O papel da internet na campanha de Obama

O papel da internet na campanha de Obama

A campanha de Barack Obama está podendo: ontem à noite, comprou meia hora no horário nobre da televisão, por um valor calculado entre 3 e 5 milhões de dálares, para exibir uma propaganda-documentário de 30 minutos louvando o candidato democrata em sete emissoras no mesmo horário.

E de onde vem esse dinheiro todo?, logo perguntaria um repórter investigativo da imprensa brasileira. Para quem já arrecadou _ oficialmente, em caixa um _ mais de U$ 660 milhões, a despesa com a Rede Obama de TV foi troco.

Esta montanha de dinheiro veio, principalmente, das pequenas contribuições de pessoas físicas via internet. Como li na coluna de Fernando Rodrigues, na Folha, Obama já recebeu recursos desta forma de mais de 3 milhões de doadores, muitos contribuindo com menos de 100 dólares.

Além de facilitar e multiplicar a arrecadação de recursos, a campanha de Obama mostrou ao mundo e aos candidatos do futuro a importância da internet em todos os campos das campanhas eleitorais, do dinheiro à propaganda, da mobilização de militantes para os eventos às respostas rápidas aos ataques dos adversários.

No Brasil, há esperanças de que, em 2010, finalmente,  como já sinalizou o presidente do TSE, Carlos Ayres Britto, a livre expressão de idéias e a propaganda política sejam permitidas na internet, assim como a arrecadação de doações para as campanhas eleitorais.

Por ironia do destino, enquanto muitos responsabilizam a internet pela queda de audiência das grades redes de televisão no Brasil, nos Estados Unidos, a campanha de Obama gasta na TV parte da bolada que arrecadou pela web.

   

22 thoughts on “O papel da internet na campanha de Obama

  1. Viu como os eleitores ianques estão moderninhos? Eles usam a internet para fazer doações a seus candidatos. Um dia, quem sabe, ainda irão usá-la para votar, livrando se das ridículas filas de “votação antecipada”. Em alguns países já se vota pela internet. Aqui ainda não, mas, estamos próximos disso. Os americanos ainda têm eleição indireta e voto com cédula de papel. Coitados!

  2. Eu espero que, quando a propaganda política brasileira for permitida na Internet, os nossos políticos já tenham amadurecido e aberto a mente o suficiente para elaborarem propagandas mais inteligentes e que não ridicularizem o eleitor e nem subestimem sua inteligência. Enquanto muitos insistirem nesse formato medonho de propaganda eleitoral, não há internet que dê jeito. É preciso olhar para dentro das pessoas, e os políticos deveriam ter pressa em aprender a fazer isso (e os jornalistas também). Na internet não cabe o formato da nossa política atual (nem a televisão está aguentando mais, pra falar a verdade).

    Outra coisa: fico muito feliz com essa “ironia do destino” que você citou, sobre o dinheiro gerado pela internet ser repassado à televisão. De certa forma, a grana da internet está meio que sustentando a TV – o que comprova que essa “caixa iluminada” ainda é considerada útil para muitos. Essa disputa entre as duas mídias é absurda. Se cada uma valorizasse o que tem de único, se usasse com sabedoria as vantagens próprias de cada uma, não existiria qualquer argumento sobre concorrência. Essas mídias não estão aí para disputar, e sim para somar, para ampliar as possibilidades da comunicação (o que é maravilhoso para os jornalistas e demais comunicólogos).

    Adoro o seu blog e o seu trabalho! Quando crescer, quero ser assim.
    Um abraço!

  3. Ricardo,

    Como assim? “No Brasil, há esperanças de que, em 2010, finalmente, como já sinalizou o presidente do TSE, Carlos Ayres Britto, a livre expressão de idéias e a propaganda política sejam permitidas na internet, assim como a arrecadação de doações para as campanhas eleitorais.

    A livre expressão de idéias e a propaganda política são proibidas, atualmente na internet?

    Ora, há anos que observo o contrário. Basta fazer uma rápida pesquisa dos nobres colunistas.

    Forte abraço
    http://tato.macedo.zip.net/

  4. Olá Ricardo, olá leitores. Tudo bem com vocês?
    Pois então, no meu blog (http://polititica.wordpress.com) eu tratei do assunto ‘Eleições americanas’ em, se não me engano, três posts.

    No primeiro postei um vídeo produzido nos EUA no qual diversos atores de Hollywood apelam aos eleitores para irem as urnas (na verdade, começam dizendo que ‘não votem’ e depois, utilizando-se da psicologia invertida, viram o jogo). Até comparei este vídeo com o nosso, do TSE, com a Lavínia Vlasak. A vantagem da versão norte-americana é que o vídeo rolava pela net, o que possibilitava a integração com o site para que os eleitores pudessem se cadastrar.

    No segundo, coloquei outro vídeo. Era um comercial do Obama que parodiava uma propaganda muito conhecida da Budweiser veiculada em 2000. Oito anos (Bush) depois, os mesmos atores aparecem desempregados, doentes e um deles está no Iraque. Neste post, aliás, há até certo questionamento quanto à restrição de publicidade política online no Brasil.

    E o último post, de hoje, refere-se de certa maneira ao comercial de meia hora veiculado ontem. Estava lendo uma reportagem sobre isso no próprio Último Segundo e, ao passar os olhos pela área de comentários, encontrei uma teoria da conspiração um tanto quanto absurda envolvendo o candidato democrata. Ele, aliás, é um prato cheio para todo tipo de história do tipo: é negro, pouco experiente, “ligado a um terrorista” e tem sobrenome árabe.

    Digo absurda porque qualquer dessas histórias conspiratórias parece surreal à primeira vista. Até que, de fato, aconteçam. Então várias pessoas vão dizer: “não falei?”

    Se interessar a alguém, cá está o endereço do blog: http://polititica.wordpress.com

    Abraço.

  5. Com urna eletrônica, no papel, por aclamação ou qualquer outro método, até mesmo no grito, é inútil tentar convencer o eleitorado num sistema viciado como o nosso. Ontem comentei aqui, no blog, sobre a eleição de uma prefeita no Ceará que, segundo a notícia, terá o maior salário entre os prefeitos do Brasil. A felizarda edil, que tem apenas 23 anos é noiva do ex-prefeito, a quem sucederá. O Município de 68 mil habitantes terá na sua folha, um prefeito – prefeita, no caso- com salário superior a 16 mil reais por mês. Não sei como classificar o grau de parentesco de uma noiva. Uma noiva é o quê? Acho que, juridicamente nada. Ora, se a formosa dama tivesse algum parentesco com o ex-prefeito, certamente, sua eleição seria invalidada. Parece que o ex- terá um alongamento do mandato por meios, digamos assim, não convencionais e, não previstos na legislação eleitoral.
    Só nos resta, pois, desejar um feliz e profícuo mandato à jovem prefeita e que, os munícipes tenham seus pleitos atendidos.
    Que assim seja, pois!

  6. Nunca quis ser tão americano para poder votar no Obama. Não que ele faça milagre, mas ele representa a evolução.

    PS – Não porque ele seja branco, vermelhor, rosa, preto, azul, lilás ou degradê, mas entendo perfeitamente o marco que ele é em um país com um racismo enraizado como nos EUA. É uma prova do mundo mundando….. e acredito que pra melhor… uma ponta de esperança nesse mundo maluco…..

  7. Eu acho que o Obama conseguiu essa bolada toda com o Marcos Valério, lembra aquele careca do mensalão, amigo de petistas famosos? Ele é especilaista em arrecadar “recursos não contabilizados”, de acordo o Delúbio (que nome!).

    Outra coisa, eu acho que esse Obama nada mais é que um Collor da vida. Vai ser um fiasco!
    E a mulher dele fala demais, quem fala demais engole mosquito, já dizia minha falecida vó.

  8. Prezado Ricardo, no Brasil, o Movimento pelo Novo Brasil Confederativo, que advoga o PNBC ( Projeto Novo Brasil Confederativo), o Novo Caminho para o Novo Brasil, baseado no Livro ” O Mapa da Mina”, que visa transformar o Brasil numa mega-confederação, composta por 7 novas federações, que mandarão para Brasília apenas 1 representante cada uma, entre os quais será eleito o presidente com mandato de 4 anos, extinguindo-se todo o sistema federal atual , cuja tese será submetida à votação popular em 2010, talvez até pelo PPS, ou por uma aliança dos pequenos, ou ainda pelo próprio PNBC transformado em Partido, já está se utizando da Internet há algum tempo, e , através desta, pretende começar o processo de arrecadação de fundos já em 2009, esperando arrecadar mais de R$20 milhões, para dar o suporte financeiro que o Projeto necessita para se impor como a Terceira Via Evolutiva, como alternativa ao eterno continuismo da mesmice que será praticado outra vez também em 2010 pelo PSDEMB X PTMDB, os irmãos siameses. Portanto, a partir de 2009, os simpatizantes do PNBC já poderão começar contribuir à grande transformação estrutural do Brasil, antes tarde do que nunca. E tenho dito. Aquele Abraço.

  9. Ricardo, vamos dizer para a Andarilha? que seu comentário é parcial, preconceituoso e tendencioso. Seria menos parcial se ela?citasse o escândalo e a tragédia do metro SP e as mais de setentas CPIs engavetadas pelos demotucanos e aliados que são maioria na Alesp.

  10. Prezado Márcio, que os anjos digam amém.
    É isso aí. A luta continua, Companheiro. O PT traiu o ideal revolucionário que nos motivou a entrar na luta, mas não conseguiu matar o nosso Sonho e nem a nossa Esperança, e agora encontramos o HoMeM com o Projeto certo, na hora certa e na dose certa, e de quebra o Mapa do Novo Caminho. É agora ou nunca.

  11. Enquanto isso aqui no Brasil, estão querendo acabar com a via eletrônica de colher depoimentos dos réus à distância. Esse meio é importante pois, proporciona uma economia muito grande sobre o transporte de presos até interestaduais, marítimos, aéreos e terrestres, como também o pagamento de diárias de policiais e outros funcionários no deslocamento, além de evitar que se ponha em risco a vida do próprio réu, dos policiais que os escoltam e ate que ocorra a pratica do resgate do preso, aliás, como já temos visto.
    Alegam que o réu pode estar sendo coagido, mas, isso pode ser resolvido, com a abertura maior do foco que abrange o local, bem como com a presença in-loco do advogado de defesa durante o depoimento.
    O atraso não se dá bem com a atualidade.

  12. Parabéns a vocês do Projeto Novo Brasil Confederativo. Tinha mesmo que aparecer alguém diferente e propos algo diferente para o Brasil, até porque, parodiando o inesquecível Nelson Rodrigues, toda hunanimidade continuista da mesmice, notável no Brasil, é burra demais. E que Projeto, hein ? Realmente, do tamanho do Brasil e das suas novas demandas mundiais. Nunca vi algo novo tão expressivo. Contem comigo. Sou de Campinas/SP. Vamos virar no avesso a republiqueta dos bananas.

  13. Alô, pessoal do Movimento PNBC, assim que formalizarem a entidade arrecadadora de recursos nos informe o número da conta para começarmos a depositar as contribuições. De cara já adorei o PNBC, foi amor a primeira vista. Quanto ao Obama me parece apenas um fim em si mesmo, igual o Collor tempo perdido, diferente do PNBC que é um Projeto, claro, transparente, contundente, rompedor, que quebra a sequencia do jogo político brasileiro de perda de tempo versus tempo perdido.Gostei à beça.

  14. A Amazônia tem ouro, nióbio, petróleo, as maiores jazidas
    de manganês e ferro do mundo, diamante, esmeraldas, rubis,
    cobre, zinco, prata, a maior biodiversidade do planeta (o que
    pode gerar grandes lucros aos laboratórios estrangeiros) e
    outras inúmeras riquezas que somam 14 trilhões de dólares.
    Já o nordeste não tem tanta riqueza. Será por isso que lá
    não há ONGs estrangeiras ajudando os famintos?

    Há mais ONGs estrangeiras indigenistas e ambientalistas
    na Amazônia brasileira do que em todo o continente africano,
    que sofre com a fome, a sede, as guerras civis, as epidemias
    de AIDS e Ebola, os massacres e as minas terrestres. Você
    não acha isso, no mínimo, muito suspeito?

    É uma reflexão interessante.. É por amor ao próximo ou por
    amor à riqueza da terra? Você pensa e decide.

  15. LiberdadexLimites-O Estadão”, esta perdendo sua credibilidade ao se igualar as outras mídias por baixo. Neste domingo(02.11.08) na mesma pagina :A27, lamentavelmente, misturou o sagrado com o libertino, “Um pronunciamento do papa” e o “ato lascivo na USP”, uma afronta aos valores cristãos do povo brasileiro. O Estadão não precisava chegar a esse ponto tão degradante, criando uma polemica por demais desmoralizante e desnecessária. É uma afronta aos cristãos, a mídia continuar a divulgar que são homofóbicos (doentes mentais) aqueles que não compartilham com certos ideários. Para a harmonia social, esta não pode ser afrontada e existem limites que implicam em não se ignorar o respeito aos valores morais da maioria, sem que isto restrinja o direito as privacidades individuais ou de grupos.

  16. Obama, presidente dos EUA (hoje dia 05/11/2008)

    Uma eleição inteligente, levando minuciosamente em conta os prós e os contras da atitudes do candidato. Foi uma demonstração de patriotismo, democracia e principalmente do saber o que quer. (Espero que se reflita em nosso povo para eleger nossos representantes daqui por diante)
    Parabéns ao povo americano, que soube escolher um candidato sem ver seu aspecto físico mas, sobre tudo, dando valor imenso às suas qualidades de pensamento.
    Obama, que Deus lhe acompanhe à cada passo para fazer um governo de pacificação sem usar de violência, capaz de dizer NÃO Á GUERRA e mostrar aos homanos que temos a CAPACIDADE DE NOS ENTENDER COM PALAVRAS, SEM USAR DE MEIOS BÉLICOSOS e que DÊ UM BASTA À TANTAS MORTES, BEM COMO ÀS GUERRAS SÓ POR SUPOSIÇÕES, NUMA DESTRUIÇÃO TÃO GRANDE COMO TEM OCORRIDO.
    É ISSO QUE O MUNDO ESPERA DE VOCÊ.

  17. Não me admira o Ricardo Kotscho estar assim acabado com 60 anos, é que de tanto falar mal dos outros sem nenhum propósito a não ser o político, o capricho em querer derrubar o Lula, em ser amigo do Pedro Vergueiro, em ser contra o Obama…. vai se tratar que ainda há tempo, você tem salvação!
    mas precisa ter fé…….. aplausos ao Lula nosso melhor presidente até hoje.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *