Para inglês do COI, a "Guerra do Rio" é "insignificante"

Para inglês do COI, a "Guerra do Rio" é "insignificante"

Os trágicos acontecimentos da chamada “Guerra do Rio” no último fim de semana, em que um helicóptero da polícia foi abatido por traficantes, deixando um rastro de mortos e feridos, fez a festa da urubuzada que estava só esperando a primeira chance para sair da toca gritando: “Tá vendo? Não avisei? Olha aí o Rio que vai sediar a Olimpíada! É o fim do mundo!”

Como se fosse possível, de uma hora para outra, só porque o Rio foi eleito faz duas semanas para receber as Olimpíadas de 2016, restabelecer a paz e acabar com o poder bélico da bandidagem na eterna luta da polícia contra o crime organizado movido a tráfico de drogas e de armas nas mais de mil favelas cariocas.

Para a turma do quanto pior, pior mesmo, tanto melhor, deve ter sido uma tristeza ler a manchete da página 15 de O Globo desta terça-feira: “Membro do COI diz que episódio é insignificante”. Se eu escrevesse uma coisa dessas, seria logo chamado de nacionalista imbecil, daí para cima.

Logo abaixo do título, o dirigente inglês Craig Reedie, membro do Comitê Olímpico Internacional (COI) explica sua afirmação: ele lembrou que em Londres, um dia após a escolha para os Jogos de 2012, atentados terroristas mataram 52 pessoas.

Em entrevista ao jornal “The Independent”, Reedie lamenta o ocorrido no Rio, mas afirma que o fato era “insignificante, comparado ao que aconteceu em Londres, em 2005”.

O texto de O Globo lembra: “Em 7 de julho daquele ano, logo depois da escolha da cidade para sediar as Olimpíadas de 2012, quatro homens-bomba causaram explosões em trens, metrô e ônibus, deixando 52 pessoas mortas e cerca de 700 feridas”.

Nem por isso, que me lembre, jornalistas ingleses sairam por aí afirmando que Londres não tinha condições de segurança para abrigar uma Olimpíada.

Nós ainda temos seis anos pela frente para que os poderes públicos reassumam o controle das áreas hoje controladas por traficantes e milícias.

Sempre podemos olhar as coisas por dois lados.

A visão otimista é acreditar que o Rio tem nas responsabilidades assumidas diante do COI pelos governos federal, estadual e municipal a grande chance de ganhar esta guerra e criar as condições para viver melhor e em paz após a Olimpíada.

A dos pessimistas, é ficar repetindo daqui até 2016, a cada novo episódio de violência, que é o fim do mundo, que vai ser um vexame, que nós brasileiros não temos condições de garantir a segurança de quem vier ao Rio para competir ou assistir aos Jogos Olímpicos.

Cada um que escolha a sua. A minha é a primeira.

Em tempo:
Viajo na madrugada desta quarta-feira para Havana e só volto no domingo. Vou a passeio, a convite de um velho amigo que vai comemorar lá seu aniversário de 75 anos (não, não é o Frei Betto…).

Nos mares do Caribe, onde costuma fazer sol e calor o ano inteiro, espero me curar de uma gripe cavalar que não me larga faz mais de uma semana. Não vou levar celular nem laptop porque estava precisando mesmo de uns dias de folga. Por isso, atualização do blog e moderação de comentários vão ficar para quando eu voltar para casa.

332 thoughts on “Para inglês do COI, a "Guerra do Rio" é "insignificante"

  1. Pode até ser insignificante perante o que ocorre no mundo, mas, nós brasieliros devemos A PARTIR DE ONTEM a pelo menos controlar essa violência para recebermos nossos visitantes, turistas, dignamente, sem esse estado de coisas.

  2. Que ótimo que tem pelo menos uma pessoa a nos referenciar como bons anfitriões de uma copa e de uma olimpíada. A gente está precisando de muito pensamento positivo, de muita força e ter um é sempre melhor que não ter nenhum!

  3. Jornalista…..é triste ler sua coluna, infelizmente o IG dá destaque e acabo lendo sua manchete….Nacionalista e Idiota…como sempre.

    Viva a realidade do Rio….viva lá……..

    1. nacionalista???? eu diria partidário, pois o cupanheiro tá no poder, se fosse outro lá o cara tava é decendo o cacete no governo, mas não, agora a palavra de ordem é OTIMISMO, esqueçam o REALISMO.

    1. No mínimo deve ser de outro estado. Fora do Rio a grande maioria fala mal e da violência. Passei cinco anos em Brasília e o Entorno e a zona mais violenta do Planeta e ninguem fala nada. São Paulo é tão violento quanto o Rio, Recife, Salvador não ficam atrás, mas quando se trata do Rio a situação é caótica, e o problema do Rio foi acolher pessoas vindo principalmente do nordeste e de Minas que são os que vivem nas favelas, 23% de Minas e 57% do nordeste, espero que vc não seja de Belo Horizonte que tambem não fica nada atrás, um bando de despeitados.

      Ramalho

    2. Luiz Ramalho, seus país vieram de onde ?
      Da Inglaterra ou de Portugal ?
      saiba que esses países só mandavam para o Brasil a escória, quem sabe seus país seu país ou avós foram escória na Europa.
      Se toca rapaz, somos todos brasileiros.

  4. Insignificante? Até quando vão continuar jogando toda a sujeira para debaixo do tapete?. O Rio de Janeiro não é asseptico como mostra os meios de comunicação, (leia-se rede globo).

    1. o cara mora no jardins (bairro nobre) do lado da avenida Paulista, a kilometros de favela, sequer consegue enxergar uma da janela do apartamento dele, um dos metros quadrados mais caros do País, acha q ele vive a realidade do Rio? Ele se limita a ser OTIMISTA e chamar quem vive a realidade de urubuzada, simplesmente isso.

      APOSTO Q VAI CENSURAR

  5. Que sirva de alerta para que a união dos governos federal,estadual e municipal busquem medidas efetivas para a consolidação da paz e hamonia do Rio e seu povo não só pra copa ou olimpíadas mas pra agora e já.

    1. Nos grandes eventos sempre o governo mantém a tranquilidade na área onde o evento ocorre, usa as Forças Armadas para isso. Vemos que isso é um paliativo, quando as coisas voltam ao normal, volta também a violência. Não foi assim no PAN do Rio? Acredito que vá ser assim na Copa e nas Olimpíadas. Desse jeito abrigamos qualquer evento, só não damos um jeito no problema!

  6. Eu não vi esta reação tão grande que você viu da turma do “quanto pior melhor”, característica aliás da nossa esquerda dos anos 80, achei a repercussão normal.

    Em tempo, celular e laptop funcionariam em Havana?

    1. Tb não ví essa reação de “quanto pior melhor” achei a repercussão razoável, coerente e normal. Aliás, se a ptralhada hoje fosse oposição estaria brandando alto, pedindo “inpeachement do presidente” dizendo cobras e lagartos, exagerando, dizendo que a grana a ser gasta nas Olimpiadas seria melhor empregada na educação segurança e saúde.
      Ptralhas são assim mesmo…..
      PS; Kostcho melhor não levar seu Lap Top a Cuba, o ditador de lá pode não gostar, apesar de vc ser intimo do alli barbudo.

    2. Ok! vc tb é da turma que sofre da “sindrome do cachorro vira lata”(se não sabe o que é, joga no google).Porque não se muda pra Londres, Paris, Tokio, Viena,Zurique.

  7. Brasil de Abreu: ninguém quis dizer que é insignificante diante do que ocorre no mundo! Quis dizer que isso ocorre em todos lados, e simplesmente nem LONDRES consegue conter a violência. Acho, aliás, que vc nunca foi a Londres. Quando for, tente passear por Brixton, Streatham, e por favor, leia jornais DE BAIRRO. Vai ver quanta gente morre por bala perdida por ali.

    1. Claudia,além de esnobe vc é muito burra..seu argumento é pra lá de fraco…vai morar nas favelas do rio.Vc deve defender o colunista e o atual governo porque deve fazer parte da elite petista ou então ser filha de banqueiro. Belo comentário para uma pseudo socialista…é a cara de Lula!

    2. Claudia, moro em Londres (Chelsea) ha 4 anos, tenho amigos em Brixton, realmente, é um lugar “complicado”, agora nunca li nada sobre bala perdida nao!!! O crime mais comum em Londres é cometido com faca, fato este q fez com que as autoridades agissem e muito, ano passado. Se nao me falhe a memoria, umas 20 pessoas haviam sido mortas sob tais circunstancias em mais ou menos 6 meses, este fato “insignificante”(na visao do COI) fez a policia agir e nao esperar outros acontecerem!!! Lamentavel o q se ve nao soh no Rio, mas no Brasil!! Nao podemos nos conformar, incomparavel crimes em Londres e no Brasil. Londres nao eh a melhor cidade do mundo, mas no quesito segurança, nem discuto. Ou vc ja soube de alguem que parou no sinal e foi roubado, ou mesmo morto?? e sequestro relampago??? Sem comentarios!!!

  8. Ah, claro. Tem que morrer 52 pessoas para ser significante. Mas podemos ficar sossegados, porque nossa cidade fará acordo com os traficantes, assim como aconteceu no Pan.

  9. A urubuzada deve ter ficado desconcertada com a afirmação do inglês, principalmente os que possuem ainda o complexo de vira-lata. Sim, aqueles que acham que o Brasil não é capaz de nada, que tudo vai dar errado. vários deles estavam no domingo na TV Gazeta, naquele bate bola que não falam nada com nada. Não é que os ressentidos resolveram descer o pau no Rio e no Brasil? Principalmente o Flávio Prado que puxou o coro. Sem falar na globo, folha de são paulo, dora Kramer e outros fracassados.

    1. E você, pelo jeito, é um cara de muito sucesso. E a “urubuzada” realmente deve ter ficado muuuuito desconcertada, porque a OPINIÃO do inglês é lei.

    2. … Interessante sua opinião; só gostaria de entender exatamente o que você entende por “fracassados”… Os nomes que você cita, parecem o oposto de sua definição…

    3. Esquerdistas acabam virando FACISTAS com essa coisa de autoritarismo, culto a seu líder e demonização dos adversários.
      Vcs ptralhas repetem qualquer mantra, desde que vejam benefícios políticos nesses loas.
      O que o Ingles disse pode ser uma verdade, pode ser a verdade dele, pode não ser verdade, pode ser sómente uma afirmação babaca, pode ser tanta coisa e, vcs ptralhas já tomam como verdade absoluta.
      Mas eu afirmo com plena convicção:
      “nem todo idiota é ptralha, mas todo ptralha e idiota”
      Repita esse mantra até deixar de ser idiota…
      Gostou ?

    4. Concordo com vc Evaristo. Será inveja desse povo?E porque que os que mora aqui e denigrem mais , ainda, a imagem da cidade, não se mudam, continuam a morar aqui? Serão eles masoquistas?

  10. Seguindo esta linha, podemos então tomar sempre como base o que aconteceu nas Torres Gêmeas. Vamos cruzar os braços, pois tudo passará a ser insignificante.

  11. O Otimista e o pessimista ,isso ai daria muitas histórias ,mas em vez de ser o primeiro ou o segundo ,devemos ser o terceiro ,ou seja : Razoável ,nem tanto ao mar nem tanto a terra . A droga esta tomando conta de nossos jovens ,e com certeza ela esta substituindo algo ,que tanto pode ser a familia como a religião ,e afetividade que se perdeu com a correria ,, e no Rio de Janeiro como em outras capitais ,o problema se agrava ,e é mais triste o Lula que sempre é çum exemplo de otimista contumaz dizer que este é um problema que não se vai resolver tão cedo ,deveria ser o primeiro a se empenhar ,e já entrega o jogo assim.

    1. Não sei o por que de nossos jovens estarrem fugindo da religião. Da família até que pode ser. Com o avanço de igrejas pentecostais, tenho visto que a religiosidade está acima de todas estatísticas antes tímidas e dominadas apenas pela tradicional Igreja Tradicional Católica Romana.
      Muitos jovens estão mesmo perdendo o amor pela família quando não consegue convertê-las em suas opções de crenças dogmáticas.
      Quanto ao pessimismo e otimismo, dependendo do grau de gravidade devemos, sim, conformarmos que certas mudanças de comportamnetos sociais levam tempo para entrar na reta. O Lula está certíssimo. Ser otimista porém consciente das dificuldades que encontramos.

  12. ” Nós ainda temos seis anos pela frente para que os poderes públicos reassumam o controle das áreas hoje controladas por traficantes e milícias. ”

    Tsc tsc tsc… argumento bastante simplista. Nós tivemos 30 anos para fazer alguma coisa e não fizemos nada, será que vamos conseguir fazer algo em 6 ?

    Ser otimista é uma coisa, fechar os olhos e ficar torcendo por uma melhora repentina é outra. Vamos torcer para o Batmam sair de Gotan e tirar férias no Rio, seria um bom reforço.

    Vale lembra um detalhe, 24 pesoas morreram NESSA “guerra”… quantas centenas morreram ao longo desse ano?

    Tenho certeza que somos capazes de sediar uma Olimpíada, acredito nisso, mas fechar os olhos e e criticar os “antis-coi” é fugir de um assunto sério e mascaras um problema.

    P.S: O Rio investiu SÓ 24% da verba de segurança esse ano.

    1. Caro Marco,

      Aqui no Rio já apareceu um BATMAN. Ele é o chefe da milícia apelidada de “Liga da Justiça”.

      Nosso BATMAN não está em Gotham City, mas se encontra preso em Catanduvas-PR, condenado a 9 anos de prisão.

      A Liga da Justiça, foi fundada pelo ex-deputado estadual do DEM Natalino Guimarães e seu irmão Jerominho, vereador do RIo, pelo PMDB.

      Como você pode ver, longe de ser a solução o BATMAN é mais um problema de segurança pública a ser resolvido no Rio.

  13. Temos que sermos otimistas. Jamais o Estado Brasileiro vai permitir que a bandidagem assuma o comando do Estado de direito. O tratamento dispensados a eles tem que ser bem mais intenso do que suas próprias mazelas causadas. Bandido é bandido e tem que ser tratado como tal.

  14. “Tá vendo? Não avisei? Olha aí o Rio que vai sediar a Olimpíada! É o fim do mundo!”

    Eles gostam de uma festinha, mas botar ordem na casa é algo visto como anti-patriota, não, não vamos criticar né, tá bom pra caramba pois os gringos vão encher o … deles de dinheiro, mantenham o Status Quo…até o dia que os bandidos chegarem no traseiro de vocês aí quero ver vcs ficarem aí argumentando a relatividade da menstruação da barata.

  15. NÃO SEI QUANTO AOS OUTROS, MAS EU NÃO ACHO INSIGNIFICANTE A MORTE DE MAIS DE 20 PESSOAS – PARA ESSE SR. PODE SÊR ; NÃO TINHA NINGUÉM DA FAMILIA DELE , DIGAM ISSO AOS PAIS DOS TRES JOVENS QUE MORRERAM SEM SABER O QUE ESTAVA ACONTECENDO – POUCO ME IMPORTA ONDE SEJA A OLIMPIADA, ATÉ PORQUE NOSSA PARTICIPAÇÃO COM RARISSIMAS EXCESSÕES É MEDIOCRE – NÃO IMPORTA SE TEREMOS COPA DO MUNDO – OLIMPIADA – CARNAVAL OU SEJA LÁ O EVENTO QUE FOR – PARA NÓS BRASILEIROS ISSO NÃO PODE SER INSIGNIFICANTE – TEMOS QUE COBRAR DOS GOVERNANTES- E NEM INTERESSA O PARTIDO – QUE SE EMPENHEM EM DAR SEGURANÇA AOS NOSSO FILHOS P/ QUE ESTEM POSSAM TER SEUS FILHOS(NOSSOS NETOS) NUM PAÍS MELHOR. – E QUE O INGLES FIQUE COM SUA INSIGNIFICANCIA P/ ELE.

  16. É triste Sr Ricardo como o sr comenta o epsódio no Rio….levando para o lado político como sempre….os policiais foram mortos covardemente…nehuma palavra de sentimento ,nem de indignação…..realmente a morte está banalizada……viva o rio, viva o sérgio,viva o lula, viva esta grande farsa…..

    1. …infelizmente ele não leva as coisas a sério. Toma posição político-partidária indiscriminadamente sobre qualquer coisa. Perdeu totalmente o senso de crítica

  17. Todos nos estamos sempre prontos a atacar as mazelas geradas pelo crime organizado quando acontecimentos rotineiros como esse explodem cotidianamente nas grandes capitais brasileiras. Não venham me dizer que a base central do tráfico se encontra nas mais de mil favelas cariocas e outras espalhadas pelos grandes centros. A base central do crime organizado se encontra os luxuosos apartamentos da Vieira Souto, nas mansões do Morumbi e de Alfa Ville, nos deslumbrantes escritórios da Berrine ou onde a riqueza duvidosa se instala. Não são as “ralés” que morrem e matam nos morros e nas favelas deste grande país que enriquecem. São apenas as buchas de canhão que abrem caminho para as grandes fortunas encalacradas no poder. Causa-me espanto o fato de que, até agora, ninguém questionou o papel decisivo do Poder Judiciário nessas questões. Papel cuja responsabilidade se limita a manter o império da lei, mas que, pelo que se observa, desmorona apodrecido juntamente com as outras instituições. O sistema judiciário brasileiro se iniciou la no “descobrimento”, quando Cabral se fez acompanhar por um advogado e um ex-desembargador que fez votos religiosos. Depois, com Martin Afonso de Souza, a coisa ficou mais ou menos organizada, já que o mesmo aqui aportou com poderes judicantes. Só que, todas as questões e as demandas eram resolvidas la, em Lisboa, através da Casa de Explicações. Quando do advento da invasão de Portugal pelas tropas napoleônicas, Dom João VI, ao se refugiar no Brasil, trouxe com a corte a tal da Casa de Explicações, que através do tempo, se transformou no que hoje chamamos de Supremo Tribunal Federal, cujo arcabouço, arcaico e tendencioso foi construído sobre as bases da dita Casa. Dá prá entender agora por que a “coisa” não funciona? Gladiador.

    1. Em tempo: Desejo que tudo possa correr muito bem em sua viagem. Aproveite e relaxe. O povo cubano é lindo, sorridente e acolhedor, mesmo na situação que não cabe aqui comentar. Dê um grande abraço no irmão Fidel e aproveite para alertá-lo de que a vida não é eterna e que, dado à sua avançada idade e problemas de saúde, em breve a viagem chegará à estação final. Que ele possa aproveitar esta última etapa para refletir sobre sua caminhada, seus erros e seus acertos, suas alegrias e suas desilusões e repetindo, possa enfrentar como todos nos enfrentaremos, o tribunal da consciência. Aproveite para depositar um ramo de flores sobre a campa dos que tombaram no matadouro fratricida. Certos ou errados em suas ideologias, agora julgados por si mesmos, aguardam uma nova oportunidade. Deus te guarde. Gladiador.

    2. Caraca brother, só vc sabe disso.
      Puxa, vc descobriu as causas e imaginou os efeitos para resolver os problemas do Brasil.
      Parbéns……………………………

  18. O complexo de vira-latas , criação do imortal Nelson Rodrigues, foi introjetado no inconsciente coletivo pelo colonizador português. Maneira sábia e sutil ,de fazerem os nacionais,desacreditarem na
    terra em que viviam,suas possibilidades e seu futuro..Se ,havia algum ,não era aqui e sim, algures.Hoje, os portugueses da colonização,foram substituídos com mais eficiência ,pela mídia nacional.
    Visando unicamente a partidarização de seus interesses políticos ,praticam campanha sistemática de descrédito
    das potencialidades da nação . Desde a campanha que levou Getúlio Vargas ao suicídio,não se observava esse comportamento proto-golpista da imprensa.Pelo menos, uma das quatro famílias que detém o monopólio da informação
    é herdeira dessa prática e participante histórica desse trágico episódio.

  19. Comparar aquela situação do mundo em que os talibans aloprados comandado por outro louco malocados nas montanhas queria incendiar o mundo ,so nas torres gemeas morreram mais de 5000 pessoas ,no Rio são os traficantes que querem tomar conta do morro ajudado pelo povo que a cada ordem queiman onibus ,trem e o que tiver pelka frente é o caus social ,a onde o estado se afastou o trafica tomou conta ,os federais não conseguem bloquear as frontriras ,e esta entrando até armas ante aérea ,e o nosso bravo presidente declara que tão cedo se resolvera o dilema ,ora seu barba ,desce ai do palanque e encara a situação de cáus social que vive o Brasil , não consseguimos nem passar de 75° no IDH ( ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO )

  20. A cLáudia tem razão. Só quem não conhece Londres. Há bairros onde se pode sair de casa depois das 18 hs sob pena de grave risco. E Los Angeles, nem é bom falar. Os arrastões por lá acontecem a luz do dia! Mas no Brasil, tem que ser um paraiso. A diferença é que em Londres ou Los Angeles a imprensa tem outros assuntos e não faz esse estardalhaço. Ja viram Miami? Principalmente depois que a cubanada chegou lá? Digo aquela cubanada que fugiu de seu país porque não gosta de cumprir a lei. Precisamos apoiar os nossos governantes. O pouco que eles fizerem já será em nosso benefício.

  21. sr. ricardo, mesmo quem torceu para o rio de janeiro sediar asz olimpiadas, assim como eu fica temeroso com os acontecimentros, nao pelos jogos, mais sim pelas familias, pelos cariocas, pelo povo brasileiro, que assiste a um acelerado crescimento do crime organizado. o sr tem o pessimo abito de tratar tudo com paixao petista, e se esquesse do papel do jarnalisto, que aponatar as conquistas, mas tambem cobrar as promessas, isso e democratico e civilizado. acho que nao preciza lembra-lo das promessas de campanha. ou o senhor e mais um de curta memoria e adepto aos discurso populista?.

  22. O problema NÃO é o Estado, Cidade ou o povo do Rio. O que causa indignação é saber que os POLITICOS que lá estão, “mamando” até hoje, SÃO OS MESMOS QUE NUMCA FIZERAM NADA PELO RIO, são mais de 40 anos de inércia criminosa. Infelizmente, é esse tipo de gente que vai “administrar de forma zelosa” , assim como no PAN, o CAMINHÃO DE DINHEIRO que o povo brasileiro vai pagar.
    Aliás, as velhas raposas acharam um modo engenhoso de REFORMAR a cidade, de evento em evento, a nação vai pagando. Vergonhoso!

  23. Meu caro KAOTSCHO ,com todo respeito que voce merece ,mais agora a urubuzada pessimista esta com razão, porque o nosso governo federal a muito que deveria ter um plano de combate as drogas ,trabalhar em conjunto com os estados ,e protejer nossos jovens ,que cada vez mais cedo estão se envolvendo neste mundo das drogas ,olimpiadas é apenas um sonho de uma noite de verão das ratazanas que adoram meter a mão no erário público ,viste o PAM ?.

  24. Os jornais ingleses costumam “elogiar” quando o Brasil traça ou se envereda em caminhos tortuosos e inglorios.
    E os mesmos jornais ingleses costumam ” criticar ” o Brasil quando este toma seu próprio rumo à independencia e ao progresso. É assim na questão “nuclear” . Com o fim do petróleo , a energia nuclear é uma das poucas opções em voga. Mas os jornais ingleses insistem em criticar o programa nuclear brasileiro , até mesmo se aliando aos EUA para que a Agencia Internacional de Energia Nuclear investigue nossas plantas nucleares . Isto sem contar nos bloqueios de contas, negativa de acesso a computadores, tecnologia e outras mais.
    Mas é assim mesmo. Quem poderia esperar “elogios sinceros e honestos de amigos da onça ” . Há mais tempo eu ria das manchetes dos jornais londrinos elogiando cidades brasileiras eleitas “patrimonio cultural” .
    E ia adiante . Elogiavam as tabocas de indio como se fosse um monumento. Minutos depois eu via sendo embarcado para exportações , madeiras de mogno vermelha para Londres – Inglaterra , retiradas da Amazonia Legal Brasileira …… e marmores e granitos da melhor qualidade , amarelos , ocres, azuis, retirados das jazidas brasileiras a serem enviados para EUA e Itália. E alguns ainda acreditam . É a política ” INDIO QUER APITO” . Ainda funciona a todo vapor. Os ingleses veem com elogios baratos e levam o que é caro . É o caso do espelhinho e do indio . Vinham aqui , mostravam os espelhinhos pros indios e depreciavam a madeira e a pele dos animais . Os indios idiotas e ‘abestados” acreditavam nos ingleses . Ficavam com os espelhinhos e davam as madeiras e as peles dos animais. Porisso o Brasil continua sendo o país dos macacos ….. digo dos bananas. dos macacos é com os argentinos . Mas é isso aih. Quem quizer acreditar em elogio Ingles e Americano que se faça uma tour ou uma pós graduação no que é o IraK hoje depois que estes levaram suas bugiganças para este país do Oriente Médio.
    Uma merda.

  25. Pô Ricardo vc tá muito chapa branca.
    Menos meu querido, em nome do bom e velho jornalismo (ser crÍtico, acima de tudo).
    Vc pinçou UMA OPINIÃO A FAVOR.

  26. EM 500 ANOS ELES ESTIVERAM LÁ E NÃO FIZERAM NADA E AGORA QUER CULPAR QUEM ESTÁ LÁ HA 4 OU 8 ANOS.
    EU PERGUNTO O QUE FOI FEITO NO EPISÓDIO DO PCC EM SÃO PAULO? BEM PROVÁVEL QUE FOI UM ACORDO COM OS BANDIDOS E NINGUÉM DISSE NADA, MAS ELES PODEM. ELES TEM LICENSA PARA FAZEREM BESTEIRAS.

    DE MAIS A MAIS EU DESAFIO ALGUEM COM CONHECIMENTO ME APONTAR UMA CAPITAL NO MUNDO LIVRE DESSES ÍNDICES DA VIOLÊNCIA.

    CONCORDO QUANDO DISSERAM QUE TEMOS QUE ARRUMAR A NOSSA CASA E NÃO TOMAR A DOS OUTROS COMO EXEMPLO. MAS AI URUBUZADA COM OS PÉS NO CHÃO OK.

    1. Eles quem ?
      Vc quer ou quis dizer que o PSDB governa há 500 anos ?
      Antonio, evite generalizar, até pq quem generaliza não fala nada, ou, fala m…..
      PS:
      Desligue o Caps Look, deixe de gritar, não somos surdos.

  27. Voce já leu ” A RAPOSA E AS UVAS” ? Confiar em ingles é ser predestinado à escravidão . Mahatma Gandhi. Pacifista indiano , que viu seu país ser subjulgado pelos ingleses. Com elogios baratos , conseguiram a confiando dos chefes indianos e Marjás e escravizaram a India por vários séculos.

    1. Japoneses ou descendentes NÃO podem criticar paises que colonizaram ou subjulgaram outros paises, não esqueçam da Coréia e da China que foram brutalmente sbjulgados e colonizados pelos Japoneses.
      Por falar em confiança, o Imperador Hiroito mantinha conversa de paz com os EUA e atacou Pealr Harbor covardemente.
      Nesse caso, calma com as palavras, ou melhor; quem tem “telhado de vidro não atira pedras no telhado do vizinho”

  28. O RIO DE JANEIRO VAI VOLTAR A SER A CAPITAL DO BRASIL. NO QUESITO SEGURANÇA, DESENVOLVIMENTO, OPORTUNIDADES, E MUITO MAIS ALÉM DA BELEZA , HOSPITALIDADE, CARISMA,JOVIALIDADE E MUITA MULHER BONITA. VIU SEUS URUBUS DO CONTRA, MORRAM DE INVEJA.

  29. Pelo visto anteciparam as Olimpíadas no RIO de 2016 para sábado passado. Começaram com tiro ao alvo e me parece que esta modalidade não faz parte das Olipíadas mas no Rio já esta valendo. É uma vergonha vender no exterior uma imagem falsa do Rio para ganhar as Olimídas de 2016 mas as imagenens no mundo estão correndo com o início das Olim´piadas de tiro ao alvo, será que as emisspras de televisão deveriam focalizar tanto assim que é uma coisa corriqueira no RIO o banditismo e o tráfego de drogas?

  30. Kotscho
    As vezes eu fico pensando o que passa na cabeça dessas pessoas que só fazem meter o malho até em conquistas como sediar uma copa do mundo e as olimpíadas.
    Será que eles metem o malho só porque estes eventos foram garantidos pelo Lula ou porque os caras se consideram os piores do mundo? Será que se estes eventos fossem trazidos para o Brasil por obra de um FFHH eles reclamariam também?
    N

    1. Tvz não reclamassemos, mas, com certteza o “Antonio Lulla Conselheiro” meteria a boca, diria que essa grana poderia ser usada na educação, na saúde, na segurança, e outras abóbrinhas, como é do feitio dele e dos ptralhas.

  31. O abate (kill), do helicóptero pelo crime organizado, possivelmente sustentado e financiado pela classe abastada e liberal, era uma questão de tempo apenas.

    Presenciei em 2004 numa bela noite, o disparo de rajadas traçantes vindas do alto do morro.

    Coloque-se no lugar dos habitantes do local, imagine o rosto das crianças, mulheres e velhos, que são obrigados a viverem por lá, seres humanos indefesos e reféns de vagabundos.

    Mesmo com este triste episódio, o Rio foi sem dúvida, a melhor opção para o COI, fico com a primeira opção também.

    A sorte foi lançada, nós brasileiros de outros estados estaremos acompanhando, com lupa de aumento a destinação das verbas, seu uso correto e transparente.

    Acredito que após este incidente, haverá uma ocupação inteligente e construtiva das comunidades dominadas pelo crime organizado, pelos orgãos estaduais e federais, de preferencia na conversa, sem os AR-15 e Caveirões.

    Mais empregos para quem quer pegar no pesado, não só para o Rio mas também para outros estados.

    Não há lugar para fracasso, se isso não acontecer, eles irão abater os Rafales, Gripens ou Hornets que já estarão sobrevoando nossos céus, protegendo-nos dos piratas da Somália..

    Obs.: Solicito a V. S.a., que aproveite esses dias nos mares do Caribe, aprecie a comida cubana, os charutos e também aproveite a ocasião para largar de fumar, assim quem sabe, poderá sentir o sabor dos alimentos com mais prazer.
    Recomendo o uso de um protetor solar 51 e um discreto boné.
    Boa Viagem!

    (Aguardamos a próxima provocação com prazer),

  32. Para os ingleses que já mandaram no mundo, tudo o resto é insignificante. Os países da América do Sul acham que serve de lixeira. Mas um dia vão acordar da ressaca de ecstasy e perceber que ficaram para trás no tempo e no vento. Kisses-kisses-bye-bye, súditos da rainha!

  33. O “inglês” provavelemente disse isso dentro um contexto mais abrangente. Ou seja, esta frase não pode ser analisada de uma forma isolada. Mas você baseou sua coluna inteira nisso!?!?!? Está faltando um pouco de senso crítico…e ser mais realista. Mas nenhum dos seus foi “eliminado” no Rio, certo? Então, tá…

  34. Espero que leva para Havana, as verdades desse país, onde temos um Estadão censurado, uma saúde e educação caóticos, um Rio de Janeiro tomado pelo tráfico, a Insegurança dos poderes constituidos, onde nossa Constiuição é jogada no lixo todos os dias, para perpetuação de Poder. Bloguista esse é o verdadeiro Brasil que devemos mostrar lá fora, onde montam-se circos, distribuem o pão…e a corrupção é o grande instrumento de dolo a Nação.

  35. Já dizia Confúncio há 5.000 anos atrás. Pimenta no Kú do outro é refresco.
    Se esse inglês imbecil, morasse na área do tiroteio(que parecia a terceira guerra mundial), não falaria uma m… dessa.

  36. A que ponto chegamos, blogueiro chapa branca. Agora achar um absurdo ver bandidos metralharem helicóptero, o cúmulo da avacalhação social, também faz parte da “urubuzada”.

    O que mais vai ser considerado “normal” até 2016 para defender esse governo?

    E de “quanto pior, melhor”, realmente: a desprezível esquerda petista fala com propriedade.

  37. Ricardo: Uns opinam a favor pelas Olímpiadas no Brasil pq acham que é importante, bom marketing pro país (prá Lula é claro) aquece o mercado de trabalho e etecetera…Outros ( meu caso) entendem que nossas deficiencias são múltiplas, como nossa educação sucateada, nossa segurança à revelia da marginalidade, nossa saúde na UTI; Enfim, defendemos montanhas de dinheiro para as necessidades mais emergentes, se é que se possa definir Olímpiada como necessidade. Diríamos que muitos a favor e a maioria contra. Eu te chamaria sim de nacionalista imbecil se dissesse isso que o maldito ingles disse. É esse tipo de gente que comenta nos New York Times, Newsweek, Washington Post, Le Monde, Figaro, El País, Corriére, Economist, Independent, etc, etc, da vida, assuntos deturpados e menos nobres do currículo brasileiro. Não seja um imbecil nacionalista. Deixe que ele seja o imbecil do mundo.

  38. Esse inglês e sua turma deve ter levado uma grana violenta, para aprovar as Olimpiadas de 2016 nesse lixão desgovernado por Sergio Cabral e Eduardo Paes.
    Agora, para não ter de vomitar a grana, dá justificativas próprias de um canalha.

  39. É… isso mesmo. …derrubar helicóptero é coisa insignificante para o inglês. Não saiu do bolso dele nem os policiais são seus parentes e ele não mora no Rio. Insignificante. É como se tornou o valor da vida humana. É o valor que se dá ao povo. É o valor que se dá à integridade de caráter, à educação, aos valores morais e éticos. Somos uns pobres coitados e, segundo os donos do poder… …insignificantes.

  40. Existe um ditado que diz : Quem não pode não se estabelece.
    Este membro do comitê olímpico está tão preocupado com
    o alvoroço que esta notícia ia causar ao mundo que, resolveu soltar uma destas. Farei questão de guardar bem este nome e mandar uma passagem para ele de avião com tudo pago para o Rio em 2016.

    Bom dia Vietnã!!!

  41. Se eu morasse em Londres, também acharia tudo isso uma bobagem, mas mesmo morando a 400 quilometros de distância, acho tudo isso muito perigoso

  42. Ricardo, acho que temos que parar com essa história de um lado pessimista, outro lado otimista, de um lado esquerda, outro direita, coisa de um petismo que não existe mais, afinal todos estão domesticados, quem se rebelou, virou PSOL, partido caricato de um muro que não existe mais. Num último e-mail fiz um reparo ao sua visita ao Rio, pedi para voce descer do carro e andar pela cidade, afinal através das janelas de um carro blindado as coisa podem ser melhores como disse. Visite a zona oeste e a zona norte, lugares abandonados pelo governador e o atual prefeito, todos de um partido como já disse que domina o Rio há muitos anos, desde Garotinho, afinal essa corja toda é do PMDB. Procure saber a atuação do atual governador como Presidente da Assembléia Legislativa, porque no Senado ele não fez nada. Desde a atuação do Brizola liberando as invasões e o crescimento desordenado das favelas, a coisa só veio a cair num poço que não sabemos o fundo. E olhe que passamos por um Governo Petista, ridículo e patético que deixou duas marcas : uma no último dia de seu governo liberou uma multa milionária do Carrefour em ICMS e a outra que teve todos os ditos chefões do tráfico na mira da polícia em uma rebelião em Bangu e não foi capaz de exterminá-los, estamos vendo os piores efeitos agora, estamos enclausurados em nossas casas, presos, mas não somos zona sul, pena.
    E o que é o mais grave, converse com a população próxima ao episódio e verá várias declarações de que policiais deram cobertura á invasão, essa Policia do Sergio Cabral é podre e ele é omisso. Temos mais medo de policiais do que bandidos aqui no Rio, se não houver a limpa não resolve-se nunca o problema, vai chegar 2.014 e 2.016 e só um esquema igual a ECO-92, para maquiagem garantirá a segurança. Estamos assutados, cansados, com medo, mas somos um povo dócil demais, burros demais,não nos organizamos prá valer

  43. AINDA BEM QUE O RICARDO COMENTA O OBVIO. E DIGO MAIS ESTES RESENTIDOS, QUE ESPINAFRAM O RIO DEVIAM ERA SIM, DENUNCIAR O PCC DE SÃO PAULO QUE CONTINUAM A DESMORALIZAR A POLICIA E O GOVERNO DE SÃO PAULO. ENGRAÇADO QUE LÁ NINGUEM COMENTA AS BARBARIDADES DESTA VIOLENCIA PAULISTA. O FATO É QUE NOS BRASILEIROS AS VEZES SOMOS HIPOCRITAS(OU SOMOS), DISFARÇAMOS NOSSA REALIDADE. CONVIVEMOS COM DIFICULDADES SIM. MAIS GRAÇAS ADEUS GANHAMOS COPA DO MUNDO E OLIMPIADAS. POIS TAMBEM SOMOS SERES HUMANOS E NOS BRASILEIROS, QUEREMOS SIM RESPEITO. UM TAPA NOS HIPOCRITAS E VIVA O BRASIL.;

  44. É LAMENTÁVEL QUE O IOG PAGUE A UM COMENTARISTA PARA ESCREVER COISAS TÃO FORA DA REALIDADE E DO BOM SENSO. SERÁ QUE ESSE COMENTARISTA TERIA CORAGEM DE ANDAR NO RIO DE JANEIRO INDEPENDENTEMENTE DA HORA E DO LOCAL COM TRANQUILIDADE E CARREGANDO JUNTO OS SEUS FILHOS E DEMAIS MEMBROS DA SUA FAMÍLIA. ATÉ PARECE QUE FOI ARTIGO ENCOMENDADO SABE-SE LÁ POR QUEM. O MELHOR É ELE IR PARA CUBA DESCANSAR , POIS POR AQUI ESTÁ MUITO FORA DA NOSSA REALIDADE.

  45. O Rio de Janeiro precisa de ações fortes do estado contra a bandidagem. Essas ações fortes levam inevitavelmente a alguns efeitos colaterais trágicos.

    A falta de ação ou o abrandamento da abordagem aos bandidos, leva a resultados ainda mais trágicos. Basta ver o que aconteceu com os 3 jovens que voltavam para suas casas e foram fuzilados pelos bandidos que se preparavam para invadir o morro.

    Infelizmente muitas pessoas ainda irão morrer antes da segurança ser restabelecida no Rio de Janeiro.

    Nova Iorque também já foi assim e conseguiu arrumar a casa. Acredito que o Rio também conseguirá, mesmo que leve mais tempo e corra mais sangue. Mas conseguirá.

    A copa do Mundo 2014 e a Olimpíada de 2016 irão acontecer com paz e tranquilidade, independentemente de os traficantes terem sido dominados ou não. Disso não tenho dúvida.

    A ECO-92 aconteceu no Rio em maravilhoso clima de segurança.

    Em nenhum lugar do mundo se consegue banir definitivamente o tráfico de drogas. Nem mesmo nos países que adotam a pena de morte para os traficantes.

    Enquanto houver alguém disposto a comprar Droga, sempre vai haver alguém disposto a vendê-la. A violência que permeia essa relação é que se torna um problema maior ou menor, dependendo do nível de corrupção das forças de segurança envolvidas no combate, e o nível de investimento e determinação do poder público em combater.

  46. Agora voce Kotscho, mostra sua verdadeira face,é claro que para voce 20 vidas nada significa, pois os fins justificam os meios, não é a guerra declarada pelo narcotráfico, tampouco as mortes que ocorrerão, o importante é a Olimpíadas, como disse seu amigo Lula, quem não gostar que va Sifu.

  47. Na verdade as pessoas como esse cidadão pensam em dinheiro, a vida do ser humano não vale nada,o rio de janeiro virou guerra, se compara como qualquer uma guerra no mundo, e junto aos politicos que não tá nem ai,errado quem vota.

  48. E aí Ricardo, continuas demonizando o MST? Será porisso que depois daquela pisada na bola oa comentários somados não chegam ao daquele ‘post’? A Cutralle enfim, vai ou não desocupar o “GRILLO”? Redima-se mano véio, eu quero voltar ao Balaio a sério!

  49. O único fato significativo do incidente é o seguinte: a Policia carioca abateu a tiros mais de 10 pessoas.

    A CF/88 veda expressamente a pena de morte, mas a elite carioca não se importa… desde que os mortos sejam favelados.

    A Constituição garante o devido processo legal, direito de defesa, produção de provas lícitas e condenação por autoridade competente, mas estes são direitos que alguns “mais iguais” não querem que os favelados “menos iguais” tenham. Para os “mais iguais” os “menos iguais” só tem direito mesmo de ser abatidos a tiros como animais (na verdade nem como animais, porque a policia ambiental usa armas com tranquilizantes e não fuzis que sempre causam lesões mortais).

    Você não percebeu isto? Eu percebi meu caro:

    http://www.observatoriodaimprensa.com.br/artigos.asp?cod=560CID004

  50. Insignificante para quem não conhece a realidade brasileira, principalmente o Rio de Janeiro. Os acontecimentos do últimos fim de semana são rotineiros. Querer associar o fato isolado do atentado ocorrido na Inglaterra em 2005 como o que houve no Rio é deturpar demais as coisas. Beira o cinismo. A verdade que o Brasíl se tornou um dos países mais violentos do mundo. E o pior é que ainda não acordou para resolver essa situação. Infelizmente a violência terá que chegar indiscriminadamente sobre os familiares de quem detem o poder para a coisa começa melhorar.

  51. Caro Kotscho, deixa eu te contar uma pequena coisa: as Olimpíadas vão ocorrer aqui. Essa escolha já se deu. Ponto, favas contadas. A próxima tarefa do COI será apenas em 2016, dar o veredito se o Brasil é bom disso ou não.

    Sua preocupação maior é atacar a quem menos causa danos – os críticos da Olimpíada. Mas, olha, só pra avisar, eles não derrubam helicópteros, nem aterrorizam a gente simples das favelas, por mais agourentos e chatos que sejam.

    Pra um jornalista do seu quilate, sua alça de mira está baixa demais. Que tal cobrar a quem realmente deve ser cobrado e pelos motivos certos?

    Que tal cobrar as autoridades do Governo Federal, Estadual e Municipal pela segurança do dia-a-dia dos brasileiros? Afinal, é a inépcia desses e não os agouros da turma do contra que trouxe esse caos para as grandes cidades brasileiras.

  52. Se o problema é os traficantes… podemos ficar tranquilos que eles serão os primeiros a apoiar as Olimpiadas!!!! rs
    Ah e eu estou com vc na primeira opão Kotscho!
    Abraço e boa viagem!

  53. E o grande circo Brasil continua Rio sediando as Olimpiadas, medalhas de ouro em saltos orçamentais,e tambem no tiro ao alvo com unidades de tiro nos morros e nas linhas vermelha e amarela……

  54. Bem, não acho que são insignificantes e nem fatos isolados, basta somar a quantidade de mortos ao loango do ano no Rio. Para o COI o que importa é o governo investir pesado em infra-estrutura, ter condições de receber turistas e encher o bolso deles. Não acho que seja a turma do pior, acho que o Brasil, que apoiou o rio, querendo agora saber: “E Agora?” Agora quem mora fora do Rio é fácil achar que são exageros, fala isto para os filhos e filhas de militares que morrem todo dia, que escondem sua farda, fala isto para quem receber R$ 1.000,00 por mês para enfrentar armas anti-aéreas, um dos piores salários de policiais militares do Brasil, até o Acre (que tem gente que acredita que não existe) tem salário maior. Senhores, o que temos e nonguém quer admitir é uma guerra urbana, guerrilha mesmo e tudo culpa da omissão das autoridades e de alguns brasileiros que acham que a violência que ocorre em nossas grandes cidades e coisa de criança.

  55. Não será por causa das Olímpiadas que a guerra do tráfico no Rio ou qualquer lugar do país será eliminada.
    Aposto que depois das competições as coisas voltarão a ficar como antes. Enquanto a educação não for prioridade máxima , que não é o caso desse governo e de outros que passaram, nosso pais será medalhista em formar traficantes e assassinos. A limpeza a ser feita tem que começar pelos nossos políticos, já nas próximas eleições.

  56. Embora o episódio não tenha sido insignificante, como relatou o membro do COI, não é desesperador. Antes do Rio ser eleito para sediar as olimpíadas de 2016 já sabíamos que iríamos enfrentar um guerra para diminuir o poder do narcotráfico. O que não podemos é ficar agora jogando praga e dizendo que não vai dar certo. O Rio ( e o Brasil) tem plenas condições de sediar uma grande olimpíada e mostrar ao mundo suas potencialidades. O resto é conversa mole…

  57. Para ingleses ou para brasileiros alienados a guerra de traficantes no rio é menos importante. Para aqueles que tem seus parentes inocentes mortos ,diretamente ou com balas perdidas, deve ser muito importante e revoltante.Omissão do poder público há mais de 30 anos e com continuidade do atual governo. E ainda temos que aguentar pessoas achando bonito o Brasil das olimpíadas e da demagogia. Queria ver se fossem das suas famílias.
    Quando chegarem as olimpíadas ,assim como no carnaval,as autoridades acordam com os traficantes para que eles deêm uma trégua…eles topam porque vão ganhar muito mais com os turistas.E as pessoas falam de hipocrisia nos blogs.

  58. Violência é inversamente proporcional aos ganhos do capital sem a distribuição de renda e diretamente proporcional à pobreza.
    E olha, querem a concessão do pré-sal, que nada mais é que a partilha entre o empresariado e não a partilha com fins social, como o fundo social, proposto.
    Agora eu pergunto por que lá nas comissões onde o PSDB quer mais uma vez levar e não dividir o que é da população Brasileira e não deles políticos empresariais. Representam mesmo, na cara dura as empresas privadas do capital extrangeiro, que demitem a torto e direito, causando toda essa violência.
    Parece-me mais uma vez querer aumentar o bolo com o só pra eles não a distribuição participativa num fundo social, que deveria se tornar uma clausula pétrea.

    Os legítimos representantes do dito Partido “Social” Democrata, que de social nada tem. Representa mesmo os mais abastardo e são infiltrados no social só pra levar o voto, e chegando lá rasgam a cartilha e esqueça tudo o que eu disse.
    São todos muitos educados e letrados, mas políticos empresário que em surdina vão levando, são donos do capital e empresa ,só pensão como empresas é só ver os seus perfis.
    Não vão mudar nunca mesmo, e todos nós somos vítima da violência enquanto eles sentados num birô. Tenha a santa consciência.!!!!!!!!!!!!! Estamos enjaulados.
    Nós imploramos, queremos liberdade plena e irrestrita, o direito pelo menos de ir e vir.
    E dizem que não tem a pena de morte, como não, éla só não é institucionalizada A pena de morte existe, com a fome e a miséria.

  59. À noite, dois homens saem às ruas para cumprir a sua missão, um o policial o outro o ladrão.

    Um vai dar proteção à população, o outro vai roubá-la.

    Um é muito fácil de identificar, veste trajes militares, tem postura de homem, é visto por todos os que o acompanham com o olhar, pois sabem que naquele momento a sua rua, o seu bairro estará um pouco mais seguro: O soldado chegou!

    O outro é impossível de distinguir, primeiro eles não agem sozinhos são covardes e agem em bandos, se vestem como se fossem uma pessoa comum, se misturam em meio ao povo para dar a impressão que são também pessoas de bem, se abroigam atrás delas e vivem escondidos nas sombras sempre a espreita do homem de farda que está a sua procura pelos males que causaram a sociedade:.

    Assassinatos covardes, Estupros, seqüestros, e outros.

    Então o alvo do bandido é sempre mais fácil, pois a sua covardia o protege!

    1. Discordo! è só procurar nas Camaras Municipais, nas Assembléias Legislativas ou no (infelizmente) Congresso Nacional que você identifica os bandidos na HORA !!

  60. A diferença é que em Londres foi atentado terrorista, ou seja, coisa pontual. No nosso caso a única diferença da semana passada para as outras é que teve um helicoptero envolvido e chamou à atenção.

    Essa comparação do dirigente do COI é como dizer “entre o ruim e o menos ruim, agradeçam pelo ‘menos ruim'”.

    As Olimpiadas que se explodam, temos que pensar em segurança para sempre e todos os dias e, independentemente, das falácias, isso começa com EDUCAÇÃO, em casa e na escola….

  61. Kotscho
    As vezes eu fico pensando o que passa na cabeça dessas pessoas que só fazem meter o malho no Brasil e até em conquistas como sediar uma copa do mundo e as olimpíadas de 2016.
    Será que eles metem o malho só porque estes eventos foram garantidos pelo atual governo ou porque os caras se consideram mesmo os piores do mundo? Será que se estes eventos fossem trazidos para o Brasil por obra de um FFHH eles se considerariam também os piores do mundo? Quem irá faturar os dividendos políticos destes eventos serão os governantes de 2014 e 2016 tanto na esfera estadual quanto na federal, ou será que eles não percebem isto também?
    Será que eles se colocam contra investimentos de grande porte em infraestrutura, em saneamento, em despoluição de baías e lagoas, em segurança e outros necessários à execução dos eventos, pelo simples fato de que eles foram trazidos pelo Governo Atual, ou é como você mesmo diz, uma urubuzada que só sabem reclamar?.
    Será que todos querem que não façamos nada e que permaneçamos no mesmo patamar que estávamos até 2002, quando tudo parecia nos levar ao caos econômico e social com venda de patrimônios altamente lucrativos para beneficiar mais alguns bilionários amigos do governo e os donos das “inside information”?
    Será que deveríamos nos manter eternamente endeusando as grandes economias do mundo (o famoso G8), a realeza e outras falácias, que foram liquidadas por esta crise que passou?
    Ou será que este é o resultado de anos de massacre de notícias ruins publicadas diariamente, com os devidos desvios de carater muito bem colocados pela nossa imprensa, deturpando verdades e impondo aos menos antenados suas idéias, atravéz dos “formadores de opinião” para fazer a cabeça do povo?
    Quando será que eles vão acreditar neles, no Brasil, que nós e o Brasil podemos ser melhores, que o Brasil pode ser grande como outros países do mundo, que o Brasil pode erradicar miséria, fome, corrupção, ineficiências em Saúde, em Educação e em Segurança?
    Obviamente ninguém corrige isto em 15 dias, mas é mais do que evidente que o país está no rumo certo. Estes últimos 7 anos mudaram completamente a “cara” do Brasil e todos sabem disto.
    Todos estes males podem ser erradicados sim, mas é preciso primeiro acreditar nisto e apostar que podemos fazer. Nós não somos piores que ninguém e o mundo todo enxerga o Brasil de hoje como potência da próxima década. Niguém consegue sequer completar um curso primário ou crescer na vida se ficar sentado e só reclamando. Os que crescem são os que batalham e acreditam que assim poderão ter uma vida melhor com mais dignidade. Os outros…

  62. Kotscho, pode até ser insignificante para o inglês, mas para nós não deve ser. Acabar com a verdadeira guerra civil que acontece no Rio tem sido um desafio que nenhum governante há anos consegue chegar sequer perto de vencer. A grande oportunidade disso deve ser a Olimpíada. E, como carioca, torço sinceramente para isso. Agora, não dá para fingir que isso é batata: “temos tantos anos para isso, vamos lá”, porque a coisa é muito mais complicada do que isso. E espero que ela não acabe como aconteceu em outros eventos internacionais importantes que aconteceram no Rio, como a Eco 92, num pacto entre o Estado e os traficantes para aliviar a barra enquanto o evento acontece. Porque governo negociar com bandido só enfraquece o governo e fortalece o bandido.
    Um abraço desse seu admirador.

  63. Não é questão de ser otimista ou não, o fato é que não só o Rio de Janeiro mas em todo o Brasil, vivemos verdadeiras batalhas terroristas, esses traficantes, assaltantes de bancos, sequestradores, praticam ATOS TERRORISTAS

  64. tem hr q vc parece q tem 2 anos de idade,oq aconteceu londres é q é uma coisa pontual..de gente de fora,mesmo tendo alguns nascidos na inglaterra…aki é uma coisa incruada na sociedade…é no dia dia….qta bobagem tu escreveu,kda argumento q deus me livre

  65. “Nós ainda temos seis anos pela frente para que os poderes públicos reassumam o controle das áreas hoje controladas por traficantes e milícias.” – Poxa, Ricardo, não seja inocente. A polícia não consegue controlar aquilo. Toda vez q uma m… muito grande acontece no Rio, saem anunciando milhões de reais em investimento e 200 operações q nunca dão em nada. Pouca gente é presa e, qdo são, continuam comandando tudo de dentro dos presídios. Sua visão sobre esse fato é muito superficial: q se dane o q COI vai achar do Brasil; q se dane se a Olimpíada vai ou não ser um sucesso; o q interessa para o Brasil, e muito mais para o cariocas, é q ninguém consegue parar a bandidagem nas favelas do Rio. Isso é o que interessa. Ser otimista ou pessimista em relação a isso não vem ao caso.

  66. Comentar o que Sr Ricardo

    As imagens falam por si só não vê que é petista Roxo como o Sr Ricardo, quantos helicopteros vão ter que ser abatidos quantas pessoas digo cidadãos e prestadores de Serviço na área de Segurança deverão morrer até que os alienados sejam de esquerda ou de direita não importa vão acordar, não estou acusando nem defendendo ninguem mas pelo amor de Deus Sr Ricardo

    ACOOOOORRRRDDDDEEEEEE……….

  67. Toni:
    Vem viver aqui em Sampa vem,presenciar a beleza da política de segurança pública DEMO-TUCANA,se fossem eles que governassem o Rio,com certeza seria uma beleza:
    “como bem mostra o filme “SALVE GERAL”,em exibição nos cinemas deste Brasil afora,aqui o Ex-Secretário de insegurança da gestão Alckimin-Cláudio Lembo,se fez acordo com o tráfico,ao invés de combatê-los.
    Como o Rio não é governado por eles,fico com a primeira opção,”temos condições sim de realizar Copa do Mundo e Olimpíadas” e convido a todos para assistirem a abertura.
    Ah,para aqueles que ficaram com a segunda opção,leiam também a matéria do jornal “The New York Times”,(de hoje)falando das perspectivas para o País em 2010.
    Que eu saiba este não é nenhum veículo de comunicação tupiniquim,muito menos panfleto do PT elogiando o governo.Dor de cotovelo dói.

  68. Não se trata de ser otimista ou não, o fato é que não só o Rio de Janeiro, mas todos o brasil vive um verdadeiro clima de guerra, com atos terroristas sendo praticados diariamente como as ações dos traficantes, os assaltantes de bancos , os sequestradores,, o que acontece no rio são verdadeiras táticas terroristas para matar e amedrontar os moradores, nossos governante e nossas leis que são brandas demais…

    O que se deve começar a fazer, seria o gover mudar essas Leis ridiculas, Leis que não punem, depois sim, investir dinheiro em armamentos, e com as mudanças nas leis, invadir os morros e aniquilar com esses terroristas,…
    BANDIDO BOM É BANDIDO MORTO

  69. Insignificante realmente não é. É de carater trágico, diga-se por sinal. Mas sem dúvida não deve ser interpretado como uma prova de que a COI estava errada ao por o Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas de 2016. Como o senhor mesmo disse, não devemos colocar em cheque tal decisão a cada assalto que acontece nas ruas. Há muito o que se fazer, mas devemos ao menos ter esperanças, em 2016 teremos as respostas.

    Bom senhor Ricardo, vim saber a pouco tempo da existência do seu blog e hoje é meu primeiro comentário. Recentemente escrevi uma crítica de seu livro Do Golpe ao Planalto e a publiquei em meu blog. Sem dúvida o senhor é uma grande influência à nós futuros jornalistas. Este post serviu também como ajuda na escrita do meu atual. Abraço e voltarei!

    1. Vira latas são nossos políticos q tudo fazem, se desdobram pra meter a mão no nosso dinheiro. Por que não fazem este esforço concentrado, suprapartidario para votar e resolver nossos MUITOS reais Problemas?

  70. INSIGNIFICANTE MESMO
    nas olimpíadas os nossos amados bandidos, vão estar lá assistindo tudo nos seus camarotes, não haverá incidente algum, igual no panamericano teve vários incidentes antes dos jogos mais durante os jogos nada absolutamente nada, onde estavam nossos bandidos?

  71. Kotscho, ESSA URUBUZADA com certeza ja se esqueceu do que aconteceu aqui em SÃO PAULO. Lá no RIO, a violencia É EM ALGUNS MORROS; Aqui em SÃO PAULO FOI NO ESTADO INTEIRO.

  72. Boa Viagem Ricardo Kotscho!!!
    …E volte breve, sentiremos a sua falta, mesmo que seja pra brigar.

    Quanto ao texto, ótimo!!!, parabens!!!.
    Mas, eu gostaria de ver uma ação mais efetiva e mais enérgica do governo estadual do Rio de Janeiro, é preciso por ordem nessa bagunça e mostrar pra esses perebas quem manda de verdade.

  73. Fala pra quem mora no Rio q isso é insignificante!!!
    Pra família dos policiais mortos não deve ser!!!
    Como sempre damos importância p o q dizem os gringos q não entendem nada de Brasil!!!!

  74. Não pode-se duvidar que esse episódio do rio tenha influência de alguem que não se conforma que o BRASIL tenha sido escolhido para sediar as olimpiadas de dois mil e dezesseis, quando numa formula um morre Airton Senna que não foi até hoje muito bem explicado a causa do acidente agora recente o caso do Nelcinho que foi forçado a bater o carro , o que esperar desas poderosas forças ocultas.Por isso caros patriotas, antes de ficarmos jogando a culpa de um para o outro, vamos nos unir e valorizar mais o que é nosso,não podemos esquecer do slogam o povo unido jamais será vencido.

  75. Fazer esse comentário lá da Inglaterra é fácil, vibrar com ele é mais fácil ainda. Difícil é compartilhar todos os dias com a violência e ver as nossas crianças serem tragadas pelo tráfico de drogas e violência por ele produzida. Difícil é andar pelas ruas sabendo que a qualquer momento podemos achar uma bala perdida. Difícil é ano após ano, governo após governo ouvir a mesma retórica hipócrita. Sr. Ricardo saia da sua cadeira e more numa comunidade com sua família e espere por seus filhos, caso o sr. tenha, chegarem à noite do trabalho, das escolas. Passe a noite ouvindo o som dos disparos dos fuzis, pistolas granadas e metralhadoras. Desculpe a sinceridade mas, o sr. precisa tomar vergonha nessa cara de pau.

  76. Acho que vc só faz seus comentários na forma que faz para dar “ibope” na quantidade de comentários. Não acho crível que vc ache que o episódio não teria repercussão internacional que teve e, justa.

  77. Não fique triste , vc continua um nacionalista imbecil , avalizando o que um imperialista mais imbecil ainda, diz , faça-me o favor !! 20 insignificantes brasileiros morreram, na visão de vcs dois vamos matar mais , quem sabe no tempo da olimpiadas só estejam os brasileiros significantes !! êta artigo de mau gosto !!!!

  78. Ricardo,

    Aceitando opinião de ingles??/ Voce mudou muito camarada! Mande abraços para o Fidel, e como disse outro leitor não adianta levar laptop notebook, etc, porque lá não funciona. Tenta um 386, quem sabe!

  79. Bem colocado, como o Rio e a maior fortaleza do Brasil, uma porta da esperança para o futuro do turismo para o País, inteiro

    Talvez precisa de uma produção inteligente, que tem que começar de algum lugar, a ver o valor de tudo

    Dinheiro, esse e o maior campeonato que todos disputam que resolve todos os problemas nos tempos atuais

    E para isso vale tudo, ter recurso que compra todos os resultados, e a lógica disso e a estratégica

    Sem medir todas as seqüelas, das conseqüências presente que estão entre-nos sendo um dilema para todos que tem, que não tem.

    Um cidadão chegou num lugar disposto a tirar satisfação, em relação à sugestão onde dizia que uma escola publica só pode nomear um diretor ou diretora via concurso

    Como se isso fosse verdade

    Todos assessores são tão despreparados, quanto à maioria dos políticos são

    Questionou a sugestão que sugeria, que todos assessores de todas as escolas fossem alunos a partir do ultimo ano da faculdade

    Se isso fosse uma realidade a situação do link abaixo não existiria no presente

    Link invasão no morro do Rio, e a falta de infra-estrutura EDUACIONAL, e excesso que maus exemplos

    Como castigo vem pela cegueira, para esse visitante que veio questionar, chegou a vivo querendo dizer que a sugestão estava errada,

    Para isso perguntou para uma moça que estava no lugar com um violão aonde ela tinha adquiro esse exemplo

    Disse ela da tia

    Em seguida perguntou a um cara presente, disse a esse cara sabe de onde tirei o meu exemplo para ser o quem sou pagamento meus erros com a justiça de gente que devia dar exemplo positivo esta dando exemplo negativo, acrescentou ate quando se todas as trombadinhas e trombadinhas já sabem menos os políticos

    Onde tudo começa pequeno fica grande terminando a vida indo para o, cemitério ainda, breve só crematório, para eliminar, os vestígios de doenças possíveis, ate a vida eterna chegar eliminando a morte natural, só ficando essas visíveis produzidas por falta de equação educacional

    Somos como, animais para não admitir mostramos nas TVs, como se educa um cachorro, se educa as crianças

    Assim como esse exemplo do link invasão no morro do Rio, e a falta de infra-estrutura EDUACIONAL, e excesso que maus exemplos

    http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u639902.shtml

  80. Antes que alguém se arvore: não, nunca, viajei para o exterior, e sem pretender me comparar a Machado de Assis, que fluia num frances irretocável: ele também jamais viajou ao exterior. A mídia, não é novidade, distorce, convardemente, os fatos. Há poucos dias, diante de uma dessas tragédias do cotidiano aqui no ERJ, o âncora (mulher) de um telejornal paulista disse que isso já estava virando rotina no RJ, mas ela ou quem quer que seja não mencionou sobre a estatística das chacinas ocorridas no ESP. Os ingleses, mais do que ninguém, representados que são por esse dirigente do COI, sabem o que do que estão falando. Muito tempo antes daquele atentado, não foi por lá que existiu um certo Jack, o estripador. Não foi a Inglaterra a pátria dos bucaneiros, estimulados pela Rainha Vitória. Eles aprenderam com os seus erros. O mundo se curvará diante de nós brasileiros, em face desses dois futuros eventos, ainda que não o realizemos ao nível de Pequim. Digo nós brasileiros, porquanto eles, os eventos, não dizem respeito apenas a nós cariocas. Assim ocorreu com a Copa/1950. Não tivesse o Brasil assumido o compromisso de realizá-la, o futebol feneceria, em virtude de que o lapso temporal entre 1938 (Itália) e 1954 (Suíça) seria de 16 anos e isso traria graves transtornos àquele esporte. Em cerca de dois anos o Brasil construiu o Estádio do Maracanã e demais obras para aquele evento, já que o mundo (leia-se Europa e EUA), enfraquecido moral, material e financeiramente pelo pós-guerra não se esforço para tanto. Até essa data, jamais soube de uma crítica negativa pela realização daquele Mundial.-

  81. Analisando sempre com um viés político…pobre colunista, só faltou vc enviar as condolências à família dos 3 jovens e dos 3 policiais assassinados através do top, top do Marco Aurélio Garcia…coisa triste estes PTralhas!

  82. Tomara Deus que a Copa do Mundo e as Olimpíadas dê um jeito no RIO, se não, será o fim da Cidade Maravilhosa!
    Sinceramente fiquei chocado com as imagens!

  83. Urubus ou racionais???
    ” As festas” da Copa do Mundo e Olimpiadas custarão caro para muitos e serão a aposentaria para poucos.
    O sr. Lula e sua corja tem plena convicção que estarão no poder por tempo indeterminado e se aproveitando do que estão ” plantando”…
    José Dirceu para coordenação da Copa do Mundo e das Olimpiadas… É a cara dos nossos governantes atuais e sua prole de puxas saco e aproveitadores, da qual o sr. com certeza faz parte.
    Os ” bolsa tudo” não sustentarão essa pouca vergonha por muito tempo…

  84. Kotscho DISCURSOS POLITICOS, UFANISTAS, HUMANISTAS, OPORTUNISTAS ou qualquer “ISTA”, que não esteja nesta lista; O que o Rio precisa é de ALÉM DE UM POLITICA DE SEGURANÇA, que ao meu ver está começado a funcionar, o Rio precisa É CONSCIENTIZAR A POPULAÇÃO DE QUE É NECESSARIO DENUNCIAR OS BANDIDOS.

  85. Alto lá!!! Bush NÃO cruzou os braços com os atentados das torres gêmeas e deu no que deu. Milhares de mortos, no Morro dos Macacos de lá (Iraque e Afeganistão). Os incidentes do Rio já aconteceram em São Paulo, lembra? Não teve igual repercussão (porquê?). Não é questão de menosprezar o episódio lamentável e inaceitável do Rio, trata-se só do seguinte: cada cultura, cada nação tem suas mazelas, suas feiúras. É um fato. Minorar ou eliminar as feiuras é algo que todos os povos NORMAIS tentam (eu disse, tentam) fazer. Todos os povos e pessoas NORMAIS tentam (tentam) fazer bonito para as visitas. O caso dos “urubólogos” é que eles não dão mostras de entender isso quando aplicado ao Brasil (excluída São Paulo). Não é possível compreender isso como uma reação normal – é, pois, uma reação orquestrada (ou pior, masoquista), só pode! O que deve entrar em debate não é só a questão da segurança policial, mas sobretudo a da assistência social. O que o Rio precisa é de mais PAC, junto a mais inteligência policial. A questão é: e quando a repressão policial ao tráfico chegar a juízes e desenbargadores, a globais e a quatrocentões, os indignados de agora apoiarão a ação policial ou rugirão contra o “Estado policial”. Este episódio da novela eu já vi (relacionado a outros tipos de crimes), recentemente, uma alta autoridade jurídica do país declarou que botou um banqueiro milionário fora da cadeia duas vezes no mesmo dia para salvar o Brasil de um “golpe de Estado”, de uma “ameaça de Estado policial”. Quando, há mais tempo, uma operação policial prendeu uma branca porreta de São Paulo, uma muanbeira, houve uma marcha de “indignados” contra a perseguição “social”. Faça-me o favor, eu sou negro do Brasil, não sou otário. Assim, meu lindinho, com a ação ação policial dos seus sonhos, muitos helicopteros vão cair – e deixemos cair as máscaras da hipocrisia – para sua felicidade…

  86. É Ricardo, esse é seu segundo comentario que leio, o do Rubinho que você diz não ter estrela foi ótimo e real, acho que sempre que puder vou os ler, porém você me parece mais um daqueles que quer fazer pombinha da paz com as mãos para resolver os problemas de violencia do brasil você precisa ter uma bandeira para lutar e sair um pouco decima do murro. abraço

  87. Lamentável essa analise de moderação da coluna.
    O colunista fala o que bem entende, da forma que lhe convem.
    Quem faz comentarios, não ofensivos, porém indo contra o interesse do mesmo e falando verdades, que devem ser dolorosas de se ler, o moderador não publica os comentarios.
    É a mesma farsa da qual o colunista é participante, juntamente com seus amigos e aliados ” socialistas”…
    IG, que decepção. Site deletado de minha lista de acesso.
    Fiquem com os seus…E bom proveito.

  88. O Presidente Lula precisa saber: Há mais de 2 anos , em um total de 07 missões bem
    sucedidas, mais de 100 crianças carentes e portadoras de doenças cardíacas congênitas
    graves puderam ser operadas dentro do projeto de cooperação internacional Brasil-Argélia,
    que foi firmado entre o Instituto Nacional de Cardiologia do Rio de Janeiro(INC) e a
    República Democrática e Popular da Argélia(África). Até então o médico responsável pelo
    programa é o cirurgião cardíaco pediátrico doutor José Alberto Caliani. A despeito do
    sucesso absoluto do projeto, por razões pessoais e/ou políticas o diretor geral do INC,
    doutor Marco Antônio Mattos, designou outro cirurgião para liderar o programa, o qual foi
    imediatamente recusado pelas autoridades argelinas. Cabe a nós brasileiros entendermos o
    descaso, a perseguição profissional e ingerência do diretor do INC em um programa já
    consagrado pelo sucesso, que é modelo do Itamaraty para cooperação na área médica. Esta
    atitude do diretor fez com que a próxima missão para Argélia, programda para a primeira
    quinzena de outubro, fosse adiada pelas autoridades argelinas. Assim, várias crianças
    carentes do mundo árabe deixaram de ser operadas pela atitude irresponsável e mesquinha
    do diretor do INC. Um programa de estado desta envergadura não pode ser tratado desta
    maneira. Onde estão as autoridades? Difícil de engolir…

  89. O Brasil precisa de uma imprensa séria, que priorize a informação, a denúncia das irregularidades. A politização, a manipulação eleitoreira dos lamentáveis acontecimentos no Rio, só prejudica a tão sofrida população fluminense. Enquanto existir este tipo de comportamento, dificilmente se conseguirá controlar o tráfico de drogas no RJ., ou em qualquer lugar do mundo. A seriedade de uma Nação começa pela imprensa e termina na política.

  90. Acredito sim que o Rio terá plenas condições de fazer uma Olimpíada e receber a final da Copa de forma digna e com segurança sim, justamente por ser carioca e morar aqui desde sempre vivenciar o dia a dia da cidade, hoje vejo e sinto que pela primeira vez temos um governo estadual (apesar de não ter votado no atual governador) que manda a polícia trabalhar, encarar os marginais.
    Durante anos deixaram o Rio à mercê de políticos que não mexiam com o poder bandido, era obrigado até a se chamar bandido de cidadão, por essas e por outras, que hoje varrer com esta bandidagem é o mesmo que mexer em uma casa de marimbondo, permitiram que eles se estabelecessem foi tudo facilitado prá que chegassem sem problemas as mãos destes infelizes armas de grosso calibre, enquanto isso sucatearam a polícia.
    Mais vejo que a polícia hoje tem um nova mentalidade e uma nova ordem, não se acovardam nem fingem trabalhar, isto acarreta perdas de vidas de policiais que honram sua profissão e entregam sua própria vida em risco prá defender nossa cidade, ganhando mal, não sendo reconhecido pelo que faz de bom, ouvindo só críticas dos “sociólogos de plantão” que sempre opinam nestes episódios girando em suas cadeiras ensinando como deveria ter sido feito.
    Vejo hoje em dia vontade na polícia carioca e empenho dentro das condições precárias que trabalham prá arrumar a casa, não sou ingênuo em achar que no dia seguinte que O Rio foi escolhido prá sediar uma Olimpíada acordaríamos com tudo em ordem, todos os problemas solucionados, mais sei também que existem pessoas que por não ter como contribuir de maneira mais útil, incorporam os “cavaleiros do apocalipse” e como você mesmo disse Ricardo, torcem prá que tudo fique pior, mesmo que isso envolva a morte de inocentes, só para dizer que tinham razão.
    Acho uma infantilidade alguns comentários que alimentam uma rivalidade entre estados dentro do mesmo País, parece coisa de criança que briga e diz “meu brinquedo é mais bonito que o seu”, é uma pena que ainda se desenvolva este tipo de atitude, o ideal seria a união pelo bem e não torcida pelo mal.

  91. O Rio jah se mostrou competente para fazer grandes eventos, mas a um CUSTO muito ,mas muito maior que de paises de 1 mundo, o problema eh que quem administra a cidade eh um bando de ladroes que ano apos ano vem acabando com a cidade. pergunta: O Rio eh a cidade que mais recebe dinheiro publico no Brasil mas tb eh considerada a mais desorganizada e incompetente de todas. Nao seria tempo de parar de investir em porcarias e olhar para outras cidades que realmente fazem o uso do dinheiro publico honestamente como Curitiba e Belo horizonte onde se ve resultados ou investir este dinheiro no nordeste onde realmente se precisa????? chega de cidade maravilhosa, o Brasil nao se resume soh em Rio de janeiro que se transformou em uma vergonha mundial. Quando falo que sou brasileiro aqui na inglaterra as pessoas pensam logo que sou carioca, malandro e fumador de maconha.
    ..

  92. Para os especialistas em segurança pública do brasil também!!!Derrubaram só um helicótpero da pm,talvez quando derrubarem algum jumbo cheio de civis e ou um caça da força aérea esses especialistas em tomar decisões erradas mudem o discurso e talvez aprovem alguma lei que mande esses animais pro paredão e depois pros quintos dos infernos!!

  93. Você não afirmou isso que o representante do COI está afirmando portanto você , POR CAUSA DISSO, não pode ser chamado nacionalista imbecil. Mas eu chamo o representante do COI de inglês IMBECIL. Tá bom assim ??

  94. A questão não é pessimismo ou otimismo,é realismo.
    E a realidade é que a situação é crítica.
    Seis anos para reconstruir uma cidade e o que é pior sua sociedade é muito pouco tempo.Duvido que consigam reconstruir o Rio de Janeiro neste espaço de tempo,no máximo vão conseguir dar uma “maqueada” em certos lugares em que os jogos serão realizados.Quer dizer,só vai é ter gastança de grana.
    Acho que o seu comentário não agradou.Seu otimismo está exagerado.Ser otimista com politicos é uma coisa muita estranha.

  95. Acho que seu comentário foi no mínimo infeliz, até com as famílias dos que morreram e os que residem próximo e acompanharam, e turma do quanto pior melhor nos sabemos quem era tempo atrás, ou será necessário citar o que a dita esquerda fazia.

  96. Eu tenho muita esperança de que muita água vai passar por baixo da ponte até 2016 e essa porcaria de Olimpiada na porcaria do rio de janeiro, e que só serviu para encher a bola de quem não merece, ainda vai melar e vai melar feio.
    escrevam aí

  97. Alguem se lembra do “amaral neto o reporter”, tanto criticado que o mesmo fazia jornalismo chapa branca.
    Pois bem o sr. ricardo é o amaral neto do momento, chapa branca do Lula

    1. Essa oposição está desloucada e ALOPRADA, onde já se viu os deputados estaduais do PSDB, DEMOS , PPS do Rio Grande do Sul não cassaram a governadora TUCANALHA, aquela do desfalque no DETRAN gaúcho, há o Pedro Simon não usou o senado para protestar porque? E os vereadores da cidade de Saõ Paulo os tucanalhas e demos, a imprensa não fala nada?

  98. A solução para o crime organizado do Rio de Janeiro não é impossível. Basta as polícias civil e federal fazer o levantamento das práticas criminosas, localização dos bandidos, drogas e armamentos. Após, as forças armadas ( a elas os bandidos não costumam reagir) ocupariam as favelas e demais locais ocupados pela bandidagem com todo o aparato militar, inclusive carros brindados e tanques. Em seguida, a polícia militar apoiada pela força nacional de segurança desentocaria e prenderia os bandidos que ainda não houvessem fugido. Necessário seria manter a ocupação por tempo indeterminado até considerar-se resolvido o problema e não haver mais possibilidade dos bandidos reinstalare-se. Por que não se faz? Porque afetaria pessoas que direta ou indiretamente lucram com o crime: policiais, advogados, membros do MP, da Justiça, comerciantes, jornalistas, políticos e até religiosos. Evidente que não todos. Entretanto, há os inocentes úteis, pessoas crédulas que se convencem com argumentos exdrúxulos como desemprego, por exemplo. Como é que um criminosos que fatura mais de 10.000 mensais com pouco trabalhos, vai aceitar um emprego de salário minimo? Soluções são conhecidas, porem resvalam no interesse de pessoas poderozas

  99. Vc é petista demais enjoa, seus comentarios são sempre os mesmos parece que vc deve favor alguem ou precisa de emprego e triste….tenho pena desse Brasil assim cada vez mais roubado e cabide de emprego como o seu no ig e outros que vc bem sabe melhor nem falar quero continuar vivo tenho familia a criar…

  100. Sr. Ricardo, nos ultimos 10 anos o governo de São Paulo destruiu a Casa de Detenção de triste memoria onde aconteceu o massacre assistido pelos aliados do Lula e governo atual do Rio (PMDB) , e construiu quase 200 presídios em nosso estado sendo alguns de segurança máxima, enquanto o governo federal construi 03 em todo o Brasil… a polícia paulista esta equipada e ainda assim temos problemas de segurança pública … imagine agora o Rio de Janeiro onde não se faz nada para a população … será que agora com abundancia de verbas farão alguma obra para justificar os desvios de dinheiro como ocorreram nas obras do Panamericano. E ainda fala em urubuzada como se o PT do LUlinha e ZÉ dirceu sempre torceram para dar tudo certo quando eram oposição……

  101. O governo vai ter que se virar para arrumar a cidade maravilhosa , até 2016, mas tem jeito com bons projeto tudo se resolve
    pra começar direita e esquerda unidas num só ideal votando num quadro de minha própria lavra , em óleo sobre papel em votaçao em LONDRES essa semana sobre as olimpiedas de 2016 aqui o link abaixo
    claro que é pra votar na decima estrela de preferencia assim daremos oportunidade aos estrangeiros que moram no primeiro mundo de perderem mais essa

    http://www.saatchi-gallery.co.uk/showdown/index.php?showpic=236926

  102. Inglesinho sem vergonha. Quer fazer pressão no governo e população da Ilha, e menospresa o inferno em que estamos vivendo.
    E não venham dizer que sou negativista, anti-Brasil, etc e etc.
    Oque não aceito, é viver num País que é a 10ª economia do mundo(o Presidente disse que podemos ser a 5ª economia em 2016) e sermos os 70º quanto à qualidade de vida. Isto é o FIM.
    Isto faz de nós não um País de 3º Mundo e sim um País de “8º” Mundo.
    Este é um protesto de um brasileiro insatisfeito(não com minha situação financeira, que é boa) com nossa situação na saúde, educação, segurança, lazer e etc.

  103. É, reconhecer a realidade nos classifica como urubuzada.

    Melhor assistir novela e fingir que não tem nada de mais, mesmo que esteja acontecendo um assassinato na frente da minha casa.

    Tá tudo uma maravilha.

    Falou, tio.

  104. OPA! OPA! OPA!! Só que de 2005 para cá houve mais de 22.000 assassinatos no Rio de Janeiro. Qanto a Londres, não tenho a estatistica.

  105. Bom, em Londres, na Inglaterra, enfim, a LEI FUNCIONA, E O ESTADO DEMOCRATICO DE DIREITO É PLENAMENTE ESTABELECIDO.

    Não é uma PSEUDO-DITADURA como o Brasil.

    Não é um SHOW DE CORRUPÇÃO EXPLICITA como o Brasil.

    1. vc conheceu o Jean Charles ou a familia dele?Na inglaterra a lei funciona ,sim.È a” morte súbita”, julgamento sumário, mata primeiro e vê se é inocente depois. Vc bem poderia morar lá, que tal?Ser discriminado, chamado de latino etc…Se for morar lá(já que o Brasil é uma porcaria)aproveita e manda fazer bastante camisetas com os dizeres”Sou brasileiro, não atire”

  106. Por traz desta tragédia que é a violencia no Rio, eu, como carioca de quase 80, assisti como começou. Corrupção comandada pelos bicheiros infectou toda a secretaria de segurança pública. Com o passar dos anos, virou coisa corriqueira. Com a chegada do tóxico em 1963, alguns bicheiros não queriam mas logo foram substituidos. A corrupção impediu combater o tóxico com a energia suficiente e foi crescendo, crescendo e se tornou um monstro incontrolavel. É bem uma amostra do que acontecerá ao Brasil se o povo continuar aceitando o nível de corrupção que se instalou no governo federal como sem importancia. Infelizmente para nossos netos e seus descendentes caberá uma tarefa árdua. De qualquer maneira tanto a Copa quanto as Olimpíadas acontecerão e nada vai mudar, a persistir o nível de corrupção que se apropriou do Rio de Janeiro. Talvez devolver o comando da Policia Militar ao Exercito, como ,era quando o Rio era Distrito Federal, possa dar início a melhoria.

  107. Qual traficante é louco de fazer alguma besteira durante as Olimpíadas e ter o exército inteiro e a força nacional no lombo dele?

    Se o Rio não pudesse receber turistas, não seria uma cidade turística.

  108. Seria insignificante se isso fosse um fato isolado, temos que encarar nossa realidade e não ficar buscando argumentos para o caos que estamos vivendo. Comparar o Rio de Janeiro com Londres é o fim da picada.

  109. Infelizmente o jornalismo e os meios estão todos corrompidos, seja pela política ou seja pela religião. Neste país estamos adotando a situação de que não importa o que é, mas sim o que aparenta ser!!!! Aqui não é questão de ser urubu, mas parece que o Presidente Lula está fazendo como os antigos imperadores, querendo deixar registrado seu nome por suas conquistas e não por suas realizações. Se todo mundo se empenhasse com foi para a eleição do RIO teriamos um país muito melhor, as reformas necessárias sairiam, os problemas sociais seriam reduzidos etc.. Acho uma absurdo se gastar tanto somente para aparentar o que de fato não é. Desculpe, mas isso deveria ser levado em consideração!!!!

  110. Já falei que vamos fazer e vamos fazer.

    Uma das características das olimpiadas pelo mundo afora é a ameaça terrorista. Ocorreu em Atlanta em Munique e ocorrerá em todos os paises que tem forte presença armada pelo mundo afora.

    O nosso problema aqui são as leis frouxas e com várias janelas para escape, fora o povo dos direitos humanos pra bandido que brada toda vez que se coloca um par de algemas no meliante.

    Está ai, um helicóptero derrubado, um helicópitero da polícia.

    Não é só pelo helicóptero é mais por ser da polícia.
    Na replica tombaram uma dúzia de cidadãos, depois de mortos nomeados bandidos.
    Morto não fala, logo bandidos.

    Que fazer agora?
    Chamar um ultra-mega-hiper-especialista para discorrer sobre segurança nos morros e metodologia de ação contra o crime organizado ?
    Não, esses caras não sabem nada.
    Solução.
    Prender.
    Flexione o verbo prender.
    Bandido preso não atira.

    tá uma moleza pra bandido

  111. O Sr.Craig Reddie deve ser dono de agencia funerária, pois, ao banalizar aquela queda do helicoptero da PM, no qual dois soldados pereceram no momento e o outro faleceu num leito de hospital, demonstrou frieza para com os seus semelhantes, colocando em primeiro lugar a “festança” dos jogos olímpicos, para deleite seu e dos seus amigos do C.O.I. , que devem pensar e agir igual a ele. Pessoas desse tipo só pensam nelas. Entretanto, na hora de enfretarem a Madame Morte, se acovardam e tremem, com caras de bebês chorões, pedindo ao Todo-Poderosos que os perdoe e que os dexe viver um pouco mais. Assim não dá…..
    RF

  112. Lamentavel seu comentário e, mais lamentável, a comparação, não se esqueça que esta situação do RJ e do Brasil, de insegurança total e irrestrita é fruto da falta de projetos voltados para o bem estar social do nosso povo, em todos os governos, inclusive e mais grave ainda, no governo do seu amigo, que com 80% de aprovação é o que tinha mais condições de promover as mudanças, reformas, contra reformas etc que o Brasil precisa e, ao contrário, o único projeto que se beneficia da sua aprovação é o do eterno poder.
    Quem não tem projeto, após cada ato terrorista, após cada desgraça ecológica, após cada escandalo de corrupção, discursa, fala meias verdades, mentiras inteiras, atos de pirotecnia e encenações carnavalescas e de concreto nada.
    Nossos governantes tem o hábito de politizar tudo que acontece e que possa ameaçar sua imagem, assuntos de gestão viram assuntos politicos e entram no bla,bla,bla que eles tanto gostam.
    Espero que não voltes de Cuba com sua chapa mais branca do que ela já é.

  113. engraçado … com o rubinho você foi altamente pessimista falando inclusive que “o segundo lugar é o primeiro dos percedores” mas aqui você trocou as bolas e quer dar uma de otimista, seria a metamorfose ambulante do governo lula em busca de doletas olimpícas.
    em tempo : querer comparar um atentado terrorista isolado e único com uma guerra civil ñ declarada que já dura 30 anos e matou mais que muitas guerras, é demais.

  114. Sabe que só alguns brasileiros que não conhecem a realidade dessa grande casa chamada mundo – ainda pensam que só no Brasil tem tráfico, violência…
    O mais incrível é que só perceberam isso recentemente. Mesmo estando os mais pobres há mais de 30 anos sob o inferno das drogas e da violência.
    Mas quem se importava?
    Foi preciso que ela chegasse na porta dos médios medianos medíocres para que gritassem.
    Noutro dia disse a uma senhora de classe média alta que uma mãe de jovem pobre implorava que liberassem a maconha. Só assim dizia ela – os filhos dos pobres poderiam ter uma chance. E explicava: onde o médio e o rico se abastece o pobre não tem chance. Se correr o bicho pega se ficar o bicho come. E se for baleado no anoitecer – vivo ou morto só pode ser recolhido – mesmo que esteja diante da casa dos pais – no outro dia. Percebe – Ricardo? As principais vítimas das drogas proibidas são os mais pobres. Nem o prazer do consumo – apenas – conseguem. O preço que pagam em geral é a vida. Muito rápido. Mas voltando a tal senhora ela perguntou assustada à mãe pobre:
    -mas se liberar onde os médios e ricos irão comprar a droga?
    A mãe do pobre disse:
    -que tal ao lado da sua casa como sempre fizeram lá na minha?
    Pois é!
    Claro que tem comércio no asfalto.
    Mas nada se compara com o que fazem nas comundades por tantos anos abandonadas pelos governantes. Hoje temos projetos que os alcançam. Mas até pouco tempo político só aparecia em comunidade de periferia para pedir voto.
    Então que se analise todos os países e as formas de violência que alcançam cada um deles para depois gritar besteira – não é verdade Chega de achar que só nós temos mazelas sociais. Isso é burrice.
    Em tempo: que tal dar uma estrela bem vermelha ao Rubinho? Aposto que ele teria mais sorte! Ou será que ele já tem uma?

  115. no pais do oba-oba, carnaval, tudo acaba em festa, morre 25, e fica por isso mesmo, ja que o rio ja ganhou a olimpiada, e olha que é so pra sediar, imagina se ganhamos ouro, nada contra ser otimista, mas viver numa utopia é acarinhar a ignorancia.

  116. Uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa.
    Não misture Olimpíada de 2016 com a realidade do Rio 2009.
    Em 2016 o PT já terá saído do poder e as coisas poderão estar diferentes. O único que vai continuar a dar pitaco na situação
    será o Lula q vai continuar palanqueiro. O Cara!
    Fiquei impresionado com sua ida a Cuba pra “zerar” o Q.I.
    Ah então essa é a receita é?.
    E aproveite e dê uma passada nas Ilhas Virgens americanas
    pra sentir a diferença de prosperidade e liberdade dos cidadãos dos habitantes das ilhas do Caribe em relação a Cuba.
    Boa viagem!

    1. Serra não vai ser o candidato do PSDB.
      Ele não é bobo!
      Não vai deixar um eleição ganha em São Paulo pelo duvidoso.
      Veja como anda quieto.
      Já Aécio que é mais novinho – coloca as asas de fora.
      Não perde nada.
      Tem tempo.
      Melhor apostar em outro.

  117. Detesto utilizar este termo vulgar: mania de cobrir as mazelas com cuspe! insignificante é ver pessoas correndo sem saber para onde irem no momento do conflito; as emergências dos hospitais lotadas de pessoas com crise abaladas e assustadas ; temor ao pegar um coletivo e correr o risco de morrer carbonizado e crianças impedidas de frequentarem as escolas, tudo isso determinado pelo poder paralelo do tráfico. Meus caros, foram apenas 10 ônibus incendiados, imaginem se fossem 10 em cada área de conflito? O que ocorre no Rio de Janeiro e Brasil afora é a total falta de respeito com a população. Fica cada vez mais evidente que as transacionais jogaram o país num torneio sujo e, aproveitarão o ensejo para dar lucro para os gringos, enganando a população com pouco ou nenhum incentivo social. Governador, Prefeito e Presidente rindo, como se nada de grave estivesse acontecendo nesta cidade outrora maravilhosa e que não orgulha mais os seus moradores, infelizmente. Antes de arrumar a casa para os visitantes, façam o dever de casa: devolvendo a cidadania a população assustada. Creio que jornal inglês não perderia tempo escrevendo esse tipo de balloney, isso é coisa dos amigos do petit trianom que tentam com marketing barato abafar a fogueira já abrasada.

  118. Acredito eu que isso vai acabar no jeitinho brasileiro de resolver as coisas, quando estiver perto das Olimpíadas as autoridades vão subornar os chefes dos morros, para que fiquem quietinhos ate as Olimpíada passar, ai volta tudo de novo. o povo sem Malícia nas coisas, ta na cara!!

  119. Como já afirmei certa vez aqui no comentário, a frase do ano e das Olimpiadas foi dita por Lula: “Sim, nós podemos !”
    Adorei. Quisera que tivessemos sempre presidentes que dissessem “Sim, nos podemos!”.
    Basta de ouvir essa turma de que brasileiro nao é capaz de nada. Xô Urubuzada, xô cachorro louco, xô zica, te esconjuro…”
    É o poder das palavras, afirmar “Basta agir com fé que a fé vos será dada”. É o poder do homem na luta contra as suas próprias limitações, num mundo de possibilidades ilimitadas. É energia criadora, de poder lidar e vencer o intangível, de ir além. Ninguém cresce se trancando como uma ostra, ninguém navega se não deixar o cais.
    Basta dessa gente triste, com o Morrinho a frente com suas sombrias olheiras de Drácula…
    Pois bem, já desabafei… vamos ao que interessa.
    Boa viagem, bom proveito, e muito descanso. Não há gripe que resista o comunismo Cubano, pode ficar tranquilo, dessa vez vc volta curado.

    1. Quimeras, sonhos, utopias …Que bom que as pessoas tem a capacidade de divagar e poder distorcer a realidade mesmo que para massagear o próprio ego.
      A sociedade que se dane, não é mesmo?

  120. A grande verdade é que os bairros do município do Rio de Janeiro, receberão um tratamento especial em sua segurança nos meses que precederem aos eventos marcados. O problema é que esta bandidagem irá “correr” para áreas aonde a segurança pública estará mais excassa, como: as regiões serranas, dos lagos, Baixada Fluminense e outros pontos afastados do centro da cidade e sua redoma de segurança. Sendo assim, quando passar a grande euforia, todo o estado do Rio de Janeiro estará (ou já está) geograficamente nas mãos dos bandidos e nossa polícia, não conseguirá conter o grande Tsunami de violência que estará estabelecido após as Olimpíadas. E QUE DEUS NOS PROTEJA!!!!!

  121. Concordo sim, que o jornal inglês estah aproveitando uma situação que jah era conhecida… Claro q o COI sabia da fragildade da segurança brasileira, mas fizeram o q deveriam fazer: dar uma chance aa mais linda cidade do mundo… o Riode Janeiro. Eu prefiro acreditar q com tamanha responsabilidade, a copa do mundo e as olimpíadas de 2016, as autoridades brasileiras decidam realmente botar o exército p trabalhar.. eles precisam de situações reias de guerra p treinar, quer melhor? além disso, a violência no Brasil é questão de segurança nacional: função do exército garantir a ordem nacional.

    1. Exercito NÃO é policia! Nen sabem agir como tal. Treinamento militar é para outra coisa! Em tempo: o final de sua frase é EXCELENTE! (talvez não passe) : GARANTIR A ORDEM NACIONAL… já reparou que baita desordem estamos vivendo? já fizeram isso uma vez, poderiam repetir fazendo os ladrões devolverem oque roubaram e pondo BANDIDOS na cadeia ou pra Correr.

    2. Desculpe-me Tania porém não posso me calar.

      O Exercito é para defender a nação de invasão externa, para manter a ordem deveria sim existir uma PM e uma PC preparadas e bem aparelhadas para lidar com a sociedade de forma respeitosa, onde o povo tivesse confiança e não tivesse dúvida de que lado está o criminoso.

  122. Acho que os governantes ira chamar jucelino kubichek que disse “50 anos em 5”, coitado, pensou que nós iriamos ser uma grande nação quando disse, “Creio na vitória final e inexorável do Brasil, como Nação” , Creio que apressar a marcha do Brasil, ativar o seu desenvolvimento é imperativo da defesa de nossa própria sobrevivência”, ainda bem que ele não esta aqui…

  123. Rio investiu só 24% da verba prevista para segurança. O governo do Estado do Rio não consegue realizar os investimentos previstos nos orçamentos para a segurança pública – que reúne ações para as Polícias Militar e Civil, bombeiros e sistema penitenciário, entre outros. Dados do Sistema de Informações Gerenciais (SIG) da Secretaria de Estado de Fazenda mostram que, em 2009, dos R$ 421 milhões de dotação inicial para o setor, o Estado só liquidou R$ 102,1 milhões até ontem – 24,2% do total.

  124. Um helicoptero da polícia é derrubado por bandidos (“fato insignificante, afinal é tão comum esse tipo de coisa”). Este fato faz parte de um problema crônico do Rio, portanto, não pode ser atribuido à incopetência do atual presidente. O problema de violência no Rio teve um incremento assustador no governo Brizola (a Polícia foi impedida de subir os morros, para que sua filha pudesse cheirar a vontade).
    Bem, não me recordo de nenhum abatimento de uma aeronave que não tenha ocorrido em uma guerra. Portanto, colocar aspas na expressão guerra do Rio, só pode ser uma forçação de barra da pior espécie. Bastou um sábio inglês que, se andou no Rio, nunca deve ter ultrapassado a distância de 500 metros da orla para dentro falar que o que ocorreu foi um fato insignificante, para o Sr. colunista fazer um malabarismo infernal de idéias, tomar essa afirmação como verdade absoluta e falar mal daqueles que não são cegos de amor pelo PT/Lula.

  125. A lógica para quem as Olimpíadas não podem ser realizadas porque o Rio de Janeiro é uma cidade violenta, é tortuosa. Não existe lugar seguro no mundo. Depois dos acontecimentos de 2001,nos Estados Unidos, acho primário fazer uma discussão deste tipo. Uma especulação interessante, como exercício de retórica, seria perguntar: Para que servem os jogos? A perfomance atlética é parâmetro para que tipo de comparação? Não, não. Sem este papo globalizado de espírito olímpico. São negócios. De alguma forma o terceiro mundo sempre será explorado. Neste caso, com uma vantagem. Pelo menos vamos poder aparecer na tela para o mundo. E se alguma coisa der errado. Se nossas mazelas forem muito visíveis. Tanto melhor. Sob o olho crítico a tendência é melhorar ou minimizar a “patriotada” que grassa em momentos como estes.

  126. Daqui a seis anos, o PIB do país será 50% maior.
    Muito mais dinheiro na mão do povo e claro, da classe média carioca, e a droga levando sua fatia.
    A droga virá atrelada a essa proporção, e o tráfico com mais dinheiro, com armas cada vez mais potentes.
    Olha, não me surpreende se algum dia algum louco chapado não mate um monte de gente, derrube um grande avião…sabe lá, com aquelas armas; assim a título de exigir ou negociar qualquer coisa.
    Por enquanto não vou no teu palpite não Kotscho.

  127. Então, boa viagem para Cuba e espero que fique por lá, gozando das liberdades democráticas que vigem naquela paradisíaca nação. Lembranças ao Comandante!
    Outra coisa, é certo que temos 6 anos até as Olimpíadas, como Lula e seus aliados já tiveram mais de 6 para resolver um problema que já existia…

  128. As org.GLOBO, politicos espertalhões, rede multinacional de hotelaría e empreiteira desonesta entraram em PARAFUSO. Baixou o desespero total ! Prefeito correndo á Londres. Globo comparando Rio c/Londres! Governador garantindo q NENHUMA bala perdida acertará TURISTA(?!) Hoteis de rede estrangeira baixando preços de diárias. Só falta,agora empreiteira dizer q NÃO vai Superfaturar !!!

  129. O Rio de Janeiro continua LINDO ! Ninguem duvída… o problema, sei q é duro para vcs Cariocas alcaçarem uma vez q está comprovado q muito calor (cozinha) os miolos, é a roubalheira, esquemas espulios, politicagem e vergonha Nacional se tudo der errado ou um vergonhoso quadro de medalhas(tradição)

  130. Gladiador pergunta: Já encontraram as lavouras de coca no morro? Não? Ué… Como é que tanta Droga brota por lá? Já sei… As toneladas caem do céu. Gladiador.

  131. eu topo trocar de país,cidade,imovel com esse ingles idiota.estou mais admirado,ainda,com a materia do ilustre jornalista.acho que ele vive em outra galaxia e pensa que mora no Brasil.cuidado meu amigo.que o sr tenha muitos anos de vida,mas morar em cond.de luxo em SP não lhe garante tanta seguraça não..sr.jornalista,se não me engano,mais de 90% reprovaram sua opinião.pra fechar,o sr.ainda nos afronta com a mordomia que,certamente,o todo poderoso fidel lhe dispensará.é por isso que os cães famintos não querem laegar o osso.

  132. tem mais.o RJ não está em guerra.o estado já perdeu essa guerra ha mais de 10 anos.o que voltou a acontecer na ”'”cidade mais feliz do mundo” foi um “esculacho”dos bandidos na população e no nos desgovernandes pra deixarem de ser besta.hasta luego

  133. È pessoal ! Eu tenho a solução para o nosso Brasil ! Exiztem aí diversos projetos milionário e, para os quais, não existem barreira ou impossibilidades de serem executados. (Pre/Sal,reequipamento do poder bélico,Olimpiadas etc.etc. Para tudo isso existe verbas e as coisas fluirão. Paergunto: Quanto à nossa segurança ? Até quando isso vai continuar ? A Solução é: Acabar com todas as Delegacias de Policia, Todos os Presidios em todas as cidades brasileiras. Existem muitas ilhas no Brasil que poderiam ser transformads em (PRISÃO DE SEGURANÇA MÁXIMA). Constroi-se uma, e, para lá envia-se todos os contraventores de todas as cidades brasileiras, evitando assim um gasto enorme em investimentos com delinquentes irrecuperáveis. Lá, não teriam visitas, celulares e, estariam impossibilitados de continuar comandando o trafico ou outro delito. Não teriam mulheres para sexo e, tão pouco acesso a advogados de porta de cadeia. Presidios e delegacias antigas, seriam transformadas em salas de aula e hospitais. A população estaria, assim, agradecida e feliz. Pensem nisso.

  134. Eu vejo o ministro do supremo fazendo critíca porque sera
    Que ele não fas a parte dele trabalhando em prol de uma
    Justiça verdadeira para nosso pais
    Eu acho que o nosso ministro devia é pedir demisão
    E ir para o congresso porque que lugar de quem fala
    E não fazem nada.

  135. O traficante é função do consumidor:

    Logo, não existindo consumo não há tráfico.

    Estão malhando em ferro frio.

    Há que combater nas duas pontas.

  136. Ricardo,

    Este tema é polemico de mais. Passei este fim de semanapor uma que me arrependi em ter colocado minha visão e pensamento sobre a violência.
    O Rio, tem o foco dos olofotes do mundo virado para ele. Pela Copa, pelas olimpiadas e principalmente pela força e simpatia externa que o lula conseguiu.
    A violência no Rio de Janeiro não é um episódio apenas socio economico mas é também histórico.
    Podemos chegar ao tempo do império, no episódiio da Lei aurea, mas não tocarei neste assunto pois algum filhote de guevara pode me interpetrar mal e me chamar de racisrta e não enchergar que a cor da pele neste caso não tem nada a haver, poderia ser os brancos, mas foram os negros or puro capricho histórico. Hoje tem muito menos negros no tráfico, sobra decedentes de nordestinos devido o sonho do sul maravilha. Mas isto é outros quinhentos réis!!!
    Chegamos então aos anos 70 onde existia um grande presido na Ilha Grande, paraiso carioca, onde nesta casa de detenção por um erro fatidico da administração penitenciaria, misturou presos comuns com presos póliticos o qual gerou a alguns presos comuns com alguma instrução uma oportunidade de aprender administração, formação de aparelhos, como administrar, planejar e coisas assim. Aprenderam noções de hierarquia e então, um oreso chamado Ronaldo Lengrubwer fundou a primeira mafia brasileira, o chamado Comando Vermelho. Dizem as mas linguas que este nome vermelho foi em homenagem aos “vermelhos” que ensinaram as técnicas paras fundar o comando.
    Deste primeiro passo, dissidentes fundaram os demais que surgiram copíando regras e organização surgindo então o Terceiro Comando, a Falange do jacaré, e mais recente o amigos dos smigos dissidentes acho que do CV. São paulo então com o Marcola, fundou recentemente o comando da capital.
    Estes grupos são fortes, organizados, possuem defezas do seus dominios dignas de um quartel. Comunicações , códigos, tecnicas de ataque e defeza, rotas de fuga e planejamento minucioso quando pretentdem tomar um outro morro.
    São bem armados, mas bem armados que a própria polícia, chegando ao nivel de terem em seu poder metralhadoras ponto cinquenta e armas anti aéreas, como derrubaram o helicóptero neste fim de semana.
    Como isso acontreceu,? Chegamos a época do Brizola.
    Seu governo aempre foi populista ao extremo. Manteve uma politica policial branda. Porque que cocaina aqui no rio de janeiro ganhou o apilido de Brizola?
    O velho caudilho chegou ao cumulo de proibir literalmente a policia de subir os morros. Afinal, era nas comunidades pobres que ele tinha mais voto. mas, nunca fez nada pelos pobres. Apenas os Brizolões, obra e idéia do Darcy Ribeiro, o quel aplaudo e tenho o maior respeito como educador,
    Ai, veio uma gama de outros borra botas, como Garotinho, outro demagogo populista que manteve o mesmo comportamento de Brizola, veio a Binidita, aquela do PT que nada fez. Veio a Rosinha que botou o Garitinho como secretario de Segurança que ai começaram a fazer algo efetivo na segurança principalmente nas comnunidades que a rosinha tewve poucos votos. Chegou Cabral, veio bem, veio forte, junto com o secretario de segurança, esquentaram os tamborins e subiram o morro, deram tiro a rodo, mataram bandidos a rodo, o Lula mandou a força nacional. Fizeram o inferno na casa do diabo. Aí, uns sociologos de merdsa vieram e direitos humanos, e anistia internacional, E recuaram um pouco, dizendo que a inteligencia estava trabaçhando. Se o choque de ordem guerreiro, tivesse continuado na mesma força, o ocorrido sabado e até hoje, garanto não aconteceria.
    Fui militante, lutei contra a ditadura, defendi a teologia da libertação, vivi em comunidade indigena, em favela fazendo trabalho de enfermagem nas minhas férias, fundei um grupo junto com amigos chamado ronda fraterna que atendia a população de rua. Mas hoje, vendo a situação diariamente que enfrento. Minha visão mudou. O romantismo dos bandidos de antigamente que viraram lendas e romances como Madame Sãtã, Tião medonho, Cara de Cavalo, ai em São Paulo o Bandido da Luz Vermelha, e mais recentemente o Escadinha, Lucio Flavio que virou tema. Acabou. Esse negócio de ajudarem a comunidade acabou pois estão transformando as comunidades em verdadeiros infernos para os moradores.
    Militarmente eles estão em vantagem. Entricheirados no alto de uma colina com cassamatas apontadas para baixo em pontos estratégicos, um escudo humano naturalmente a seviço de suas defesas,
    O pior é que o consumo de cocaina e macoinha no Rio de Janeiro é pouco comparado a São Paulo, México, New Yoprk, Berlim.
    O problema é que tem muita oferta para pouco consumo relativamente. O território carioca é uma salsicha espremida entre o mar e a montanha. As mafias soberm o morro, e visam a ampliação de seus dominios apara faturarem mais. Por isso a tese de acabar com o consumo acaba o tráfico aqui no rio não pega.
    Vamos liberar a maconha!! Apoio, dou a maior força! Mas 50% do fsaturamento do tráfico vem abaixo. TEm que ter esta grasna. Tem que pagar munição, armas, pagar o pessoal do movimenteo, a rapaziada da atividade e ai o que fazer?
    Assalto a Bancos, a carro forte, a casas de familia, a tuirista com dolares, volta a onda de sequestro e a violencia não termina, piora.
    Acabem com o consumo mas paralelamente acabem com os traficante se não a guerra aumenta.
    Poir isso digo, não podemos estabelecer a pena de morte devido a quesatões constitucionais, a qual o amigo Fábio sabe bem. Mas podemos deixar que um policial mate em combate um marginal sem ter que preencher rios de formulários, autos de residstência e dar beijo na mão dos antropologos e sociologos dos direitos humanos.
    Tem que subir atirnado sim. Filho de boa gente não fica no caminho pois sabe onde os bandidos estão e qual a direção que a policia vai pegar poius a força policial hoje ja sabem onde estão.
    Pode sim morrer algum inocente. Mas faz parte da guerra, e vivemos uma guerra , urbana, não a nivel de um México, mas pesada, menor que a de São paulo devido a topógrafia mas, a nossa é pior pois está do lado de nossas casas seja em que bairro do rio for pois como falei, somos uma salicha espremida entre o mar e os morros.
    Temnos que ter uma politica fria e firme. Mandar bala. Faxzer a cobra fumar, saniar a policia expulsando os bandidos fardados e os agentes da civil traidores. Nossa informação é forte. Tomar os morros de assalto, por terra e pélo ar, criar em cada morro um batalhão após o exterminio dos traficantes. Exterminio sim, choque quem chocar.
    Estou pouco me lichando. Deus me entende. Afinal matar coisa ruim não é pecado, é um bem para a humanidade. e temos que pensar no coletivo e aqui no rio o coletivo sofre, e sem piada, o coletivo élietralmente assaltado e incendiado.
    Ricardo, Boa viagem. Aproveite o paradisiaco ar da Ilha, curta o colorido de Havana, dance uma salsa caliente e fotografe m uito principalmente o povo que é lindo, apesar do caótico e retrogado Castrismo que assola aquele verdes mares caribenhos.
    Este regime jsa saiu de moda, mas não fala nada nmão, escuta o que o povo vai te dizer. E nos conta. Dizem que a saúde era a unica coisa que prwestava em cuba, sei disso mas TUDO ISSO ACABOU,
    Voltando a violências, homenageio mo deputado Sivuca aqui do rio. em sua celebre frasde: “Bandido bom é Bandido morto”! Infelizmente, temos que fazer o olocausto carioca com estes caras. PIOis eles fazem o ,mesmo com a população, são os nazistas de nossa época.
    Depois do exterminio, vamos sim, educar, dar estudo profissionalizante, parques esportivo, movimwentos de arte deixando esta porção de artistas escondidos pela violencia desabrochar sem medo de sair de casa e tomar um tiro.
    Até quem hopje luta por dar cultura aos menores das comunidade é assassinado como o diretor do grupo afro ragui (?).
    Pena de vida, sim apos o trabalho de saneamento básico. Por enquanto minha visão é esta. Mudando a prosóica da frase, hoje, Pena, da vida!!!

    marcus |benedictus

    1. alo senhor marcos
      vi 2 pontos nos comentarios do senhor, mas antes digo
      meus parabens pelo conhecimento e pela sensatez.
      no primeiro posso dizer que descreveu o problema com um conhecimento historico fora do comum, somente poderia acrecentar que hoje eles usam todas tecnicas e cartilhas da epoca da guerrilha, como por exemplo se não me falha a memória, o livro ‘a guerrilha hurbana de mariguela’.
      o segundo, vejo um pouco o pavor, onde eu diria que não esta condizente com uma pessoa , pelos fatos apontados e que lutou muito.
      poderia aqui citar uma obra de maximo gorki, rale, onde o homem desintegra a personalidade pela miseria.
      poderia dizer, desintegrar a personalidade pelo medo da violencia.
      procure se inteirar, o que aconteceu na italia, apos os atentados contra os magistrados na ilha da sicilia, apos o atentado ao juiz falcone, como o exercito italiano deu um fim a questão da mafia, apesar que hoje ela tentar voltar.
      senhor marcos, gostaria que um dia um desses bandidos do morro que provocou esses assassinatos, fugisse para a italia, e o governo brasileiro pedisse a sua extradição.
      poderiam dizer, mas o italiano e um problema politico.
      agora, um guerrilheiro de morro que usam toda logistica e ensinamento de guerrilha seria simplesmente um problema social.
      depois veriamos a pessoa deste blog, a enumerar atraves de suas retoricas e parcialidades, a defesa desta pessoa.
      olhe eles ja tem new how , pois sabem como defenderem o mst, ja estão dando ate verbas.

    2. Oi Marcos, se bem entendi o seu comentário você pensa exatamente com eu, ou seja: o problema é social sim, a formação de favelas se dá pela exclusão social sim, mas, na atual situação pretender resolver o problema através de ações de inclusão social é utopia, não devia ter chegado onde chegou, mas já que chegou (e quem está governando atualmente não tem culpa nenhuma) agora o único jeito é esse mesmo, atacar sem trégua, exterminar os bandidos (deus nem precisa me entender, eu tambem não entendo ele) e não deixar outros se criarem, e se os sociólogos e antropólogos quiserem que adotem um bandido e o regenere.

    3. ¨A violência no Rio de Janeiro não é um episódio apenas socio economico mas é também histórico. ¨ Não faz nem um mês que foi feito um grande filme no tema RIo e nada disto foi comentado. Portanto, toda violência deve ter começado semana passada.

    4. Esse cidadão Marcus está perdido nesse blog, deveria frequentar o do Noblat, onde estão os grupos nazistas que escrevem os comentários mais ridículos e preconceituosos entre os blogs.
      Esse cidadão falha em todas os seus comentários, inclusive com absurdos históricos. Caro Nazi, eu era garoto e isso muito antes do Brizola retornar do extrior e já se chamava cocaína de brizola, deixa de ser ridículo e mau caráter, não sou e nunca fui Brizolista, mas não sou canalha de direita. Um cara que lembra o nome de Sivuca, não pode ser respeitado ou levado a sério.
      Além de tudo é um tremendo mentiroso.

    5. Esse cidadão, que tem nome de papa (será filho de algum ?…) não passa de um velho reacionario que repete sempre a mesma ladainha anti”comunista”, anti”esquerdista”, anti”castrista”, anti”etc”…
      Será que não dá pra inventar um pro”babaquice” só pra
      ele ficar exilado no lugar adequado ?

  137. Me acabo de rir, quando vejo esta classe média e esta elite imbecil, reclamendo da violência, como se elas fossem um exemplo de honestidade.

    Um bandido gera mais empregos, e mais lucros, que a maioria deles.

    No estado em que chegamos, a violencia, e o seu combate, se tornou um circulo vicioso auto-alimentável.

    Quantos aqui, que postaram comentários contra esta violência, não vivem a vida que vivem, por justamente, existir a violência ?

    Se olharmos bem fundo, poucos aqui, podem dizer, que não são, direta ou indiretamente, beneficiados por ela.

    A indústria do combate a violência, se tornou tão poderosa, que a violência não mais terá fim. Pelo menos enquanto ela for fonte importante de geração de riquezas.

    1. Por exemplo, o tráfico de drogas.

      A elite, a classe média carioca quer mesmo que ele acabe ?

      Ah! É ?

      Acabando com ele, o tráfico, o que vão fazer os marginais a ele ligado ?

      AH! Siiiim !!! Vão nos sequestrar, sequestrar nossos filhos, roubar nossos carrões, etc, etc, vai ser um inferno para nós. É melhor que permaneça tudo como está. Afinal, bala perdida raramente atinge algum de nós.

      Respondem silenciosamente eles para eles.

    2. Todo mundo sabe que a violencia não é causa é efeito.

      Será que não estão aplicando mais no combate ao efeito do que no combate a causa ?

      Porque insistem em fazer isto ? Por que ?

    3. Caro Vevé.

      Você imagina o numero de empresas que abandonaram o Rio de Jhameiro por causa da violência?
      Se informe amigo, o numero é assustador.
      Sabe quantas pessoas deixam de ser empregadas por que moram em comunidades violentas como ocomplexo do alemão, morro do juramento e a rocinha?
      Como você pode afirmar que a viol|ência gera recursos para o Rio.
      Só quem ganha é as funerárias!!!
      Beijos

      Marcus Benedictus

    4. Que raciocinio imbecil.
      Não obstante todo custo em vida humana e custo social, se reduz a violencia o cidadão tem dinheiro para gastar em outro setor (sem ser na industria de segurança).
      Voce deve ser daqueles que tudo no apis é culpa da “classe dominante”. lembro então que a classe operaria tomou o poder a 7 anos e a violencia continua grande.

    5. Parabens everaldo…genial sua resposta. Vamos manter a violência para garantir as benesses da classe média e da elite..segundo a sua cabeça.
      Uma pergunta cabe…a qual classe vc pertence? Se vc não é classe média e não é elite presumo que vc seja da classe pobre ou da miserável. Mas pelo geito vive a tarde toda na internet dando pitacos geniais sobre a viol~encia. Será vc sociologo?
      E viva a vioLencia?!

    6. Excelente comentário, sr. Everaldo. E acrescento que para nossa classe média, violência no mocó dos outros é refresco; a maior arte que nossa classe média pratica é jogar-se para baixo da mesa, sempre com desculpas do tipo “isso é problema deles” (como se “eles” não fossem tão cidadãos como “nós”) e derivativos da idéia “mas eu tenho tanto a perder…”

    7. Eureka!
      Dissestes tudo.
      E acrescento: médios medíocres e certas elites não querem liberação da maconha por medo de que a sociedade saiba que seus filhos a usam.
      Sabes aquela história de comprar em local permitido? Todo mundo vai saber quem compra ou não.
      Saberão até quais as faculdades são UTIs de filhos tidos pelos próprios pais como inúteis.
      Pois é.
      Sem contar que os que se acham CULTOS fingem que as crianças pobres e abandonadas não sofrem violência. E quando elas se tornam violentas – o que não acontece só com os pobres e abandonados – GRITAM! E acham que é por estarem na favela. Mal sabem que a FAVELA está lá por nossa culpa.
      De todos nós que nos dizemos ESTUDADOS – CULTOS….
      Pois é!
      Sem contar que tem presidente que fumou e não tragou.
      Com se isso fosse mérito!
      Ai se fosse o Lula….
      Estaria numa cruz!
      Tem gente que chama O CARA de pinguço por causa de uma caipirinha. E finge que não sabe que o outro fumou…
      Sei! Ele não tragou!
      Ha! Ha!
      Seus comentários vão direto ao ponto Everaldo.
      Parabéns!

    8. Oi Everaldo. Bom dia. Não entendi seu comentário. E não venha me chamar e “burro”, pois, não entendi realmente. Poderia ser mais explícito?

  138. Bom hem ir para havana bela democracia, povo efeliz vive muito bem nem papel pra limpar bunda tem é preciso jornal.Isso vc acha o melhor, pq não mora la tenta viver como o povão, vc , dirceu e outros so vão na boa ficam em bons hoteis e come do bom e melhor vai la viver vida do povo.Ficar aqui recebendo charuto cubano de graça e o fino..Eita Brasil de …….da

  139. Quanto as olimpíadas, podem ficar tranquilos, será uma das mais calmas ja realizadas.

    Marginal não é otário não

    Basta entregar esta tarefa, a de pacificar o rio, aos comandantes do COI, eles entendem muito bem de marginalidade.

  140. Que tristeza hein RK,vc já está tendo que se defender,antecipadamente,do que você não escreveu,e ainda por cima vai fazer turismo em Cuba,santa decadência.

  141. Ricardo,

    Pela terceira vez tendo postar meu comentario e não consigo.
    Perco o texto.
    Talvez seja para eu não colocar minha visão pois já deu um trelele muito forte neste fim de semana.
    Deixa eu te desejar boa viagem logo, que vurta bem a ilha e seus encantos, mas cuidado, não vá ouvir o Castro falar, no minimo duas horas.
    Bom vou tentar pela ultima vez botar minha visão assustadora para muitas pessoas e logica para muito mais pessoas.
    Não adianta se vestir de anjo quando dentro de você fervilha uma bronca do tamanho do pais desta situação toda que o Rio passa, sem necessidade.
    Ricardo, o problema é hIstórico, chega la na lei áurea mas, não vou entrar neste tema pois vão me chamar de racista quando na verdade não é um problema racial mas social.
    Vamos então para os anos 70 nas celas do presidio da ilha grande onde a falha administração provando a imbecilidade dos comandos da ditadura, colocou presos comuns com presos politicos, geralmente pessoas com otima instrução, com varias formações como sociologos, jornalistas, psicologos. No meio dos presos comuns existiam alguns com alguma intrução e noi convivio do dia a dia nos banhos de sol, nas refeições, estes receberam informações suficientes e através de varios presos politicos, sendo o mais famos o conhecido como professor, auxiliou o,m preso Reynaldo Lengruber a fundar o Comando Vermelho. Uma facção criminosa com hierarquia, manual de ordem, administração empresarial que modificopu o crime aqui no rio deixando a policia e o estado perdidos.
    Chegamos a era |Brizola. A violencia ja estava bem desenvolvida e organizada. Novas facções surgiram dissidentes da primeira. Tinha o Terceiro Comando, A falange do Jacaré, mais recente s ADA, Amigis dos Amigos, e aí em São Paulo o Comando da Capital.
    Brizola literalmente proibiu a policia de subir o morro. Devido a sua politica populista e sínica, alegou estar protegendo os moradores honestos como quem diz os bandidos somos nós!
    Vieram outros, Moreira tentou mas sohfreu muita pressão dos organismos de defesa dos direitos humanos e manteve uma polkitica branda.
    Veio poutros, Bwenedita, Garotinho e Rosinha, tdos populistas e criaram politicas absurdfas que não levaram a nada pois morro da voto, e trafiucante da dinheiro para a campanha.
    O crime organizado se fortaleceu. Chegoa ao ponto que esta.
    O rio não é um grande consumidor de drogas. São Paulo, México, New York , Berlim consome mais e a violência, salve o México não é tão grande com a do Rio. Por que?
    Pela geografia da cidade. Estamos espremidos entre o Mar e os Morros em um pequeno espaço de terra onde existe mais boca de fumo que consumidor. O que acontece é que estes dominios tem que ampliar para outras areas então, surge esta violência gerada pelos traficantes objetivando ampliar a venda de seus bagulhos. Os viciados não são culpados pela guerra. Acabar com o consumo sem exterminar os trsaficantes é colocar nas ruas devolta os sequestros, os assaltos a banco, os assaltos a carro forte e tantas coisas que a tempos sumiram do noticiário carioca.
    O ,probvlema é os traficantes e seus exercitos armados fortemente. |Bandido chama a policia para a porrada! |manda os policiais subirem o morro porque vão matar a todos.
    O que é isso? Não é uma versão tupiniquim do Bom ddia Vietnan que os vietcongs faziam com o exercito americano em uma paródia ao morivador noticiario americfano para as suas tropas?
    E agente roda as ruas do Rio, os Bairros e o que vemos, grades nas casas dos cidadões de bem. È uma invewrsão de valores pou não?
    O cidadão saim para trabalhar, para no sinal e leva um tiro porque se assustou com um meliante qeu o assaltava.
    Eu mesmo fui assaltado na porta da minha casa , a minha sorte é que minha esposa viu e soltou os seis cachorros nos dois assaltantes. Dois contra seis, imagina no que deu? Foram seis meses indo a delegacia até que um delegado de luz arquivou o processo me liberando desta cina.
    O que aconteceu com os meliantes? Mataram eles para mim quando sairam do hospital, não mandei, não pedi nada. Mas se amigos não conhecessem a malandragem a fundo, eu não estaria aqui escrevendo. Os bandidos marcam a nossa cara. Neste caso sabiam onde moro. São vingativos. Isso é vida?
    Temos sim que ter uma politica voltada para a educação e formsação profissional dos meninos dos morros mas hoje, temos que exterminar quem está na bandidagem. Depois de exterminados, presos ou mortos, criar uma politica de base.
    è mais ou menos o mesmo que Deus fez com o muindo quando mandou o diluvio porque não estava satisfeito com os homens.
    Criar terror a estes miliantes. Usar contra ele as mesmas armas psiquicas que utilizam deixando corpos em carrinho de mão no meio de praças, deixando cabeças cortadas em pacotes dentro de shopings, em fim, criando terror.
    Matou um bandido, deixa a mostra um bom tempo na entrada da favela e pega o helicoptero falando a toda a comunidade algo tipo: “SE RENDAM O PROXIMO VAI SER VOCÊ” e faz uma sonoplastia de rajadas e explosões gritos de horror. Terror psicologico mesmo.
    Ai, o Lula libera cem milhões que levara seis meses para chegar. O bandido em fração de segundos mirou o helicoptero e o derrubou. Rápido não. E a burocracia e a politica novamente emperram o cão do fuzil do Rio de Janeiro.
    Emergêndcia já! Pena de morte generica já. Tem que subior o morro atirando sim.filho de gente boa que cmora na comunidade sabe onde estão os bandidos e pode sair pelo lado oposto pois também sabe por onde a policia vai subir.
    E na guerra vidas são perdidas e sacrificadas, e não dá para esconfer. O rio vive uma GUERRA!
    Temos que fazer um olocausto com este marginal. Não exterminar em camaras de gaz, mas isola-los em presidios no meio da selva, sem visitas sem sexo e deixar eles se matarem aos poucos. Ou fazer com que produzam roupas, uniformes pré cortados, e coisas que preencham aquelas cabeças ocas.
    Mas infelismente o mais facil é atirar para matar pois o cara é preso e a lei solta. O cara volta com mais raiva e mata mais gente inocente.
    Até 2016, vão dar um geito. Veremos que vai ter muita bala correndo o céu carioca.
    De preferencia abatendo bandido.

    Perdoe a decepção que causei com min ha visão sobre isso.
    Mas não sou hipócrita.
    Continuo sendo a mesma pessoa.
    Apenas tenho gana de bandido como muita gente tem gana de barata, rato cobra. Todos são seres viventes, qual a diferença de matar um bandido de matar um rato?
    Só porque o bandido pensa? (Errado mas pensda?)

    Marcus Benedictus

    1. Gente, perdoe,

      Um detallhe,

      A violência no rio não é ideológica.
      Não é prato para poeta politico fazer apologia socialista.
      Não é tema de campanha politica.
      è grave,
      é seria,
      é uma guerra.
      Guerra esta que não adiata mandar Bil Clinton, Condolisa,
      Dima pára mediar a paz que vão levar chumbo na bunda diplomatica.
      Vamos deixar de ser sonhadores achando que a pomba da paz vai pairar no rio.
      Se pairar, com certeza vai ser abatida e comida.
      Infelizmnte é porrada seca mesmo.

  142. Caro Ricardo, todo respeito, mas o Rio é da pesada.
    Nem carioca “ixpérto” quer viver lá. O couro come
    direto. Olímpiada vai ser farra de dinheiro federal e
    garantia de muitas mortes. O ufanismo global que
    grassa por aí é em favor de meia dúzia privilegiada.
    Tomemos cuidado.

  143. não existe guerra no RJ até mesmo porque o trafico já ganhou esta guerra a mais de 19 anos.o que aconteceu neste final de semana acontece todo dia,só que em menor escala.a cidade maid feliz do mundo está citiada e quem dita as leis são os bandidos.os facinoras esculacharam a população e os politicos para lembrar que quem manda são eles .

  144. alo
    que raciocinio logico usado para esplicar os problemas de violencia no rio.
    quanto disparate e insensates. comparar um atentado em londres com os problemas de violencias no rio gerados por problemas sociais. um petista que não sabe distinguir as duas situações, dizendo que para pessoas quanto pior melhor, olhe, um petista, logico que tem de defenderem a violencia pois defendem o MST.
    quanta aberração na tentativa de justificativa da logistica do
    pessimismo e otimismo.
    baseado nessa premissa tentarei dar a minha:
    ‘um pai tinha dois filhos, um otimista e um pessimista e no natal deu um presente a casa um.
    quando o pessimista abriu o seu, tinha ganho uma bicicleta,
    e pensou do pai:que pessoa mais pão dura, poderia ter me dado um carro.
    quando o otimista abriu o seu, deparou com um monte de merda, onde saiu gritando, ganhei um cavalo, ganhei um cavalo.’
    sim tambem prefiro o otimista, pois sei que os francos atiradores do morro , poderiam dar um medalha de ouro para o brasil em tiro ao alvo, onde o partido petista poderia aproveitar para as proximas eleições para presidente(não a do ano que vem).
    bem , tenho uma visão europeia, pois distingo a pessoa da ideia que defende essa pessoa.
    estou todos anos na Italia, onde em Milão sou amigo das pessoas de idade onde todas as tardes se reunem em frente ao Theatro Scalla, para discutirem politica.
    aqui gostaria de fazer uma homenagem a um, o senhor Claudio-meu amigo, stalinista ortodoxo, mas muito realista para emitir suas conclusões. nele o homem e a ideia caminham juntos de maneira seria , apesar de eu não aprovar suas ideias, e ele sabe disso.
    com referencia aos petistas daqui, tenho muitos amigos onde o homem são pessoas integras, mas defendem de maneira parcial as suas convicções politicas.
    para a pessoa que escreve neste blog, não a conheço, mas com referencia a ideia, podeira dar um conselho:
    sempre trabalhei na area de exatas, precisamente na area de informatica ha 40 anos, onde a palavra que rege toda logistica desta área é:PENSE.
    não estou pedindo para mudar de ideia, mas PENSE, pense um pouco mais.
    ciao

  145. Bom dia leitores desta Coluna!!1
    Apresente participação é apenas para protestar por ter tido, de ontem para hoje, meus dois comentários retirados.

  146. DESTAQUE PARA TRECHO DE SUAS PALAVRAS:
    “DE UMA HORA PRA OUTRA”….KKKKK….SÓ RINDO MESMO, A GUERRA NO RIO COMEÇOU SEMANA PASSADA NÉ?
    A solução para isto é ter sido escolhido para as olimpíadas, ufa, q bom q fomos escolhidos, já pensou se não tivesse sido, até qdo teríamos o caos lá então?
    Ai santa paciência, cada vez pior

  147. Ricardo, em tempo, hoje na mídia em geral, estão as denúncias que postei ontem no meu comentário. Pare com esse negócio de preto/branco, otimista/pessimista, direita/esquerda, e nos ajude. A polícia tem dado cobertura e ajudado em determinadas invasões, isso é serissimo, deve estar havendo envolvimento das mais altas esferas de poder aqui do Rio, não temos governo, O RIO PRECISA DE AJUDA, PRECISA DE INTERVENÇÃO, SE NÃO FIZEREM NADA HAVERÁ GUERRA CIVIL.

  148. um ingles imbecil desse fazer um comentario idiota desse é atá compreensivel. agora um jornalista brasileiro com mis de 40 anos de profissão querer esconder o sol com a peneira só pode ser gozação.esse assunto é muito serio pra ser levado na sacanagem! sr.jornalista aproveite as ferias no caribe e observe a seriedade com que Fidel e os Cubanos tratam seus problemas.la,pelo menos eles tem educação,saudeee seguranaça de primeiro mundo

  149. o ex-pres.luisinacio quer um assento na ONU ele não da conta da segurança de seus eleitores como vai tratar da segurança mundial.teve muita gente boa que achou que o nobel da paz devia ser concedido ao sr.luisinacio.ora,ora esse sr.não consegue pacificar uma cidade como é que vai pacificar o mundo.escrevi 3 coments.não foram pubicados…..estranho,né não?favor publicar este e os outros omitidos.obrigado.aguardo democraticamente

  150. É espantoso como o inconsciente coletivo é manipulado pela mídia que mantém o foco do problema confinado pelo muro das intenções. Todos conhecem um pé de chuchu e sabem que ele nasce de um só tronco e vai se espalhando, estendendo seus ramos por onde possa se agarrar. Para matá-lo, basta cortá-lo á em seu tronco, próximo à semente e os ramos todos secarão. Quem estabelece e gerencia a logística do tráfico? Quem financia e se locupleta da renda? Como tal quantidade de maconha e cocaína chega aos morros, favelas e aos guetos das periferias das cidades? Os órgãos de informação e contra informação têm essas respostas, agora, cortar o cano e secar a torneira, depende dos interesses escusos que o crime organizado sustenta e mantém encalacrado e pulsante nas veias do poder. Poder podem, sabem e tem como fazer. O que falta é coragem. Gladiador.

  151. Realmente em todas as cidades grandes do mundo existe violência, veja trecho de reportagem do ultimo segundo.

    “O Rio tem uma das maiores taxas de homicídio do mundo, com 4.631 assassinatos registrados na zona metropolitana no ano passado. A título de comparação, no ano passado foram registrados 523 assassinatos na cidade de Nova York.”

    Realmente não é só o Rio q sofre com violência pessoal, sejamos OTIMISTAS.

    notícia: http://ultimosegundo.ig.com.br/new_york_times/2009/10/21/olimpiadas+podem+chamar+atencao+para+violencia+do+trafico+de+drogas+no+rio+8898960.html

  152. Porque todo indivíduo sem futuro, com complexo de inferioridade, que permanece em sua lassidão profissional, moral de caráter, etc, sempre trata a classe média de imbecil e sempre usa esse termo de comunista arruinado, pleno de ódio com ingredientes de inveja, quando trata a elite como medíocre? Sou classe média, nunca fui elite, e sempre vejo em quem luta por algo, como utéis e necessários a uma democracia. Mas os que se encostam, nada produzem e vivem seus cotidianos num destilar de veneno e ódio contra tudo e todos, deve considerar essa postura e ver na sua impotencia, no seu parasitismo e não nas pessoas produtivas, os erros a serem corrigidos.

  153. É verdade o que o maluco aí disse. Para quê as elites da sociedade iriam acabar com o tráfico se o negócio dá lucro??
    Tanto faz aqui como nos Estados Unidos, na Europa, na Ásia…é só montar o esquema e colocar o produto. Que o dinheiro chove. É disso que eles gostam, pouco importa a saúde dos outros, as mortes, as famílias destruídas, a sociedade fragmentada…

  154. Basta voce abrir o BLOG DO GAROTINHO, para observar como ele se delecia com os acontecimentos do RIO DE JANEIRO, buscando espaço politico (sorteios pelos bairros) e esquecendo, as açoes por ele e seu grupo direcionadas à politica de segurança em todo o ESTADODO RIO DE JANEIRO.

  155. Deixemos de hipocrisia, ficam metendo o pau no governo, que tal pararem de comprar drogas, só tem tráfico porque tem comprador. Tem muita gente dando uma de moralista, logo mais tá cheirando !

  156. caro Ricardo:
    Comparar Londres com o Rio de Janeiro, no quesito segurança foi demais.
    Realmente você esta precisando viajar e cuidar da sua enfermidade.

  157. Estão tentando minimizar a violência no Rio comparando com o atentado de Londres.. O atentado de Londres foi um evento em um determinado dia por outros motivos que não tem nada a ver com a tragédia que vive todo o dia o Rio de Janeiro. Atentados ocorrem em qualquer parte do mundo. O que alimenta a violência no Rio é o descaso de anos e anos de uma política que só vê pobre na hora do voto. Na falta do estado bandidos tomam conta, e quem sofre é a população.

  158. Fênix 3 em perigo, sociedade idem: legalizar as drogas é mesmo a solução?

    No último fim de semana, o Rio, o Brasil e o Mundo foram surpreendidos pela notícia de um helicóptero da polícia abatido por traficantes nas proximidades do Morro dos Macacos, em Vila Isabel, onde ocorria mais uma escaramuça entre facções criminosas rivais, que disputavam o controle do narcotráfico na comunidade.

    A queda do helicóptero Fênix 3 do Grupamento Aeromarítimo (GAM) da PM, que deixou três policiais mortos e outros dois feridos, produziu imagens dignas do filme Falcão Negro em Perigo, que retrata o drama dos tripulantes de dois helicópteros Black Hawk do exército americano abatidos por guerrilheiros somalis em 1993 e dos soldados enviados para resgatá-los, durante a desastrada intervenção militar dos EUA na Somália. A repercussão nacional e internacional de tais imagens fizeram ecoar outra vez o discurso de que as políticas clássicas de repressão têm sido um fracasso e que a solução para acabar com a violência associada ao narcotráfico está na legalização da maconha no Brasil. Será? Vejamos…

    Primeiro: embora não devam ser tratados da mesma forma que os traficantes, os usuários são, sim, responsáveis solidários pela violência na favela e no asfalto, pois o dinheiro que eles usam para sustentar seu vício acaba sendo usado para girar a roda de violência e corrupção do narcotráfico.

    Segundo: os defensores da legalização da maconha gostam de citar o exemplo da Lei Seca como justificativa para a sua causa. De fato, com a revogação dessa lei, a violência associada ao comércio clandestino de bebidas alcoólicas nos EUA praticamente cessou, mas as doenças associadas ao álcool continuaram matando e muito mais do que as armas dos gangsters. Ou seja: o álcool nos EUA deixou de ser um problema de segurança pública para se tornar um problema de saúde pública e assim será também com a maconha no Brasil. Não que a erva seja letal, mas seu uso é, comprovadamente, uma porta de entrada para drogas mais potentes e perigosas e a legalização da maconha fatalmente faria aumentar o uso de outras drogas, o que sobrecarregaria os já saturados serviços de saúde do País. Como se já não bastassem os problemas causados pelo álcool e pelo cigarro, que são legais e são as drogas que mais matam no Brasil e no Mundo…

    Terceiro: os defensores da legalização da maconha gostam de citar a Holanda e outros países da Europa Ocidental como exemplos de países onde seu uso é legal e os índices de criminalidade são baixos. Porém, eles se esquecem de dizer que, mesmo antes da legalização, não havia facções criminosas como as que atuam no Rio e que a produção e o comércio atacadista das drogas consumidas nesses países são controlados, em sua maior parte, por organizações como a Camorra, a Cosa Nostra, a Yakuza, as máfias russa e chinesa, as FARC e os talibãs do Afeganistão. Ou seja: o passivo de corrupção e morte gerado pelas drogas não está em países desenvolvidos, que são centros consumidores, mas em países emergentes e subdesenvolvidos que funcionam como centros de produção (como a Colômbia, a Bolívia e o Afeganistão) e de distribuição (como o Brasil).

    Quarto: não se tem notícia de nenhum país que tenha partido de uma situação semelhante à do Brasil e tenha conseguido resolver o problema das drogas por meio da legalização destas, mas sabe-se que a Colômbia, que há décadas vive em estado de guerra civil, está conseguindo vencer a narcoguerrilha e pacificar suas principais cidades, outrora dominadas por criminosos. Tudo isso, com políticas convencionais de repressão (apoiadas pelos EUA, diga-se), de recuperação de áreas degradadas e de inclusão social, sem espaço para o discurso legalista que seduziu parte do segmento formador de opinião da sociedade brasileira.

    Quinto: o narcotráfico não vive apenas de maconha, nem esta é seu produto mais rentável. Portanto, ao contrário do que dizem seus defensores, a legalização da erva não enfraquecerá os traficantes, nem os fará depor suas armas. E mesmo se houvesse queda de lucro, os traficantes compensariam isso com roubos ou sequestros, como fazem quando a Polícia executa ações de asfixia ou pacificação de comunidades. Convém lembrar ainda que, nas comunidades sob seu controle, os traficantes têm outras fontes de renda, como a “proteção” (leia-se: extorsão) do comércio local, as ligações clandestinas (gatos) de água, luz e TV por assinatura (gatonet) ou mesmo prostituição infantil.

    Por último, legalizar pressupõe tributar e, por isso mesmo, os defensores da legalização da maconha argumentam que os impostos arrecadados com o comércio regular de maconha seriam revertidos em benefício da sociedade. Porém, assim como ocorre com o álcool e o cigarro, o dinheiro arrecadados com a tributação da maconha, se não fosse desperdiçado ou desviado, acabaria se perdendo no custeio de doenças associadas ao consumo das drogas para as quais a erva serve de porta de entrada e isso, sem considerar as perdas de produtividade ocasionadas pelas mesmas. Além disso, o sistema tributário brasileiro é um convite à sonegação e isso, juntamente com uma fiscalização precária (quando não ausente), permite dizer que o comércio irregular da droga continuaria firme e forte.

    Isto posto, conclui-se que a legalização da maconha não ajudaria a resolver o problema da violência associada ao narcotráfico. No máximo, transformaria uma questão de segurança pública em uma questão de saúde pública, como se já não bastassem as doenças associadas ao álcool e ao cigarro, os acidentes provocados por culpa ou dolo de motoristas sóbrios, ébrios e entorpecidosl… O comércio ilegal continuaria firme e forte; as balas de suas armas, perdidas ou não, continuariam derrubando cidadãos de bem e do mal, na terra e no ar. Fênix 3 em perigo, sociedade idem.

  159. Respeito o ilustre jornalista por seu comentário. No entanto é difícil aceitar mais inconsciência governamental. O Rio de Janeiro sofre há mais de 20 anos com o problema da violência. E é diária. Quando há às Olimpíadas é porque a violência é diária. Pergunto: quantos atentados há por ano na Inglaterra?

  160. Ao Senhor Enio.
    Sr. Enio. Boa noite. Como o Senhor fez menção à maçonaria, tomo a liberdade de contar-lhe algumas coisas sobre ela. Existe uma diferença “abismal” entre maçons e Maçonaria. Os maçons são “seres humanos”, com suas “qualidades e defeitos”, e que, na insatisfação trazida pelo cotidiano das sociedades humanas, procura na sabedoria os subsídios necessários para compreender, aceitar e, principalmente, aprender como resolver e transpor os obstáculos que o destino impõe. Como já disse, são “humanos” e como humanos, alguns se perdem no caminho e passam trinta, quarenta anos, adornados pelas luzes de seus autos graus filosóficos, e morrem pranteados, sem ter avançado moralmente “um dedo”. Outros não. Trabalham no silêncio; na madrugada das ruas; nos bairros miseráveis da periferia levando pão e esperança, fé e possibilidade de trabalho. Nos asilos de loucos, de crianças e de velhos, levando calor, remédio e alegria, tentando trazer os mais conscientes para uma festa, a grande festa das POSSIBILIDADES. Maçonaria não é religião. A Maçonaria é o único caminho que leva a desvendar os mistérios de onde estão as chaves que vão abrindo as portas do conhecimento e da sabedoria universal nos mostrando o “quem somos e prá onde vamos”, pois, “de onde viemos e onde estamos”, a realidade revela. Que a Suprema Inteligência possa te encharcar de luz. Gladiador. (é meu nome).
    Em Tempo: Quanto ao seu comentário indignado, compreendo e acredito ser justo, pois o impulso da revolta tolheu a capacidade de perceber que, por traz das palavras duras e contundentes, está a verdade fria e nua. Gladiador.

  161. A elite do Rio apoio o carnaval que é financiado pélo trafico, a elite do Rio consome muitas drogas, até artista consume droga e são uns coitadinhos.

  162. Ricardo chama o lula para morar no RIO DE JANEIRO, IGUAL o mario covas falou que ia fazer na febem imigrantes , se tivesse uma nova rebeliao. TEVE ELE MANDOU DEMOLIR TUDO. so com muito trabalho e possivel salvar a CIDADE MARAVILHOS NAO COM POLITICA CHINFRIM IGUAL A DO LULA E DO cabral.

  163. Incrível como tem gente que defende a bandidagem aqui. A lei é muito branda aqui no Brasil. Por isso surge essas aberrações. Por mim acabava com o Rio Babilônia e recomeçava do zero aquele inferno. Senão que as leis sejam duras e respeitadas, não há outra opção senão uma organização séria.

  164. muitos esquecem o que aconteceu em plena Europa durante Plena Olimpíada em Munich em 72..
    ou seja onde é totalmente seguro? lugar nenhum provavelmente

  165. Nunca fui pobre e ja comprei maconha. Se eu fosse pobre e morasse em favela, não pensaria duas vezes em ser um honesto trabalhador da indústria do tráfico, se essa fosse a única oportunidade para crescer e progredir na vida, não obstante os ri(s)cos! Demagogia ou perdi a noção da realidade?

  166. Tem que ser muito escroto para imaginar que a guerra civil do Rio é insignificante, há no brasil (minúsculo mesmo) uma espécie de relação descarada entre o crime e o estado (minúsculo também) e certos pretensos formadores de opinião, de fato um se espelha no outro, o qu importa nesta terra desde os tupiniquins são as miçangas e espelhinhos e nós sabemos como aquela história acabou para os tupis.

  167. Não haverá polícia que acabe com a violência produzida pelo tráfego de drogas enquanto a sua venda e consumo forem considerados ilegais.O grande mal das drogas está na sua ilegalidade.Coloque a produção e o consumo do álcool na ilegalidade e nós voltaremos rápidamente aos velhos tempos de Al Capone.

  168. Inglesinho sem vergonha. Quer fazer pressão no governo e população da Ilha, e menospresa o inferno em que estamos vivendo.
    E não venham dizer que sou negativista, anti-Brasil, etc e etc.
    Oque não aceito, é viver num País que é a 10ª economia do mundo(o Presidente disse que podemos ser a 5ª economia em 2016) e sermos os 70º quanto à qualidade de vida. Isto é o FIM.
    Isto faz de nós não um País de 3º Mundo e sim um País de “8º” Mundo.
    Este é um protesto de um brasileiro insatisfeito(não com minha situação financeira, que é boa) com nossa situação na saúde, educação, segurança, lazer e etc.
    NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES SÓ VOTAREI EM NOMES DE POLÍTICOS NOVOS- OS ATUAIS E OS DO PASSADO NÃO VALEM A MER.DA. QUE FAZEM.

    PS: aos cegos; o número de mortos desta última invasão nos morros cariocas logo passa ao nº de mortos do atentado ao metrô londrino(lamentavelmente).

  169. Bom dia Ricardo,

    Pra vc q gosta, como eu, do cotidiano das pessoas.
    Olha o q aconteceu comigo:

    OS CORAÇÕES DOS HOMENS

    Mês passado, estava na linha independência/centro, este ônibus no horário do almoço é sempre lotado, tem estudantes, idosos e adultos indo para o trabalho. Chegando ao posto de saúde da esplanada, adentra um jovem com aparência de uns 25 anos, com uma deficiência na perna e no braço, ele se posta na roleta do ônibus e conta a sua história: “sempre fui um jovem trabalhador, mas por ironia do destino, tive um acidente de bicicleta q me deixou nessa situação. Já fui copeiro, empregado doméstico, já trabalhei até de faxineiro, nunca tive medo de trabalhar. Não tenho pai, minha mãe se encontra doente, estou com a conta de luz sem pagar e sem gás na minha casa. Vim aqui pedir sua ajuda, pois preciso muito”. Confesso q fiquei emocionado, uma pessoa q não tem medo de trabalho, ficar debilitado, sem apoio, sem nada, q sofrimento. Meus olhos se encheram d´agua, tamanho era o sofrimento daquele rapaz. Não só eu, mas muitos no ônibus se emocionaram, prova disso, q muitos ajudaram, vi senhoras revirarem suas bolsas a procura de moedas, todos ajudaram, eu mesmo, sacrifiquei meu refrigerante da hora do almoço, observei q o valor arrecadado daria pra ele pagar a conta de luz (2 pessoas somente) ou pelos menos metade do gás de cozinha. Notei q nós montesclarenses, não somos frios, ajudamos mesmos quem precisa, pessoas q talvez nem tinha muito dividiu com aquele coitado. À noite cheguei em casa, contei a história à minha esposa q sempre reclama de como os passageiros de ônibus são mal educados, e dormir feliz pensando na bondade das pessoas .

    Moro totalmente ao contrário de onde trabalho, por isso todo os dias pego moto táxi para ir ao trabalho. Acordei nessa primeira segunda do novo horário de verão, atrasado, sai doido à procura de moto taxi, cheguei no ponto, tinha um só, qdo fui pegar, chegou um rapaz me pedindo pra ceder meu lugar, pq um parente dele havia morrido e ele precisa muito ir ao enterro.

    Nessa hora meu coração disparou, minhas pernas amoleceram, bem à minha frente, me pedindo pra ceder a vez, estava o rapaz do ônibus totalmente curado, com a mão e perna tão normais quanto as minhas, fiquei sem palavras, não conseguia falar nada, simplesmente cedi o lugar, e o rapaz numa extrema agilidade subiu na moto e foi embora. Fiquei desolado do mundo, imaginando quantas pessoas foram ludibriados por este rapaz, e como ele atua bem, suas palavras e gestos comoveram a todos aquele dia no onibus, e agora ali na minha frente mentia novamente pra eu poder ceder meu lugar.

    Perdi parte do conceito q tinha das pessoas, fiquei desiludido mesmo.

    Liguei pra minha esposa, contei à ela o ocorrido, ela riu de mim.

    Na hora do almoço, ainda desolado, entrei no ônibus pra ir no centro almoçar, sentei quieto no meu lugar, e pra minha surpresa, chegando no posto de saúde do esplanada, de frente a roleta, estava lá o rapaz no seu teatro ambulante, bom ator seria ele. Deixei ele falar, a mesma história de sempre, q já sabia de cor e salteado. Depois q terminou de falar, mas dessa vez ele disse q tava indo pra fisioterapia, pedi q me mostrasse um cartão/comprovante, não tinha, uma receita de medicamentos, não tinha, atestado nada. Aí fui minha vez de entrar em cena, contei a minha historia aos passageiros, e lavei a alma. Houve uma doação de um senhor q antes dele acabar a historia, emocionado, já estava lhe dando 2 reais e ninguém mais se comoveu. O rapaz ficou ainda na frente da roleta nos próximos dois sinais, me fitando nos olhos, com raiva. Desceu na Autonorte. Eu fui almoçar feliz, por numa manhã ter passado por essa experiência vida, de conhecer os corações dos homens.

  170. No sábado dos fatos ocorridos eu estava no Rio ( moro no interior ) e o que mais me impressiona é que estando eu na zona sul nada parecia estar acontecendo a não ser pelo rádio ligado.Aonde vamos parar com essa violência se tornando tão banal? Não consigo acreditar que eu entro num shopping para fazer compras e lá fora estão derrubando helicópteros.Eu não sei o que fazer, por isso não me candiadto a cargos que exijam de mim esse conhecimento, mas senhor presidente, senhor governador , senhor prefeito e parlamentares, precisamos de ações efetivas.
    No aguardo…

  171. Carreira Alvim,teve seu HC indeferido pelo plenário do STF,embora,Melo&Melo,juntamente com o presidente,tenham colocado todo seu poder de fogo,para reverter.
    Não foi aceito o HC sob a tese de que,não se aceita HC,contra ato de relator,ou seja,o eminente relator torna-se um déspota,ou um próspero comerciante.
    Hoje sobrou para o Carreira Alvim, amanhã poderá sobrar para você,ou,para mim.
    Enfim,perde o jurisdicionado seu direito de defesa, garantido na constituição,para preservar à autonomia do relator.
    Vou rezar, para que não aparecá, nenhum banqueiro italiano,na vida do Toffoli.

  172. Cuidado com eventual transporte de algum vírus nocivo ao “comandante”. Com a saúde abalada, um virus que vc possa facilitar a hospedagem, nos privará do convívio salutar que tal figura nos proporciona. Essa história de que o Sol caribenho é saudável, deve ser fofoca daqueles que desejam o desaparecimento do líder aposentado. De qualquer forma, feliz estadia e breve regresso e parabéns ao seu “velho amigo”.

  173. Todas as pessoas de bem q conheço querem q os bandidos fiquem presos nas cadeias e q se construam mais e quantas forem necessárias p/trancafia-los. PERGUNTA: Por que não o fazem….! Pessoas de bem gostariam de ver enormes prisões agricolas ilhadas, junto ás nossas extensas fronteiras e com grande contingente militar lotados em Vilas/cidades familiares c/altissimo padrão de vida. Perceberam… FRONTEIRAS,DESMATAMENTO,CONTRABANDO,ARMAS, DROGAS e BANDIDOS matamos dezenas de coelhos c/ùnica cajadada.! Politicos CORRUPTOS, facilimo comprovar, sumariamente rápido, basta querer, APRISIONADOS e apenados trabalhando para as comunidades mais carentes através de pequenas empresas destes e tendo que trabalhar sério e honestamente para merecer seu próprio sustento… todas as pessoas de bem comemorariam! Talvez e unicamente os direitos humanos, a praga dos séculosXX e XXI orquestrados pelas multinacionais que tem grandes interesses para q os países pobres continuem pobres, CORRUPTOS e CORRUPTÍVEIS, eles e sómente eles continuariam mentindo e fazendo oba oba atravéz da midia e apostando nos inocentes ùteis q acreditam nestes malandros que afagam, unicamente aos BANDIDOS, disseminando a desordem social.

  174. RK, lhe desejo boa viagem, quando voltar vai encontrar a notícia contida no Estadão, estonteante: Pequeno traficante de drogas não será condenado à prisão. É mais uma dúvida para o julgamento, ou melhor, provar que o réu é um grande traficante para permanecer preso. Será que o pai que tem um filho viciado em droga, que quando acometido de crise de abstinência, pratica furtos, roubos e até fere alguém para a obtenção da droga, sustentando o traficante com dinheiro obtido nesses crimes, malgtratando os familiares que tiram o pão da mesa para pagar o tratamento desse filho, vai gostar dessa posição da justiça?
    Por outro lado, vejo que nenhum traficante vende somente uma única poção de drogas e assim sendo, ao vender a segunda poção, já caracteriza reincidência. Será que o ”pequeno traficante” recebe a droga do então ”pequeno produtor”? É a verdadeira estória da carochinha,
    Outra notícia, desta feita referente ao menor de idade, em São Paulo, da conta que a polícia apreendeu um garoto de 12 anos, dirigindo um veículo ”em companhia da mãe”. O estranho é que foi pela 13a. vez e as vezes anteriores, foi na posse de veiculos por ele furtados e desta vez como as anteriores, foi liberado pelas autoridades, nem foi encaminhado para a ”Fundação Casa” onde seria reeducado, já que a própria mãe ”autorizava” esse ato.
    E acham que liberá-lo estão cumprindo a missão de fazer polícia. Ele vai, como está, continuar à prática desse ato infracional e ser apreendido por muitas e muitas vezes, ou seja, furtando veículos, sendo conduzido ao DP e divertindo-se com suas inúmeras passagens. É incrível essa situação e ninguém mais nota, fica claro que o ilícito já é uma cultura. Ainda bem que estamos numa democracia onde podemos criticar essas situações.
    Vejo uma propaganda política onde um candidato se intitula descobridor de petróleo (pre-sal), dizendo que já sabia da existência dos possos, mas, quando estava no poder, fez um ”monte de buracos” que custou uma fortuna, um prejuizo enorme para o Estado de São Paulo, sem nada encontrar, é mesmo uma piada! Acho que de agora em diante vou comenar apenas futebol, até jogos-de-botões, pois, esses absurdos vão acabar com a minha paciência. É isso meu irmão, está acabando o meu jogo de cintura com essas moscas que são sempre as mesmas.

  175. Urubuzada, da uma olhada nos hospitais federais pelo Brasil a fora, e estradas por fazer,, e bota uma grana federal em olimpiadas, que so vão fatura uma duzia de empreiteiros, até as damas da noite vão ganha e o povão vai é fica nas filas do sus..é melhor se um urubu consciente que jornalita chapa banca.

  176. Sr. Ricardo K. “Cidade …! maravilhosaaaa, cheia de encanto mil”, estou escrevendo de “cabeça”, me perdoem os preclaros cariocas pelos erros. Conheci o Rio de Janeiro na ensolarada manhã de 14 de março de 76. Imagine o deslumbramento de um forasteiro das plagas matogrossenses, que nunca tinha se afastado, sequer, do próprio bairro onde morava!…Me lembro que, o que paguei ao taxetista da novo Rio(terminal) ao Realengo, era muito superior ao que tinha pago de passagem de Campo Grande(MS) ao Rio. Voltei muitas outras vêzes ao Rio, mas sempre me lembro dessa primeira vêz, quando chego lá. Naquela época o Rio ainda era inocente…, um pôvo encantador, voluntarioso, festeiro e solidário. Essa bela designação “Cidade Maravilhosa” precisa prevalecer, tal qual foi no passado, nos eventos vindouros. A violência, que é uma manifestação de grupo social, portanto criado pelo ser humano e que está ao nosso alcance, porque não pode ser eliminado ?, ao contrario dos cataclismos naturais dos quais somos impotentes? Houve todo esses contratempos, vidas ceivadas, helicoptero abatido e a repercussão internacional. Mas, problemas existem para serem solucionados. Rio deve voltar a ser a ‘Cidade Maravilhosa” verdadeira, como foi no passado.

  177. OLIM PIADAS, ISSO SIM, CADE O FIM DA VIOLENCIA, DO CAOS NA SAÚDE PÚBLICA, A MELHORIA DA EDUCAÇÃO, DO TRÂNSITO DO RIO?
    NISSO, ESSE GOVERNINHO FEDERAL NUNCA PENSOU…
    É SÓ PÃO E CIRCO, BOLSA MISÉRIA E FANFARRONICE!
    DÁ VERGONHA DISSO!

  178. vcs da esquerda:
    1) sao sempre tendenciosos (pra esquerda claro)
    2) adoram beber Uísque 18 anos, fumar cohiba e beber porto 50 anos
    3) criticavam, criticavam, criticavam….agora que estao no poder, NINGUÉM pode mais criticar=tirania
    4) odeiam o trabalho duro
    5) adoram um encosto…para mais uísque, cohiba e porto…

  179. O PPS quis ser o herdeiro do antigo “partidão”, o velho PCB que deu origem ao PCdoB e ao minúsculo PCB que se mantém ortodoxo. Mas, na prática, o PPS é somente o braço da direita do PSDB e a ala mais radical do PFL; ou seja, é um pedaço da UDN. O PPS apenas usa o passado do PCB para prestar serviço ao PFL e ao PSDB. Nessa festa, o PPS foi contratado para dar um pouco de tom vermelho no arraial da dupla “demo & tucano”.
    O PPS mudou até de gosto musical; deixou de entoar a Internacional para cantar “Freak Le Bum Bum” da sua maior estrela musical, a cantora Gretchen.
    O PPS é uma legenda de aluguel. O PPS não tem vida própria, é apenas cartorial. O PPS vive de alugar a legenda para políticos mais diversos. Já serviu para o “moto-serra” Blairo Maggi, governador do Mato Grosso. Serviu ao governador do Amazonas Eduardo Braga; serviu ao Ratinho Jr. no Paraná; serviu ao Romeu Tuma Jr e serve, em todos os estados, para abrigar políticos conservadores, que não encontram espaço no PFL nem no PSDB. É uma espécie de estacionamento de políticos tradicionais que usam a legenda e, depois, vão embora.
    O PPS virou o “lixão” da política brasileira. O PPS polui o meio ambiente político.
    O PPS combateu a candidatura da Heloísa Helena porque era “esquerdista” e apoiou o candidato da Opus Dei, o renovador carismático Geraldo Alkmin. Agora o PPS é contra a candidatura de Marina Silva e ela só será elogiada se servir a candidatura Serra. O PPS está com o Serra e Kassab, que deu emprego no Conselho Administrativo do metrô de São Paulo ao ex-deputado Roberto Freire. O PPS trocou o “ouro de Moscou” pelos “reais do metrô”. No Rio Grande, o PPS é o defensor desvairado do governo corrupto da Yeda Crusius. Onde existe governo demo ou tucano o PPS está lá pendurado, controlado. O PPS é o “nanico” preferido da direita. O PSDB e o PFL agradecem tanta dedicação. O PPS não quer nada com a esquerda.
    O PPS é de direita e o Freire é um Carlos Lacerda sem óculos e sem brilhantina. É o tipo conhecido do ex-comunista arrependido e prestativo. Lacerda era o “corvo”, Freire é o papagaio dos tucanos. O PPS é o “louro José” do PSDB.
    O PPS trocou o “socialismo real” pelo “neoliberalismo total”. Trocou as bandeiras da reforma agrária pelos ataques aos movimentos camponeses, principalmente ao MST; não quer saber de movimento sindical, nem de greve, nem de nenhum movimento social; e combate a UNE pela direita. É pela privatização de tudo. Desde o Banco do Brasil até a Petrobrás. Se puder, privatiza até a TV Cultura e a sede da FUNAI. O PPS é contra as quotas, Bolsa Família, previdência estatal, reuni, reforma agrária e tudo que for reforma. O PPS está contra Chavez e Evo Morales. Como FHC, o PPS prefere Bush ao Obama. O PPS está a direita do Lampreia e da Leitão. Combate tudo da esquerda e tanto que constrange até o DEM. O PPS é apenas uma sigla eleitoral de direita, sublegenda domesticada, um apêndice do PFL e do PSDB.
    Freire é tão neoliberal que privatizou o PPS, entregue ao DEM e ao PSDB.
    O PPS é de direita. Trocou Leandro Konder por Olavo de Carvalho; trocou Carlos Nelson Coutinho por Diogo Mainardi; trocou Milton Temer por Reinaldo Azevedo. Os três elogiam e são elogiados pelo PPS. O jornal do PPS é o Globo e a revista é a Veja. O PPS combate hoje o governo do PT não para avançar na direção de um governo de esquerda, mas para trazer o PFL e os tucanos de volta. O PPS combate o PSOL e o PSTU, porque são esquerdistas. O PPS só entende de trânsito, anda pela direita com o PFL e com o tucano. Afinal, o PPS irá se fundir com o PFL ou com o PSDB?
    O PPS morreu. O PPS é um defuntão!!
    Paulo Todero

  180. Boa viagem.
    A cada evento desastroso no Brasil aparecem especialistas de toda ordem, então, pergunto: já que há tanta gente que entende de segurança, de crise financeira, de educação, de saúde pública, de transporte coletivo e público etc; por que a sociedade brasileira ainda é vítima desses problemas?
    P.S. Em uma entrevista, Kotscho, você disse: “atualmente, a imprensa é feita por opiniões”, ou seja, a pauta é bater, é encobrir verdades e fatos, mentir por meio de opiniões pouco relacionadas com os fatos, melhor, com a sucessão de fatos.

  181. Concordo com vc , em genero, número e grau.Já chega! Já deu! Não aguento mais ler, ouvir e ver esses exageros de espaço e tempo na mídia sobre a violência no Rio de Janeiro. “Casal de brasileiros é espancado no metro de Paris” Cadê essa notícia nas primeiras páginas dos jornais?Já pensou se fosse ao contrário”Casal de estrangeiros é espancado no metro do Rio”.Sairia nos jornais do mundo todo e até na CNN.A quem eles pensam que ajudam, com esse exagero de notícias? Com certeza não é a população.Menos…imprensa, menos…..

  182. IMAGINA SE FOSSEM VEREADORES DO PT, TODA A MÍDIA ESTARIA EM MANCHETE E A GLOBO NOTICIARIA COM DESTAQUE, MAS COMO FORAM CASSADOS EM SÃO PAULO, 13 VEREADORES DOS TUCANOS ,DOS DEMO E SEUS ALIADOS, O SILÊNCIO DA MÍDIA GOLPISTA SE FAZ PRESENTE. O MESMO SILÊNCIO SOBRE A CORRUPÇÃO QUE CAMPEIA NO ESTADO DE SÃO PAULO HÁ MAIS DE 16 ANOS…

  183. Supremo fixa em 30 dias prazo para autoridades convocadas como testemunha prestarem depoimento
    Por unanimidade, o Plenário decidiu que as autoridades que detêm a prerrogativa de marcar data e local para serem ouvidas como testemunhas em processos penais têm até 30 dias para prestarem seu depoimento. Depois desse prazo a prerrogativa deixa de valer.
    Deputado Federal,RAUL JUGMANN (PPS-PE),falta audiência pactuado com o juiz por “CINCO”vezes, o honorável politico é testemunha do não menos honorável, Deputado Federal do PAULO PEREIRA DA SILVA,(PDT-SP),”Brizola deve estar se revirando na tumba”
    O honorável Deputado Federal do RAUL JUGMANN (PPS-PE) é um parlamentar de conduta tipica de politico,vejam suas declarações no blog.do Ricardo Gama.
    Deputado Federal Raul Jugmann conversou comigo sobre o caso da depredação e o fogo nos trens da Super Via, comentou também sobre o fato do Governador Sérgio Cabral ter chamado o povo trabalhador de vagabundo.
    Em suma, o Deputado Federal Raul Jugmann, ao contrário do nosso Governador Sérgio Cabral, entende o sofrimento do povo trabalhador, e acha um grande equívoco do governador chamar o povo de vagabundo.
    Vagabundo é quem !

    O honorável JUGMANN na primeira vez que marcou e não compareceu, alegou uma cirurgia,na segundo vez que marcou e não compareceu, alegou uma viagem, na terceira vez que marcou e faltou alegou que estava em reunião, em uma comissão, na quarta vez que faltou o fujão já não disse nada, é EVIDENTE sua manobra, afinal o corporativismo é marca registrada entre os integrantes da mesma vara,e sendo para prejudicar o povo trabalhador, já sabemos como estes
    costumam proceder,da mesma forma que procede MARCOLA, quando está defendendo os vagabundos de sua QUADRILHA.
    O eleitor de quatro em quatro anos, tem a oportunidade de livrar-se desta laia, sabe que reeleger quem age desta forma,significa dar um tiro no próprio pé.
    Reeleger significa colocar uma raposa, para tomar conta do galinheiro.
    O resto vocês acompanham no site do STF

  184. Vai para Havana? Não esqueça de levar seu papel higienico…ah! vc não precisa é amigo dos heróis da revolução em quanto que povo cubano passa fome. Leia a reportagem de Yoani Sánchez, esta sim uma cubana de verdade e não apenas uma turista priveligiada.

  185. Não me fartei de ouvir que temos muito que investir na Saúde, na Educação e a escolha do Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas comerá recursos para essas áreas. O mesmo ouvira eu quando adolescente, lá em Jatai, com relação a obra extraordinária de Brasília. Diziam que jogavam dinheiro fora quando JK anunciou a abertura da Belém-Brasília. Alegavam ser esse longo caminho o Caminho das Onças.
    Viva as Olimpíadas no Rio de Janeiro. Viva o Lula, o maior dos nossos presidentes e o maior dos brasileiros vivos.
    Filadelfo

  186. O que vejo é comentarios racistas de uma elite que se acha acima do bem e do mau.afinal quem compra drogas.somos nos nordestinos ou os barões da zona sul do rio.

    1. Oi Farias. Bom dia. Para a desgraça da humanidade, a droga está presente em todos os níveis da sociedade. No Nordeste, o polígono da maconha. No sul e à oeste,, as fronteiras escancaradas facilitando o narco-contrabando. É o sinal dos tempos modernos a nos convidar a rir ou a chorar. Gladiador.

  187. Espero que o passeio esteja sendo maravilhoso.
    Quando estive na ilha fiquei encantada com o acesso de todos a universidade, férias na praia, discotecas, saúde… até unha encravada mesmo com toda a dificuldade por CULPA DO EMBARGO DOS GOVERNOS AMERICANOS QUE SE ACHAVAM OS DONOS DO MUNDO – era tratada como prioridade. Tudo era prioridade. E as crianças tocavam instrumentos musicais – DIVINAMENTE – mesmo colcados com esparadapros. A ilha vivia a maior dificuldade financeira mas o POVO EM GERAL SORRIA, cantava, dançava e NINGUÉM PASSAVA FOME. NINGUÉM MORAVA NAS RUAS e andei por tudo sozinha. SEM MEDO. Mesmo quando tinha apagão. Sei. Faltava a liberdade de expressão e SAIR da ilha para os que queriam SAIR. Mas a maioria não desejava SAIR PARA MORAR NUMA FAVELA NO BRASIL NÃO! Só saiam os que SABIAM que teriam ASILO POLÍTICO com ajuda para se manterem por longo tempo e por toda a vida como acontecia nos EEUU que faziam isso só pra peitar o Fidel, fingindo de bonzinhos. Na verdade a ILHA foi, era e é o paraíso para os mais pobres. DUVIDO QUE TENHA LUGAR NO MUNDO – que sofreu tanto e que mesmo assim manteve a DIGNIDADE DO SEU POVO. Não gosto de nenhum tipo de DITADURA. Mas sem FIDEL e seus companheiros CUBA CONTINUARIA SENDO APENAS O CABARÉ DOS AMERICANOS QUE PROSTITUIAM ATÉ CRIANÇAS. Quem não esteve na ilha, não viveu a história oficial e a real – NÃO SABE O QUE É VIVER COM DIGNIDADE PARA TODOS! Tomara que agora como Raul a transição aconteça SEM PERDER JAMAIS TUDO O QUE FOI CONQUISTADO COMA REVOLUÇÃO CORAJOSA DOS QUE DERAM A VIDA PARA LIVRAREM CUBA DOS AMERICANOS. Pena que o povo de outros países onde tem petróleo ainda tenham que sepultar todos os dias os seus mortos da mentira do Bush e seus governo. Não sei se consigo dizer com todas as letras o que é ESTAR NUM PAÍS ONDE TODOS TEM SAÚDE, TODOS TEM ESCOLA, TODOS TEM EMPREGO… acho que vai ser dificil SEMPRE para alguns entenderem isso vivendo numa SOCIEDADE que anda achando normal tropeçar nos corpos das CRIANÇAS E ADOLESCENTES que tem como casa e como cama apenas ruas de asfalto u areia de uma praia qualuqer…. QUANDO NÃO SÃO ENXOTADOS COMO BICHOS ou PIOR QUE CACHORRO DE MADAME! Sugestão: conheço o povo cubano e veja como vivem – A MAIORIA e não apenas os poucos – que com razão gostariam de ganhar mais dinheiro ou fazerem uma sociedade diferente. Direito deles. Desde que não devolva a ILHA para ser cabaré de estrangeiros!

    1. Salete, uma pessoa que defende o modo de vida em Cuba com certeza vive fora da realidade, está engajada em movimentos de esquerdas e não querem ver a realidade, ou, são simplesmente “maria vai com as outras”
      Já estive em Cuba, ( 2 vezes ) fui ver “in look” a tal apregoada ilha e seus felizes habitantes.
      Não ví gente feliz, ví gente louca para sair, ávidas por informações, gente que não sabe o “que rola” no resto do mundo, que toma contato com o mundo através das rádios e TVs “de oposição” mas estabelecidas em Miami.
      Estive em Havana, em Pinar del Rio, Los Tunas, Camanguei, Bayamo, e outros lugares.
      A gente é linda, mas se o ditador fidel abrir o portão, NÂO FICA NINGUÉM.
      Tenho alguns tópicos a discordar com vc.
      Cubanos passam fome.
      Lá não há moradores de rua, mas moram em cortiços, muitas vezes 50/60 pessoas numa mesma casa.
      Cubanos NÃO querem moram em favelas no Brasil, querem ir prá Miami. ( até pq os boxeadores que tentaram ficar aqui foram entregues ao ditador Cubano)
      Cubanos sofreram muito ? Claro, Fidel impôs um sofrimento cruel a seu povo, por isso é um criminoso.
      Vc torce para o Raul, vc está torcendo para o cara errado, a ditadura só vai prosseguir em seu governo.
      Vc cita o Bush como responsável por parte disso, vc está errada, que impôs o embargo foi o Kennedy, a partir da instalação dos mísseis Russos em Cuba. ( vc está reclamando do cara errado)
      Saúde, educação, salários e moradia são os maiores problemas de Cuba, isso de “todos terem empregos” é uma inverdade, além do mais os salários em Cuba são aviltantes, não dá pra compra nada. Lá é tudo estatística, um Cubano é considerado alfabetizado quando consegue escrever o próprio nome.
      A Cuba que vc viu é a Cuba para estranjeiros, (praias, discotecas, baladas) é a Cuba de fachada.
      Vá a Cuba e fique por lá uns 3/4 meses, converse com as pessoas bem longe de Havana, veja o olhar brilhante de cada uma dessas pessoas quando vc fala de outros lugares no mundo.
      Elas estão loucas para sair.
      Fiz amizade com um casal de Cubanos em Santiago de Cuba, hospedei-me em casa deles.
      Quase chorei de emoção quando voltei p Havana, ao sentir que eles queriam ser “eu”, poder sair de Cuba, sair e nunca mais voltar.
      Quanto a cadavares de crianças ou adolescentes nos quais vc tropeça, que tal sair da net e ajuda-los, quem sabe vc dê uma estrela vermelha a cada um deles e resolva seus problemas.
      Vc fica no conforto de sua bela casa ai em SC, falando de coisas que vc conhece superficialmente, como modismo.
      Acorde, tente fazer algo ao invés de ficar entondo loas a um regime canalha.

    2. Salete, tá ficando marcante aqui, infelismente pelo rótulo de lunática…..vive num mundo de fantasias e mentiras, protagoniza o conto “salete no país das maravilhas”….tadinha, nem tarja preta deve resolver mais o caso

      Percebem como nenhum torcedor organizado do PT discute o problema, ninguém fala da violência, percebem? Rezam a cartilha certinho, só se fala em esmola família e olimpíadas, apenas isso….problemas? mas q problemas?

      Do fundo do meu coração espero q vc se cure desses surtos psicóticos que vc nos expõe através de seus textos….

      Fidel era tão bonzinho q nem a própria Mãe e nem a irmã eram apoiadoras dele e da política dele, imagine q bonzinho ele era…..

  188. E ai, Ricardão, os comentários não passam mais de 200? Que tal fazer uma “reanálize” daquela maldita mafestação contra os SEM TERRA? Aí teríamos novamente próximos de 1000 comentários (esse meu não vale, não lí teu texto como prometido) novamente. Sai dessa superficialidade própria do PIG e voltaremos, abraços. Hoje teve festa pro LULA, tava cheio de SEM TERRA, comenta pra gente. Abração.

  189. Caro, a sua analise estaria certa se o foco do problema fosse proveniente do mesmo lado. O ocorrido em outros paises e MUITO diferente ao que estamos vivendo no RIO. Os governanates que passaram pelo Rio de Janeiro, e a nossa dita democracia nao daria para ser comparada a esses paises. O terrorismo esta muito longe de ser comparado a essas gangs, particularmente acho que uma intervencao militar diminuiria sensivelmente ao que o Rio esta passando. Torcemos muito pelo RIO dai afirmamos que ate la tudo sera rosas, seria o mesmo que dissermos que os proximos mandatarios deste pais nao serao mais corruptos.

  190. Desculpe, mas é otimismo demais achar que em 7 anos vão conseguir mudar uma situação de mais de meio século. Pra quem acredita, sugiro a leitura do livro Cidade Partida de Zuenir Ventura pra ter uma idéia de como toda essa tragédia do Rio começou e no meu entender dificilmente vai acabar, eu acredito no máximo numa bela “maquiada” à la ECO 92, depois volta tudo ao “normal”, quem viver verá (literalmente)

  191. Nós cariocas, meus caros invejosos, somos como os corcundas sabemos como deitar. O Rio convive com isso desde os governos do Sr. Brizola. Foi o governo dele que ao impedir que a polícia subisse nas favelas facilitou a invasão do tráfico, nesses locais. Não temos nada a temer e esperamos que vcs que vivem na “bela cidade de S.Paulo”, com piores mazelas do que as nossas, que cuidem das suas e assistam de longe a festa que faremos nas Olimpíadas. Nós sabemos preparar festas e nunca aconteceu nada que as maculassem. Morram de inveja seus fdp.

  192. Ajoelhemo-nos e, humildemente, peçamos perdão uns aos outros. Somos somente nos, as sociedades, os grandes culpados por toda essa tragédia. A solução nunca partirá dos governos. A solução está em nos.

  193. Vejam só o estado caótico e contraditório das mentes doentias que defendem uma guerra contra a violência oriunda do tráfico de drogas.

    Fazem isto, por adorarem a própria violência, ou pela falsa idéia que esta guerra terá fim.

    Pode-se até, por um curto período, sentirmos uma diminuição desta violência, mas seria possível se manter este estado de guerra permanente ?

    Se o fazem pensando naqueles inocentes que são mortos, quantos inocentes serão mortos com as balas perdidas desta guerra ? Agora vindas de dois exércitos, o dos marginais e o da polícia ?

    Dizimando-se os marginais que compoem o exército do tráfico, continuando as causas que alimentam este exército, logo-logo não estarão sendo organizados para atuarem em outros fronts, muito mais complexo de ser combatido ?

    Agora, pelo menos se sabe a onde fica o seu quartel, os picos dos morros, e quando se espalharem por toda a cidade ? Cada esquina um quartel?

    Esta marginalidade persistirá com droga ou sem droga.

    A marginalidadde no Rio de Janeiro tem razões que a própria razão desconhece.

  194. Reginaldo Gadelha
    Começo da sua mentira: dizer que moro em Santa Catarina!
    A partir daí qualquer pessoas já vai saber que seu discurso é MENTIROSO. Ou pelo menos gostas de MENTIR.
    Quanto a sair da Net meu amigo – eu o fiz por 40 anos. Se queres conhecer meu trabalho vai ser fácil. Desde que não estejas empenhado outra vez em MENTIR para justificar seus argumentos. Não discordo do que vistes. Mas DEVERIAS TOMAR CUIDADO ao dizer que os outros MENTEM quando tú és pego logo de cara na MENTIRA. Não vou te descrever o quanto trabalhei e ajudei a recuperar crianças abandonadas. Não vou te dizer o quanto conheço a periferia das grandes cidades. Não vale a pena. Você continuaria MENTINDO para afirmar as suas verdades. E quanto ao embargo, só para citar um dos seus equívocos – eu não disse que foi o Busch quem decretou. Eu disse que ele manteve e ainda foi MASSACRAR em nome de uma mentira – um pouco mais o POVO DO IRAQUE. Então, para que não sejas processado por MENTIRES que tal retirar o que afirmastes uma vez que TÚ MESMO SABES QUE és mentiroso?
    Eu provo em qualquer TRIBUNAL que estás mentindo.
    Tente PROVAR que o que eu vi – visitando sozinha a ilha – não é verdade. Tente provar que MORO EM SANTA CATARINA.
    E de que MODISMO FALAS?
    És costureiro ou fofoqueiro MENTIROSO?
    E que tal PARAR DE MENTIR e FAZER ALGUMA COISA PELOS NOSSOS MENORES JÁ QUE TENS TEMPO APRA MENTIRAS?!
    Sei.
    Vai dizer que te equivocastes não é verdade?
    SE NÃO MENTES ME LEVE A UM TRIBUNAL!
    Veremos quem MENTE e faz CALÚNIAS contra outras pessoas na ausência do Ricardo.
    E saibas que por se esta a casa de RICARDO – na próxima vez que te pegar mentindo e me caluniando vou direto na justiça. Deste vez não vale o tempo que estaria perdendo pois tenho que subir os morros para ajudar a salvar os que NUNCA VISTES!!!

    1. Uai…

      Sentiu o golpe da verdade? Não apela não que é feio!!!!
      Explique por que quem vai pra Cuba é só turista e quem está lá quer sair???

      Os boxeadores não tiveram 1% das chances e direitos que o terrorista Battisti teve do seu ministro da justiça Salete…

      E ainda mentiram dizendo que não pediram pra ficar, que queriam voltar pra casa (um deles já conseguiu fugir do paraíso cubano).

  195. GADELHA, PARABÉNS POR FALAR A VERDADE!
    O comunismo é o inferno na terra!
    As filas dobram em SP na embaixada dos EUA, de brasileiros para obterem visto para os Estados Unidos. (Capitalismo democrático)
    O povo cubano, se pudesse, atravessava o oceano a nado para cair fora! (Comunismo)
    A LIBERDADE NÃO TEM PREÇO!
    NÃO ACEITE COMO VERDADE AS MENTIRAS QUE OS COMUNISTAS APREGOAM, ELES QUEREM TOMAR ALÉM DE SEUS BENS, SUA FAMÍLIA, SUA RELIGIÃO, SUA DIGNIDADE E SUA LIBERDADE!

    1. Ué !!! Eu não sabia ? Estamos em um regime comusita e não nos demos conta ?

      Pois vejo diariamente criancinhas, sendo comidas por esta cultura consumista imposta e aplaudida pelos medíocres que tão boçalizados por ela, não veem outras alternativas.

      Para com isto Lavínia, desculpe-me…mas até teu nome é nome de máquina de lavar…foi consumida na pia batismal.

    2. taí uma declaração do Lula verdadeira, pena q ele não confessa usar a mesma estratégia que ele identificou enqto oposição….

      eae salete, vai continuar tentando justificar o injustificável?

      torcedora organizada de pilantra

    3. Lavínia. Não precisa ficar com medo,pois comunista só”come criancinha”, e acho que esse não é o seu caso.rsrsrs.Não viaja, Lavínia.Menos….menos…..Fidel Castro e os cubanos devem estar muito tristes e preocupados com sua opinião.

  196. Sr, “Gadelha” !!!
    Como vão as tuas “viagens” ?
    Fico impressionado com a tua criatividade em mentir !!!
    E faz isso com tamanha “segurança” que chego a acreditar que ATÉ VOCÊ MESMO ACREDITA NAS TUAS MENTIRAS !!!

    Desculpe a curiosidade,
    Fostes fazer o que em Cuba por “duas vezes” ?
    Ah !!! Já sei !!! Fostes VENDER alguma coisa, né não ?
    Pessoas da tua marca jamais fariam turismo naquela bela ilha !!! Pra voce seria como passear no “inferno” !!!

    Outra coisa:
    Tenho cá para mim que pela tua “ideologia” que voce prefere manter de direita ainda que mudasse de sexo, ( foi voce quem escreveu isso aqui ) que só és capaz de “visitar” uma favela ou um morro se for para VENDER ARMAS para traficantes de drogas !!!!

    Voce me parece ser um desses “talentosos” comerciantes de DOR !!! Digo isso pelo “teor” das imundices que despejas aqui todos os dias com os teus “comentários”

    Continuo preocupado com aquele teu dilema !!!
    Reafirmo : Nada de decisões precipitadas Hein ?
    Não te quero ver sofrendo das dores do preconceito !!!

    ABRAÇOS

    1. Enio,faz como a salete,toma uma ducha fria e relaxa.
      O cara deu a opinião dele…e daí. Vcs não dão as suas.E se o cara foi à Cuba e viu o que disse que viu,não será verdade? Porque só a salete fala a verdade.?. Se a pessoa é de direita e daí,vc não é de esquerda. O muro caiu e o que se fazia lá não era bom para as pessoas. O que se fez e se faz do lado de cá também não é bom para as pessoas. Os muros estão dentro da gente. derrubem os seus ,quebrem os paradigmas e construam uma sociedade melhor primeiro dentro de vcs mesmos,depois nas suas famílias,depois nas suas comunidades, depois nas suas cidades,estados etc…O mundo só pode ser transformado pelos homens de bem,passo a passo,devagarinho mas de forma firme e persistente e sem meio termo pois o caminho da liberdade é um só, o Amor,e que traz embutido em si, carinho,harmonia,afeto,temperança,equilibrio,ética verdadeira e moral interior,sem meias verdades!

    2. Urubu

      Raramente converso com aves, ainda mais as de rapina e “comedoras” de carniça, mas vamos lá.
      O “Gadelha” mentiu !!! E ainda passou atestado !!!.
      Se estrangeiros só podem visitar Cuba dentro da “Havana para turistas” como pode esse “tão importante” cidadão do mundo Reginaldo Gadelha ter visitado as todas outras cidades que ele descreveu ? e por 3 ou 4 meses ? Nem a OEA ou a ONU conseguem com tanta facilidade tal privilégio.
      AH !!! SIM !!! O Sr. Reginaldo Gadelha É um cidadão cubano e aqui ninguém sabia !!! Dormiu na casa dos parentes por lá !!!

      Eu já disse pra ele não escrever mais de tres linhas com os seus costumeiros “xingamentos” e a falta de propostas para aqui debatermos de forma civilizada. Quando ele resolve escrever “textos” maiores do que as tres linhas repletas de ofensas,. se “enrola” todo é dá nisso !!!
      É motivo de riso para todos que nos lêem repassando da sua própria lavra um indiscutível atestado de mentiroso e burro ainda por cima !!!

      E aí , Sr. Urubu ? Satisfeito agora ?
      Cuidado com a tua dieta !!! Moderação é bom principalmente para hábitos alimentares pertinentes à tua espécie. Se for vomitar nos avise antes. O Balaio é grande mas o cheiro pode se tornar insuportável !!!

  197. Ricardo, taí, pode ser incrédulo, ou crer demais nos administradores do Estado e da Cidade, mas o episódio do menino do Afro-Reggae prova quem são os policiais do Rio e seus comandantes, e olhe que acontece todos os dias por aqui, morrendo pessoas nas mãos de bandidos ou policiais mas não se divulga.

  198. Bom dia Ricardo!
    Bom dia amigos balaieiros!

    Tenho estado meio ausente particularmente por motívos mais elevados, e necessários.
    Só que não consígo ficar muito tempo longe desse seu blog.
    Na questão dessa notícia em especial, a qual eu procurei evitar me aprofundar, eu vejo uma comparação meio que estranha desse inglês.
    Primeiro, porque os atentados terrorístas lá, foram por um motívo político, e foram orquestrados por terrorístas mesmo, e os daquí, apenas por elementos marginalizados.
    Isso demonstra que lá, o problema foi político, e aqui, o problema é social.
    Eu estou feliz com a escolha do Rio para as olimpíadas, mas como muitos também preocupado com o desenrolar desses acontecimentos. Isso não é uma preocupação somente com a imagem do Estado, ou do País lá fora, mas com as questões da política interna.
    Até hoje ainda não entendo como um fato desses não havía ocorrído, vendo o tipo de armamento de que dispôe esses marginais, e a “facilidade” com que nossos policiais se “expõe” a situação.
    Isso aconteceu agora, mas podería ter acontecido antes, não importa.
    Não é culpa de um ou outro governo, mas sim de toda a sociedade, que de certa forma ACEITOU, e continua aceitando tudo isso, como um fato que não pode ser mudado.
    Quanto mais isso for sendo debatído, menos soluções adequadas serão encontradas, pois sob pressão raramente conseguimos a melhor saída.

    A solução para esse tipo de problema, deve vir através da conscientização gradatíva da população.
    Colocar mais policiais armados subindo o morro, mais violência repressôra, só irá aumentar os revídes.
    Logo então teremos verdadeiras batalhas terríveis todos os dias.
    O tráfico deve ser combatído com inteligência, e ser atacado diretamente em suas fontes.
    Fontes de recrutamentos de jovens.
    Fontes de armamentos.
    Fontes de matéria prima.
    E principalmente oferecendo oportunidades para que isso não se torne “interessante” para os criminosos.

    Isso serve também para todo o país.

    Se não fizermos isso logo, irão aumentar em muito, aqueles que na sua sêde de vingânça, e não de justíça, exíjam que se apliquem cada vez mais métodos terrívelmente cruéis e desumanos, contra aqueles que eles próprios criaram.

    Ficar discutindo se isso é viável ou não, passa apenas a ser uma transferência de impacto desagradável para toda a sociedade, vísto ser ela própria de alguma forma a causadora.

    …então que se apresentem projetos alternatívos…

    Robson de Oliveira nosbornar@ig.com.br (botequeiro)

    Ps. Quanto à Cuba, eu deixo para os cubanos!

  199. Gostaria de perguntar ao jornalista o que ele fará em Havana. Não seria melhor uma viagem para Nova York?
    Ah! essas raizes comunistas sempre falam mais alto, não é?

  200. …vejam só como este mundo tá mesmo doido, virado…

    Tenho um amigo, baiano que abandonado pelos pais, se jogou no mundo, e depois de muita luta e sofrimento, hoje é um cara bem sucedido como empresário na ndustrialização de anéis de formatura e últimamente, como organizador de
    eventos.

    Vem aqui em casa, quase que diariamente. Eu acho ótimo, apesar do prejuizo que ele me dá, comendo minhas bananas. Ele estaciona o seu carrão em minha garagem e eu fico torcendo que passe aqui em frente algum gerente de banco, quem sabe o mala resolve me mandar uma
    correspondência me oferecendo-me crédito.

    Pois é…este meu amigo, esteve estes dias no Rio de Janeiro, vendo algumas novidades para sua empresa de eventos.

    Resolveu almoçar em um desses restaurantes chics daí, como não entendia nada do cardápio, só tinha palavras em francês, pediu um tal de “ovo frito au modé”, mais pelo ovo frito que pelo “au modé”.

    O garçon trouxe o ovo com umas folhinhas de alface, e uma chícara de arroz.

    Quando perguntou o preço, lhe responderam: 75,00 reais. Ele sem entender, reclamou:

    – Mais moço !!! 75 real por um ovo frito ??? Lá em casa não fica por mais de 20 centavos !!!

    O maitre responde:

    – Mas, …messiê…seu ovo frito é frito pelo grande chef Henry
    Porrá ???

    È o fim do mundo.

    Um ovo…só porque é frito por um p.rra dum Porrá, valer 75 reais…

    Fico aqui pensando…os moleques aí no Rio, ficam sabendo que tem neguim pagando 75 reais por um ovo frito por este p.rra deste Porrá, o cara tem um anti-horário, e vira marginal.

    Meu Deus do céu !!! Valei-me minha Santa Clara !!!

    1. Everaldo, veja pelo lado bom da história.
      Essa é uma das belezas do capitalismo. Se o seu ovo for percebido como tão bom quanto o do francês, você abre concorrência e vende pelo mesmo preço – ou até mais caro, se preferir. Aí, você só vai precisar é treinar o sotaque!

      O mundo capitalista pode até ser meio doido – mas dá pra ganhar um bom dinheirinho nele. E honestamente. Afinal, quem está lá pra comer ovo a R$ 75 está lá porque quer. Ninguém o obrigou a isso. Trocas voluntárias – essa é a base da liberdade de mercado. Você faz apenas o que quer – e se quiser.

  201. Lamentavelmente o meu comentário só saiu pela metade. Reitero que a solução passa pelo combate sem tréguas à corrupção. Avassaladora, corrói todo o organismo do Rio. As soluções não saem porque há um grande número de pessoas envolvidas, ativa ou passivamente. Não é preciso o uso do exército, mas sim oficiais do exército comandando os batalhões e o comando da Policia Militar. Se acabassem com a justiça militar que julga os atos ilegais praticados por seus membros, haveria maior número de condenações. Se a justiça comum fosse acelerada em pelo menos vinte por cento, haveria menor número de atos ilegais praticados e maior número de meliantes punidos. A conclusão é óbvia: o combate á corrupção, se levada a ferro e fogo, inverteria o processo alarmante de insegurança generalizada que se instalou no Rio. O povo quando diz:” è assim mesmo” abre mão do futuro, pois liberdade e segurança pública dão trabalho e custam caro. Boa sorte cariocas. Deus os proteja.

  202. alo
    torno a repetir sobre um comentario que fiz, que sempre se tem de separar o homem da ideia.
    o homem é livre para o falar o que quiser, mas temos de manter a sabedoria e o poder do raciocinio.
    socrates disse: ‘enquanto viver e ter o poder do raciocinio pensarei’.
    mas não façam que as palavras venham antes do pensamento.
    neste balaio vemos muitas coisas boas e muitas besterias.
    discordo do senhor ricardo, faço criticas, mas procuro manter a etica para atacar as ideias e não as pessoas.
    penso e isso estou dizendo, eu penso, que o socialismo degringolou não pelo modelo ou pela ideia mas devido ao
    homem, ao egoismo a falta de etica, pelas mesmas razões que estão levando ou ja levaram o mundo a essa crise.
    penso que hoje estamos vivendo mais as crises do homem da etica do que das ideias e dos modelos.
    as ideias tem de serem discutidas , doam a quem doerem , pois as bases do conhecimento são a discução das ideias dentro de um padrão de bom senso e raciocinio.
    senhor ricardo, dentro desta otica, e como o senhor e sampaulino, direi um pensamento de nosso icone, de nosso druida, que pode o senhor não concordar com suas ideias mas a etica e a honra estão em seu curriculo:
    ‘NA DEMOCRACIA TODOS TEM O DIREITO DE FALAREM O QUE QUISEREM, E OU OUTRO LADO TEM O DIREITO DE OUVIR OU DE RIR.’
    grazie

  203. Relembrando, o canibalismo foi adotado na China durante a grande fome, no regime de terror imposto por Mao Tse Tung, onde os chineses comeram literalmente criancinhas, daí o termo “comunistas comem criancinhas” , pois é comum grandes fomes nestes regimes de escravidão e morte. (quem nunca ouviu falar no Holodomor ocorrido na Ucrânia onde milhões morreram de fome, na famigerada União Soviética)

  204. Kotscho, reflita no fundo de sua alma, você é feliz por ter o direito de ir e vir, brutalmente negado ao “afável e infeliz povo cubano”. Ponha-se uma vez no lugar deles e reveja seus conceitos!

  205. so uma perguntinha, vc ai inglesinho ja morrou numa cimunidade carente sem ter o direito de ir e vir. ja sofrei tortura . ja foi assaltado co uma arma ma cabeca , ja foi ameacado de morte ja teve sua familha torturada e passou por tensao se e que vc tem familia sabe o que tortura e tem coracao vai opinar na sua terra seu desumano aqui tem gete com humanismo o brasil e os brasileiros sao seres humanos e merece respeito vaio opinar na tua patria se que vc tem .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *