O dia em que Lula derrotou Serra

O dia em que Lula derrotou Serra

Oito anos atrás, foi num dia 27 de outubro, como hoje, dia do seu aniversário, que Lula ganhou sua primeira eleição para presidente da República. Por acaso, o adversário derrotado em 2002 foi o mesmo tucano José Serra, que agora disputa novamente a eleição, desta vez contra a petista Dilma Rousseff, a candidata escolhida por Lula para a sua sucessão.

O que aconteceu nos bastidores da campanha de Lula naquele dia histórico? Eu era seu assessor de imprensa na época e passei o dia com o então candidato, mas já não me lembro mais de muita coisa, assim de cabeça.

Por isso, recorro outra vez ao meu livro de memórias, “Do Golpe ao Planalto _ Uma vida repórter” (Companhia das Letras, 2006) para rememorar como foi que Lula ficou sabendo que era o novo presidente eleito.

***

Às cinco horas da tarde do domingo, 27 de outubro de 2002, no dia em que Lula completava 57 anos, foi com muito custo que ele atendeu a meu chamado para vir até onde se encontravam sua família _ a mulher, os quatro meninos e as noras _ e uns poucos amigos, diante do aparelho de televisão.

Desde a hora do almoço, ele conversava com José Dirceu, Aloizio Mercadante, Gilberto Carvalho e Antonio Palocci na sala de refeições da suíte presidencial do Gran Meliá, na avenida Nações Unidas, no bairro do Brooklin, em São Paulo. Lula votara de manhã numa escola em frente à sua antiga casa de esquina, na Vila Paulicéia, em São Bernardo do Campo, e chegara de helicóptero ao hotel.

A TV Globo iria anunciar o resultado da pesquisa de boca-de-urna da eleição presidencial. O âncora Franklin Martins (o mesmo que hoje é seu ministro) chamou a repórter, que estava ao lado do presidente do Ibope, Carlos Augusto Montenegro:

“Agora, ao vivo, vamos conhecer os resultados da pesquisa boca-de-urna com a repórter…”. Por coincidência, a repórter era minha filha mais velha, Mariana Kotscho.  

“Olha lá, Mara! A Mariana está mesmo com jeito de grávida!”: foi o primeiro e único comentário de Lula, como se o resultado anunciado por Montenegro, dando-lhe a vitória por larga margem sobre José Serra, não estivesse acabando de confirmar a primeira eleição de um operário para a presidência da República do Brasil, depois de três tentativas frustradas.  

As pessoas começaram a pular, gritar e se abraçar. Lula, impassível, braços cruzados, olhava para o monitor de TV. Parecia não acreditar no que via e ouvia _ ou já esperava aquele resultado havia muito tempo e por isso não se surpreendeu. Os filhos, também; pareciam assistir ao final de um jogo cujo resultado já conheciam. Com os números da pesquisa aparecendo na tela, não tinha mais erro.

A comemoração podia começar, mas o dono da festa resistia. “Porra, Lula, nós ganhamos a eleição!”, gritei, e lhe dei um tapão nas costas, para ver se ele caía na real.

***

Quem quiser saber conhecer a história completa, das comemorações na avenida Paulista até o dia da grande festa da posse em Brasília, está tudo no capítulo “Da vitória à posse – 2002”. É só comprar o livro.

Nesta quinta-feira, Lula faz 65 anos, e entra oficialmente na terceira idade, a dois meses de entregar o cargo para seu sucessor ou sucessora. O tempo correu depressa.

Em tempo:

o nosso preclaro Enio Barroso Filho, um dos sócios fundadores deste Balaio, me deu uma boa idéia em seu comentário: perguntar onde o amigo leitor estava e o que lembra deste dia 27 de outubro de 2002?

 

 

116 thoughts on “O dia em que Lula derrotou Serra

  1. Caro Ricardo Kotscho ,

    VOCÊ É O CARA!!!!!!!!!!!!!!!!! VÁ ESCREVER BEM ASSIM NA NA CHINA.

    É Dilma 13, VAMOS À VITÓRIA NO DIA 31. BEBEREI TODAS,RSRSRSR

  2. Ei Ricardo, o tempo correu depressa, mas fez meu Presidente se transformar no melhor e mais humanitário líder desse planeta.Eu tenho tanto orgulho dele que chego a chorar quando vejo uma foto de jornal, como a que vi ontem no Jornal O Dia.Lula emocionado abraçado a uma mulher negra chorando e levantado as chaves de sua casa nova numa favela que o PAC transformou em um condomínio.Uma favela pacificada.Uma casa nova, uma vida nova , uma família feliz e um presidente que ama o povo de seu país.Um homem do povo.Você, que o conmhece tão bem imaginaria que ele se transformaria no homem mais amado desse país, talvez o presidente mais admirado de todo o mundo?Somos um povo abençoado, poiso Brasil que Lula vai deixar de governar é um país muito melhor do que aquele que ele encontrou. Um abraço fraterno.Foi muito boa a sua lembraça.

    1. Oi Lenir senti a mesma coisa. Me emocionei com a foto porque conheço essa história de ser negro e receber pela primeira vez as chaves de uma casa em nosso nome.
      Vamos juntos com Dilma continuar escrevendo essa história de empoderamento da diversidade.
      bejão Ricardo

  3. Belíssimo texto Ricardo, me arrepie quando você mencionou a posse dele aqui em Brasília fato que não sai da minha memória. Agora é a vez da Dilma!

  4. Com essa turma de jornalistas tendenciosos que aí está, necessitamos desenvolver cada vez mais a capacidade de argumentar, de discutir, de interpretar e de nos posicionarmos para termos condições de conviver com essas situações, fazendo presentes em nossas vidas a ética e o respeito para com as pessoas e o meio. Com isso, seremos capazes de nos desenvolvermos como indivíduos mais equilibrados, desenvolvendo a cidadania, não deixando que nos empurre goela abaixo seus pareceres sem que possamos mostrar-lhes que não concordamos com suas idéias.

  5. Puxa vida já estive na casa do Vava irmão de LULA e conheço essa escola só não sabia que a casa de LULA era a da esquina.
    Até domingo para uma nova comemoração , dessa vez com DILMA.

  6. Falar o que né, Ricardo?

    Obrigado, presidente Lula.

    Estive com você desde 1989 quando ainda cursava economia na UFRJ.

    Hoje, empresário e ex-diretor de uma das maiores empresas do Brasil, estou com a Dilma

    E saibam que podem contar comigo!

    Forca Brasil!

  7. Meu querido Kotscho,

    O tempo correu depressa. Acredito que foi depressa demais. Não me sinto preparada para a despedida.

    Às vezes, tenho que confessar, entro na defesa entusiasmada da eleição de Dilma, como se ainda fosse uma daquelas campanhas emocionadas do LULA.

    Outras vezes, também tenho que confessar, me sinto deprimida, com aquele gosto amargo na boca de quem sabe que os oito anos se passaram… que LULA não será mais nosso Presidente tão admirado, tão amado pelos brasileiros e brasileiras, por milhões e milhões de cidadãos pelo mundo afora.

    O tempo correu depressa.

    Se na eleição de 2002, foi o Lula quem ficou parado, estático na frente da televisão, enquanto anunciavam sua vitória… em 2010 somos nós que estamos assim… meio anestesisados,como se não quizessemos nem pensar na saudade que ele vai deixar em todos nós.

    O tempo correu depressa .

    Outro dia nos estávamos cantando o LULA LÁ, chorando nas derrotas e sonhando com o dia em que o Lula subiria a rampa do Planalto.

    Dia 1 de janeiro de 2003 eu estava lá. No meio daquela imensidão da Esplanada dos Ministérios, misturada a todo tipo de pessoas, vindas de toda parte, irmanados, rindo, cantando e assistindo àquela festa maravilhosa da posse do LULA. Eu assisti à subida da rampa do Planalto com o coração emocionado e muita confiança de que estavamos escrevendo uma nova página da nossa história.

    Não porque um operário tinha chegado à Presidência. O que já é um fato fantástico.

    Mas porque o LULA tinha chegado LÁ. E ele faria a diferença… Ele é a diferença.

    Tive a honra e a sorte de conhecê-lo pessoalmente, de trabalhar ao lado dele pela Integração da América do Sul,uma das grandes metas de seu governo. Pude assistir à transformação de muitos empresários que em seminários ou missões por esses países, ficavam em rodinhas criticando o LULA , mas quando ele entrava na sala se tornavam fãs de carteirinha. Com o olhar admirados iam atrás de uma foto , de um autógrafo

    Se antes eu o admirava , sem conviver com ele…depois passei a ter convicção de que estava diante de uma pessoa iluminada.

    Alguém com um carisma único, capaz de conquistar cada vez mais as pessoas ao seu redor. Alguém que não pode ser comparado com nenhum outro,se utilizarmos os padrões normais de comparação. Com o Lula é preciso usar uma “régua” diferente.

    Outro operário poderia chegar onde ele chegou e fazer o que ele fez ?

    Outro retirante, pobre , quase sem estudo, poderia chegar onde ele chegou e fazer o que ele fez ?

    Não.

    Por essas razões é que costumo dizer que as pessoas precisam esquecer seus preconceitos e assumir que o LULA não será reproduzido nessa forma original. Isso é ele. Por obra e graça dele mesmo, do destino, de um dom divino, ou seja lá o que for… por estar no lugar certo e na hora certa, por diversas vezes na sua vida. Acredito que por uma combinação disso tudo forjou-se uma personalidade distinta. Não comparável a outras pessoas que tenham vivido nas mesmas condições que ele.

    Não existe demérito para nenhum “doutor”, ao reconhecer isso. Demérito, ao contrário, existe naqueles “pretensos doutores”, que por possuirem muitos diplomas pendurados na parede, se sentem superiores ao Lula…mas nunca fizeram nada de admirável… não vão passar para a História.

    Morro de rir, quando assisto , leio ou ouço comentários raivosos, invejosos, de pessoas pequenas, incapazes de reconhecer méritos alheios. Essas pessoas, talvez não passem sequer para a história de suas próprias famílias e, no entanto, se recusam a ver que o LULA É O CARA.

    Morro de vergonha quando vejo brasileiros de quinta categoria, fazendo declarações grosseiras, ofensivas contra nosso Presidente, destilando um ódio que é incompreensível para a mídia do mundo todo. Nesses momentos, sinto vergonha pela nossa omissão, por não sairmos à rua exigindo a retratação desses falsos senhores da verdade.

    Mas depois percebo que o maior castigo para essa gentinha , tipo Diogo Minardi, Reinaldão, e agora a nova Anta do Marcelo Madureira é mesmo serem ignorados. Eles não merecem, sequer que a gente se mobilize contra eles. ELES PASSARÃO.

    Não tenho dúvidas de que a Dilma será eleita e que será uma grande Presidenta para esse nosso País. Não tenho dúvidas de que o Lula soube escolher seu sucessor, mostrando uma vez mais sua diferença.

    O grande mérito da Dilma é não ter passado político. E os adversários não perceberam que quanto mais atacam a falta de história política da Dilma…mais destacam esse mérito. O eleitor está cansado desses tais “políticos profissionais”, que usam cada eleição como escada para a próxima. Sem cumprir com nenhum compromisso com o eleitor.

    A Dilma tem história de vida e tem o aprendizado de governo. Mas não tem o defeito que a população credita a esses
    “políticos profissionais que são todos iguais”, na opinião da grande maioria dos eleitores. Por isso, mais uma vez eu digo que o LULA é o LULA. Sua percepção é diferente do padrão normal. Só dá para medir o Lula com a régua dele.

    PARABÉNS PRESIDENTE LULA. FELIZ ANIVERSÁRIO.
    SEU PRESENTE VIRÁ NO DIA 31, COM A ELEIÇÃO DA DILMA.
    UM PRESENTE QUE SERÁ TAMBÉM PARA TODOS NÓS. PARA TODO O PAÍS.COM A CERTEZA DE ELA VAI CONTINUAR A CONSTRUIR ESSE NOVO BRASIL

    MAS NÓS VAMOS CONTINUAR COM O LULA LÁ …
    PARA 2014.

    1. Nossa, Glória, seu texto foi de arrepiar. Gostei. É isso aí, vamos acreditar na Dilma tal qual acreditamos no Lula. E quem sabe, Lula estará de volta em 2014. Tomara Deus que sim!

    2. Minha querida Glória, todos nós brasileiros que reconhecemos os feitos do Lula para o Brasil e para o povo, vamos sentir saudades dele, ñ pelo que ele fez mas pelo homem que é. Dos feitos vamos lembrar com orgulho e mais orgulhosos vamos ficar daqui a algum tempo ao ver que a Dilma vai estar dando continuidade ao projeto dele e dela tbm vamos sentir orgulho! orgulho por termos eleita a primeira mulher como presidente do Brasil! orgulho por sabermos que ela tbm vai passar para a história como uma das melhores e mais importante mulher deste século!
      Parabéns pelo seu texto! parabéns ao Lula pelo aniversário e parabéns ao povo brasileiro que acreditou nele e como presente vai dar de presenta a ele a eleição da Dilma!!!

    3. Nossa, Glória, que comentário emocionante!
      Parabéns!
      Só uma coisinha: Diego ou Diogo o quê? Madureira não era aqueles cursos supletivos? Nossa, insignificante isso. Deixa pra lá…

    4. Gloria, você disse “eles passarão” eu lhe respondo, passarão? Para mim eles nem existem…Quando alguém passa é por que foi notado, observado, visto,criticado,elogiado,aplaudido,comentado ou observado. Quando não existiu, nada disso aparece, comenta ou registra.

    5. Glória permita-me o trocadilho: seu comentário foi uma glória, parabéns.
      Só uma ressalva ” e agora uma anta”. Uma não, uma tonelada de antas.

  8. Deus em dia de euforia
    Olhou pro nosso país
    E falou para si mesmo
    Vou fazer…este povo mais feliz
    E para cumprir o dito
    Nos mandou este LUIZ

    Escolheu então um casal
    Daqueles bem arretado
    No sertão de Pernambuco
    Valorizando este estado
    E hoje o Brasil todo diz:
    “Ô que coito abençoado !”

  9. Ricardo Kotscho sei ser impossível pessoalmente cumprimentar o Presidente Lula por isso, o faço através de você, que é o nosso porta voz junto a êle para abraça-lo por todos nós e desejar-lhe que as bençãos de Deus lhe caiam sobre o seu caminho.
    Se por um lado é alegria no Brasil pela passagem natalícia daquele que a historia já começa a escrever como um dos maiores e melhores presidentes brasileiros do outro lado temos o escárnio, o desprezo e a tristeza de conviver com a sujeira, a má-fé e a podridrão de uma disputa eleitoral onde um dos lado (direita) usa de todos os mecanismos inadequados para se apropriar do governo e nele instalar os demo-tucanos tida como a escoria da politica nacional, cujos os métodos afrontam ao estado laico que o Brasil gostaria de alcançar.
    Diante dessa situação outra atitude não resta de convocar aos brasileiros conscientes deste perigo e ameaça em nos irmanarmos no sentido de comparecer às urnas qualquer que seja o custo, o estado físico ou espiritual para depositarmos naquela mulher guerreira, combatente e cristã o nosso voto com sinal de nossa confiança e crença no futuro e com marcar com nossa gratidão pelos 8 anos do governo do presidente aniversariante.

  10. Parabéns ao grande Lula! Confesso que cheguei a criticá-lo nos tempos em que era sindicalista mas bem antes de 1989 passei a admirá-lo. Sofri com sua derrota nas eleições de 1989 mas, quem sabe, ainda não era hora da sua estrela brilhar. Coincidentemente ou não, após a vitória do Collor eu dizia que ele ganhou as eleições de 89 mas não conseguiria ir até o fim de seu mandato e acertei na mosca. Foram necessárias mais três eleições para enfim vermos Lula eleito, para ser o melhor Presidente da República que o Brasil já teve. Valeu esperar tanto tempo. Certamente Lula vai deixar saudades e como. Hoje torço para que Dilma ganhe as eleições e que ela consiga levar adiante o legado que vai herdar de Lula. Não será uma tarefa fácil mas, por sua biografia, acho que ela é por demais competente para cumprir a tarefa que nós, seus eleitores, vamos outorgar a ela. Certamente o melhor presente que o Lula quer de aniversário é a eleição de Dilma e isso é o que mais de 50 milhões de brasileiros vão te dar no dia 31 de outubro. Aguardemos.

  11. Parabéns pelo texto, grande Ricardo. Vamos repetir ou vamos abrir diferença com relação a 2002 e 2006?? Agora, uma pesquisa, em 7 dias, ir de 5,8% para 17,2%, é dose. E olha que ela foi feita nos dias 23 a 25, nem a história do Metro de SP estava nas manchetes. Então, resumindo, a bolinha de prata ou papel, fez mais estrago aos serróquio que se imaginava. Acho difícil. Outra coisa que me falaram ontem a noite, é que a emissora concorrente da Record, no tal jn, não divlugou a pesquisa ibope, ninguém sabe o pq., tava no programa e deletaram. Aí tem sensus na parada.

  12. O que mais doi no FHC é ver o seu pupilo, Jose Serra,
    perder duas eleições para o operario.

    Ninguem segura o Brasil, o gigante acordou
    e não quer deitar mais.

    E a rendenção do Nordeste, é o Brasil potencia economica.
    Esse é o Brasil que o povo sempre sonhou.
    Vamos escrever uma nova Biblia porque a terra
    prometida é aqui.
    Deus é Brasileio.

    1. Acho que o próprio FHC se sente aliviado pela derrota do Serra, em duas entrevistas dadas pelo catedrático, ele deixa claro essa sua posição, fala dos erros do Serra em seu governo, atribui falhas infantis cometidas por seguir aconselhamentos desse seu primeiro ministro na epoca.
      FHC queria o Aécio, os delegados de plumagem mais densa do partido escolheram o Serra.
      Aécio é o candidato do FHC.

  13. Ricardo Kotscho,
    Minha emoção naquele 27 de outubro foi algo que sou incapaz de narrar com simples palavras. E isto, eu aqui, no anonimato da multidão silenciosa.
    Fico imaginando você, ao lado do Lula, após ter participado de toda caminhada que levou o nosso querido operário a presidência de nosso país, e pode dizer para ele, você é o novo presidente do Brasil.
    Nem consigo imaginar o seu nível de adrenalina naquele dia.
    Parabens, Ricardo. Vou comprar o seu livro, lê-lo e guardá-lo com muito carinho.
    Naquela data a “esperança venceu o medo” e no dia 31 de outubro de 2010 a “verdade vai vencer a farsa”.
    José Paz de Azevedo e Silva

  14. Kotscho, antes de mais nada, seu livro é ótimo.

    O mais curioso é como tomei conhecimento dele. Me lembro perfeitamente. Recebi um e-mail em 2006 citando o livro como uma bomba contra Lula.

    Procurei o tal e-mail, só como curiosidade e reproduzo alguns trechos. O título era: “BOMBA! LIVRO DE RICARDO KOTSCHO PROMETE POR FIM AO GOVERNO DE LULA !!” E começava com: “Livro de ex-assessor de imprensa de Lula garante que o presidente participou junto com Dirceu das negociações do Mensalão”

    Curioso que sou, logo que recebi o e-mail fui atrás pra saber do que se tratava. E li uma crítica sobre o livro tecendo diversos elogios, além de desmentir a tal história que circulou pelos e-mails por aí.

    Acabei comprando o livro. E desde então tenho uma enorme admiração por você Kotscho.

    Acabou que o tal e-mail falso teve um lado ótimo pra mim. Mas é triste ver isso tudo se repetindo hoje, e o pior, com intensidade muito maior.

    De qualquer forma, deixo, com 4 anos de atraso, meus parabéns pelo livro.

    E meus parabéns a Luis Inácio Lula da Silva, o melhor presidente que esse país já teve pelos seus 65 anos de uma vida de luta por este povo.

  15. Olá Ricardo Dia memorável aquele,
    Cada um tem na memória o que foi aquele dia, eu no dia 1/11/2002 deixei de comprar três quilos de feijão, um quilo arroz peguei o dinheiro economizado, fui a um armarinho comprei uma bandeira do Brasil de 0,60 x 0,45 e hasteei-a em meu telhado, na favela Bate coração aqui em Salvador, muito envergonhado com a vizinhança e sob o protesto da esposa, já que eu havia trocado quatro quilos do precioso alimento por aquele pano, ate então, ‘aquilo’ era apenas mais um pano pra nós dois. Um caro pedaço de pano, já havia custado R$8,00 um absurdo para minha realidade naquele ano.
    Nesses oito anos mudei de emprego, sai de uma caquética sapataria, voltei para os estaleiros navais, fechado havia 15 anos e reabertos por Lula, sai da favela para um condomínio classe média, comprei carro, um pólo sedan2009, entre outras quinquilharias eletrônicas.

    Vivi 42 dos meus 51 anos na favela ‘ Bate Coração’. Tudo mudou só por que alguém do chão nos enxergou, e olha que havia 42 anos que estava a acenar para os presidentes que moravam nas coberturas suntuosas, eles nunca nos viram, acho que as coberturas luxuosas eram altas demais para nos vir.

    Se o Serra saisse vitorioso naquele dia, tudo indica que eu anda estivesse a morar na favela, ele não ia reabrir os estaleiros que me empregou de volta.

    1. Poxa, Ailton

      Fiquei emocionadíssima com o seu comentário, se vc me permite, pretendo passá-lo adiante em meu e-mail, porque a gente sente que é de coração,e que vc junto com milhões de brasileiros mudaram de vida, e para melhor.
      Parabéns pela sua percepção e pelo reconhecimento de que o Lula é o cara!

    2. Nossa, Ailton,
      Que relato, quanta coisa bonita estou lendo aqui hoje.
      Parabéns!
      e parabéns ao Presidente Lula por nos proporcionar tudo isso.
      Fraternalmente,
      Ricardo Zerbinato

    3. Ailton:
      Só quem acreditou e teve a vida transformada é que pode entender o que Lula representa para nosso país.
      Sua história me emocionou e sei que ela é apenas uma entre milhares de outras.
      Parabéns a você e ao nosso Presidente que acreditaram e venceram.
      Há pessoas que nascem para brilhar e iluminar o caminho de outras!

  16. Alguns dos itens positivos

    Tudo mentira mesmo por quê?

    Nada disso foi feito pelo FHC, ele e eles apenas copiaram o que foi idealizado pela ficção, enviado para vários lugares e partidos entre – eles

    PT também foi o único partido que soube interpretar para fazer alguma coisa que esta dando certo e vai dar mais certo com a Dilma solução em dobro

    Porque os projetos idealizados pela ficção foram subestimados quando não devia ter sidos subestimados por ninguém

    Os vários projetos, alguns deles

    Fim das favelas
    Fim das escolas
    Fim dos camelos
    Camelódromo
    Passe inteligente único
    Nota eletrônica Brasil etc.

    Governador reeleito do MS e a prova disso que implantou isso quando era Prefeito e foi tão perfeito que foi reeleito

  17. Kotscho, você me emocionou..
    porque minha historia de vida tem tudo a ver com este nosso presidente metalurgico, que transformou a historia do nosso pais, do nosso povo e mudou desde muito tempo a historia de muitas vidas.. e a minha principalmente…

    Lembro-me que recém chegada ao Rio de Janeiro para trabalhar no Banco do Brasil, vinda do interior da Bahia.. eu, uma jovem de vinte anos completamente alienadinha, porque afinal viviamos naquela época, anos setenta, sob a mão de ferro da censura do pensamento e expressão.. comecei a saber de umas greves em S.Bernardo..e foi assim, através da luta e da resistência daquele operário barbudo, o Lula, que tornei-me a partir daí uma jovem engajada e consciente do meu papel de cidadã, dos meus direitos, e sujeito da minha propria historia.
    Tornei-me militante sindical e transformei-me numa mulher politicamente engajada neste projeto de um pais com justiça social, respeito as diferenças e sustentabilidade.. Graças ao nosso querido Lula estamos vivendo esta realidade.. que vai continuar com Dilma.

    Gostaria muito de dar um abraço no meu querido presidente, mas meu presente será no dia 31 eu, minha familia, meus amigos, o povo brasileiro, teclar 13 e elegermos Dilma a nossa presidente que vai continuar implementando e continuando este projeto maravilhoso e transformador da nossa pátria amada..

    Beijos querido Lula
    que Deus te abençõe muito muito e muito mais.. sempre!
    Brilha a nossa estrela.. nossa esperança e nossa realidade .. Dilma primeira mulher presidente do Brasil.. sem medo de ser feliz!!! Parabéns Lula!! viva o povo brasileiro.. viva nosso Brasil!

    1. Marângela Barreto,

      Quem se emocionou agora fui eu com seu comentário. Vejo que tive uma trajetória parecida e consequentemente devo muito a este nosso maravilhoso presidente.

      Portanto temos obrigação de presentiá-lo neste dia 31 elegendo sua candidata, sem mado de ser feliz.

      Viva o Brasil!

  18. Prezado Ricardo, Boa tarde…

    Me emociono só de pensar naquele dia inesquecível para o Brasil e este seu relato íntimo, dos momentos daquela memorável campanha, apenas potencializa uma sensação que me acompanhou durante cada dia destes últimos 8 anos; se algum dia fiz alguma coisa certa na minha vida, foi ter ajudado, com meu voto, a eleger Lula em 2.002 e 2.006.

    É um brasileiro que nos lidera e nos governa mirando este Brasil tão grande e tão desequilibrado socialmente do lugar certo, de baixo prá cima.

    É por isso – o ângulo de visão ao governar – que também votarei Dilma. Uma mulher forte, corajosa e competente que tem tudo para dar sequência ao estupendo trabalho feito por Lula.

    Abraços, Ricardo.

  19. Ricardo,

    Este episódio me chamou muito atenção primeiro pela coincidencia de ter ganho a eleição no dia de seus aniversário. Presentão de Deus a ele e para nós.
    O segundo foi a porrada nas costas do baixinho para ver se caia a ficha. Ao ler seu livro estas são uma das tantas passagens que me recordo passagens estas que fazem parte da história do Brasil que quase ninguém conhece, pois nos são vetados os bastidores, os momentos finais de cada candidato no contar dos votos.
    Bom, meu feliz aniversário eu dei ontem neste blog ao Lula.
    Hoje, falar algo seria redundante pois o carinho e apreço que tenho por este agora mais do que antes senhor da terceira idade é grande, é maior do que a sua propria governança pois ele é o Marco Antonio de nossa terra. Vini Vidi Vici.
    Estamos no final. Estamos noo ultimos minutos do segundo tempo prontos a soltar os fogos seja fogos de lá ou de cá, mas soltaremos fogos pois somos brasileiros e desejaeremos a qualquer um que se eleja boa sorte e muito respeito copm o que foi feito, o que esta para terminar e o que irá fazer.
    Seja quem for, continuaremos sendo as mesmas pessoas que trabalham, lutam no dia a dia, que pegamos onibus lotados, engarrafamentos oméritos, em fim somos cidadãos comuns na esperança colocado naquela pessoa que estará do lado de cima da rampa a nos dirigir, a governar nosso dia a dia, nosso futuro.
    Aí sim , saberemos o quanto fomos imbecis ou auspiciosos.

  20. Kotsho, parece que começa a bater a euforia.
    Pelos primeiros comentários de teu belo post, teus leitores já se preparam para a festa.
    E estou achando que o outro lado entregou a rapadura, a começar por certos e-mails que de uma hora para outra deixaram de poluir minha caixa de mensagens.
    Uma boa tarde Kotscho!
    Aqui no Oeste do Paraná, a cada minuto a nossa tarde ensolarada parece mais bela.

  21. Caro RK.
    Agora à pouco eu estava assistindo um vídeo com sua entrevista (no portal Terra) quando aos dois minutos, mais ou menos, saiu do ar. Voltei à página inicial e não encontrei mais o link para o vídeo. Sabe de algo sobre essa “falha”?
    Se não for pedir muito, coloque o vídeo aqui, para que possamos assistir.
    Abs.

  22. RK:
    Hoje, durante o governo Lula muitas pessoas começaram a vislumbrar uma luz no fim do túnel para tentar a busca de um viver melhor, digo a busca de um lugar ao sol. Por intermédio de ações de seu governo, foi introduzida e aprofundada a reflexão, fazendo as pessoas se sentirem parte da sociedade e restaurando o sentimento de cidadania.
    Por isso parabéns pelo homem que tu és, pelas atitudes implantadas e pelo seu aniversário.

  23. Caro Kotscho,

    já ouvi de dois amigos e li na internet um depoimento de Marilena Chauí, de que este comício do PSDB no centro de São Paulo no dia 29 é uma armação para culpar o PT. Parece que estão preparando uma cena de violência a ser realizada por pessoas trajadas com camisas vermelhas.
    Acho isto extremamente perigoso para a democracia brasileira e para a candidata Dilma.
    Sugiro que você comente antecipadamente esta provocação para que esteja todo mundo alerta e o povo não caia nesta armadilha de se revoltar contra o PT.

    Um abraço.

    1. Rogerio, ao meu ver cabe a campanha da Dilma, solicitar da PF no sentido de colocar agentes devidamente fardados com máquinas e equipamentos para filmagens e gravações de imagens e audios e caso apareçam essas pessoas trajando camisas vermelhas com nº 13 serem identificados e retirados ou levados para prestarem depoimentos dos motivos e suas reais identificações.

  24. Caro Kotscho,

    Parabéns mais uma vez pelas palavras. É emocionante ler seu relato e ir lembrando o que estávamos fazendo naquele instante, onde estávamos, com quem, e o que aquela vitória significava naquele momento e o que iria significar depois da posse, em 2003.

    Hoje vemos o resultado, com 83% dos brasileiros felizes com seu presidente. E podemos suspirar aliviados, felizes, porque aquele sonho foi possível, porque areditamos que um país diferente seria possível e que um mundo melhor seria possível.

    Parabéns Kotscho!
    Parabéns Presidente Lula!

    Fraternalmente,

    Ricardo Zerbinato

  25. Pode ser tudo, pode não ser nada, mas não custa ficar atento. Um advogado de Curitiba foi avisado agora à tarde, por telefone, que seu cartão do Banco do Brasil havia sido clonado e teriam sido feitas duas transferências de 1000 e 2000 reais para uma conta do PT. A pessoa que ligou, se passando por funcionário do BB, informou também que, por conta da fraude, o cartão havia sido bloqueado. O sujeito saiu desesperado e foi à sua agência, onde ficou sabendo que fora vítima de um trote. No celular, o registro foi de “ligação/número confidencial”. Pode ser tudo, pode não ser nada, mas não custa ficar atento.

  26. Caro Kotscho

    Emocionante o teu belo relato sobre aquele dia. Outros aqui já contaram onde estavam e como receberam aquela notícia da vitória do Lula que estava engasgada na garganta por 13 ANOS !!! ( de 1989 a 2002 ) E aconteceu exatamente no dia do aniversário do nosso Presidente do Povo !!! É ou não é uma conjunção de detalhes concebida, alinhavada e presenteada pelo nosso principal conterrâneo, “ou seja”,…DEUS !!! ELE quis que fosse assim !!!
    Me lembro bem desse dia, estávamos no nosso Comitê aqui na Zona norte de São Paulo quando a tua filha Mariana anunciou o resultado da boca de urna. FOI UMA EXPLOSÃO DE ALEGRIA !!! Nos abraçamos todos, pulávamos e cantávamos como crianças. Saímos para a rua e fechamos o trânsito e não tinha um motorista que reclamasse !!! Todos pediam uma “estrelinha” do PT para guardar na lembrança e no peito aquele momento histórico. Saímos de lá e fomos a pé marchando até a Av. Luis Dumont Villares ( a mesma onde comemoramos o 2° aniversário do Balaio ). Ali nos aguardava um Trio Elétrico ( vermelho é claro ) para a grande festa. Fechamos aquela avenida também tamanha a quantidade de gente que vinha de toda parte da nossa região. Ao som da musica “Festa” da Ivete Sangalo e dos jingles de campanha fizemos uma das mais memoráveis comemorações já vista na Zona Norte, berço da “direita”, a mais conservadora região da mais conservadora cidade do Brasil !!! Era como se nos “vingássemos” do ódio e do “medo” distribuindo o amor !!! Foi a vitória da esperança !!! Foi a vitória do Lula !!!
    Depois de bebermos até as “tampas” fomos para a Av. Paulista em carreata. Chegando lá outra festa extraordinária se desenrolava. Fiquei com a minha família, mulher, filhas, cunhadas e cunhados junto com tantos amigos e companheiros atrás do caminhão de som onde tocava o grupo baiano “Asa de Águia” responsável pelo jingle oficial daquela campanha:

    “Não dá pra apagar o sonho…não dá pra parar o tempo
    Não dá pra contar estrelas …que brilham no firmamento
    Não dá pra parar o rio…quando ele corre pro mar
    Não dá pra calar o Brasil…quando ele quer cantar

    Bote essa estrela no peito
    Não tenha medo ou pudor
    Agora eu quero voce
    Te ver torcendo a favor
    A favor do que é direito,,,da decência que restou
    A favor de um povo pobre…mas nobre trabalhador
    É o desejo dessa gente querer um Brasil mais decente
    Ter direito a esperança e uma vida diferente…

    É só voce querer…que amanhã assim será
    Bote fé e diga Lula, bote fé e diga Lula…EU QUERO LULA !!!”

    A Av. Paulista estava fechada e era uma festa só e a melhor imagem que guardo do dia foi a da minha filha Julia. Ela tinha 3 anos e cansadinha junto com o meu sobrinho de 5 anos, se enrolaram em uma bandeira e dormiram no meio da avenida com todo aquele barulho !!! Não tenho foto mas aquela imagem das crianças dormindo no chão da mais movimentada avenida do país acolchoadas por materiais de campanha em uma caminha improvisada é difícil de descrever !!! Era como se esperassem tranquilas pelo futuro promissor que viria com certeza !!! Isso é tudo que os pais desejam para os seus filhos !!! Que o futuro deles seja sempre melhor, mais rico e com mais oportunidades do que o nosso !!!
    Já passava da meia noite quando o Presidente Eleito Lula chegou no palanque montado em frente a Cásper Líbero. O mar de bandeiras era impressionante !!! Havia lágrimas nos rostos de todos nós !!! Havia Fé !!! Havia Certezas !!! Havia ESPERANÇA como “nunca antes na história desse país !!!
    Nem deu para ouvir direito o que disse ali naquele momento o nosso Presidente, eu abraça a minha esposa de forma apertada, a gente chorava muito de felicidade e nesse instante A JÚLIA ACORDOU !!!
    E O BRASIL TAMBÉM !!!

    Kotscho …
    Eu não sei o que oferecer de presente ao nosso Presidente que possa se equivaler ao futuro que ele nos presenteou mas posso entrar no clima dos nosso irmãos de Fortaleza e me somar a eles gritando:
    SERRA NÃO, MAMÃE !!!

    DOMINGO TEM MAIS !!!

    1. Caro Enio Barroso,

      Que lindo relato! Que balaio gostoso!!!

      Emocionante. Farei meus comentários sobre aquele dia inesquecível nas nossas vidas.

      Fraternalmente,

      Ricardo Zerbinato

  27. O Grande ato do governo LULA nao foi so a administaçao do pais pensando nos pobres mais sim FAZER O POVO ACREDITAR EM SI MESMO FAZER O POVO SE ORGULHAR DE SER BRASILEIRO FAZER O POVO LEVAR TAR A CABEÇA E DIZER PRA O MUNDO QUE O BRASIL E MUIOTO MAIOR
    ABRAÇOS

  28. Há exatos 65 anos, em 27 de outubro de 1945, no interior de Pernambuco nascia um homem que mudaria a história de um país que chegou destroçado aos primórdios do século XXI. Luiz Inácio da Silva, que mais tarde teria o hipocorístico “Lula” acrescido ao nome, chega à data de hoje nas asas de uma trajetória de vida na qual poucos acreditariam se o nosso presidente não tivesse se tornado o brasileiro mais famoso da história, ao lado de Pelé.

    Este blogueiro não hesita em confessar a sua admiração por esse homem. E nem tanto por sua impressionante trajetória, mas por um feito que ele logrou perpetuar na história e que muitos outros poderiam ter logrado, bastando que, como fez o filho mais ilustre de Garunhuns (ou de Caetés), tivessem simplesmente governado para todos.

    O feito de sair da tragédia social em que foi gerado para se tornar presidente da República é emocionante, é impressionante, mas nem se compara ao desprendimento de Lula de ter sofrido tudo o que sofreu nas mãos da alucinada elite brasileira quando teria sido tão mais fácil governar para poucos e sair do poder exaltado pela mídia como aconteceu – e continua acontecendo – com Fernando Henrique Cardoso.

    Por essa abnegação, nutro por Lula um respeito e um carinho que lamentavelmente jamais pude expressar ao próprio e que certamente jamais poderei, pois há muitos em seu entorno mais merecedores de tal honraria, além de a fila dos candidatos comuns como eu mesmo a tal outorga ser tão extensa que, para concedê-la a todos, nosso presidente teria que viver várias vidas.

    Hoje é o aniversário de Lula, do ser humano vivo que mais admiro. Quero tanto presenteá-lo, mas não saberia o que dar a um homem para quem a vida deu tudo depois de privá-lo de tanto em seus primeiros anos. Então decidi escrever um texto que ele jamais lerá, mas que ficará imortalizado na internet para que um dia, num futuro distante, os estudiosos de nossa época saibam o quanto aquele lendário líder político foi amado por seu povo.

    Parabéns, presidente Lula. Muitas felicidades e muitos anos de vida a V. Excia. São os votos de Eduardo Guimarães e família.

    1. Não sei se nosso querido presidente irá ler, mas sei que admiro muito essa sua carta e gostaria de ter sua autorização para colocá-la em meu okrut.

  29. Ricardo,

    Eu tava com minha mãe em casa vendo o Real Madrid jogar na tv e choramos muito quando saiu o resultado e tivemos que esperar até mais tarde pra confirmar os resultados oficiais…
    a boca de urna desde a eleição da Erundina me faz não acreditar nela…

    Grande Parabéns pra o Lula !!!!

  30. Parabéns presidente Lula pelo seu aniversário. A vida é feita de paradigmas, e voce foi e é um deles. Mostrou não só ao Brasil, mas ao mundo, que não só os letrados são capazes de feitos maiores. Parabéns por ter proporcionado a inúmeros brasileiros uma vida mais digna. Seus antecessores podiam ter feito, mas não o fizeram, preferiram governar só para as elites e hoje estão desesperados porque perderam a chance. Que Deus ilumine nosso Brasil, e que , seja lá quem for o nosso novo presidente( particularmente eu prefiro a Dilma), ele baseado nos erros e nos acertos desse passado recente, governe para todos os brasileiros, e faça o melhor para seu povo.

  31. Sempre venho ao Balaio prá me nutrir, como já escrevi noutro comentário de dias anteriores, porém hj não foram as palavras de Kostcho que me nutriram e sim as do senhor Eduardo Guimarães que me envolveram em tal emoção difícil de definir, porém quero agradecer a ele o discernimento de escrever sobre nosso presidente Lula. Somente acresentaria que esse homem ao qual nos despedimos após 8 anos de governo, além de ter recriado o Brasil nos ensinou a maior lição cristã que é: – amar ao próximo como a nós mesmos. – Presidente Lula obrigado!

  32. Sou um luso brasileiro que adora este país, aqui constitui família.
    Politicamente sou eleitor do PT desde a sua fundação.
    O lider barbudo me transmitia confiança, sinceridade em tudo que expunha, a defesa das classes operárias, dos humildes, dos sem esperança, dos pobres em geral, não era demagogia.
    Após várias tentativas me via frustrado pela não eleição do Lula, mas nunca desisti, simplesmente porque o Lula tb não desistia.
    Quando chegou o dia 27 com a sua eleição, custou-me a acreditar que foi possível. O Lula naquele momento que vc lhe deu um tapão nas costas, deve ter pensado, Não posso decepecionar este povo que confiou em mim.
    Fui um dos milhões que confiaram e hoje colhemos os frutos por termos elegido o maior presidente que este país já teve.
    Dia 31 vamos enverter os números e votar Dilma 1 3.

  33. Caro Kotscho,

    Naquele dia trabalhei o dia inteiro dentro de uma escola, fazendo aquele trabalho militante de fiscalização do processo eleitoral – como faço em todas as eleições.

    Assim que os portões se fecharam, mesmo antes de ouvirmos as primeiras pesquisas de boca de urna, sabíamos que seria um dia diferente. Eu e minha esposa, Fernanda, deixamos nossa filha, Isabel, com então 2 aninhos, na casa da madrinha dela, e fomos direto para a Avenida Paulista.

    Tinha que ser lá, porque tinha que ser num lugar espaçoso, porque o que tínhamos de gritos engasgados, que, ao serem soltos, poderiam ecoar para todos os cantos do mundo.

    Foi emocionante encontrar tanta gente, que vinha de diferentes lugares da cidade, ou mesmo das cidades da Grande São Paulo – como nós, de Guarulhos.

    E aquele dia era diferente, pois sabíamos que tudo aquilo que esperamos desde as eleições de 1989 e que não havíamos perdido aquele sonho, de um país diferente, estaria para se realizar.

    Era muito engraçado ver a emoção e a alegria no rosto de cada um. Mesmo não se conhecendo, as pessoas se abraçavam e se cumprimentavam como verdadeiros irmãos. Eu nunca mais esquecerei aquele dia!

    Obrigado Presidente Lula, por proporcionar esse sentimento. Obrigado Presidente Lula, por não nos ter decepcionado. Você sempre mereceu e sempre merecerá nosso voto e nosso respeito!

    Fraternalmente,

    Ricardo Zerbinato

  34. Parabens pra voce!!!!
    Nesta data querida!!!
    Muitas felicidades!!!
    Muitos votos pra Dilma!!!
    E pro Lula, nada!!!
    É tudo!!! É tudo!!!

    Então como é que é?
    É pique, é pique!!!
    É pique, é pique, é pique, é pique!!!
    ….

    Pro Serra nada…
    Pra Dilma tudo!!!

  35. Eu tinha 9 anos e estava em São Carlos, cidade que moro. A praça central da cidade foi tomada pelos militantes petistas, um mar vermelho. Muita emoção. Foi a primeira eleição q vi. Domingo, espero repetir a dose pela 3 vez. É DILMA!!!!

  36. Estava em casa, com os olhos na tv e o coração na mão. Chorei feito doida, lembrando da luta pra fundar e manter o PT na Bahia no início dessa grande história e, particularmente me veio à lembrança o Sr. Nadras Targilene – Seu Nardinho – , um senhor de 70 anos, morador do à época (1981), povoado de Teixeira de Freitas. Seu Nardinho tinha uma perna mecânica e conseguia pedalar uma velha bicicleta. Eu o acompanhava, rua acima, rua abaixo, filiando gente, acreditando nos sonhos…

  37. KOTSCHO: Vejo que os jovens não vivenciaram e os mais velhos que se esqueceram como as coisas eram antigamente, no governo do PSDB. Essa apresentação mostra de forma didática como a corrupção vem sendo tratada de forma hipócrita pela campanha do PSDB por tudo que aconteceu quando estavam na presidência. Vale a pena ver, é quase um dever cívico antes das eleições: http://migre.me/1KzJw

  38. Estava na frente da TV, foi uma explosão de alegria!!!!!!!!! E nesse dia fui dormir com a alma leve, e aguardando ansiosa o dia 01/01/2003 e lá estava eu na Esplanada dos Ministérios (moro em Brasilia), aguardando o Lula atravessar aquele mar de gente, e quando ele apontou cercado pelos dragões da Independência foi o momento mais lindo que eu já vivi. (até hoje guardo a camiseta com uma estrela vermelha enorme atravessada pela faixa da presidencia – com a a frase ” Eu Fui” ). Parabéns, Presidente tu é amado pelo teu povo!

  39. Eu estava na sala do apartamento em que morava na época, com um casal amigo. Esse amigo, inclusive, já morreu. Lembro dos fogos, da reação das pessoas, do buzinaço que vinha da Av. Prestes Maia, a rua onde o Lula mora aqui em São Bernardo, há poucas quadras do prédio onde eu morava.
    Mas eu lembro que eu chorei quando ouvi, naquela noite, um depoimento da dona Marisa, dizendo que ela tinha costurado a primeira bandeira do PT, e que passava de casa em casa explicando para as donas de casa o que era o partido, se podiam colaborar em alguma coisa, etc.
    Nunca vou esquecer esse dia.

  40. – Óbvio no sentido literal da palavra é tudo aquilo evidente ou claro por natureza. Que você não necessita, portanto, de mostrar ou apresentar provas por ser tão claro ou nítido. Simplesmente.

    O Lula vai além do óbvio.

    Eu acredito que se não tivesse nascido e existido o Lula, eles (da burguesia), com certeza teriam inventado outro igualzinho o Lula – que até as crianças o conhece e o identifica em qualquer lugar.

    Os grandes homens da humanidade sempre tiveram uma visão voltada para o futuro. Para o bem do próximo ou das futuras gerações. Foi esta a sua maior marca que lhe aproxima das pessoas comuns. Porque comum você também o é.

    Parabéns, Lula, pelo seu aniversário. E, também, para a sua famíla que lhe amparou dando-lhe força e incentivo suficientes nos momentos mais sofridos desta longa caminhada sabendo e confiando da certeza desta alegre chegada.

    Essa vitória não é só sua; também é nossa. É do povo brasileiro – que confiou na sua experiência e sabedoria – humildade e inteligência de um simples nordestino. Todos nós estamos certos que melhores dias certamente virão.

    Obrigado.

  41. Eu estava em casa recebendo amigos e familiares pois dia 27 tb é meu anivesário mais após o resultados fomos para o marco zero no Recife antigo comemorar até de manhã

  42. Kotsho,

    Lembro bem, dessa data, eu e minha mãe estavamos em casa assistindo Tv na sala, nessa epoca eu era solteiro ainda e tinha a um ano perdido meu pai, esse tambem retirante nordestino, membro dos primordios do sindicato do metarlurgicos do ABC, e na hora eu e minha Mãe choramos muito , me lembrei dos meus tempos de criança e do comicios no estadio da Vila euclides e igreja da Matriz de SBC que meu pai me levava, e aos 5 anos nessa epoca a capacidade de liderança do Lula, ja me impressionava , guardo essa visão ja a mais de 30 anos, esse homem mereçe ….e ta pra Politica como o Pele pro Futebol….que Deus o ilumine…..com certeza o meu velho pai, onde estiver, deve estar muito orgulhoso desses ultimos 8 anos do Brasil!!!!!!

  43. Ricardo, Enio, Everaldo, só mesmo Lula pra encerrar com chave de ouro seu magnifico governo.

    O “Ficha Limpa” está valendo. Estamos livres dos “malas”.

    Domingo é so ratificar essas conquistas votando na Dilma pra continuarmos no rumo da tão sonhada da Justica Social.

    Dilma vai dar continuidade e concluir o belo trabalho de Lula.

    Parabens, Presidente Lula.

    Viva, Dilma.

    Salve, povo brasileiro.

  44. Querido Kotscho, neste dia lembro de ter acompanhado um amigo na votação e mais nada! rsrsrs No dia seguinte, foi aquela festa no colégio, todos com muita esperança no Lula e naquele novo Brasil q surgia. Os professores eram os mais entusiamados! Nos contaram emocionados o quanto esperaram por aquela vitória.
    Espero no domingo ajudar a eleger Dilma presidanta do Brasil!
    Um abraço!

  45. Ricardo, a questão central é focar na decisão do judiciário que permitiu a esses candidatos com ficha suja serem votados, agora a sua cassação equivale a mesma essencia do AI 5.
    Nossa conversa é outra, pois fico inconformado com o comportamento perdulário e inescrupuloso da Folha de São Paulo em quer ter acesso ao prontuário da Dilma arquivado nos porões da ditadura para usar nessa campanha eleitoral ” Folha de S. Paulo vive de rabo preso com o passado
    Qual pode ser o interesse da empresa Folha de São Paulo em colocar suas mãos no prontuário de Dilma Roussef, guardado no Supremo Tribunal Militar? Boa coisa não é. A Folha, que deu carros para o DOI-CODI (Operação Bandeirante) armar ciladas e para transportar presos políticos para longas sessões de torturas não tem boas intenções. Essa empresa já publicou uma “ficha da Dilma” forjada pelos torturadores abrigados e escondidos em sites e blogs de difamação e insulto à democracia. Será que tem mais dessas “fichas da Dilma” para apresentar em seu currículo político? O artigo é de Ivan Seixas.
    Ivan Seixas
    Sempre suspeita, Folha vive de rabo preso com o passado.

    Qual pode ser o interesse da empresa Folha de São Paulo em colocar suas mãos no prontuário de Dilma Roussef, guardado no Supremo Tribunal Militar? Boa coisa não é.

    A Folha, que deu carros para o DOI-CODI (Operação Bandeirante) armar ciladas e para transportar presos políticos para longas sessões de torturas não tem boas intenções. Ela financiou e se beneficiou com a ditadura e acha que aquilo tudo foi uma “ditabranda”.

    Como acreditar em algo que parta dessa empresa que cedeu um de seus jornais para o mesmo DOI-CODI usar como panfleto em defesa de seus assassinatos?

    Essa empresa e essa família foram protegidas pelo DOPS, que colocou o Delegado Roberto Ward como seu segurança particular, quando a esquerda queimou carros de entrega de jornais (aqueles carros que armavam ciladas e transportavam presos para torturas) como alerta de que a colaboração com os assassinos do DOI-CODI havia sido detectada. Seus interesses nunca foram os da sociedade brasileira.

    E agora essa empresa, que nunca pediu desculpas pelo trabalho sujo que prestou aos torturadores, faz um cavalo de batalha para ter o “direito” de colocar suas mãos na ficha da candidata Dilma Roussef, às vésperas da votação do segundo turno da eleição presidencial. Nunca apoiou a abertura dos arquivos da repressão militar e agora fala em liberdade de imprensa? Muito suspeito.

    Essa empresa já publicou uma “ficha da Dilma” forjada pelos torturadores abrigados e escondidos em sites e blogs de difamação e insulto à democracia. Será que tem mais dessas “fichas da Dilma” para apresentar em seu currículo político?

    Ou talvez, produzirá alguma matéria com “a intenção de planejar o seqüestro” de alguma figura do passado ainda atuante como fez com a suposta intenção de seqüestro de Delfim Neto. Esse é seu estilo. Pegar uma possibilidade e transformá-la em matéria sensacionalista. Sempre a serviço de alguma manobra não explicitada.

    O Supremo Tribunal Militar mantém sua posição republicana de não beneficiar ardis eleitorais em benefício ou em detrimento de quem quer que seja. A empresa Folha de São Paulo não comunga de ideais democráticos e republicanos quando insiste abertura seletiva da “ficha da Dilma”. Claro que há segundas intenções nessa manobra oportunista. Pode ser “apenas” vender jornais, mas pode ser algo mais sujo. Como ceder carros para torturadores, ceder um de seus jornais para esses mesmos carrascos, divulgar documentos forjados, defender a ditadura como se fosse dita branda ou …

    Irremediavelmente, a empresa dos Frias está de rabo preso com seu passado sórdido. A gente até que tenta ajudar na atualização da empresa, mas ela não quer.

    (*) Integrante da Comissão de Familiares de Mortos e Desaparecidos Políticos, filho de Joaquim Alencar de Seixas, militante do Movimento Revolucionário Tiradentes (MRT) morto em 17/04/1971. Ivan Seixas foi preso pela Operação Bandeirantes, em São Paulo, em abril de 1971, aos 16 anos de idade, junto com seu pai, o metalúrgico Joaquim Seixas. Os dois foram torturados na Oban. Ivan é jornalista e coordenador do primeiro fórum de presos e perseguidos políticos de SP”.

  46. Parabéns para você, Lula!

    Que provou, de uma vez por todas, que o Brasil pode crescer gerando empregos e renda e, ao mesmo tempo, manter em ordem os fundamentos da economia.

    Parabéns para você, Lula!

    Que provou, de uma vez por todas, que empresas como a Petrobras e o BB não precisam ser privatizadas para se tornarem mais eficientes e lucrativas.

    Parabéns para você, Lula!

    Que com as políticas sociais e de geração de empregos e renda adotadas em seu governo, libertou 20 milhões de brasileiros da miséria e elevou outros 32 milhões à classe média.

    Parabéns para você, Lula!

    Que com sua visão menos financeira e mais social da economia, permitiu ao Brasil ser um dos últimos a entrar e um dos primeiros a sair da maior crise econômica e financeira global desde 1929, que atingiu em cheio os países ricos – diferentemente do Brasil de outrora, que desmoronava ao primeiro sinal de crise em um país emergente qualquer.

    Parabéns para você, Lula!

    Que fez do “Fora FMI” de outrora uma realidade, ao fazer o Brasil passar de devedor a credor do fundo.

    Parabéns para você, Lula!

    Que fez o Brasil abandonar sua tradicional submissão aos EUA e à Europa para ver e ser visto, ouvir e ser ouvido Mundo afora, tanto pelos grandes quanto pelos pequenos.

    Parabéns para você, Lula!

    Que provou, de uma vez por todas, que um metalúrgico com pouca instrução formal pode fazer mais e melhor pelo Brasil do que os graduados e pós-graduados que o antecederam.

    Parabéns para você, Lula!

    Que o Brasil retribua tudo o que você fez por ele nestes últimos oito anos e lhe presenteie elegendo Dilma sua sucessora.

  47. Caro Ricardo.
    Lembro muito bem desta campanha , pois aqui na minha cidade éramos muito poucos os que acreditavam que o Lula é do bem. Lembro também que tivemos muita , mas muita dificuldade para conseguir até material de propaganda. O único adesivo que consegui eu cuidava até na hora de lavar o carro para que não estragasse , pois era uma relíquia. Meus amigos , amigas e família me pressionavam o tempo todo com medo do que viria.Na hora que saiu o resultado , eu recebi vários telefonemas perguntando “e agora ? “Eu respondia que podia acreditar que daria certo.E deu , este homem foi além das minhas espectativas. Hoje quendo peço votos para a Dilma, muitos me falam : vou acreditar de novo heim!!!!.
    As vezes ele fala muito, exagera nas metáforas , mas acredite: LULA ME EMOCIONA .

  48. Lembro-me que naquele dia eu estava na casa de alguns amigos,onde tinha ido pra um churrasco.Confesso que fiquei bastante satisfeito,feliz mesmo,com o resultado.Lembro-me de ter aberto uma cerveja naquele momento,num humilde brinde com meus amigos,e,lembro-me ainda que fizemos,todos juntos,um pedido:
    “Que ele saiba governar,e que cumpra o que prometeu”.
    O resultado está aí.Espero sinceramente que ele mesmo volte ao Palácio do Planalto um dia.

  49. Na minha opinião o Supremo Tribunal teria que ter 15 juizes de carreira.
    Onze seriam sorteados para julgar os processos.
    Da forma que esta, mesmo com onze, é fácil saber
    o final por que é conhecida a linha de raciocínio de cada juiz.
    O sorteio iria alternar mais os resultados.
    Permanecendo como esta um juiz so poderia se aposentar
    depois que fosse nomeado outro para a sua vaga.
    Não da para aceitar um tribunal, tão importante para a vida da nação,
    empatando todo dia.
    Também não da para aceitar um pau mandado para desempatar.

  50. É interessante essa relação que a gente tem com as pessoas.
    Eu nunca vi o Lula de perto.
    Desde da data que o Lula apareceu no ABC ele atrai a minha simpatia.
    Comprei discussões comprei brigas para defender o Lula.

    Outra pessoa interessante é a Dilma.
    Mesmo sem o apoio do Lula ela teria o meu voto.
    Engana-se o Serra quando faz critica a Dilma.
    Ela por si so, por sua historia de luta, convence.
    É obvio que o Lula agregou valores, mas ela não é um poste,
    ela é um farol, um farol com luz própria.

  51. Eu estava trabalhado esse dia, ajudando na cobertura das eleições pelo Portal Terra. Lembro de ver esse mesmo anúncio ao lado de alguns colegas, em uma televisão da redação. Fiquei muito emocionado (sou meio mantegão mesmo…) e, pela primeira vez, me senti, de fato, no poder. Via, e vejo ainda, no barbudo um cara parecido comigo. Simples e do povo, com muito orgulho.

    De noite, sozinho na minha casa, assistindo ao discurso da vitória feito na Paulista, senti um certo receio dizendo assim “cara, será que ele vai dar conta? O que eu fiz?”. Lembro de rezar para que ele não nos decepcionasse.

    Hoje, oito anos mais tarde, o Lula fez melhor do que eu esperava, apesar dos percalços do caminho. Se Deus me ouviu ou não, por não precisar, não sei. Só sei que, na minha opinião, tenho muito, mas muito mais a agradecer ao nosso, de fato, presidente do que a reclamar.

    Abraços!

  52. Infelizmente, lembro-me vagamente, corroborando a máxima de que o Brasil é um País sem memória. O que com certeza posso afirmar é que eu e meu irmão fomos votar juntos, por volta do meio dia, pois votamos na mesma seção e esse horário é um dos melhores. Regressamos e colamos junto a televisão aguardando o resultado. Tédio, esperar vendo a programação enfadonha da Globo.

    O que recordo vivamente foi de ver o resultado com minha mãe e meu irmão e de sentir o mesmo arrepio que sinto agora ao relembrar aquela data histórica. Pela primeira vez tinhamos a certeza que um dos nossos, um homem comum, que gosta de cerveja e pinga, uma homem que sentiu na pele o mesmo que a maioria dos brasileiros também sentiu ou sente, era elevado ao maior cargo da nação.

    Problemas? Enganos? Pendências? Concordo que ainda existam… mas a percepção que as coisas andam melhor não estão apenas nos relatórios da bolsa ou nas agências de risco de Wall Street. Essa percepção grita no meio das ruas, nos supermercados cheios, nos recordes de celulares vendidos, na quantidade de novos egressos nas universidades. Não precisamos de jornais para ver isso. Faça uma revisão dos seus amigos, parentes, conhecidos, aquele boy da empresa… quantos telefones trocamos sem precisar… etc.

    Enfim, do dia 27 de outubro de 2002 ficaram poucos detalhes na memória, infelizmente, mas do período que o sucedeu, acho que não o esqueceremos facilmente.

  53. Não me lembro bem de onde estava, só sei que a emoção foi muito grande. Não conseguia dormir,então escrevi um longo texto para relatar minha confiança no Lula , a qual existia desde sua candidatura a governador de São Paulo ( minha primeira eleição, primeiro voto, boca de urna, etc.) A militância era mais antiga.
    Toda a campanha das diretas-já, as campanhas para a presidência, as camisetas compradas, os desenhos do Henfil, os jingles, os sonhos e as esperanças. Está tudo lá , nesse texto. Meus filhos o lerão um dia e saberão um pouco mais do que já relatei a eles.
    Não me decepcionei.

  54. Cara,
    assim como você, no domingo, depois de votar, estava em frente à tv, esperando o resultado e se preparando para ir para a Paulista. A sensação era de alma lavada, de missão cumprida e de expectativa do que viria a ser os próximos ano. Não me decepcionei. Domingo, 31, a partir das 19h30, nos veremos novamente na Paulista.
    Até lá

  55. Estava em Paris, com uma bolsa de pesquisa. De início, foi como em julho, quando o Brasil ganhou a copa. Para quem queria estar no meio da multidão, a distância era frustrante. Mas, a frustração logo cessou. Depois de 10 meses na França, era a primeira vez que o Brasil era notícia, ou melhor, era a primeira vez que a mídia e o parisienses falavam de um Brasil que não se resumia a futebol, carnaval e mulher bonita. Isso foi legal.

  56. Desde o meu primeiro voto participei das campanhas do Lula e é engraçado pensar assim mas este ano é a primeira vez na minha vida que não vou votar nele prá Presidente!
    Tudo o que faço é com muita dedicação e como nunca tive talento prá vida partidária, nunca me filiei ao PT, apesar de envolver-me em campanhas, plano de governos e até nas gestões posteriormente.
    Pois bem, depois de 3 campanhas em que perdemos naquele ano de 2002 pela primeira vez eu não participara de nenhum ato da campanha. Entrei esse ano grávida de meu primeiro filho, que ansioso como a mãe, me fez o favor de nascer prematuro em Julho, ficando cheio de cuidados depois do tempo na UTI…por isso, a campanha acompanhei pela TV e foi na sala de casa, com meu filho mamando no meu peito, que ouvi o resultado da boca de urna. Chorei sozinha com ele, vivendo uma profunda emoção. Hoje ele tem 8 anos e foi comigo em nos atos da campanha, junto com a irmãzinha que já tem 7.
    Nesse domingo 31, vamos esperar os resultados e comemorar todos juntos, na rua, com o povo!

  57. Lembro muito bem. Fui fiscal o dia inteiro numa escola da cidade satélite do Gama, em Brasília. Mesmo cansados de lutar contra roriz e sua corja, ainda encontramos ânimo para comemorar muuuito a eleição do primeiro operário analfabeto mais lindo do mundo. Neste domingo, vou fazer a mesma fiscalização e, com a certeza do dever cumprido, vou comemorar muuuuito a vitória da primeira presidenta do Brasil

  58. eu me lembro muito bem deste dia! voltei de um casamento em BH no domingo para votar e fui para casa de amigos esperar a apuração da eleição! foi uma festa e tanto!

  59. Eu me lembro que neste dia sai de santo andre junto com minha esposa e fomos ate a paulista comemorar. E la junto com milhares de pessoas animadas, lembro de ter visto o feijó presidente dos metalurgicos de são bernardo anonimamente na multidão, mas tambem esbanjando felicidade e orgulho como todos nós.
    Hoje sabemos que toda aquela festa tinha razão de ser.

  60. 27 de outubro de 2002… tinha 22 anos, e após votar e ficar ligada na tv durante todo o dia, no início da noite fui ao aniversário de uma amiga (cuja família e amigos detestam o PT). Eu e minha família estávamos ansiosos com o resultado da pesquisa… e durante o aniversário, ficávamos acompanhando pela tv os resultados.
    Saímos do aniversário já sabendo que Lula tinha sido eleito… fomos todos comemorar numa praça aqui de Joinville. Militantes se abraçavam, choravam… não tinha como não se emocionar! Afinal de contas, depois de 3 eleições, nosso Lula estava sendo finalmente eleito!
    A primeira vez q vi Lula foi num comício em 1989, tinha 9anos… lembro q me emocionei ao vê-lo… a mesma emoção que tive 13 anos depois! E viva o 13! E viva Lula!!!

  61. Ah Kotsho!
    Esta eu lhe respondo mesmo com a memória já sendo prejudicada por causa de uma cirrose hepática, sem nenhum esforço!
    Agarrado a uma caixa de foguetes, que eu mesmo comprara e assumia a responsabilidade de soltá-los.
    Lembro-me de um vizinho que, querendo me sacanear, perguntou o que eu estava comemorandom em tom de sarcasmo.
    Respondi-lhe que estava comemorando a liberdade, a redenção, a vitória de meu país.
    Ainda em tom sarcástico me perguntou: “por quê…”?
    Sentindo que era – detesto esta frase – jogar pérolas aos porcos…
    Respondi ao estilo do meu velho pai: “daqui há alguns anos, você mesmo me dirá”.
    Hoje ele vota Lula. Vota Dilma.

  62. Eu não me lembro de quase nada, apenas que fiquei entre eufórico e de alma lavada após tantas tentativas frustradas, confesso que a partir dai comecei a sentir uma espécie de medo de ter estado errado todo aquele tempo em que defendi ferrenhamente a eleição de Lula, agora em final de governo com apenas 3% de rejeição me sinto finalmente recompensado.

  63. Já passei por muitos momentos de alegria, ser pai, ser avô,
    etc, agora, ver Lula ser eleito presidente, foi uma emoção indescritível, pois não era uma emoção pessoal, era ver um país inteiro se abraçando.
    Recebi um telefonema de uma irmã que mora em Portugal,
    ela dizia que a imensa maioria dos brasileiros que residem
    lá, estavam eufóricos.
    A lembrança mais forte que tenho é que choramos juntos.

  64. Fiquei emocionada com suas palavras. Sua história sintetiza tudo que vivemos nesses 8 anos. Só quem nasceu em berço de ouro não percebe as mudanças. Fico feliz que brasileiros como você possam ter sua dignidade reconhecida. Tomei a liberdade de escrever um e-mail para meus amigos contando seu comentário e a importância de votar Dilma.
    Abraço,
    Rosane.

  65. Kotscho, no dia em que Lula foi eleito pela primeira vez, eu só me lembro de sentir muita alegria, mas não consigo lembrar os detalhes. Detalhes, mesmo, só do dia da posse: eu chorava ao assistir, pela TV, o discurso do Lula, dizendo que a prioridade número 1 do governo era acabar com a fome no Brasil. Lembro bem de ter sentido orgulho por ver um presidente finalmente apontar essa tragédia social como o objetivo maior do governo. Infelizmente, a fome não acabou, mas milhões de brasileiros ascenderam socialmente e têm mais oportunidades para evoluir na vida. Então é por isso que amanhã estarei emocionada com o anúncio, espero!, da vitória da Dilma. Que ela prossiga melhorando consistentemente a vida dos brasileiros.

  66. Eu também faço aniversário no dia 27/10. Pela manhã, uma amiga minha surpreendeu-me trazendo um bolo todo branco e com flozinhas cor-de-rosa para que eu o comesse no café da manhã. Disse-lhe que não poderia comemorar nada enquanto não soubesse o resultado da eleição, pois desde 1989 sofria decepções após cada resultado que Lula perdia. Eu e meu marido votamos pela manhã, fomos almoçar e voltamos para casa. Ligamos a TV e o rádio e acompanhamos todos os ‘especialistas’ falando da eleição. Apareceu então o resultado da boca-de-urna e aí eu despenquei. Abracei meu marido e ambos choramos feito crianças. Abrimos uma garrafa de champanhe e comemos, finalmente, o meu bolo de aniversário.

  67. Hoje 01/11/2010, Lula o derrotou novamente. O PSDB só sabe dizer que ”criou” o real (aliás, nome dado a moéda já com intuito de transformar este país numa monarquia, tiro saído pela culatra) e perpetuar o poder. E…passou sua ”cria” desvalorizada perante ao dólar em 1 x 4, além de dívidas com o FMI (que fiscalizava peíódicamente o Banco Central, determinando o que fazer em suas operações, recebendo esses fiscais com toda pompa), oferecendo um salário mínimo miserável aos trbalhadores), dívidas estas que foram pagas no governo Lula. Não obstante, colocando-se acima da sociedade, como um ”rei”, teve a coragem de chamar os aposentados de vagabundos. Eis que hoje, o povo brasileiro sepultou esse estado de coisas que graças a Deus já é passado.

  68. QUE DIA , QUE ALEGRIA,QUE EMOÇÃO, MEU DEUS FAZER PARTE A HISTORIA NÃO É PARA QUALQUER UM, NÃO DERRUBEI UM MURO DE BERLIM, DERRUBEI UMA MURALHA DA CHINA , ERA ESSA MINHA SENSAÇÃO,SOFRI ANOS COM GOZAÇÕES, MAS O MELHOR FOI VER QUE VALEU A PENA, VALEU PRESIDENTE LULA, O ILUSTRISSIMO SENHOR LEMBRA ¨VAMOS A LUTA¨ESSE ERA NOSSO SLOGAN, COMO POSSO ESQUECER , VALEU A PENA IR A LUTA, VER QUE AQUILO QUE O SENHOR QUERIA ERA APENAS TRÊS REFEIÇÕES AO DIA AO POVO BRASILEIRO E CONSEGUIU , VMOS Á LUTA COM DILMA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *