Não vejo como isso possa ser “honrado”.
      Filha, procure outro emprego. Empregada doméstica é mais honrado. Pode acreditar.
      Se a lei no Brasil não fosse tão frouxa essa “profissão” de camelô eletrônico nem existiria.
      Falando nisso, um camelô é mais honrado porque só o procura quem quer. Ele ao menos respeita esse direito das pessoas.
      É cada uma viu.
      Só falta agora ter que aceitar isso porque você é uma pessoa que precisa trabalhar.
      Imagino a cena : _ Moça , pelo amor de Deus. Eu não estou interessado. Não me ligue mais, _ Senhor, sinto muito mas eu preciso pagar minhas contas, cuidar dos meus filhos e por isso vou continuar perturbando seu sossego.

    3. Caro Mauricio e Jose Carlos, sinto muita pena em saber que o seu pensamento de vcs esta no nível de homem de Neandertal.Para não receber ligações de telemarketing basta vcs cadastrarem seu telefone no procon que será resolvido,quanto a mudar de profissão não preciso de sugestão de ninguem sou adulta suficiente para escolher meu trabalho que faço com amor e dignidade.Quanto a ser empregada doméstica não vejo problema algum em trabalhar como empregada doméstica pq sei que é um trabalho digno, e mais uma vez saliento a forma desrespeitosa que vcs ofendem tantos os operadores de telemarketing como agora as empregadas domésticas.Parabens preconceituoso. Não preciso ser xingada por vc e nem por ninguém pq quando a pessoa desse de nível e tem a postura como a sua eu não preciso me igualar apenas peço desculpas pq sei que estou invadindo a privacidade da pessoa contatada e encerro com a seguinte frase ( por falta de comunicação encerro o contato ) ah e fica a dica para o Mauricio que quando ele morrer ele não precisa contatar ninguem pq morto não consegue fazer nada com todo respeito tb Mauricio. Obrigado pela oportunidade Ricardo e me desculpe usar seu espaço Para incomodar novamente

    4. obrigado Ricardo por ter postado meu comentario mesmo sendo para critica-lo você preservou o direito que temos a expressão. Peço desculpas por ter me expressado de forma agressiva. pq fiquei muito chateada mais vou continuar lendo seu blog pq achei nobre de sua parte publicar o comentario

  10. mandei um comentário referente ao serviço de telemarketing e peço que se existir liberdade de expressão que você publique o meu comentario pq vc sem pensar ofendeu uma categoria de trabalhadores honestos.

  11. Infelismente não temos mais sossego em casa, o dia todo ligam para minha, é telemarketing, é casas de assistencia social que nos chamam pelo nome sem que a gente tenha informado. Kotscho, mesmo com toda educação e paciencia tem hora que a gente não suporta e acaba destratando este pessoal. Sei que esta turma do marketing que está trabalhando e quando liga e estou nervoso, arranjo uma maneira de fazer do momento uma razão para contar uma piada, assim eu me distraio e a passoa ri também e ficamos tudo bem. Minha esposa anotou os numeros dos telefones deles e quando ligam eu confiro o numero e se for eles eu nem atendo e o toque do telefone quando é de familia, tem uma musica diferente.

    1. Eu xingo muito. É o único modo de desabafar. Perdi as contas de quantas vezes tive que interromper alguma tarefa importante ou mesmo enquanto esperava alguma ligação crucial porque alguém me ligava oferecendo isso e aquilo. E quando estou descansando depois do trabalho? Nem sempre posso desligar o fone mas não desligo por razões importantes e não para ser acordado por camelôs eletrônicos. É tortura , estressante , invasivo e isso deveria gerar indenização porque afeta a saúde desnecessariamente. Essa dose extra de estresse num mundo já tão estressante.

  12. é uma chatisse ,e extremamente inconveniente essas ligações,e não adianta falar que não estamos interessados,não adiantar pedir para não ligar,eles continuam perturbando.dizem que nos encontram por lista de cadastro de cliente,distribuem nossos telefones sem a nossa autorização.qdo eu vejo que o código é de cidades onde não conheço ninguém,não atendo pq sei que são eles,e qdo é código do rio que atendo,e vejo que são eles,desligo .tem que haver uma forma de nos livrarmos dessa gente chata,um cadastro para peenchermos dizendo que não queremos receber estas ligações,qualquer coisa que nos livre disso.pq ninguém,aguenta mais! ninguém merece! e eles ligam a qualquer hora e dia,sábado á noite onde estamos em lazer,com a família,festas,e etc…

  13. O setor de call center é o que mais emprega no país, se vc não quer receber esse tipo de contato uma lei da anatel garante à vc o bloqueio desse tipo de serviço.
    Mas não se esqueça qdo vc liga no banco, na revista, na operadora de celular, na operadora de TV é um call center que atende vc.
    Não estou defendendo ninguém , apenas dizendo que educação por mais irritado que vc esteja é imprescindível.
    Até mesmo pq da mesma forma que vc trabalha quem está do outro lado da linha, sofre do mesmo jeito que vc com toda a pressão ,cobrança e enchessão de saco.

  14. Prezado Ricardo. Você questiona: ” Será que ninguém (da maldita empresa que faz o telefonema), ainda não pensou que tais telefonemas pode prejudicar a empresa tocando o dia inteiro para o meu telefone (no caso aqui, o meu também) para vender alguma porcaria que não te interessa”? Se existe “esse alguém” certamente é um retardado mensal e completo incompetente. Eu tenho ódio desse tipo de comportamento comercial. A infeliz ou o infeliz que fala no momento em que atendo o telefonema, já vou mandando prá PQP. Pior é quando estou tratando de negócios no meu celular e aquela outra merda (o fixo), também toca e não tem ninguém para atende-lo.

  15. …a tecnologia, a dependência das pessoas a ela, esta gerando um mundo de paranóicos.Como a maior dificuldade de se tratar um doente mental é convecê-lo que precisa de tratamento, veja o caso daquelels que passaram a odiar o PT sem que nem porque, corremos o risco de morarmos em um grande hospício. Nada contra os profissionais de telemarkting. Independentemente de gerar empregos, algum critério tem que ser adotado dando às pessoas a possibilidade de se negarem a receber ou não ligações das empresas. Porque não se obriga à empresa perguntar se a pessoa deseja continuar recebendo chamadas e caso contrário o seu telefone seria bloqueado na hora pelo operador ??? Não é um crime expor os funcionários à todo tipo de agressão verbal ???

    1. Então everaldo,por essas e outras que o povo hoje odeia o seu PT,por que eles podem mudar as leis que interferem em nosso cotidiano(como o telemarketing) mas não fazem nada,estão mais preocupados em aumentar impostos pra corrigir suas lambanças administrativas,ou arrombar o cofre de alguma estatal.

  16. Outro dia dei uma de marido traído. Uma dessas casas de assistencia social ligaram prá casa e como elas, geralmente são mulheres e quando atendemos logo vão dizendo:aqui é fulana mas não dizem que é assistencial social Mãe Dolores por exemplo, e dá só o nome do bairro e pergunta pelo nome da esposa e se ela está. Então eu atendi e disse não conhecia quem estava ligando e logo fui dizendo; então é você que fica ligando e convidando minha mulher prá dar um rolezinho no shopping né? Pois bem, eu anotei seu telefone e vou dar um pulinho aí prá gente conversar sério, tá bom? Voce está me criando problemas em casa e vou levar meu advogado prá tratar deste assunto. A mulher ficou apavorada de medo pois eu disse que ia processá-la sob a acusação de criar discórdia entre um casal. O resultado foi bom pois nunca mais ligaram para minha casa. Depois que desliguei o telefone dei bastante risadas.kkkkkkkkkkkkkkkk……….

  17. Diante desta tragédia de emprego telemarketing, fico pensando: o governo federal tem se esforçado bastante criando escolas profissionais para os jovens, (tambem é só eles que se empenham nisto, os estaduais são como lesma paralítica pois não fazem nada e as que tem, ainda deixam sem assistencia). Se formos analisar, fazer estatística, quantos alunos não se formam por ano e que conseguem colocação na profissão que escolheu e portanto estudou, se esforçou? Mesmo os que se formaram com bom desempenho, boas notas não conseguem um emprego decente, que o estimule a dar continuidade aos seus conhecimentos? Eu penso que já estamos no gargalo entre oferta de emprego e passoal especializado. A moçada se forma, adquire conhecimento, fica cheio de teorias e quando vai trabalhar, o alocam num posto onde nada tem a ver com o curso concluido. Então, pela premencia, urgencia de ir trabalhar sobra este trabalho ingrato que expõe a moçada a este tipo de humilhação. Este problema surge porque há um defasagem entre salário em função da atividade que o jovem escolheu e ele, o jovem, não está no posto certo, no trabalho em que ele desenvolveria todo o seu potencial e que além da aptidão, gosta. Acredito que os especialistas, o tais de RH ( Recursos Humanos) não tem idoneidade no que faz e só favorecem os empresários, não se situam na linha do propósito da sua criação, o porque existe o tal de RH. Toda empresa deveria ter um departamento de desenvolvimento profissional e se não existe, já passou da hora de criá-lo. Isto deveria ser uma atribuição do famoso RH mas seus profissionais não empenham em criá-lo, só pensam no que vai ganhar de salário e defender seu posto, a unhas e dentes. Eu acredito que esta atividade de telemarketing deve ter o maior numero de rotatividade de funcionários porque não há saco que aguente tomar bronca o dia inteiro e a cobrança então? Deve ter um chefe casca dura olhando o dia todo para ver se a turma está se esforçando, não tenho duvidas. Eu penso que deve ter um processo de rotatividade entre funcionários para que o coitado que está com os timpanos inchados de tanta bronca, poder descansar e deveria ter um adicional de salário porque deveria ser um trabalho classificado como insalubre, pois dentro de algum tempo deve promover algum disturbio emocional no operador, assim creio. A classe empresarial não tem preocupação nenhuma com o funcionário, ele só pensa no faturamento, no crescimento da empresa e isto quando ele mesmo se empenha para progredir e na bolsa de valores, onde está tratando de avolumar os seus lucros. No demais fica pensando na viagem que programou com a mulher prá Paris, pra Cancum, Ilhas Virgens e o escambau e fóra de época. Tô mentindo Terta? Diria o saudoso Chico Anisio. Nestas pouco palavras é que está o calcanhar de Aquiles de quem governa no ambito federal, é desta turma de gananciosos que a nossa Presidenta Dilma é criticada, ameaçada e até xingada quanto aos seus procederes em defesa do trabalhador. Este estado de coisa tem que mudar e contudo isto, já li que o pretenso candidato concorrente à presidencia queria mudar as leis que regulam o trabalho com as más intenções e colocar seus pares para executar o trabalho sujo, dizendo ser um remédio amargo para o trabalhador. Bem vou parar por aqui senão vai muito extenso meu comentário. Bom fim de semana a todos.

  18. Fato é que nada no país funciona como deveria. Ou quase nada.
    Ou alguém acredita que nossos telefones não são “compartilhados” por aí na maior farra?
    Afinal, os funcionários das próprias telefônicas , bancos, etc. são apenas funcionários. E estes tem acesso a todos os nossos dados. E por que seriam diferentes? Fazem parte dessa bagunça. Quem nunca ficou imaginando como é que nossos fones são descobertos? Quem nunca recebeu alguma “correspondência comercial” e não ficou imaginando como é que nossos dados foram parar ali naquela empresa? E tantos outros exemplos que apontam para essa “farra generalizada” . Todo mundo sabe. Mas quem liga? Aliás, como quase tudo no Brasil. Isso aqui é o fim do mundo. Aliás , aquele cadastro no procon também não funciona como deveria. Novidade não ?

  19. Pessoal despreparado, sem limites, sem educação. É a melhor forma de qualquer empresa fazer propaganda contra ela própria. Pior é o telemarketing ativo pois além de incomodar, tem a coragem de te ligar e colocar em espera. As autoridades não dizem nada?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *