Só falta Serra definir quem será seu vice

Só falta Serra definir quem será seu vice

Para não variar, dos quatro candidatos que estão disputando para valer as eleições em São Paulo, só falta o tucano José Serra definir quem será seu vice, no momento em que escrevo este texto, no final da manhã de sexta-feira.

Na semana decisiva para a formação das chapas, o vice-líder Celso Russomanno (PRB) ganhou na noite de quinta-feira a companhia de Luiz Flávio D Urso, que era o candidato do PTB; Fernando Haddad (PT) ficou com Nádia Campeão (PCdoB) no lugar de Luiza Erundina (PSB) e Gabriel Chalita montou uma dobradinha puro-sangue do PMDB com a médica Marianne Pinotti.

O suspense de Serra, desta vez, tem um motivo. Seu principal aliado, o prefeito Gilberto Kassab, estava esperando até ontem uma decisão do Supremo Tribunal Federal sobre o tempo de TV e a grana partidária a que tem direito o recém-criado PSD.

Com a decisão a favor do novo partido, que passou a ter direito a 2min2s na propaganda política, o que deu mais um minuto para a coligação de Serra, aumentou o cacife do prefeito para colocar Alexandre Schneider, seu ex-secretário de Educação, na vaga de vice.

Acontece que a ala alckmista do PSDB ainda insistia numa chapa tucana puro-sangue. O nome indicado é o de Edson Aparecido, secretário do governador Geraldo Alckmin. Neste caso, os serristas preferem Andrea Matarazzo.

Na eleição presidencial de 2010, José Serra também tentou lançar uma chapa puro-sangue com o senador paranaense Álvaro Dias, mas na última hora teve que trocar o nome, e acabou indicando o desconhecido deputado carioca Índio da Costa, que era do DEM e hoje está no PSD de Kassab.

Para que todo este barulho em torno da escolha dos vices, a não ser pela barganha em torno do tempo de televisão, que é o que realmente interessa? Afinal, para que serve um vice-prefeito? Alguém saberia me dizer quem é o vice do atual prefeito Gilberto Kassab?

Quem se saiu melhor nesta disputa foi Celso Russomanno, o candidato do PRB que vem crescendo nas pesquisas, e ampliou em 60% seu tempo de televisão ao fechar a aliança com o PTB, apoio que também estava sendo disputado por PMDB, PSDB e PT.

Russomanno tem agora 2min14s, ainda a metade de Chalita, que ficou com 4min27s, mesmo se aliando apenas a três partidos nanicos. Serra, com 7min49s, e Haddad, com 7min39s, ficaram praticamente empatados em tempo de TV, depois da aliança do PT de Lula com o PP de Paulo Maluf.

Assim, PT e PRB fazem suas convenções neste sábado, último dia do prazo determinado pela legislação eleitoral, com os vices já definidos, ao contrário do PSDB, que deixou a vaga em aberto no seu encontro da semana passada, que lançou oficialmente a candidatura de José Serra.

Ainda com três nomes na disputa, os tucanos mantêm a tradição de só se definirem em cima da hora.

Em tempo: o nome da atual vice-prefeita é Alda Marco Antonio, que estava no PMDB quando foi eleita na chapa de Gilberto Kassab, que era do DEM, em 2008. Com tanto troca-troca de partidos, hoje nem sei em qual sigla ela está. Também, que diferença faz?

 

 

 

 

 

 

13 comentários em “Só falta Serra definir quem será seu vice

  1. No caso da chapa do Serra, o vice faz muita diferença. Afinal, se ele ganhar a eleição, vai abandonar o barco para se candidatar a alguma outra coisa em 2014. Assim, o vice do Serra é aquele que ganha a prefeitura (ou o estado) de SP de “brinde”, passando de um sempre ilustre desconhecido para o administrador da cidade mais importante do país (ou do estado mais importante do país). É só lembrar da história do Kassab, que passou do anonimato a “dono” do terceiro maior partido do Brasil, porque o Serra saiu da prefeitura para se candidatar. Ou será que alguém acredita que o Serra vai terminar o mandato?

  2. (2) A leitora Maria tem toda a razão.

    “No caso da chapa do Serra, o vice faz muita diferença. Afinal, se ele ganhar a eleição, vai abandonar o barco para se candidatar a alguma outra coisa em 2014. Assim, o vice do Serra é aquele que ganha a prefeitura (ou o estado) de SP de “brinde”, passando de um sempre ilustre desconhecido para o administrador da cidade mais importante do país (ou do estado mais importante do país). É só lembrar da história do Kassab, que passou do anonimato a “dono” do terceiro maior partido do Brasil, porque o Serra saiu da prefeitura para se candidatar. Ou será que alguém acredita que o Serra vai terminar o mandato?”

  3. Seja quem for o candidato, o vice é muito importante. Não se pode escolher um Zé Mané qualquer. Tem que ser um vice que seja capaz de administrar bem a cidade na falta do titular.

  4. os vices (prefeito, governador e presidente) sao uma entre diversas coisas que tem que mudar na politica brasileira; mas nada pior que os suplentes de senador, ai sim verdadeiro escandalo que nao se fala; enquanto a reforma politica, que tem que por fim a esses absurdos, for tratada no ambito do congresso nacional nao é pra valer e nada de positivo acontecera.

  5. Abandonando ou não abadonado pra mim não é o que interessa.
    Um partido que fica 20 anos no poder não tem nada pra justificar uma nova reeleição, tem que dar lugar pra outro.
    Imaginem como tem blindagens e muita grana nessas administrações de nomeados, haja vista o homem de 106 imóveis e o garagista.
    Deve ser uma mamata ser prefeito de S.P, não na administração mas sim em interesses próprios, como sempre nenhuma novidade, e a população que se exploda.

  6. Nesta politíca brasileira,onde quase tudo é admitido.Só falta o deputado Paulo S. Maluf,compôr a chapa do José Serra, na condição de vice prefeito.

  7. Paulo Barbosa, talvez esteja aí a explicação do porquê os tucanos não querem largar o osso em São Paulo. A máquina de “fazer dinheiro” deve estar funcionando às mil maravilhas, muito bem azeitada, e com seus tentáculos muito bem distribuidos nos quatro poderes (legislativo, executivo, Judiciário e PIG) do governo estadual. Afinal são vinte anos de aprimoramento e aperfeiçoamento dessa equipe que “joga” por música, o que explica a facilidade de Alckmin e Serra em abafar as mais de 180 denúncias de corrupção em suas administrações. Que Deus, os anjos e santos ajudem o PT a varrer esse tumor maligno do solo brasileiro. Pai nosso que estais no céu . . . . mas livrai-nos dos tucanos em São Paulo. Amém !!!!!!!

  8. É Lula, voce com essa aliança no mínimo estranha com o @+faz, amarrou uma âncora no pescoço do PT e jogou no fundo do mar. Esses minutinhos que voce pensa que ganhou na propaganda televisada, não será suficiente para salvar do afogamento. O abismo é fundo. Que lambança hein! Tenho conversado com muita gente e dizem que não vão votar no seu partido por esse motivo. Inflizmente se misturou com quem não devia…deveria sim dar mais valor à aceitação popular que chegou a mais de 80%.

  9. Hoje ví na TV uma noticia que dá para chorar: Que enquanto ônibus são queimados, policiais são mortos aqui em Sampa, o SSP estava na Argentina assisindo ao jogo do Boca Jr. com o Corinthians. A tv transmitiu para todo o Brasil. Eta nóis povinho!

  10. Kotscho, com ou sem vice, olhando pras fotos dos quatro aí em cima e sabendo como vota o eleitorado de São Paulo, afirmo que Haddad, com essa estampa de bem nascido, alto, robusto e bonitão, que tanto agrada a elite paulistana, estará disparado em primeiro com duas semanas de exposição no horário eleitoral gratuito e ganha no primeiro turno, seguidos de Russomano e Chalita nesta ordem. Serra, que não cumpre a palavra nem quando a registra em cartório em rede nacional, em último, com meia dúzia de votos, descontando os familiares. Podem combrar-me no final. Ótimo domingo a todos.

  11. Ricardo…a situação do Zé me lembra uma charge antiga da revista Cruzeiro. O cara pula de paraquedas e, depois de várias tentativas o paraqueda não abre. No desespero apela:
    -Me salva São Francisco !!!
    Surge uma mão e o segura, e uma voz cavernosa,tipo Cid Moreira, pergunta:
    – De Assis ou de Paula ???
    Dizem que até hoje, no inferno, ele passa o tempo a lamentar não ter dedicado mais tempo a distinguir a voz dos santos, pois respondeu:
    -De Assis…
    …mas a mão era do “de Paula”
    …é assim Ricardo, é assim…o coitado do Zé Sabugo Liso, esta na dúvida em relação ao seu vice, pois sabe que o povo votará mais nele* seu vice ), do que nele ( Zé desastrado ).
    No caso do miserável do paraquedas, estaria salvo se fosse devoto de um santo menos popular…né não???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *