Negromonte e Kassab, crias do malufismo

Negromonte e Kassab, crias do malufismo

Foram tantos os casos de corrupção e irregularidades na aplicação de recursos públicos denunciados esta semana que a gente nem sabe por onde começar.

Basta ficar um dia sem escrever que o entulho se acumula nas manchetes dos jornais. Qual caso é mais grave?

O do ministro das Cidades, Mário Negromonte, que autorizou, com adulteração de documentos, um “aditivo” de R$ 700 milhões numa obra viária para a Copa do Mundo em Cuiabá?

Ou o do prefeito de são Paulo, Gilberto Kassab, que teve seus bens bloqueados pela Justiça para garantir o ressarcimento de R$ 1 bilhão aos donos de carros e aos cofres públicos no processo sobre irregularidades cometidas para repassar a uma empresa privada (a Controlar, que financiou sua campanha eleitoral em 2008) o serviço de inspeção veicular na cidade.

Não se trata de um critério só de valores envolvidos, alguns milhões a mais ou a menos transferidos dos cofres públicos para bolsos privados. Mais do que as cifras, impressiona o “modus-operandi” e a desfaçatez dos denunciados por estas novas maracutaias.

O que têm em comum o ministro Negromonte e o prefeito Kassab? Ambos são crias do mesmo líder político, o inefável Paulo Maluf, símbolo maior do poder exercido em benefício próprio.

Ainda deputado federal, Maluf sumiu do noticiário e anda na moita à espera do julgamento dos seus muitos processos, mas seus métodos continuam servindo de modelo para muitos seguidores.

Negromonte foi indicado para o cargo de ministro das Cidades pelo PP, o Partido Progressista (!?) de Paulo Maluf, que faz parte da base aliada do governo federal.

Rifado pelo seu próprio partido, Negromonte chorou ontem em cerimônia pública na Bahia, já sabendo que vai perder o cargo na anunciada reforma ministerial, se é que se sustenta até lá.

Kassab surgiu na vida pública pelas mãos do esquema político malufista em São Paulo e foi secretário de Planejamento do falecido prefeito Celso Pitta, também cria de Maluf.

Passou a semana em Paris e se limitou a divulgar uma nota burocrática, informando que “tomará as medidas judiciais que julgar oportunas” para liberar seus bens bloqueados.

As siglas foram mudando de letras ao longo do tempo, sem perderem suas características, que aliam o conservadorismo mais tosco a um certo desleixo, digamos assim, com a grana dos nossos impostos.

Lá atrás, estes patriotas se abrigavam na Arena, o partido criado pelos militares para dar sustentação parlamentar aos governos dos generais. Com a redemocratização, surgiram o PDS, que depois se subdividiu em PFL, mais tarde rebatizado como DEM,  PP e outras siglas menores.

Para completar a salada, Gilberto Kassab comandou este ano a criação de mais uma sigla, o PSD, que, segundo ele mesmo, não é de direita, nem de esquerda, nem de centro, e pretende apenas ser um partido da situação, em qualquer situação ou latitude.

Sem condições de disputar o poder central ou mesmo governos estaduais mais importantes, estas siglas aliam-se, em troca de cargos e verbas públicas, conforme as conveniências do momento, aos dois grandes partidos, PT e PSDB, que sem eles não conseguem garantir a chamada “governabilidade”.

Da mesma forma, sobrevive como grande fiel da balança, o PMDB velho de guerra, que fazia contraponto consentido à Arena.

Aí está a raiz dos esquemas de corrupção montados por toda parte, que clamam por reforma política, reforma eleitoral, reforma partidária _ a reforma do Estado, enfim.

Nada indica que isto acontecerá tão cedo. O país já está entrando em clima de festas de fim de ano, a presidente Dilma Rousseff vai tirar férias numa base militar, o Congresso Nacional se prepara para entrar em recesso e não há previsão de data nem para a reforma ministerial, que já vem tarde.

Chegamos ao final do ano exatamente como começamos, com os governantes reagindo apenas em função das denúncias publicadas pela imprensa e de decisões da Justiça.

Destaques da semana, o baiano  Mário Negromonte e o paulistano Gilberto Kassab são produtos da mesma estrutura viciada com prazo de validade vencido que continuam sendo oferecidos ao eleitorado.

No ano que vem, temos novas eleições marcadas. Como mudar este cenário pouco animador?

 

 

 

 

 

 

 

42 thoughts on “Negromonte e Kassab, crias do malufismo

  1. É no mínimo revoltante termos um deputado que não pode sair do país elo risco de ser preso pela polícia internacional, agora, sabendo dessas notícias…o que pensar desses políticos. E…o povo ainda vota nisso que aí está. Só sendo masoquista mesmo!

  2. Pelo noticiários locais os esquemas são identicos em outras capitais, os articuladores só gente da alta.
    Só podia ser feito por gente que tem grana, so podia ser feito por quem deproma, só podia ser feito por gente escolada, jogam dois dois lados esquerda e direita, são uns coringas, jogam em todas as posições.
    Os expert do assunto, coitados dos denunciantes, a procuradoria está de parabens, em cojunto com a PF, só assim acabando com estes esquemas vai sobrar mais grana para distribuição de renda e diminuir afome, a miseria, a criminalidade em baixo, mas primeiro tem que acabar com a criminalidade de cima.
    O senador Cristovam buarque estava pronuciando justamente sobre isso na tribuna, e dizia ele, não devia se chamar de corrupção e sim crime mesmo, como outro qualquer.

  3. Caro Ricardo, concordo em genero, numero e grau com o seu texto, porem voce como ,infelizmente, toda a midia parece que esquecem de comentar o outro lado ou seja dos corruptores, parece que este pessoal é corrompido por forças do além,não sou eu nem a maioria da população que contribui para a campanha dos malufs da vida,porque Ricardo voce não comenta sobre as elites que injetam dinheiro na campanha destes elementos?

  4. Disso concluo, que a distribuição de renda era em cima para a elite raivosa.
    E enquanto não acabar isso, o direito de ir e vir tá meio difícil pra todos nós classe C e D, e nem pra eles a elite vai ter vez, todos trancados dentro de casa, ou com seus aparatos com blindagem, mas uma hora tem que sair.

  5. Hoje tô ki tô, indignado.
    Ricardo, só pra nós, não conte a nínguém.
    Com essa tecnologia tipo exportação de São Paulo, onde é mais dificil de se apurar, por não querer ou fazer, esses esquemas estavam dando certos para os depromados e foram levados para outras cidades menores, e aí o buraco era mais em baixo.
    Em cidades menores mas com a mesma densidade populacional em relação aos centros dela, onde todo mundo sabe de tudo, a rádio pião funciona.
    Os funcionários publicos/população, são mais afetados pela corrupção e os salarios de setores de divisão pra baixo, que cumprem o trabalho e horário fielmente com salários baixos, não condizente com a responsabilidade, isto é, vitima antes calada começaram a querelar, aí ja viu.
    Alguns diziam via e não podia falar nada, tinha que ser conivente para não acontecer nada pra si, se falar é rua na certa, só os da base da pirâmide, e como sempre só sobra pro pião, mas o negócio tá mudando.

  6. Participantes do Balaio, apoiemos a proposta do Jose Marcos 12h51 e tomemos atitudes contra os empresários-capitalistas-corruptores ou ficaremos reféns da eterna conversa fiada de alguns aqui do Balaio, que fingem indignação com a corrupção, mas defendem privatarias e maracutaias neo-liberais. Que exigem investigação nos ministérios de Dilma, mas fazem “ouvidos de mercador” para os 16 anos de denuncias diárias de corrupção tucana em São Paulo. Que se dizem homens, mas se omitem na hora da onça beber água, na hora de votar, acovardando-se da parte que lhes cabem na luta por um país melhor e mais justo. Que façam como os Petistas, que votam e, acertando ou errando, arcam com as consequências de sua escolha e não fogem de sua responsabilidade. Isto sim é ser Homem. Isto sim é ser Cidadão. O resto é discurso ilusionista pra ludibriar os parvos. É conversa fiada pra boi dormir. Uma ótimo fim de semana a todos

  7. … não poder mais. Mas, esia a questão. O fato é ele não ´poder mais, coisa que denota a dualidade do eleitor paulista que o chama de ladrão mas no fim, vota nele.
    O fato é que enquanto existirtem eleitores que pensam em si mesmo, ou seja votam no candidato que lhe parece mais útil ou agrada um parente que pediu para votar em tal candidato pois lhe prometera emprego ou o manterá em tal cargo que é bom para toda famili, e outros motivos mais, continuaremos a ver estas historias sendo desvendada pela imprensa ou pela Policia Federal, mostrando em letras garrafais como o eleitor nacional é ignorante.
    Não me venha dizer que o povo mudou, que o eleitor mudou ao eleger Lula. Não, continua a mesma coisa, pois Maluff, Sarney, até o Collor voltaram. Mermoria curta? Não sei mesmo.
    Mwe indiguinava até Lula ser eleito, dai para frente dei meu apoio ao presidente sertanejo. Hoje, ja coloco em duvida a minha admiração por ele, pois, as vergonhas surgem de pessoas que na maioria fizeram parte de seu governo denotando que estas patifarias ja vinham ocorrendo a muito, desde o governo anterior, que foi do Lula.
    Cupar a Dilma? Nunca! Ela pegou a bananosa e fica literalmente em uma sai justa pois sabe que isso é reflexo do govwrno anterior. Então, teremos que ficar com a velha máxima: “ROBOU MAS FEZ?” será que esta é a maxima existente na cabeça de nossos eleitores?
    Cultural. Apenas isso. Cultural!
    Herança da redentora (golpe militar). Acabou com a pouca cultura que a maioria dos brasileiros possuiam. MOBRAL? Enrola cristão.
    Essas situações constrangedoras para nós que possuimos um principio, uma educação que nos permite raciocinar, continuarão a aparecer enquantom existirem no pais gente disposta a eleger aqueles que discaradamente roubam a décads e décadas.

  8. Seria bom também, além de limar essas malufistas que o governo federal fizesse uma limpa séria nos ministérios. Hoje dão os aos partidos sem critérios de qualificação técnica, sem metas, sem resultados. E dá nisso, uma bomba por mês.

  9. São Paulo é a maior usina de Corruptos/Corruptores do Brasil. Por isso sua elite e o PIG odeiam tanto o PT. Só não vê, quem não quer…

  10. Boa noite Ricardo!
    Boa noite amigos balaieiros!

    Como sempre as moscas rondam os belos montes.
    Como sempre precisamos trocá-las por outras para ver se tudo funciona como deveria funcionar.

    Não vejo como uma reforma possa mudar alguma coisa, é preciso reconstruir tudo desde o princípio. Não adianta fazer faxinas pela metade e esconder os podres por baixo dos tapetes.
    Essa história de corruptores e corruptos já vai longe demais.
    Agora a desculpa esbarra nesse argumento…então tá!!! Sendo assim, o coitadinho do Kassab está sendo vítima de algum maldoso corruptor. Esses seres que habitam os bastidores do poder sugando as energias e enfraquecendo nossos gloriosos e heroicos representantes são mesmo terríveis.

    Estamos caminhando (e depressa) para uma hecatombe de denúncias de “olha só” Malfeitos…palavrinha bonita!!!!

    Esse universo onde milhões de reais rolam enrolam e desenrolam diante dos olhos estupefatos da população que mantida sempre na sua mais pura ingenuidade acaba por aceitar tudo de braços abertos.

    Verdadeiros bandidos com mandatos de prisão em outros países desfilam livremente fazendo alianças. Quem se alia a bandidos é o que?

    Quase ditadores estaduais que mantém seus Estados na mais profunda miséria enquanto governam em nome do próprio, ou as vezes de Estado alheio fazem alianças…quem se alia a eles é o que?

    Já houve um glorioso que sugeriu um plebiscito para ter ou não ter um Congresso…por que então não fazemos um plebiscito para ver se o povo quer continuar a trocar as moscas, ou limpar de vez a merda?

    Eu sei que não entendo e não conheço muito dos funcionamentos burocráticos das diversas esferas, sou completamente ignorante nos detalhes, mas tenho opinião, vejo o que acontece, sei que onde for que mexerem, vão encontrar porcaria, em cima, e embaixo do tapete para quem quiser ver.

    A velha e batida frase sobre a “mulher de Cezar” é justamente usada ao contrário, não querem nem sequer parecer honestos.

    Nenhum, repito, NENHUM “delles” reconhece o erro, nunca erram, estão sempre certos, puros, limpos, nós é que somos os otários, que aceitamos e esquecemos muito facilmente tudo o que fazem brotar de seus orifícios baixos.
    Se existe algum desses seres com decência, o simples fato de sua permanência na alcatéia sem qualquer manifestação mais concreta já lhe indica talvez no mínimo um flerte conveniente.

    Os empresários desse pais estão recolhendo cada dia mais impostos, basta ver os dados. Existem corruptores? Existem, existem sonegadores? é claro, mas a arrecadação está aí, atingindo recordes, os escândalos com esse volume arrecadado crescem no mesmo ritmo…quem foi realmente punido até agora?

    Quem foi o exemplo?

    Maluf? O pai dessas duas crias?

    Por enquanto, só mesmo o povo…

    Minha sugestão é um plebiscito para saber se a população, (aquela que paga por tudo isso aí) é a favor ou contra o VOTO FACULTATIVO, como deve ser em uma VERDADEIRA DEMOCRACIA!

    Grande abraço!

    Robson de Oliveira

    http://ecoblog-blogeco.blogspot.com/

  11. Minha sugestão é um plebiscito para saber se a população, (aquela que paga por tudo isso aí) é a favor ou contra o VOTO FACULTATIVO, como deve ser em uma VERDADEIRA DEMOCRACIA”

    Mas que idéia de gênio; como não se pensou nisso antes? Parabéns Robson das 19:48. Aproveitemos e também, no mesmo plebiscito, vamos perguntar se o eleitor é contra ou a favor bebida alcoólica nas estradas; se eles concordam ou não com um salário mínimo de R$ 5.000,00 e, prá tirar qualquer dúvida, se concordam, ou não, com a PM na USP. Assim resolveremos todos os problemas do Brasil. Muito obrigado, Robson por ser esse gênio que é e por frequentar o Balaio do Kotscho e nos enriquecer com seus conhecimentos ao mesmo tempo clássicos e inovadores.

  12. Kotscho, tão estupendo foi o comentário do Divaldo de ontem, 25 20h20, respondendo de forma simples, elegante e impecável (apenas 6 linhas) à participante Luana 09h14 no post “José Serra põe fogo no ninho tucano”, que tomo a liberdade de aconselhar a todos os participantes que não leram que retornem a este post e o façam, pois é imperdível. Envie-o ao Presidente Lula, Kotscho, pois fará muito bem à sua recuperação. Boa noite a todos.

  13. Nenhum desses 3 prestam….são lixo! Mas quero ver quando for para divulgar um escândalo desses envolvendo petistas que nem você, se terá a mesma consistência.

  14. Eu sei que aqui não é tolerado discordar…pensar diferente é pecado capital contra o governo.Um chá de cozinha de comentários semelhantes e de auto elogio em alguns casos.Uma quermesse jornalistica de eterna festa junina.
    Mas insisto e pergunto:
    E Dilma que aceitou a pressão de um PAULO MALUF da vida, para nomear o Negromonte, ela não tem responsabilidade?
    Alguém está sendo processado? Até agora nada.
    Uma presidente, ex-chefe da casa civil do governo passado que não sabia de nada.
    Quanto a Kassab, que não gosto, …ele sim está respondendo na Justiça e a verdade aparecerá.
    Essa história tá com cheiro de eleição.
    Os verdadeiros responsáveis serão punidos em São Paulo.
    Em Brasília???

  15. Tal professor, tais alunos, uma perfeita simbiose. O Kassabtaxa ao dar entrevista lá no autódromo hoje, ficou irritado com o andamento das denuncias e respondeu com uma cara de poucos amigos, igual ao Maluf quando era indagado sobre os seus desmandos. Eu sempre lutei aqui no seu democrático blog, Kotscho, contra esta coisa que chamam de Taxa de Inspeção Veicular como também contra o ped-ágio mas me sinto como unica única voz falante contra estes dois impostos travestidos como os os salvadores do meio ambiente. E pensar que há tanta gente não só escrevendo no seu blog como nos demais contra a alta taxa dos impostos e nem percebem que estão sendo explorados com mais estes dois. Pobre povo paulista que não tem percepção e sendo assim, caem como pato nas armadilhas dos politicos mal intencionados. Quem sabe se na próxima eleição eles acordam e renovam este quadro que já está prá lá de vencido e que todos nós sabemos que não dá mais certo. Vamos esperar.

  16. Alguns participantes do Balaio (na verdade é um só) não conseguem entender o papel do empresário corruptor no círculo vicioso que permite a eleição de um corrupto. E não adianta o Kotscho explicar, o Victor exemplificar, o Everaldo improvisar, etc . . . Então vamos lá (a noite está chuvosa e estou com o pé quebrado). Amigo do balaio, é assim que um “peralvilho” é eleito: Um empresário desonesto (corruptor) aproxima-se de um candidato de histórico duvidoso (por exemplo, ter sido secretário do ………, que foi secretário do Pauluffi, que foi serviçal da ditadura militar) e propõe financiar-lhe uma campanha milionária com apoio massivo da mídia e blá blá blá blá blá blá. O peralvilho aceita e os marqueteiros dão asas à imaginação e criam a figura do Laçador de Marajás das Astúrias. Muitos eleitores caem “que nem” pato no conto do vigário e o candidato é eleito. Então os empresários corruptores deitam e rolam, e quando a Maria Antonieta revela-se tão megalomaníaca que põe em risco o “esquema” dos corruptores, descartam-na e repetem o golpe de forma bem sucedida mais 2 vezes (na primeira das 2 levam nossas estatais, na segunda um banqueiro italiano chamado Carçola leva nossas reservas do Banco Central e escafede-se graças á um habeas corpus concedido pelo ministro blá blá blá blá). Na terceira dão com os burros nágua. Um TOUREIRO mecânico é eleito e liberta os escravos, disseminando pânico permanente entre os corruptores. Essa é uma história de ficção. Qualquer semelhanca . . . . . . terá sido mera coincidência. Amigo, se voce ainda não entendeu, não desanime. Volte no post do Suplicy e veja a explicação do Victor Hugo ao J Leite sobre casar com a própria empregada doméstica e tente fazer uma analogia (comparação). É barbada !!! Bom domingo a todos.

  17. Pois é Mr Chance, obrigado você pelo gênio, mas acho melhor não ficar aí tão “além do jardim” e voltar mais para a calçada da realidade. Este teu paraíso onde só São Paulo produz corruptos te envolveu numa aura de irracionalidade.
    Talvez seja isso que queira, uma “massa manobrável” como o personagem interpretado pelo grande Peter Selers.

    Esse assunto É IMPORTANTE, os outros citados por você, são problemas pontuais. Não decidimos sobre ter ou não ter armas?
    O Ricardo não disse para usarmos os títulos eleitores como uma arma nas próximas eleições?
    Mas pra que serve o título de eleitor se até ele foi desprezado no último pleito a pedido de quem mesmo?

    Respeitar o povo, é dár-lhe o direito DEMOCRÁTICO de DECIDIR por si próprio.

    Não vejo o por que de tanto medo!!!

  18. … ao se submeter, a IEP ( imprestável elite paulista ), o PSDB cometeu suicidio político, pois com o quadro que tinha, era uma esperança para o nascimento de uma força, que poderia levar com o apoio da elite menos conservadora, o nosso país a uma democracia mais qualificada.
    É uma pena ver pessoas como FHgá, até mesmo o próprio Serra, se rastejando na mesma lama que rastejam Kassab, Pita, Maluf, etc. e o escambau. O pior é que, depois de serem por aquela entidade, possuídos, não procuram um pai-de-santo, que os libertem. E o Brasil, e o PT, precisando de uma oposição construtiva…é uma pena.

  19. Kit Primeiros socorross; Kit cadeirinha (com selo do Inmetro); Inspeção Veicular: todos sabemos para quê são criados.
    Se existisse um Ministerio Publico atuante, de fato, cortaria as asinhas no inicio.

  20. Kotscho,
    Imediatamente às denúncias do MP, pipou anúncio de publicidade da Prefeitura de SP nas rádios. Uma delas, já impera o silêncio, no ar só a versão do kassab.

  21. Esses políticos do tipo Negromonte e Paulo Maluf fazem parte dos 300 picaretas ao qual Lula se referia em seu tempo de oposição. Depois que chegou ao poder se aliou a eles. Nem por isso eles deixararam de ser picaretas, como comprovam as denúncias de corrupção. Dize -me com quem tu andas e eu direi quem tu és.

  22. Caro Kotscho, vc “esqueceu de lembrar” que o Kassab é também cria do Serra, de quem era homem de confiança e que o sucedeu na prefeitura de SP, e que o financiador e suplente do senador Agripino, aquele com cara de paisagem lá do RN, foi preso essa semana pelo mesmo motivo: contrato de inspeção veicular. Como todos são (ou eram) do Dem, alguma coisa tem (trocadilho demoníaco!!!)

  23. Tomires ( 10h37 )…é realmente incrível, que os arautos da honestidade e dos bons costumes, que há tantos anos mandaram em nossa política, só tenham deixado esta alternativa ao PT para governar.
    Com a palavra a oposição. Que oposição ???

  24. Mr Chance, não adianta mostrar ao Robson que o voto já é facultativo. O Próprio Luiz Carlos Velho, que o Robson idolatra, já ensinou aqui mesmo no balaio como faz sua filha: Fica anos sem votar, depois vai no Juizo Eleitoral paga uma multinha simbólica e irrisória e regulariza a situação. Na verdade o Robson, eleitor confesso de Collor de Mello, não quer deixar de votar. Ele quer mesmo que apareça outro Caçador de Marajás, pra sair todo serelepe de título em punho pra participar da magnifica festa da democracia. É isso, Mr Chance. Um grande abraço pra voce e pro Robson. E um ótimo domingo a todos.

  25. Não dá para entender a elite e alguns comentaristas de vários blogs e que devem fazer parte delas, metem o cassete na bolsa familia (chamada de bolsa esmola) alavancando o mercado interno no governo do Lula e Dilma, gerando emprego e melhorando até para os que tem mais, os donos de empresas do varejo, mas não querem admitir, que as elites tem a sua DIVISÃO DE RENDA irregulares do patrimonio público, com essas licitações e demais falcatruas e que só movimentam esse capital adquirido através de corrupção, na especulação financeira e paraisos fiscais à muitos e muitos anos.
    Posso até entender a revolta dos que tem pouco, mas não dá para entender a revolta dos que tem muito.

  26. Paulo Barbosa – 27/11/2011 – 13h16
    ”Não dá para entender a elite e alguns comentaristas de vários blogs e que devem fazer parte delas, metem o cassete na bolsa familia (chamada de bolsa esmola)”
    Dá para entender sim Paulo Barbosa. É só forçar a memória um pouquinho.
    Quem ”mete o cacete” no bolsa família é a esquerda da qual o PT fazia parte —fazia, entendeu?—. O Lula, candidato, ainda em 2002, disse e está gravado em vídeo que, os brasileiros não votavam com a cabeça, mas com estômago, pois eram , como os índios que recepcionaram Cabral em 1500, todos domesticados com bolsas isso, bolsas aquilo e, assim votavam, a troco de babilaques, cachaça e penduricalhos. O PT entendia que, num momento só a economia poderia crescer o suficiente para incluir todos os segmentos. E isso não é possível e os liberais sabem disso. Os petistas não sabiam disso. No governo fazem do assistencialismo escrachado o programa central de governo.
    Enteu Paulo Barbosa?
    Fácil né?
    O assistencialismo, Paulo Barbosa, é, a rigor, o entendimento de que, não é possível incluir a todos e, o segmento excedente, os excluídos, têm que, de alguma maneira sobreviverem; como então? Dando-lhes o mínimo necessário.

  27. Luiz Carlos, o FHC divulgou em campanha que iria dilapidar nosso riquezas e doar nossas estatais ? Informou que iria subornar parlamentares pra aprovar emenda da própria eleição ? Quem quer saber o que falou o candidato A, B ou C, Luiz Carlos ? Queremos saber é de ações. Queremos saber o que fez, faz ou poderá fazer o ocupante do cargo. Quem quer saber se o biscoito Tostines vende mais porque é fresquinho ou é fresquinho porque vende mais ? Luiz, voce tenta confundir os outros, mas só confunde a si mesmo. Que dureza, Luiz Carlos !!!!! Tenha uma ótima semana.

  28. É triste.. mas a tal “imprensa PIG” existe mesmo. Tem gente que não acredita. Incluive graúdos do PT fazem questão de desconversar:

    CASO CHEVRON – (revistas semanais)

    Quem ainda pratica o bom jornalismo no Brasil
    – Carta Capital
    – IstoÉ (as duas)
    únicas que deram capa para o “Caso Chevron” neste final de semana.

    Quem pratica jornalismo ‘MEQUETREFE”
    – VEJA
    – ÉPOCA

    Sequer citaram o “caso Chevron” em suas capas. Nem uma única chamadinha.

    Unidas, para não “pretejar” ainda mais a imagem do “grande anunciante”.

  29. Luiz Carlos, na realidade o meu ojetivo é comparar fazer uma analogia da Bolsa familia com essa bolsa das Licitações e outros artificios, malfeitos dos grandes!!!

    A quem mais interessa ?

    Quem na realidade são os maiores beneficiados com isso ?

    O Pobre não rouba e nem dá para roubar o patrimonio público.

    Esse pessoal investe em emprego? “distribui a renda” delas (dos malfeitos) com quem ?

    Ah, meu caro Luiz Carlos, aí é onde pega os impostos.

    Voce disse bem, o PT foi contra a bosa familia antes de ser governo, mas nada mais nobre do que voltar atrás e reconhecer o próprio erro.

    Mas voce acha que o empresariado que se beneficia desses malfeitos, estão preocupados com a fome e a miséria ? não é ai uma das causas dela ?

    Presentes e assistenciolismo dos neo- liberais é só pra eles, existem e sempre existiram, desde a chegada de Cabral, causa da pobresa, tem que se fazer uma opção/posição/ risco/beneficio e assumir.

    O bolsa familia para o pobre todo mundo sabe, agora o BOLSA
    EMPRESARIADO, nínguém pode saber, é um mistério.

    Nínguem fica milonário só trabalhando, ou só do trabalho (a vida é curta não dá tempo), isso é utopia daqueles que acreditam nisso.
    Só ganhando na mega sena.

  30. Para o Everaldo comentar: O PT, quando estava na oposição, se apresentava como o arauto da moralidade, da ética e dos costumes. Dizia que vinha para mudar tudo isso que aí está, como se não soubesse que teria que governar com a mesma base que sustentava o Governo FHC. Lula chegou a declarar que estava para nascer alguém para discutir ética com ele, mesmo tendo se aliado a Sarney e Maluf.Aliás, Lula só chegou ao poder justamente por causa dessa alternativa que a oposição deixou ao PT para governar e que o povo queria ver fora do governo.

  31. Já que a mídia nativa só tem olhos com lentes de aumento, para os “malfeitos” do PT, ou da base de apoio do governo Dilma (se Lupi viajou, ou não, em um avião de ONG), por que não se “democratizar” um pouquinho, e agora escolher Kassab e o tucano que foi preso no Rio Grande do Norte, para falar em corrupção? Eis a minha sugestão.

  32. Ola !!! Ricardo, concordo em parte com o senhor, mas vejo que um jornalista bem informado como o senhor não esqueceu de um quarto personagem desta trama, um dos atores principal , para lhe ajudar a a desvendar esta trama quero citar o nome de um preso pela policia federal na semana passada em mossoró rio grande do norte um cidadão chamado[JOÃO FAUSTINO] este cidadão já foi senador e é hoje suplente do senador [ JOSÉ AGRIPINO MAIA] ele foi preso acusado de fraude no [Detran] equivalente 3 bilhões de reas , ai esta a ligação do quarto elemento desta trama , CSABE , NEGRO MONTE, JOÃO FAUSTINO, mas só uma observação o tal JOÃO FAUSTINO, era o testa de ferro da campanha do SERRA em parte do nordeste, assim como Paulo preto ai em são paulo.[ fique a vontade para não publicar o meu cometário se o mesmo vier lhe prejudicar na era da globo-esfera o jornalista não consegue mas se fazer de morto, ou ele comenta sobre tudo e sobre todos ou fica desmoralizado]

  33. Ola meu Ricardo, hoje eu estou de folga a tarde e vou tomar banho cedo só para assistir o jornal da record news ontem comprei uma tv de plasma de 52 pl só para assistir o jornal.e gostaria muito de ver um jornalismo imparcial sem tentar esconder nada de partido nenhum seja PT,PSDB,PMDB;etc etc.espero que a record não se transforme em um grande tapete para tentar cobrir a sujeira dos partidos políticos da oposição como as organizações globo, e os grandes jornais e revistas, vejo o constrangimento no rosto de alguns apresentadores de tele-jornais ao faze de conta que vivem em uma ilha distantes de tudo que acontece com os desmando do PSDB E DEM não vi até agora nenhum jornalista de saco roncho para abordar a prisão do ex chefe de gabinete do serra o tal de [JOÃO FAUSTINO] Ricardo um jornalista serio como o senhor pela sua estoria não tem o direito de se calar diante de uma noticia desta,coragem homem lebre daqueles que perderam a vida defendendo o seu direito de se manifestar-se e também de ficar calado, isto se acontece com alguém ligado a qualquer pessoa ligada a outros partido politico, seria argumento para um cansei de numero 45 ricardo vou ti assistir hoje meu ídolo.

  34. No início de 2013 já começarão aparecer as famigeradas pesquisas eleitorais extemporâneas. E sabem quem vai aparecer na liderança ? Elementar, meus caros. Dilma ou Lula (PT), mais à esquerda e Serra (PSD), mais à direita. Bobo é sapo que anda de “croque”, como diz o caipira. A nova farça já está montada. Quem viver verá. E quem ainda sonha com o Projeto Novo e Alternativo de Nação,em contraponto à velha bandidocracia eleitoral, que espere até as próximas encarnações,ou que o faça das ruas para os palácios, porque pelo sistema político-partidário-eleitoral, ditatorial e monopolista, tornou-se impossível qualquer Fato Novo chegar sequer ao conhecimento da população, ao que parece.

  35. Ricardo, está completamente errado quanto ao texto. Essas figuras não são crias de Maluf, são o resultado das escolhas feitas pelo povo paulista e paulistano, principalmente este, com um reacionarismo inexplicável para a maior cidade, e mais poderoso estado, do Brasil e uma das maiores do mundo. As vezes penso que São Paulo ainda continua em 1932.

  36. E ver toda esta corrupção paulista e ninguém ser demitido é o fim do mundo!!!!! Enquanto cabeças rolam no governo federal, no paulista o PIG passa as mãos sobre as suas cabecinhas e ficam todos numa “boa”. Nem as denuncias dos seus aliados Folha, Veja, Estadão valem prá nada, porque já se acham os imperadores e o povo paulista não tem voz, não tem força, estão subjugados. Pobres paulistas que estão nas mãos da oposição e sendo enganados por uma propaganda enganosa do governo tucano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *