Crise em Honduras e campanha antecipada: festival de hipocrisia

Crise em Honduras e campanha antecipada: festival de hipocrisia

Venho notando nos últimos dias que um festival de hipocrisia está assolando o Brasil. Já tivemos o Febeapa (Festival de Besteiras que Assola o País), imortal criação do Stanislaw Ponte Preta, e agora é só trocar besteiras por hipocrisia que dá na mesma.
Até agora não fiz nenhum comentário sobre a grave crise que se prolonga em Honduras e envolve seriamente o Brasil porque é tão grande a confusão por lá que não dá para sair por aí alegremente dizendo quem é bandido e quem é mocinho nesta história.
Se você não tem o que dizer e não consegue nem entender o que está acontecendo, vai explicar o quê? Melhor é ficar calado.
Mas, diante do que li hoje no noticiário, com todo mundo metendo o bedelho, me deu vontade de entrar no assunto só para destacar a quantidade de besteiras e de hipocrisia que se está produzindo em torno da crise naquele pequeno e desconhecido país.
Que esse Manuel Zelaya é um tremendo maluco que não merece a menor confiança de ninguém, estamos todos de acordo. Ocorre que ele foi eleito pelo povo de Honduras e derrubado de pijama pelos militares porque queria fazer uma consulta popular para poder se candidatar à reeleição.
Qual é o crime? Por que no mundo inteiro a reeleição é considerada democrática, mas só não pode existir em Honduras, na Venezuela e nos seus aliados bolivarianos? Por que Fernando Henrique Cardoso não foi chamado de golpista ao mudar a Constituição para disputar mais um mandato, utilizando métodos, digamos, pouco ortodoxos?
O Brasil, os Estados Unidos, a ONU, a OEA, todos condenaram o golpe em Honduras que derrubou Zelaya. Golpe é golpe, não tem outro nome, e o presidente eleito tinha todo o direito de lutar para voltar ao seu cargo.
Na ausência de outras crises internas, agora o governo brasileiro é criticado por abrigar o dito cujo em sua embaixada em Tegucigalpa. Queriam o que? Que o embaixador fechasse o portão e chamasse a polícia dos golpistas?
Entramos numa tremenda roubada porque esse tal de Zelaya, uma caricatura do Ratinho, não está respeitando a casa de quem lhe deu abrigo e quer botar fogo no circo escondido atrás dos muros da embaixada.
O problema é que o Brasil continua lutando por uma saída diplomática e pacífica, mas está cada vez mais pendurado na brocha no momento em que os organismos internacionais nada fazem para resolver o conflito.
Hipocrisia é chamar de ditador o celerado presidente venezuelano Hugo Chaves, também eleito e reeleito, quando fecha arbitrariamente emissoras de rádio e televisão de oposição, e achar bonito quando o “presidente de facto”, Roberto Micheletti, faz a mesma coisa em Honduras.
Assim como é hipocrisia ficar a toda hora denunciando o presidente Lula de antecipar a campanha eleitoral e fazer exatamente a mesma coisa. O que é feio para uns, fica bonito nos outros, é natural. Ou as viagens que os outros candidatos presidenciais fazem pelo país, assim como Dilma, são apenas de turismo, para conhecer melhor o Brasil?
Serra, Aécio, Ciro, Marina, todos eles estão toda semana viajando, procurando cavar seu espaço para cativar o eleitorado com vistas a 2010. É direito deles, qual o crime? Pois nesta segunda-feira, no Rio, onde está em plena campanha, minha amiga Marina Silva achou bonito criticar a “antecipação do debate político sobre a eleição do próximo ano”.
No domingo passado, cercada pelos óculos escuros de Gabeira e Sirkis, Marina foi fazer o que caminhando com faixas e bandeiras pelas praias cariocas? Tomar sorvete, catar conchinhas, ou não estaria dando início à sua campanha presidencial também?
Diz a notícia da Folha: “Marina aprovou a avaliação do presidente do PV no Estado do Rio, vereador Alfredo Sirkis, que culpou o presidente Lula pela discussão eleitoral antecipada”. Que maravilha! O valente ex-guerrilheiro e ex-secretário de Cesar Maia agora é o guru de Marina.
Por que nós temos este costume de não chamar as coisas pelos nomes certos e só achar errado o que fazem os que não pensam como nós?
Por acaso foi também por culpa de Lula que o governador José Serra resolveu aumentar em 43% a verba de publicidade do seu governo este ano?
Seria apenas para dar mais trabalho às agências de publicidade e ocupar os espaços ociosos dos intervalos comerciais porque o povo não é capaz de enxergar a grande obra que ele vem fazendo em São Paulo?
Cada um pode enxergar a paisagem como quiser, já escrevi aqui outro dia, mas um pouco de semancol nas declarações não faria mal a ninguém. Estão exagerando na hipocrisia.

692 thoughts on “Crise em Honduras e campanha antecipada: festival de hipocrisia

  1. Até que em fim alguem da midia paulistana resolve falar. Parabens, pela manifestaçao.
    A folha, a globo, o estadao e a veja, so falam mal do Lula. O Serra tudo pode.

    1. Aprenda a ler jornal e revistas, encontro principalmente na Folha de São Paulo elogios e criticas e muitas vezes sobre o mesmo assunto. Larga a carteirinha.

  2. Oi, Kotscho.
    Cheguei primeiro finalmente, maravilhoso o post sobre este assunto, não é a toa que eu o estava esperando faz tempo, bom ver um jornalista da sua magnitude ter a sinseridade de dizer que não é um especialista no assunto e por isso não quer ficar falando besteira, se bem que com o seu bom senso você não falaria besteira mesmo que quisesse, pois é cara!, eu também fico intrigado com isso, todo mundo de repente parece se transformar em expertises em assuntos diplomáticos e agora sabem exatamente o que deveria ter sido feito, até nos botecos os caras estão bebendo a “cachacinha” e comentando “Nóis vai acabá se ferrano, por causa deste anarfabeto do Lula, caramba vai dá cubertura pra bandido”, eu dou risada sabe porquê?, porque eu tambem não gosto nada desta situação e acho mesmo que entramos de gaiatos nela, mas fazer o que, né?, ia fechar os portões e deixar o cawboi ser linchado em praça pública?, Ah gostei da “caricutura do ratinho” tem tudo a ver.

  3. Concordo em boa parte com seu comentário Kotscho. Não gosto do Lula, para mim ele possui uma maneira de governar insustentável. Entretanto a hipocresia de nossos políticos torno tudo muito pior, são oposição apenas por ser, como os petistas eram quando estavam fora do poder. O importante é ser contra. Isso em nada ajuda. A respeito de Honduras o Brasil se meteu em uma grande encrenca, da qual ainda não tem estatura política para sair e esse é o problema. Por mais desequilibrado que seja o tal Zelaya ele só estava tentando fazer o mesmo que o Álvaro Uribe e isso é pouco comentado.

  4. Bom dia Ricardo!
    Bom dia amigos balaieiros!

    Pois é! Nada como ser apartidário, e poder ter uma visão menos parcial.
    Fico sempre questionando essas argumentações unilaterais movidas pelas paixões.
    No caso de Honduras, o presidente eleito pelo que sei, não podería ter iniciado essa manobra sobre o plebiscíto, até porque reza a constituição daquele país, que se um presidente fizer isso, já é automaticamente cassado.
    Então, nada mais certo do que destituí-lo.
    No entanto a cagada aconteceu quando prenderam ele, e expulsaram do país. Aí sim houve um erro grotêsco.
    Esse imbecil do Zelaia agora, se esconde atrás dos muros da embaixada, provocando a todos.
    Como o governo brasileiro “não reconhece” o governo hondurenho atual, entende-se que não exíste razão para a embaixada brasileira existír, e portanto os diplomatas lá, podem ser convidados a se retirar, e por fim pegarem o chapeludo e encarcerarem logo de vez, convocando novas eleições democráticas.
    Por fim, reatar as relações com o Brasil, e deixar a vida correr…

    Ao que tudo indíca, é isso que irá acontecer.

    Abraços

    Robson de Oliveira

    1. Robson, Zelaya não fez nada de ilegal.

      A Constituição de Honduras tem limitações quanto a emendas pela reeleição. O que Zelaya fez foi propor um plebiscito sobre a convocação de uma nova Assembléia Nacional Constituinte, para que fosse feita uma nova constituição, não a reforma da atual.

      Lembrando também que essa proposta de convocação de uma ANC não seria aproveitada por ele, pois a mesma eleição onde haveria o plebiscito para convocação seria aquela em que ele já não participaria, pois, como prescreve a atual constituição, não existe reeleição em Honduras.

    2. Fez sim, a manobra é ilegal e foi proibida por todas as esferas do poder. A decisão foi final da suprema corte. De acordo com a constituição hondurenha, ela é considerado traidor. Importante ressaltar que ele, após ouvir o último não, tentou arregimentar os militares. Ou seja, a tentativa de golpe partiu sim dele e duas vezes.

  5. De onde voce tirou a idéia de que Zelaya é um tremendo de um maluco? Por que sendo de uma das 6 famílias que controlam Honduras elevou o salario mínimo acima de U$250? Ou por que tal como Lula quiz dar maior protagonismo aos pobres e miseráveis de seu pais? Ou por que diferentemente de Lula resolveu bater de frente com o reacionarismo e conservadorismo da burguesia hondurenha? Ou por q

  6. Todavia o momento que vive o Brasil é o maior de todos os tempos, numca esse país foi tão acolherdor como está sendo agora. Hoje é o melhor país do mundo.

  7. Ricardo: você é um “super hiper” “sábio”: “sábio” porque nesse assunto você pensa igualzinho a mim! RISOS, RISOS, MUITOS RISOS e ETERNOS RISOS.
    “super hiper” porque escrever com essa clareza e concisão é MUITO DEMAIS. Muito demais MESMO.
    axé

  8. Concordo plenamento com Kotscho. Os ” articulistas” parte deles até muito bem respeitados por todos nós, estão se colocando não como articulistas, mas como oposição sistemática ao desse governo, chegam há menosprezar a inteligência dos leitores, percebe-se que o deboche tem subsituido a capacidade de fazer um bom texto.
    Vero Matos

  9. Belíssimo comentário kotscho…sua indignação frente a hipocrisia reinante neste país reflete a indignação de todos nós….não suporto mais ver os interesses pessoais e políticos de determinados grupos ou pessoas se sobrepondo ao interesse coletivo…nada é pior ao ser humano que perceber que está sendo tratado como imbecil ( e é assim que me sinto hoje)..mas há o velho ditado que diz: ””’o erro do esperto é achar que todo mundo é otário o tempo todo ”…….o mundo gira e as transformações aparecem,mesmo tardiamente..

  10. Ainda citando exemplos da abordagem da mídia, neste caso de um país vizinho ao nosso, Colômbia, o terceiro mandato do Álvaro Uribe não é citado como anti-democrático pelo Arnaldo Jabor nem pelo William Wack no Jornal da Globo. Se um deputado ou senador do PT disser que é a favor de um plebiscito sobre o terceiro mandato, a mídia já cai em cima.

  11. VIVA O LULA DITADOR PERPETUO DO BRASIL RUMO A IMPLANTAÇÃO DO FORO DE SAO PAULO PARA DOMINAR PRIMEIRO A AMERICA LATINA E DEPOIS O MUNDO, AGORA QUE O OBAMA TA DONOSSO LADO PORQUE TAMBEM E COMUNISTA

    FORA VUIVAS DO FHC, TUCANUS, FORA SERRA

    VIVA SARNEY, RENAN CALHEIROS, WELLINGTON SALDAGO, COLLOR E DILMA PRA PRESIDENTA EM2010 NAO ESQUECE GALERAAAAAAA

    VAMOS DESTRUIR O CAPITALISMO IMUNDO QUEASSOLA A UMANIDADE

  12. Ô sr Ricardo…..já falei uma vez ….o sr é um “puta ” gozador….então o embaixador ficou surpreso e não tinha outra alternativa senão abrir a porta da embaixada….Respeite pelo menos um pouquinho a inteligência dos seus leitores sr Ricardo….o tadinho do embaixador , o tadinho do lula….ninguém sabia de nada…o sr não tem nada de bôbo heim………….

  13. Boa tarde, Kotscho.
    Excelente análise.

    A parcialidade da mídia é muito evidente e realmente incita reações contrárias às decisões do atual governo brasileiro. Meu sonho é ver algum jornal com 2 manchetes sobre assuntos polêmicos: cada uma com argumentos diferentes mas que enriqueçam o debate e incentivem a população a raciocinar e analisar o fato sob pontos de vista distintos. Mas isso é sonho mesmo…

    Minha única dúvida sobre este assunto é: o presidente de Honduras poderia consultar o povo para mudar a constituição ou esta tarefa caberia apenas ao congresso hondurenho?

    Grande abraço,
    Eduardo Capella.

  14. Seria interessante que a imprensa nos mostrasse o que consta na Carta Magma de Honduras a respeito de reeleiçao ou mesmo de cogitar uma consulta popular a respeito desse tema.
    Estamos tomando partido sem nos preocupar se está sendo ferido ou nao a constituiçao daquele pa’s.

  15. Perabens pelo obra prima escrita, temos que ser mais analiticos, isto principalmente em relação a midia, quando publicamos. analisamos qualquer noticia a ser dada, basta de hipocrisia e falsos comentarios.

    1. Não não, o Serra vei bater aqui em Exu, terra de Luiz Gonzaga, pela amizade que tinha com seu “conterrâneo” e amigo. Se isso Não for campanha antecipada, perdi a noção.

    2. Você tem certeza Silvio Maciel, Ciro e Marina posso até acreditar , mas o Serra e o Aécio duvido muito. afinal eles são governadores dos dois maiores colégios eleitorais, será que eles não conseguiram nenhum finaciamento das grandes empreiteiras de seu Estados ?

  16. Caro RK e internautas, concordo em gênero, número e grau: a hipocrisia (eu diria ma fé) da imprensa e midia local é de doer. Parabéns pelo desabafo, creio que lavou a alma de muita gente que não tem a autoridade e o espaço que o senhor conquistou com tanto trabalho, dedicação e seriedade. Mais uma vez, parabens!

  17. Caro sr do Balaio, vc pergunta:

    Que mal tem um plebiscito sobre reeleição? (como se fosse totalmente inofensivo e esqueça FHC – petista não argumenta nada sem ter estas três letrinhas)

    Eu te respondo: a república de bananas (Honduras) resolveu colocar uma cláusula pétrea em sua constituição para barrar a ditadura em seu país – queria deixar de ser republica das bananas. Esta cláusula fala que ninguém pode barrar a alternância de poder e quem tentar estará cometendo um crime contra a constituição. A suprema corte decidiu que o plebiscito era inconstitucional. O bandoleiro bolivariano Zé Laia resolveu afrontar a justiça e o legislativo……

    Na verdade foi um contragolpe….

    Mas o Lula, Chavez (o líder) e o Ortega querem Honduras como uma republica de bananas…

    Tristes trópicos…..

    1. Procure se informar. Zelaya sugeriu um plebiscito para se instalar uma assembleia constituinte, colocando-se uma urna junto às da eleição para que a população respondesse a essa pergunta. Pare de ler Veja e Folha de S. Paulo e use a internet para se informar melhor e ter argumentos válidos para as críticas.

    2. Sr Zé Mané.
      O presidente Zelaya propôs que um referendo popular para saber se nas eleições gerais de 2010 (na qual será escolhido o seu sucessor) deveria ter uma 4ª urna para receber os votos se os hodurenhos querem ou não uma constituinte para reformar a constituição. Sendo o referendo para alterar a constituição junto com a eleição presidencial é IMPOSSÍVEL que ele queira mudar a constituição para se perpetuar no poder.
      Conseguiu entender ou teremos de fazer um desenho?

    3. Se fosse por simples questão de legalidade e pra defender a constituição o correto não seria a suprema corte agir de forma mais tranparente atravéz de intimações, mandado prisão…, ao invéz de “autorizar” o exército a dar um golpe e assumir o poder?, lá não existe um presidente do congresso, do senado, da câmara ou mesmo da suprema corte que possa assumir interinamente a presidência até que se façam novas eleições diretas?, justiça é isto mesmo, quem tem mais força se impõe e pronto?!.

  18. …Kotscho……me fale uma coisa:…na sua vida de repórter sério e dedicado,já viu alguma embaixada deixar alguem entrar em suas depêndencias de fora para dentro??….pelo que soube,as pessoas perseguidas politicamente se escondem dentrode embaixadas,para depois sairem com segurança e continuar sua vida seja onde for!!!…………e mais:….vc está arriscando muito de tudo que conseguiu na vida,sendo um defensor desse desavisado que está na Presidência do Brasil..

    1. Tem jeito de entrar de dentro pra fora?, no caso a pessoa perseguida não está escondida dentro da embaixada aguardando a hora pra sair com segurança?.

    2. Por favor Sr. Leoncio arranje com urgência uma forma de se comunicar com o ex-presidente Zelaya para aconselhá-lo a verificar meticulosamente se ele entrou em nossa embaixada de fora pra dentro ou dentro pra fora. Pois, se por infelicidade ele se introduziu usando métodos ultra modernos da segunda hipótese, ou seja se adentrou na missão diplomática tupiniquim se esgueirando de dentro para fora, ele estará fatalmente correndo um risco enorme de ser preso pelas forças que obedecem ao comando do governo golpista. Naturalmente isso só não aconteceu, porque os soldados com a missão de vigiá-lo, pensam que ele está lá dentro porque entrou de fora pra dentro e nunca passou pela cabeça de nenhum deles que ele esteja do lado de fora porque entrou na embaixada de dentro pra fora. Para finalizar quero cumprimentá-lo pelo seu espírito humanitário que ficou relevante ao avisar ao nosso caro Kotscho do perigo que êle está sujeito com determinadas amizades desavisadas, espero que você aconselhe ao dono do Balaio, para antes de qualquer coisa, avisar a pessoa desavisada de quem ele é defensor. Antes que me esqueça, não, não é o que você pensou, sou uma pessoa muito educada que não tem o hábito de destratar o próximo, mesmo não estando tão próximo. Mas voltando ao fio da meada que ficou cortada antes daquela vírgula, avise ao nosso prezado Chefe do Balaio, que seria de bom alvitre, ele renovar sua incrição no SUS, onde as pessoas do povo são tratadas da mesma forma que o desavisado, pois depois de ler tantas opiniões mau cheirosas o seu sistema nervoso estará irremediavelmente danificado e o sistema cardiovascular poderá se romper provocando uma hemorragia cerebral fatal, o que nos deixará muito consternado pois onde poderemos encontrar um espaço tão democrático para escrevermos tantas tolices. Espero que você compreenda a amplitude das minhas preocupações. Pt Saudações

  19. Lá em Honduras é “clausula pétrea” da Constituição a não renovação de mandatos. Simplesmente lá ninguem se atreve a desrespeitar a Constiutição, pois fatalmente será punido. Lá não existe liminares fantasmas para deixar ipunes e imunes os corruptos ativos e passivos e familiares. Pronto, está aí a Lei, com sua leitura normal, e, as Eleições Gerais já estão marcadas, e Zelaya foi destituído pelo Judiciário, Legislativo e Organismos Legais que representam aquela República. Os mensaleiros e amiguinhos já estariam presos há muito se morassem em Honduras. A nossa Constituição é rasgada todos os dias, ao vivo e a cores, da autoridade maior a menor, cinicamente, em meio a discursos apopleticos e acoolicos, confessando não respeitar as Leis e a Ordem, essa é a diferença. Quem defende Cuba, Irã, Libia, Venezuela, China não tem moral de falar em democracia ou liberdade de expressão. Quem tem azia em ler e trabalhar tem é que ficar calado e respeitar os outros países que não rezam pela cartilha podre e atrasada da “revolução bolivariana” . Nosso país tem as piores educação e saúde do mundo, temos muito que cuidar no Brasil, então “garotinhos amestrados de chaves” , o melhor é voltar os olhos para o Brasil e trabalhar ! Já estamos desmoralizados, nosso Pavilhão Pátrio foi descerrado por Zelaya e em seu lugar foi colocada a Bandeira de Honduras. Nosso solo foi maculado e utilizado para se estabelecer uma guerra civil que se avizinha. Nossa Embaixada já não tem comando do Brasil, virou a “casa de noca” , está acefala !

    1. O democrático poder judiciário de Honduras manda surpreender o presidente eleito pelo voto direto em pleno sono e arrancá-lo de sua casa (local sagrado em todas as religiôes e códigos legais) de pijamas e atirá-lo fora do seu próprio pais?, isso é que é visão de democracia, heim?.

  20. No caso de Honduras a mídia forçou a barra, vimos Alexandre Garcia aquele jornalista do Globo que puxava o saco dos politicos no governo Sarney, dizer que não foi golpe de Estado a deposição do Presidente Zelaya, no minimo é um jurista . Esta ELITE DEMAGOGA brasileira não aceita o LULA

  21. Caro Kotscho,

    É a primeira vez que comento em seu blog. Quanto ao seu post, comparar a situação de reeleição existente em outros países com de Honduras é forçar a barra, pois a condição de reeleição nesse país da América Central é vedada pela sua constituição democrática através de cláusula pétrea desde 1982 e nela, o agente político que tentar alterá-la será automaticamente afastado do cargo. Foi por essa constituição que o Sr. Zelaya foi eleito e, nesse caso o seu afastamento está totalmente dentro do ordenamento jurídico hondurenho. Os outros países podem não gostar, mas a lei foi seguida. Entretanto, o único erro do novo governo foi o de ter “extraditado” o ex-presidente (lembre: ele foi cassado pela Suprema Corte de Honduras, então não era mais Presidente coisa nenhuma), ao invés de tê-lo mantido preso.

    1. Em várias outras constituições (inclusive na nossa) era vedada até que um espertalhão resolveu alterá-la, é um direito em qualquer lugar do mundo discutir mudanças e cabe aos contrários a essas mudanças impedí-las, mas de forma civilizada.

  22. Não suporto o pt e nem seu bando. Por isso qualquer coisa que o lula e seu bando fazem é nojento. O chavez aprofeitou a ignorancia do Brasil e faz o que quer com esses bando de politicos mão- leve. Coitado dos Hondurenses que agora vai ter que engoli o lula e o chavez.

    1. Tirar milhões de brasileiros da linha da pobreza é nojento? Salvar a economia de um país é nojento? Nojento é escrever “Hondurenses” e ainda se achar uma intelectual. Fora elite burra!

    2. norjento sao voces tucanalhas que deicharam nosso pais quebrado e tatalmente falido junto aos organismos internacionais. graca ao metalurgico honesto e trabalhador, hoje temos um pais bem diferente daquele que os canalhas surrupiaram.

    3. 1 fala da escrita hondurenses, outro escreve “deicharam” e fala q o Lula é trabalhador (trabalhou até cortar o dedo) depois ficou na vida de comícios sindicais, pois trabalhar mesmo é algo q ele não faz há tempos…enfim…fiquem aí discutindo a tal linha da miséria citada, sequer sabem qual é o valor dessa linha…

      FORA “COMPANHEIROS” VAGABUNDOS, VÃO TRABALHAR AO INVÉS DE GRITAR EM “NOME” DO POVO, PARECEM AQUELES PASTORES DE IGREJAS ARRECADANDO DINHEIRO DOS FIÉIS EM NOME DE DEUS.

    4. Ô Ana Cruz vc foi anal(fabetizada) no governo FHC/SERRA, pra escever HONDURENSES AO INVÉS DE HONDURENHOS, é realmente as escolas públicas naguela época era muito fraca e em São Paulo continua a fraguesa escolar, também governado a mais de uma década por AMEBAS TUCANALHAS E DEMOS.

  23. Parabens Kotsho, pela coragem de dar nomes aos bois. Finalmente leio algo honesto sobre a crise em que nos envolvemos e sobre a hipocriia de nossos politicos e da grande maioria da nossa midia. Gostaria que voce falasse mais sobre ambos os assuntos. Sobre Honduras so faltou esclarecer que os EUA nao tem o menor interesse em ajudar a resolver a crise, ja que a destituicao de Zelaya ocorreu com sua concordancia, pois o mesmo estava se distanciando da elite hondurenha. Um abraco

  24. Quanto ao comentário, faltou apenas, em relação ao questionamento sobre qual o problema se fazer um plesbicito sobre reeleição, afirmar que a constituição hondurenha proibe, a justiça confirmou a proibição, ele insistiu em desrespeitar a decisão judicial, a justiça determinou a destituição do cargo que foi confirmada pelo congresso em votação esmagadora. Onde está o golpe?

  25. Sobre o texto, irei comentar apenas sobre o caso de honduras, pq sobre política de partidos é perda de tempo, prefiro discutir torcida de futebol do que partido político.

    Sobre a parte do texto: “Que o embaixador fechasse o portão e chamasse a polícia dos golpistas?”

    Penso o seguinte, pelo que foi falado e escrito, Hugo Chavez ajudou o ratinho, quer dizer, o Zelaya a voltar para o País, pq o cara escolheu a nossa embaixada, não existiam outras opções, a da própria Venezuela por exemplo? Esse papo de q o ratinho apareceu de mala e cuia em frente a nossa embaixada não me parece nenhum pouco a verdade dos fatos. Já estava tudo esquematizada ao meu ver. E ao meu modo de ver não deveriam ter aberto as portas para ele fazer de nossa embaixada um verdadeiro programa do ratinho, só falta o teste de DNA….

    Se foi golpe ou não, se foi merecido ou não, nosso país é q não tem nada de meter a colher, agora tão lá, com a bucha na mão, não podem entregar o mané e tbm não podem resolver a situação. Acharia bom mesmo é q invadissem a embaixada e prendessem o ratinho, eu como brasileiro não ficaria nenhum pouco ofendido, afinal, o problema é de honduras e honduras que resolva, mas o companheiro quer sempre aparecer pro mundo, dá nisso.

    Fico sim ofendido é de ver o ratinho com aquele chapéuzinho dele acompanhado de militantes (leia-se vagabundos que não trabalham) apoiando ele e comendo e bebendo dos poucos recursos que são destinados aos “coitados” dos funcionários brasileiros que ali trabalham para sustentar suas famílias.

    Haveria de aparecer um tipo por aqui (Brasil) para tbm sequestrar os deputados e senadores de nosso país pela madrugada de pijama e mandar lá pra PQP, lá podem se exilar onde quiserem.

  26. Golpe é golpe, e Zelaya não foi retirado do poder legalmente.

    Aos hipócritas, as palavras de Kotscho soam como ofensas, porque a verdade dói.

    Lula foi eleito e reeleito, e campanhas negativas, denegrindo o outro candidato, servem para esconder as deficiências dos opositores.

    Os hipócritas continuarão hipócritas, mas os que não sabem ou fingem não saber como as coisas funcionam, podem pensar um pouco sobre o que escreveu o colunista.

    Parabéns Ricardo, concordo com você e admiro sua postura e coragem.

  27. Dois pesos e duas medidas.
    Ricardo,
    O que o dinheiro não consegue, acho que só a morte.

    Os donos do capital usam e abusam destes principios que falastes. Escrevestes muito bem, o que nós gostariamos de poder escrever, e de ter esse dom seu, de relatar fielmente, com certa simpliscidade de entedimento.
    Veja bem, só consegue a midia quem tem dinheiro, não é o trabalhador.
    Os empresariado que pagam as propagandas visando só seus interesses, não da nação como um todo. São eles que tem dinheiro para financiar campãnhas eleitorais e tudo que envolve a midia e na midia, eles que são donos de rádio e tv, agencias de propaganda. E então é dificial até de lutar contra o sistema.. Novidade…. . Jamais o povo consegue entender isso, por isso escolas é o melhor caminho, mas com professores bem pagos.

  28. Desculpe, a tempos já parei de ler os textos aqui postados. Infelizmente, não fazem uma análise fria da questão, são parciais! Dúvido que ninguém do Governo Federal não sabia, antecipadamente, do que iria ocorrer em Honduras! Nesta história é 8 ou 80, ou o Brasil, como sempre, passou de tonto, sendo manipulado e usado, como é pela Bolívia e Venezuela, ou está envolvido. Todavia, não dá para permanecer da forma como está, sempre submisso aos interesses dos outros!!! Quanto a campanha antecipada, o duro é que o PT sempre criticou isso e agora esqueceu tudo e aprendeu rápido, diga-se, para mander o Poder, a utilizar a máquina pública para isso! Desculpe, mas o PT vendeu sua alma!!!!!

  29. O golpe está em não permitir a consulta popular. Zelaya não tentou mudar a constituição. Zelaya tentou consultar o povo, para saber se o povo deseja mudar a constituição. É muito diferente. Uma constituição que não permite que o povo se manifeste não é democrática e não merece respeito.

  30. Caro Ricardo,seu blog realmente é democratico,parabens,pois se fosse na folha ou no estadão com certeza certos comentários idiotas nao seriam aceitos como se ve aqui!Já que lá so se aceita crítica ao governo atual e elogios ao PSDB
    Parabéns

  31. Ricardo sua amizade com Lula nubla seu julgamento, vc sabe, mas não pode dizer que esta foi mais uma das tolices que Lula comete por impulsividade e por ouvir amadores em diplomacia. Me diga porque Chaves que deu o avião para trazer o Zé Laya não o abrigou em sua embaixada, porq

  32. Os bandidos são as pessoas e entidades que roubam o cargo de um presidente LEGITIMAMENTE ELEITO pelo voto popular , bem ou mal as vias não são a truculencia e a força de seus interesses pessoais.
    Lá como cá as forças ocultas (PIG) não se conformam de ver o povão se dar bem.

  33. Ricardo, gostei muito de seu “post”, só deveria contar que Zelaya é um grande latifundiário Hondurenho e seu pai é responsável pelo massacre de 14 cidadãos de seu País que faziam uma marcha contra a fome. Que roubada nosso País entrou ? tem gente no Ministério das Relações Exteriores falando e se impondo demais, não será aquela figura caricata do : – top, top, top ?

    1. Roubada ? Não, são os iguais se atraindo ( Lula, Chaves, Zelaya, Morales e outros dinossauros sul americanos.
      Voce acha que o Lula entende alguma coisa de democracia? Entende o mesmo que ele entende de Filosofia. Ele é uma alma com buracos negros de ranços ditatoriais.

  34. Ricardo

    Concordo com você quando diz que devemos chamar as coisas pelo nome certo.
    Quem deve ser o primeiro a fazer é o candidato a Deus, em exercício de mandato presidencial.Não podemos esquecer que o episódio do mensalão foi citado como erro e não crime.

    Apoio seu pensamento.

  35. Parabéns Kotscho, por sua postura frente aos hipócritas e às elites burras! Quanto à constituição de Honduras, prever que as leis não podem ser mudadas é ser contra a história, que é por si dinâmica. E democracia significa “governo do povo” em grego, para os que não entendem coisa nenhuma e tudo chamam de ditadura. Se os povos venezuelano, boliviano, hondurenho e brasileiro apóiam seus respectivos governos e lhes concedem reeleições e vitórias em plebiscitos, o povo é soberano e às elites só resta ficar vociferando e chorando. Viva o Brasil! Morte à direita sanguessuga”

  36. Ricardo, boa tarde.

    Que feio voce esta fazendo!!!! Cadê sua formação jornalismo!!1 Cadê a independencia???
    O que Zelaya queria fazer a Constituição do Pais proibe terminantimente.
    Os meios utilizados não condizem com a Democracia, teria que ser feita a cassação via Congresso, uma vez que ele estaria violando a Constituição e não o golpe.
    Vamos ser imparcial Sr Ricardo!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  37. Prezado Kotscho,
    gosto tanto de seus comentários que até já os usei em monografias.
    Mas desta vez, me desculpe, acho que está cometendo pequenos equívocos.
    Concordo que a confusão em Honduras é grande e que por aqui, todo dia, se ouve muita besteira e hipocrisia.
    Quem derrubou Zelaya não foram os militares hondurenhos. Foi a SUPREMA CORTE, óbvio, que para isso tem que ter o apoio das Forças Armadas.
    Zelaya, para dar um GOLPE na constituição deles também pediu o apoio do Chefe do Estado-Maior das Forças Armadas, que por ter se recusado, foi EXONERADO.
    Se eles teem uma constituição democrática, eleições democráticas e agora só estão cumprindo o que está na constituição, quem é golpista? para mim, Zelaya é o principal.
    E porque o Brasil tem que se meter nisso? pra pagar um mico internacional?pra ser o palhaço da vez? Bem disse o embaixador americano.. “a volta e o apoio a Zelaya são irreponsabilidades”.
    Porque LULA não deixou Chavez dar o apoio? já que ele gosta e precisa aparecer ?!!
    A mídia brasileira ainda tem tremelicos quando se fala em qualquer coisa envolvendo militares!!! mas os militares são necessários até para respaldar as BESTEIRAS que nosso presidente diz a todo instante, são eles que garantem a lei, a ordem e as instituições, por piores que sejam. Isso em qualquer país do mundo.

  38. Para se meter em um determinado assunto é preciso conhece-lo. Quem não quer ter o trabalho de conhecer, não tem o direito de dar palpite.
    A reeleição pode ser democrática, no mundo inteiro. Mas, em Honduras não é.
    A Constituição não permite a reeleição, não permite sua reforma, nesse quesito, e ainda prevê sanções contra quem tentar.
    Portanto, o Sr. Zalaia, segundo o texto constitucional Hondurenho, se auto depôs. Os outros Poderes da República, apenas, fizeram seu trabalho.
    O resto é papo furado.
    De um modo geral, quando dá vontade de apenas se meter, o melhor é esperar a vontade passar.

  39. Sr Kotscho, o senhor esqueceu de falar das contradicoes e trapalhadas do nosso desgoverno, quem afirma que as eleicoes no Ira foram legitimas, quem apoia os tres patetas da America Jurassica, vem bufanar sobre a defesa da democracia em Honduras e se mete em assuntos que nao lhe dizem respeito, comente sobre isto.
    Eles deveriam ter aprendido com a historia, se bem que e um desgoverno averso a leituras, aprendizados e cultura, que a democracia, como tudo na vida, é relativo, variando seus modelos e intensidade de acordo com a cultura de cada povo, os Hondurenhos que decidam que cuide das suas relatividade, que eu saiba, tudo la corria normalmente, ate que os Patetas resolvessem meter o nariz onde nao foram chamados.
    Como sempre ocorre, nas adversidades, a turma dos bufaneiros pasteloes agora quer se livrar do abacaxi e nao sabe como e os Hondurenhos e que estao pagando o pato com abacaxi.

  40. Porque queria enrredar seu amigo na teia bolivariana e que o Brasil ficasse com o ônus do desgaste internacional, sem querer , querendo Chaves um maluco autoritário está cavando a cova petista e de Lula na próxima eleição, Ricardo brasileiro pode ser semianalfabeto, mas não é burro e consegue enxergar essa trapalhada que Lula e o PT, choararão amarrgamente em 2010.
    Vc está no seu papel de defender Lula até a morte, mas não substime a inteligencia de seus leitores.

  41. Caro sr. Ricardo:

    A questão que deve ser colocada em pauta não é o que o senhor Zelaya estava querendo fazer, mas como ele desejava fazer. Honduras, como o Brasil e outros países democráticos, tem uma Constituição. Nesta Carta Política há uma vedação à reeleição, na condição de cláusula pétrea. Esse instrumento constitucional foi utilizado para evitar o continuísmo das oligarquias que vinham se perpetuando no poder. Essa Constituição, que foi promulgada em 1982, vinham mantendo a paz no país, inclusive com a primeira transferência de poder, que ocorreu em 1986, sem a intervenção dos militares. O que o senhor Zelaya fez foi tentar mudar esse cenário, por meios ilegítimos e ilegais, que teve a desaprovação do Poder Judiciário. Num país democrático o poder tem que ter a sua limitação pelo Poder Judiciário. Talvez a Constituição de Honduras não apresente os melhores instrumentos para resolver as suas questões internas, entretanto temos que reconhecer que no momento estes são os que se apresentam e devem ser respeitados por toda a sociedade iniciando pelo seu mandatário maior. Ele poderia ter dado um exemplo não somente como presidente, mas pricipalmente como cidadão propondo através dos meios jurídicos e democráticos adequados, como fez Fernando Herique no Brasil, alterar a Comstituição e não rasgá-la como fez. E mais: o estado de sitio decretado é previsto também em nossa Constituição e deve ser utilizado para preservar a democracia. O está ocorrendo em Honduras é que com a presença do sr. Zelaya na embaixada brasileira incitando a revolta, com o apoio de alguns órgãos de imprensa, o que pode ocorrer é uma guerra civil que certamente vai debilitar ainda mais não somente os recursos daquele pais pobre, mas também a democracia. A questão é somente uma: respeitar a Constituição por melhor ou pior que seja.

  42. Eu até gostaria de inserir um comentário a respeito dos acontecimentos em Honduras mas eu não vou faze-lo. Sabe porque? Eu estou achando que este seu texto é uma provocação. Pura provocação e eu não vou entrar nessa. Voce é infinitamente mais inteligente e culto do que quer parecer ser.

  43. O nosso Brasil não merece esse PIG HIPOCRITA, e nem esta oposição fajuta, na marina silva só votarão os debiloides, a mulher está revelenado seu carater, ele é muito rasteiro, vai se atolar junto com o PV, partido da Vala…

  44. Caro Kotscho,

    Apesar de ter sido contrário à reeleição de FHC, há de se convir que não há paralelo entre o que aconteceu em Honduras e aqui no Brasil em termos de reeleição. No Brasil, o Legislativo aprovou a reeleição através de emenda constitucional; o Judiciário referendou tal emenda; as Forças Armadas não se pronunciaram. Em Honduras, o Legislativo negou o pedido de plebiscito para reeleição que Zelaya propôs; o Judiciário considerou-o inconstitucional; e Zelaya tentou impor sua autoridade ao comandante do Exército para que o dito plebiscito fosse feito, sem conseguir seu intento. Resultado: foi deposto. Concordo até que de forma de deposição foi totalmente errada ao Exército entrar na residência oficial de madrugada para prendê-lo, mas ela foi legal. Agora, o presidente Lula e a nossa chancelaria – diga-se Celso Amorim- colocaram o nosso País numa sinuca de bico, até mesmo porque foram na onda de Hugo Chávez. Muito cuidado para Luis Inácio não ser chamado daqui a pouco de moleque de recado do bolivariano.

  45. Caro Ricardo, razões á parte, um que queria mudar a constituição para se reeleger e talvés até se perpetuar no poder como o seu amigo Chavez; o outro que deveria iniciar um processo de “impechmant” e preferiu o ato sumário, o que me assustou foi o comentário do nosso diplomata Lineu Pupo de Paula (não é o governo de fato), que estaria havendo pequenos furtos dentro da embaixada no andar onde estão instalados os assessores da Zelaya! Veja que coisa absurda! Você oferece sua casa, lhe dá alimento, guarida e proteção e seu amigo lhe rouba seus pertences debaixo do seu nariz! Coitados dos Hondurenhos! Ou ficam com um governo classificado de golpista ou serão dirigidos por um governo assessorados por ladrões!

  46. SERÁ QUE O PORTA AVIÕES MINAS GERAIS ESTÁ EM ORDEM, CASO O BRASIL DECLARE GUERRA CONTRA HONDURAS????
    ASSIM COMO OS ESTILINGUES, MOSQUETES, GARRUCHAS E OUTRAS ARMAS PODEROSÍSSIMAS EM PODER DE AMBOS OS EXERCITOS, PERIGANDO UM CONFLITOS DE IMPREVISIVEIS PROPORÇÕES?
    QUEM DEVE ESTAR ATENTO A TUDO ISSO DEVE SER O WOOD ALLEN, NO CASO DE ESTAR PENSANDO EM DIRIGIR UM ” REPUBLICAS DAS BANANAS 2″
    SÓ RINDO, MESMO.
    ABRAÇO

  47. Caro Kotcho,
    Sim, uma verdadeira hipocrisia.Ninguém revelou os reais motivos para que essa crise em Honduras fosse deflagrada.Não vejo a imprensa de plantão apontar que Zelaya(vulgo Mel ou ´´El Raton ) está sendo investigado por diversos crimes de corrupção (há, li esta matéria no El Heraldo e na Tribuna de Tegucigalpa). É notório que a ´´republiqueta Honduras é composta de uma população miserável. Não faz muito tempo, o governo militar governava este país. Com a saída dele, criaram uma nova constituição com algumas cláusulas pétreas, inibindo qualquer ato que pudesse fomentar um novo golpe oriundo de qualquer segmento.O clone do ´´ratinho , que por sinal é um grande latifundiário, por inúmeras vezes tentou revogar determinadas claúsulas, mas não obteve sucesso e nem respaldo dos poderes superiores vigentes no país. Este Sr. chegou a decretar feriado para os serviços públicos, ordenando ao funcionalismo que distribuíssem urnas(segundo a imprensa hondurenha, vindas da venezuela) para o tal plebiscito que insuflou o áoice da crise. É verdade…uma hipocrisia. Convenhamos: a constituição é a Carta Magna e deve ser respeitada a qualquer preço, não é? SE esta mesma Constituição possui dispositivos para repudiar tal iniciativa, quem é o golpista?Esquecem-se que o episódio do pijama é o que menos importa, pois Mel Zelaya já havia sido julgado, condenado e(acredito por mera ingenuidade deste Sr) deveria ser expulso. Na minha humilde opinião, devido a convergência entre os três poderes superiores de Honduras foi acertado. Um adendo: você, caro Kotcho há de convir que essa influência(ideologia) do Chaves (que por sinal também fechou rádios e Tevês – outra hipocrisia- )
    está tumultuando algumas questões de soberania nas Américas Central e do Sul.Políticas Bolivarianas…O Sr. Zelaya, após ser deposto, realizou inúmeras viagens com o objetivo claro de conseguir apoio para voltar ao poder. Ora, outra hipocrisia, pois não foi na embaixada brasileira que ele conseguiu abrigo?? Por que não na Venezuela, Guatemala, Bolívia, Chile, etc? Outra coisinha: este senhor não entrrou sozinho: 63 manifestantes mais alguns menbros de sua família.E o embaixador?? Outra hipocrisia, pois ele estava ausente. Quem autorizou? Como Zelaya entrou no país?Sozinho, como num passe de mágica?Se não bastasse isso, de posse da embaixada, Zelaya cria um palanque pessoal e instiga o povo para a chamada ´´ressureição´´.Bem, aí então não existe embaixada, não é mesmo? O ratinho cover faz o que quer.Kotcho, até esse dispositivo referente ao estado se sítio, incluindo toque de reecolher e etc( que eu, acredite, condeno veementemente) está previsto por regras pré-estabelecidas. Caríssimo, outra hipocrisia são as comparações com Color e FHC. Houve manobra, claro, mas também ouve anuência do Congresso Nacional ( bem diferente do está sendo apregoado pelos blos afora). O que é triste pra mim? É vr que o meu país se envolve, desnecessariamente, em uma crise internacional, é achicalhado, mais uma vez, como ´´República das bananas´´ , criando um constrangimento para o nosso povo que aguarda impacientemente soluções definitivas para a saúde, segurança e educação( para mim, a falta de sensibilidade para estas questões são a verdadeira hipocrisia).

  48. PARTE 1.

    Manuel Zelaya foi eleito presidente de Honduras em 2005 pelo Partido Liberal, um dos mais tradicionais do país, para um mandato não-renovável de quatro anos. Nascido em uma família rica, Zelaya faz parte da elite empresarial de Honduras. Inicialmente apoiava os tratados de livre comércio com os Estados Unidos, mas a partir de 2007, com a guinada à esquerda da América Central, começou a adotar posições alinhadas com o “Socialismo do Século XXI” inaugurado pelo presidente da Venezuela, Hugo Chávez, tanto nos campos econômico e social como na política externa ligada à Alternativa Bolivariana para as Américas, o que – segundo analistas de esquerda teria desagradado a “elite” de seu país, que sempre manteve laços fortes com os Estados Unidos[10]. De acordo com o jornal estadunidense The New York Times, muito do apoio a Zelaya vem de sindicatos, enquanto que a maioria nas classes média e alta – assim como vários analistas – temiam que ele pretendesse introduzir um “socialismo populista” aos moldes de Hugo Chávez no país[11][12].

    Em 2008, Zelaya foi criticado pela OEA por impor às emissoras de rádio e televisão a obrigatoriedade de transmitir programas do governo. A ONU criticou o assassinato de jornalistas durante seu governo. De acordo com a revista britânica The Economist, “a presidência de Zelaya foi marcada pelo aumento do crime, dos escândalos de corrupção e do populismo econômico”[13]. Em abril de 2009, uma pesquisa do instituto de opinião Mitofsky mostrou que apenas um quarto do país aprovava o governo de Zelaya, o índice de aprovação mais baixo entre 18 líderes regionais.

  49. ricardo,

    com relação a honduras, é so ler a constituição do país que diz com todas as letras que será deposto do cargo de presidente, quem forçar consulta popular sobre re-eleição. quanto a em todo lugar do mundo ser normal, em honduras é anti-constitucional e a pena é a perda de mandato. hipocrisia é chamar o interino de golpista e não mostrar a constituição do país. quanto aos atos de fechar radios e televisões é sim um arbitrio.
    hipocrisia é chamar chaves de eleito e re-eleito democraticamente, quando todos sabemos de que maneira democratica se deram as eleições.
    hipocrisia é querer comparar o uso de toda a maquina de propaganda estatal a favor da candidata “mediocre” e os discursos sobre ser canditado dos concorrentes.
    hipocrisia é propangandear que somos o primeiro em extrair petroleo do pre-sal, quando o que temos é o ovo no … da galinha.
    ricardo, seja mais racional e menos passional em suas reflexões.

    abraços

    pedro

    1. PARA: Pedro -29/09/2009 , 12:58H

      O programa CANAL LIVRE de ontem, domingo 27/09/09, entrevistou o sr. LIONEL ZACLIS, que tentava explicar à luz da lei a legalidade do ocorrido em HONDURAS.

      Acesse o link:
      http://www.band.com.br/canallivre/videos.asp

      Repetidas vezes, em alto e bom tom, ele citou o art. 237 da CONSTITUIÇÃO DE HONDURAS, que segundo ele fundamentava a sua tese de LEGALIDADE DO ATO.

      Para um telespectador incauto ele encarnava a figura do LEGALISTA, do HOMEM DAS LEIS, a personificação da VERDADE: matava a cobra e mostrava o pau!

      Vejamos o que diz o art. 237 da referida constituição:

      ARTICULO 237.- El período presidencial será de cuatro años y empezará el veintisiete de enero siguiente a la fecha en que se realizó la elección.

      A íntegra da Constituição de Honduras encontra-se no link abaixo:
      http://pdba.georgetown.edu/Constitutions/Honduras/hond82.html

      A pergunta que não quer calar:

      ADVOGADO ou RÁBULA?

    2. pedro vc nao entendeu nada do texto ou vc e´analfabeto quando o Ricardo entrou no merito .o que esta errado é culpar o Presidente LULA pelo atos de outras pessoas ou de outros paises

    3. A constituição de Honduras não diz que ele deve ser deposto. Diz que ele deve deixar o cargo e se tornar inelegível por alguns anos. O que fizeram foi atacar sua residência, na calada da noite, com arma de fogo apontada para sua família e o expulsaram, o exilaram do país. Aí está o golpe, meu velho. Ele não podia ter sido expulso como um cachorro e ainda junto com a família. Que democracia é essa? Nem na China isso acontece. Lá você morre no país, mas não é expulso. Não venha usar as palavras dos golpistas para defender o golpe, usando a constituição deles erroneamente.

    4. Pedro, quando se quer, pode-se achar justificativa juridica pra tudo que há demais podre na humanidade.

      O que houve em Honduras foi golpe sim!! Constatar isso não significa necessariamente concordar com o “Zé Laya”.

      Voltando à questão da Constituição de Honduras, lá diz sim que o presdente será deposto e ficará inelegível e só. Em nenhum outro artigo cita que o presidente será expulso do país, ou que terá sua casa invadida por militares no meio da madrugada, ou ainda que durante este interim, será decretado estado de sítio, e tudo isso é o que cracteriza o golpe.

      Hipocrisia é chamar de governo interino, um governo golpista (dentro da lei)!!

      ********

      Kotscho, se puder, poderias reproduzir o artigo do Eduardo Guimarães, acho que pode ajudar muita gente a entender o que está acontecendo naquele país.

      Segue:

      A verdade sobre Honduras

      por Eduardo Guimarães, no Cidadania.com

      Nunca será demais dizer a verdade sobre o que está acontecendo nas Honduras da América Central, bem como pesar que conseqüências podem advir do desfecho de tais acontecimentos. Tentarei, pois, fazer este registro histórico da forma mais simples possível, sem rebuscar na linguagem ou me estender demasiadamente em pormenores, visando a fácil compreensão, por qualquer um, da situação política naquele país.

      Também julgo importante, para um registro desta natureza, apresentar somente fatos inquestionáveis, de forma que, ao leitor, fique a decisão sobre que parte envolvida tem razão ou se alguma das partes a tem.

      Será importante registrar, também, como os formadores de opinião (imprensa e classe política) no Brasil vêm tratando o assunto. Este país acabou assumindo um dos papéis protagonistas nessa crise – para o bem, no entender de alguns, e para o mal no entender de outros – ao conceder abrigo ao presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, na representação diplomática do Brasil naquele país.

      Vamos, pois, aos fatos.

      Numa madrugada de junho de 2009, soldados hondurenhos invadiram a casa do então presidente de Honduras, Manuel Zelaya. Foram ao seu quarto e o surpreenderam dormindo ao lado de sua mulher. Sob a mira de armas, levaram-no ao aeroporto de pijamas e o deportaram do próprio país, deixando a família para trás.

      Em seguida, a Justiça e o Legislativo de Honduras apresentaram suposta carta de renúncia de Zelaya – carta que, desde o primeiro momento, ele nega ter escrito – e, sem votação popular alguma, “elegeram” presidente um dos opositores políticos do presidente deposto. Ou seja: o grupo que depôs Zelaya escolheu o novo presidente entre seus membros e deu posse a ele sem consultar a população.

      Há que ressaltar bem a situação: o presidente eleito pela maioria dos hondurenhos foi tirado do cargo sem que tivesse tido julgamento de qualquer espécie e, assim, oportunidade de se defender das acusações que seus adversários lhe fizeram para justificar as sanções que lhe foram impostas. São acusações de ter cometido crimes que justificariam sua deposição. Elas, porém, contrastam com a opção por deportá-lo em lugar de prendê-lo e julgá-lo.

      Acusaram o presidente deposto de ter convocado um plebiscito, uma consulta ao povo hondurenho sobre se o seu país deveria ou não convocar uma assembléia constituinte, ou seja, uma reunião de legisladores para escrever e votar uma nova constituição, e de Zelaya pretender que essa assembléia votasse uma lei que lhe permitisse disputar novo mandato.

      Vale dizer que a vigente constituição de Honduras proíbe reforma constitucional e propositura de reeleição de um presidente, e determina que o ocupante de cargo público que proponha tal coisa perca o cargo e fique inelegível por dez anos.

      Zelaya afirma que esse trecho da constituição de seu país vale para funcionários públicos de escalões inferiores e não para o presidente da República, e a comunidade das nações considerou ilegal a destituição do presidente sem o devido processo legal e amplo direito de defesa do processado, e rejeitou que a pena tenha sido aplicada antes de qualquer julgamento.

      Por conta disso, nenhum país reconheceu o novo governo e sanções econômicas dessa comunidade internacional se sobrepuseram contra Honduras sob a exigência de que os que derrubaram Zelaya lhe devolvam o poder.

      Os que perpetraram o que todas as instituições e países do mundo consideraram “golpe de Estado”, devido à crescente pressão internacional adotaram a estratégia de tentar legitimar pelo voto popular a interrupção de um mandato concedido de forma inquestionável pela maioria dos hondurenhos: convocaram eleição para presidente no próximo mês de novembro.

      A ONU, a OEA, a União Européia e todas as demais instituições multilaterais mais importantes, bem como a totalidade dos países – Estados Unidos incluídos –, rejeitaram uma eleição comandada pelos que interromperam um mandato popular por meio de armas e de constrangimento físico sem dar ao detentor daquele mandato a chance de se defender num processo legal de perda de mandato.

      Além disso, as forças de repressão do regime que se instalou depois da deposição de Zelaya passaram a atacar a tiros e a prender indiscriminadamente os milhares de cidadãos que protestam contra a deposição do presidente que apóiam, e tais forças passaram a proteger manifestações pró regime orquestradas por este regime, manifestações flagrantemente caracterizadas por empresários e pelas camadas mais ricas da sociedade hondurenha.

      É neste ponto que surge uma divergência espantosa entre gigantes. Todas as instituições multilaterais e chefes de Estado de todas as grandes democracias do mundo se contrapõem aos maiores meios de comunicação de grande parte dos países (sobretudo dos meios da América Latina), que têm preferido apontar os “crimes” de Zelaya ou sua “militância política” na embaixada do Brasil, o que fazem em benefício do processo ilegal de sua destituição.

      Na América Latina, primordialmente, as oposições aos governos tidos como de esquerda na região unem-se à imprensa na preferência por aqueles que a comunidade das nações chama de golpistas, termo que inclusive é adotado pela mesma imprensa que surgiu com a tese de “golpe corretivo”, ou seja, um golpe que dura apenas o suficiente para derrubar um governo que uma parte da sociedade julgue que não deve prosseguir, mas sem a menor garantia de que aquela decisão seja apoiada pela maioria.

      Um fato inquestionável: a imprensa latino-americana apoiou golpes de Estado na região durante o século passado todo, tendo, inclusive, apoiado tentativas de golpe neste século, como aconteceu na Venezuela em 2002, onde uma tentativa de golpe foi defendida por meios de comunicação de vários países, inclusive o nosso.

      No Brasil, políticos e jornalistas de esquerda dizem abertamente que as grandes tevês comerciais, os grandes jornais e as grandes revistas semanais apóiam o golpe em Honduras porque acalentam a idéia de que golpes como o hondurenho possam ser dados no Brasil se um governante algum dia adotar medidas que firam interesses do grupo social a que pertencem os donos desses meios de comunicação.

      Também ressalta o crime internacional cometido pelo regime dito golpista, que, violando acordos internacionais, ataca com guerra psicológica e gases tóxicos a embaixada brasileira em Tegucigalpa, num desafio aberto à comunidade das nações. Os ataques derivam de o presidente deposto ter voltado a Honduras e se abrigado em nossa representação diplomática naquele país.

      Manuel Zelaya foi derrubado, segundo certa corrente de pensamento, porque vinha adotando políticas sociais e econômicas inspiradas nas de seu então homólogo venezuelano, Hugo Chávez, despertando na direita hondurenha (empresariado e classes sociais mais altas) temor de “socialização” de um país que figura entre os campeões de concentração de renda no mundo, tal como o Brasil.

      Não se trata de uma invenção de ninguém em particular o que todas as grandes democracias, a Organização das Nações Unidas, a Comunidade Européia, a Organização dos Estados Americanos – e quantos mais quiserem pôr na lista – concordam, ou seja, que a deposição de Zelaya, tal como foi feita, constitui ameaça ao direito dos povos do mundo inteiro de escolher governantes e de essa escolha ser respeitada.

      Escrevi este texto inspirado em dúvidas manifestadas por enfermeiras da Unidade de Terapia Intensiva do hospital Santa Catarina, em São Paulo, onde minha filha de dez anos está internada. Elas manifestaram dúvidas sobre “quem teria razão” nesse caso da crise política e institucional em Honduras.

      As enfermeiras disseram-se cheias de dúvidas depois de assistirem comigo, no quarto de minha filha no hospital, reportagem do Jornal Nacional sobre o assunto. Espantou-me a dúvida delas sobre quem teria razão, a Globo ou Lula. Ficou-me claro que entenderam que a emissora apóia os que derrubaram Zelaya e que Lula apóia o presidente deposto.

      O claro apoio de grandes meios de comunicação e de políticos de direita a golpe de Estado num continente como a América Latina, que já sofreu tantos golpes de direita apoiados por grandes meios de comunicação, constitui-se num clichê latino-americano surrado, o das repúblicas bananeiras, imagem criada para designar republiquetas centro-americanas em que governos surgem e somem ao sabor de decisões de gabinete.

      Estes são os fatos sobre Honduras. Nada do que escrevi aqui pode ser questionado. Espera-se, pois, que este texto simples e direto possa ajudar na difusão de fatos que todo brasileiro precisa entender bem, pois o processo em Honduras pode influenciar nosso futuro de maneira determinante, sobretudo se passar despercebido daquela parte enorme da população que pouco se informa

    5. Pedro acrescente que o Sr. Zelaya após perder no congresso ,no supremo ainda contando com o apoio do “democratico” Chaves que se propos a fornecer urnas para a consulta forçou a barra para faze-la a qualquer custo. O mais engraçado disso é que nosso PresidenTe , Lulla , acha arbitrio fechar jornais e radios , desde que não seja na Venezuela , na Argentina , Bolivia , Cuba , Equador ,esses contam com a premissa BOLIVARIANA que deve ser mais ou menos assim … os amigos podem , os adversarios se o fazem são anti-democraticos . O Sr. Zelaya faz gato e sapato de nossa embaixada , um verdaeiro palanque e ainda assim esses frouxos não tomam qualquer medida e acrescente-se que as radios fechadas não davam apoio a Zelaya e sim divulgavam um problema de saude do Sr. Micheletti disvirtuando a paz e insufalndo a revolta ( se fosse na Venezuela ) iso o Sr. Ricardo não fala. Devemos ter uma postura democratica e menos partidaria para opinar , pois HIPOCRITAS são o PT , seus dirigentes e aqueles que se escondem emsuas colunas para apoio ao partido se dizendo IMPARCIAIS

    6. Pedro, vou analisar só um ponto do seu comentário, o que diz:

      “hipocrisia é propangandear que somos o primeiro em extrair petroleo do pre-sal, quando o que temos é o ovo no … da galinha.”

      Vc quis dizer que não tiramos óleo do pré-sal ainda? Se sim, reveja sua “certeza”. O Brasil já tira petróleo de lá há mais de ano, parou em julho e recomeçou em 5/9. Tudo bem, é em fase experimental, mas está tirando.

      Na moral? Vc errou, e grosseiramente. Reavalie suas outras “certezas”, vc pode estar enganado.

      Ah, só para constar:

      http://www1.folha.uol.com.br/folha/dinheiro/ult91u620762.shtml

    7. Caro Pedro, é só ler a constituição e a REALIDADE para saber esta consulta NÃO era anti-constitucional, pois de carater FACULTATIVO. Seu caso talves não seja hipocrisia, mas DESINFORMAÇÃO, desinformação quanto ao orientação preconizada pelao artigo 5 da Lei de Participação Cidadã de 2006. E mais faço uma pergunta a você: por que impor uma camisa-de-força a quem, a princípio, pertence “A SOBRANIA DA QUAL EMANAM TODOS OS PODERES DO ESTADO” Artigo 2 da Constituição que você está evocando, mas que parece desconhecer, a não ser pelas páginas da Veja e similares.

    8. Maravilha de artigo Ricardo, realmente falta semancol no nas várias esferas de poder do país, desde a econômica, passando pela política, e acabando nos meios de informação que muitas vezes deturpam fatos, por interesses próprios!
      Quanto a sua fala Pedro, uma carta constitucional que se diz democrática não pode ter clausula dizendo que não pode ser anulada, ou modificada, aliás a clausula diz que um individuo no poder não poderia modificar a constituição, não diz nada sobre proibir referendos e consultar o próprio povo, de onde teóricamente emana o poder sobre a mudança!
      O Golpe, ocorreu um dia antes do referendo, não foi um golpe contra Zelaya, apesar de falastrão, foi um golpe contra o povo Hondurenho, que no dia seguinte iria as urnas decidir sobre a mudança ou não da constituição!
      Od golpistas não temem Zelaya, temem o povo Hondurenho, e o golpe nesse sentido foi contra o povo daquele país!

    9. Quem fez as tais leis?
      Leis são superiores a voz do povo?
      Foram as leis que permitiram rasgar a constituição do Brasil para o segundo mandato do FHC/PSDB?!
      Isso é também hipocrisia ou não?!

    10. Pedro! Pedro…
      Antes que o galo cante 3 vezes verás que é hipocrisia chamar a “candidata” de medíocre. Ela pode ter vários defeitos. Mas medíocre é tudo o que NÃO É!
      Alias: sem a luta travada por ela e tantos outros – colocando em risco a própria vida jamais poderias dizer aqui – o que dizes. Inclusive, se usasses a palavra “medíocre” para alguém do governo da DITADURA poderias ser apenas um número, um nome, um esqueleto escondido feito tantos outros e que ainda clamam por justiça!
      FHC/PSDB negociou segundo mandato rasgando a constituição e tú não o chamas de hipócrita.
      Nem o partido dele e a base que lhe deu sustentação.
      E te achas racional?
      Não seria muita hipocrisia da sua parte?!

  50. Ricardo,

    Interessante…..

    O pessoal que comentou nesse ‘post’ está afirmando que a alternância de poder é uma cláusula pétrea da constituição hondurenha e que a tentativa de alterá-la dá a legitimidade para o afastamento imediato do presidente (como disse os colegas internautas).

    Mas será que os colegas sabem se nessa mesma Carta também é proibido a consulta popular? Não sei.

    Me parece que os “governos democráticos legítimos” têm mais medo da consulta popular que da mudança da constituição, vide Bolívia, Venezuela, Honduras, quanto que a negociata política que muda a alternância parece sempre mais legítima, como vimos no Brasil e agora na Colômbia.

    É Ricardo, esse negócio que você defende, tipo: justiça social, democracia popular, “um mundo diferente é possível” está muito fora de moda meu caro.

    Nas universidades, hoje, estamos aprendendo sobre cláusulas pétreas, mas não aquelas ligadas ao direito civil universais. Aprendemos muito sobre ética também (por isso chamamos o PT de bando, sabe)

    Pra você compreender, você deve tirar da cabeça aquela idéia de universitário que você tem, do tipo um bando de ‘maltrapilhos’ fumando maconha em rodinha falando mal dos pais, do país, etc… Agora, o negócio é o “i”, o jovem pega o seu i-pod, seu i-phone e divide seu anseios em sua i-web, toma “ácido” nas baladas e depois esperam as mães virem buscar na porta.

    Eu sei que é dificil de você imaginar, mas sinto em lhe dizer a verdade meu caro.

    Abraços.

    1. Que grande oportunidade perdida!! Por que não se manteve calado?

      Quer dizer que alterar a constituíção pelas vias democráticas e alterá-la mandando congresso e justiça para os infernos é a mesma coisa? Democracia popular é aquela em que o povo decide o que o governante da vez bem entende e acabou a conversa?? Defina democracia senhor!!!

      A embaixada brasileira deveria abrigar os perseguidos políticos de Cuba na embaixada e levantar a voz na OEA pedindo intervenção na mais antiga e sanguinária ditadura vigente.

      Eu não gosto de Lula , Mas a figura mais patética da política brasileira de TODOS OS TEMPOS é esse cidadão chamado Marco Aurélio Garcia. Esse cara me dá náuseas!!

    2. Nas periferias pobres das grandes cidades um GRITO já está ecoando: A ESPERANÇA VENCEU O MEDO e as várias formas de comunicação estão formando um geração que SABE MUITO BEM A DIFERENÇA ENTRE GOVERNO ELEITO PELO POVO E DITADORES SUSTENTADOS PELOS PODRES PODERES!
      Aguardem!
      Um “folclórico” continua sendo melhor do que um DITADOR USANDO ARMAS DO ESTADO!

  51. PARTE 2.

    O presidente tinha a intenção de fazer uma consulta pública em 28 de junho, para que os eleitores opinassem sobre a realização de um referendo para a convocação de uma Assembléia Constituinte. Segundo seus opositores, Zelaya pretendia assim abrir caminho para a sua reeleição. O artigo 239 da Constituição de Honduras, que proíbe a reeleição presidencial, afirma que qualquer cidadão que propuser modificá-lo, indireta ou diretamente, deve ser imediatamente retirado do cargo público que exerce. Ao invés, os apoiantes de Zelaya replicam com a nulidade deste argumento, porquanto não só a consulta popular não tinha carácter vinculativo, como não perguntava sobre a reeleição do presidente[1], ao que diversos analistas replicam que era apenas uma fachada para a tentativa de se perpetuar no poder através de medidas de democracria plebiscitária de molde populista, como fez Hugo Chávez.

    A consulta popular foi rejeitada pelo Congresso, pela Procuradoria-Geral de Honduras e pelo Tribunal Eleitoral, além de ter sido considerada ilegal pela Suprema Corte. A Constituição só pode ser modificada com o apoio de dois terços do Congresso. Entretanto, alguns de seus artigos não podem ser modificados nem pelo Congresso, nem por referendos, nem por uma Assembleia Constituinte.[carece de fontes?] Em 23 de junho de 2009, a fim de impedir um referendo que pudesse advir de um resultado positivo da consulta popular, o Congresso aprovou uma lei proibindo a realização de referendos e plebiscitos a 180 dias antes ou depois das eleições gerais, ou seja, cobrindo todo o espaço temporal desde a consulta popular até ao dia 27 de Janeiro de 2010, data em que Zelaya terminaria o seu mandato.

    1. Muito bem, gostei do esclarecimento pois tem muita gente que não entendeu isso e eu entendi desde o primeiro dia. Resumindo o Zelaya sifu, a única burrice dos legisladores Hondurenhos ao meu ver, foi ter levado o Zalaya para fora do país. Deveriam ter prendido ele e julgado conforme as leis via satélite para o mundo.

    2. Ao “Cheio de Fome”.
      E como é essa retirada? É atacar sua residência, na calada da noite, com arma de fogo apontada para sua família e o expulsar, o exilar? Junto com sua família? Isso tá na constituição? O procedimento é esse? Ou isso foi um golpe? Então você está certo, os golpistas estão certos e o mundo todo está errado? É isso, “Cheio de Fome”?

    3. E como foi que não fizeram isso por aqui no tempo do governo FHC que sequer ouviu a população para rasgar a constituição?
      Sei.
      Aquele congresso votou em nome da NAÇÃO!
      Brasileiro é tão bonzinho…
      Com certos intelectuais!

  52. Enquanto a pseudo imprensa nacional for dominada pelo capital da ” PODRE ELITE BRANCA PAULISTA” ela vai ser sempre golpista.

    Infelizmente a imprensa é dominada pelo conservadorismo da direira . em quase todos os países do mundo , é só ver como age em relação a qualquer governo que contrarie seus interesses e de seus patrões.

    Exemplos não faltam , saõ golpistas na VENEZUELA, EQUADOR,BOLIVIA,ARGENTINA,PARAGUAI,BRASIL só para citar alguns países onde os presidentes atuam para diminuir a diferença entra as classes sociais, logo se distribuem renda ,a elite cujo sonho é manter o pobre na miséria, analfabetismo e ignorancia política , esta podre imprensa ajuda e desestabilizar governos , pois só sobrevivem a custa das mentiras, calúnias, injurias e difamações régiamente pagas pela ELITE PODRE em qualquer lugar do mundo.

    RICHARD PEREIRA

    1. vai pra algum destes países q tentam diminuir as diferenças sociais e sobreviva dignamente sem ser cordeirinho militante do governo, depois tu volta aqui e fala como foi a experiência.
      mané

    2. ‘Podre elite branca paulista” é um termo pejorativo e preconceituoso. Se você usasse o mesmo termo sem citar “branca” talvez fosse apenas um termo raivoso e portanto,apesar de grosseiro e violento, de direito.
      Estamos prestes a iniciar,se é que isso já não acontece,uma guerra de classes no Brasil.
      A quem interessa isso e quem é o responsável.

  53. Esta turma do PT vive pondo a colher na panela dos outros.
    Chega de dar força a estes seguidores de Chaves!
    Vamos cuidar dos n/ problemas, que já são muitos…
    Educação , saúde, só p/ falar em 2 onde nada tem sido feito.
    Estamos 200 anos atrasados, não dá p/ perder tempo c/ estes ditadorzinhos bananescos…ou vamos ficar iguais a eles – de quatro.

  54. Zelaya está usando a embaixada brasileira como palanque, contrariando as regras internacionais de asilo político. E o governo brasileiro está sendo frouxo em lidar com essa situação. Essa omissão pode nos custar caro.

    A falta de pulso firme do Itamaraty pra calar a boca do Zelaya está aumentando a temperatura do conflito. A boca-grande de nosso Presidente também não ajuda a amansar a situação. Do jeito que está, de bravata em bravata, o governo brasileiro está praticamente empurrando os golpistas hondurenhos para o enfrentamento. O Brasil precisa urgentemente mandar Zelaya fechar o bico e se comportar como asilado político no intuito esfriar a situação e levar a coisa para a mesa de negociação – que é o objetivo único a ser perseguido. Qualquer outra saída que não a negociação deve ser evitada a todo custo.

    Colocar um governo golpista e caudilhesco, que nada tem a perder, contra a parede não é sinal de inteligência.

    Alguém aí está disposto a sacrificar alguma vida em nome do Zelaya, ainda que em nome de “denunciar uma hipocrisia?”

    1. o q acho mais engraçado é q o companheiro Lula dá o abrigo ao cara e fica cobrando os Estados Unidos por uma posição firme sobre a situação, oras, tenha ele (Lula) uma posição firme sobre qquer coisa q faça ao invés de arrumar problemas

  55. PARTE 3.

    Além disso, o Congresso havia começado a discutir uma forma de promover o impeachment de Zelaya, mas não possuía um caminho legal para fazê-lo, uma vez que a Constituição não menciona a possibilidade de afastamento do presidente. Então, o Congresso, incluindo a maioria dos parlamentares do partido de Zelaya, abriu uma investigação urgente para determinar se o presidente estava violando a ordem constitucional e se era “mentalmente incapaz” de exercer o cargo. Zelaya respondeu ao presidente do Congresso, Roberto Micheletti, através da seguinte declaração: “O que está acontecendo com você, Roberto? Eu fui eleito pelo povo, e não pelo Congresso. Como você quer me fazer passar por incapaz se você é um congressista sujo de segunda classe que conseguiu este posto só porque eu lhe dei espaço em meu partido?”[16].

    O Exército é o responsável pela segurança e logística das eleições em Honduras. Zelaya pediu aos militares que cumprissem seu papel eleitoral na consulta popular de 28 de junho, mas o chefe do comando militar, General Romeo Vásquez Velásquez, recusou obedecer à ordem de distribuir o material eleitoral após a consulta ter sido determinada ilegal e inconstitucional pela Suprema Corte. Zelaya então o removeu de seu cargo, mas a Corte Suprema determinou que ele fosse reintegrado. Zelaya organizou um protesto em uma base da força aérea e liderou uma marcha a fim de conseguir a posse do material eleitoral ali detido pela polícia nacional.

    Honduras já passou por mais de cem golpes de estado em 188 anos, desde que se tornou independente da Espanha, em 1821 – um golpe a cada dois anos, em média.

    PORTANTO COMPANHEIROS, NÃO FALEM MERDA OU DEFENDAM DITADORES ESCONDIDOS ATRÁS DO PAPO DE DEMOCRACIA DO POVO, ISTO NÃO É DEMOCRACIA, MUITO MENOS A VONTADE DO POVO

  56. De cinismo em cinismo estamos criando verdadeiras ditaduras. Ora, Ricardo, de uma lida na CF de Honduras. Nada de ditadura, seja de direita ou de esquerda. Sobre FHC, aproveite e de uma lida também na CF brasileira. Abraço de um leitor.

  57. Veja Sr. a que ponto chegamos.
    Estamos tão acostumados a ver a nossa Constituição ser descumprida, desrespeitada, desmoralizada e rasgada, que achamos normal.
    Quando vemos um País que cumpre à risca o que determina a sua Constituição, achamos que está errado.
    Portanto não houve golpe, ao se cumprir os rigores da Lei daquele País.
    Na verdade quem tentou dar o golpe, está refugiado em Casa brasileira, não podia ser em outro lugar.

    1. Engraçado! quem dera o Brasil tivesse um MInistério Público e um Parlamento igual ao de Honduras, com certeza, o Brasil não seria a vergonha escancarada, numa corrupção cancerígena que o assola. Mudar em regras do jogo em proveito próprio não é nada democrático. Quem quiser lutar para mudar Constituição ou regime político, que faça pelas vias normais. Faça de forma democrática. Proponha idéias através do convencimento, EM PÉ DE IGUALDADE com os demais CIDADÃOS que TAMBÉM tem o direito a não concordar com a mudança de regime. Não pode ficar usando a máquina pública, EM FLAGRANTE VANTAGEM em relação aos demais e em proveito próprio e de seus asseclas. Veja o exemplo do fanfarrão Hugo Chaves. Ele fez um plebliscito usando a máquina pública e perdeu. Fez outro e perdeu. Fez outro e ganhou. Agora ele não faz mais plebiscito, eis que não tem mais. Isto é democrático. Foi fazendo plebiscito usando o DINHEIRO DO CONTRIBUINTE em seu favor defendendo o seu INTERESSE. Muito democrático não? Como tem palpiteiro em política interna de um país. Está na Constituição Federal que o Brasil deverá respeitar os princípios da NÃO INTERVENÇÃO , auto-determinação dos povos e ALTERNÂNCIA DE PODER. O parlemento e Justiça Hondurenha destituiram um INFRATOR, que foi eleito pelo voto MAS está sujeito a CONSTITUIÇÃO de HONDURAS. O Sr. Collor, eleito pelo voto, foi derrubado pelo Congresso, inclusive com o apoio do Sr. Lula, com respaldo CONSTITUCIONAL. Qual a diferença? O Sr. Lulla quer democracia a sua maneira e de acordo com o seu interesse pessoal. Veja o exemplo de Cuba e outros países ditadores. Nestes, o Sr. Lulla não quer democracia. Quero ver estes DEMOCRATAS baterem de frente com a CHINA que, para o mundo, é o mair pais com o regime DITATORIAL. Gostaria, ante o exposto, de saber dos que falam tanto dos regimes dos outros países, o que vem a ser GOLPISMO? (os comunistas adoram esta palavra), o que vem a ser DEMOCRACIA? Aposto que muitos não sabem nada e ficam dando pitaco nas políticas dos outros países. Ao meu ver, na DEMOCRACIA deve ser respeitado o princípio da IGUALDADE. Não vale ganhar o PODER pelo voto e, depois, mudar a regra de jogo (que o levou ao poder) para se PERPETUAR NO PODER. Vê se falam sério!

    2. Incrível como cabeças-fraca são completamente tomadas por “opiniões” digeridas sobre um assunto qualquer. Meu filho, foi golpe sim! Um processo de deposição presidencial não se dá na calada na noite, e muito menos enxota-se um presidente de seu país!! Foi golpe, e acho incrível como alguem possa tentar negar esse fato!

      Quer falar sobre a constituição hondurenha, leia a parte que estabelece que nenhum cidadão deve obediencia a qualquer governo que não seja eleito pelo povo.

      Agora de pergunto Sr. Edison, cuja sabedoria de suas palavras deixam claro todo espectro de seu intelecto: Porque as instituições democráticas que formam hoje o Governo Golpista de Facto, preferiram a força ao processo legal? Já que quem teria descumprido a constituição foi o presidente-expulso-de-pijamas-de-seu-pais ? me responda

    3. Quem fez as tais leis?
      Leis são superiores a voz do povo?
      Foram as leis que permitiram rasgar a constituição do Brasil para o segundo mandato do FHC/PSDB?!

    4. Sr. Edson, embora o Sr. não saiba, houve sim o processo legal na suprema corte e no congresso, cabendo ao exército apenas cumprir a sentença.

      Logo, ao contrário do que o Sr. afirma, as instituições democráticas do Honduras baseadas em sua constituição é que defenestraram o presidente.

      A forma como o exército executou suas ordens é certamente discutível mas nada tem a ver com a decisão das instituições democráticas que julgaram os atos de Zelaya, e não pode retroceder e anular decisões perfeitas da suprema corte e do congresso, eleito pelo povo.

      O presidente atual é interino, isto também está nas leis Hondurenhas, e eleições democráticas foram marcadas para novembro, como diz a lei.

      Fora da lei está a sanha esquerdista que quer o poder para sempre e estabelece o pensamento único, que está sobrando neste post aliás.

  58. Fiquei estarrecido, embora já percebesse, com o fogo ardente da paixão da Rede Globo pela péssima ditadura golpista de Honduras.
    Quem um dia já apoiou a ditadura, o golpe em Honduras é um bom momento para reviver esse trágico passado recente do Brasil da qual ela muito usufruiu.
    Deplorável.

    1. só pega a globo em sua TV? a globo é que causou todo esse problema em honduras? Cada papinho falando de mídia e de burguesia que tá loko, se é falta do que falar melhor ficar quieto.

  59. Caro Kotscho, bela arena esta, você é um democrata juramentado. Aqui qualquer direitista subletrado da nota ao Presidente Lula, qualquer analfabeto político ruge. Seu exclarecimento do fato foi preciso, como sempre. Por que tanta cegueira nesta gente?!

  60. Kotscho, o noticiário sobre a crise em Honduras é pra deixar de cabelo em pé. A começar pela decisão editorial do Estadão e O Globo de recorrer à expressão “governo de facto” para um lustro na fachada do governo golpista. É indecente, porém simples e o suficiente para obter a adesão da furiosa classe média – basta ler as cartas de leitores para constatar como anda a baixaria. Porém, o maior acinte é instalar Honduras no panteão das democracia. É de lascar. O governo hondurenho está alinhado com a diplomacia “big stick” da Casa Branca desde os anos de 1960. Na década de 80, Honduras foi o mais alinhado governo centro-americano com o presidente Ronald Reagan. Foi lá que o coronel Oliver North fincou as bases mercenárias dos contras para desestabilizar o governo sandinista da Nicarágua. Sem contar que os hondurenhos armaram grupos paramilitares para assinar militahtes da Frente Farabundo Marti de Libertação Nacional. Enfim, o ‘DNA’ de Honduras é golpista. Abs

  61. Caro Ricardo,

    Realmente, esse seu desabafo devia estar guardado há bastante tempo. Compactuo com ele. De fato, o Brasil se meteu em uma encrenca das grandes, mas, do ponto de vista diplomático, agiu corretamente. É incrível que, a pretexto de atacar o governo Lula, e oposição e a maior parte da mídia cheguem ao ponto de defender um “Golpe de Estado”.
    Sabe a turma do quanto pior melhor? Parece que torce para que dê tudo errado para ver se isso ataca a imagem do presidente Lula. Crise Econômica, Crise no Senado, Gripe Suína, nada disso funcionou.
    Vamos torcer para que se chegue a uma solução democrática e que preserve a tradição de paz do Brasil.

    1. Alexandre, do ponto de vista DIPLOMÁTICO, seguindo as regras internacionais, a embaixada brasileira deveria dar exílio político ou não, somente isso, e não oferecer a casa como palanque para a criatura.

  62. Honduras virou uma coisa de maluco, os dois lados estão de certa forma errados, vai entender essa gente.
    O Serra aumentou a verba de publicidade, mas enche o saco essa progaganda da PetroSalBras. Para quê isso?
    Sabem quanto custa 30 segundos em horário nobre?
    Seria melhor investir em Santa Catarina (de novo), em estradas, em penitenciárias modernas e voltadas ao trabalho e não aos golpes e crimes ordenados lá de dentro, etc…
    Que tal fornecer equipamento (carros, helicópteros), pessoal, e combustível para o IBAMA? Dúvido e aposto.
    Esse buraco de Honduras foi demais, fosse então o bigodon pedir ajuda para o Huguito Cabron lá na embaixada dele.

  63. No BOM DIA BRASIL de hoje(29/09/09) assisti a porta-voz do PiG, Miriam Leitão(não por acaso), dizer que o presidente LULA deu tratamento diferente ao fechamento da Rádio Globo e do Canal 36 de Honduras, do que fez com, o que ela chamou de devassa fiscal no Jornal da Argentina e ao fechamento da Rede de Televisão da Venezuela.

    Para quem não sabe o separar as espécies pensa que é tudo a mesma coisa.
    Se for vermelha é tudo pimenta.
    E como ficam a tomate e a maçã?
    Mas não é assim, vamos por partes:

    Na Venezuela o que aconteceu, às claras, foi que o governo não renovou a concessão pública que o canal de televisão de desinformação e alienação tinha.
    Concessão Pública de Canal de Televisão não implica em renovação automática, como acontece aqui, e depende do mesmo estar cumprindo o seu papel de caráter socialpara o desenvolvimento da pessoa humana, o exercício da cidadania e à qualificação para o trabalho.

    Na Argentina o que aconteceu na chamada devassa fiscal, às claras também, ao Grupo Clarín (jornais, rádios e tvs aberta e cabo) não é uma devassa numa redação de jornal.
    Também tem a ver com Concessão Pública.
    A “Nueva Ley de Medios” diz que uma mesma empresa não pode possuir canais de TV aberta e a cabo, além de reduzir de 24 para dez o limite das concessões de rádio e TV em mãos de um mesmo proprietário. Sacaram?

    Em Tegucigalpa o que aconteceu não foi nada parecido.
    Após um decreto que suspende as liberdades públicas, soldados do exército hondurenho fecharam e saquearam, nesta segunda-feira, a Rádio Globo e o Canal 36 de TV por criticarem o GOLPE DE ESTADO.

    A “ex-compañera” Mirian Leitão não aguenta a democracia da maioria.
    Mas essa porta-voz é falsa-voz.
    Distorce tudo em troca de dinheiro.

    É PORTA-VOZ do PiG, ou Comentarista de política?

    1. Gilberto, concordo que a mídia dê tratamento diferenciado para os assuntos de acordo com os seus interesses, mas também não podemos incluir Chavez como exemplo de democrata. Sua tentativa de perpetuação no poder, ainda que amparada pelo voto popular, é nociva para as instituições democráticas!

    2. Existem muitas maneiras para o autoritarismo agir – a melhor delas é a tal da “Concessão Pública para Meios de Comunicação”. É uma maneira simples de garantir que os questionamentos não ultrapassem determinado grau.

      Funciona assim – ao invés de assumir que está punindo uma opinião dissidente, contrariando assim direitos constitucionalmente garantidos, transmuta-se o ato ditatorial da censura em “questão técnica de revisão de concessão”.

      Governos autoritários adoram tirar do bolso “tecnicidades legais” para revogar direitos e garantias absolutas de seus opositores. Rádios, jornais e TVs que sofrem as “revisões de concessão” são sempre oposicionistas ao “democrata” de plantão. Não é coincidência.

    3. Putz… estes viuvinhos da URSS são de encher o saco! JA ACABOU ! os ultimos comunistas(?!) socialistas(?!) sei la é tudo a mesma bobeira… o esperito de estudante dos anos 70 ainda latente permite: O Fidel Castro colocar milhares no paredón e fuzilar…PODE; Che Guevara o terrorista assaltante vender suas armas a quem pagasse mais… PODE; A China ter regime diatatorial hiper fechado e forte… PODE; Hugo latino Chaves fechar toda a imprensa que lhe é contrária… PODE; A super honesta familia Kirchner caçar as grandes Redes… PODE; A antiga URSS subjulgar e escravizar todo leste europeu, balcãs, etc.,…PODE; O Irã tomar o poder a força… PODE; terroristas antiTudo colocar bombas aleatórias e matar centenas de pessoas…PODE;
      O restante do mundo tomar qualquer medida contrária a estas aberrações… NÃO PODE. Pô vcs são babacas mesmo! Trabalhem com inteligencia e afinco talvez vcs ganhem DINHEIRO aí vcs se acalmam. Incopetencia e revolta… = Cabeça Juvenil. Vê se Cresce!

  64. Senhor Kotscho.

    Um dia, já acreditei no senhor.

    Hoje, passados alguns anos e decepções, muitas delas com o seu PT e do seu amigo in pectore, o “metalurgico” Lula, não acredito mais. Em nenhum dos dois e nem naquilo que representam.

    O “senhor” Lula é aquele que “não sabia” dos mensaleiros … Desnecessário dizer mais alguma coisa !!

    O “senhor” Lula é o grande amigo do arremedo de ditador, o outro “senhor Bolivariano”.

    Hipocrisia mesmo é fingir que tais pessoas são o “Ó do borogodó” e “esquecer” que nosso “verde-amarelado” Presidente, em tempos não muito remotos, foi um grande imitador de Sócrates (o filósofo, não o boleiro) … Afinal seu mote era dizer que “não sabia de nada” …. !!

    Não vê hipocrisina nisso, senhor Kotscho ?

    Acredito que o Brasil ainda será uma grande democracia. Mas vai demorar. Muito. E quando isso acontecer, a era “Lula” constará nos livros de história apenas como uma (triste) nota de rodapé onde estará explicado tratar-se de período onde a hipocrisia (principalmente do presidente e seus acólicos) era moeda corrente entre os renans, collors e sarneys da época.

    E por falar nisso, como vai a “amizade” entre as tais figuras e o nosso dd. Presidente ? Espero não tratar-se de simples hipocrisia, pois não ?

  65. O aventureirismo e a irresponsabilidade política tomaram conta do governo do PT e do Itamaraty, porque só isto explica a trapalhada protagonizada pela dupla Lula-Amorim no caso de Honduras.
    . Em 1961, o então chanceler Afonso Arinos, amparado por Jânio, criou as bases da moderna política externa brasileira, cuja pedra de toque sempre foi o respeito ao princípio da autodeterminação dos povos. Isto significa a não ingerência nos assuntos internos dos outros países.
    . Ao entrar numa conspiração internacional para contrabandear para Tegucigalpa o ex-presidente Zelaya, alojando-o na embaixada brasileira em Honduras, o governo brasileiro demonstrou que está mais para Foro de São Paulo do que para OEA ou ONU.
    . O Brasil sequer mantém relações diplomáticas com Honduras, já que Lula mandou fechar a embaixada.
    . Lula e Amorim rasgaram todos os princípios em que se baseava a política externa brasileira e com isto perderam o respeito dos povos.
    . Ao apostar no tudo ou nada, o Brasil ficou com nada, porque as autoridades hondurenhas cortaram a luz, o telefone e a água da embaixada em Tegucigalpa. O que fará o Itamaraty: mandará Jobim invadir Honduras ? É claro que não. O Brasil sairá apenas desmoralizado desse degradante episódio internacional.
    – O Senado, que em nome da Nação fala sobre relações externas, bem que poderia desautorizar essa inaudita violência praticada pelo governo brasileiro contra o povo e o governo de Honduras.
    E finalmente, Sr. Kotscho, não é um simples plebiscito que derrubou o aspirante a ditador: houve uma DETERMINAÇÃO das cortes locais impedindo o plebiscito, e Zelaya ignorou essa DETERMINAÇÃO LEGAL e peitou a tudo e a todos. Deu no que deu…

  66. Perfeito, Ricardo. Considerando o jogo de cena político, é ainda mais desonesto alguns deles vir a público condenar campanha eleitoral antecipada. Os tucanos são craques nesse jogo sujo…só para lembrar…

  67. Caro Ricardo,

    Concordo plenamente com vc sobre a hipocrisia que vem assolando o País com relação a essa crise em Honduras. O que não consigo compreender é porque que nós tivemos que nos meter nisso. Os hondurenhos que resolvam seus problemas. Se o presidente foi deposto na calada da noite não é nosso problema. Se ele entrou na ambaixada foi porque permitimos. O que ninguém esperava são as atitudes desse Zelaya de dentro da embaixada. E também ninguém esperava por essa imobilidade dos organismos internacionais. Proponho a seguinte solução: Que levemos o Sr. Zelaya para fora de Honduras sob nossa proteção e ele que vá insuflar a guerrilha de fora do País.

  68. Caro Kotscho, como um presidente pode procurar se candidatar a reeleição se o plebiscito que o mesmo procurar promover seria no dia da própria eleição em Honduras?????????????????????????????????? O que ele procuravar com o plebiscito era se a população estava de acordo de tentar uma nova asssmbléia constituinte! Não confunda alhos com bugalhos!

  69. Querer que todo mundo acredite que o Zelaya foi “bater na porta” da embaixada brasileira sem ter amarrado isso antes com o Marco Aurélio Garcia e sua curriola realmente é um insulto à inteligência de qualquer brasileiro…. nosso assessor para assuntos internacionais tá louco pra ser o Kissinger da esquerda cucaracha! Só que falta neurônio.

    Aparelharam o Itamaraty, como fizeram com o resto da administração pública do país, travestiram nossa política externa (até então referência no mundo inteiro) como um braço do PT, e agora estão pagando o mico em escala global.

    Planejam mal, executam mal. Diplomacia não é pra amadores! Abracem o vexame e espetem a estrela vermelha nele.

  70. Ricardo vamos lá, a probelam não é a reeleição mas o fato que em Honduras está previsto na constituição que quem a propor é passível de prisão. Certo ou errado é a lei deles. Agora o que não vi ninguem comentar é mais um passa moleque do Hugo Chaves no Lula, que colocou uma bomba na mão do Brasil, que aliada a inabilidade diplamática detonou a aura de mediador do terceiro mundo. Conselho de Segurança da ONU já era, vai ter que comprar muito submarino e aviões parfa isso. Hugo Chaves derrubou o Lula, de novo!!

  71. A culpa é do proprio ministerio das rel. exteriores!
    Pode haver algo mais canhestro do que a maneira comoo ministro expõe o trabalho do ministério? Voce ja viu ele fazer um comunicado em cadeia nacional? é por isso queto até a m. leitão passa a ser perita em politica internacional…kkkkk

  72. Caro sr.:Kotscho,
    Pelo que entendi nos temos que averbar aquele saco-de-gato que se faz na Emb.do Brasil.Temos que abrir portas,e da abrigo ,p/ um comitê pro reentegração?Acho que até o palanque,tambem,pediu abrigo.E vergonhoso,se for verdade,que essa estratégia dos escoteiros do poder
    tenha sido idealizada no Brasil.

  73. Essa oposição que quebrou o País por tres vezes não tem mais discurso e muito menos o que apresentar para o eleitorado!!!Vão prometer o que????Ficaram no poder por varios anos e fizeream o que???Não adianta oposição nefasta,o povo não eh mais iludido com tanta facilidade!!!Antes era só ter “organizações globo,estadão,folha de são serra” na mão e tudo se resolvia,mas agora os tempos são outros e essas “organizações” estão se afundando junto com essa oposição nefasta.E VIVA A INTERNET!!!!!!!!!!

  74. Caro Kotscho,o maior problema de voces é justamente esse,colocar a ideologia acima de tudo,mais mesmo assim se dizem democratas,e nós mesmo discordando,respeitamos,e a recipróca não é verdadeira,sem falar no amor platônico que voces sentem (não gosto,nunca votei) por FHC,tudo que acontece voces lembram dele,voce chama de hipócitas os que não aceitam o rotúlo de “golpe” para uma decisão do Congresso e Corte Suprema de Honduras que depôs o ex-presidente Manuel Zelaya,hipócritas? por não aceitaram que Lula ofereça a embaixada brasileira para servir de escritório e palanque político de Zelaya,hipócritas,por não aceitar que o Brasil venha ser culpado pelo banho de sangue que está prestes a acontecer em Honduras,porque Lula apoia o tal socialismo bolivarino que Hugo Chavez quer impor na América Latina era uma das peças, hipócitas,por não achar correto Lula convidar Zelaya para vir ao Brasil e junto com Hugo Chavez tramar e executar o plano de levar Zelaya de volta a Honduras,hipócritas,por não aceitar que Lula venha a fazer o mesmo no Brasil oque fizeram Hugo Chavez,Evo Morales,Rafel Correa,Ahmadinejad,Muammar Kadafi,todos seus amigos e chamados por ele de democratas.
    Kotscho,hipócritas são os que tentam em nome de uma ideologia canhestra impor o terror em Honduras,hipócrita,é que levou um pito de Susan Rice por fazer discurso pró Zelaya na ONU,hipócrita,é os que foram chamados de IRRESPONSÁVEIS por Lewis Anselem,representante americano na ONU,hipócritas,são os que partem para agredir as pessoas por não aceitarem o governo Lula.
    Ah,esqueci que para vocos o que importa é que voces estejam bem,os outros que se explodam,mais 2010 vem aí e voces verão que não estava tudo dominado como voces pensam.

  75. O Abud tem razão nas suas linhas finais, o estilo metamorfose ambulante, bicho grilo, fumador, e PeTêh, realmente não é a realidade dos jovens hoje. Internet não educa, como já podemos ver por aí. Essa talvez seja a sua função, alienar.
    Contudo, cabe a nós, e ao Kot, tentar ensinar algo às cabecinhas que andam por aí; só não me fale que o “cara” é “o cara” por favor. Poupe-nos disso amado mestre.

  76. Concordo plenamente, entretanto Manoel Zelaya levantou a bola dos golpistas, ao insistir em realizar o plebiscito. Também, é estranho, uma Constituição que não prevê a perda do mandato por processo de empedimento, só podia dar nisso, em se tratando de América Latina.
    Quanto à antecipação da campanha, existe muita hipocrisia, realmente. Neste caso, recomendo a leitura do livro Auto Engano, do professor Eduardo Gianetti.

  77. Paulista não é bôbo. O governo aumentou a verba de propaganda e o Estado de São Paulo fez o mesmo . Bôbo estão os mineiros . Já foram donos dos maiores bancos do país , metade donos da dobradinha café com leite , donos da primeira rede de televisão Itacolomi e donos de uma reputação política de primeiro escalão . Hoje , coitados, os bancos se foram, a rede de televisão quebrou, a dobradinha do café com leite si fu, e status de bom político o mineiro perdeu. Só pra entender . Enquanto o estado de São Paulo faz o que quer com o ICMS , atraindo empresas para este importante estado, Minas e seu governador ficam vendo a carruagem passar e esperando os politicos e a justiça de Brasília resolver . Ora, vai esperar nascer galinha que cisca pra frente . Nunca. Porisso o estado de Sao Paulo é forte. Pau pau , pedra pedra , o governo federal fez , não vamos esperar a justiça decidir . Se o governo pode , nos podemos e fazemos. Qualquer coisa a gente espera a justiça decidir . Demora 20 , 50 anos , enquanto isso embolsamos as empresas mineiras e os dindins provenientes destas . Isso se chama Poder !!!

  78. Oi Ricardo, paz e bem! Mandou muito bem neste texto porque que há hipocrisia no Brasil, na mídia, nos partidos, na sociedade, nas famílias, instituições etc.etc – NÃO HÁ DÚVIDA –

    A premissa regente é “nenhuma lei para os amigos e o rigor da lei para os ‘inimigos’ ”

    Me ocorreu ao ler o post sobre o livro Professor Hélio Jaguaribe onde ele afirmou que nós comunidade refletimos a composição do Congresso e dos Estados, ou seja, se eles tem pouca ou nenhuma ética é porque nós os eleitores também temos pouca ou nenhuma ética.

    Eu creio que a hipocrisia, infelizmente, é cada vez mais latente em época eleitoral, a sociedade é demasiado fragmentada, as pessoas não conseguem interagir individualmente, aparentemente só através de grupos.

    Isto é terrível porque muitas vezes as pessoas até reconhecem injustiças, porém em nome da hipocrisia se faz um pacto silencioso de omissão, fazem ataques e optam pela desqualificação do oponente e simplesmente por se divergir !
    Chama o Síndico Ricardo !!!
    Abraços, admiradora
    Rita

  79. Todos os fechadores de emissoras, rádios e jornais, são fascistas e golpistas, sempe foram, é um sinal sempre presente nesta escória de vendidos.
    Meteram um AI-5 lá em Honduras e tudo bem? Bando de malucos. Quem está por trás disso? Hoh Brah Mah? Será?

  80. Gilberto,

    Você não deve ter muita noção do que fala, mas mesmo assim vou te dizer uma coisa:

    Assim como você elucida a legitimidade da venezuela e da argentina, deveria considerar que há legitimidade no que concerne a Honduras. O estado de sítio consta na constituíção, assim como suas ações. Todas as situações forma legais e legítimas.

    Acontece que todas as circunstâncias e ações são deploráveis.

    Tratar com dureza uma e ternura a outra é vigarice ideológica. Se bem que para quem reconhece a eleição do Irã, clama para entrada de Cuba na OEA e diz que Venezuela tem democracia até demais, soa como coerência tal comportamento seletivo.

    Se você abstrair esse papo de difunto sobre elites e imprensa golpista da elite branca, talvez você raciocine melhor sobre esses temas

  81. Kotscho, respeito seus argumentos. Mas precisavámos disso ? Uma crise com Honduras ? A troco de quê ? Defender um cara que nosso povo nem sabe quem é, o que faz, como chegou lá ? Ou sabemos o verdadeiro desejo do povo hondurenho ? Essa função de abrigar esse político derrubado não seria primeiramente da OEA ? E se eles invadirem a embaixada? Vamos atacar ? Que faremos ? Você tem razão sobra hipocrisia no mundo e também visão curta de nossos governantes.

  82. Uma coisa é cassar um mandato do Presidente, por quaisquer motivos: corrupção; improbidade administrativa; etc., como foi feito com o Collor. Mas, invadirem de madrugada, com o exército armado até os dentes, a residência oficial de um Presidente, eleito pelo povo, e,com sua família, expulsá-lo do país que legitimamente dirige, se isso não for arbitrariedade, golpe, ou revolução covarde, trata-se do quê? Respondam-me, por favor, meus caros compatriotas hipócritas seguidores do FHC o rei da farsa, hipocrisia, cinismo, que, diuturnamente, bostejam sobre o assunto só porque Lula teve a coragem de ir contra o salafra golpista.
    Um país que tem Justiça, não necessita do exército para fazer cumprir um mandado, basta-lhe a polícia judiciária. Todo mandado deve ser cumprido, sem violência.
    Aquela republiqueta de bananas e seu atual invasor golpista têm que levar uma reprimenda, sim, do mundo que já está cansado de ver a democracia desrespeitada, inclusive aqui.
    Meu caro, Kotscho, para esses fariseus, caras de pau, o que o Fernandinho beira mar, digo, desculpa-me, Henrique Cardoso, fez para mudar a constituição e poder se reeleger, que o amigo chama de pouco ortodoxo, foi comprar alguns congressistas e dar início, à época, ao mensalão que malandramente deixou cair, ao final do seu maldito mandato, no colo do PT.
    Somos todos hipócritas ou só eles seguidores de FHC que além de hipócritas, são covardes e não se cansam de perseguir o Presidente Lula. Se o Lula não fosse Presidente, fosse O FHC estava tudo certo. Alguém se lembra que esse filho de militar, quando presidente, mandou o Exército Brasileiro expulsar de sua fazenda uns pobres vagabundos do MST, quando lhe bastaria solicitar que a Justiça o fizesse.
    Estou com vc, meu admirável jornalista, em gênero, número e grau.

  83. Nossa! Só de ver os argumentos dos petistas dá arrepio. Não raciocinam, não leem nem ouvem. Parecem mulas de cabresto. São os donos da verdade. A de que as elites podres não querem q. os pobres saiam da miséria, tenham educação. Foi hilário. Será q. evitar, com o bolsa família, que eles morram de fome explícita, resolve a questão do povo ou dos companheiros? Pois até isso é usado politicamente e as vezes nem mesmo é direcionado a quem realmente precisa. Aos amigos tudo, aos adversários a lei.

  84. Obrigado por comentar um pouco sobre Honduras! Está difícil combater a desinformação orquestrada pela mídia conservadora(e golpista). Não consigo encontrar outro motivo para a defesa dos golpistas pela direita brasileira, só podem estar pensando em um golpe quando o Lula fizer o sucessor.
    Precisamos impedir isso. Não podemos aceitar golpe de estado na América Latina. Já houve uma tentativa na Venezuela, aconteceu em Honduras, investigações descobriram um plano para matar o Morales na Bolívia.
    Amanhã pode muito bem ser o Brasil, caso o nosso povo não abra os olhos. Os entreguistas que atacam o governo exatamente como fazia Carlos Lacerda estão por aí!
    Pau neles!!!

  85. Richard, meu caro: elite (?) branca (?) Paulista (?)… Cuma?

    Se eu inverter suas palavras pelo oposto, vou ser tachado aqui de racista, preconceituoso, direitista, fascista, e o escambau…

    Da mesma forma suas palavras tem um significado igualmente ruim, se não, péssimo.

    Que tal meditar um pouco sobre isso, ou pelo menos ter mais moderação.
    Faça mais isso não meu filho, todos nós somos pais, filhos, maridos, irmãos, querendo um país seguro e digno, só isso. O resto é excessão, e não vale como regra.

  86. …………………………………………………………………………………………………
    ………………………………………………………………………………………………..
    …………” Zelaia é um tremendo maluco que não merece a
    …………………………..menor confiãnça de ninguém,
    …………………………………………..estamos,
    ………………………………… TODOS de acordo”
    ………………………………………………………………………………………………..
    …………………………………………………………………………………………………
    ………………………..” entramos numa tremenda
    ……………………………………….ROUBADA
    ………………………………….. por que esse
    ………………………………………….Zelaia,
    ……………………….uma caricatura do Ratinho..
    ………………não respeita a casa que lhe deu abrigo…”
    …………………………………………………………………………………………………
    ………………………………………………………………………………………………..
    ……………………….” hipocrisia é chamar de ditador
    ……………………………………..o CELERADO
    ……………………………………………. pres.
    …………………………………….da Venezuela…….”
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………..Sabe,..Kotcsho,
    …………………………..as vezes eu fico pensando
    ……………………………….qui,…qui,..você foi fazer
    …………………………………………..como
    ………………………………………”ascessor”
    ………………………..na presidencia do,…. pres. LULA.
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………Puxár o SACO,
    …………………………………………….do,
    ………………………………………………………………………………………………..
    ………………………………. caio capácho cósta,
    ……………………………………….aqui no IG,
    …………………………………………….até
    …………………………………………….. o,
    ………………………… chupa CABRA cosmopolita,
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………..PÚXA.
    …………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………Pois,
    ………………………………..vocês precisam do,
    ……………………………………..dinheirinho,
    ………………………………….. no final do mês,
    ……………………………………………..né!
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………
    ………………………………..Até aí,….. tiudju,….bem.
    ………………………………………………………………………………………………..
    …………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………………Agóra,..
    ………………………………..ficar achãndo que o,
    ……………………………………… “grãããnde”
    ………………………………………………PIG,
    …………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………vai te chamar de,
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………….vólta………………?!
    ………………………………………………………………………………………………..
    …………………………..Como sê você pudésse,
    …………………………………………….ser,
    ………………………………………………o
    ………………………………………… “LADO”
    ……………………………………..”esquerdo”,
    …………………………………………….da,
    …………………………………………”força”
    ………………………………………dentro do,
    ………………………………………….PIG..?!
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………..Aí,… já é,…… dimais.
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………
    ……………………………Intão,….”quirido”,…. Kotcsho,
    ………………………………………………………………………………………………..
    ………………acho que,….. PORÃNGABA,…será teu,… fim.
    …………………………………………………………………………………………………
    ……………………………………..Rodeado de,
    ……………………………………… “revoadas”
    ……………………………………………..de
    ………………………………………… tucãnos
    ………………………………………………e
    ……………………………………….todos eles,
    ……………………………………” DE ACORDO”,
    …………………………………………cagãndo,
    ………………………………………………ao
    ………………………………………….MESMO,
    ……………………………………………tempo.
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………
    …………………………………………………………………………………………………

  87. Desculpem-me, mas tenho que chamar a atenção para o fato de que “Não há Golpe nenhum!!!”, pois além de a Constituição de Honduras prever expressamente que perde o mandato o governante que praticar atos políticos que visem sua reeleição (e o Zelaya fez isso expressamente), a Constituição de lá também prevê que tal pessoa PERDE A CIDADANIA Hondurenha imediatamente. Ou seja, os alegados Golpistas (que são provisórios, mas legítimos) nada mais fizeram do que expulsar do País aquele que NÃO ERA MAIS CIDADÃO (Apátrida), e que não tinha mais autorização para ali estar. Se querem mudar a Constituição, que o façam pelos meios juridicamente legítimos (o contrário disso é o perigoso – acaba com a segurança jurídica), não bastando para isso o suposto “clamor” das “massas” manipuladas e incitadas (e geralmente mais pobre e sem cultura, logo suscetível). Hipocrisia é não querer ver que o PT está vendo nisso um “laboratório”, para quem sabe, mais tarde……

  88. A verdade é que a pimenta só arde nos olhos dos outros
    Qualquer João ninguém reconhece que o Presidente Lula fez e faz aianda o melhor Governo que este país já viu. Somente os hipócritas não enxergam isso N~´ao interessa aos hipócritas reconhecer os méritos que saltam aos olhos
    do povo. O Governador de S.Paulo parece que tende a liderar as pesquizas mas ninguem enxerga que tipo de Governo ele está fazendo em S. Paulo. À oposição não interessa ver o lado bom do Presidente, porque isso não interessam a eles. Estão sempre interessados em achar os defeitos, desprezando os méritos. Que mentalidade tacanha! A realidade está ai para todos verem mas só os da oposiçãoi vêm somente os defeitos

  89. E agora com a publicação na íntegra da Constituição de Honduras, está lá ser ilegal forçar consultas populares sobre reeleições. E agora, quem está fora da lei ?

  90. De novo essa bobagem de PIG, ninguém merece. Ricardo, é fato que o Lula faz campanha faz tempo. PAC, bolsas tudo, palanques, etc. Em relação a Honduras isso é consequência da desastrada política externa nacional, repleta de atos, no mínimo, ridículas. Vide dar asilo a assassíno italiano, expulsar esportistas cubanos, só pra citar duas. O Lula e seu desgoverno deveriam agir mais, investir em infraestrutura, hodpitais, ferrovias, educação principalmente. Por que, povo educado não precisa de bolsas esmolas e nem vende votos por misérias, quer emprego.

  91. Kotscho,

    falou tudo !! Perfeito !! A hipocrisia é um mal que parece atacar a todos, gregos e troianos.

    E isso vale para muita gente aqui no Brasil, desde aqueles que criticam a antecipação das eleições (e na verdade também estão em campanha, e se bobear começaram até antes da base governista) quanto para aqueles que defendem a democracia com unhas, dentes e alma, e criticam qualquer tipo de ditadura – desde que não seja a de Cuba.

    E assim caminhamos…

    Giuliano

  92. Penso eu que o poder supremo deve ser a vontade do povo; se não por que fazer eleições? Penso ainda que inconstitucional é não poder perguntar o povo ou melhor deixar que o povo expresse sua vontade.
    Quando o fhc lançou a emenda da reeleição por que ele não perguntou para nós? Será que estava com medo de levar um não?
    Se em honduras é proibido perguntar o povo oque eles querem. Que democracia é essa? Mehor, que tipo de governo é esse? Golpistas, podem me esplicar?

  93. Acho que está sobrando hipocrisia no que voce fala. Tome um chá de “semancol” Ricardo. Todo mundo sabe que voce é aliado do governo e jamais iria analisar os fatos sob a luz da verdade e da realidade. Quem defende o retorno desse tal de Zelaya é que está exagerando na hipocrisia.

  94. Com licença que eu não entendi . PODRE ELITE BRANCA ? No estado de São Paulo . Pita é Branco ???? Queria dizer a este retardado que onde tem um branco tem dois negros. E onde está a elite negra ? Peço que façam uma universidade sequer com os seus ricos dinheirinhos !!!
    Ou então uma escola , que não seja de futebol !!! Onde está a elite Negra deste Brasil llllll ??????

  95. Caro Ricardo, razões a parte (um que queria mudar a constituição para se reeleger e talves até se perpetuar no poder, como o seu amigo Chavez e o outro que deveria iniciar um processo de “impeachment” e preferiu o ato sumário de destituir), o que me assustou foi o comentário do nosso diplomata Lineu Pupo de Paula (não é o governo de fato), que estaria havendo pequenos furtos dentro da embaixada no andar onde estão instalados os assessores de Zelaya! Veja que coisa absurda! Você oferece sua casa, dá alimento, guarida e proteção e seu amigo rouba seus pertences debaixo do seu nariz! Coitados dos Hondurenhos! Ou ficam com um governo classificado de golpista ou serão dirigidos por um governo assessorado por ladrões!

  96. De fato é muita hipocrisia !

    Tudo aquilo que envolve o presidente Lula é matéria de crítica da oposição infecta, agora, também liderada pela ex-ministra MS que certamente tal como LH irá cuspir no prato onde comeu. A propaganda do governo pauista chega a dar nojo.

  97. Se Lula não tivesse deixado o Zelaya entrar na embaixada, aí os tucanos iriam criticar! O cara ia ser preso, talvez morto. O Brasil seria condenado mundialmente e seria mesmo um caso de Impeachment do Lula, não tenham dúvidas de que pediriam isso, a oposição. Queria ver se esses serristas deixariam barato. Como ele fez o certo, o criticam para bagunçar os fatos, confundir o eleitorado. Essa oposição é assim, quando não tem o que falar, faz bagunça. E tem mais, na embaixada brasileira, território nacional, o Zelaya, bem ou mal, tem direito à liberdade de expressão, garantida pela nossa Constituição. Ele pode gritar, mandar mensagens ao seu povo, se expressar. O governo brasileiro não pode impedi-lo, esse é um fato.

  98. Não falte com a verdade caro Kotcho, os militares foram apenas o instrumento usado pela corte suprema e pelo congresso para fazer valer a lei, eles nada tem a ver com o afastamento do presidente, decisão tomada por civis baseada na constituição.

    A forma como a ordem foi executada, aparentemente atabalhoada e humilhantemente, isto sim foi culpa dos militares, mas nada tem a ver com a deposição do presidente, medida muito justa e democrática.

    Você deveria investigar o porque do “consenso” da mídia na acusação de “golpe”, coisa que não houve.

  99. O senhor esqueceu de acrescentar que a Constituição de Honduras é bem clara. Quem quiser perpetuar-se na presidência, perderá os seus direitos políticos. E Zelaya consultou os 3 poderes hondurenhos e foi negado o plebiscito, por unanimidade. Então, o único golpista nesta história toda é o latifundiário de bananas que tomou a embaixada brasileira de assalto. E, para piorar o quadro, onde estiver os ditadores Hugo Chávez e Fidel Castro, podemos ter certeza absoluta de que boa coisa não estão tramando.

  100. Caro articulista, o Sr. inverte as premissas, para chegar a uma conclusão aparentemente ou formalmente adequada. Porém, aqueles que tem bom senso, tem vergonha em acreditar que; O PRESID. deposto, sem qualquer, antecedente estava ” passando” pela embaixadado Brasil e resolveu entrar – bateu à porta – esta foi-lhe aberta e ele e sua família emtraram, aliás mais sessenta pessoas. Quem que o colunista quer que acredite? Mario de Andrade, muito bem definiu: Macunaima é o protótipo do herói nacional. Assim são os brasileiros, que seguem o seu raciocínio, mesmo porque não tem consciência da própria situação. O Sr. tem o direito de votar em quem quizer, mas por favor não nos impinja – aos brasileiros todos – as idéias, absurdas que defende, aliás em face a seu nível, delas deve ter sérias dúvidas, porém as propaga, por interesses difusos. Nem todos somos Macunaimas, sem caráter, e sobretudo burros. Pelo menos somos brasileiros de boa vontade. Por outro lado, porque dar ainda tanta importância ao FHC já se passaram tantos anos, muda o disco. Viva na ilusão de que o Gov Lula é menos corrupto, não tem mensalão, não tem senado podre o apoiando. Desde que a oposição aos militares tomou o poder pelo voto, deveriam eles ser honestos, o povo vê, escuta , lê , e aprecia a rede globo ( puxa saco do Presidente de Plantão) mas pensa. Sou de centro, mas há que se falar que nossa imprensa, da qual o Sr. participa vivamente é antes de tudo meio senvergonha, não acha?

  101. Boa tarde! Sempre passo por aqui e leio suas matérias. Acho admiravel a forma como trata assuntos tão complicados. Hoje não aguentei, precisei comentar esta pauta apenas para dizer que concordo plenamente no que diz respeito a hipocrisia.
    Todos, sem exceção, fazem uso dos cargos e beneficios que esses lhe asseguram para fazer campanhia a seu favor e contra os demais. Acho justo que o Lula também faça, afinal, estamos em uma democracia e o direito de um é assegurado a todos.

    Abraço

  102. Caro Ricardo, não têm nada a ver com os comentários sobre a crise em Honduras, mas tenho a curiosidade em saber como foi escolhido o logotipo de sua página! Parte da terra e o mar e um homem sobre um cavalo espalhando suas opiniões pelo mundo! Até pouco tempo devido a uma dificiência da visão eu via um aparelho de surdez e hoje com óculos novos percebo que se trata de um trombone ou trompete! Como surgiu a idéia e quem fez?

  103. Nesta pequena escola de malandros, tem um contingente enorme de bobos. Mas devagarinho já estamos percebendo isto, com certeza isto ficará bem claro no próximo ano. Espero que estejamos saindo da era da inocência.

  104. O molusco lula envolveu o nosso país em uma situação que pode nos prejudicar profundamente. O Manuel Zelaya foi tirado do governo por ter infrigido a constituição do país e agora o bufão enfiou-se em nossa embaixada. Nosso país está ficando ridículo.

  105. Sr jornalista.
    Realmente é melhor que fiquem calados. Não gostam de ler!!! De uma olhada na Constituição de Honduras. Leia mais, pergunte a um especialista em direito constitucional.
    Tenho certeza que grande parte da mídia brasileira é amestrada. São esquerdistas de “carteirinha”.

    1. Esses OPOSITORES agora sabem tudo, até da Constituição de um País que não conheciam até poucos dias, será que eles conhecem e cumprem O QUE ESTÁ ESCRITO na nossa Constituição Federal de 1988? Duvido muito, pois só querem bagunçar.

  106. num” é que é! Eu fico tão contente e satisfeito quando políticos se preocupam comigo. Me encho de esperança quando vejo a propaganda do governo de São Paulo na tv: ” São Paulo trabalhando por você” – Ah, esqueci de dizer, moro em Belo Horizonte – Minas Gerais.

  107. Ricardo, penso que nunca há exagero na hipocrisia porque hipocrisia não necessita de aumento, basta por si só para caracterizar o tipo de governantes que temos.Acreditar na democracia para mim é um pensamento hipócrita; acreditar que os políticos representam a vontade do povo é outra hipocrisia escandalosa, a maior acho, vez que a única coisa que de fato nos pertence é a vontade, esta é inalienável e no momento que alguém expressa a vontade através de representante para questão não discutida, então não é mais a vontade do mandante que se expressa, mas a do mandatário, contaminando todo o processo. No Brasil já temos nossos problemas e já está mais do que demonstrado ao mundo que não temos capacidade de resolvê-los, então, o problema de Honduras é dos hondurenhos, o Brasil que de lá se retire e pronto, sob pena de se ver humilhado por aquele país insignificante, tendoi sua embaixada invadida e seus representantes expulsos, sem poder fazer absolutamente nada, porque sabemos que nosso país não possui e nem deve ao meu ver, ter força militar alguma. Como é de conhecimento público, o exército por exemplo, não tem dinheiro para sequer, pagar o rancho dos recrutas.
    saudações.

  108. A democracia é composta de vários pilares: Instituições independentes e fortes, Imprensa livre, poderes independentes, respeito as leis, eleiçoes livres, liberdade de associação e por aí vai. O advento do “bolivarianismo” quer instituir a democracia plesbicitária. O que é um absurdo, salvo alguns temas previstos na constituição. As democracias são representativas, não cabe ao “povo” decidir sobre temas que na maioria das vezes desconhece.
    Em Honduras Zelaya desrespeitou a constituição contrariou decisão da suprema corte ao convocar “uma consulta popular” sobre a possibilidade de reeleição. Ora a constituição é clara como outros comentaristas já mostraram.
    Agora querer comparar FHC e a emenda da reeleiçao no Brasil com o caso de Honduras é brincadeira. O congresso nacional ao votar a emenda da reeleiçao não rasgou nenhuma constituição.
    Zelaya desafiou a constituição e a justica hondurenha. Patrocinado por Chavez que instituir o “bolivarianismo” em honduras num claro desrespeito a democracia daquele País

  109. Falou besteira, corrige aí. A POSSIBILIDADE sobre a nova constituinte seria decidida JUNTAMENTE com a escolha do SUCESSOR do Zelaya. Portanto, pelas leis da física a reeleição do Zelaya seria IMPOSSÍVEL.

  110. Ricardo, li incrédula seu artigo comparando o caso Zelaya com a reeleição de FHC. Aqui a reeleição foi aprovada pelo Congresso, apesar das denúncias de compra de votos. Lá Zelaya queria promover a consulta popular a despeito do veto do Ministério Público e Suprema Corte de Honduras. Então, não vejo porque comparar essas situações. Nem vou falar da Constituição de Honduras que, evidente, você deve ter lido antes de escrever o artigo. O problema foi o Brasil aceitar Zelaya em sua embaixada. ISSO FOI UM INSULTO A HONDURAS. E não acredito que tenha havido tanta ingenuidade da diplomacia brasileira em acolher o deposto que bateu à sua porta. É claro que foi tudo planejado antecipadamente e com a aquiescência de Lula, sem medir as consequencias . Com certeza a idéia era aproveitar a semana de reuniões nos Estados Unidos, achando que isso iria facilitar a retomada do poder por Zelaya. É uma pena.
    Agora, você não deveria misturar esse gravíssimo assunto com antecipação de campanha eleitoral de 2010. Se for o caso, isso é para ser tratado pela justiça eleitoral.

  111. Prezado Senhor,
    Leio sempre sua coluna, gosto muito de seus comentários e aprecio muito sua maneira inteligente e divertida de escrever.
    Sobre o assunto Honduras/ Manoel Zalaya, aquele senhor não foi deposto somente por pleitear a reeleição, me parece que o Congresso daquele país não aprovou a reeleição, mesmo assim, ele quer promover uma nova eleição, candidatando-se ao cargo de presidente, contrariando a decisão do Congresso. É aí que mora o perigo. Houve, é claro, excesso dos militares ao assumirem o poder, passando por cima da vontade popular que elegeu o Sr. Zalaya democraticamente. Será que não estou bem informada? Agora o que me deixa bastante preocupada é o nosso presidente Lula, que costuma assumir posturas se achando ” o cara “. Estou torcendo muito para que consigamos resolver a contento uma situação bastante delicada na qual o nosso país foi colocado. A meu ver estamos numa bela enrascada.
    Abraços/Arlete

  112. Kotscho

    O Sr afirma

    Queriam o que? Que o embaixador fechasse o portão e chamasse a polícia dos golpistas?

    Não o governo permitiria a sua entrada e posteriormente concederia asilo a Zelaya. Resolvido o problema mas optou por dar “abrigo” e zelaya transformou a embaixada em escritório politico. Resultado: acirramento do clima e envolvimento do Brasil onde não foi chamado

  113. Não li todos os comentarios mas percebi que tem muitos fazendo uma bela confusão ou são tendenciosos mesmo. 1- a contituição de honduras permiti sim plebicito de qquer natureza( tendo 6% de deputados a favor) 2- não existe clausulas petreas na constiuição, todas podem ser mudadas a partir de consultas populares ou pela maioria da camara alta, 3- a consulta seria feita no mesmo dia em seria feita a eleição para presidente, sem possibilidade de zallaya concorrer. a partir disto achei teu comentario excelente, uns dos poucos com clareza sobre a real situação e não o que esses golpistas brasileiros de plantão querem plantar na midea brasileiro, fazendo com que o povo brasileiro não tenha toda a informação sobre o caso, como vc mesmo diz, depois ir soltando comentarios ipocrita que nada mais são do q espelho dos golpistas. abração continue assim

    1. Sr Joaquim:

      Seu raciocínio é correto, e com certeza quem não leu a Consituição de Honduras foi o Fernandão, não leu e não pesquisou.

      Senão vejamos:

      O DECRETO Nº 242/2003, de 20 de janeiro de 2004, modifica o artigo 5º da Constituição da República de Honduras para instituir o referendo e o plebiscito como mecanismos de consulta aos cidadãos.

      Ou seja:

      De acordo com a Constituição vigente até a próxima legislatura é válido “propor”.

      Leiam o que diz a Constituição deles:
      ARTICULO 373.- La reforma de esta Constitución podrá decretarse por el Congreso Nacional, en sesiones ordinarias, con dos tercios de votos de la totalidad de sus miembros. El decreto señalará al efecto el artículo o artículos que hayan de reformarse, debiendo ratificarse por la subsiguiente legislatura ordinaria, por igual número de votos, para que entre en vigencia.

      ESSA REFORMA CONSTITUCIONAL ESTA PENDENTE DE RATIFICAÇÃO.

      O que não caracteriza comportamento inconstitucional de Manuel Zelaya.

      Logo, ele foi DEPOSTO!

  114. Sabe Kotscho que você tem razão. Eu acho que está na hora do Brasil ter claramente dois lados tendenciosos, e que não negam isso. Chega de Hipocrisia!! É hora de radicalizar!! É golpe, na visão bolivariana, a derrubada de um poder com o intuito de apenas seguir a Constituição. Porém, caso ocorresse, apenas a título de exemplo, a derrubada do presidente eleito da Colômbia pelas Farc seria uma Revolução Popular legítima. Eu acho que está na hora de radicalizar mesmo. O brasileiro é muito em cima do muro, contemplador, hipócrita. Taí, sabe que você tem toda a razão.
    Vou passar a defender, por ser de direita, a re-reeleição do Presidente da Colômbia Álvaro Uribe. Está sendo bom que fique quanto quiser……. vamos radicalizar. E o negócio agora tem que ir pro confronto com a esquerda! Vamos pro pau!!! Valeu meu novo declarado inimigo, mas pelo pensador Kotscho!!!!

  115. ATENÇÃO ESQUERDOPATIA, MANDEM O COLLORZAYA INVADIR A ASSEMBLÉIA, POIS FOI DADO UM GOLPE EM ALAGOAS:
    O desembargador Orlando Manso, do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), determinou a prisão imediata dos integrantes da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Alagoas na manhã desta terça-feira (29). A informação foi confirmada pela Secretaria de Defesa Social de Alagoas (SDS). “A polícia já está em diligência”

  116. JÁ QUE COMENTOU SOBRE ESTE ASSUNTO, CONTINUE….
    E O APOIO AO IRÃ?
    E O APOIO AS DITADURAS AFRICANAS????
    A “DEMOCRACIA” DE CHAVES??
    CONTINUE POR FAVOR..

  117. Valeu Ricardo, leio sempre suas colunas e lhe admiro muito pela isenção com que escreve.
    A grande mídia do Brasil é tendenciosa e isso dificulta a democracia. Por verem lula derrubar todas os sombrios prognósticos dos quais procuram cercá-lo, querem, a todo custo, culpá-lo por tudo. Daqui a pouco vão dizer que é ele o culpado pelos temporais que assolam o sul do país.
    Viva a mídia livre e imparcial.

  118. Só para esclarecer, o Sr. Giberto Azevedo deve estar mal informado, a Radio Globo e o canal 36 de Honduras foram fechados por incitar uma revolta popular, pois transmitiam diretamente do interior da Embaixada do Brasil (será mesmo do Brasil?) os dicursos deste aprendiz de ditador. Para os seguidores do grande “ESTADISTA” das Américas , tudo o que vem de Cuba, Venezuela, Bolivia, Equador e outros, é ótimo. Tenha paciência! Porque não vão morar em desses paraisos??? O Brasil ficaria com certeza muito melhor.

    1. Sr. Escobar:

      Com certeza o sr. não professa a liberdade de imprensa.
      O seu conceito de incitação de revolta popular é medíocre.
      Entenda, também, o que é uma EMBAIXADA.
      E com relação a me mudar, sou daqui e só aqui me sinto bem!
      Inteiro ao seu dispor para lhe doutrinar e lhe regenerar.

  119. Ricardo,

    Sen-sa-cio-nal a sua análise.
    O presidente Lula vai sair dessa de novo e mais fortalecido ainda.
    Confiemos nele que, até agora, nenhuma praga de demos/tucanos pegou!!!

    1. enqto isso pague seu convênio de saúde e as mensalidades de faculdade ou colégio dos filhos ok, pois nossos problemas estão aí há anos e nenhum mané político de antes ou este companheiro Lula muda. Então enqto ele brinca de “falar” no mundo e pelos direitos dos outros países aqui as pessoas não possuem médicos nem muito menos escolas em nosso país. Sem falar na put%¨$ que rola diariamente no senado e na câmara, então é isso, viva Honduras, dane-se o Brasil

  120. Está muito fora da normalidade esse envolvimento exagerado do governo brasileiro no caso hondurenho.Da mesma forma que temos forças armadas voltadas para e tão somente a defesa de nosso território,e causaria no mínimo espanto uma postura expansionista ou conquistadora,essa tentiva de interferência num assunto interno de outra nação independente e soberana carece de legitimidade

  121. O CASO DE ZELAYAGOAS
    A prisão foi decretada por descumprimento de uma ordem judicial. No mês passado, o desembargador determinou – pela segunda vez – o afastamento do deputado Cícero Ferro (PMN).
    Para livrar Ferro do afastamento, os deputados aprovaram um decreto que “desobrigou” o Parlamento de cumprir decisões judiciais para afastar deputados. O decreto foi considerado inconstitucional pela Justiça.

    Antes de pedir a prisão, o TJ-AL solicitou, há duas semanas, a intervenção federal ao STF (Supremo Tribunal Federal), a fim de garantir o cumprimento da decisão judicial. O pedido ainda será analisado pela Corte.

  122. Como a cegueiras política faz estragos, não?
    O que tem a ver Zelaya com Serra? É medo das pesquisas?
    Zelaya, não foi deposto por militares, e sim pela suprema corte do pais, pois tentou dar um golpe, orientado pelo amigo Chávez. Depois de deposto, é que foi expulso, esse foi o erro, mais quem provocou tudo foi ele próprio. O que não se pode toleraré esse nosso governozinho nos metendo numa saia-justa, que não temos nada com isso. Tudo em nome de uma falácia esquerdista, pois quem faz conchavos com Collor e Renan pra defender Sarney, não pode ser chamado de esquerdista. O que se mostrou foi que o Itamaraty não sabe nada de direito internacional, do Lula não podemos esperar nada, pois nem ler ele tem o hábito. E como não podia deixar de ser, em época de eleições, os pseudo-blogs ditos “independentes” começam a falar bobagens. E a Marina depois que saiu do PT virou o demônio, estrabho não é? Quanta desinformação à serviço de NADA,

  123. Você pode mesmo falar em HIPOCRISIA. Ninguém é mais VERSADO na matéria. Esse seu artigo, é uma confirmação, você realmente é NOBEL em HIPOCRISIA. Defensor do Chaves como os seus “cupinchas” do PT e Cia Ltda… Por que você só contou MEIA VERDADE?
    Esse tal de Gilberto Azevedo também… Fala do Pig… Será que o PiG que ele fala é aquela criação daquele jornalista que foi mandado embora da Globo? o tal de PHA, e coitado até hoje dói o seu cotovelo. E não deveria: Ele está onde deveria sempre ter estado: Em um canal de TV de Terceira Categoria… Tem que ser assim: Jornalista de 3ª, em um meio de comunicação de 3ª… Justo!
    Agora, o Sr. Ricardo, não sei se o senhor ainda está na folha de pagamento do Estado, lá dos “homi”… Sei que já foi funcionário ou nomeado ou qualquer outra coisa que o PT tenha lhe arranjado. Então ficamos assim: Se o senhor ainda está na Folha de Pagamento dos “homi”, parabéns pelo seu artigo. Agora, se não está mais, é bom para de ser HIPÓCRITA… Experimente um pouco ser VERDADEIRO. Ou, se por acaso, o senhor não é bem informado, leia os jornais (O Globo, Folha de S.Paulo, O Estadão…) veja os noticiários da TV (Jornal Nacional, o Bóris Casói), e assim ficará melhor informado… deixará de escrever sandices…

    1. Sr. Rodrigues:

      Realmente o PiG a que me refiro é talvez uma sigla ciada pelo PHA.
      Nota-se que o sr. não tem paciência de ler e de pesquisar, para formar idéias.
      Na minha terra eu diria que o sr. é um MARIA VAI COM AS OUTRAS.

  124. Primeira vez que visito seu site…e pode acreditar que será a última!

    Nunca li tanta bobagem!
    chavez eleito democraticamente?
    Comparar a reeleição de FHC com essa baixaria do zé-laya! me poupe hein…perdi meu tempo…

    1. ………………………………………………………………………………………………..
      ………………………………………………………………………………………………..
      ………………….Que bom que você não voltará..!
      ………………………………………………………………………………………………..
      ………..Será uma alegria,….não ler as tuas,… ASNEIRAS.
      ………………………………………………………………………………………………..
      ………..Vai prô “blóg” da “Veja”,…vai,…lá é o teu lugar.
      ………………………………………………………………………………………………..
      ………………………………………………………………………………………………..

  125. O BRASIL SE “METEU NUMA FRIA”,AO SE ENVOLVER COM ESTE TAL DE ZELAYA. SE JÁ NÃO BASTA OS NOSSOS PROBLEMAS E ENGODOS COMO BOLSA FAMILIA, EDUCAÇÃO ,SAÚDE,SEGURANÇA ETC….AGORA JORNAIS COMO FOLHA, ESTADÃO CHAMAM O GOVERNO ATUAL DE HONDURAS GOLPISTA. PERGUNTO E O SARNEY ,COLLOR,RENAM SÃO O QUE?

  126. Em tempo.
    O nosso grande estadista LuLLa”, disse que o Irã tem todo o direito e ter usinas nucleares para fins pacíficos, dois dias depois o amiguinho dele fez testes com mísseis de longo alcance, perguntado o Itamaraty não respondeu.
    QUE GOVERNO!!!!!!! Mas a chapa está esquentando. Como dona Dilma não decola, agora querem vender o Ciro como segunda opção. QUE PARTIDO É ESSE!! ´ Só vomitando.

  127. Caro Kotscho:

    Esse episódio em Honduras dá a exata dimensão do caráter e da ideologia das pessoas formadoras de opinião. Jamais imaginei que alguém poderia arrumar argumentos para justificar um golpe militar, seja em que lugar for. Venho batendo nessa mesma tecla: Se o tal Zelaya pretendia um plebiscito para possibilitar sua reeleição e, sendo até mesmo essa consulta inconstitucional em Honduras, não bastava simplesmente os órgãos competentes entrarem com uma ação na corte suprema e cancelar? Ou será que a Constituição de Honduras estabelece que, o desrespeito do presidente à Carta Magna enseja sua retirada à força, por um golpe militar? Não creio que seja assim.
    Agora, o mais triste de tudo isso, é ver pessoas que se dizem fervorosos defensores da democracia, criar o “golpe militar democrático”. Meu Deus!! A que ponto chegamos. Vi uma crônica do Arnaldo Jabor, na CBN, praticamente execrando Zelaya e defendendo o golpe, ainda que nas entrelinhas. Vi o Carlos Alberto Sardenberg, da mesma rádio, tentar encurralar o secretário de assuntos internacionais, com teses que claramente defendiam o golpe em Honduras, simplesmente para desgastar o governo Lula.
    Para a grande mídia, o usurpador do poder em Honduras é tratado como “presidente de fato” e não golpista. Zelaya é visto como o presidente populista que, como Chaves, pretendia se perpetuar no poder (chamam isso de golpe branco, comparando ao golpe com as armas).
    Cheguei à conclusão que para esses indivíduos e empresas de comunicação pouco importa qual regime de governo prevaleça no Brasil. Tanto faz que seja governado sob o regime ditatorial ou democrático. O que importa é que não percam seus privilégios. Talvez Arnaldo Jabor odiasse o regime militar por restringir o uso do nu em seus filmes, mas se fosse liberado, trabalharia por eles. Sardenberg, Miriam Leitão, Lucia Hypolito, Merval Pereira e todos os demais integrantes da CBN, além dos jornalistas da TV Globo, provavelmente ficariam satisfeitíssimos se, num regime de exceção, pudessem cobrir A SEMANA DO PRESIDENTE, desde que esse presidente não fosse um ex-operário ou similar.
    E assim caminha a hipocrisia.

    Abraço

    1. Não foi um golpe militar, Zelaya foi destituído pela suprema corte e pelo congresso, sabidamente instituições formada por civis.
      Estude mais Sr. João Luis.

    2. Falta vontade de se informar antes hein João Luis, vc conhece a política do Zelaya, sabe o que ele queria fazer, se era permitido, se ele não violou “regras”, qual a real intenção dele? Filhão, todos esses q vc citou te engolem em qquer papo que dure 30 segundos….

      Não faltam comentários com a constituição de Honduras por aqui, leia um pouquinho, já q tem acesso a internet, pesquise, enfim….tenha uma melhor vontade antes de abrir a boca

    3. Sr. Cheio de Fome:

      Em qualquer regime democrático no mundo, seria necessário uma decisão judicial transitada em julgado, decidindo sobre a perda do mandato do presidente Zelaya do poder, caso tivesse violado a constituição do seu pais, como alegado. Mas pelo que sei também, não me consta que numa democrácia as forças armadas tenham a legitimidade de decidir se o presidente violou ou não a constituição. Normalmente isso cabe à Suprema Corte. Sinceramente, se o presidente Zelaya tivesse sido deposto pelos meios legais, acha que a comunidade internacional, sem exceção, estaria contra o presidente golpista? Essa questão, para análise, precisa de um mínimo conhecimento jurídico. Cada país têm suas próprias leis, mas existem princípios que basicamente integram todos os ordenamentos.
      Aqui no Brasil somente a grande mídia está a favor do golpe, por entender que terá dividendos políticos em cima disso, pelo fato do Lula ter abrigado o presidente deposta na Embaixada brasileira. Qualquer pessoa, com QI acima de zero poderá ver isso.

  128. Num debate no Brasil Nação deste domingo na TVE – Paraná, estava o Deputado Federal Dr. Rosinha e outros convidados cientistas políticos e surgiu um comentário que me chamou a atenção, se não me engano foi o Dr. Rosinha que comentou que a consulta popular que o Zalaya ia fazer em Honduras era em Novembro, no mesmo dia em que ocorreriam as eleições presidenciais em Honduras e numa urna a parte, sendo assim o Zelaya não poderia ser candidato a reeleição. Outro comentário q me chamou a atenção e não vejo a imprensa comentar é que na constituição hondurenha, golpe de estado é proibido.

  129. Gilberto, vc é um Chavista hombre?
    Copio: “seu papel de caráter social para o desenvolvimento da pessoa humana, o exercício da cidadania e à qualificação para o trabalho.” ??? Se é assim, então nenhuma TV aberta do mundo vai funcionar, talvez a Cultura, e olhe lá. Fala sério meu irmão.
    La nueva ley es más una mierda de los fascistas del poder contra la democrácia. Miraste?
    Grupos centenários de mídia são tendenciosos sim, e lógicamente crescem com o tempo, mas fechar os mesmos por criticarem o governo vai muito além da censura de certo Senador tupiniquim ao Estado.
    Fascista é fascista, não importa a cor da bandeirinha.

  130. O Sr. Ricardo esqueçe que o crime cometido por Zelay está definido na constituição de Hunduras? ou será que não se ateve a esse detalhe. Pacere mais um petista sem sorte, que fez parte do governo e agora está defendendo o Governo trapalhão do Lula.

    1. Excelente e claríssimo artigo, infelizmente a mídia vai no “popular” e prefere a falsa hipótese de golpe pois é mais popular e o povo consegue entender com mais facilidade.

      Explicar aspectos jurídicos para ignorantes não é nada fácil.

      De quebra ainda falam mal de militares, obsessão de nossa esquerda rancorosa e revanchista.

    2. Sr. Fernando:

      Se assim é, qual a razão de não haver apoio da comunidade internacional?. Não há um só pais que se manifeste em favor do golpista. Acho que o Sr. é quem deveria estudar mais. Ter o apoio do Judiciário num regime de exceção não significa lá muita coisa. E ter apoio não significa, necessariamente, tenha havido um processo judicial, com sentença transitada em julgado, que destituiu o presidente. Provavelmente se tudo isso tivesse ocorrido, haveria apoio internacional.

  131. Você está certíssimo, meu caro Kotscho.
    A hipocrisia oscila de acordo com os interesses daqueles que se opõem ao governo Lula, grande imprensa inclusa.
    quando há interesse, fecham os olhos ou aumentam a imagem com uma lupa do tamanho do buraco do metrô dos tucanos.

  132. ola sr. Kotscho

    Concordo integralmente com sua constatação, é perfeita. Digo mais , invejosos que não se destacam. Pagam fortunas para mostrar feitos que não são méritos e, sim obrigação . Estou me referindo ao sr. Serra que não tem perfil de líder , não está conduzindo bem o governo de São Paulo e, acha que consegue ser nosso Presidente. Deveriámos conceder mais quatro anos ao Lula, para que desse continuidade ao seu bom Govêrno. Se o próximo Presidente for da oposição, vai destruir o construído, por conta da inveja e, Egolatria..

  133. Se fosse no Brasil os jornalistas iam encher o saco! Como não é no Brasil ficam metendo o pau na atitude do governo Brasileiro. Viva a democracia e abaixo a ditadura! Parabéns ao governo Brasileiro, está demonstrando que democracia não é conversa de jornalista! Engraçado se o cara foi eleito pelo povo e o Brasil está dando apoio a ele, por que o governo brasileiro está errado? Ricardo, quer dizer que os golpistas estão certos? Quer dizer que derrubar presidentes é legal? Que vá morar em Honduras! E esse seu papo de hipocrisia é ridículo! Hipocrísia é o que se faz no Brasil pelo jornalismo Brasileiro!

  134. Essa “crise” em Honduras está fazendo cairem muitas máscaras e fazendo aparecer o que se está querendo varrer para debaixo do tapete.
    A questão é, a comunidade internacional estrilou quando do golpe em Honduras, já que se esperava que essa tradição das Américas já houvessse sido superada.
    Após isso passou-se a empurrar a questão com a barriga, as eleições marcadas estavam aí, novembro estava chegando e pronto, não se fala mais nisso.
    Então Zelaya chutou o balde!
    E muitas máscaras caíram, inclusive nos EUA(sem falar nas máscaras de sempre daqui). Coloco aqui alguns links que mostram o quanto está confusa a política externa dos EUA:
    EEUU: Retorno de Zelaya a Honduras es ‘irresponsable’ : http://noticias.terra.com/articulos/act1969343/EEUU_Retorno_de_Zelaya_a_Honduras_es_irresponsable_/ .

    No artigo se nota que a posição do embaixador dos EUA na OEA é destoante dos demais e no próprio artigo é colocado que a opinião dele não bate com a posição do governo dos EUA.

    Aqui uma “tradução” da fala do embaixador:
    Translating Lewis Anselem on Honduras
    I’m proud to be an American today, as I listen to our fine officials and their stirring declarations:

    [U.S. Ambassador to the OAS Lewis] Anselem also criticized Zelaya for fueling violence by slipping back into Honduras last week and holing up in the Brazilian Embassy, from where he has called on his supporters to take to the streets.

    “The return of Zelaya absent an agreement is irresponsible and foolish … He should cease and desist from making wild allegations and from acting as though he were starring in an old movie,” Anselm said.

    I think there might be some subtle message I’m missing here. Let me see if I can get the Tony Snow Translation Device recalibrated to work on Anselem’s remark…ah, there we go:

    “The return of Zelaya is an irresponsible and foolish way of highlighting tacit U.S. support for the Honduran coup regime. He should cease and desist from taking actions that undermine our strategy of running out the clock on his presidency until an election can be held in Honduras that has a more desirable outcome than the last one. What does he think he is—the democratically-elected president of a sovereign nation?”

    Man, that thing sure is useful.

    For fun, try comparing Anselem’s invective here to the furiously harsh rebuke the Obama administration delivered to Israel a few weeks ago. I realize it would be easy to conclude that there’s some kind of double standard going on, but we have to keep in mind that the Israelis are basically Europeans, whereas Hondurans like Zelaya are just little confused brown folk who can’t seem to accept that their affairs should be governed from Washington. We have to be harsh with them for their own good, the way you’d correct a puppy who ran out into the street. We don’t want you getting smooshed by a truck, Manuel!

    http://www.distantocean.com/2009/09/translating-lewis-anselem-on-honduras.html

  135. Olá,
    O senhor não está bem informado sobre reeleição por lá em Honduras: a constituição do país proíbe o ato e não houve um consenso com as demais instituições por lá para se fazer alguma mudança constitucional. Diferente do que ocorreu por aqui no tempo de FHC.
    Quem tentou um golpe branco impulsionado pelo DITADOR Hugo chavez foi o presidente, que assim como Chavez , acha que pode passar por cima de todo o resto da sociedade. E quem está fazendo o papel de bobo da corte é o Lula, que entrou na história induzido pelo Chavez que não tem prestígio internacional. Ou o sr. acha que se o Zelaya pedisse abrigo na embaixada da Venezuela o cenário seria o mesmo???
    Reflita sobre isso.

    1. ………………………………………………………………………………………………..
      ………………………………………………………………………………………………..
      ………….E quem precisa de camisa de FORÇA na,… língua,
      …………………………………………é você.
      ……………………………………………………………………………………………….
      ……………..Pois falar tanta BESTEIRA ao mesmo tempo,
      ………………………..e pedir prôs,..OUTROS,..refletirem,
      ……………………………………….é sintôma de
      …………………………………………de,…. fúga
      ……………………………………………..por
      …………………………………….cima do muro,
      ………………………………………………do
      …………………………………………JUQUIRI.
      …………………………………………………………………………………………………

  136. Na verdade Isso tudo foi manobra de Chaves, que usou seu “boneco” Lula que fez toda essa trapalhada arquitetada por essa anta bolivariana. Tudo que foi feito em Honduras foi dentro da legalidade constitucional e os outros países , especialmente o Brasil não deveriam interferir.

  137. Caro Kotscho e demais balaieiros

    É pra acabar com a hipocrisia ?
    Então vamos lá !!!

    Em qualquer lugar do planeta a política tem dois lados: A direita e a esquerda. A direita será sempre aquela “elite branca” viúva de Maria Antonieta na fila da guilhotina e a Esquerda será sempre dos que estiverem do lado, defenderem e fizerem a inclusão dos mais pobres e desfavorecidos nas implementações de suas políticas em seus países. É ISSO E PRONTO E ACABOU !!!
    Se Chaves, Evo Morales, Zelaya e outros recentes lideres latino americanos são “malucos” ou não MAS ESTIVEREM DO LADO DOS MAIS POBRES então são de Esquerda e se são de Esquerda estão do meu lado e portanto sempre os defenderei contra aqueles que por falta de votos e argumentos nas democracias conquistadas a fogo e sangue vivem partindo para golpes, assassinatos e inúteis tentativas de desqualificação política dessas lideranças ELEITAS pelo voto popular ao longo da história da humanidade.

    Honduras “ou moles” as elites inconformadas e derrotadas em seus países estarão sempre destilando seu ódio de classe e valendo-se sempre do mesmo comportamento:ao pregar um medo extemporâneo do comunismo e de uma velha e ridícula “cantilena” em defesa de uma ética que jamais tiveram em qualquer lugar ou tempo no mundo.
    Essa gente estúpida é cada vez mais o que sempre foram:
    GOLPISTAS E CANALHAS DE DIREITA !!!
    Então é “chumbo” neles !!!
    Viva Chaves !!!
    Viva Evo !!!
    Viva Zelaya !!!
    VIVA LULA !!!
    E todos os outros grandes líderes de Esquerda que finalmente botaram pra correr da América Latina essa “elite branca” assassina, golpista E DE DIREITA !!!!

    1. nossa, a esquerda é tudo de bom então, q maravilhaaaaaa

      eles lutam pelos pobres, mas lutam na prática ou só no discurso?

      VIVA O CHAVES
      VIVA O KIKO
      VIVA O SEU MADRUGA
      VIVA A CHIQUINHA

      esses sim valem + a pena….haha

  138. Meu caro Ricardo, você tem toda razão, se não sabe o que está acontecendo é melhor não dizer nada, só que alguns setores da mídia trabalham desta forma, ou seja esperando o pior e ainda falam liberdade de imprensa.

  139. seu texto é infeliz..
    ..
    .
    o FHC errou ao querer fazer a reeleição, chame isso como quiser pra mim foi abuso de poder, marmelada, “GOLPE”. o pobrema é que foi apoiado pela grande midia, que é claro totalmente sem noção de direitos constitucionais e democraticos , chame como quiser.
    sem falar em interesses de grupos economicos que querem se sustentar no governo apoiando uma coisa dessas e sustentar seus interesses em um governo anti-democratico como foi o do fhc e sua reeleição

    leia a constituição de honduras, como um colega seu falou ela nao aceita reeleição, fim de papo sobre isso,FIM DE PAPO. cada País evolui a medida do seu tempo, sem essa de querer dar uma de intervencionista norte americano no mundo.

    aqui no Brasil nos rejeitamos a reeleição e derrubamos ela, esquerda direita, centro TODO MUNDO REJEITOU A REELEIÇÃO E ELA CAIU…para toooodo o sempre e nunca mais outra vez…
    se nos rejeitamos essa porcaira, essa avacalhação, essa esculhambação, esse traste, esse joça, ESSA POHHA aqui no brasil, porque nos vamos “apoiar/defender”, ou seja la o que é tudo isso, em outro País? nao tinha coisa melhor pra se preocupar nao???
    tantos problemas como fome, saude e educação, vai logo escolher reeleição pra se meter?

    nao adianta politicos quererem validar o que todo mundo condenou. reeleição é um desastre em um País como o Brasil, que ainda esta engatinhando na democracia. e nao adianta quererem(partidarios e politicos) validar a reeleição do fhc e nem do lula se for esse o caso, nao é esse o caminho, minha opinião

  140. Fiquei com pena de voce.

    tomou um puxao de orelha de seu chefe Lula?

    A campanha que os candidatos estao fazendo, nisso concordo com voce, foi deflagrada pelo Lula. Vc queria que só ele fizesse campanha para a VANDA e os outros ficassem vendo a banda passar?Pq a justiça eleitoral só conseguiria decidir se isso é campanha antecipada em 2020, ai ja seria tarde né?

    Vc leu a constituiçao de Honduras? Acho que nao né!

    Se os brasileiros elegerem o Fernandinho Beira mar presidente voce concordaria que ele tomasse posse? Pq o macaco Tiao ja foi eleito deputado no RJ e nao tomou posse, o mosquito da dengue foi eleito vereador em Vila velha(ES) e nao tomou posse, a vontade do povo nestes casos nao foi respeitada, portanto isso foi GOLPE?

    Maldita hora que veio a urna eletronica, pq com certeza os votos seriam para alguma figura folclorica ao inves de Lula, FHC, Serra e outros politicos.

  141. Nossa, como pode tanta gente IDIOTA aparecer por aqui! Pleno ano de 2009 ainda tem gente MeDÌOCRE a ponto de serem matracas da VEja, Da Globo, o mesmo discurso desta Midia decadente na boca de muito imbecial metido a sabe tudo.

    Meu Deus, perdoe pois eles não sabem o que dizem!

  142. Lendo os comentários aqui postados, vi que muitos estão “desenterrando” a ditadura que houve no Brasil, como se o período tivesse sido um terror só. Quem viveu essa época, como eu que em 1964 estava com 20 anos, sabe que o Brasil estava funcionando normalmente, e só para refrescar as memórias dos benefícios e inclusão social da época da ditadura:
    – Banco Nacional da Habitação (BNH), criou o Sistema Financeiro de Habitação que ajudou muitas pessoas a adquirirem a casa própria;
    – FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). Antes de 1967, se alguém fosse demitido existia na CLT a “indenização” que poucas vezes era cumprida;
    – PIS/PASEP, dando rendimento anual aos trabalhadores.
    E muitas coisas mais, que não lembro agora.
    Não estou defendendo o regime ditatorial, mas execrar esse período do Brasil como nefasto, não exageremos.
    O próprio Lula já declarou até recentemente, que a ditadura no Brasil não foi tão ruim assim.

    1. Angela, pena que os que morreram sob tortura nessa época não possam se manifestar. Mas os sobreviventes estão aí para não deixar que essa monstruosidade caia no esquecimento.
      Muitas das coisas “boas” que os militares fizeram, poderiam ter sido feitas de forma melhor ainda em uma democracia.

  143. Calma gente, calma!

    a solução para a crise já existe.

    o nobre Deputado Federal Raul Jungman está indo para honduras, e ao chegar lá, com sua sabedoria inquestionável resolverá tudo.

  144. Oi Kotscho. Boa Tarde. Sempre que voce é apedrejado por suas posturas tento te defender como sempre defendo o direito de opinião, mas, desta vez, espero estar enganado, seu artigo vai de encontro à tese de que nós, brasileiros e blogueiros somos tapados. Pelo amor de Deus. Tenha mais respeito por nossa inteligencia. Somos um país de terceiro mundo mas não somos o terceiro mudo, nem o terceiro surdo. Também não somos cegos e analfabetos para não perceber no conteúdo onde está o cinismo e a hipocrisia. Me perdoe a franqueza, mas, meu conceito trincou.

  145. Caro Ricardo ,concordo plenamente , vc definiu bem , GOLPE é GOLPE em qualquer lugar do mundo , que não enxerga por este lado , com certeza já foi simpatizante da ditadura militar no Brasil.
    Abs

    1. Todos os ladrões estavam na cadeia e politicos corruptos devolveram ao Estado todo produto do Roubo. Se o Lula fizesse isso hoje, poderiamos voltar a caminhar tranquilos por qualquer cidade e a MONTANHA de dinheiro elevaría o Brasil… talvez á 6ª economia do MUNDO.

  146. Por favor, Ricardo. Não adianta nada dizer quem é mais hipócrita. Não resta nenhuma dúvida que esta foi mais uma das várias tentativas do sr Chaves de se meter onde não é chamado. Não resta dúvida que o Sr Chaves já foi golpista na ?enezuela, Financia a FARC ou seja tenta dar um golpe na Colombia. Financia campanhas eleitorais em váriois paises da “Amérca Bolivariana”. Elogia o Mugabe como exemplo de luta anti imperialista. Negocia com o Irã fornecimento de uranio, sabe-se lá com que intenções. Não se deve defender a derrubada de presidentes eleitos sem um devido processo constitucional, agora achar que toda tentativa de se perpetuar no poder é vealida, então devemos achar que a Alemanha de Hitler era um exemplo de democracia ou mesmo a Rusia de Stalin ou a China de Mao.

  147. Concordo com a hipocrisia,só não concordo com o seu desabafo.porque sim,isso é um desabafo, no que diz respeito a apontar apenas o dedo para os outros.
    O que você acaba de escrever serve sem tirar nem por para as colocações que esse blog assume em relação à política brasileira e veste também todos àqueles que não enxergam o que o governo Lula e seus asseclas latino americanos fazem. Se todos fizeram antes do Lula, o Lula continua fazendo igual e não reconhecer isso também é hipocrisia sua e dos simpatizantes petistas!

  148. Ah! Esqueci no comentário anterior…A Dilma também é ou foi guerrilheira e fingir que isso não é verdade é hipocrisia!
    E imaginar que o Brasil não sabia do Zelaya na sua embaixada,se não é hipocrisia, é no mínimo muita ingenuidade.

    1. …………………………………………………………………………………………………
      ………………………………………………………………………………………………..
      …………………………É o mesmo caso,…de você,
      ……………………………………….fingindo,
      ………………………………………….aqui,
      …………………………………………..que
      ………………………………………. NÃO é,
      …………………………………………………………………………………………………
      …………………………………DÉBIL MENTAL.
      …………………………………………………………………………………………………

  149. Esse cara e a cara do Ratinho mesmo até na imitação essa comparação foi perfeita

    Agora o povo que vota tem que ser tão inteligente ou mais, que essa turma toda, que estão se apoderando do seu patrimônio com seu voto, ainda obrigatório em muitos lugares

    Descartar essa turma pelo mundo afora de vez por ter essa decisão, no dia da eleição

    Ai quem for eleito não vai ficar colocando seus interesses pessoais acima, da população que contribui pagando os salários

  150. Só uma inteligencia de múmia paralitica não percebe que tudo foi articulado por esse grupo sulamericano que, à todo o custo, tenta implantar suas ideologias socialistas à custa da miséria e da fraquesa intelectual dos povos menos esclarecidos, mantidos em currais alimentares para garantir, com suas carcaças úteis e suas mentes maleáveis, a sobremesa farta dos banquetes do poder. E se o Governo legítimo de Honduras resolver invadir nossa embaixada e prender o malfeitor? Quero ver a cara do Lula. Será que vai enviar nosso Exército composto de jóvens inexperientes para morrer em um conflito que não é nosso mas provocado pelas alucinações do novo santo brasileiro? Ele tentou se encostar o Obama e levou um chega prá la. Deixo aqui um pensamento: “Passarinho que come pedra, sabe o cú que tem”. Tenho dito.

    Em tempo: Peço perdão pela deselegancia.

  151. Engraçado, então quer dizer que o fato de tanta gente opinar sobre o assunto sem conhecimento de causa, autoriza-o a fazer o mesmo? É uma posição curiosa para um jornalista.

    Honduras pode ser uma pequena república de bananas, mas tem uma constituição, Ricardo. Ela não só proibe a reeleição, como prevê sanções contra quem atentar contra essa proibição, inclusive a perda de imediato de cargo.

    Portanto, respondendo a sua pergunta: há, sim, mal em propor a reeleição, pelo menos em Honduras. Para que pudesse haver uma consulta sobre reeleição naquele país, primeiro seria preciso mudar a constituição.

    Zelaya forçou a barra, e acabou sendo destituído DEMOCRATICAMENTE, de acordo com as leis vigentes em Honduras, que ele desrespeitou.

    Quanto à reeleição de Fernando Henrique, foi de um oportunismo lamentável, mas dentro da lei. É preciso desenhar para tornar mais perceptível a diferença essencial?

    Outra coisa é a participação deprimente do Brasil nisso tudo. Novamente você erra: a embaixada brasileira pode oferecer asilo a Zelaya, mas permitir que ela se transforme num quartel-general do presidente deposto vai contra as normas diplomáticas. Se Honduras fosse a Argentina ou qualquer outro país de peso razoável, a embaixada brasileira teria sido invadida há muito tempo, porque o que se passa por lá AUTORIZARIA A INVASÃO.

    Brincar de potência valente contra a pequenina Honduras é cúmulo do ridículo, ainda mais fazendo-o a reboque do Tio Chávez.

  152. Não sei como funciona o sistema de governo em Honduras. Pergunto: não tinha vice-presidente? Se tinha porquê não assumiu? Por que o Zelaya foi espulso? Aqui no Brasil o Collor foi sofreu impeachment/renunciou, não foi espulso e o seu vice assumiu.

  153. Legalidade ou não legalidade à parte, aprendi no passado que a democracia verdadeira não é “o governo da maioria” mas o “respeito às minorias”. E olhem que no regime democrático podem existir minorias com 49% da população. Se não houver tal respeito, a coisa fica explosiva!!!
    Os governos “democráticos” apoiados pelo sindicalista famoso, não faz dito respeito. Taí o resultado.
    O ditador fenício ameaça Israel com destruição, faz mísseis balísticos com capacidade de transportar ogivas nucleares, desenvolve programa nuclear, fala em nome do islã em queimar os ocidentais em geral e o sindicalista afirma ser perfeitamente normal as aspirações do braço hiper-armado (com ou sem hífem???) do maomé.
    Perfeito idiota.

  154. O Sr. Ricardo deve ter se informado com o Zé Simão, pois foi ele que apelidou o Zelaya de Ratinho.
    Deveria saber que a Constituição Hondurenha proíbe plebiscito para reeleição, e que a retirada do Sr. Zelaya da Presidência foi o cumprimento de decisão da Suprema Corte daquele país. O que se pode questionar foram os métodos para prender o Presidente e deportá-lo.
    Quanto a reeleição do Chavez e Evo, nisto estamos de acordo, eles tinham direito de propor o plebiscito, já que a Constituição não proibia a consulta popular, nem a deposição do Chavez foi feita pela Suprema Corte. E também concordo com a imprensa se calar quando a reeleição é para Uribe, aliado do tio Sam, e quando é pro Evo aliado dos índios.
    SR. RICARDO PARE EXPLORAR AS SACADAS DO ZÉ SIMÃO E VÁ TRABALHAR DURO CAVOCANDO NA INTERNET.

  155. Concordo com o Kotcho em partes ,eu diria que nehum governo deveria fazer campanha antecipada ,é covardia ,ele esta com a máquina na mão ,por conseguinte não deveria haver reeleição ,então começa por ai agora quanto ao Zé laia o chapeludo , é apenas mais um que quer permanecer no poder ,pois o poder enebria ,o LULa que o diga ,os ditadores surgem dai ,da vontade de continuar no puder ,( justo justissimo) .Agora o Lula como é muito vivo ,vai continuar atravéz de Dilma ,e com certeza voltara em 2016 .

  156. extremamente decepcionante a sua colocação sobre Honduras.É evidenteque quis aplicar um golpe foi o conservador e elitista e agora “populista” Zelaya.essa história de plesbicito ele ssabia que não era possível.A Suprema Corte do país já havia slicitado para náo ocorrer tal “plesbicito”>Lamentál o seu desconhecimento da situação,alias ali não te, pra ninguém ,n~soa sbra um,tal e qual no nosso patéticp Congresso.E mais ,esse Chaves sim é um perigoso idiota,que não faz nada pelo povo da venezuela,veja o resultado dos ganhos obtidos pelo petroleo(problema cronico na verdade)uqe vai para a compra de Sukois e para a familia dele e seus aceclas.Nã precismaos de gente como Chaves,Coreeo e o Morales.´Pelo memos é minha opinão.
    Gosto de seu trabalho,tenho respeito por vc desde os anos 60 e 70,mas ninguém é perfeito.

  157. Prezado Kotscho,
    Muito bom mesmo o seu post.
    É preciso chamar à ordem a mídia brasileira.
    Eufemismo tem hora.
    O nome do governo de Honduras é Governo Golpista, por isso ilegítimo, ilegal, autoritário, ditatorial, etc.
    Não dá para entender a má-fé da grande mídia brasileira. Ontem no Globo News o âncora falava em governo interino em Honduras.
    Interino uma ova. É golpista mesmo.
    Outros adjetivos tbém vicejam – “governo de fato” – ora bolas em bom português é gopismo mesmo.
    Um certo jornal até inventou uma adjetivação da ditadura: a ditabranda!
    Pode?
    Todos nós sabemos o que é um governo legítimo, ungido pelo voto popular. O resto é golpe raso e cru mesmo,sem respeito às liberdades e às regras democráticas.
    O que espanta é que o nosso Presidente Lula/Itamataraty estão acertando em genero, número e grau e a nossa gde. mídia sempre quinta-coluna, trabalha CONTRA O BRASIL.

  158. o unico comentário que me ocorre é que o sr luiz nove dedos, está a todo custo procurando uma brecha para aparecer perante a opinião publica mundial a fim de obter votos de desavisados que venham indica-lo a um premio nobel qualquer (seu maior sonho, depois de ter atingido à presidência deste país)

  159. Meu caro Kotscho.

    Começando a ler o seu artigo me senti feliz com a sua explicação até a constatação que o Zélaya é louco varrido.Tudo bem.Pensei ,como você disse que depois de tanta besteiras na imprensa você resolveu meter o bedelho pensei com surpresa que apesar das suas raizes de esquerda mesmo assim seria algo de novo,sem aquelas paixões lcatastrófias que a só a esquerda consegue ter.Ledo engano,lmeu caro.Logo a seguir você vem com uma simplicidade de dar dó e fazer santo ficar com rubor facial derrubar uma cláusula pétrea da constituição hondurenha para dizer que o maluco foi derrubado por militares.Entrou no erro de todos os esquerdistas.Isso é uma inverdade que não tem amparo nenhum jurídico.Determinado artigo diz que qualquer indivíduo que tentar fazer essa consulta aí sim um golpe de um golpista esquerdopata bolivariano automaticamente ele está afastado da presidência,certo? Lá não existe a fórmula do impeachment como aqui e nos EUA.Agora o governo interino(não aceito chamá-lo de gospista porque não houve golpe,só para esse “governim” exdrúxulo daqui para não dizer outra coisa) errou sim quando mandou o salafrário bolivariano para outro país, o que contrariou um outro artigo da constituição que não permite mandar ninguém dessa forma para outro país.Agora esse erro não absolve e nem contraria o crime cometido pelo Zelaya.É um ex-presidente alijado de maneira constitucional.E mais o que Honduras tem com esse tal de mundo inteiro em seu argumento que quer literalmente estropiar a constituição hondurenha?A dela tem que ser igual por exemplo esse arremedo de sandices e estupidez que nós chamamos de constituição? Depois ao invéz de continuar querendo defender o indefensável você como todos os seus aqui começa por atacar FHC,etc,etc,etc.Não dá né Kotscho?Depois que esse governo daqui que é a maior piada arranja esse escândalo,participando junto com o Chavez de levar o aloprado de lá de volta,vocêr quer que os “organismos internacionais e os outros paises venham resolver a cagada que o lulla e seus dois ministros do exterior fizeram?Não entendí uma coisa: você chama o Chavez que é patrão do lulla de celerado;por que não pode ser chamado de ditador também?Olha ,essa porcaria de ditador fecha todos os meios de comunicação que ele pode fechar sem nenhum criminoso como o Zélaya e paisecos como esse aqui a ameaçã-lo.Agora os seus amigos bolivarianos/aloprados intervém em Honduras ,há a permissão do louco fazer daquela embaixada a casa da mãe joana,conclamar a insurreição e o Micheletti não pode fazer nada?O que essa corja queria era força-lo a cometer um erro o que ele acabou por fazer.Mas nem por isso aquela besta do Obama através do seu representante na OEA conodenou o fato.Muito pelo contrário.Esculhambou Brasilo e Venezuela como responsáveis por essa convulsão social que lá agora se apresenta.E os responsabilizou pelo que acontecer com o povo hondurenho.Ah,e a esculhambação que a secretaria americana deu no megalonanico?Ah,asté o Serra, o Aécio e a Marina você colocou para justificar o injustificável.Lhe pergunto:o seu presidente com a sua candidata-poste há mais de ano estão em campanha;porque não foiram citados?Tá vendo meu caro Kotscho,você ficou até agora como disse calado para não repetir as bobagens que rolavam na imprensa.E quando abriu a boca teve a coragem de colocar personagens com seus exemplos que nada têm com a catástrofe que esse governo imputou a honduras.Ou o Serra ,o Aécio e a Marina são ministros do lulla?
    Abraço cordial da direita.

    Estou mandando novamente para dizer porque juntei o assunto do Aécio,Serra e Marina de seu comentário em um só: porque acho que você resolveu falar de outro assunto por não ter realmente uma opinião favorável do Brasil pelo que está fazendo com honduras.E esse é um assunto que estica,não é?Não pode ser justificado em tão poucas linhas . Abraço,Paulo

  160. Olha, não é a primeira vez que Honduras provoca crise nas relações diplmáticas. Em certa Copa América perdemos de Honduras, e Felipão que diga o barulho causado.
    Nesse caso, creio que a turma do “deixa disso” tinha que entrar em ação, pois é um povo simples que está sofrendo por uma disputa entre um lobo de pele branca contra outro, felpudo, de pelagem negra.

  161. Prezado Ricardo,
    Não discuto o fato do Brasil dar asilo político a Manuel Zalaya ou a outro qualquer, deu asilo a um criminoso italiano e na Itália na época o governo havia sido eleito pelo povo não é verdade? Não deu asilo aos lutadores cubanos e o que o nosso ministro da justiça não esperava é que eles conseguiriam fugir novamente e lá nos Estados Unidos contaram como foram devolvidos a Cuba pelo Brasil, não é verdade? Agora se deu asilo ao Zalaya, porque não o troxe para o Brasil? Parafraseando o nosso presidente, “NUNCA NA HITÓRIA DO MUNDO, UM REFUGIADO POLÍTICO, UTILIZOU UMA EMBAIXADA PARA FAZER CAMPANHA POLÍTICA OU INCITAR O POVO A REVOLUÇÃO, COMO O ZALAYA ESTÁ FAZENDO EM NOSSA EMBAIXADA E O NOSSO GOVERNO NADA FAZ. VOCÊ ACHA ISTO CORRETO? ONDE ESTÃO AS AUTORIDADES DO ITAMARATI?

    1. Tá na Europa tentando trazer a Olimpiada para o Rio onde está articulado um dos maiores saques ao nosso dinheiro que está guardado no Banco Central

  162. Esse negócio de: a Constituição diz, é papo furado. cosntituição é papel e, papel a gente rasca, escreve outro e tá tudo resolvido.
    Agora que o Zelaya foi na onda do Chávez, esse “Stalin” de araque, foi com certeza. E se deu mal à beça.
    O Lula. já que está preocupado com o bem estar do seu Zelaya poderia, também, dar abrigo a Osaba Bin Laden e outros terroristas, nundo afora.
    Nós temos, no Brasil, milhões de “zelayinhas” passando fome, outros sem empregos, outros morrendo em portas de hospitais…etc…etc.
    Ocorre que, esse “zelaynhas” não dão extensão mundial aos atos e ações do Lula. Vai até dariam mas não com a mesma rapidez.

  163. Legal o debate provocado.

    Sugiro aos constitucionalistas “de plantão” e de última hora a leitura dos Profs. Ives Gandra, José Afonso da Silva, Alexandre de Morais, Michel Temer ou Pedro Lenza.
    Certamente encontrarão bases para discutir melhor os limites do Poder Constituinte Reformador, das Emendas, do Poder Constituinte Originário. Também sobre cláusula pétrea.
    Há também excelentes comentários sobre crimes de responsabilidade do presidente (por óbvio, do Brasil), do princípio do devido processo legal, uma vez que uma coisa é sofrer uma condenação e uma outra a forma de execução ( e não me parece que exista a tal da “deposição de pijamas” em nenhum processo análogo ao impedimento de um presidente legalmente eleito ).

  164. Por que hiprocrisia ??? se o Lula que é presidente e que por sinal deveria dar o exemplo, ilegalmente já iniciou a campanha eleitoral com a Dna. Dilma já faz tempo, por que os outros deveriam ficar esperando o período legal ?? para perder tempo e ficar engulindo o Lula fazendo campanha não só no Brasil mas fora também ?? no Brasil é melhor ser hipocrita do que ser burro, do que ficar só olhando enquanto o Lula coloca mais um de seus “companheiros” no poder ????

    1. : Ricardo Kotscho desculpe mas o comentário PQ NÃO TE CALAS foi dirigido ao participante que pergunta “hipocrisia de quem???” Não foi para vc.

      Concordo plenamente com seu artigo!

    2. Nossa!
      E a OPOSIÇÃO está copiando o governo?
      Falta de projeto?
      Engraçado!
      E tem gente pensando que LULA É DEUS.
      Quem coloca alguém no poder no Brasil é O POVO!

  165. Seu raciocínio parte de um equívoco. Se a Constituição de um país não prevê reeleição, pode-se pensar em emendá-la e aprovar a reeleição. Porém, quando a norma constitucional VETA reeleição, e é cláusula pétrea, entao, senhor comentarista, a violação de regra é seguida de sanções. No caso de Honduras, PERDA DO MANDATO ou de direitos políticos. Isto, também, é expresso.

    1. O Sr. está certo, porém, quem deve decidir sobre a perda do mandado ou dos direitos políticos é o Judiciários daquele país, não as forças armadas. Então o exercito num, país que se diz democrático, também faz as vezes do Judiciário?

  166. Para quem deseja enxergar, não há mínima dúvida de toda esta hipocrisia. E nem interessa de que lado está o leitor, hipocrisia é hipocrisia e ponto.
    Há pouco Álvaro Uribe também propos reeleição e quase ninguém da impressa deu importância.
    E é sempre assim, se faz parte do clube dos “amiguinhos” ( leia-se, extrema direita, direita ou no máximo centro-esquerda) . tudo bem , pode tudo, nada é condenável.
    O grande problema da nossa elite é que não suporte perder um milímetro de seus privilégios e ataca a todos que os contraria, como se fossem inimigos.
    Triste é ver jornalistas que vendem até sua alma ao diabo para satisfazer os egos de seus patrões, triste é ver jornalistas ( assim como políticos) que enchem o peito para falar de ética, quando não teem nenhuma.
    Triste é ver que a grande maioria dos que criticam e se acham detentores da verdade, não teem o mínimo apego pelo país, odeiam o país e o povo desta terra. Tanto que tudo o que é estrangeiro é melhor para eles e não fazem o mínimo esforço para que o Brasil tenha o melhor.
    Parabéns e sempre Ricardo Kotscho, sua sensatez é até invejável nos dias atuais e são um alento por nos demonstrar que a ética ainda tem sua importância para alguns neste país.

  167. Desde quando, algo que se diz democrático, proibe consulta popular ?
    Todos que postaram criticando o Kotscho tem alguma idéia do que quer dizer, qual o significado da palavra DEMOCRACIA ?
    Com absoluta certeza não sabem, ou se fazem de desentendidos apenas pelo gostinho de poder criticar e defender suas idéias.
    Por favor. PEGUEM UM DICIONÁRIO E VEJAM LÁ O QUE SIGNIFICA DEMOCRACIA.

    1. DEMOCRACIA… regime onde um “tsuname” de vagabundos e incompetentes que não tem inteligencia suficiente para usa-la em algum tipo de trabalho digno e honesto, para ganhar o sustento próprio e da familia, se houver, ludibriam o povo com palavras fáceis e belas (aos ouvidos dos puros) e elegem-se um dos 7.500 vereadores ou 1.078 deputados estaduais ou 600 deputados e senadores, 50% com a ficha mais suja q pau de galinheiro e vão fazer estas belissimas Leis ou Assembleia Nacional Constituintes. Como o próprio Lula disse PICARETAS… ALOPRADOS…Etc. Se isso for democracia… tô Fóra (não do Brasil como alguns ja fugiram certa feita) (FUGIRAM!)

  168. Ricardo, em relação a sua ida a Brotas de Macaúbas, aqui na Bahia, em setembro de 1991, a fim de produzir reportagem para para o JB, que seria um caderno especial, com edição de Zeunir Ventura, e que foi reduzido para apenas para uma página, sobre os últimos dias de “Cirilo” (Carlos Lamarca), o que ainda existe de arquivo? Li trechos do material em: “Do Golpe ao planalto:uma vida de repórter”.
    Estou fazendo mestrado sobre “a luta armada da esquerda baiana contra a Ditadura (1964-1985). Fui lá lá no Buriti Cristalino entre os dias 17 e 20 deste mês. Até o Franklin Martins esteve por lá. Ricardo, do material coletado e que não foi usado jornalísticamente o que você pode liberar para mim?
    Aguardo um contato seu. Sou jornalista aqui em Feira. Fui colega do Luiz Antônio Santa Bárbara, professor Roberto.
    Abraços,

    Wilson Mário Silva

  169. Já enviei comentário, gostaria de saber qual o motivo do mesmo estar aguardando moderação desde as 13:16. Não existe nenhum termo chulo ou ofensa pessoal a ninguém, somente a análise democrática de uma situaçlão que eu ou todo brasileiro que pensa e esclarecido tem o direito de manifestar.
    Talvez o comentário não seja muito favorável ao partido da situação, será por este motivo que o mesmo não está aprovado para divulgação?
    Esperoi sinceramente que não seja este o motivo0, para que sua coluna não seja considerada como anti-democrática.

  170. El Bigondon, voce e todos os Paulistas deveriam pegar papel e caneta e anotar a quantidade de comerciais na TV com a chancela do governo Paulista ( incluso a Sabesp) que é veinculada em todos intervalos comerciais de todos os canais e anotar as do tal pré-sal.
    Façam isso e vejam que gasta mais à toa o dinheiro dos contribuintes de São Paulo.
    Só o que gasta a SABESP em propaganda já daria para transformar o Rio Tiête no mais potável do mundo.

  171. Salve Ricado!
    Ainda há esperança!
    Acho que é por ignorância que muitos – sem perceberem – só para bater no governo Lula – ACABAM APOIANDO UM DITADOR – marionete de golpistas em detrimento de um presidente eleito pelo povo. O Rio já teve governo folclórico, eleito não só pelos mais pobres. Os Estados Unidos já tiveram um Bush que matou e ainda mata inocentes em nome de uma mentira. O Brasil já teve um presidente que rasgou a constituição do Brasil no meio do primeiro ato para garantir um segundo numa peça que era para ser drama mas virou tragédia! Medíocre! E quantos reagiram como reagem agora? A BURRICE faz gente – da imprensa ou não – se tornarem incoerentes na própria Notícias e comentários começam de um jeito e terminam de outro.
    Tem gente que requenta notícia velha desde que de manchete que enfraquece o governo Lula. Mesmo sabendo que tudo já mudou e o tempo está provando que o Brasil age certo não apoiando ditadores! No fim de certos jornais, depois que esperam o espectador dormir vem a notícia recente de que o caminho é endurecer com os DITADORES que já estão fechando jornais, rádios, etc…..
    E se isso estivesse acontecendo aqui?
    Essa gente que tenta fazer parecer que o Brasil age errado estaria contente com o que fazem os ditadores de honduras tendo à frente o seu maiorionete?!
    Vai saber…
    Já teve meios de imprensa e muita gente apoiando ditadura no Brasil com a ajuda de americanos…
    Quem diria?!
    Até o Serra entrou nessa de copiar americano bobo que já já vai ser redicularizado pela ONU.
    Como pode o Serra dizer que o Brasil é culpado?
    Só bobo não percebe esse jogo dos DITADORES DE HONDURAS que feito os de qualquer parte do MUNDO fecham rádios, tv, jornais….
    Talvez Serra tenha esquecido que foi no governo do seu partido que se deu um golpe na democracia com a ajuda de muitos.
    Ou negociar mandato no meio do segundo ano de governo diretamente com aquele congresso não é golpe?!
    ACORDA SERRA!
    ACORDA PSDB!
    OS JOVENS DA PERIFERIA ESTÃO ATENTOS E SABEM QUE O QUE SE FEZ NO BRASIL NÃO É DIFERENTE DO QUE ESTÁ ACONTECENDO EM HONDURAS!
    A história vomita seus cadáveres e os armários estão cheios!!!
    Melhor teria sido que Serra e Aécio – ambos candidatos pelo PSDB – tivessem opinado sobre a crise no senado. Sei. Não dava! O Virgílio o Guerra também estavam com o rabo preso. Desculpem as palavras. Mas não é verdade?
    Será que Serra vai querer ensinar a baixar o dólar em Honduras? Ou o que importa é acertar o Lula?
    Ontem o JN começou com notícia velha. Só no final contou o que de fato já estava acontecendo em Honduras como o fechamento de rádios, jornais… e o tal decreto que já ia ser revogado…
    Esse jogo de Honduras não é para amadores como o Serra e alguns meios de imprensa que já sustentaram ditadores por aqui. Esse é um jogo para o atual governo que tem coragem de bater de frente e mostrar para ditadores que seu tempo é PASSADO! Dá-lhe Lula! Dá-lhe Brasil! Nada de apoiar golpes! Sejam firmes que DITADORES SÃO COVARDES e se encurralados se encolhem e escondem o rabo. Salvo que países vizinhos ou de longe coloquem sua voz e meios de comunicação a serviço de suas TORTURAS!!!
    Hipócritas – Ricardo – é pouco para esses jogadores que não percebem que estão tentando matar a nossa democracia e a dos outros em nome dos seus PODRES PODERES!
    Mas 80 % NÃO SE CALAM e NÃO SE AJOELHAM DIANTE DE MANIPULADORES DE FATOS E NOTÍCIAS!
    Não mais!!!
    NUNCA MAIS!!!
    POIS A ESPERANÇA VENCEU O MEDO!!!

    1. Salete,tudo o que você diz te contradiz…Se tudo aquilo,inclusive o ódio,que você digita está certo e se você tem essa convicção,não há como negar que o Lula seguiu e segue a mesma cartilha. Aonde está o serviço das suas palavras para o povo e para o País? Os “rabos presos”,expressão utilizada por você ,estão em todos os lados da política nacional e não produzem nada. Escola pública e professores jogados as traças,segurança publica inexistente,gente morrendo na fila do SUS ,como sempre!
      Hipocrisia e ingenuidade,no mínimo,são atributos daqueles,que não importam de que lado estejam politicamente,não enxergam a verdade. Ricos e banqueiros cada vez mais ricos e pobres sobrevivendo graças as bolsas sociais e a classe média sendo esmagada e entrando para a zona de pobreza.Aonde está o socialismo? Quem é o culpado, a classe média,sempre chamada de burguesia,mas que emprega e paga seus impostos compulsoriamente? E ainda tem que ouvir calada as intemperies proferidas por defensores do caos?Ou os culpados são sempre os mesmos que negociam com PMDB, Sarney, Collor e etc…Aonde estão as mudanças. Eu pago impostos e não tenho direito a uma saúde decente,nem a segurança pública,nem a escola de qualidade para meus filhos. Tenho que pagar por tudo e ficar cada dia mais “pendurado” nos bancos (como eu disse,cada vez mais poderosos). eU TAMBÉM NÃO TENHO MEDO E NÃO ME CALO e digo fora Lula, fora pseudosocialismo,fora luta de classes. Revolução positiva,voto consciente,honestidade, ética e moral em todos os níveis. Adeus ao “gosto de levar vantagem em tudo certo”…e agora sim,FIM A HIPOCRISIA!

  172. Ricardo, vç pedeu a oportunidade de não falar besteira, veja a constituição de Honduras considera crime qualquer tentativa de reeleição burrice tremenda mas é o que está escrito. No todo não tem mocinho só bandido inclusive os nossos que pusseram o Lula na confusão e não sabem como sair.

  173. o ricardo saiu mesmo do governo lula?parece que agora e o porta-voz.o alfredo sirkis e ex guerrilheiro? e a dilma tambem e ex assaltante?cuidado ricardo senao todo mundo vai saber que a sua saida do governo e de araque e so para abrir mais um espaço de opiniao do pt e do lula.abre os olhos PORTAL IG senao todos vao achar que esse portal tambem esta nessa.ou nao esta?

  174. Olá Ricardo!

    Parei um pouco com os meus afazeres, aqueles que pagam minhas contas, põe leite e pão na mesa, essas coisas, para ler seu blog.
    Li seu texto, li também alguns comentários e fiquei pensando.

    Porque chamanos de Chaves, Evo e outros de populistas, de quererem se perpetuar no poder? é pq eles mudaram a constituição de seus países? Mas como ela foi modificada? Sozinha? Srm apoio de ninguém, nem do povo?

    Penso que se um presidente quer abrir uma conculta popular a respeito de um item da constituição ele deve ter esse direito. O povo deve ter o direito de dizer sim ou não. Acusam alguns governantes vizinhos de fazerem o que querem. Mas o que fazem desgosta a quem? Ao povo ou a quem está fora do poder agora?
    Quando FHC mudou a constituição aqui no Brasil, para se reeleger, ele ouviu o povo? O povo foi consultado em algum momento? Pq não criticaram essa peripécia dele e de sua turma? Onde estavam ou doutores das leis e das coisas públicas nessa época? E até, de que lado estavam? Por que agora se arvoram todos contra os que fazem a mesma coisa? Só um detalhe: eles consultam a população! O povo decide! O povo é soberano! Se o povo aceitar é porque quer que isso aconteça ou somos ingênuos de achar que todo mundo nesses países, é burro, imbecil, ignorante, que não sabe de nada de seu país. Vemos nesses países, com certa frequencia, movimentos populares saindo as ruas, protestando contra isso e aquilo. Não vemos isso ocorrer no Brasil. O povo desses países é pior que o nosso? Porque? Porque saem as ruas?
    Se o povo quer, concordo ou aceita, que se mudem as leis, que se mudem as coisas, que sejam consultados ou reeleitos quem eles quiserem. Na hora que isso não for mais conven iente para o povo, muda-se de novo, Ou não?
    E a nossa imprensa, mídia e tudo mais, deveria ter um pouco de vergonha na cara. Tem jornalistazinho aí, que vive na folha salarial de prefeito, de governador, de deputado e até de presidente. assim como tem órgão de imprensa também. Em SP, qual dos grandes jornais critica a politica estadual? Não moro em SP e vejo attravés da propaganda televisa que o governo Serra é a melhor coisa do mundo. E não é de agora que isso vem sendo veiculado. E não vejo ninguém, nenhum órgão, nenhum juiz (TRE, TSE) falar nada! E quando é laguém do governo que aí está, a imprensa logo repercute algum comentário. Ninguém percebe isso? isso chega a ser nojento. Para um lado pode, para o outro nem pensar. Pois é….e a corrida ainda não foi iniciada. Imagina quando for….Que alguém lá encima nos ajude!

    1. Assim como ninguém fala da ilegal campanha que o presidente vem fazendo de sua candidata há pelo menos seis meses.Ninguém pode jogar pedra.O que o governo federal gasta com propaganda é um verdadeiro absurdo.

  175. Cara, voce é simplesmente apaixonado pelo presidente aloprado do Brasil e seus cupinchas. Se voce desconhece o que diz a constituição de Honduras; se voce não tomou conhecimento de que o ex-presidente foi deposto com o aval do Supremo Tribunal hondurenho, do Congresso e das forças armadas; não deveria está tocando nesse assunto.
    Nem todo brasileiro é dependente do bolsa familia e das outras artimanhas armadas pelo governo petista.

    1. Não sou de esquerda, não existe mais, seria BURRO se fosse… porem Lula é sem dúvida o MELHOR presidente que o Brasil (pobre) já teve. Com a sua politica macro-popular ele conseguiu estreitar a base da piramide em quase 30 Mi de pessoas…é gente pacas. Bolsa familia é piada de mau gosto, talvez tenha sido o seu maior erro, embora p/mim não fizesse a menor diferença 80 ou 100 R$ a mais para a maioria faz. Tivesse havido uma contra partida do beneficiado seria ótimo e sem a cara de quem esta comprando voto. Já morei em locais pobres… é de doer, da vontade de encher de porrada estes politicos sacanas q so querem encher seus bolsos. O pior do Lula não é o português, ingles ou francês é o entorno, os indefectíveis PT e PMDB (e outras cousitas mas)

    2. Fernando Souza,
      Ainda bem que nem todo brasileiro é dependete do bolsa família. Assim talvez, você possa me explicar a diferença entre o golpe contra o presidente João Goulart e o GOLPE contra o Zalaya? Não sei porque perdi meu tempo respondendo isso.

    3. Caro Fernando:
      Iria te sugerir melhores fontes de informação, já que as suas são inteiramente mentirosas, mas depois reli o seu texto- presidente aloprado, etc., etc…; é compreensível.
      Agora sugiro um alerta:Não deixe que pensem por você, aprimore o uso da internet.
      Um abraço

  176. Tudo que NÃO é vermelho,é “elite”. ô povinho !!!
    Kotscho de um lado Miriam Leitão,de outro.
    O certo,SIM ,é que o bigodudo preparava uma eternização
    no PUDÊ.
    Kotscho perde credibilidade a cada dia !

  177. A sua mania de puxar saco de Lula, só porque foi empregado dele, está embotando a sua inteligencia, Zelaia desrespeitou a Constituição que Jurou defender.

  178. Caro Ricardo,

    Em primeiro lugar, gostaria de parabenizá-lo pelo texto. Infelizmente, a Internet está virando conversa de boteco – no pior sentido da expressão. Ela, que poderia ser um espaço privilegiado de discussão, quase uma extensão universitária, mais parece briga de torcida organizada.
    Grupos aderem a uma ou outra posição, lançada por este ou aquele blogueiro ou jornalista e saem distribuindo impropérios àqueles que pensam diferentemente.
    Em relação ao caso Zelaya, uma informação está sendo muito pouco difundida. Creio que ela somente apareceu na Carta Maior – logo no início do problema – e agora no blog do Azenha.
    Essa informação se refere àquilo que seria perguntado aos eleitores na consulta popular que seria organizada por Zelaya. Pois bem, a pergunta era:

    ¿Está de acuerdo que en las elecciones generales de 2009 se instale una cuarta urna en la cual el pueblo decida la convocatoria a una asamblea nacional constituyente? Si / No” (http://foro.univision.com/univision/board/message?board.id=noticias…)

    Ou seja:

    “Você está de acordo que nas eleições gerais de 2009 se instale uma quarta urna na qual o povo decida pela convocação de uma assembléia nacional constituinte? Sim / Não”

    Ora, o que estava em questão era se no dia da eleição (em novembro) – repito – no dia da eleição para presidente, a população votaria por uma Assembléia Constituinte ou não. Ou seja, era uma consulta popular para ver se a população aprovava ou não que no dia da eleição presidencial ocorresse outra consulta para a instalação de uma Assembléia Constituinte. Mas essa Assembléia, se fosse instalada, ocorreria quando Zelaya já havia deixado o poder. E, ademais, nada indica que a reeleição seria aprovada.
    Portanto, diante desses fatos, não havia como Zelaya postular a sua permanência no poder.
    Abraços.

    Henrique Ré.

  179. Por favor,onde estão os meus comentários? Reparei que existe um vácuo entre as 13 e as 16 horas.
    Espero que meus 2 comentários e uma resposta apareçam no blog uma vez que são de “bom tom”, apesar de não concordarem com o autor. Se não, passo a duvidar da lisura do blog.
    Obrigado.

  180. Lendo os posts achei interessante lmbar um fato; uma veiculação em TV em rede nacional é três vezes mais cara do que se veiculada só em SP. Trabalho com isso, e com certeza, vai rolar muita grana de verba de propaganda governamental até as eleições. No mais Honduras é um buraco, bucha, cilada, no qual não deveriamos ter nos metido. Porém a linha que o Itamaraty tem seguido mais parece coisa de maluco. Defendem interesses políticos, mas não o nosso povo que está lá fora, e nem a imagem do país, que continua ruim como sempre foi lá fora.

  181. O que é preciso que se diga é que o povo, esse povo que tem possibilitado mudanças constitucionais, que permitem reeleições infinitas, primeiramente é subornado com todo tipo de assistencialismo, é enganado com propagandas mentirosas milionárias, com projetos que não saem do papel e muita lábia! Por aqui, não me suspreenderia se fossem enganados também por numeros fantasiosos de institutos de pesquisa. Todos sabem que os institutos oficiais (IBGE, IPEA) foram aparelhadas com o pessoal da turma! E não me falem em golpe militar em Honduras. Os militares apenas respaldaram uma decisão da Suprema Corte de afastar o golpista que queria rasgar a Constituição daquele país, a mando de Chavez. Não é àtoa que a comunidade internacional está se lixando para a embrulhada cometida pelo Lulla, a mando de Chavez. Aliás, virou moda o Chavez fazer o Lulla de idiota!

  182. de prima zelaya não é maluco

    em 23/março zelaya por meio de um decreto executivo, marcou uma consulta que seria realizada em 28/junho;
    nos seguintes termos:
    ¿ESTA USTED DE ACUERDO QUE EN LAS
    ELECCIONES GENERALES DE NOVIEMBRE 2009, SE INSTALE UNA CUARTA URNA
    PARA DECIDIR SOBRE LA CONVOCATORIA A UNA ASAMBLEA NACIONAL
    CONSTITUYENTE QUE APRUEBE UNA NUEVA CONSTITUCION POLITICA?

    zelaya, no final de mandato, não teria como aproveitar desta nova constituinte.

    em 23/junho o congresso, muda a regra(com o jogo a todo vapor), e diz que agora
    não pode haver plebiscito, 6 meses antes e depois das
    eleições gerais, logo mandou a consulta do zelaya pro saco

    e…

    28/junho, zelaya foi preso de pijama (no meu caso, seria nu)
    e devosado em Costa Rica.

  183. Ricardo, por favor, meta o bedelho em todos os assuntos importantes, principalmente, os que envolvam o Brasil. Os hipócritas de plantão, da remanescente imprensa marrom, não podem achar que estão por cima da cerne seca e ficar distribuindo bobagens, achando que todos são idiotas. saibam eles, que existe massa pensante e não deixaremos que dominem a opinião pública. Parabéns.

  184. Presidente ” de facto” é hilário. O provecto Estadão perdeu a compustura! Estamos em plena era da hipocrisia. Também quem mandou um operariozinho nordestino se meter a besta e se elegepresidente do Brasile ainda ter recordes de popularidade! Assim a direita não aguenta!

  185. Festival de hipocrisia foi o conteudo de seu artigo acima “crise em Honduras e campanha antecipada”. Forte conteúdo pró-petismo se percebe nele, com aquele velho ranso contra FHC e pro lula; também o que se poderia esperar de um militante petista ex funcionario do governo lula?
    No caso de Honduras o “golpista” é o Zalaya porque ele quiz fazer um plebicito não autorizado pelo Poder Legislativo e depois pelo Supremo Tribunal de Justica de Honduras que, seguindo a Constituição do pais, que não permite a reeleição, negou a autorização ao plebicito e, portanto, manda destituir do cargo quem ousar não respeitar a Carta Magna. O Exercito apenas executou o que manda a Constituição do pais e a Justiça mandou assumir o Presidente do Congresso, que é o atual Presidente.
    Quanto à antecipação da propaganda eleitoral no Brasil só um débil mental acreditaria que não foi o lula quem começou.

    1. Porisso eu voto no Serra, um cara íntegro, honesto, sincero e que nunca, jamais, fez nada de nefasto a ninguém.
      Quem sabe o escândalo das ambulâncias, não aconteceu; o esquema dos sanguessugas da saúde, tb não. Até o caso da grana na empresa da Rosena-Jorge Murad tb não foi obra dele. Quem sabe?

  186. Parece-me que o blogueiro está é querendo uma boquinha no governo de Luis Inácio. Eu aqui no norte não vejo e nem lei matérias sobre viagens de outros candidatos. Comparar a influencia federal com a municipal ou estadual é burrice ou pensar que o povo é trouxa. OUTRA COISA, não cumprir a Constituição por qualquer autoridade, seja no passado, no presente ou no futuro deveria sim ser punida.
    roberto batista

    1. Senhor Roberto: se tiver uma antena parabólica em casa, ou na vizinhança, coloque em algum canal de SP. Aí você vai ver. Aqui no Sul, eles estão atacando na TV o tempo todo. Coloque na BAND só pra dar uma espiadinha….

  187. Parece que o fantasma do Sr. Roberto Marinho continua pairando sobre as Organizações Globo, afinal de golpe , ditadura etc , este Sr. entendia e muito. É um absurdo que não tenha um jornalista desta organização que se refira aos que tomaram o governo como GOLPISTAS.
    Ivan

  188. É lamentavel sacrificar sua credibilidade com uma argumentação tão pobre de analise como essa. Se o governo Lula quer de fato ensinar o que é ou não democracia para os latinoamericanos porque não começa com o Hugo Chavez, com o Evo Morales ou com o casal Kirchner?? Penso que o Lula gosta destes tipos, como o Sr. Zelaya, um fanfarrão, a seu modo muito parecido com o nosso presidente. Lamentável seus patrocinadores sr. Kotscho.

  189. É facil de entender a Logíca de um Petista, Disimulado, o senhor diz que la est´a maior confusão mas dá veredictos precisos segundo o seu raciosinio, o Zé Laia foi eleito , pronto pode TUDO, todos os paísis teem reeleição , só que em Honduras a constituição Proibe e proibe mudar , se tentar está DEMITIDO , está escrito e bem CLARO. Agora se o motivo de apoio é ter cido Preso de PIJAMA porque não defenderam com a mesma Veemencia o Celso Pita ?, Vocês são uns cara de pau disimulados de Democratas , no mesmo dia que o “lula” defendia o Zé Laia , apertava as mãos de DITADORES mundo a Fora.

    1. A justiça condena, mas é a polícia que prende.

      A suprema corte de um país, e muito menos um congresso, jamais vai caçar condenados, isto é tarefa das polícias e/ou do exército (que abusou neste caso).

      Se precisar posso desenhar para você.

  190. Armadilha de jornalista,bem experiente, para defender seu ponto de vista . Utiliza-se de uma manchete importante para chamar atenção, defende o Governo Lula com unhas e dentes como se estivesse apenas dando uma opinião mediadora e emenda com outro assunto para acabar “discretamente” com seus opositores. Como a possibilidade de uma guerra civil não bate à sua porta, então vamos escrever algumas”linhas” sobre a hipocresia, afinal o que tem de mais um país ajudar a incitar uma guerra civil em outro.

    1. Quem está incitando guerra civil?
      Conta!
      Não estamos sabendo.
      Sei. Preferes uma ditadura que tortura e vai matando aos poucos. Até o dia em que chegam na sua casa e levam seus filhos, pais, amigos….

  191. Kotcho
    É muito besteirol mesmo!
    O Brasil se meteu numa fria ao abrir as portas da Embaixada em Honduras. Até aí concordo.
    Mas a turma anti-Lula cria cada notícia que até Deus duvida. Alguns até repetem os termos da Constituição Hondurenha como se fossem altamente conhecedores dela. Eles querem defender o que o mundo inteiro recriminou (não foi só o Brasil não, foi o mundo inteiro!). Eles agora leram alguns textos da Constituição Hondurenha publicados pelos meios de comunicação e se consideram “doutores no assunto”.
    Pergunte a qualquer um deles eles conhecem os termos da Constituição do Brasil. Se eles forem sinceros você irá morrer de rir.
    Pergunte a eles se eles concordaram com o 3º mandato do Uribe (eu não vi ninguém criticando ou colocando em letras garrafais na 1ª página com direito a reportagens do tipo “da pag 3 até a 9” sobre aquele 3º mandato. Não fizeram nenhum comentário porque lá o 3º mandato é de alguém do Grupo deles. Aí pode e deve ser aplaudido!
    Difícil mesmo será esta turma aguentar ler, em futuro próximo, pesquisas e publicações mostrando o atual Governo como o melhor dos últimos tempos, aquele que resgatou nossa auto-estima, nossos valores, que melhorou muito a relação entre pobres e ricos, que nos elevou à categoria de potência, que nos colocou em condições de sermos mundialmente elogiados e de termos deixado para traz a condição de “país do futuro”
    Nos governos anteriores isto não aconteceu porque a roubalheira era de tal ordem que o país sequer conseguia crescer. Eles enriqueciam cada vez mais os 1% da população e deixavam os pobres cada vez mais pobres. Salário mínimo…não chegava a 100 dolares quando reajustado.
    E ainda existe gente achando hipocrisia a política do pre-sal que é uma riqueza nossa e não deve ser entregue nas mesmas condições que o FFHH entregou àqueles que só fazem explorar o país.
    As grandes reservas de petróleo do mundo (cerca de 84%) são exploradas da forma como o Lula quer e esta turma ainda quer transferir estas riquezas, de mãos beijadas, aos grandes tubarões apátridas.
    Isto não é hipocrisia não, isto é entrega mesmo!
    Kotcho esta turma não vai entender nunca porque 81% dos brasileiros apoiam o Lula.
    É muito difícil mudar esta cultura elitista que se encontra encastelada há décadas nos vários Órgãos da sociedade organizada do Brasil.
    Fazer alguma coisa pelos pobres é um horror para eles. Quando alguém se dispõe a isto, eles parecem perder o norte e saem atirando em todas as direções.
    Afinal o Governo (na opinião deles) deve servir somente aos grandes. Ao povo restaria somente o dever de pagar as contas.
    Vamos em frente que a hitória mostrará a grande guinada que o Brasil teve a partir de 2003, para desespero deles.

    1. Sr. Carlos

      Não defenda a bandeira do PT, como se estivesse defendendo a bandeira de um clube de futebol. As consequencias dos atos de cada parte são imensuravelmente desproporcionais.
      Se o Sr. realmente acredita que vivemos uma “igualdade social”, sugiro-lhe caminhar pelas filas do INSS, SUS e supermercados para saber o que pensa a massa “OPERÁRIA”, pois o que a “elite” pensa, esta estampada nos meios de comunicação como publicidade paga.

  192. Continuo afirmando: Um presidente que sabe enfrentar crises, isto é estar preparado, teria fechado a embaixada na hora do golpe e chamado seus diplomatas de volta para a segurança deles mesmo. Agora quis dar uma de salvador da pátria (Sassá Mutema) e se lascou, está com um abacaxi nas mãos. Que tal antes de salvar a pátria dos outros, tratar de salvar a nossa pátria que está a beira de ser governada pelos traficantes e outros marginais. Se o governo de fato invadir a embaixada e matar o Zelaya e se por acaso também um dos diplomatas quero ver qual a desculpa esfarrapada que o planalto vai dar. Certo foi a afirmativa do embaixador americano. Tudo isto foi uma irresponsabilidade. (patrocinada pelos amiguinhos Chavez, Lula e quem sabe alguns outros) Quem gostou, gostou quem não gostou que vá pra Honduras servir de segurança de embaixada. O problema é de Zelaya e do povo de Honduras e não do planalto. Deixem Honduras para os hondurenhos e resolvam os nossos problemas, que não são poucos.

  193. Esse colunista devia se aprofundar mais no assunto antes de emitir opinião equivocada e fora de propósito, principalmente quanto ao que reza a constituição de Honduras sobre reeleição.

  194. O colunista deveria conhecer mais o assunto antes de emitir opinião, principalmente no que tange ao artigo da constituição de Honduras que legisla sobre reeleição.

    1. Caro Celso:
      O seu conselho serve prá muitos, inclusive prá você; procure melhores informações na internet, ela serve prá isto.
      Como este imbroglio cucaracha já está entre nós há alguns dias, não é admissível que você continue com este seu ponto de vista.
      Um abraço

  195. Kotscho convenhamos ….é claro que não fecharíamos as portas da embaixada brasileira, porém levarmos esse “lunático” até lá foi muito pra cabeça.
    Acho que o nosso presidente esta sofrendo de um grande mau……..ele esta se achando “acima do bem e do mau”, as pequisas de opiniam pública lhe favorecem, porém ser o senhor dos senhores isso é grave. O que ele não percebe é que esta sendo uma “marionete” de Dom Hugo Chaves, que com certeza neste instante esta rindo a toa, pela “emboscada” que o Brasil foi se meter….. E mais convidar o ilustríssimo senhor do Irã para visitar o Brasil….não deixa dúvida de sua insanidade que o levou essas pesquisas.

    1. Conta. Vai. Conta.
      Quem levou o “lunático” para lá?
      Quem colocou o marionete para falar em nome dos golpistas já sabemos. Agora quem foi do Brasil que colocou o homem lá na Embaixada? Quem? Conta!

  196. O que eu não entendo, é o lula dizer que o governo atual de Honduras é uma ditadura e nada fala sobre o governo ditatorial, que se prolonga por décadas, em Cuba, do “cumpanheiro” Fidel Castro, e agora, Raul Castro.
    Quer dizer: ditadura de esquerda, pode. Ditadura de direita, não pode.

    1. A revolta festiva dos mediocres… PODE; até paredon PODE;
      fechar imprensa…PODE; Vc não vê que tem idiota até hoje com camiseta ou bandeira do che”mercenário”guevara? Em tempo: lhe G a r a n t o que o Lula NUNCA foi comunista, sempre fez tipo. Ser Presidente do Brasil… não é pouca coisa. Portanto BURRO ele nunca foi.

  197. Já li comentários seus muito menos tendenciosos do que este.Partido do item da constituição de Honduras que diz(certo ou não é problema deles) não poder existir continuidade no mandato,todo o seu comentário passa a ser tendencioso para um lado.

  198. Seguem trechos de artigo assinado por PAULO CÉSAR NEGRÃO DE LACERDA para o site conjur:

    “…diante da divulgação do posicionamento de operadores do direito, inclusive aqui no Brasil, no sentido de que não se estaria diante de um Coup d’Etat, mas, sim, de um inocente e normal processo de sucessão constitucional, parece oportuno acrescentar algumas reflexões e argumentos de índole jurídica.

    Primeiramente, é preciso esclarecer que, ao contrário do afirmado alhures, e ao revés do que ocorre em várias ordens constitucionais, não cabe ao Congresso Nacional de Honduras examinar se há motivo para a instauração de processo contra o Presidente da República. É que o dispositivo constitucional que previa tal atribuição (artigo 205, 15) foi revogado pelo Decreto 175/2003, de 28 de outubro de 2003. (…)”

    “…Impossível o exercício da ampla defesa ou, mesmo, qualquer defesa se o acusado é inconstitucionalmente exilado (cf. o artigo 102 da Constituição de Honduras) logo após sua prisão, que, também, restou decretada sem a mínima chance de defesa. Em verdade, tudo leva a crer que o presidente só descobriu a existência do pedido de prisão quando a decisão que a deferira já estava a ser executada, pois o processo tramitou sigilosamente até aquele momento, segundo comunicado da Justiça de Honduras.(…)”

    (…)O grau de desrespeito ao devido processo legal ocorrido nesse episódio é máximo. Não houve ampla defesa, nem contraditório e o exílio forçado garantiu que não houvesse acesso ao judiciário.(…)

    E então, defensores do “devido processo legal”?

    Ainda acham que Zelaya foi impedido “democraticamente”, e que o governo que o sucedeu é “legítimo”?

    Engraçado como acusam Ricardo Kotscho de não saber ler, quando na verdade quem não se informa (ou preferem não se informar) são seus acusadores.

    ACHAM QUE UMA VIDA DE JORNALISMO SÉRIO E DE ALTO NÍVEL RESUME-SE A UMA INGENUIDADE CÂNDIDA, QUE RICARDO KOTSCHO NÃO SABE NADA, AO CONTRÁRIO DOS SEUS CRÍTICOS, QUE SEMPRE PARECEM “DONOS DA VERDADE”.

    Uma coisa é não gostar de Lula, outra é ignorar os abusos cometidos pelo governo golpista hondurenho só para criticar o legítimo recebimento, na embaixada brasileira, de uma vítima (nesse caso em particular, não beatificando Zelaya) de várias afrontas à democracia.

    Procurem pensar sozinhos, não sejam ovelhas que enxergam tudo branco e preto.

    1. O RK sabe,e muito,mas a besteira que ele escreveu tem objetivos excusos,esse assunto honduras serve principalmente para ocultar a derrota do Brasil p/ Unesco.Deu tudo errado.

    2. Falou entendidão … me explica então como pode sr. Zelaya ficar na sacada da embaixada brasileira convocando o povo a desobediencia civil???
      E tem mais, o Zelaya quis resgatar as urnas para impor o plebiscito depois da recusa do exército em fazê-lo, ai já configura a tentativa de golpe. E o processo legal só teria corpo com sua destituição e prião conforme a Constituição que é a Lei soberana.

  199. Vocês “constitucionalistas de última hora”, como bem dito por um colega aqui no blog, sabem o que significa “poder constituinte originário”?

    Pois foi esse poder que Zelaya quis invocar por consulta popular.

    Sabem o que significa uma cláusula pétrea para o poder constituinte originário?

    Procurem saber, caros “juristas de ocasião”.

    O poder constituinte ORIGINÁRIO, como o próprio nome diz, origina uma constituição, ou seja, recomeça do zero.

    Se for a vontade do povo (e, portanto, democrática), as cláusulas pétreas de uma constituição são abolidas pela nova constituição, e novas podem ser criadas.

    Isso é básico.

    Mas os “entendidos” não podem perder tempo com questões “básicas” como essa, não?

    Saudações.

  200. Boa noite!

    Parece-me que você só não entendeu um pequeno detalhe de toda essa confusão: a CONSTITUIÇÃO de Honduras não permite que essa mudança na constituição seja proposta pelo executivo. Qualquer proposta desse tipo de mudança tem que partir do legislativo, o que não foi o caso. Quanto a sua pergunta: que mal haveria nisso? lhe respondo: TODO MAL, pois se não, para que teria-se uma constituição, bastaria ter-se um presidente eleito e mais nenhum dos outros poderes. Vltariamos ao absolutismo.

    Abraços

  201. Devia mesmo ficar sem meter o bedelho e antes de escrever tantas asneiras entre no site do Supremo de Honduras leia todas as decisões e sentenças dos juizes e verá que o Sr, Zelaya é um grande salafrário que ignorou a constituição de seu Pais e sua destituição do cargo de presidente foi pedida pelo Ministério Público de Honduras e houve um processo normal pelos canais juridicos competentes que finalmente foi julgado procedente pelo
    Supremo.
    Agora a esquerdinha festiva brasileira em nenhum momento menciona estes fatos e sim ficam chamando de golpístas e desqualificando os substitutos.
    Ontem a declaração do embaixador americano que chamou de IRRESPONSÁVEIS o Sr, Zelaya e os que ajudaram na sua volta ao Pais é um sinal que devemos respeitar os atos juridicos e a legalidade do governo Hondurenho.
    Quanto ao nosso querido e respeitado Itamarati o Sr. Celso Amorim que faz parte desta esquerdinha festiva juntamente com o aspone Marco Aurélio estão jogando na lama uma das mais respeitadas instituições.
    LAMENTÁVEL.

  202. O Zalaya tentou mudar a constituição e está bem claro que não pode, os políticos eram contra, a corte suprema de lá também julgou como sendo inconstitucional, e os militares após isso, não aceitaram. Sendo assim o Zalaya é que tentou dar um golpe, ao tentar mudar a constituição na marra, mesmo a corte suprema tendo dito que era errado. O verdadeiro golpista é ele, que tentou peitar o congresso, a justiça e os militares. CUIDADO COM O QUE VOCÊS ESCUTAM NA MÍDIA, procurem saber de todo a trama.

  203. A Constituição de Honduras, reza que o mandato do presidente é de 4 anos e não pode haver consulta ao povo para saber se ele pode ser reeleito.
    Se Zelaya “peitou” a Constituição, deveria ser preso e deposto, como foi feito. E o problema é do povo hondurenho..
    Se no Brasil, não se respeita a Constituilção, e politicos poderosos, não são punidos,muito menos presos ,e continuam posando de democrtas,é problema nosso.Pois não sabemos votar, e consequentemente, os maus políticos colocam pessoas incompetentes na mais alta Corte..

    1. Sabes quem eram os políticos que elaboraram a constituição de Honduras que tomou essa decisão DEMOCRÁTICA de impedir consulta ao povo sobre reeleição:
      Agradeço a informação.
      Quanto a não saber vota discordo,
      Talvez os médios medianos medíocres e certas elites não saibam votar. Ou votem pensando apenas nos seus interesses. Já o povo – o mais carente que votou no Lula e no PT é – e te provo – VOTO CONSCIENTE! Aliás: graças ao PT os mais pobres aprenderam que política partidária é direito de todos. Penas que uns hipócritas tentem de todas as formas destruir o presidente o partido que o POVO ESCOLHEU DEMOCRATICAMENTE.
      E não me venham com mensalão?
      Eu sei quem criou o monstro. Lamento que o PT tenha cometido o pecado de copiar essa coisa dos governos anteriores. Mas também sei o preço que pagou para ser passado a limpo. Por isso ainda prefiro o PT. Quero ver se os outros resistem no dia em que estiverem sobre fogo cerrado de podres poderes e não apenas dos que se acham santos.

  204. os senhores que com tanta prepotência e autoridade afirmam que esse ótimo colunista deveria se informar a respeito do que diz a constituição hondurenha a respeito da reeleição, deveriam também procurar na mesma o artigo que fala a respeito do banimento do presidente que propõe a mudança. Se encontrarem, retiro o meu chapeu.

    1. Essa é fácil.
      Zelaya foi acusado de: “Crime de atentado contra a forma de governo”, “traição à pátria”, “abuso de autoridade”, “usurpação de funções em prejuízo da administração pública e do Estado”.

      Tudo isto baseado no artigo 313 da constituição Hondurenha.

      Não há o que discutir, deveríamos tentar descobrir porque tantos veículos de mídia e tantas instituições de caráter mundial estão tentando encobrir algo tão óbvio: Zelaya caiu legalmente porque cometeu ilegalidades

  205. Prezado Sr. Kotscho

    Começou muito bem seu comentário sobre a situação que envolve Honduras, até o instante em que o Sr. resolve fazer críticas as condutas, tanto da situação, quanto da oposição daquele pais.
    Quando não conhecemos os hábitos de um povo, temos até o direito de opinar sobre sua conduta dentro de seu território, Porem não podemos e não devemos, de forma alguma, interferir, dentro de seus limites territoriais, para impor as soluções que nos convenham.
    Ao que me consta, segundo declarações de diplomatas Argentinos, a legislação vigente naquele pais, proíbe a atitude tomada pelo Sr. Zelaya, quanto a mudança na constituição, para que fosse possível sua reeleição e a perda do mandato, seria a punição imediata para tal ato. Sendo assim, não nos resta outra atitude quanto “vizinhos” de Honduras, a não ser aguardar que eles resolvam seus problemas internos dentro da legislação deles.
    Lamentavelmente, vilipendiando os mais puros anseios democráticos, alguns “governantes” , defendendo seus interesses pessoais, estão violando a soberania de uma nação e o direito de seu povo, para impor suas vontades.
    Reitero que, quem tem que decidir quem será o Presidente de Honduras, seja o povo Hondurenho, que tem a mais pura e imensurável soberania para decidir sobre o destino de seu pais e arcar com as consequencias de seus atos.
    Se não tenho o direito, quanto cidadão, de decidir quem deve ou não morar na casa ao lado da minha, como pode um governante, de qualquer que seja a nação, decidir quem deva ser o presidente de outra nação.

  206. Caro Ricardo,

    Uma correção: o presidente Zelaya propôs um referendo para votar o instituto da reeleição para o mesmo dia da eleição do novo presidente. Logo, ele não poderia querer “fazer uma consulta popular para poder se candidatar à reeleição”.

    Vê-se aí a verdadeira desculpa dos golpistas, tal qual os nossos golpistas lançaram o boato de que Jango estaria fora do País, dando margem à declaração de vacância do cargo de Presidente, nos idos de 1964.

    Sugiro que você corrija o seu texto nesse ponto, visto que não observa a verdade factual. No mais, está excelente.

    Aliás, foi impressionante ver sua amiga Marina Silva no Roda Viva dizer coisas como “Lula deu seguimento à política econômica de FHC” ou “não cabe discutir o pré-sal agora, pois o dinheiro só chegará daqui a 15, 20 anos”.

  207. Esse negócio de 2010 quem começou foi o próprio chefe, com a candidata dilma, salvo melhor juizo, sem credenciais urriculo para tanto. Não teria sido FHC quem alterou a constituição. Terá sido em seu benefício. Você se lembra do exemplo de Ragon? “Caesar pontem fecit”… Por acaso teria ouvido as declarações do canditado Ciro? Pura burrice, em forma de cultura.

    1. Manda lá um milhão em meu benefício. Fico calada feito o FHC!
      E faço um Café Filosófico e Cultural com esse dinheiro para adolescentes pobres que estão querendo entrar na política partidária.

  208. Esse “bando'” de tucanos que ficam a todo momento citando a constituição Hondurenha, são verdadeiros ventríloquos repetem sem um mínimo de racionalidade o que a imprensa brasileira diz: Convocar Assembléia Nacional Cosntituinte (foi o que Zelaya fez) está perefeitamente dentro da lei em qualquer pais do mundo. O que eles não conseguem explicar, por não terem racionalidade, é que FHC mudou a constituição do Brasil (com s) sem nenhuma consulta ao Povo e tão pouco convocou plebiscito ou assembleia constituinte para alterar as regras do jogo. O que ele FHC, instituiu a maior fraude que este pais já viu, e estes “entendidos” da tucanalha vão ter que levar esta para o tumulo.
    Kotscho : Valeu sobre o artigo.

    1. Caro Marco Antonio, não existe uma Constituição Universal, a brasileira édiferente da americana, por exemplo. A Constituição é a Lei soberana de um país e na hondurenha, vigente desde 1982, não há dispositivo algum que permita a consulta sem a aprovação da Corte Suprema do Congresso. O Sr. Zelaya tentou, não teve aprovação e resolver rasgar a Carta. No Brasil oq fez FHC é permitido, como seria também se o Lula tentasse aprovar um terceiro mandato.

    2. 1° Citar a Constituição Hondurenha é o lógico, e principalmente HONESTO a ser feito; bater na tecla da razão é ter razão, chame de ventríloquos ou o que mais quiser.
      2° A emenda da reeleição foi um ato legal, não havia qualquer cláusula pétrea na Constituição que proibice, ou considerasse crime a propositura da emenda ao congresso, diferente de Honduras. O que poderia ser mais racional do que isso? hehe
      3° “maior fraude de todos os tempos” ou “quebrou o país” requer uma imaginação fértil e delirante, bem distante da realidade; levarei para o túmulo apenas coisas concretas como: o REAL- tão real quantos as moedinhas ali no fundo do criado hehe; ou a Lei de Responsabilidade fiscal que posso ler o corpo da Lei em qualquer vade mecum… enfim, coisas concretas, sem exercícios de imaginação

  209. Se nos dias de hoje Jesus Cristo estivesse no mundo sendo acusado injustamente e o Presidente Lula fizesse a sua defesa, com certeza a Rede Globo, Folha, Estadão, PSDB, DEMO, PPS, Veja, Rádio Jovem Pan, Rádio PSDBand, SBT, TV Gazeta gritariam: CRUCIFICA-O, CRUCIFICA-O, CRUCIFICA-O.

    1. Não é assim, Joaquim… votei 4 vezes no Lula, me acho no direito de falar o que acho… O LULA É MUITO MAL ACOMPANHADO. (quer a lista? pensa…)

    2. Pô, Joaquim Machado, muito parcial seu comentário. Por essa ótica, então, Lulla não deve ser criticado por apoiar, publicamente, o terrorista italiano dando-lhe abrigo, o Severino, beijar a mão do Jáder Barbalho, fora outra idiotices ululantes que disse quando defendia os mensaleiros e outros assaltantes dos cofres públicos quando pegos com a mão na massa? VIVA SÃO LULLA !!! Ah, pelamordedeus!!! Mostre-me alguém digno, honrado que tenha sido protegido por Lulla? Nem com o Hubble se encontra ! Basta olhar a alcatéia com quem ele convive!( Com o perdão dos lobos)!

  210. Olha Ricardo vc disse coisas que eu concordo em termos, essa hipocrisia da oposição de ser “raça ariana” é um Porre! A manipulação da mídia de sempre colocar o governo do Presidente Lula como errado é um outro “pé no saco!” ( me desculpe o termo), contudo acho que em momento algum o Brasil errou, o Continente Americano, principalmente a América Latina, passou por períodos ditatoriais em vários países e isso nunca contribuiu p/ a liberdade do indivíduo. O nosso Brasil, passou por algo semelhante qdo Jango foi usurpado de seu poder como presidente. Agora perunto eu, quantos não lutaram e morreram p/ que a democracia não fosse restituída ao nosso país? Quantos brasileiros não quiseram apoio de outros países no combate a ditadura?
    Demorô p/ o Brasil mostrar a imensidão de sua nação! A oposição, a mídia pode criticar as ações do governo, contudo o Brasil está onde deveria estar!
    O Brasil é uma potência na América, só não vê isso quem não quer, ou possui um pesamento limitado e tacanho! Não há com o ele se esquivar de medidas e ações que devem ser adotadas por um país com as potencialidades das quais possui, se o Brasil não fizer esse papel outro o fará, não deve ser mais intimidado por país nenhum, chega de atuar na segunda divisão qdo possui recursos p/ atuar na primeira.
    Acho que vc falou besteira em relação ao Zelaia, não digo que ele seja um brilhante político,mas suas ações em nada acho que são atrapalhadas, ele é um presidente legitimado pelo voto que foi usurpado do seu poder por golpistas da elite, é fácil desmerecer uma pessoa qdo ela não está lá em cima.

  211. O pior é que a gente vê uma mentira sendo inventada para esconder a anterior e isso tem virado uma bola de neve, mas, quase sempre a verdade acaba sendo exposta!
    A mentirobras está bem representada mas não tem programa de computador que consiga enganar o tempo todo.

  212. Querido Kotscho,

    Concordo com o comentário do Marco Antonio das 19:04, o SEU artigo foi de tal relevância que incitou todos nós a começarmos a pensar melhor sobre tudo isso que aconteceu, mas que ainda não tínhamos entendido muito bem.
    Sempre sobra para alguns mais corajosos como no seu caso, de apresentar este artigo tão correto com tanta simplicidade, fazendo com que todos os que o lerem ENTENDAM…
    Então meu amigo, PARABÉNS !!!
    Um grannnnnddddde abraço,

  213. Para os brasileiros que não respeitam a lei, e querem levar vantagem em tudo, assistir a um presidente ser derrubado do poder pelo supremo tribunal e militares porque não a respeitou a cláusula pétrea de sua constituição que proibe mudanças, parece violência e ditadura, sequer sabe que a constituição brasileira permite emendas, desde que aprovada por maioria de 2/3 dos senadores e 2/3 dos deputados, se não sabe esse detalhe, não comente politica,fale de futebol,novela, coisas do cotidiano.

  214. Nao temos mais embaixador em Honduras. Quando do golpe, o governo brasileiro determinou seu retorno ao Brasil, por isso, nao temos mais representação diplomatica naquele pais, por isso, era perfeitamente possivel a recusa. O Brasil, mais uma vez, fez o jogo do Chaves, e se envolveu em uma grande enrascada ao permitir a entrada de Zelaya no prédio de nossa embaixada, que está servindo apenasd e quartel general, pois de nada serviu para solução da crise.

  215. O problema é mais embaixo: Acontece que neste tipo de democracia, pelo voto popular, o povo, lenta e gradualmente, vai impontdo seus líderes e isto tem incomodado a direita (DIGA-SE: OLIGARQUIA SECULAR) na América Latina e, por extenção, ao interessado maior, EUA. Portanto, nada impede de se supor que este imbroglio não seja um balão de ensaio para colocarem os “cholos” em seus devidos lugares. A história se repete.

  216. CARO KOTSCHO, SE O SENHOR É ADEPTO PETISTA E DECIDIU APOIAR A TREMENDA BESTEIRA PRATICADA POR ESSES INCONSEQUENTES E INCOMPETENTES LULA E CELSO DE DAR ABRIGO A UM DESEQUILIBRADO MENTAL ZÉ LAYA DIZENDO QUE NÃO VE PROBLEMA ALGUM EM DISPUTAR UM TERCEIRO MANDATO. EU ATÉ QUE CONCORDARIA DESDE QUE FOSSE UM PRESIDENTEINTELIGENTE, COMPETENTE, SERIO, HONESTO, IMPARCIAL, QUE NÃO COMPACTUASSE COM FALCATRUAS, NÃO ACOBERTASSE FASCINORAS,

  217. Estranho que o site IG se refira ao governo golpista de “governo de fato”, isso e o “governo interim” do casal Bonner são a verdadeira demagogia que rola.
    Democracia não conquista com golpes de Estado em governo eleito por voto universal, essa é a questão que o IG, a Globo e demais canais e emissoras de massa se negam a enfrentar.
    Na verdade é porque lá no fundo ainda esperam que um dia possam legitimar um golpe aqaui mesmo no Brasil.

  218. O Representante americano fez um comentário um pouco decepcionante para os governo brasileiro, que esperava continuar sendo o CARA, todavia parece que mudou o discurso. O Facto é que o Lula está embrulhado nessa trapalhada e corre sério risco de ver sua imagem de conciliador arranhada, além de correr riscos aqui no país, por ter concordado com atitudes e gestos que desrespeitam o art 4. da constitiuição federal do Brasil, e que prevê como castigo até um processo de impeachment!

  219. Há em tudo isso uma moral torta ou uma tentativa tosca de defender os dois lados. Respondendo sua pergunta, sr. RK, a Constituição de Honduras não previa nenhuma forma de reeleição e a Lei não poderia ser mudada sem a a autorização da Corte Suprema e do Congresso. E a consulta que o Zelaya tentou fazer foi negada por ambas. Será q é tão difícil entender isso?? Faltam óculos ou descencia para tanto?? Talvez voltar às aulas de compreensão de texto ajudaria.
    Quanto ao fechamento da imprensa, Hugo Chavez fez pq quiz se vingar de seus opositores e fez também para calar as vozes q o acusavam de nova tentativa de perpetuação no poder depois de ter perdido o primeiro Plebiscito. O tiranete bolivariano da Venezuela, que Deus ajude os venezuelanos, tentaria quantas vezes fosse necessário um Plebiscito q referendasse suas ambições de governo eterno. No caso de Honduras as radios fechadas estavam dando vozes um cidadão com ordem de prisão que incitava a desordem civil ilegalmante instalado de dentro de uma embaixada.
    Mais um “deslise” de suas colocações, o Itamaraty não busca solução pacifica coisa nenhuma. O infeliz e mal intencionado Celso Amorim, falando em nome do Brasil, não aceita forma alguma de conversa, não aceita novo pleito eleitoral em Honduras como se isso fosse uma decisão dele. O Brasil se seguisse as leis internacionais e honrasse a conduta de nossa diplomacia ao longo da história enquadraria o sr. Zelaya mandando o mesmo enfiaro rabo no meio das pernas e ficar de bico calado e decretaria a condição desse senhor como exilado politico. Deveria também expulsar a sua corja de acompanhates que incluem até padres salvadorenhos e agitadores sandinitas que literalmente conquistaram uma parte do território brasileiro. Como não o fez, o sr. Amorim agora está descumprindo leis internacionais e a própria Constituição brasileira.
    O único erro dos pobres hondurenhos foi ter expulsado ou deixado sair o cowboy bananeiro dos bigodes pintados ao invés de prende-lo como mandava a lei.

  220. Kotscho:
    Talvez possa ajudar ao correto entendimento:

    Consultor Jurídico
    Texto publicado segunda, dia 28 de setembro de 2009

    Constituição foi usada para legitimar golpe
    Por Paulo César Negrão de Lacerda

    Na manhã do dia 28 de junho de 2009, um domingo, militares invadiram o Palácio Presidencial, com fundamento em uma ordem judicial que determinara a prisão do Presidente da República, Manuel Zelaya. Essa ordem judicial, por seu turno, decorria de um pedido formulado pelo Ministério Público de Honduras (Fiscalia General del Estado) em 26 de junho de 2009, perante a Corte Suprema de Justiça daquele país.

    O Presidente, ainda trajando pijamas, foi colocado pelos militares em um avião que o levaria para a Costa Rica.

    Naquele mesmo dia, o Congresso de Honduras ouviu a leitura de uma suposta carta de renúncia, que foi prontamente aceita. No entanto, o decreto, editado já no dia seguinte, destinado a formalizar a deposição do Presidente Zelaya, não citava a dita carta de renúncia (denunciada como falsa por Zelaya), mas a alegada violação de vários dispositivos constitucionais, sem, curiosamente, citar o famigerado artigo 239 da Constituição, adiante examinado.

    A inusitada velocidade com que o Poder Judiciário de Honduras decretou a prisão de um Presidente eleito e em pleno exercício do cargo, as quase anedóticas circunstâncias de sua prisão, seguida do absolutamente inconstitucional exílio forçado do Chefe do executivo, além do aparecimento/desaparecimento de uma suposta carta de renúncia, já são fatores bastantes para despertar nos espíritos mais atentos a desconfiança de que, como diria um certo príncipe dinarmaquês, há algo de podre na República de Honduras.

    Mas, diante da divulgação do posicionamento de operadores do direito, inclusive aqui no Brasil, no sentido de que não se estaria diante de um Coup d’Etat, mas, sim, de um inocente e normal processo de sucessão constitucional, parece oportuno acrescentar algumas reflexões e argumentos de índole jurídica.

    Primeiramente, é preciso esclarecer que, ao contrário do afirmado alhures, e ao revés do que ocorre em várias ordens constitucionais, não cabe ao Congresso Nacional de Honduras examinar se há motivo para a instauração de processo contra o Presidente da República. É que o dispositivo constitucional que previa tal atribuição (artigo 205, 15) foi revogado pelo Decreto 175/2003, de 28 de outubro de 2003.

    Assim, aparentemente, tendo em vista o disposto no artigo 313, 2, da Constituição em foco, cumpriria ao Poder Judiciário processar e julgar o Presidente da República.

    Contudo, o simples fato de a Corte Constitucional deter a jurisdição para processar e julgar o Presidente da República não significa, evidentemente, que não esteja submetida aos princípios e dispositivos constitucionais em vigor.

    A Constituição de Honduras garante em seu artigo 82, como seria de se esperar em uma carta democrática, o direito à ampla defesa e o acesso ao Poder Judiciário. Contudo, a prisão do Presidente restou decretada em um domingo, apenas 48 h após seu requerimento pelo Ministério Público, deduzido em uma sexta-feira.

    Esse fato demonstra o desapreço pelo princípio da ampla defesa, totalmente inviabilizada, até porque o Presidente, já preso, restou deportado imediatamente, sem que se tenha notícia, ao menos, da instauração de processo criminal contra os militares responsáveis por esse ato de truculência.

    Impossível o exercício da ampla defesa ou, mesmo, qualquer defesa se o acusado é inconstitucionalmente exilado (cf. o artigo 102 da Constituição de Honduras) logo após sua prisão, que, também, restou decretada sem a mínima chance de defesa. Em verdade, tudo leva a crer que o presidente só descobriu a existência do pedido de prisão quando a decisão que a deferira já estava a ser executada, pois o processo tramitou sigilosamente até aquele momento, segundo comunicado da Justiça de Honduras.

    Para que aqueles que não possuem formação jurídica possam ter uma idéia do tamanho da violência perpetrada, basta lembrar que o processo judicial que julgou a inconfidência mineira levou três anos para a leitura da sentença em 1792 e que, somente após a sua leitura, os condenados ao degredo foram levados à África.

    O grau de desrespeito ao devido processo legal ocorrido nesse episódio é máximo. Não houve ampla defesa, nem contraditório e o exílio forçado garantiu que não houvesse acesso ao judiciário.

    A discussão quanto à suposta violação do artigo 239[1] da Constituição hondurenha, agitada pelos defensores da tese da inexistência de golpe, torna-se, pois, prejudicada, diante da flagrante e rude violação ao due process of law.

    Mesmo assim, cabe lembrar que também esse argumento não se sustenta. De fato, o próprio Decreto legislativo de deposição do Presidente Zelaya não menciona, dentre seus fundamentos, o dispositivo em questão, havendo o argumento sido levantado ex post facto (Cassel, 2009) e, mais importante, o plebiscito não se destinava à reforma do artigo 239, mas à convocação de uma Assembléia Constituinte[2].

    Portanto, pretendeu o Presidente Zelaya, por meio da consulta popular abortada, invocar o poder constituinte originário, que, ao contrário do derivado, como se sabe, não possui qualquer compromisso com as cláusulas pétreas da constituição em vigor.

    Contudo, da forma como se tem debatido a suposta violação ao artigo 239 da Carta hondurenha, tem-se a impressão, evidentemente equivocada, de que a referida consulta destinava-se à reforma constitucional, particularmente do artigo 239 em comento.

    Nada mais falso. Seu objetivo, expressamente declarado, era consultar acerca da convocação ou não de uma Assembléia Constituinte que elaboraria, insista-se, uma nova Constituição.

    Brevemente delineados os evidentes vícios do processo judicial, resta analisar o papel do Congresso Nacional de Honduras e verificar se o decreto legislativo que culminou na deposição do Presidente exilado, proferido no dia seguinte ao de sua prisão e exílio, estaria de acordo com a ordem constitucional vigente naquele país.

    O primeiro aspecto, já ressaltado, é o curioso fato de que o Congresso primeiro aceitou uma suposta carta de renúncia – evidente falsificação que, depois, deixou de ser levada em conta pelo próprio governo de fato – mas abandonou tal alegação ao decretar a deposição do Presidente, preferindo fundamentar o decreto em vários artigos da Constituição hondurenha (artigos 1, 2,3,4, 205, 220 numeral 20, 218, 242, 321, 322, 323, para ser exato), mas, novamente, não o controvertido artigo 239 (Cassel, 2009).

    O segundo aspecto é o de que a Constituição de Honduras não prevê o processo de impeachment, cumprindo, assim, ao Poder Judiciário, não ao Legislativo, a tarefa de processar e julgar o Presidente da República.

    Norma C. Gutiérrez, em seu pequeno estudo denominado “Honduras: Constitutional Law Issues”, divulgado no sítio eletrônico do Congresso dos Estados Unidos da América, alega – após reconhecer que o mecanismo do impeachment restou expurgado da Constituição de Honduras por força do já mencionado Decreto 175/2003 – que o Congresso Nacional de Honduras utilizara o poder conferido pela Constituição para interpretar as próprias normas constitucionais para, interpretando o disposto no artigo 205, 20 – cujo texto trata, apenas, da aprovação ou desaprovação da conduta administrativa do Poder Executivo – concluir que o Congresso poderia decretar a deposição do Presidente.

    Note-se, novamente, que esse Decreto data do dia 29 de junho, apenas um dia após o exílio forçado do Presidente que, assim como ocorrera no processo judicial, não teve qualquer oportunidade para apresentar defesa perante a Casa Legislativa.

    Para além de todas as conjecturas jurídicas, salta aos olhos que em um regime constitucional normal não é possível que o Poder Legislativo, em apenas 24h, delibere o impeachment de um Presidente da República que, ainda por cima, estava exilado, máxime quando a própria Constituição não prevê a existência de tal instrumento.

    Admitir esse procedimento como minimamente constitucional e democrático é fazer pouco caso dos princípios fundamentais do Estado Democrático de Direito, transformando todo o sistema constitucional, esvaziado de seus princípios mais relevantes, em uma grotesca pantomima.

    Parte da imprensa brasileira insiste em defender o indefensável, o que revela um preocupante esquecimento de nossa própria história recente, em que a constituição e a ordem constituída foram usadas e abusadas para justificar e emprestar legitimidade ao que, na verdade, era um golpe.

    Ainda ecoam as malsinadas palavras do então presidente do Congresso Nacional, Moura Andrade, proferidas em 1964: “assim sendo, declaro vaga a Presidência da República. E, nos termos do artigo 79 da Constituição Federal, invisto no cargo o presidente da Câmara dos Deputados, sr. Ranieri Mazzilli. Está encerrada a sessão.” Deveria ter dito: está encerrada a democracia.

    É reconfortante saber que o golpe de estado já foi condenado pela Organização dos Estados Americanos (OEA) e sua Comissão Interamericana de Direitos Humanos, além da Organização das Nações Unidas (ONU), da União Européia e grande quantidade de países.

    Justifica-se, pois, a esperança de que a era dos golpes esteja, realmente, chegando ao fim, ao menos na sofrida América Latina.

    Referências bibliográficas

    Cassel, Doug. Honduras: Coup d’Etat in Constitutional Clothing? The American Society of International Law, 2009. Acesso em: 27 set. 2009.

    Gutiérrez, Norma C. Honduras: Constitutional Law Issues. The Law Library of Congress, 2009. Acesso em: 27 set. 2009.

    Zaclis, Lionel. À luz da Constituição, não houve golpe em Honduras. Consultor Jurídico. Acesso em: 27 set. 2009.

    Constitución Política de 1982. Honduras. Acesso em: 27 set. 2009.

    Comunicado Especial del 20 de Julio. Corte Suprema de Justicia. Acesso em: 27 set. 2009.

    Decreto Ejecutivo PCM 05-2009. Acesso em: 26 set. 2009.

    Decreto de destitución de Zelaya. Acesso em: 27 set. 2009.

    [1]Artículo 239. El ciudadano que haya desempeñado la titularidad del Poder Ejecutivo no podrá ser elegido presidente o Vicepresidente de la Republica.

    El que quebrante esta disposición o proponga su reforma, así como aquellos que lo apoyen directa o indirectamente, cesarán de inmediato en el desempeño de sus respectivos cargos, y quedarán inhabilitados por (10)diez años para el ejercicio de toda función pública.

    [2] Decreto Ejecutivo PCM 05-2009

    Paulo César Negrão de Lacerda é procurador da Fazenda Nacional no Rio de Janeiro

  221. O Paulo Rozenbrtch não vê que constituições podem ser reformadas, aqui no Brasil tivemos a Reforma Constitucional Administrativa e da Previdência, por exemplo, ainda clamamos por reformas políticas. Qualquer governo democrático que queira fazer reforma constitucional deve antes consultar o seu povo, Zelaya convocou um plebiscito para saber sxe o povo queria reformar a constituição e implantar a reeleição, ele não “peitou a constituição hondurenha” como alguns desinformados saem repetindo só porque leu ou ouviu de um outro desinformado qualquer. Á rigor, aqui no Brasil a reforma constitucional foi feita de forma menos democrática pois não teve plebiscito algum antes de se fazê-la. Zelaya não golpeou sua constituição, apenas quis ouvir a voz do povo hondurenho antes de se aventurar em mudanças feitas por cima, via congresso, como aqui no Brasil.

  222. Essa fundamentação de que a constituição foi obedecida quando da deposição e expulsão de Zelaya pelo Exército é manca, preguiçosa e vagabunda, para utilizar os adjetivos adorados por certo blogueiro que só está preocupado em atingir o presidente Lula. Onde na constituição da república das Bananas está escrito que o presidente Zelaya poderia ser expulso do pais como foi? e mais, o Exército tomou tal medida muito mais por vingança do seu comandante (que havia sido destituído pelo Zelaya e reconduzido pela Suprema Corte), pois ainda não havia o mandado judicial expedido pela corte máxima para tanto. Zelaya é mesmo um bufão, deveria ser processado pelo que tentou fazer, mas não deveria ser expulso como foi. Resultado, sofreu um golpe. Mas isso tudo que se dane, o importante é atingir o governo… brasileiro.

  223. Mas Senhor Ricardo,não é proibido na constituição de Honduras,fazer plebicito para reeleição?Nessa “história” não tem anjo,se a cópia mal ajambrada do Ratinho,estava a fim de se dar bem,o outro também estava “SECO”,prá se dar bem ,também.Portanto:eu dou um pelo o outro,e não quero troco.E todos os candidatos a presidente(aqui no Brasil)estão fazendo campanha.Ninguem é anjo…

  224. FHCÊ conseguiu aprovar a reeleição, muito bem, o atual mandatário mor da nação tupi-guarani gostou e nada mudou, ou seja, se estivesse contra a mudança teria não se candidatado na segunda vez ou mudado tudo de novo.
    Não fez e não mudou, então, bom para um, bom para outro, pois pois ó pá.

  225. Caro Kotscho:
    Hoje estou abusando do seu espaço.
    Segue o escrito pelo comentarista Equilíbrio, em 27/09/2009, às 08:01, no post ” O apoio oficial ao golpe”, no blog de Luis Nassif- uma lúcida explicação sobre o assunto, tão simples que até eu entendi imediatamente.

    1. Faltou o texto, que segue agora:

      A proposta de Zelaya não era de reeleição. Era de consulta (Fator A) sobre a realização ou não de plesbicito (FatorB) sobre criação ou não de constituinte (Fator C) que alteraria ou não na constituição o disposto sobre a reeleição (Fator D). Propor o Fator A não é propor ou apoiar o Fator D. Isso porque o Fator D não depende somente do Fator A. Ou seja: a reeleição não depende apenas da consulta. Depende de muitas outras circunstâncias que não podem ser tidas nem como prováveis, muito menos como certas.

      Além disso, mesmo que fossem materializados todos os fatores de “A” a “D” e ficasse autorizada na constituinte a reeleição, isso não configuraria uma ilegalidade perpetrada por Zelaya, pois as decisões quanto ao tema teriam sido da população, nas 2 consultas, e da constituinte, no passo final.

      Assim, mesmo que tenha havido aparência formal de regularidade no processo, com exceção do exílio, o cerne mesmo da acusação me parece questionável.

      Só se pode dizer que Zelaya, ao propor a consulta, pregou a reeleição se o fato de propor a consulta gerar certeza sobre a materialiazação da reeleição e se não houver outros agentes com vontade e poderes autônomos a definir o desenrolar do processo.

      No entanto, quem assegura que: a) na consulta, o povo aprovaria o plesbicito? b) nele, o povo apoiaria a constituinte? c) a constituinte definiria a reeleição (observe-se que Zelaya parece nem ter grande apoio do congresso)? d) a reeleição aproveitaria a Zelaya (cujo mandato se encerraria praticamente junto com o plesbicito e que constituinte ainda teria que ser formada sabe-se lá como para depois começar a operar)?

      Essas dúvidas e possíveis incoerências indicam que a decisão de autoridades hundurenhas são bastante questionáveis e revestem-se de caráter político, em que pese a observância de certas formalidades.

      A defesa de uma análise de linha formalista quanto ao fato, ademais, leva a que a proposta de uma constituinte em Hunduras dependa de certos agentes entenderem (de forma inteiramente subjetiva – leia-se: política) que não há alguma intenção disfarçada de propor reeleição. Ou seja: submete-se uma possível decisão do povo, de alterar sua constituição, à vontade subjetiva de alguns, interpretando politicamente o que pode ser a intenção obscura do proponente.

      Defende-se, assim, uma leitura da constituição que torna absolutamente ditatorial a sua mudança, por dependente da vontade e inclinação política de alguns, sem limites para tal subjetivismo.

      O caráter necessariamente político das respostas à tentativa de mudança constitucional em Honduras se contrapõe à idéia de que houve mera decisão judicial e solução institucional para os fatos ocorridos em meados deste ano. Isso tinge tais fatos de coloração também política, o que respalda a interpretação de ter havido golpe, em vez de mero cumprimento da lei.

      Não sou advogado, mas vejo essas situações como criadoras de visão divergente da que apregoa ter havido legalidade pura e simples na deportação de Zelaya. São palavras de um leigo, mas estão aí expostas, para discussão.
      Um abraço

  226. quer dizer que, análogo ao que defende o governo do lula e o comentarista, que finge não saber o que é emenda constitucional e o que são cláusulas pétreas, poderíamos começar um movimento separatista do sul e sudeste e se aprovado em plebiscito tudo bem? Não teria problema discutir e colocar em votação aquilo que a constituição nega peremptoriamente como no caso Hondurenho? Então vamos começar a coleta de assinaturas. Se 51% dos cidadãos destas regiões aprovarem estaremos livre destes parasitas que em nome do povo das regiões menos favorecidas se locupretam dia após dia. Povo este eternamente refém do coronelismo que se perpetua no poder enquanto extorque o resto do país para pagar mais e mais impostos.

  227. caro kotsho,
    Vc. foi o único que acreditou na versão do governo de que o zelaya bateu na porta da embaixada e até então ninguém sabia de nada. ingenuidade tem limites…

  228. Pelo jeito as opiniões estão diversas nos comentários, mas de tudo escrito aqui, uma coisa Eu tenho absoluta certeza!
    O Sr. Lula ao se posicionar contra o golpe de Honduras, nada mais faz do que jogar fumaça para esconder o GRANDE GOLPE que Ele e os bandidos politicos que ele protege, estão a aplicar no Brasil – é um golpe muito pior na dita DEMOCRACIA do que o de Honduras. Tai ” O Estadão ” que comprova o fato. O Sr Lula e a “quadrilha politica” instalada no Pais, não vão largar o poder pelos proximos 20 anos, Nunca me senti vivendo numa ditadura como agora, e olha que já sou AVÓ e vivi a ultima Ditadura Militar do Brasil. Hoje meus direitos como cidadão, DITAS MINHAS garantias DEMOCRACTICAS , estão muito mais cerceados do que em qualquer outro tempo, a Justiça é comprada, hoje tenho medo dela…Alias tenho medo até de escrever isso, as eleições manipuladas com “bolsas” de dinheirinho, não tenho mais esperanças no meu voto! Não tenho segurança pra andar nas calçadas da minha cidade, meus filhos não tem escolas, não há hospitais que respeitem a vida. Se o golpe hondurenho vai tirar do poder um golpista como o que temos aqui.Eu não sei ….Mas tenho certeza que o Lula e o PT esta usando o GOLPE de Honduras, como massa de manobra para alcançar algum ganho financeiro e politico, ou como fumaça para esconder o que faz no Brasil, Eu acredito sinceramente que o Brasil hoje, só tem saida com um GOLPE, daqueles que fecham o Congresso e o Senado, e se em meus sonhos ocorresse, e algum Pais desce guarita para o LULA, haa!!!!EU IA JOGAR UMA BOMBA LÁ!!!!!

  229. albuquerque
    Leia com atenção.
    Digito rápido e às vezes letras somem. Mas não perco o fio da meada e o que de fato penso.
    O que me contradiz?
    Cite em parágrafos.
    Assim poderemos debater cada um dos aspectos que para tí não ficaram claros.
    Sabes que não consigo encontrar o ÓDIO que encontrastes no meu texto?
    Talvez devas ler novamente. Os adolescentes com quem trabalho e discutem filosofia socrática, valores humanos, partidos políticos, sistemas de governo, democracia… entendem o que escrevo e falo. O método é socrático.
    E desculpe: mas seu texto está confuso. Clarifique sem raiva. E não sofram tanto. Lute! Suba os morros. Andem nas periferias. Trabalhe com os ricos, médios e pobres – sem medo. Só assim vais entender o que escrevo. Tenho 30 anos de trabalho amassando barro nas periferias das grandes cidades e do interior do Brasil. Sei do que falo. E de fato a pior classe – na qual me incluo atualmente – é a dos médios medianos. Em geral se aliam aos pobres só para levarem vantagem ou quando já estão quase mortos. Na maioria das vezes vivem boiando ou pendurados nas bordas das elites. Eu não me enquadro. Até já fui expulsa de um blog por matar uns carneiros de quem só sabia bater no governo dos mais pobres. Governo que não perdeu de vista todos os brasileiros. Não por acaso conta com aprovação de mais de 80 % no seu jeito de governar. Queres mais?

  230. Parabéns Sr. Ricardo pelo seu excelente artigo. Ao mesmo tempo que a sociedade brasileira tem pessoas sensatas e que conhecem profundamente a política internacional, existem outras que ou por falta de formação ou por ” má índole” se sentem incomodadas em viver com a democracia. O artigo do sr Ricardo foi um dos melhores textos que aoareceu na mídia brasileira nestes último dias. Mas, é de se lamentar que ainda exista no Brasil pessoas togloditas, como existiam nos anos da ditadura brasileira, dizendo que o povo não sabia e ainda não sabe votar. Porque será que essas pessoas pensam assim? Será que é roblema de idade? Acho que não. Acho que por ideologia mesmo (embora elas odeiem esta palavra), ou seja, pelo ódio de ver as pessoas mais pobres comendo, usando roupas novas, tendo a sua gleba de terra própria etc, etc, etc. Outras que acham que nenhum país deve interferir em problemas como os que estão acontecendo em Handuras, porque isto é se meter na vida alheia. Com certeza essas pessoas não condenam a invasão de nações poderosas como os Estados Unidos, ou açoes como as que Israel praticam contra a Palestina. Isto não. Isto é natural. Lamento realmento em ler tais declarações ainda hoje, final de 2009, no Brasil. Lamento da mesma forma, ver ainda as organizações internacionais só se manifestarem contra a ação anticonstitucional como o Sr. Ricardo Kotscho explicou com muito conhecimento do que está falando, tardiamente. Para mim, o que eu li até agora neste blog, foi o comentário do Sr. Joaquim Machado: Se nos dias de hoje Jesus Cristo estivesse no mundo sendo acusado injustamente e o Presidente Lula fizesse a sua defesa, com certeza a Rede Globo, Folha, Estadão, PSDB, DEMO, PPS, Veja, Rádio Jovem Pan, Rádio PSDBand, SBT, TV Gazeta gritariam: CRUCIFICA-O, CRUCIFICA-O, CRUCIFICA-O. Parabéns novamente, Sr. Ricardo Mas ainda tenho fé na democracia, Sr. Joaquim, e esses poderosos (a mídia em geral está a serviço deles), assim como uns pobres de espírito um dia ainda não fiquem tão cninamente raivosos e contribuam para o mundo viver numa democracia real e não hipócrita.

  231. PS. SE EU SUMIR NOS PROXIMOS DIAS, NÃO ESTRANHEM… EU AMEACEI JOGAR UMA BOMBA LÁ…. PORTANTO…..CORRO O RISCO DE “SUMIR” OU SER ASSALTADA E MORTA POR COINCIDENCIA….

  232. não da para fazer nenhum comentario sobre seus artigos pois todos são tendenciosos você realmente é uma decepção como jornalista pois uso do meio jornalistico mais para empunhar a bandeira do PT cadê a ética isso tambem não é hipocrisia

  233. Boa Noite! Caros Blogueiros e Ricardo Kotscho!!!

    Caro Guilherme, às 18h58 de 29/09/2009.

    O Colunista fez uma abordagem equilibrada do cenário e imparcial.

    Há nas constituições desde pelo menos 1776, e até anteriormente, entretanto, melhor de 1776 para os dias de hoje. Uma evolução no sentido INTERNACIONAL que busca priorizar as garantias do e para o SER HUMANO, raça humana. Nesse sentido os ARTIGOS constitucionais preferenciais são sempre os que se referem aos Direitos, garantias, deveres, Individuais, Coletivos e Difusos.

    Em nosso caso, brasileiro, observamos o artigo 5º e seus Itens da Constituição Federal. Existem outros, 6º sociais, cidadania e assim vai…

    No caso da Constituição Hondurenha, o Artigo 102º, o Artigo 99° são PREFERENCIAIS aos DEMAIS. Por mais restritos que os outros sejam.
    Significa que a Constituição Hondurenha não evoluiu no sentido dos Direitos Humanos e Direitos Sociais e Direitos de Cidadania.
    Há um outro PROBLEMA mais GRAVE: A proibição contida nos artigos de número 327º, 329º, 373º e 374º mais todos os que restringem direitos garantias individuais, coletivas e difusas, especialmente, PROIBEM ao POVO de Manifestar sua LIVRE EXPRESSÃO do PENSAMENTO, como esse caso de HONDURAS, –CONFRONTADO — com o DIREITO INTERNACIONAL MODERNO em sua leitura mais APRIMORADA, e existente desde 1948, pela ONU e outras em Cartas dos Direitos dos Homens etc.. SIMPLESMENTE, quando confrontado, NÃO PODEM SER APLICADOS, pois, embora escritos na Constituição, por SUPRIMIREM DIREITOS FUNDAMENTAIS DA PESSOA HUMANA, tais como: PROIBIR O PENSAR, PROIBIR A LIVRE MANIFESTAÇÃO DO PENSAMENTO, LIVRE ARBÍTRIO NAS ESCOLHAS e por aí vai…Primeiro: São elementos de manifestação DOENTIA. Segundo: Proibidos pela Carta das NAÇÕES UNIDAS – ONU.

    Portanto, qualquer supremo tribunal federal ou senado ou câmara elementos do congresso que aprovem leis no sentido de: PROIBIR “O PENSAR” – “A LIVRE MANIFESTAÇÃO DE EXPRESSÃO” – “O LIVRE ARBÍTRIO”.
    “SÃO ANOMALIAS PATOLÓGICAS DE VISÕES DITADORAS”.
    São artigos e cláusulas que representam o ATRASO o RETROCESSO HUMANO.

    No caso Honduras: AGRAVADO pela BRUTALIDADE GOLPISTA.

    Quanto a missão brasileira em Honduras “EMBAIXADA BRASILEIRA” – O Sr. Zelaya È um “VISITANTE TEMPORÁRIO ILUSTRE”. PRESIDENTE legitimamente ELEITO pelo VOTO POPULAR.

    Ser “seqüestrado” na CALADA da NOITE, de Pijamas, por militares hondurenhos armados de metralhadora, conduzido SEM AUTORIZAÇÃO JUDICIAL PARA EXPULSÃO, a uma base americana, segundo informações, ato contínuo, deportado expulso do País e jogado em outro País. SEM o devido PROCESSO LEGAL, SEM PERMISSÃO OU AUTORIZAÇÃO JUDICIAL DE EXPULSÃO. ISSO É GOLPE DE ESTADO.
    Significa RESPONDENDO SUA QUESTÃO: que o ARTIGO LEGÍTIMO é o 102º e por tabela o 99º, ambos esclarecem seu questionamento.

    Dos 378 artigos da Constituição hondurenha de 1982 e sua revisão em 2005, não há outra resposta que: “GOLPE DE ESTADO”, de caráter militar, talvez, por terem os hondurenhos encontrado mais recentemente Petróleo de boa qualidade em seu mar territorial, segundo outras notícias.

    Imagino que o aspecto plebiscitário é relevante. Entretanto, será só isso? Ou, há mais por analisar?

    Com certeza, dentro dos conceitos de mundo moderno está configurado o “GOLPE”.

    Mais, por todos os acontecimentos, a DITADURA se instalou.

    Lá, hoje, em Honduras, 29/09/2009, EXISTE um sei lá o quê, chamado “GOLPISTAS”.

    Quanto a Embaixada Brasileira: Qualquer intervenção nela poderá ser considerado “ATO DE GUERRA”.
    Podendo o País, Nação invadida BOMBARDEAR e Praticar “ATOS DE GUERRA” se assim o DESEJAR a NAÇÃO INVADIDA.
    Perceba: A ONU, hoje, de maneira clara fez essa ADVERTÊNCIA só que com outras palavras.

    Como o BRASIL é um País pacífico. Estamos fazendo àquilo que está previsto: DEFESA!.

    Não se engane: Há constituições que são per si DITADORAS nos seus TEXTOS, começa a dificuldade quando elas, constituições DITADORAS, são confrontadas com às MODERNAS DETERMINAÇÕES DO CONSELHO DE SEGURANÇA, da ONU, que não é tão novo assim, pois, existe desde 1948. E, Honduras – É o caso.

    Obrigado por poder expor minhas idéias.

    Tchau!!!

  234. Pouco ortodoxos coisa nenhuma… eu não preciso ficar medindo palavras… o FHC criou o MENSALÃO para comprar os votos necessários para mudar a constituição e poder se candidatar à reeleição… todo mundo sabe disso… R$ 200 mil por voto… essa é a diferença que ninguém fala entre o MENSALÃO do LULA e o do FHC: enquanto o primeiro é pra fazer os picaretas do congresso trabalharem pelo País o segundo era pra satisfazer a vaidade pessoal do “príncipe” FHC…cadê a CPI?… Kotscho, você é um cara de respeito (apesar de sãopaulino) mande essa imprensa marrom do brasil (hoje já acredito que seja a maioria) plantar batatas.

  235. Gostaria de te dar o meu parabéns pelo artigo. Realmente é muita hipocrisia, cada um tentando defender seu lado atacando o outro, principalmente quando esse outro é o presidente Lula. Aos opositores, gostaria de lhes informar que terão que comer muita poeira em 2010 para tentarem neutralizar o presidente do povo; eleito e admirado pela massa brasileira…”veja que não sou analfabeto…”; apenas um mineiro com senso político apurado; aliás ,como todo mineiro…

  236. Kotscho,
    FHC, quando comprou sua reeleição, todos sabiam que ele não tinha idéias castristas de se eternizar no poder. O que não ocorre com Lula e sua guang petista, os perigosos Chávez, o i-Morales , o Aquino(?) do Equador e se bobearem, até a Cristina Kirchner entra nesse time que todo dia vai a Cuba tomar umas alulinhas com o Sapo Barbudo sobre como escravizar um povo e pô-lo a trabalhar para gerar riqueza para si e seus acólitos. Isso aí é golpe ! É só distribuir bolsa esmola prá tudo quanto é analfaburro e pé inchado que a “reeleição” está garantida !É por isso que Lula deu asilo a Zelaya na embaixada brasileira, metendo o Brasil nessa enrascada. A reação dos militares hondurenhos derrubando Zelaya é perigosa para as intenções dessa turma! Se a moda pega….adeus nossos planos de transformar a América Latina numa sucursal de Cuba! Tem mais. Não se enganem quando os Estados Unidos e outros países verdadeiramente democráticos, criticam Micheletti por dar um pontapé nos traseiro de Zelaya pois também não apoiam as intenções desse último. Se no Brasil que tem uma grande fatia de sua população com bom nível cultural tem sujeito aí fazendo de tudo prá não largar a rapadura, imagina lá em Honduras que tem um nível de analfabetismo e de pobreza muito mais elevado. Um prato feito não é Sr. Zelaya?

  237. Barbaridade!
    O Balaio do Ricardo “ta bombando”!
    É o que dá escrever verdades.
    Parabéns – menino!
    A imprensa vai caminhar por aí. Vai ter que ser ética e imparcial mesmo tendo simpatia por um partido ou outro.
    Quem não se ligar nisso vai ficar falando para o mesmo grupo de sempre. E não adianta enfeitar. Acabou o tempo da manipulação, dos factóides, gestos, caras e bocas….
    Quem cola dos outros para destruir o governo do POVO vai perder todos os carneiros!

  238. EXTRA
    EXTRA
    EXTRA
    O MARIONETE DOS DITADORES DE HONDURAS BAIXA O TOM. O FOI A GLOBO QUEM DISSE NO JN.
    E ADIVINHEM?????
    O MARIONETE MANDOU UM ABRAÇO AO LULA!!!!!!!!!!!!!!
    Só um cara que lutou contra ditadura tem moral para fazer ditadores baixarem o tom e fingirem de amigos depois de perceberem que o jogo agora é outro!!!
    DEMOCRACIA!
    Mesmo que tenhamos que conviver com os que negociam mandatos – rasgando a constituição no primeiro ato!

  239. Olá Sr. Orecique Dias!

    Você deve ser um senhor letrado. Penso que nunca digitou uma palavra errada. Penso também que não percebe quando isso ocorre. Penso também de deve se achar muita
    coisa.
    O texto onde essa palavra a que você se refere tirou sua vontade de ler…deve ter te constrangido muito. Que pena. É de pessoas assim que precisamos nesse país. Pessoas que não erram, que não escrevem nada errado, mesmo que seja sem querer, sem perceber. ESCREVI errado e somente percebi depois de ter enviado o texto, pois não costumo rever ou reler meus textos antes de enviá-los. Também acho que o que vale, nesses casos, é o que a mensagem quer passar, quer transmitir …
    Se fossemos querer parar de ler o que se escreve na internet, não leríamos quase nada, já que se encontram erros de digitação, quando não de gramática e mesmo de ortografia em textos jornalísticos, reportagens, comentários, etc.
    Quer corrigir, se corrija primeiro.

  240. Um presidente eleito pelo povo ser deposto sem direito à justiça?

    Somente os AMANTES da DITADURA como a direitalha e a rede “GROBO” já achar isto normal!

    Deitaram e baixaram as calças para a ditadura em troca do dinheiro do povo como esta emissorazinha. Agora defende a ditadura a qualquer preço.

    O pior é uma cambada de otário que acredita no que ela diz.

  241. Boa Noite! Caros Blogueiros e Ricardo Kotscho!

    Correção…

    Onde se lê: Podendo o País, Nação invadida…….. se assim o DESEJAR a NAÇÃO INVADIDA. LEIA-SE: Podendo o País, NAÇÃO invadida….se assim o DESEJAR à NAÇÃO “INVASORA”.

    Obrigado e Tchau!!!

  242. O ex- presidente FHC e seu PSDB jogaram no lixo a nossa Constituição, que proibia a reeleição, e todos, que hoje condenam Zelaia em Honduras, aprovaram a atitute dos tucanos.
    Vai entender esta nossa oposição raivosa e inútil.

  243. Parece que o articulista esqueceu que a Constituição de Honduras, país soberano, proibe que algum dirigente busque movimentar alguma proposta ou esboço no sentido de prorrogação ou renovação imediata do mandato ao qual eleito, sob pena de perda do atual mandato, evitando assim o caudilhismo. É o que fez o Zé da Laia! É aquilo que, no Direito, chamamos de fato consumado…Logo, não houve “golpe de Estado”, mas sim perda do cargo… É! Ainda existem pessoas públicas que teimam em não se informarem devidamente sobre os príncípios jurídicos…

  244. Seu blog deveria ser chamado de Balaio de Imbecilidades.Voce, como jornalista, deveria informar-se sobre os fatos que deseja comentar.Consulte o Dr. Yves Gandra sobre a constuicao de Honduras e a constitucionalidade dos atos dos que depuseram Zelaya.Va ser comentarista esportivo para ter a liberdade da estupides impune.

  245. Kotscho

    A esquerda brasileira ignorar a prisão de intelectuais em Cuba é o quê hein??? Não é hipocrisia?

    Que nome tem convocar plebiscito em benefício próprio?

  246. Ricardo, imagine se Lula não fosse o estadista que é e se deslumbrasse com o poder ? Ou mesmo, com medo de uma possível volta dos tucanos entreguistas, apoiados por todas as forças retrógradas desse país, já que a direita não tem candidato, Lula resolvesse partir para um 3o mandato ? Começasse com as manobras para conseguir isso. O povo apoiaria Lula. Porém haveria um longo caminho para se mudar a Constituição e as regras atuais. Lula teria de iniciar uma campanha pelo 3o mandato. Teria de conversar com partidos, com entidades. Por outro lado a oposição e a mídia iriam reagir. Não iriam se conformar em mais 4 anos de Lula. O STF não iria aprovar essa mudança nas regras. Também não acredito que Lula fizesse como FHC e saísse comprando deputados à 200 mil por cabeça. Mas enfim, isso seria um processo longo. Porém… e se as autoridades daqui fizessem como em Honduras… ? Já pensou ? Gilmar Mendes e Michel Temer, presidentes do STF e do Congresso, ligam para o Ministro da Defesa, Nelson Jobim, e decidem : “ Chega ! Vamos agir e ferrar com o barba ! “ Ao que Jobim diria “ Mas não vai haver um processo, um julgamento da questão pelo STF ou coisa parecida ? “. Mendes: “ Não, demora muito “. Jobim: “ Mas o presidente Lula não vai nem poder se defender ? “. “ Não ! Vamos agir ! O cara já deu 5 aumentos do salário mínimo ! Chega ! “. Soldados pegam suas armas e se dirigem ao Palácio do Alvorada no meio da noite. Invadem a residência oficial do presidente. Arrombam a porta do quarto. Lula e Dna. Marisa quase morrem de susto. Pegam Lula de pijamas e o jogam em um avião. O piloto, tucano ferrenho, grita “ Vamos jogar o barbudo no mar, kkkkkk “. Porém um soldado mais moderado se nega “ Sem exageros pessoal. Já vamos nos livramos do cara. Isso é que importa “. Expulsam Lula do Brasil. Somem com “ o cara “. E agora ? Quem governa ? O vice, José Alencar, fiel à Lula, renuncia. Aí Mendes decide. “ Temer, você é o presidente do Congresso. Você assume ! “. Temer: “ Oba ! Sempre quis ser presidente ! “. E Temer vira o presidente do Brasil, da noite pro dia. Lula… já era. Foi isso que aconteceu em Honduras. Tudo… dentro da Lei ! Eh,eh,eh…

  247. Kotscho, mais uma vez brilhante o seu comentário.
    Realmente essa hipocrisia, os dois pesos duas medidas, que conta com o maior apoio da imprensa e midia em geral ,é realmente irritante para qualquer pessoa inteligente, que tenha bom senso e que procure a verdade objetiva, sem parcialidade. Mas o q vemos é um festival horrivel de besteiras tendenciosas, parciais e hipócritas, tudo com a pretensão de serem analises inteligentes. Me poupem, não somos burros !!! Ja não assino e nem leio mais inumeras publicações, e evito certos programas de TV ,porque não quero dar a mim mesmo atestado de burrice. Já sei o q está por tras de tudo e portanto o conteudo ja está podre.É o q em comercio exterior se chama de vicio herdado, ou seja, a carga que saiu defeituosa ou podre na sua origem .
    Felizmente encontramos analíses lúcidas como essa sua. Acho q o Brasil como país e o Presidente Lula como seu presidente estão corretos em fazer o possível para q o golpismo não assole de novo o continente latino-americano.
    É preciso ser realmente duro e irredutível sobre isso. Se o Zelaya estava fazendo coisas erradas eles q utilizassem os instrumentos legais e alertassem o povo sobre isso. Mas golpe não. A mensagem tem q ser essa. Ou tinham medo q o povo o apoiasse? Por que? Afinal de contas a democracia não é o sistema que melhor representa a vontade do povo, e onde o povo por maioria decide o que quer e o que não quer? Qual o problema com um plesbicito então? O nosso FHC não conseguiu mudar a constituição sem plesbicito? Não teriam ele e a maioria do Congresso de então, e tbm o STF, cometido erro maior?
    A questão da campanha tbm é de uma hipocrisia absurda. Estão todos correndo atras de posições. Ou essa discussão entre Serra e Aécio, muito bem engendrada e camuflada campanha tucana, é o q? Disputa de jogo de bola de gude? Ou uma maneira indireta de fazer campanha, ficando no noticiário e na midia. Acredito q realmente não tenham realizações de governo ( não sei do Aécio em Minas, mas o governo Serra está bem fraquinho no estado de SP, nestes 4 anos não fez nada relevante, talvez só o Rodoanel – que tem mil problemas ambientais). Então tem q apelar para a campanha indireta. A verdade é o seguinte, o melhor é q todos interessados se manifestem desde ja e digam a nós , simples cidadãos brasileiros, quais suas propostas objetivas e concretas para o pais, o estado, e o parlamento. Propostas concretas, objetivas, tangiveis. Nada de papo furado e politicagem. E a midia q faça disso o ponto prinicipal da discussão e sem ficar opinando, ou se opinar, dizer q é a opinião do jornalista e não tentar passar a ideia de q é a opinião do mundo inteligente. Não tenho saco pra jornalismo desse tipo.
    Enfim, mais uma vez, parabéns pelo artigo

  248. Srs. Fernadão e Renato. Admiro as vossas inteligências transcedentais. Desculpem a minha conclusão, sei que a realidade dos fatos, aquí no Brasil, incomoda muita gente com a consciência pesada.

  249. Prezados,

    A hipocrisia que assola os opositores é sabida e bem degustada.
    Essa tática é uma tentativa de mexer com convicções da massa eleitoral.
    Agora, imaginem vocês que Dilma ou outro candidato apoiado por Lula, vença em 2.010.

    Tenho certeza absoluta, que muitos hipócritas partirão para conspirar um golpe, pois a “vontade popular deve ter limites”. A Democracia, neste caso o sufrágio universal direto, só serve quando um representante da direita leva o mandato, seja pelo voto popular ou voto militar.

    Não podemos esquecer que as duas hipóteses acima são possíveis e prováveis.

    Carlos Lacerda da UDN e Tribuna da Imprensa, fiel orador da elite conservadora e retrógrada, tinha um pensamento golpista:
    O candidato progressita não pode se candidatar;
    Se se candidatar, não pode concorrer;
    Se concorrer, não pode ganhar;
    Se ganhar, não pode tomar posse;
    Se tomar posse, não pode governar;
    Se governar, não pode realizar reformas;
    Se realizar ou reformar, tem que derrubar;

    Tentou isso com Getúlio, com JK e não conseguiu.
    Só conseguiu com João Goulart em 1964.

    Mais tarde foi cassado pelos militares que ajudou a empossar e viveu sua vida para morrer na história ao contrário daqueles e das idéias que sempre atacava.

    Abraços

  250. Comentar o que! Se as instuições de Honduras,não os militares julgaram os atos ( pois foram dois ou três no contexto que gerou a crise) do senhor Zelaya, inconstitucional. Colocaram um presidente interino, a saber não foi nenhum general que tomou o poder. Convocaram eleição para novembro onde o povo poderá eleger um novo presidente, mas mesmo assim pessoas como o senhor Kotscho acham que a verdade é o Senhor Zelaya.

    1. Sr. Sergio li o texto do Kotscho e até discorri sobre ele contrariamente e não vi ele afirmar que Zelaya é a verdade. Ele até deprecia o dito cujo. Desculpe, é apenas para que vc não seja incoerente.

  251. Ricardo,

    328 comentários!!!
    È, não sei se é Honduras ou Marina Silva que esta dando este IBOPE todo. O fato é que o Brasil está segurando um pepino do tamanho da América Latina.
    O Zelaya errou. Na constituição do pais existe um artigo que proibe qualquer presidente a fazer movimento para ser reeleito. È errado, pode até ser, mas é a soberania de Honduras em sua constituição. Ninguém tem nada a haver com isso. Agora, entrar com fuzil em punho na casa do presidente de madrugada, retira-lo da cama de pijama e a mulher de camisola, jogar os dois dentro de um avião e vomitalos no país vizinho deixou de ser um ato constitucional legítimo e passou a ser um golpe de estado, um crime contra a democracia. Seja o Zelaya um cover do Ratinho, clone de Jhopn Wayne, cantor sertanejo, não importa, erraram em deportalo de pijamas.
    E agora, vamos achincalhar o Lula! Um país em que teve centenas de exilados politicos, a esta altura do campeonato fechar as portas de sua embaixada para quem for, é ser muito hipócrita, é não ter memótia e carater histórico.
    Agora, o Zelaya não é um Chaves que sabe provocar e fazer política marron, rosa, roxa, vermelha ou furtacor. O “Ze” não, est5á sendo coerente com o exílo que recebeu e, ao meu ver, não posso julgar nem discutir cientificamente o que está ocorrendo, só sei que sinto cheiro de titica no ar. Que meu oufato esteja errado.
    Ricardo, o dia que um politico fizer algo que não vise sua eleição seja ele do PT, PV, PMDB, DEM ou qual quer que for, o efeito estufa foi extinto. Nenhum deles dá ponto sem nó. O que o Gabeira estava fazendo na convenção daquele ex partido comunista na filiação do Itamar? È aquela nova dupla sertaneja “o Itamarrr e o Tapiorrr”, Aí, no outro domingo, desfila em Ipanema, de óculos escuros apoiando a Marina. Existe cavalheirismo em política? Existe cortesia? Ou existe interesses que podem render algo de positivo?
    Aliás Honduras veio como um tira foco do senado, tira foco da câmara e o Lula, coitato continua lá sempre alvo. Aliás, ser presidente é o mesmo que virar patinho de parque de diversão.
    seja ele um bom ou um péssimo. Sempre vai ser alvo, mesmo com 81% de aprovação.
    Gosto do Lula, acho ele a cara do Brasil. Simples, brejeiro e humilde, tão humilde que até hoje não sabe se o Obama o chamou de O Cara elogiando ou de sacanagem.
    Se o Brasil invadir Honduras, defendendo não o Zelaya mas sua soberania diplomática e seus diplomatas, terá meu apoio. Porrada neles!!! No bolo vai a Venezuela, vem a França e os EUA nem vai se mexer, o que vai ser bom para o Brasil pois se solidificará como Imperialista na América do Sul pegando um pedacinho do caribe.

    Deus ilumine os senhores da política internacional e que tudo termine bem.

    Abraços,

    Marcus Benedictus

  252. É curioso q algumas pessoas q são contra , ou são do contra, não entendem ou não querem entender coisas q são basicas. Uma delas é q Constituição nenhuma, nem nenhum país resiste à vontade do povo, porque do povo é que emana o seu poder. Assim dizer q em Honduras há uma clausula na Constituição q proibe o povo de muda-la é no minimo burrice. Se o povo quiser muda tudo, é só se organizar .

  253. Zelaya, Lula , Chaves , O índio são todos um bando de mentirosos. Qd o PSDB instituio a reeleição o pt e lulinha foram contra pq já existia uma regra . O que não serve para lulinha serve para Zelaya. O PSDB errou só q aqui neste pais de fracotes ninguem fez nada , lá foi diferente. Manda Celso Amorin trabalhar lulinha pois ele é muito incompetente. Acho q Kotscho quer uma boquinha no coverno igualzinho ao Franklin

  254. Sr. jornalista Ricardo acho que o senhor tem a obrigação
    de se informar melhor referente esta asunto Honduras
    em tempo ==
    não teve colpe militar porque os militares cumpriram o
    que dis aconstituição da quele pais, foi o ministerio publico
    que determino ok

  255. que propôs Zelaya?

    do Caetano, da lista da Televisão Pública

    ¿Está de acuerdo que en las elecciones generales de 2009 se instale una cuarta urna en la cual el pueblo decida la convocatoria a una asamblea nacional constituyente? Si / No” (http://foro.univision.com/univision/board/message?board.id=noticias…)

    Ou seja:

    “Você está de acordo que nas eleições gerais de 2009 se instale uma quarta urna na qual o povo decida pela convocação de uma assembléia nacional constituinte? Sim / Não”

    Esse plebiscito ocorreria junto com as eleições presidenciais de novembro. Caso vencesse o “sim”, se elegeria a Assembléia Constituinte, que depois de instalada, concluiria seus trabalhos ao longo do ano de 2010, ou seja, muito DEPOIS do fim do mandato de Zelaya, que se dá em janeiro de 2010. Portanto não havia nenhuma possibilidade de Zelaya continuar no poder, e nada evidencia que esse era seu plano.

    Ressalte-se que a consulta direta ao povo, por iniciativa do presidente da República, é prevista pela atual Constituição de Honduras, em seu artigo 5º.

    Assim, é irracional dizer que Zelaya infringiu a Constituição de Honduras.

    Além disso, mesmo que se entendesse que Zelaya tenha infringido a Constituição hondurenha, ele não poderia ter sido arrancado de casa na madrugada, mas sim respondido a um processo, fosse no Congresso, fosse na Corte Suprema Hondurenha, onde lhe fosse assegurado o contraditório.

    Ora, se até o síndico de um condomínio para aplicar uma multa ao condômino, prevista na convenção condominial, deve respeitar o contraditório, como é que se pode tirar um presidente legítimo do poder sem processo e sem contraditório. Isso não é um golpe?

  256. Engraçado, aqui um tal governador do Maranhão, contrário ao clã Sarney, eleito pelo povo é corretamente cassado pelo TSE e tudo bem. Já um presidente de Honduras desrespeita a constituição do seu país e também é justamente destituído do poder e vira golpe. Foram também golpistas quem destituiu o Collor do poder? Onde esse governo se mete em confusão vem o sr RK para defendê-lo. Eh jornalismo parcial.

  257. Voltei. Nesse interim estive vagando pelos comentários. Alguns inteligentes, outros objetivos, muitos vazios e sem nexo, mas, muito poucos lúcidos e esclarecedores. O que me deslumbra neste espaço é a raríssima oportunidade de se observar como funciona a mente humana. Não estou aqui como dono da verdade ou como torcedor deste ou daquele, e sim, como simples observador. Se levarmos em consideração a teoria da evolução, desde a ameba até o homem moderno, haveremos de perceber que alguns ainda estagiam nos primórdios do desenvolvimento mental. Felizmente estes são muito poucos. O que é esquerda e o que é direita? Navegam as multidões nesses dois mares bravios entregando suas vidas, seu futuro e o futuro de sua geração nas mãos de um capitão que comanda a nave que navega em máres bravios obtendo a liderança sobre a triupulação, onde os mesmos buscam supera-se oferecendo esperança com promessa impossíveis e soldos humilhantes, sem saber, na realidade, seu curso ou seu destino. Não sei não. Talves a solução seja pular no mar.

  258. Uma besta quadrada chamada Enio chamou a direita de golpista e assassina, esquecendo-se que Stalin matou 20 milhões de conterrâneos, Mao assassinou 50 milhões de chineses e Hitler (aquele facista) iniciou seu grande reinado mortal no partido popular socialista e se declarava fã de Stalin e do comunismo. (Isso sem contar os mortos da Coréia do Norte, do Vietnã do Norte, do Camboja e de Cuba, cuja soma total chega perto dos 100 milhões. Esse é o paraíso do Sr. Enio.!!!!

  259. Oi Joaquim Machado. Sem ofenças. Deste jeito o Brasil inteiro haveria de crucificá-lo. Voce descreve as mídias de meior penetração no solo brasileiro. A voz do povo é a voz de Deus.

  260. Oi Vcs !!! O Lula seus primos emanos pensarão q os Hondurenhos, era Cachorro pequeno + estão vendo q e um Pitibú !!!rsrsrs e viva OS HONDURENHOS chegar de socialismo barato, o sandinismo tbem estes ditadores q só q levar vantagem( fica ricos as custas do povor) !!!!! e arota caviar perdon arota gahinhas rsrsrs buenas selavir!!!!!!

  261. Você sempre brilhante no exercício do jornalismo como prática do próprio caráter, sem se rebaixar aos interesses do PIG.
    Á propósito de hipocrisia, é bom lembrar o que Álvaro Dias proferiu da tribuna do senado, junto com seu irmão Osmar Dias e também do Senador Pedro Simon. TRANSCREVENDO o que ele falou lá no senado quando de sua expulsão do PSDB, por ter assinado, junto com seu irmão ( ambos foram EXPULSOS ), por terem assinado a lista de instalação da CPI para apuração da compra de votos para o 2° mandato do Sr. Fernando Henrique. Leia ai um pequeno trecho do seu pronunciamento : E POR ESSA RAZÃO SR. PRESIDENTE (FHC), UM JORNAL DE SÃO PAULO ESTAMPOU A SEGUINTE MANCHETE : PSDB EXIGE FIDELIDADE À CORRUPÇÃO.
    Por sua vez o Senador Pedro Simon considerou essa compra de votos o maior crime cometido contra a democracia no Brasil. Mas o Senador Alvaro Dias não está novamente no PSDB ? Está. E sabem a resposta que deu para esse procedimento escabroso ? Ah, foi porque o partido me pediu desculpas. E onde o senhor escondeu as provas que apresentaria lá na CPI da compra de votos ?
    Já Pedro Simon continua cego, surdo e mudo no escândalo da governadora de seu estado, Yeda Cruzes…

  262. Oi Paulo Rozenbrtch. Boa noite. Em poucas palávras voce disse tudo o que deveria ser dito. Também quero dizer que na nossa Constituição, em seu artigo 4, se me lembro, em uma das alíneas, diz que é vedado nos meter em assuntos de política interna de outros países. Eles não armaram o chiqueiro? Agora que tomem conta dos porcos.

  263. Hora, os detentores de cargos no poder executivo vivem de votos. Hipocrisia proibir candidatos de participarem de atos inaugurais de obras. Se eles foram os executores nada de mais em divulga-las. Permite-se a reeleição mas o candidato tem que ficar escondido.

  264. Parabéns Ricardo, pelo seu brilhante artigo!
    É muito preocupante, vermos grande parte dos jornalistas da grande mídia, e de muitos comentaristas anti-Lula, ficarem se contradizendo sem o menor escrúpulo. Hipocrisia, é uma palavra elogiosa e leve, para qualificar esse tipo de gente rasteira e venal.
    Onde já se viu, uma carta magna de um país que se diz democrático, não poder sofrer modificações através de uma Assembléia Constituinte. E ainda por cima, somente depois da realização de uma Consulta Popular. Nos regimes democráticos, o poder emana do povo, que elege seus representantes, que legislam e executam as ordens e a justiça. O grande e incompreensível absurdo, dito e justificado pelos direitistas golpistas, conservadores e reacionários. É dizerem que a Constituição Hondurenha não pode ser modificada pela vontade do povo. Só os golpistas antidemocráticos, expugnávelmente, têm o direito de reformá-la ao bel-prazer.

  265. Belíssimo o seu comentário sobre a crise de Honduras Kostcho. O que me envergonha é essa mídia hipócrita que tenta distorcer tudo. A grande imprensa não tem coragem de chamar o novo governo de golpista e dá o nome de “interino” Espero que o Brasil se saía bem dessa sai justa. Abraço

  266. Sabem porque a constutuição hondurenha proíbe – “nem pensar” – em reeleição? É para tipos como o Zé laia, dos quais temos inúmeros exemplos, não se perpetuarem no poder se locupletando das benesses enquanto o povo alimentado como animais em currais eleitorais minguam de fome, física e mental. Quem conhece a história sabe que o povo hondurenhompagou um alto preço por suas garantias constitucionais impedindo as oligarquias com regras claras e honestas, despertando a ira dos narco-traficantes internacionais. Acorda gente. Essas organizações tentam, à todo custo, tomar o poder nas republiquetas do cone sul. Toda a cocaína, heroína, craque, maconha e, sei lá, mais quantos venenos são prodizidos onde? Em Honduras?

  267. …enquanto isto lá em Jeremoabo, Bahia, seu José Galdino, no meio daquele sertão seco, acende a luz de seu quartinho, vai até a cozinha, abre a sua geladeira nova, e bebe uma agua geladinha.

    Sai para o terreiro, olha para a quele céu cheio de estrelas, e fala para ele mesmo:

    LULA MEU AMOR!!!
    MEU AMULETO
    PÈZINHO DE COELHO
    TREVINHO DE QUATRO FOLHAS.

    SE DEUS QUIZÉ, E, EU SEI QUE ELE QUÉ, POIS ELE É ASSIM-ASSIM CONTIGO, O ANO QUE VEM VAMOS DAR COM MUITO ORGULHO NOSSO VOTO PARA DILMA.

    ..e sem perceber, grita, para a sua velha companheira que dorme no quarto: Né não Zefa ???

    1. …e dona Zefa, feliz com a energia que LULA levara ao seu casebre, e com a geladeira que ganhara de um filho, que no governo LULA pode dar o seu primeiro presente a sua velha mãe, responde: É meu véi !!!
      …e volta a dormir sonhando, com a televisão nova que havia comprado, e que a loja por falta de estoque não havia ainda entregado.

      …Brasil que segue…e…vamu qui vamu.

    2. ….e,… enquanto, lá no sertão da Bahia, seu Zé Galdino, e dona Zefa, os principais atores do processo eleitoral de 2010, desfrutavam os sabores de um governo bem sucedido, em alguns bairros nobres da cidade de São Paulo, os megaempresários da comunicação, entupidos com Rivotril ou Lexotan, permaneciam insones por não saberem mais o que fazer para impedir que LULA faça o seu sucessor.

      …ASSIM FALOU ZÉ DE TUSTRA:

      ” É terrível o peso da grandeza impotente e inoperante
      Quando recai sobre os ombros de quem é seu portante
      É terrível, antes da batalha já se sentir vencido
      É sentir-se esmagado num tubo de ar comprimido ”

      …por falar em comprimido…

  268. Sua observação é perfeitamente adequada a idiotice a que nossa população está exposta. Nosso presidente é o homem mais influnte do mundo na atualidade e nós por pura ignorancia desconhecemos este fato com a colaboração de nossa imprensa democrática, a globo e a cbn continuam chamando michelleti de governo de fato enquanto o mundo chama de golpista. é um absurdo ver tanta besteira em Tupiniquinopolis.

  269. Servi a Marinha do Brasil durante 5 anos entre Itamar e FHC, não vi um canhão daqueles navios dar um tiro sequer, porém sou o primeiro voluntário a desembarcar em Honduras e reestabelecer a ordem democrática naquele país.

    1. Legal, meu heroi. Depois a gente faz uma vaquinha para te aparelhar com perna mecânica, olho de vidro, cadeira de rodas e uma pensãozinha michuruca prá voce comprar remédios. Isso se voce voltar vivo. És um elemento perigoso. Tens sede de sangue.

    2. pegue seu “berro” e saia fazendo justiça com as próprias mãos, comece pelo planalto, câmara e pelo senado, e receberás a medalha que tanto deve querer

  270. Não sou advogado nem expert em Constituições, mas o grande colunista político Mauro Santayana disse o seguinte (em 23/09 no JB):

    (…) A Constituição hondurenha, mesmo estando ultrapassada pela nova situação mundial, é taxativa, em seu artigo 3º, na condenação aos golpes de Estado. Diz o dispositivo: “Nadie debe obediencia a un gobierno usurpador ni a quienes asuman funciones o empleos publicos por la fuerza de las armas o usando medios o procedimientos que quebranten o desconozcan lo que esta Constitución y las leyes establecen. Los actos verificados por tales autoridades son nulos. El pueblo tiene derecho a recurrir a la insurrección en defensa del orden constitucional”.
    Se assim é, não foi exatamente Zelaya quem violou a Constituição, mas os golpistas, civis e militares, que o sequestraram com sua família, alta madrugada, e o baniram do país.

  271. Assimilem a premonição: Mais dia, menos dia, “tio san” vai passar feito locomotiva sobre certa republiqueta entortando para sempre a chave e a fechadura e, além de desinfetar o local, ainda somaram mais um pocinho de petroleo. Quem viver verá.

  272. A hipocrisia continua até em alguns comentários, se o Brasil na desse guarida ao Zelaya na embaixada, era quase certo que seria mais um “desaparecido” nas mãos dos golpistas.
    Entendo que o Presidente Lula não acata soluções via golpe de estado (banditismo de qualquer tipo de elite), é preciso dar um fim a essa torpe mania de golpismo.
    O presidente da Colombia conseguiu alterar a constituição para se reeleger, este pode o Zelaya não pode nem levar adiante uma consulta popular.
    A atitude do LULA deixou muita gente, por aqui e lá no norte, embaraçada, estavam na moita apoiando os golpistas.

    1. Eu conheci seu Zé Galdino, em um posto de beira de estrada. Ele esperava conseguir uma carona, para visitar uma irmã com oitenta e dois anos, que estava em um hospital em uma cidade próxima. Eu, como faço sempre com estas pessoas, lhe ofereci a carona.
      Logo que saímos puxei conversa. Senti que ele estava meio acanhado, mas daí a pouco começamos a bater um bom papo.
      …é dotô, eu nasci por aqui e nunca me mudei. Lá em casa sou eu, Zefá minha mulé, minha irmã, tres filhos sendo um de criação, e um neto que minha filha arrumou lá em Sum Paulo, e deixô aqui pra gente criá. Hoje, depois do LULA, estamos vivendo muito bem, eu tenho um pequeno sítio, de 17 hequitares, faz tres anos que LULA mandô butá energia em minha terrinha, já temos geladeira, televisão, e até uma bomba que leva agua até nossa cazinha. Qué coisa mió ?
      Pra o sinhô assuntá. A minha irmã começõu a passar mal as quatro horas da tarde, as sete horas já tinha dois carros, um da farmácia, outro do supermercado que a gente compra, na porta de nossa casa, pra levá-la pro hospitá.
      … e assim foi 21 quilômetros de papo sadio e gostoso com Seu Zé Galdino. Fiquei sabendo que ele levantava todo dia as quatro horas da manhã para tirar leite de suas vacas, e que depois da energização de seu sítio não mais perdia o que produzia, e que o motivo do “assistencia social ” prestada pelos comerciantes aos velhinhos se devia a a posentadorias que recebiam agora com o LULA.
      – Seu Zé !!! Tão dizendo aí que LULA vai apoiar uma tal de DILMA para presidente, o que o senhor acha ?
      -Rapaiz ! Bom pá peste !!! Todo mundo aqui, já dixe que vai votá nela.
      …eu segui viajem pensando…e tem gente na cidade que acha que este povo é vagabundo e besta…estão muito enganados.

    2. É Everaldo, só tenho a dizer:

      Trabalhe, trabalhe muito, pois milhões de pessoas que vivem de “bolsas esmolas” e não fazem absolutamente nada, dependem de seu suor….

  273. Simples, Honduras vive sob uma constituição que tem cláusulas pétreas que tratam do dita da reeleição, é proibida e é proibido se discutir, propor ou alterar tal regra. O que acontece é que Zelaya quis passar por cima de tal lei, tomou um não da Camara dos deputados, do suprema corte e foi destituído pelas forças armadas a pedido dos dois entes acima citados, com total apoio da sociedade civil, da igreja e afins.

    No seu texto quando você afirma que problema há na reeleição ou em propôr, no caso de Honduras está explicado, mas quando você coloca no mesmo balaio para justificar os EUA, só para lembrar que na América uma vez tendo sido presidente, o cidadão não mais pode concorrer a reeleição, somente um vez quando é, depois é pijama no bicho, coisa inteligente, pois garante alternância de poder, e qualifica a nação e não um índividuo acima da nação. Isso poderia ser colocado em nossa péssima constituição, assim o fantasma do seu amigo não nos continuaria a rondar. Felizmente está acabando, o próximo presidente perderá ao menos um ano para limpar e desaparelhar o estado, e quem sabe uma investigação bem feita não coloque o Dom Teflon na cadeia.

    Mario Arone

    1. Oi Mário. Bom dia. Os EEUU são o que são em razão de sua constituição. É ela que norteia e estabelece limites, direitos e deveres em sua sociedade. Là não há espaço para que messias oportunistas instalem suas bundas profanas em solos celestiais. Esses caudílhos irresponsáveis só pensam neles. O povo é só massa de manobra. Eles só se instalam onde as amebas proliferam.
      Parabens por sua corágem, visão e objetividade. Só por isso aínda vale a pena acreditar num mundo melhor, inclusive para as amebas.

  274. Cidadão K, agora, neste momento em que escrevo vc já recebeu 412 comentários. Creio que tem mais pra moderar. Tenho pena de vc, já disse que quando propos um blog dessa natureza teria muito trabalho. Vc é escritor e leitor; é muito, e o assunto Honduras rende um bocado, porque sempre rende muito a hipocrisia.
    Dizem Cidadao K, que existia numa cidade uma mulher que sempre se apresentava nua. Onde houvesse pessoas ela chegava, linda e completamente nua. As pessoas se espantavem e fugiam dela.
    Fugiam da sua nudez, da crueza com que ela se revelava.
    E ela sofria por isso; não compreendia a razão das pessoas fugirem dela.
    Um dia ela tristonha e sozinha recebeu a visita de um sabio.
    Putz, sabio só existe em historinha, mas fazer o que, o sabio em questão é necessário para o desenvolvimento do enredo.
    Pois bem, o sábio perguntou a razão do seu choro, e ela respondeu que era porque as pessoas fugiam dela, viravam o rosto, não a queriam nua.
    Dai o sábio (ou monge, ou rabino, ou sei lá o que), perguntou o nome dela. Quem sabe sabendo o seu nome poderia ajudá-la.
    Ela disse que não poderia revelar.
    O sabio insistiu. E ela então disse:
    ___ Meu nome é Verdade Nua…
    Dai o sábio, (que era como se verá um completo canalha), deu a ela um manto, e pediu que o vestisse, dizendo:
    ___ Este é o Manto da Hipocrisia.
    Com ele vc pode se apresentar as pessoas e elas te receberão.
    E assim tem acontecido.
    Se vc encontrar esse sábio por ai, dando bandeira atrás de mulheres nuas, dê um chute no traseiro dele. Aliás, dê dois, um por mim, outro por vc.
    Um abraço Cidadão K
    Assuntos mais amenos virão…

  275. RICARDO,

    Deixa de ser cretino. Se ficou tanto tempo esperando para comentar sobre o assunto, deveria ter ficado sem escrever. As bobagens do seu artigo não são por ignorância e sim por que você é um agente de desinformação travestido de jornalista. Eu não acredito que você esteja escrevendo essas bobagens por ignorância simplesmente. Que você é um despreparado para escrever sobre política nacional e internacional está bem claro quando se lê o seu artigo. Distorcer fatos usando premissas verdadeiras e em seguida tirar coclusões erradas é tentativa de desinformar o público, não é jornalismo. Os Hondurenhos sabem que ele é um comunista, aliado das FARC e parceiro do FORO DE SÃO PAULO, que violou a constituição e por isso foi deposto. Os Hondurenhos sabem que ele é um golpista e não o exército, que não tem participação nenhuma além da de garantir que seja cumprida as determinações do Superior Tribunal de Honduras.

  276. Depois desse excelente texto do Kotscho, será que ele agora vai precisar desenhar? Barbaridade, como os apoiadores do golpe em Honduras tem preguiça de pensar.
    Kotscho, tenha muita paciência com esses infelizes e raivosos.

  277. Sr. Kotscho
    Acho que o Sr. Não precisaria perder seu precioso tempo para escrever um artigo com opinião igual a dos petistas como o Sr., que escrevem, só que intercaladas entre impropérios aos demais participantes dos blogs de noticia. Não acredito que o Sr. Com essa idade, careca como o governador José Serra, não tenha noção do que é Constituição de um país e acima de tudo que ela existe para ser respeitada pelos cidadãos do país. Da mesma forma acho que não é necessário que o Sr. tenha auxílio de um causídico para lhe explicar o que seja Cláusulas Pétreas.Também o Sr. não deve desconhecer que as constituições não são iguais em todos os países pois se assim fosse bastaria existir uma constituição universal adotá-la o que acredito desgostaria muitos chefes de estado que ditam suas leis para um congresso manietado com congressistas subservientes aprovarem sem problema. Infelizmente, tenho que citar uma pessoa que como presidente não caiu no meu agrado, não pelos motivos bobos e sem provas que o citam mas sim por sua atuação e atos que pela sua posição e intelectualidade eu desaprovo. Muita gente o cita como idéia fixa, mas não creio que seja o seu caso, no entanto a forma como fez foi distorcida para melhor se ajustar a conveniência de seus argumentos. Mas como disse, tenho que citá-lo não para defendê-lo, pois isso ele se quiser que use a liberdade do seu blog Kotscho e o faça pois é muito bem remunerado, ganhando de mim tanto em numerário, o meu achatado por ele, quanto em quantidade de aposentadorias. Ocorre que o sociólogo inescrupulosamente usou de medidas que nossa constituição permite e para que seus intentos fosse alcançados legalmente usou e abusou sem moral da falta de caráter de muito de nossos congressistas. Lembrando que o abuso sem moral e a falta de caráter é muito usada até hoje. Mas infelizmente para nós, tudo que o sociólogo e todo o corpo de seu governo usou constitucionalmente foi legal, os níveis de votação exigidos para mudança foram obtidos e não havia causas pétreas para proibir tal mudança. Portanto o que se passou em Brasília anos atrás é bem diferente do que aconteceu em Honduras agora. Talvez, se o partidarismo não prevalecer nas suas idéias o Sr. aceite o argumento, que não é só meu, que os constituintes hondurenhos foram muito patriotas, quando estabeleceram certa rigidez em sua constituição unicamente visando a estabilidade do regime adotado no país para evitar isso sim, os golpes que geralmente acontecem nos países não só limítrofe como em toda América Central. Eu lhe dou até a idéia e pode encampá-la, de que fizeram isso como proteção a elite latifundiária e outras que domina aquele país. Mesmo assim, não legislaram politicamente em causa própria, pois qualquer um deles poderia pensar que futuramente, em se tornar mandatário e fazer as mudanças que lhe forem mais conveniente na época, como é muito comum no Brasil.
    Quanto ao posicionamento dos órgãos e países, eles seguem muito as diretrizes do que é seguida pelo governo americano e o governo americano, particularmente Barac Obama teve certas diferenças com os militares do Pentágono que resultou nessa posição muito diversa da que normalmente tomariam, ainda mais se sabendo que os Estados Unidos tem interesses militares em Honduras. Quando o Sr. fala que, na ausência de uma crise interna, o governo é criticado por abrigar o dito cujo. Por esse trecho, parece que acha que a crítica é partidarismo e crueldade contra o governo. Eu, pelo menos, sempre disse que o governo brasileiro não tinha nada que se meter nessa patuscada. Embora não seja ingênuo de supor, que tudo aconteceu nos degraus da embaixada. Não posso crer que o Sr. nessa idade, pelo menos intimamente não pense também isso. Só não podemos provar, não é verdade? Outra coisa, ao dizer, entramos numa tremenda roubada. Refleti comigo mesmo. Puxa, uma alma entrou no céu, Kotscho critica, ele só não gosta que os outros critiquem. Mas depois, seguindo o texto vi que estava enganado. A frase, entramos numa tremenda roubada foi unicamente porque o Zé não estava respeitando o abrigo dado. Se ele respeitasse não seria uma tremenda roubada. Mas essa interpretação tem motivação muito já conhecida pois faz parte do almanaque partidário ou seja nós não erramos, os outros é que erram e transforma o que se faz em erro. Apesar de achar uma tremenda furada o abrigo e o relacionamento governamental com uma espécie de pessoa de comportamento tão dúbio e rasteiro, torço para que nosso governo saia incólume dessa trama armada pelo bufão Chaves. Em relação a relacionada hipocrisia, talvez quando a escreveu o Presidente Micheletti ainda não tinha chegado conclusão de que foram arbitrárias suas decisões contra os órgãos de imprensa que estavam sendo usados pró Zelaya para insuflar seus adeptos, ao invés do presidente deposto se conduzir a altura, como abrigado em embaixada estrangeira. Então para conter isso, ele extrapolou na dose do antídoto, mas segundo promessa deverá estabelecer a normalidade e em rede nacional pediu desculpa pelo excesso. Se não o fez por pura demagogia, quando se verá o fanfarrão Chaves pedir desculpa de alguma coisa a seu povo e se nos deslocarmos para o lixo político do Brasil podem tirar o cavalinho da chuva esperando que algum político faça. Nada a recriminar quanto ao retrato que o Sr. faz dessa figura lastimável que é Zelaya que quis o destino e alguns homens que viesse dar com os costados no Brasil. Não é por não adjetivá-lo que formo conceito brilhante sobre Micheletti pois pertence a mesma elite da qual faz parte Zelaya, é particularmente seu amigo, tanto assim que invés de prendê-lo como determinava a constituição, para ajudá-lo fez a tremenda burrice de jogá-lo fora do país. Deveria também ser deposto por não cumprir a constituição. Mas como não estou lá, vivo aqui graças a Deus, digo que Micheletti apenas faz um papel bem comportado apesar desse comportamento não ser unânime entre os que discutem. Também pudera, ele é político e que fique lá em sua amada Honduras, como presidente, como ditador, como congressista, com o que os hondurenhos quiserem, a decisão cabe unicamente a eles. O restante de seu artigo é mera ilustração sucessória que não tenho muito convencimento para discutir. Sr.Kotscho lhe agradeço muito pela liberdade desse espaço, creia que minha divergência maior é com a política do Brasil que não faz o tão falado bem ao povo como anunciado, e creia que é muito difícil defender outro candidato ou governo. Infelizmente estou esperando o próximo, seja ele quem for, para criticá-lo só espero que seja em menor dose.

  278. É incrível como estamos desinformados a respeito desta situação em Honduras. Até parece o caso do acidente proposital do Nelsinho Piquet em Cingapura. Cada dia aparece um fato novo. Agora mesmo estou assistindo um debate no Observatorio da Imprensa, na TV Brasil, que mostra fatos novos e levanta a possibilidade de vários outros casos que não vieram a tona.
    Emm relação a Honduras venho me informando melhor através de um site que não conhecia chamado Aliança Bolivariana para as Américas, que mostra a realidade da política daquele país dentro da polítca sul americana e de debates realizados na Globo News. Pela Veja não dá.Ela está mais tendenciosa do que umsite de direita chamado terrorismo nunca mais -ternuma.
    Sem querer tomar partido no golpe o que eu não consegui enteder como repórter, que cobriu política durante mais de quarenta anos, é como um Presidente da República, num regime democrático,seja em que país for,
    pode ser acordado em casa pelo exército, enfiado num avião e deportado do seu país e os autores deste fato negarem que isto seja um golpe. E sim cumprindo a constitituição do país. Onde c onsta isto na constituição ?
    E o que é pior, na minha opinião. Sob o pretexto de estarem protegendo a nossa embaixada, que é inviolável, segundo a Convenção de Viena, cortarem a nossa luz, comunicações, jogarem gás no seu interior e pasmem, impedirem a entrada de brasileiros, inclusive jornalistas. O presidente golpista queria que o nosso Chanceler pedisse a ele para autorizar a entrada dos nossos repórteres.Isso é o fim da picada.É como o porteiro ter de pedir autorização ao síndico para você entrar no teu apartamento.
    Hoje, o Chefe das Forças Armadas afirmou que não partiu dele a ordem de depor o presidente legitimamente eleito pelo povo e sim do presidente do STM e do Congresso deles, se não quem tinha assumido a presidência era ele.
    Você já imaginou se um Gilmar Mendes se aliasse a um Sarney e mandasse o Comandante do Exército expulsar o Presidente Lula para o Paraguai e colocasse o Sarney no seu lugar para assinar os atos secretos que ele bem entendesse como está fazendo o golpista de Honduras.
    Finalmente, hoje eu assisti um professor de Direito Constitucional falando na Globo News que o golpe em Honduras não tem nada haver com o que eles estão falando sobre quebra constitucional e sim porque o presidente Carlos Zelaya aumentou o salário mínimo, vinha tomando medidas soc ias em prol do povo hondurenho e se aproximando da política bolivariana do presidente Hugo Chávez.

  279. Ricardo, avisa o seu amigo Lula que houve uma matança na Africa por um daqueles ditadores democratas africanos que ele gosta de defender e reverenciar como gente boa, abraça os caras nas reuniões, se bem que eu acho que ele não conhece metade das pessoas que abraça, pela sua total falta de conhecimento e leitura.
    Fala para ele mandar o Amorim, aquela obra prima de ministro lá para a Africa pregar democracia para os ditadores que cometem genocidio.
    Eles não são pessoas preocupadas com violencias á democracia em HONDURAS ?
    ESTE DESGOVERNO É UMA PIADA SINISTRA EM SEXTA FEIRA 13 E TEM GENTE QUE APLAUDE AS PATAGUADAS E AINDA TENTA EXPLICAR

  280. Sujeitinho cretino esse tal de Ronaldo. Quer ser o dono da verdade, mas deve ser um tremendo ignorante desses da direitalha fascista que adora golpes. Não sabe nada de nada, só é um ressentido e ainda se acha no direito de atacar um jornalista sério e reputado como o Kotscho. Se o Kotscho, que escreve há anos e tem informação e formação para tal, segundo ele, é um despreparado para faze-lo, e ele q preparo tem pra dizer essa besteira. Que se revele, apresente credenciais e conhecimento, e muito pior não venha falar em nome do povo de Honduras, pq nem hondurenho ele é. Cara, vai ler o Mainardi e R. Azevedo na Veja que talvez lá vc encontre a tua turma e tenha eco. Alias vc é muito pior q eles. Consegue! Ih!!!!To rindo!!!!

  281. Grande, Ricardo, pensei que a hipocrisia iria conquistar a unanimidade. Você continua muito bom! O duro é reconhecer, ainda que lamentável : como são numerosos os gênios do mal e as viúvas da ditadura, heim ? Incrível, mas este é o País em que os gênios do tucanato, em festas, entregaram a Vale por uns trocados, por exemplo. E ainda se consideram administradores (!?). Francamente! Meus cumprimentos.